Autor Tópico: Inadine vs Betadine  (Lida 13973 vezes)

Offline MFF

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 169
    • Ver Perfil
Inadine vs Betadine
« em: Julho 11, 2011, 00:03:49 »
Olá!

Tenho vindo a ler e a estudar quais os melhores tratamentos e pensos a realizar a feridas e entretanto surgiu-me uma dúvida:
sei que o Betadine é tóxico quando aplicado directamente numa ferida no entanto se for utilizado como desinfecção na pele íntegra não tem qualquer problema certo?
E em relação ao Inadine? É um apósito como se fosse "gaze gorda" impregnado em betadine certo? Suponhamos que temos uma ferida longitudinal (provocada por uma queda), unida por "steri-strip", podemos colocar Inadine para que promova a cicatrização, previna infecção e não adira as compressas?
A minha questão final é: se a Betadine é tóxica, o Inadine não deveria ser também? :/ Desculpem se a questão for mt disparatada mas ainda assim decidi colocá-la.
Obrigada desde ja por qualquer ajuda!

Offline jigb enf.

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #1 em: Julho 11, 2011, 18:44:25 »
A questão da toxicidade não está relacionada somente com a presença ou não da iodopovidona, mas sim com a sua concentração. O Inadine não tem uma concentração excessiva de iodopovidona.
De realçar que o Inadine se encontra indicado em feridas superficiais (tecido de granulação e de epitelização) com sinais de infecção, sendo que deve haver uma ponderação do benefício-risco. Numa ferida limpa (como, por exemplo, uma ferida cirúrgica, a utilização do Inadine não faz sentido), mas no caso que me está a descrever, penso que o Inadine será uma boa opção... Espero ter ajudado alguma coisa.

Offline Cannonball85

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 76
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #2 em: Julho 11, 2011, 19:01:43 »
Bom dia "MFF".

A iodopovidona está desaconselhada na maioria dos casos, pela sua toxicidade e agressividade para os tecidos, além de que se torna inactiva perante matéria orgânica.

O iodo também pode ser absorvido pela pele íntegra (ainda que em muito menor quantidade), pelo que pode aplicar iodopovidona e depois proceder à limpeza com soro fisiológico. Contudo, há estudos que mostram maior eficácia de outros antissépticos.

Inadine[sup:1ctwh0kx]®[/sup:1ctwh0kx] contém iodo de libertação lenta a 10% (menor risco de toxicidade em relação à comum iodopovidona).

Em relação ao uso de Inadine, nessa situação específica, não estou de acordo com o seu uso porque provavelmente irá macerar a ferida, prejudicando a sua cicatrização, além de que diminuirá também a aderência das tiras de aproximação e concomitantemente, a sua finalidade. Existem também apósitos porosos de silicone, para evitar essa aderência às compressas, mas nunca os usei.

Offline MFF

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 169
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #3 em: Julho 11, 2011, 23:35:06 »
Mt obrigada a ambos pelos esclarecimentos.
Concordo com o jigb enf mas já agora se não se importar Cannonball85 o que sugere que se coloque numa situação como a que apresentei? Acrescento que não foi feita qualquer protecção dos bordos da laceração de modo a protege-los do Inadine. Na altura o Enfermeiro ponderou em colocar mais pontos de aproximação de modo a cobrir toda a ferida mas não tinha no serviço de modo que colocou apenas o Inadine.
Penso que quando se refere a uma possível maceração da ferida terá a ver com a "humidade" provocada pelo Inadine certo? Bom de qualquer forma as últimas normativas em relação a feridas defendem a utilização de um ambiente húmido no entanto (e isto pode parecer um bocado ridículo) as vezes preocupamo-nos tanto em aprender a cuidar de uma ulcera de pressão ou ferida mais complexa que mais tarde temos duvidas em relaçao a estas situaçoes mais simples... :s
Obrigada :)
Mariana

Offline Cannonball85

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 76
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #4 em: Julho 12, 2011, 11:49:52 »
Suponhamos que temos uma ferida longitudinal (provocada por uma queda), unida por "steri-strip", podemos colocar Inadine para que promova a cicatrização, previna infecção e não adira as compressas?

Os dados não são muitos...não tenho conhecimento de todas as características da ferida...tamanho, bordos, exsudado, sinais inflamatórios...porque são determinantes na escolha dos materiais. Muitas vezes, também temos que adaptar-nos ao material disponível no serviço, que foi o que provavelmente fez o Enfermeiro em questão. Não tendo muitos dados, à partida colocaria mesmo mais tiras de aproximação e compressas. Não tendo outros materiais e caso a ferida tivesse bordos muito irregulares, com grande risco de aderência, poderia ponderar colocar gase gorda, numa fase muito inicial (assim que possível retirava, porque macera e não traz nenhum outro benefício à posteriori). Para prevenir a infecção recorria a uma boa limpeza e depois à mudança correcta do apósito, dependendo do grau de exsudado. Não é que o Inadine tenha grandes malefícios, porque como já lhe referi só possui 10% de Iodo e é de libertação lenta, só que não acrescenta grande coisa e vai ajudar a camuflar sinais inflamatórios.

As últimas orientações de facto aconselham um ambiente húmido no tratamento da maioria das feridas, mas também temos que observar o tipo de ferida em si e o seu estadio. Nunca coloquei gase gorda numa ferida cirúrgica para provocar ambiente húmido e sempre tive excelentes resultados. Se quero aproximar bordos, não coloco lá humidade para os separar. Tiras de aproximação e humidade não "andam de mãos dadas". Assim como numa úlcera de pressão em granulação sou a favor do hidrogel. Tudo depende da situação.

O meu comentário é elaborado num plano muito teórico, melhor do que eu sabe como é a ferida.
Não detenho, nem ninguém detém a verdade absoluta, estamos sempre a aprender, por isso, não tome o meu comentário como um esclarecimento, mas partilha do conhecimento que tenho (que pode não ser o mais correcto). E não acho nada ridículo ter dúvidas e procurar actuar sempre da melhor forma, isso é ser profissional!

Offline Cannonball85

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 76
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #5 em: Julho 12, 2011, 11:53:53 »
Alguém já utilizou os apósitos porosos de silicone?

Offline Cannonball85

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 76
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #6 em: Julho 12, 2011, 12:04:57 »
Em pequenas lacerações, que não justifiquem ou não seja possível uso de tiras de aproximação, também costumo colocar apósito hidrocolóide extra fino.

Offline jigb enf.

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #7 em: Julho 12, 2011, 18:46:23 »
Eu particularmente não tenho por prática colocar tiras de aproximação. Isto porque, normalmente, quando se considera que uma ferida precisa de tiras de aproximação, deve ser antes avaliada a necessidade de sutura. Eu só costumo colocar steri-strip em feridas já suturadas, que não ficaram bem unidas entre 2 pontos de sutura e que se apresentam sangrantes ou com uma ligeira deiscência nesse local.
De resto, quando não há necessidade de sutura, considero melhor a cicatrização por segunda intenção. Isto porque as tiras de steri-strip poderão não ser tão eficazes na cicatrização por primeira intenção, ou, mesmo sendo eficazes, poderão deixar uma cicatriz pior.
Claro que estou receptiva a outras opiniões...

Offline MFF

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 169
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #8 em: Julho 12, 2011, 22:34:31 »
Obrigada mais uma vez :)
Eu nunca trabalhei e isto aconteceu a um familiar meu e então "aproveitei" e pus-me a pensar nas diversas opções que existem.
Eu não vi como surgiu a ferida nem como estava antes do steri-strip, já só a vi com os pontos de aproximação colocados, umas quantas compressas e uma ligadura (algo mesmo mal feitinho... :/) tá claro que quando foram mudar o penso, para conseguirem tirar as compressas foi complicado porque aderiram à ferida provocando sangramento... :s
Mas pelo que vi, depois de fazer hemostase, e dado que o exsudado é mínimo ou optaria por colocar mais pontos de aproximação e um hidrocoloide simples com ligadura porque a pele é tao fragil que nao aguentaria qualquer tipo de adesivo ou na ausencia de material, talvez uma gase gorda sem iodopovidona ja que a ferida nao apresentava sinais inflamatorios, compressas e quando visse que a ferida estava mais fechada colocaria so um hidrocoloide.
Estamos a falar de um senhor de 86 anos.
Isto foi um pequeno resumo do que sei e das vossas sugestoes.
Parece-vos bem sendo assim? :)
:)

Offline Cannonball85

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 76
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #9 em: Julho 14, 2011, 11:34:36 »
Só não me parece bem que teça esse pequeno e infeliz comentário em relação ao trabalho executado pelo Enfermeiro, num Fórum de Enfermagem... E tenho sérias dúvidas que tenha tido coragem para dizer-lho pessoalmente. É que assim, o Enfermeiro em questão não pôde melhorar, se é que cometeu alguma falha e contribuiu para denegrir um bocadinho mais a imagem da classe, à qual pertence ou deseja pertencer.

Offline MFF

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 169
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #10 em: Julho 14, 2011, 22:24:57 »
Atenção Cannonball85 que eu concordei com o tratamento do inadine que foi o que presenciei, em relaçao ao anterior tratamento o tal das compressas e ligaduras eu nao presenciei logo nao pude pronunciar-me. Foram enfermeiros diferentes a realizar estes tratamentos e trouxe o caso para discussao nao para fazer juizos em relaçao aos enfermeiros.
E a verdade é que independentemente do que se possa dizer ha melhores e menos bons profissionais em todas as classes e nao é por aí que deixamos de ser unidos. Porque tal como comentei em relaçao ao penso menos bem feito tambem comentei que o seguinte ja foi bem realizado...

Offline Cannonball85

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 76
    • Ver Perfil
Re: Inadine vs Betadine
« Responder #11 em: Julho 15, 2011, 00:03:12 »
Caso não tenha ficado explícito, o meu último comentário é em relação a "(algo mesmo mal feitinho... :/)" e não consegui evitar comentar. Mas foi um aparte. O que realmente importa, para este tópico, é o debate sobre o melhor tratamento.