Autor Tópico: Úlcera no Tornozelo  (Lida 10581 vezes)

Offline enfama21

  • Iniciante
  • *
  • Mensagens: 1
    • Ver Perfil
Re: Úlcera no Tornozelo
« Responder #15 em: Maio 04, 2011, 07:26:03 »
Bom dia D. Cristina!

Pelas fotos que enviou parece-me um caso em que o tratamento em casa não é solução.

Face a tudo por que passou deixo apenas aqui um contacto do Centro de Enfermagem Albino Marques & Cª Lda , enfermeiros dedicados apenas a este tipo de casos, que quase garantidamente lhe resolverão a situação.

Com três centros (V.N. Famalicão, Porto e Lisboa) consoante a sua área de residência for mais próxima, penso que não custa ouvir uma opinião e depois tirará as suas conclusões.

Pode consultar o site nas pai (páginas amarelas na internet) ou contacte 252322226 / 213423970.

Desejo-lhe as suas melhoras.

Offline paularaujobrg

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 62
    • Ver Perfil
Re: Úlcera no Tornozelo
« Responder #16 em: Maio 05, 2011, 22:44:59 »
Boa noite Cristina!!

Antes de mais, deixe-me dizer-lhe que deve mesmo procurar ajuda especializada, porque ao cuidar dessa ferida em casa só irá retardar o tratamento.

Dada a evolução desta ferida, a única coisa que se pode afirmar é que se trata de uma ferida crónica e, portanto deve ser tratada como tal. Antes de pensarmos no que colocar localmente na ferida, temos de fazer um estudo global da sua situação de saúde. Todos os antecedentes pessoais importam, assim como, a medicação que toma, hábitos nocivos, hábitos de repouso, eventuais situações de stress e, um factor muito importante, o seu estado nutricional (deverá realizar análises sanguíneas para avaliar este parâmetro). Qualquer um destes factores, quando alterado, poderá influenciar negativamente a cicatrização.

Depois de tudo isto, é importante classificar a sua ferida. É certo que a sua localização induz que se trate de uma úlcera arterial, porém devemos ter plena certeza. Para isso, deverá realizar o IPTB (Índice de Pressão Tornozelo Braço) que permitirá identificar se a sua úlcera será de origem venosa ou arterial. O tratamento local será realizado com base nisto. Se for de origem venosa, o tratamento consiste essencialmente na compressão (terapia compressiva) para facilitar o retorno venoso. Se for então de origem arterial grave, aconselho-a a recorrer a uma bom cirurgião vascular para ponderar revascularização.

Será necessário ainda pesquisar que tipo de microorganismos estão presentes na sua ferida. Para isso poderá fazer uma biópsia (o ideal) ou então uma zaragatoa (análise ao exsudado da ferida), que é o método mais aplicado devido à simplicidade da sua execução. A antibioterapia só deverá ser prescrita com base no resultado desta análise, evitando que tome antibióticos desnecessariamente. A lavagem com Prontosan (Polihexanida - betaína) e aplicação do gel também ajuda a reduzir a carga microbiana, pois actua directamente no biofilme.

Relativamente ao creme que utiliza, é excelente, mas não para o seu tipo de ferida. É de evitar a aplicação de cremes em úlceras de perna, pois acaba por causar mais maceração e ainda mascara os sinais que vão aparecendo nos bordos. O que lhe aconselho é o Cavilon em spray (penso que não custe mais de 10 euros cada frasco).

Mais uma vez reforço... Não cuide desta ferida em casa! Procure ajuda!

Espero ter ajudado.

Paula Araújo

Offline BIS

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 5
    • Ver Perfil
Re: Úlcera no Tornozelo
« Responder #17 em: Novembro 03, 2011, 02:12:44 »
Boa noite, sou estagiaria de enfermagem e gostaria de obter mais informações sobre ulceras, quer de pressao, quer venosas ou arteriais...a que saites posso recorrer? pretendo saber carecteristicas, para puder identificar observando por exemplo a pele, mesmo que o penso se apresente oclusivo...

esta pesquisa alem de servir para aprofundar conhecimentos sobre o assunto, é tambem para colocar no portefolio, por isso, se conhecerem artigos, ou livros(fáceis de adquirir), ou sites,aonde possa recorrer para me informar melhor, agradeço,:)

Obrigada!