Autor Tópico: Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?  (Lida 11593 vezes)

Offline Raul Fernandes

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 83
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #15 em: Dezembro 03, 2006, 19:45:15 »
Citação de: "hotvitor"
Mas eu pergunto Raul, Já é um dado adquirido que todos os licenciados passam automaticamente a Mestres?
Mas isso em termos de politecnico, pressupoe uma especialização! Então nós ficamos especialistas em quê? Teremos de fazer algum complemento para definir essa situação?

Obrigado


Sim é um dado adquirido. Como disse num post acima a licenciatura actual, em termos de competências é semelhante ao mestrado de bolonha. dessa forma, não haverá necessidade de qualquer formação extra.

Quanto à especialização isso não é verdade. Em termos de desenvolvimento profissional poderá ocorrer alguma definição desse tipo, mas Bolonha nada tem a ver com isso e o facto de os cursos terem cariz politécnico também não.

Offline enfsergio

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1897
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #16 em: Dezembro 03, 2006, 20:43:10 »
Sim é um dado adquirido. Como disse num post acima a licenciatura actual, em termos de competências é semelhante ao mestrado de bolonha. dessa forma, não haverá necessidade de qualquer formação extra.

Então volto a perguntar...de que me serve neste momento estar a gastar dinheiro num mestrado?

Offline Manuel Mesquita

  • Iniciante
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver Perfil
Re: Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 ano
« Responder #17 em: Dezembro 04, 2006, 01:55:39 »
Citação de: "hotvitor"
Um dia destes falei com um amigo que me disse, que na sequência do Processo de Bolonha, nós da "velha guarda" que temos uma licenciatura de 4 anos, apenas precisariamos de fazer algumas cadeiras para nos darem o grau de mestre. Mais alguém ouviu falar disto? Até que ponto será verdade?

Obrigado    :wink:

Mas se você é da velha guarda como tem 1 licenciatura de 4 anos?
O Mestrado actual é de 2 anos. 1 curricular e 1 para dissertar. Se assim fosse não seria necessário gastar-se mil e tal contos em cada Mestrado.
Isso são histórias a gozar com a velha guarda.
MM

Offline Manuel Mesquita

  • Iniciante
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #18 em: Dezembro 04, 2006, 02:04:20 »
Citação de: "Raul Fernandes"
Citação de: "hotvitor"
Mas eu pergunto Raul, Já é um dado adquirido que todos os licenciados passam automaticamente a Mestres?
Mas isso em termos de politecnico, pressupoe uma especialização! Então nós ficamos especialistas em quê? Teremos de fazer algum complemento para definir essa situação?

Obrigado


Sim é um dado adquirido. Como disse num post acima a licenciatura actual, em termos de competências é semelhante ao mestrado de bolonha. dessa forma, não haverá necessidade de qualquer formação extra.

Quanto à especialização isso não é verdade. Em termos de desenvolvimento profissional poderá ocorrer alguma definição desse tipo, mas Bolonha nada tem a ver com isso e o facto de os cursos terem cariz politécnico também não.




Desculpem mas vocês andam a ler muitos livros.
Para ser Mestre não basta ser licenciado e a equivalencia a Mestre em conformidade com a Conv. de Bolonha não tem a mesma valencia que os Mestrados actuias.
O problema é que não querem dar aos Politecnicos que é o caso da enfermagem essa possibilidade. Abram a pagina da ordem e consultem o que se fala e se pretende para a enfermagem.
se assim fosse ser Mestre seria como ir ao colombo ou ao Vasco da Gama.
Não é fácil ser-se Mestre ou Doutorado nos dias de hoje.
Elaborar 1 tese e dissertar não é a mesma coisa que tirar o 3º ou 4º ano de enfermagem!!

MM

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #19 em: Dezembro 04, 2006, 21:09:05 »
Epá, o Raul parece bem documentado! Já agora se pudesses disponibilizar algum documento, ficaria muito agradecido Raul!
E-mail: Hotvitor@yahoo.com
Refiro-me à "velha guarda", como sendo os licenciados pré-bolonha! Não deves levar tudo à letra Manuel! Não estou a gozar com os séniores da enfermagem, por quem tenho muito respeito!

Offline aLheiriX

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 175
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #20 em: Dezembro 05, 2006, 00:25:21 »
O processo de bolonha na minha escola vai ser implantado no proximo ano lectivo, 2007/2008, o curso anda a ser reformulado, ficando 4+1,  eu e os meus colegas que estamos agora no 3ano, vamos ser abrangidos por esta reformulação, visto o meu próximo ano ser o ano de transição para bolonha... Os colegas que se encontram agora no 4ano (finalistas), saiem com o grau de licenciado, e o curso teve a duração de 4anos... Eu, pelos vistos, irei ter mais um ano (caso queira!) de curso (5anos), mas já n irei obter o grau de licenciado, mas sim de mestrado... pois o grau de licenciatura obtido pelos  colegas que acabaram o curso no ano passado, irá equivaler ao grau de mestrado de acordo com bolonha.

Ou seja, para poder exercer enfermagem, tirei que ter o grau de mestre, dentro da mesma área do curso, ou noutra área do conhecimento totalmente diferente.

Coisa que os colegas licenciados  pós-bolonha, não precisam de ter para poder exercer actividades de enfermagem.

Offline aLheiriX

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 175
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #21 em: Dezembro 05, 2006, 02:20:59 »
Quem tem a Licenciatura, de 4anos, mantém este grau.

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #22 em: Dezembro 05, 2006, 22:23:44 »
Mantém o quê? Mantem ou grau de licenciado, ou é lhe dada  a equivalência a mestrado?

Obrigado

Offline aLheiriX

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 175
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #23 em: Dezembro 05, 2006, 23:13:39 »
Mantém o grau de licenciado.

Equivalência a mestrado? Não!!  :shock:

Offline Raul Fernandes

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 83
    • Ver Perfil
Bolonha
« Responder #24 em: Dezembro 06, 2006, 17:51:04 »
Caro Manuel

Tenho pena que use tanta energia para criticar o meu post e não a utilize, não para ler muitos livros, mas para ler os documentos em questão.

Começo por informar que Bolonha não é nenhuma convenção, é uma Declaração assinada livremente por 29 países. Pode também chamar-se Processo de Bolonha quando nos referimos à sua implementação.

2 - Algumas das coisas que disse não são a minha opinião, já que discordo de algumas coisas, são coisas já definidas legalmente. Aconselho a ler os seguintes documentos

- Dec-Lei 74/2006 de 24 de Março (fácil pesquisa num motor de busca) que regula a implementação do PB em Portugal e que contém os descritores dos diferentes ciclos (licen.mest, dout) e competências que cada um deve atribuir

- Seguidamente comparar com o Decreto-Lei 353/99 de 3 de Setembro que enquadra o quadro legal relativo ao ensino de Enfermagem

- e com as competências do enfermeiro de cuidados gerais criada pela Ordem

Se o Manuel leu tão bem as posições da Ordem deve ter encontrado no seu parecer de Março de 2006 a seguinte frase

“Os descritores do 2º ciclo têm uma clara correspondência não só, às condições do grau de licenciatura no quadro da anterior lei de bases, como às actuais práticas da formação inicial dos enfermeiros, tal como o desenvolvimento científico e tecnológico o exigem;”

A minha interpretação disto é que o 2.º ciclo (mestrado) tem CLARA CORRESPONDÊNCIA com a antiga licenciatura e com as competências que um enfermeiro necessita para começar a trabalhar.

Devo relembrar que apenas Portugal chamou licenciatura ao 1.º ciclo, os restantes países denominaram os ciclos bachelor, master, doctor. Daí cd tira às suas conclusões. O governo não é parvo... Se vos dissessem q a partir de ag a enfermagem passava de novo a bacharelato vocés aceitavam calmamente???

Mais uma vez relembro k há diferenças significativas entre o mestrado pós-bolonha do antigo. Nesta fase de transição não sei dizer como esses aspectos de formação (refiro-me ao que valem os mestrados pós-bolonha) vão ser geridos.mas sei k formação é sp útil e d certeza que já muitos de nós fizemos cursos que não tinham grau académico nenhum e que pagamos bem por eles. A formação vale sempre a pena.

Caro Vitor vou agora enviar-te alguns documentos.

Offline Su_Nurse

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 18
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #25 em: Dezembro 06, 2006, 20:27:11 »
Eu fiquei com uma dúvida!
Tou a acabar a Licenciatura em Enfermagem! Isso ker dizer k terei equivalencia ao Mestrado?Isso n deve ser assim..Eu penso k irei dps ter k fazer algum complemento p ter equivalencia ao Mestrado, como aconteceu c o pessoal k tinha Bacharelato.

Alguém k m esclareça!

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #26 em: Dezembro 06, 2006, 21:54:59 »
Parece que ficas licenciada, mas com as competências de um Mestre Pós-Bolonha. Ou seja a tua licenciatura vale tanto como um mestrado moderno, mas mantens o titulo de licenciado, não adquirindo o grau de mestre.


Isto ainda vai dar muito que falar depois, é no que concerne às novas especialidades, pois serão bastante diversificadas e de acordo com a ordem, todos teremos de ser especialistas (por isso é que eu pensava que o grau de mestre de bolonha poderia equivaler a uma dessas futuras especialidades, se fosse desenvolvida numa determinda área da Enfermagem).

Offline mariamariamaria

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 926
    • Ver Perfil
Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #27 em: Dezembro 13, 2006, 20:35:09 »
Obviamente que a questão dos graus académicos é uma coisa de papelada...

A Enfermagem é uma das profissões que está comtemplada na redacção do Processo de Bolonha como não tendo formação básica equivalente ao 1º ciclo de estudos(180 créditos), que corresponde a três anos de estudos superiores para a maioria dos cursos.

Nós temos de ter, pelo menos 240 créditos, o que equivale a 4 anos de estudos superiores.

A questão da Ordem parece-me muito acertada. Temos o curso base, depois um tempo de prática que nos poderá conferir a cédula para o exercício.

A questão que temos de analisar bem é a de qual o tempo de exercício pós-curso, se é remunerado pela tabela base da enfermagem( que já deveria ser a dos técnicos superiroes da função pública), quem tutela esse exercício e de que forma se obtém a cédula.

O facto de podermos ser especialistas após esse tempo de exercício só me parece trazer vantagens, e, nesse aspecto, a Ordem dos Enfermeiros não está a dormir.

Offline sonanro

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 140
    • Ver Perfil
Re: Processo de Bolonha: Como ficam os licenciados com 4 anos?
« Responder #28 em: Janeiro 14, 2011, 01:29:04 »
CRUP: licenciados de pré-Bolonha com equivalência a mestrado

O presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP), António Rendas, informou no passado sábado nos Açores que "foram aprovadas recomendações para iniciar o processo de creditação dos licenciados pré-Bolonha".
As declarações foram proferidas no final da reunião da CRUP, que decorreu no Campus de Angra do Heroísmo da Universidade dos Açores. António Rendas revelou que "essas orientações visam credenciar os licenciados anteriores ao processo de Bolonha com o grau de mestre".

Para isso, "conforme o currículo académico e profissional de cada um terão de fazer algumas disciplinas, apresentar e defender um relatório final, cujas definições serão determinadas por cada uma das universidades".

Na reunião foram também debatidas as questões do financiamento das universidades mas "apenas para analisar a aplicação do Contrato de Confiança" que permitiu um acréscimo de financiamento do Estado no valor de 100 milhões de euros. "Com essas verbas aumentámos o número de alunos, abriram-se novos cursos e será possível manter a qualidade do ensino", disse o presidente da CRUP.

António Rendas chamou a atenção para que "embora o ensino deva ser público e financiado pelo Estado as instituições de ensino superior também têm de procurar gerar receitas" seja por oferecerem "consultoria ou por ligação ao setor empresarial".

http://noticias.universia.pt/vida-unive ... trado.html