Forumenfermagem

Autor Tópico: Procura-se Enfermeiro ou Auxiliar de Acção Medica [Lisboa]  (Lida 2403 vezes)

Offline aNdR3

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1636
    • Ver Perfil
Procura-se Enfermeiro ou Auxiliar de Acção Medica

Zona mais emprego    Lisboa    Empresa:    Nurse24,Lda
Categoria mais emprego    Saúde / Medicina / Enfermagem    Tipo:    Part-Time
Referencia    #966412    Data: 26-4-2010


Anúncio:

A MaisQueCuidar.com, empresa de prestígio na prestação de cuidados domiciliários pretende recrutar enfermeiros e auxiliares de acção medica para prestação de serviços de assistência domiciliaria em Lisboa.

Requisitos:
- Experiência profissional comprovada na função
- Organização, responsabilidade e motivação para a função nos cuidados domiciliários
- Boa apresentação e dinamismo
- Capacidade de lidar com situações de Stresse
- Gosto por desafios e capacidade de relacionamento interpessoal
- Disponibilidade total e imediata para iniciar funções
- Disponibilidade para trabalhar por turnos
- Assiduidade e pontualidade
- Disponibilidade para formação inicial e formação
- Preferência pelo domínio do idioma Inglês
- Possuir carta de condução
- Preferência por possuir viatura própria
- Possuir recibos verdes

HORÁRIO:
- Part-Time
- Tempo inteiro
- Regime Interno

LOCAL DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO: Lisboa

OFERECEMOS:
- Remuneração compatível com o número de horas de trabalho
- Formação Inicial e continua e supervisão realizada por equipa de Enfermagem
- Seguro de Acidentes de Trabalho e Responsabilidade Civil

Os candidatos interessados devem enviar resposta por email com curriculum vitae e disponibilidade para: recrutamento@maisquecuidar.com


Link:
http://www.net-empregos.com/detalhe_anuncio_livre.asp?REF=966412
[size=80]Quem atribui à crise os seus fracassos e penurias, violenta o seu próprio talento e respeita mais os problemas do que as soluções. A verdadeira crise, é a crise da incompetência. O inconveniente das pessoas e dos países é a negligência para encontrar as saídas e as soluções. Sem crise não há desafios, sem desafios a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há méritos. É na crise que surge o melhor de cada um, porque sem crise todo o vento é uma carícia. Falar da crise é promove-la e calar-se na crise é exaltar o conformismo. Em vez disto, trabalhemos duro, acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar por superá-la.

Não pretendamos que as coisas mudem, se sempre fazemos o mesmo.
[/size]