Autor Tópico: Ferida com biofilme!  (Lida 8987 vezes)

Offline EnfªGabs

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 3
    • Ver Perfil
Ferida com biofilme!
« em: Agosto 19, 2009, 16:35:15 »
Olá, sou academica de enfermagem, e gostaria de pedir aqui uma ajuda de relato de profissionais mais experientes que já tenham vivenciado situação relacionada ao tema ou até mesmo visto em literatura( se puderem tambem queria indicação de artigos ou livros interessantes sobre o assunto)!
 Como costumam tratar de feridas infectadas com biofilmes?!!E com que frequencia se deparam com essa situação É algo que pouco encontrei falando sobre, e gostaria de tirar essa dúvida!
Desde já agradeço a atenção!!!

Offline KelyMely

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 79
    • Ver Perfil
    • http://www.kely-mely.blogspot.com
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #1 em: Agosto 19, 2009, 22:58:56 »
Olá! Ainda tenho pouca experiência, cerca de 2 anitos, mas há pouco tempo frequentei uma formaçao bastante completa da APTF (Associação Portuguesa de Tratamento de Feridas) em que se abordou o tema do Biofilme.
O que lá foi explicado é que o Biofilme é facilmente reconhecivel como sendo uma cama fina, tipo tecido, brilhante e impermeável.

Há cerca de dois dias encontrei uma úlcera arterial com esse tipo de tecido... Com a ajuda de água oxigenada para amolecer e uma pinça retirei-o muito facilmente e por baixo estava uma ferida limpinha com granulação!

Não posso ajudar muito mais, pode sempre contactar a APTF.. São muito acessíveis e gostam de partilhar... Até pq as formações que fazem em instituições são gratuitas...! www.aptferidas.com

Inté

Offline EnfªGabs

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 3
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #2 em: Agosto 20, 2009, 15:11:53 »
Oi Kely, muito obrigada pela resposta! Queria saber se vc usou algum antimicrobiano tópico, após a remoção do biofilme, e caso não tenha utilizado, se o biofilme voltou a aparecer!
Obrigada pela ajuda e pela atenção!!!! ;D   

Offline KelyMely

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 79
    • Ver Perfil
    • http://www.kely-mely.blogspot.com
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #3 em: Agosto 20, 2009, 16:22:01 »
Olá, não usei nenhum ATB tópico, foi removido apenas mecanicamente. Qto ao reaparecimento não posso dizer nada pq foi uma utente que recorreu à urgencia por sinais inflamatorios... fiz o 1º penso e reencaminhei para os tratamentos no centro de saude... Não tenho possibilidade de acompanhar a evolução...

Inté

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #4 em: Agosto 21, 2009, 19:35:05 »
Linpeza com SF e depois apósito com prata (recomendo atrauman Ag+), para impedir a reorganização do biofilme que acabmos de desfazer com a limpeza.

Offline EnfªGabs

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 3
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #5 em: Agosto 22, 2009, 14:22:59 »
Muito Obrigada HotVitor!!!Se tiver mais informações sobre o assunto agradeço!!! É muito frequente a formação desses biofilmes nas feridas, na unidade que você trabalha?!!!E em que tipo feridas voce mais encontra?! Voce consegue indentifica-los com facilidade?!!! 
Obrigada!!!!

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #6 em: Agosto 23, 2009, 22:44:54 »
Mais informações em:
http://www.aawconline.org/pdf/Internati ... .11.08.pdf

Aparecem em feridas cronicamente e fortemente infectadas e com má gestão dessa mesma infecção.
Na maioria dos casos vi em ulceras venosas e algumas ulceras de pressão (região sacro principalmente). lê o documento, que é bastante completo e muito giro. essencialmente é como uma fina camada de gelatina transparente, lembra mesmo as folhas de gelatina culinária depois de molhadas (uma comparação estranha, mas enfim...). Aquilo basicamente é uma barreira que eles criam para se defenderem do nosso organismo e do material que aplicamos, por isso é deve ser dado destaque à limpeza, para o outro material poder actuar.

Cumprimentos

Offline gerard

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 31
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #7 em: Setembro 14, 2009, 20:06:34 »
Feridas com biofilmes serão na sua maior parte infectadas ou colonizadas criticas, pois estes biofilmes são camadas "protectoras", que a carga microbiologica em excesso produz no leito da ferida como defesa e manuetnção de um meio desiquilibrado para uma progressão equilibarad do processo de cicratização. Existe neste momento um produto pensado para "romper" essa barreira negativa permitindo e assente no paradigma de cicratização em meio humido a utilização mais eficaz de apositos que contenham prata ionica, que desta forma serão amis eficinetes- Produto-prontonas liquido+ prontonsas gel- efeito surfactante no biofilme.

Offline pessoa nenhuma

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 19
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #8 em: Outubro 08, 2009, 19:58:39 »
bom o biofilme nao se ve a olho nu...as vezes a unica forma de se saber se esta infectado com biofilme é admiknistrar antibioterapia dirigida ao agente sensivel ao antibiotico e nao haver alterações na cicatrização

tratamento:
biocidas (por exemplo produtos com prata)
desbridamento e limpeza (pode ate ser com polihexanida)
antibioterapia
e ainda ha muito em estudo...
por exemplo, a titulo de curiosidade nas caries uma forma de prevenir sao as pastilhas com xilitol

Offline missinblue

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 80
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #9 em: Novembro 09, 2009, 02:15:32 »
Citação de: pessoa nenhuma
bom o biofilme nao se ve a olho nu...as vezes a unica forma de se saber se esta infectado com biofilme é admiknistrar antibioterapia dirigida ao agente sensivel ao antibiotico e nao haver alterações na cicatrização

tratamento:
biocidas (por exemplo produtos com prata)
desbridamento e limpeza (pode ate ser com polihexanida)
antibioterapia
e ainda ha muito em estudo...
por exemplo, a titulo de curiosidade nas caries uma forma de prevenir sao as pastilhas com xilitol

Não existe nenhuma caracteristica que permita visualizar o biofilme a olho nu?  É que não se deve administrar antibioterapia apenas por mera desconfiança de infecção...

Haveria possibilidade de colocarem uma foto de uma ferida crónica com a presença do biofilme? Espero resposta breve.Obrgdo. :)

Offline Caldas

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1323
    • Ver Perfil
    • http://ocantosocial.blogspot.com
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #10 em: Novembro 09, 2009, 14:12:44 »
Estive à dias no Congresso da APTF e uma das mesas era sobre Feridas infectadas. Foi interessante ver apresentações de topo na área da investigação dos biofilmes. Um dos palestrantes referiu existir pouca eficácia na detecção dos componentes do biofilme por Zaragatoa, o que significa que será muito complicado seleccionar ATB para atacar sistemicamente os biofilmes, também alertou que nos estudos que realizou, verificou que altos níveis sistemicos de ATB pouco se manifestavam na ferida.
Em relação ao tratamento dos Biofilmes, vi várias apresentações sobre a eficácia de Anti-sépticos locais. Também vi uma bela apresentação sobre Fagos, mas esta técnica encontra-se ainda em estudo.

Recomendo em feridas sem evolução, após longo tratamento e que apresentem sinais de colonização crítica o uso de anti-septico local, e se possível de apósitos com prata, até desaparecerem os sinais. Porque quase de certeza estamos perante um biofilme.

Offline missinblue

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 80
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #11 em: Novembro 11, 2009, 02:29:59 »
Citação de: Caldas
Estive à dias no Congresso da APTF e uma das mesas era sobre Feridas infectadas. Foi interessante ver apresentações de topo na área da investigação dos biofilmes. Um dos palestrantes referiu existir pouca eficácia na detecção dos componentes do biofilme por Zaragatoa, o que significa que será muito complicado seleccionar ATB para atacar sistemicamente os biofilmes, também alertou que nos estudos que realizou, verificou que altos níveis sistemicos de ATB pouco se manifestavam na ferida.
Em relação ao tratamento dos Biofilmes, vi várias apresentações sobre a eficácia de Anti-sépticos locais. Também vi uma bela apresentação sobre Fagos, mas esta técnica encontra-se ainda em estudo.

Recomendo em feridas sem evolução, após longo tratamento e que apresentem sinais de colonização crítica o uso de anti-septico local, e se possível de apósitos com prata, até desaparecerem os sinais. Porque quase de certeza estamos perante um biofilme.

Então como me disse, é dificil identificar o biofilme a olho nú. Apenas é identificável se for uma ferida sem evolução após longo tratamento e que apresentem sinais de infecção? E como tratamento apenas devem ser usados antisépticos e apósitos de prata? que antisépticos locais recomenda?
E seria possivel conseguir me uma foto com uma ferida crónica com presença de biofilme?
Espero resposta breve.Obrgdo :)

Offline artur

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 54
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #12 em: Novembro 11, 2009, 18:53:21 »
Costumo passar os olhos aqui pelo fórum e tenho lido muita coisa, a maioria correcta e interessante. Contudo, intervenho quando o conteúdo não me parece baseado na evidência científica.
Antes do mais, e como a intervenção é diferente, convém distinguir entre feridas agudas e "crónicas". Para simplificar, reportar-me-ei apenas às segundas.
Sobre este tópico urge esclarecer alguns pontos: o biofilm NÃO SE VÊ. Não é nenhuma camada translúcida ou gelatinosa que sai de uma forma mecânica. Se isso fosse assim tão simples, o problema dos biofilm nem sequer se punham (é só pensar um bocadinho!!!!!). Se essa informação passou numa formação é GRAVE, pois induziu as pessoas em erro.....
De uma forma genérica, chama-se biofilm ao conjunto de bactérias que se "juntam, aglomeram e conversam (quorum sensing)", para que, aproveitando as qualidades uma das outras, possam viver mais ou menos imunes às agressões do meio ambiente.
O biofilm por si só não traz problemas. Aliás, existe biofilm na cavidade bucal ou na mucosa vaginal. O problema existe quando alguma/s destas bactérias se tornam patogénicas, provocando então e só aí, uma infecção.
E agora respondendo à pergunta inicial. Na verdade, o que é importante não é detectar a presença de biofilm. Na verdade e como já escrevi, a sua presença em muitos locais do nosso organismo é positiva uma vez que impede a progressão de outra bactérias, provavelmente patogénicas.
O que é importante é detectar a presença de infecção. Esse tipo de diagnóstico não consensual, mas baseia-se, sobretudo, em critérios clínicos. A zaragatoa e a biópsia não nos dizem nada, pois de certeza que vão detectar bactérias.... aliás, a bactéria que este tipo de exames pode detectar, até pode não ser aquela que está a provocar infecção.
Em termos diagnósticos acho legítimo agupar os sintomas de infecção da seguinte forma: Aumento da dor, alteração da qualidade do tecido (aparecimento ou aumento da necrose), celulite, sinais inflamatórios, presença de exsudado purulento ou revelador da presença de bactérias, aumento da quantidade de exsudado, presença de cheiro fétido (descutível), aumento do tamanho da ferida (descutível). Lembro que são sintomas e não sinais de infecção, pelo que no fim, é sempre o bom senso que deve imperar.

Offline Caldas

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1323
    • Ver Perfil
    • http://ocantosocial.blogspot.com
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #13 em: Novembro 11, 2009, 19:52:01 »
Colega artur os meus parabéns... Uma bela síntese...

Offline artur

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 54
    • Ver Perfil
Re: Ferida com biofilme!
« Responder #14 em: Novembro 11, 2009, 19:55:25 »
(cont)
Dentro da infecção e para simplificar a nossa actuação, distingue-se entre infecção profunda e superficial.
Superficial: Tratar com antimicrobianos tópicos (prata ou iodo de libertação prolongada);
Profunda: Tratar com antibióticos (prescrição médica) sistémicos (nunca tópicos) - de preferência de largo espectro e de 1ª geração e antimicrobianos tópicos.

Muito mais haveria a dizer, mas em suma é isto.