Mostrar Mensagens

Esta secção permite-lhe ver todas as mensagens colocadas por este membro. De realçar que apenas pode ver as mensagens colocadas em zonas em que você tem acesso.


Mensagens - EME

Páginas: 1 [2] 3 4 ... 8
16
Cuidados Gerais / Re: Caso quisto dermoide para o resto da vida
« em: Fevereiro 03, 2010, 16:20:46 »
Citação de: geonos
por que não foi tratar desse quisto em Badajoz?
muito provavelmente já tinha o problema resolvido,o profissionalismo dos médicos e não só deixa muito a desejar.

Credo..... Em Portugal tb existem mt bons profissionais.... ??? O geonos nao conhece o caso suponho, a melhoria destes casos depende de um grande numero de factores... Que grande caça às bruxas!!!!  :o

17
Tinhas ido mais devagar. lol  ;D

18
Citação de: Marco Veríssimo
Bem, impossível não é porque eu consegui escrever as 75 palavras, e ainda sobraram 3 segundinhos lol, e a parceira do lado ainda conseguiu 56. Fui a viagem toda para vila real a decorar 10 palavras de cada vez todas encadeadas com algum sentido tipo menomónica e consegui decorar 50 , as restantes 25 foi depois na hora que me lembrei, aconselho os colegas a fazer o mesmo, assim quando la chegarem nem tem de pensar é escrever tudo seguidinho.

Em contraste nas sequencias de letras eram 30 e só tive tempo para 23 lol... o resto do teste fiz tudo a tempo.



és o meu heroi  >:D

19
Se fossem ditas era uma coisa agora escritas é impossivel, mais, tem que ser em letra legivel, senao nao serao contabilizadas... ai pois é  >:D

20
Citação de: Marco Veríssimo
nomes proprios nao tao no dicionario pode se utilizar?

sim, mas só podes utilizar um genero, nao podes escrever paulo e paula, ridiculo....indicaçoes das senhoras da select!! :P

21
Citação de: Marco Veríssimo
Como é controlado o tempo?

É um tipo de exercicio por cada folha? e quando acaba o tempo mudam a folha?

Alguem se lembra dos sinónimos?

Sao 75 palavras começadas por R certo?

O tempo é controlado com um cronometro, quando for para parar elas comunicam.
É facultado um caderno com varios exercicios para cada conjunto de exercicios, onde em cada se fazem exemplos para todos perceberem a dinamica dos testes.
Os sinonimos são varios, impossivel de numerarem, mas coisa simples que com conhecimento geral se acerta facilmente ( dão t uma palavra e dpois mais quatro, nessas quatro terás que assinalar o sinonimo da primeira.

Cumps, calma e boa sorte  ;)

22
Enfermagem e Politica de Saúde / Re: "Reuniões de serviço"
« em: Janeiro 26, 2010, 19:05:41 »
Daqui a pouco nem para os lados vamos poder olhar...queres ver!!!!  ;D ;D ;D ;D ;D ;D

23
Colega lui.moi bastava responder a mp!!! lol  :P 

24
Citação de: ocean
T  é a letra...

Se os psicotécnicos forem semelhantes aos aplicados na selecção do Santo António...


Desculpem, só dá para rir... e esperar que os mais novos tenham MBA em C+S...


???

25
Anúncios de Emprego / Re: Concurso Hospital Santo António???
« em: Janeiro 22, 2010, 00:01:51 »
Citação de: Sanguessuga
Ola Colegas  ;) Eu enviei a mh candidatura para este concurso por carta registada, mas acontece que n recebi o aviso de recepção  ??? já vos aconteceu algo semelhante???

Colega demora sempre alguns dias!! Espere ate amanha vai ver que recebe o cartão, se mesmo assim não aguentar sempre poderá se dirigir aos correios e lá a informarão da entrega da carta registada!!! As vezes acontecem alguns atrasos e com tantos registos que terão recebido!!!!!  ;)
Cumps

26
Até parece que não existem mais 25 letras no abecedário....credo!!  :o

27
Citação de: Caldas
Porque querem os enfermeiros em Portugal regredir?

tb me ponho a mesma questão...não entendo o comentario de algumas pessoas... :o :o

28
Enfermagem e Politica de Saúde / Re: 2010: Revisão da Carreira
« em: Janeiro 20, 2010, 20:35:18 »
Realmente...... :o :o :o :o

29
Enfermagem e Politica de Saúde / Re: 2010: Revisão da Carreira
« em: Janeiro 20, 2010, 19:21:02 »
Escrito por um colega nosso... Para reflexão!
 
HORA DA VERDADE
 
"Caro Colega
 

É verdade que a Enfermagem já viveu melhores tempos e que neste momento andamos todos muito desanimados e com razão. Já lá vão quase 10 anos de negociações e nada de que nos possamos orgulhar. No entanto penso ter chegado a hora da saturação e dizer basta. Temos de demonstrar que estamos unidos e não permitir que sejamos amordaçados e humilhados publicamente. Não podemos permitir que num país dito democrático coabitam licenciados de primeira e licenciados de segunda.

Há anos atrás, a Enfermagem conseguiu impor-se porque era composta de colegas de fibra, lutadores, com o 25 de Abril ainda presente na memória. Tudo o que a Enfermagem consegui até hoje foi à custa de muito esforço e dedicação.

Hoje com quase 20 anos de exercício, podia sentar-me confortavelmente no meu sofá e pouco me importar com a Enfermagem, no entanto, não sou egoísta suficiente e penso nos colegas recém licenciados e nas condições humilhantes e precárias em que alguns deles trabalham, bem como, na dignificação de uma profissão à qual me orgulho de pertencer. Para colher é preciso semear, é preferível perder algum dinheiro agora do que muito para sempre. È preferível abandonar o conforto das nossas casas e a companhia da nossa família e filhos agora, do que hipotecarmos o seu futuro e o nosso para sempre.

Quando ouço colegas afirmar que os Sindicatos e a Ordem nada fazem pela Enfermagem, dá-me vontade de lhes perguntar E TU O QUE JÁ FIZESTE PELA ENFERMAGEM, provavelmente nada, a não ser, dizer mal de tudo e de todos, e ficar à espera que outros façam o teu trabalho, mas quando é hora de recolher os louros são os primeiros a aparecer.

Nas minhas muitas viagens a Lisboa, os colegas de viagem são quase sempre os mesmos, poucas são as caras novas. Será que nós, os que lutamos, não gostamos de ganhar dinheiro e estar com a nossa família no conforto dos nossos lares? Claro que sim, mas estamos disposto a sacrificar tudo por uma causa em que acreditamos, a Enfermagem.

É verdade, que tanto Sindicatos como a Ordem por mais que trabalhem e negoceiem, se não tiverem o apoio de todos nós por detrás dificilmente conquistam alguma coisa. Sindicatos e Ordem são nossos representantes, mas não são a nossa força. É preciso que todos nos capacitemos que temos que nos mobilizar em prole de uma luta que não é só dos Sindicatos e da Ordem, mas de todos nós.

Se numa negociação, a Ministra chega à janela e ver meia dúzia de gatos-pingados, sente poder para levar a sua avante, mas sim em vez disso ver 50.000 enfermeiros de certo pensará duas vezes nas propostas a oferecer. Significa isto, que o poder negocial não está nos Sindicatos nem na Ordem, está na união e na demonstração de força de todos nós. Temos que demonstrar que o SNS precisa dos enfermeiros e que não funciona sem os enfermeiros.

Temos de deixar de ser os bons samaritanos da saúde, como infelizmente vejo alguns colegas que em período de greve se esforçam ao máximo para fazerem sozinhos o trabalho que normalmente é feito por 4 enfermeiros, estes colegas em nada dignificam a Enfermagem, não passam de uns atávicos que se comportam como se desconhecessem a lei da greve, e o que são serviços mínimos, que lembro, são apenas aqueles que se não sendo prestados, colocam em risco a vida dos utentes.

Caro colega adere à greve e participa na concentração em Lisboa no dia 29 de Janeiro, vamos todos demonstrar à ministra a NOSSA FORÇA E UNIÃO."

Achei por bem partilhar...

30
Colega anaaa obrigada pela sua partilha!!  ;)

Páginas: 1 [2] 3 4 ... 8