Autor Tópico: 2010: Revisão da Carreira  (Lida 57212 vezes)

Offline vitorefo

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 142
    • Ver Perfil
Re: 2010: Revisão da Carreira
« Responder #510 em: Janeiro 20, 2011, 23:41:01 »
Enf. Rocha sou novo nestas andanças assumo, mas por exemplo penso que é nosso dever saber (consultando) alguma legislação da instituição que é a Ordem dos Enfermeiros e que representa os enfermeiros portugueses em variadas situações. Eu propriamente não consegui perceber como se desenvolveu este processo da criação da nova carreira, mas é fácil de se perceber que muita coisa se passou.

Pegando no documento que enuncia os estatutos da ordem, observa-se no Artigo 3.º que:
 
Citar
"A Ordem tem como desígnio fundamental promover a defesa da qualidade dos cuidados de enfermagem prestados à população, bem como o desenvolvimento, a regulamentação e o controlo do exercício da profissão de enfermeiro, assegurando a observância das regras de ética e deontologia profissional."

Citar
Zelar pela função social, dignidade e prestígio da profissão de enfermeiro, promovendo a valorização profissional e científica dos seus membros;

Citar
d) Definir o nível de qualificação profissional dos enfermeiros e regulamentar o exercício da profissão;

Citar
q) Colaborar com as organizações de classe que representam os enfermeiros em matérias de interesse comum, por iniciativa própria ou por iniciativa daquelas organizações.

O que é fácil de todos saberem é que pagamos cotas que nos ficam bem caras (para a maioria) e constantemente observamos noticias e informações que denegrirem a nossa profissão, que aumentam a precariedade na nossa classe, e medidas politicas que muitas das vezes colocam em causa a nossa prestação de cuidados e a qualidade dos mesmos por nós realizados. Penso que é fundamental os enfermeiros serem parte activa na ordem, participando nas AGE, expondo as situações anteriormente enunciadas e questionar o papel da mesma instituição (e observar os comunicados emitidos). Agora, também constato que a maioria dos enfermeiros não têm uma "Vida" propriamente facilitada (estão condicionados), ou que aparentemente estão satisfeitos com o panorama que é por todos conhecidos em diversas frentes, o que leva muitas vezes os mesmos a passarem ao lado das necessárias intervenções.

Mas melhor do que eu, sei que existem neste fórum milhares de enfermeiros que podem dar um contributo para a sua pergunta de uma forma muito mais eficaz.

Cumprimentos,

Vítor
Devemos aprender com o passado, mas viver na realidade do presente e pensar no que poderá ser o futuro.

Offline dprocha

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 410
    • Ver Perfil
    • http://Ifonix.blogspot.com
Re: 2010: Revisão da Carreira
« Responder #511 em: Janeiro 25, 2011, 16:29:58 »
Pelo que estou a verificar mais ninguém tem opinião...

Citação de: vitorefo
Mas melhor do que eu, sei que existem neste fórum milhares de enfermeiros que podem dar um contributo para a sua pergunta de uma forma muito mais eficaz.

Acho que já foste eficaz o suficiente e tocas-te, a meu ver, num ponto fundamental!

A OE é que nos representa, é que realmente tem a força necessária para, perante os políticos e a população em geral, mostrar o que Enfermagem é realmente! Claro que a OE "somos todos nós", como estou sempre a ouvir, mas no entanto de que serve estarem a realizar AGE com o intuito de discutir o sexo dos anjos? Porquê não falarem de assuntos mais concretos, de matéria prima que consiga-se trabalhar com o intuito de mostrar que somos realmente GRANDES no SNS! E não apenas empregados dos médicos, como somos vistos pela sociedade.
Como é que os sindicatos poderiam negociar uma carreira em que a profissão que representa não é reconhecida como importante para a sociedade. "Os médicos é que são!" Como é que a OE deixou criar tantas e tantas escolas de enfermagem (já parecem lojas do chinês), criando tantos e tantos enfermeiros, tudo para pararem ao desemprego ou para à precariedade!
O aumento do numero de enfermeiros era sinal de mais cotas a entrar!?!? Com tanta oferta a procura nem precisa de se mexer...eles são às resmas e paletas a pedinchar um emprego...
Estou realmente revoltado e desiludido com os sindicatos e OE...

Se alguém tem uma opinião, favor de partilhá-la...

Cumprimentos

Offline artur_gaio

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 298
    • Ver Perfil
Re: 2010: Revisão da Carreira
« Responder #512 em: Março 24, 2011, 10:52:36 »
alguém me sabe explicar uma coisa?

Segundo fui acompanhando, nao se chegou a acordo entre o sindicato e a ministra da saúde, tendo sido aprovada unilateralmente a revisao da carreira pela ministra, certo?

supostamente, nessa revisão, nós seríamos progressivamente aumentados até um base de 1200 euros, nao sei de que forma, mas até final de 2012 estaríamos a ser pagos a esse valor, certo?

A minha questão é se realmente vamos ser aumentados e a ser, qual é a dita forma progressiva que a ministra legislou?