Autor Tópico: O que é preciso para começar a trabalhar?  (Lida 16386 vezes)

Offline Roten_Boy

  • Administrador
  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1076
    • Ver Perfil
    • http://www.forumenfermagem.org
O que é preciso para começar a trabalhar?
« Responder #15 em: Novembro 03, 2006, 08:46:58 »
A mochila do recém-desempregado deve conter:
- mapa de Portugal com as Instituições de Saúde assinaladas;
- cartão de membro do clube Factor-C (não me refiro ao bar em Viseu  :) );
- várias doses de paciência para administração intra-cárdica;
- um bom lote de anti-depressivos;
- currículo de 2 páginas A4, Arial 11;
- inscrição na OE;
- dinheirinho (correr o país à procura de emprego não é grátis, nem oferta nem à borla);
- telemóvel sempre ligado;

Plano de acção:
- coragem, espírito empreendedor;
- não enviar cartas, nem falar com secretárias, é falar directamente com quem contrata (se tal for possível);
- visitar regularmente secção de emprego do Forumenfermagem.

Offline Darth_Vader

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 252
    • Ver Perfil
O que é preciso para começar a trabalhar?
« Responder #16 em: Novembro 09, 2006, 04:05:40 »
O factor C ainda está aberto??
Homem, na tentativa de tentar provar que não é um macaco, reforça a ideia que é um burro

Offline enfclaudiaferreira

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
O que é preciso para começar a trabalhar?
« Responder #17 em: Novembro 09, 2006, 20:39:17 »
Este é um assunto k infelizmente conheço bem. Terminei o curso em julho, estou desempregada e sem prepectivas de emprego a curto prazo. Muito me entristece k neste país só se tenha trabalho na nossa área, se temos um padrinho, como já ouvi dizer. Vejo continuamente enfermeiros a ser contratados nao porque sao bons profissionais, mas sim porque tem os ditos "padrinhos".
É deveras revoltante, e confesso que em situaçoes de desespero, já pensei em desistir da profissao que sonho desempenhar desde os 5 anos. No norte, somos demasiados, no sul nao nos aceitam por receio de os deixar-mos ao fim de poucos meses. E com todo este turbilhao, continuamos desempregados, ou a trabalhar em shopping como muitos colegas meus.
Posso estar a ser pessimista, e desculpem-me se estou a se-lo, mas tenho receio, nao só do meu futuro, como do de quem ainda está a terminar o curso :(
Espero sinceramente que esta situaçao mude, porque assim, nao podemos continuar por muito tempo!


editado[/color]]-[Não é permitido o abuso de letra maiúscula]

Offline Miguellopes

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 537
    • Ver Perfil
O que é preciso para começar a trabalhar?
« Responder #18 em: Novembro 09, 2006, 22:35:56 »
Colega Claúdia, estou solidário contigo.
Infelizmente muitos colegas não compreendem e continuam a apoiar o actual fluxo de formação e a propagandear a falta de enfermeiro no mercado. Todos os direitos e poderes adquiridos nos últimos 50 anos têm sido aniquilados nestes últimos dois anos. Por culpa de quê: desemprego e excesso de profissionais!!

Offline HelenaR

  • Iniciante
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver Perfil
Re: O que é preciso para começar a trabalhar?
« Responder #19 em: Março 09, 2015, 09:12:40 »
Bom dia!
Acham que é necessário anexar uma declaração da entidade empregadora quando no anúncio do concurso não o pedem?
Obrigada.
Helena Rebeli