Autor Tópico: Alta: Comunicação hospital- centros de saúde  (Lida 2092 vezes)

Offline ana_santos

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 17
    • Ver Perfil
Alta: Comunicação hospital- centros de saúde
« em: Novembro 02, 2007, 21:33:46 »
Tenho constato que frequentemente a comunicação hospital-cuidados de saúde primários ou outros após a alta hospitalar do doente, se efectua essencialmente atraves de uma carta, que segundo a minha experiencia, fica ao encargo do utente faze-la chegar até aos serviços de saúde na comunidade, carta essa muitas vezes com informação insuficiente ou mesmo inexistente.

Esta situação, não permite a continuidade de cuidados, prejudicando, todo o processo de enfermagem inerente, por escassez ou inexistencia de informações.

Gostaria de saber:
Qual a vossa opinião sobre o assunto?;
Que tipos de estrategias de comunicação conhecem para tornar esta relação hospital-comunidade mais eficaz?;
e já agora como estou a fazer uma reflexão sobre o tema se tem alguma bibliografia relacionada com a tematica.

Offline ruipintos

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 75
    • Ver Perfil
Re: Alta: Comunicação hospital- centros de saúde
« Responder #1 em: Novembro 03, 2007, 00:37:00 »
Olá!

Realmente, a comunicação após a alta do doente é feita apenas por uma carta que o doente faz chegar ao centro de saúde.

No que diz respeito à comunicação de enfermagem, e pela experiência que tenho no meu serviço, só a realizamos se eventualmente o doente apresenta algum tipo de cuidado que necessite de continuidade como por ex. pensos, sonda vesical, SNG, ou qq outro procedimento.
Assim, fornecemos informação completa da situação do doente, incluindo o motivo do internamento, o que foi realizado durante e os cuidados a ter após a alta.
Neste momento, a instituição onde trabalho realizou um impresso próprio para estas informações.

Realmente, tenho-me questionado ultimamente se eventualmente enviamos o que realmente interessa. Acho que cada hospital deveria comunicar previamente com os centros de saúde (C.S.) que lhe dizem respeito e fazer um levantamento de certas situações como quais os produtos de pensos existentes nesses C.S., continuidade em termos de reabilitação, entre outras situações.

Penso que aqui podemos avançar muito mais do que temos neste momento.
Realizei uma formação em serviço sobre feridas e coloquei estas questões a quem nos estava a orientar. Disseram que era uma ideia interessante mas .......

As estratégias são mesma à base da comunicação hospital - C.S. Criar grupos de trabalho que estabeleçam essa mm comunicação e que se crie um consenso para haver uma continuidade de cuidados (que hoje tanto se fala) efectiva e eficaz.

Cumprimentos
Rui Pinto

Offline paulo_ramos

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 100
    • Ver Perfil
Re: Alta: Comunicação hospital- centros de saúde
« Responder #2 em: Novembro 03, 2007, 09:08:16 »
Olá a todos.

Todos os utentes com alta do meu serviço levam uma carta de alta/transferência de Enfermagem. Em casos em que os utentes precisam de cuidados imediatos por parte da equipe do CS aí também contactamos telefónicamente o CS para dar a conhecer o utente e o respectivo plano de cuidados. Outro aspecto, na carta de Enfermagem também  está escrito o contacto do serviço caso os colegas queiram expor algumas questões ou trocar opiniões... ;)
Em casos extremos de utentes totalmente dependentes, traqueostomizados, vai um enfermeiro do serviço fazer o transporte do utente para o domicílio e tenta-se combinar com o colega do CS uma hora para se fazer a "passagem de testemunho". Em seis anos que trabalho só fizemos isso 3 vezes :-.... mas já é um começo ;D.

Cumprimentos a todos

Paulo Ramos ;D