Autor Tópico: o que acham do hipoclorito??  (Lida 42963 vezes)

Offline Damocles

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 19
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #15 em: Agosto 24, 2007, 23:05:15 »
Pessoalmente reconheço-lhe quatro utilidades:

- Desinfectar bancadas e sanitarios

-Tirar nódoas (sangue, iodopovidona, etc)

- Tornar agua potavel em países de terceiro mundo, adicionando cerca de 10 gotas por litro de água

- Desinfectar local de punção acidental com agulha contaminada

Agora a sério- tem alguma utilidade em feridas com hipergranulação que se "recusam" a epitelizar (uma "queimadela" com o produto seguida de lavagen com SF e o tecido de granulação começa a epitelizar) e em feridas necróticas/infectadas sem vestigios de tecido viável e mesmo assim só num primeiro penso e numa lógica de redução da carga bacteriana local antes de utilizar outros produtos (é que em tecido viável doi e não é pouco)

Abraços cordiais

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #16 em: Agosto 25, 2007, 09:41:11 »
faço uma subscrição completa das tuas palavras! :D

Offline mariamariamaria

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 926
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #17 em: Setembro 06, 2007, 22:35:10 »
Olá,

"Idem, idem; aspas, aspas"!

Abraço.

Offline Álvaro Matos

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 442
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #18 em: Setembro 17, 2007, 00:14:03 »
Inicio a minha intervenção neste tema citando na íntegra um comentário aqui feito que diz :
“O soluto de dakin é um soluto que actualmente representa um crime no tratamento de feridas... É quase "mata-ratos"!!!! :?
Não consigo perceber como é que, à luz dos estudos actuais ainda se continua a acreditar na sua eficácia.... mesmo que se pondere aplicá-lo numa ferida necrosada, ou infectada, a sua única actuação vai-se circunscrever a matar o que ja está morto (que contra senso!, mas é a realidade) e a matar à nascença os tecidos granulação! já para não falar na acção nefasta que têm sobre os elementos do processo de cicatrização.
Colegas, alertem as vossas instituições para este tema. É por negligências deste tipo que se arrastam nos serviços as feridas crónicas. :x”
Quanto ao tratamento de feridas e controvérsias no tratamento das mesmas, quero aqui confessar que pelo que atrás vem referido sou “ um criminoso”na medida em que no meu dia a dia utilizo com sucesso soluto de Dakin, nas úlceras varicosas, em banho numa percentagem de 20%de soluto de Dakin .
Tenho cometido crimes ao longo destes anos em que fui conseguindo fechar feridas, algumas com dezenas de anos. (poderei comprovar a autenticidade).
Fiz formações onde ouvi dizer o pior tentei fazer o que aconselhavam nessas formações e sempre que parava com os banhos de soluto de Dakin as feridas regrediam.
Procurei informação sobre o Soluto de Dakin e eis algo do que encontrei:

“O soluto Dakin é um anti-séptico local, cuja acção germicida do hipoclorito de sódio se deve ao desprendimento do ácido hipocloroso, que interage com matérias orgânicas e destrói tecidos.
-   O hidróxido de sódio é um potente solvente orgânico e de gordura formando sabões (saponificação).
-   É um potente agente antimicrobiano pois liberta cloro nascente que se combina com o grupo amina das proteínas, formando as cloraminas. O ácido hipocloroso sofre a decomposição por acção da luz do ar e do calor libertando cloro livre e posteriormente oxigénio.
-   Neutraliza produtos tóxicos – actua sobre as proteínas. 
-   PH alcalino – Neutraliza acidez do meio, tornando-o impróprio para o desenvolvimento bacteriano.
-   Desidrata e dissolve proteínas, transformando-as em matérias facilmente elimináveis.
-   Não irrita os tecidos vivos.

Na ausência de mais bibliografia e conhecimento científico que possam suportar o meu testemunho é a prática de bastantes anos, onde vi e obtive bons resultados, quando outros produtos falharam.

Offline Allie

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 122
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #19 em: Novembro 17, 2007, 16:27:27 »
Citação de: hotvitor
Também acho que nem sempre nem nunca mas para desbridar o tecido desvitalizado visivelmente infectado, é impecável. Depois da limpeza feita, logo mudamos o material de penso para estimular a cicatrização da ferida. O estadio da ferida determina o tratamento, e sem a ferida estar limpa esqueçam essa história do tecido de granulação, pois ele coitado está mais aflito com a matéria organica e carga bacteriana que propriamente com os efeitos do dakin.

Faço minhas as suas palavras colega hotvitor, ainda só tenho um ano de experiência como enfermeira, mas como trabalho num lar onde realizo regularmente vários tratamentos a úlceras de pressão pude desmistificar que o soluto de dakin não apenas serve como "mata ratos" ou "tira nódoas". Em situações de feridas com necrose, infectadas ou com locas com exsudado pode ser um bom aliado no tratamento... Ainda assim, considero que após a ferida começar a revelar algum tecido de granulação o seu uso passa a estar contra-indicado. Bem, esta é a minha modesta opinião...

Offline Boss_Nunes

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 141
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #20 em: Novembro 17, 2007, 16:43:43 »
SOLUTO DE DAKIN?
Nunca, é uma tortura para um utente. O seu peso beneficio/custos é nulo.
Hugo Santos
AKA bossnunes

Offline Álvaro Matos

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 442
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #21 em: Novembro 17, 2007, 18:03:16 »
Citação de: Allie
Faço minhas as suas palavras colega hotvitor, ainda só tenho um ano de experiência como enfermeira, mas como trabalho num lar onde realizo regularmente vários tratamentos a úlceras de pressão pude desmistificar que o soluto de dakin não apenas serve como "mata ratos" ou "tira nódoas". Em situações de feridas com necrose, infectadas ou com locas com exsudado pode ser um bom aliado no tratamento... Ainda assim, considero que após a ferida começar a revelar algum tecido de granulação o seu uso passa a estar contra-indicado. Bem, esta é a minha modesta opinião...
Caríssima colega se trabalha num lar e tem de fazer muitos pensos a úlceras de pressão aconselho-a seriamente a que repense toda a sua actuação, pois bons cuidados não deve estar a prestar aos utentes dessa unidade, pois se assim fosse não haveria úlceras. Já agora diga-me utilizando qualquer outro produto quantas úlceras conseguiu fechar.
 Eu nestes anos todos consegui muito poucas.
Quero aqui continuar a testemunhar a minha experiência favorável de 29 anos de utilização do soluto Dakin, quero aqui dizer que se bem utilizado pode ser muito útil. De muitos casos em que obtive sucesso relato apenas um. Fui chamado a fazer um domicílio e quando lá cheguei informaram-me que tinham assinado o termo de responsabilidade, pois a doente em causa tinha um pé diabético (gangrenado) e pretendiam fazer amputação e a família recusou. Disse que não conseguia fazer milagres, iria dar o meu melhor. Comecei por fazer banhos de agua morna com e 1/3 de S. Dakin e desbridava os tecidos que podia. Como havia trajecto entre o calcâneo e os dedos deixava compressas embebidas em Dakin. Ao fim de dois meses e meio tinha ferida cicatrizada.Tive sucesso em muitos outros casos, já fiz a experiência de suspender o banho com Dakin e fazer lavagem com sabão, sempre que o fiz as feridas regrediram.
Já aqui referi neste fórum que em Cirurgia plástica era o mesmo utilizado sobre a gaze gorda, também com óptimos resultados. Então quando comparo custos com benefícios é que fico abismado.
Mas realmente a discussão deve ser como evitar úlceras de pressão e não como trata-las.
Como devem calcular já fui a imensas formações onde dizem isso, mas ficamos naquela do porque não, e do porque sim.
Tenho em fase adiantada um estudo com uma amostra de 30 indivíduos com úlceras venosas com mais de 6 meses e quando iniciado o tratamento com soluto de Dakin em banho apresentam boa evolução, havendo algumas que em poucas semanas cicatrizaram.
Aceito outras experiência desde que confirmadas, pois de teorias estou farto, gosto de ver é factos.

Offline Allie

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 122
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #22 em: Novembro 17, 2007, 21:21:24 »
Cara colega Amatosa, tem toda a razão os cuidados de enfermagem deveriam centrar-se principalmente na prevenção e não tanto no tratamento.. E de facto, as úlceras de pressão são, muitas vezes, um reflexo da má prestação de cuidados, mas não só... Infelizmente, trabalho num lar em que estão cerca de 150 utentes (uma grande maioria dependentes) e só existe 1 enfermeiro por turno :o e, como deve imaginar, são as auxiliares que estão 24 horas por turno e por isso são elas as responsáveis pelos posicionamentos, pelos cuidados de higiene e pela alimentação... Não porque o queiramos, mas porque não há outra hipótese... Infelizmente, é esta a realidade do nosso país...  :-X Obrigado pelo desabafo

Offline paulo_ramos

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 100
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #23 em: Novembro 17, 2007, 23:42:57 »
Uma questão ao colega amatosa.

No seu estudo de 30 casos de utentes com ulceras de perna fazia banho de imersão em água com dakin? ou então o penso que aplicava na ferida era á base de compressa embebida em dakin? Outra questão, aplicava terapia de compressão ou não?

Não tenho tanta experiência como o colega mas nestes 6 anos que trabalho no meu serviço temos tratado UP em que até a cirurgia plástica dizia "não vale a pena só encerra com enxerto...", e  conseguimos até evitar a cirurgia em dois casos. Nunca tivemos necessidade de utilizar dakin, nem mesmo em UP infectadas e com tecido desvitalizado/ necrose. Quanto á relação custo benefício não façamos "contas de merceeiro", não é só os custos dos materiais de penso que contam, mas também tempo de enfermagem por tratamento, frequência de mudança de penso, custos de deslocações do utente ao CS ou do enfermeiro ao domicílio e outros. Existem ainda custos indirectos que muitas vezes não são contabilizados....

Obrigado pela vossa paciência.. :P

Paulo ;D

Offline Álvaro Matos

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 442
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #24 em: Novembro 18, 2007, 15:12:06 »
Citação de: paulo_ramos
Uma questão ao colega amatosa.

No seu estudo de 30 casos de utentes com ulceras de perna fazia banho de imersão em água com dakin? ou então o penso que aplicava na ferida era á base de compressa embebida em dakin? Outra questão, aplicava terapia de compressão ou não?
Não tenho tanta experiência como o colega mas nestes 6 anos que trabalho no meu serviço temos tratado UP em que até a cirurgia plástica dizia "não vale a pena só encerra com enxerto...", e  conseguimos até evitar a cirurgia em dois casos. Nunca tivemos necessidade de utilizar dakin, nem mesmo em UP infectadas e com tecido desvitalizado/ necrose. Quanto á relação custo benefício não façamos "contas de merceeiro", não é só os custos dos materiais de penso que contam, mas também tempo de enfermagem por tratamento, frequência de mudança de penso, custos de deslocações do utente ao CS ou do enfermeiro ao domicílio e outros. Existem ainda custos indirectos que muitas vezes não são contabilizados....
Sem querer ser dono de toda a verdadede o meu estudo baseia-se em casos como refiro com úlceras com mais de 6 meses de existência (as consideradss dificeis )e ao longo dos anos de experiência (admito) tentativa e erro elaborei um protocolo que temos seguido.
Basicamente o tratamento consiste em fazer banho de 20 a 30 minutos se possível 1/3 de Dakin, para 2/3 de agua. Após o banho lavagem com NaCl e de acordo com o estádio da ferida é utilizado o produto que consideramos adequado.(devo dizer que o Varihesive gel control, tem sido o que mais vezes resulta). De seguida utilizamos terapia compressiva (bota de Una) ligadura de óxido de zinco e ligadura elástica.
Há uns anos atrás utilizava as compressas embebidas em soluto Dakin e quando a ferida estava limpa gaze gorda e compressas embebidas em Dakin muito embora resultasse obrigava a pensos diários.
A minha experiência aproxima-se do que é descrito na literatura cerca de 20% dos casos não se conseguem cicatrizar.
Um destes casos recorreu à cirurgia plástica (mas tivemos de interromper o nosso tratamento pois houve indicação para fazer penso com compressas embebidas em soro fisiológico).
Quero contudo referir-lhe que cada caso é um caso e a cicatrização de uma ferida com anos de evolução depende de vários factores aliás bem descritos na literatura ,mas o nosso estudo prova que sempre que deixamos o banho com o soluto de dakin as feridas regrediram.
Quanto às contas de merceeiro é precisamente isso que eu não faço , mas acredite que faço contas e sei quanto custa ao erário público tratar (tapar) este tipo de feridas e se nos materiais  utilizados não houver critérios de custo beneficio é que um dia destes queremos material de penso e as instituições não o podem comprar. Contabilize uma situação de ulcera que cicatrizei em mais ou memos cinco meses ,o utente referi que tinha a ferida mais ou menos há 30 anos . Quanto tempo e material dispendido inutilmente?

Offline Álvaro Matos

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 442
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #25 em: Janeiro 12, 2008, 23:49:03 »
Gostaria de saber qual a razão porque foram retiradas as últimas mensagens.Julgo merecer uma resposta ,pois se alguma razão houvesse deveria-me ser comunicada ,pois como referi no mail que enviei ao administrador se me mostrassem que eu tinha insultado alguém ,pediria desculpas públicas.
Aguardo resposta para poder tomar decisão em relação à minha continuidade neste espaço.
Álvaro Augusto Matos de Almeida

Offline enfermeiredo

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 878
    • Ver Perfil
    • http://groups.google.com/group/noticias-da-enfermagem
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #26 em: Janeiro 13, 2008, 19:27:58 »
Citação de: Damocles
Pessoalmente reconheço-lhe quatro utilidades:

- Desinfectar bancadas e sanitarios

-Tirar nódoas (sangue, iodopovidona, etc)

- Tornar agua potavel em países de terceiro mundo, adicionando cerca de 10 gotas por litro de água

- Desinfectar local de punção acidental com agulha contaminada



Identifico-me com este tipo de utilização do hipoclorito de sódio mencionado por Damocles. Espero que esta minha opinião não ofenda ninguém. Existem produtos que o susbtituem com vantagem: Askina Gel como desbridante; Actisorb Silver no controle de infecções + antibioterapia oral. Não utilizo antibióticos tópicos.
O povo opõe-se à massa;
vive da liberdade e da consciência de cada um

Pio XII
Rádio Mensagem de Natal de 1944
Sobre a democracia
O 5.º Natal de guerra

Offline Álvaro Matos

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 442
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #27 em: Janeiro 13, 2008, 22:52:57 »
Citação de: amatosa

Quanto ao tratamento de feridas e controvérsias no tratamento das mesmas, quero aqui confessar que pelo que atrás vem referido sou “ um criminoso”na medida em que no meu dia a dia utilizo com sucesso soluto de Dakin, nas úlceras varicosas, em banho numa percentagem de 20%de soluto de Dakin .
Tenho cometido crimes ao longo destes anos em que fui conseguindo fechar feridas, algumas com dezenas de anos. (poderei comprovar a autenticidade).
Fiz formações onde ouvi dizer o pior tentei fazer o que aconselhavam nessas formações e sempre que parava com os banhos de soluto de Dakin as feridas regrediam.
Procurei informação sobre o Soluto de Dakin e eis algo do que encontrei:

“O soluto Dakin é um anti-séptico local, cuja acção germicida do hipoclorito de sódio se deve ao desprendimento do ácido hipocloroso, que interage com matérias orgânicas e destrói tecidos.
-   O hidróxido de sódio é um potente solvente orgânico e de gordura formando sabões (saponificação).
-   É um potente agente antimicrobiano pois liberta cloro nascente que se combina com o grupo amina das proteínas, formando as cloraminas. O ácido hipocloroso sofre a decomposição por acção da luz do ar e do calor libertando cloro livre e posteriormente oxigénio.
-   Neutraliza produtos tóxicos – actua sobre as proteínas. 
-   PH alcalino – Neutraliza acidez do meio, tornando-o impróprio para o desenvolvimento bacteriano.
-   Desidrata e dissolve proteínas, transformando-as em matérias facilmente elimináveis.
-   Não irrita os tecidos vivos.

Na ausência de mais bibliografia e conhecimento científico que possam suportar o meu testemunho é a prática de bastantes anos, onde vi e obtive bons resultados, quando outros produtos falharam.


Offline João Pedro

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 112
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #28 em: Janeiro 15, 2008, 00:03:00 »
Só para desinfectar material! 8)

Offline charlie_ze

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 768
    • Ver Perfil
Re: o que acham do hipoclorito??
« Responder #29 em: Janeiro 15, 2008, 00:10:23 »
O soluto de Dakin é descartável à luz da panóplia de opções que actualmente temos....