Forumenfermagem

Outras Dimensões da Profissão => Sistemas de Informação em Enfermagem => Tópico iniciado por: belaenf em Março 03, 2009, 16:38:59

Título: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: belaenf em Março 03, 2009, 16:38:59
Boa tarde colegas... gostaria de saber se alguem me souber informar, se existe alguma legislação relativamente ao rácio enfermeiro/doente...

Ou seja, queria saber se ha algo publicado que diga objectivamente quantos doentes devem estar atribuidos a um enfermeiro num serviço de internamento.

Obrigada,

Cumprimentos  :-*
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: PedroMendes em Março 03, 2009, 16:43:58
Sinceramente desconheço...Mas se realmente existir, certamente há incorformidades de norte a sul do país!
Sei que existe uma escala de atribuição de doentes por graus de dependência, que é da competência do enf. chefe, no âmbito da gestão da qualidade dos cuidados de enfermgaem.

Cumprimentos
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Enigma79 em Março 03, 2009, 19:02:30
Existe um documento da Ordem dos Enfermeiros, relativo ao enfermeiro de família, que estabele o racio enfermeiro/doente.Eu tenho esse documento aqui algures no meu pc.Se o encontrar envio.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: belaenf em Março 03, 2009, 22:33:46
Obrigada colegas.... mas interessava-me saber este rácio mesmo em termos de internamento e não no âmbito dos cuidados de saúde primários...  :-
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Son_Goku em Março 03, 2009, 23:03:06
Desconheço estudos nacionais sobre o tema. Mas existem estudos estrangeiros, nomeadamente estes:

http://www.bos.frb.org/economic/neppc/c ... ort051.pdf (http://www.bos.frb.org/economic/neppc/conreports/2005/conreport051.pdf)

http://www.icn.ch/matters_rnptratio.htm (http://www.icn.ch/matters_rnptratio.htm)
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: belaenf em Março 03, 2009, 23:31:46
Obrigada colega... E em termos de legislação nacional será que existe alguma coisa? Não csg encontrar... talvez contactando a Ordem...  ???
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Herodes em Março 26, 2009, 08:40:10
É para isso que servem as Horas de Cuidados Necessárias. Sistema de Classificação de Doentes.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Mauro Germano em Março 26, 2009, 15:44:13
Qualquer cálculo por alto de rácio/ratio (Herodes  ;) ), nomeadamente dotação predefinida por serviço, por exemplo: serviço de Cirurgia com 5 doentes por enfermeiro ou UCI 2 doentes por enfermeiro ou Medicina 6 doentes por enfermeiro está ou estará no futuro condenado à vontade de um qualquer administrador que ponha isso em causa... A ciência não o contradiz. Mas o que a ciência diz é que devem ser avaliadas as necessidades individualmente e era isso que o sistema de classificação de doentes pretendia, porém a sua falta de crédito é tal que os próprios implementadores não a respeitam (MS).

 Talvez um escala de avaliação de carga de trabalho de enfermagem adaptada a cada serviço, à semelhança do que se faz nalgumas UCI's com a escala NAS ou a TISS 28 fosse uma melhor opção, ou então uma fórmula de cálculo de cada acto de enfermagem(tempo médio) pudesse ser incorporada automaticamente nos sistemas de informação de apoio à prática, nomeadamente no SAPE ou seu sucedâneo.

Mais do que nunca importa colocar a pressão nas administrações acerca da má dotação em enfermeiros nos demais serviços e a influência disso nas perdas em qualidade e dinheiro
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Larose em Julho 31, 2009, 08:58:41
Olá Mauro, por acaso poder-me-ás dar algo ( documento ou estudo ) que eu possa utilizar como base para forçar a direcção a reforçar a equipe nos turnos da tarde e noite?

ficamos com 12 doentes nestes turnos, e são quase todos pós op de grandes cirurgias. e com uma taxa de ocupação de quase 100% .... quando ficamos mais leves, já sabemos que aí vem bomaba ...... temos logo entradas umas atrás das outras, e com o novo sistema da cipe ....ai ai ai .... ou estamos a humanizar os cuidados ou a informatiza-los! 
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Zeus-electro em Julho 31, 2009, 09:32:56
Existe de facto o Sistema de Classificação de doente que contempla as Horas de Cuidados Necessários adaptado a serviços genéricos das várias especialidades, mas tal como o Mauro_G referiu, nunca teve grande credibilidade.

A questão é que muitas vezes os serviços estão sub-dotados por incompetência/desconhecimento dos chefes que os dirigem. Nessa altura, a justificação que a minha chefe apresentava perante a direcção era de que "o serviço é pesado". Ora isto não justifica absolutamente nada! O que é que é "pesado"? Quanto pesa então?
Nessa altura propus à minha chefe que elaborassemos um relatório com a estatística do serviço, nomeadamente taxas de ocupação, ocupação média, tempos de internamento, etc. e finalmente, perante isto, justificar a necessidade de mais elementos através das HCN, utilizando a fórmula de cálculo da dotação de pessoal que na altura, era a que a própria direcção usava para dotar os serviços. O resultado foi conseguir mais um enfermeiro nos turnos da M e T. Mas isto foi talvez em 1999 ou 2000. Ainda não havia esta preocupação economicista da saúde.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Larose em Agosto 01, 2009, 18:35:47
Obrigada pela resposta.
Aqui estamos quase todos num esgotamento físico e psíquico ....... nem a dormir estamos descansados, pois os sonhos baseiam-se em volta de banhos, drenos , mastectomias ....  :-
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: aNdR3 em Agosto 01, 2009, 21:23:02
Citação de: Larose
Obrigada pela resposta.
Aqui estamos quase todos num esgotamento físico e psíquico ....... nem a dormir estamos descansados, pois os sonhos baseiam-se em volta de banhos, drenos , mastectomias ....  :-

Cabe a cada um adoptar estratégias para fechar as portas ao trabalho quando dele sai e fechar as portas a casa quando nele entra, fazer por não misturar as coisas torna-se a forma mais fácil de evitar esse tipo de coisas e outras que habitualmente surgem quando misturamos as coisas, pelo menos pessoalmente funciona ;)
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Herodes em Agosto 03, 2009, 23:55:19
Perante esta problemática impõe-se perguntar aos nossos responsáveis o que estão a fazer para dar mais qualidade aos cuidados prestados diariamente.

Enfermeiros Chefes.
Enfermeiros Directores.
Bastonária.

Será que não é deles a responsabilidade pelo estado caótico que se vive nalguns serviços?
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: BN em Agosto 05, 2009, 09:13:42
Bom dia.
De facto cabe ao Enfermeiro Chefe ou Coordenador transmitir ao seu superior hierárquico, de forma sustentada e fundamentada com números, a realidade do seu serviço. Acontece que com alguma frequência e por diversos motivos (provavelmente válidos), o Enfermeiro Chefe está muito afastado da prestação de cuidados e por isso muitas das questões relacionadas com a sobrecarga de trabalho não são completamente compreendidas. É muito mais fácil perceber os problemas e tentar corrigi-los se os sentirmos na pele e eu acredito que a falta de tempo não é justificação para tudo nomeadamente para não prestar cuidados.
Na actual política de contenção de custos mesmo quando justifico ao meu superior por A+B que é necessário aumentar o número de Enfermeiros já é complicado, imaginem como será chegar ao Enfermeiro Director e dizer que "o meu serviço é pesado preciso de mais enfermeiros"!! Não chega...
Existem na realidade alguns instrumentos bem validados e que permitem medir a carga de trabalho de enfermagem, que como sabemos não se limita aos cuidados prestados aos doentes e famílias mas também a todo o trabalho administrativo e organizacional que o enfermeiro realiza. E na minha interpretação é nesse campo que alguns desses instrumentos falham.
Na minha unidade utilizamos o NAS (Nursing Activities Score), realizámos durante alguns meses em simultâneo o TISS 28 para compararmos os resultados e confirmar que o NAS representa muito melhor a carga de trabalho real dos enfermeiros.
Apesar de tudo cabe aos enfermeiros que prestam cuidados e que conhecem a realidade dos serviços melhor que ninguém, continuar a transmitir e a insistir perante os seus superiores na necessidade de reforço das equipas e a encontrar os melhores instrumentos que reproduzam a real carga de trabalho.
Em relação a legislação apenas conheço orientações técnicas que não têm valor de lei, no entanto para processos de certificação e de acreditação as recomendações têm muito mais peso.

Acredito que tanto os Chefes como os Directores como a Sr.ª Bastonária têm a sua quota de responsabilidade mas prefiro dizer que são os Enfermeiros todos que são os responsáveis.

Cumprimentos a todos.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Larose em Agosto 08, 2009, 10:23:19
Obrigada BN.
Confesso a minha ignorância quanto a essas ferramentas "NAS e TISS 28", mas vou tentar descobrir, e se pudesses dar-me alguma dica de por onde começar  ;)

De momento continuo na política " água mole em pedra dura ......." tenho feito relatórios ...claro que fora das horas de trabalho, que dentro delas às vezes nem para ir ao WC.

Os meus colegas queixam-se verbalmente e directamente à chefe ....mas nenhum quer ficar a escrever relatórios! E eu compreendo ...... até escreveria mais ....mas também detesto ficar para além da hora de trabalho!

Desde que se iniciou a SIPE SAPE .....só tem vindo a piorar, entra dte novo, perde-se imenso tempo em frente ao PC, depois é a alteração dos planos .................... sim porque senão o fizermos, é como se não tivessemos trabalhado NÃO HÁ GANHOS EM SAÚDE e somos penalizados!  ::) .................... e aqui que ninguém nos ouça ............. as definições que lá vem ...... ai Deus meu!

AI AI AI    :P  o que vale é que eu ADORO a minha profissão!   :)
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Wéllington em Agosto 08, 2009, 14:51:28
Olá... Vou fazer faculdade e quero saber se é possível se trabalhar como enfermeiro apenas por cursos ou se é obrigado a fazer faculdade ?
E quero saber tbem qual é a diferença entre auxiliar e técnico de enfermagem....?!
Obrigado.
 ::)
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: enfarfr em Agosto 08, 2009, 16:39:20
Citação de: Wéllington
Olá... Vou fazer faculdade e quero saber se é possível se trabalhar como enfermeiro apenas por cursos ou se é obrigado a fazer faculdade ?
E quero saber tbem qual é a diferença entre auxiliar e técnico de enfermagem....?!
Obrigado.
 ::)


Este fórum é de Portugal. Convém perguntar a alguém do Brasil.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Mauro Germano em Agosto 10, 2009, 23:47:16
@Larose

Se procurares por Nursing activities score (NAS) será mais fácil. A NAS é a sucedânea da TISS 28 que por sua vez é sucedânea da TISS 76.

A NAS incorpora o conceito de tempo e não a complexidade que a TISS 28 atribui a cada actividade.
Além disso incorpora também itens relacionados com tempo dispendido com processos administrativos e apoio familiar, coisa que a TISS 28 não incorpora.

No estudo inicial de validação da escala, por parte do dr. Reis Miranda (o português que "criou" estas escalas mundialmente usadas) apurou.se que a NAS conseguia representar até 80% do tempo dispendido pelo enfermeiro, o que parecendo pouco é bem melhor do que os 44% da TISS 28. Quanto ao SCD do antigo IGIF desconheço estudo na matéria neste ãmbito.

Isto só tem um senão... é especialmente concebido para a prática de enfermagem em Cuidados Intensivos portanto provavelmente desadequada ou não validada noutros contextos.

Já agora BN. Que instrumento usam para recolher os dados sobre a carga de trabalho?
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: BN em Agosto 24, 2009, 22:01:12
Boa noite,

utilizamos o instrumento já traduzido e validado para português. Os conceitos são bem claros não é muito pesado em termos de preenchimento.
Criámos um documento Excel que converte automaticamente a pontuação em percentagem.

É de facto mais próximo da realidade.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Mauro Germano em Agosto 24, 2009, 22:46:08
E esse documento em Excel reporta os dados para um repositório?

Isto é... ao fazer "Enter" os dados são "acumulados" de alguma forma numa base de dados?
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: BN em Agosto 27, 2009, 14:20:38
Boa tarde,

Diariamente quando os Srs. Enfermeiros executam o NAS (realizado no turno da noite) esses valores são guardados e posteriormente analisados.

Criámos um género de base de dados onde são também introduzidas as horas de cuidados efectivas e que se cruzam com os dados do NAS.

Um aspecto que considero importante é que estes dados estão disponíveis para a equipa consultar e são também transmitidos ao Enfermeiro Director.

Cumprimentos.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Mauro Germano em Agosto 30, 2009, 10:05:15
@BN

Quem analisa os dados?
Quanto tempo e com que frequência?
Só avaliam o NAS completo?
Em que formato ficam guardados os dados antes de serem analisados e que experiência têm da sua utilização? facilidade e dispêndio de tempo?
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: BN em Setembro 01, 2009, 15:48:11
Boa tarde,

O Enfermeiro Coordenador do serviço introduz os dados na base semanalmente. No final de cada mês os resultados, (cruzando dados de carga de trabalho, horas de cuidados efectivas e ratios), são colocados à disposição da equipa e enviados ao Enfermeiro Director.

Em termos de preenchimento não ocupa muito tempo e é um processo muito fácil de realizar. Neste momento é raro o doente que tem alta da UCI com algum NAS sem ser preenchido. Penso que um dos motivos que levam os Enfermeiros a aderir a este tipo de ferramenta é o facto de eles saberem que vão conhecer os resultados e pelos quais se pode inferir um série de dados (qual o mês com mais doentes, qual o mês mais pesado, etc.)

Não compreendi a questão do NAS completo. O registo é feito com base em períodos de 24h.

Cumprimentos.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: UCPABUC em Setembro 05, 2009, 13:54:08
Alguém ainda acredita nos chefes?
Tirando, obviamente, raras excepções...
 >:(
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: BN em Setembro 07, 2009, 18:10:51
Boa tarde.

Essa última resposta foi forte .... mas lamento que seja essa a sua realidade.

Cumprimentos.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: helenascencao em Dezembro 05, 2009, 15:52:05
Ola a todos! Gostaria que me dissessem se o NAS já se encontra traduzido para língua portuguesa e validado para a população portuguesa. Já agora, podem ceder a escala? Estou a realizar mestrado no ICBAS e a temática centra-se na gestão de recursos humanos em UCI. Desde já, obrigado!!!
deixo o meu mail para contacto
helenasilva9@gmail.com
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: nurseboy em Dezembro 05, 2009, 20:14:46
Citação de: helenascencao
Ola a todos! Gostaria que me dissessem se o NAS já se encontra traduzido para língua portuguesa e validado para a população portuguesa. Já agora, podem ceder a escala? Estou a realizar mestrado no ICBAS e a temática centra-se na gestão de recursos humanos em UCI. Desde já, obrigado!!!
deixo o meu mail para contacto
helenasilva9@gmail.com


Colega, poderia colocar o ficheiro aqui para podermos fazer o download? Obrigado.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Mauro Germano em Dezembro 10, 2009, 06:17:25
@helenascencao

O NAS já se encontra oficialmente traduzido para Português (versão brasil). Versão portuguesa de Portugal (que não vos pareça desnecessário porque de facto o é realmente necessário devido à ambiguidade de alguns termos) penso que oficialmente não existe.

Quanto à validação da escala... Penso que no estudo original, a escala foi testada em pelo menos duas UCI's portuguesas, com resultados semelhantes aos restantes, pelo que se pode considerar a sua aplicabilidade na nossa população.

Contudo, dado ser uma escala relativamente nova (6 anos) e à falta de publicação de estudos realizados em Portugal, o seu uso ainda é relativamente escasso (por exemplo em relação à TISS 28).

Se necessitar de ajuda contacte
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Herodes em Dezembro 27, 2009, 08:14:01
Em Portugal, as UCI´s têm "proporções" de enfermeiros por doentes relativamente razoáveis.
O problema maior está nas enfermarias...
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: MUSADOORIENTE em Dezembro 27, 2009, 10:16:53
Tradução para português (do Brasil) http://www.teses.usp.br/teses/disponive ... 03-220346/ (http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-12112003-220346/)
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Miss_Nurse_Gt em Janeiro 21, 2010, 14:18:10
Nos 2 serviços de especialidades cirurgicas por onde passei, um dos quais ainda presto cuidados, o racio é de 1 enfermeiro para 6/7 doentes nas manhas, 15 doentes nas tardes e nas noites por enfermeiro.. Torna-se puxado tanto nas tardes cm nas noites..
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Fanux em Junho 11, 2010, 11:47:45
Nos ultimos anos deixou de se olhar para a qualidade e passou-se a olhar para a quantidade, pois é com base no volume de cx, tx, consultas que os hospitais são pagos pelo MS.

Baseado numa politica de incentivos, muitos hospitais já combatem efectivamente listas de espera fazendo mais volume num dia que outros numa semana (às vezes sendo mais pequenos). Contudo, o nº de profissionais nem sempre aumenta com o > do volume de produção.

Em portugal, temos os melhores enfermeiros da europa (ao nivel da formação - embora já tenha sido muito melhor) e isso contribui para tapar muitas falhas não só ao nivel dos cuidados como ao nivel da burucracia envolvente (ser o ultimo elo da cadeia obriga a isto - fazer o trabalho dos outros).

Assim, somos inteligentes ao ponto de sabermos que as escalas são bonitas mas o nº de profissionais só aumenta quando os já residentes não conseguirem fazer o trabalho ou, deixarem coisas por fazer que sejam importantes à produção.
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Cristiano85 em Junho 11, 2010, 12:08:25
Aqui é que era importante investir.. para diminuir o desemprego! Pois claramente á falta de enfermeiros nos serviços e centros de saude..se não se investir para diminuir este rácio a nossa profissão vai-se afundar cada vez mais com o desemprego e com a precariedade. E não vale a pena andar a lutar por 1500euros/mes quando há outros que por 600 ou 700 euros fazem o mesmo trabalho..
Título: Re: Racio Enfermeiro/doente
Enviado por: Fanux em Junho 19, 2010, 12:22:47
Sim, pois há. Chamam-se estagios profissionais e é um programa do governo!