Autor Tópico: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento  (Lida 8066 vezes)

Offline enfarfr

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 2758
    • Ver Perfil
"A Coordenadora da Unidade de Gestão de Recursos Humanos da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, IP (ARSLVT), Dra. Teresa Alvim, emitiu no passado dia 7 de Novembro uma circular, cujos destinatários foram todos os Directores dos Centros de Saúde de Lisboa, os Coordenadores Sub-Regionais e os Presidentes dos Conselhos de Administração dos Hospitais SPA, onde define, entre outros assuntos, que não deverão ser alvo de renovações de contratos todos os enfermeiros que se encontrem em situação de doença e enfermeiras grávidas.

Esta determinação da ARSLVT, IP é inqualificável, discriminatória e até desumana, uma vez que penaliza e marginaliza cidadãos pelo facto de estarem doentes e/ou em situação de gravidez, apresentando-se em completo desacordo e em contradição com a legislação actual do nosso estado de direito democrático. Aliás, a própria Constituição da República Portuguesa no seu artigo 68.º, determina que “a maternidade e paternidade constituem valores sociais eminentes”, consagrando, não só que “os pais e mães têm direito à protecção da sociedade e do Estado na realização da sua insubstituível acção em relação aos filhos, nomedamente ... com garantia de realização profissional” mas também que “as mulheres têm direito a especial protecção durante a gravidez e após o parto”.

Para além disto o Código do Trabalho proíbe qualquer tipo de discriminação por motivo de doença e define que o despedimento de uma trabalhadora grávida carece sempre de um parecer da entidade com competências nesta área, neste caso a Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego, princípio este que não nos parece ter sido cumprido.

Assim sendo, o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) repudia esta inadmissível acção discriminatória da ARSLVT, IP e, com o intuito de ser reposta a situação de igualdade entre todos os trabalhadores, apresentará queixa à CITE."


Fonte: http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... 14_nov.pdf

[move:244klo6g]Nem sei que diga a isto...  ??? ???[/move:244klo6g]

Offline nurse in training

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 646
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #1 em: Novembro 16, 2008, 11:46:39 »
nao ha comentários possiveis!!!!!
e ainda querem mais crianças a nascer?
com estas condições é impossivel!
...Nurse in Trainning...

Offline vera_loira

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 198
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #2 em: Novembro 16, 2008, 12:26:02 »
:o

Inacreditável...  >:(

Offline yellow85

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 447
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #3 em: Novembro 16, 2008, 12:50:39 »
Enfim...  >:(
Sem comentários...  >:(

Offline C.Silva

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #4 em: Novembro 16, 2008, 13:12:02 »
:-X

Isto é um degredo total

Offline PedroMendes

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1246
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #5 em: Novembro 16, 2008, 18:37:22 »
Sinceramente gostava que fizessem o mesmo à Ex.ª Sra. Dra. Teresa Alvim, para ver se ela gostava que a pusessem na rua quando terminasse o seu contrato bem recheado! Ou então se a(o) filha(o) dela fosse posta(o) na rua quando estivesse para nascer o seu neto(a)...
Isto só neste país de terceiro mundo... >:(

Offline vera_loira

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 198
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #6 em: Novembro 16, 2008, 18:55:09 »
E mais,
não basta uma pessoa ficar doente!, porque ainda vai para a rua...  >:(

Offline Vitor A.

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 512
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #7 em: Novembro 16, 2008, 19:29:09 »
Temos que enviar para a comunicação social esta noticia. 

Há que pressionar os sindicatos a fazerem uso dos meios de comunicação social por causa desta atrocidade e denunciar, denunciar.

Calados não podemos ficar
No reencaminhamento de mail´s, Por Favor Usem Cco. ou Bcc (Cópia Oculta)
" Retire os endereços dos amigos antes de reenviar "
" Dificulte a disseminação de vírus e spams "
" Proteja a sua privacidade e a dos Outros

Saudações. Vitor A. :)

Offline Jacto

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 209
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #8 em: Novembro 16, 2008, 19:33:42 »
Não se admirem colegas, eu trabalho há 10 anos, e já há 10 anos que ouço coisas do género... aliás, até sei de uma colega que não foi autorizada a assinar o quadro onde tinha legalmente entrado por estar grávida, e o seu marido, como não engravida, assinou o mesmo quadro. E ainda vem este governo dizer que vai aumentar a licença de maternidade... aumenta pois... pois se a mulher fica desempregada!!!!!!

Enfim... isto é Portugal no seu melhor...

Offline Mikey Mouse

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 41
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #9 em: Novembro 16, 2008, 20:28:35 »
sem palavras... cada vez aumenta a desilusão neste pais/sistema!!!!

Offline Blue bird

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 879
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #10 em: Novembro 16, 2008, 20:52:47 »
É realmente uma vergonha... Os Sindicatos que ponham mão nisto!!!

Offline eagleyes

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 192
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #11 em: Novembro 16, 2008, 22:32:07 »
De facto é vergonhoso. Isto irrita-me tanto. Tb não consegui horario compativel com o meu marido para poder dar assistencia ao meu filho, pois o horario do meu marido não permite ir buscá-lo ao infantário e resposta da direcção: Há um momento que temos que escolher profissão ou filhos. Tem que arranjar alguem para depois do infantario para ficar com o seu filho. Inadmissivel. eu não tenho familia para dar apoio´só sou eu e o meu marido. São os incentivos a natalidade.

Offline MC

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 114
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #12 em: Novembro 16, 2008, 23:35:00 »
@Vitor A. e Enf.ª Jo_N
esta já é uma nota à comunicação social feita pelo SEP.
A denúncia destas e doutras situações é feita, mas os media não passam estas notícias.
Penso que não pertence só aos sindicatos a responsabilidade da denúncia. Todos nós temos obrigação de denunciar as situações de que temos conhecimento ou que se passam com cada um de nós.
Já chega de estar sempre a chutar para os outros aquilo que pode e deve ser feito por todos.

Offline Nunoenf

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 67
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #13 em: Novembro 17, 2008, 23:41:35 »
A saúde está pelas horas da morte...

Offline Vitor A.

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 512
    • Ver Perfil
Re: ARS Lisboa e Vale do Tejo "empurra" enfermeiros para o despedimento
« Responder #14 em: Novembro 18, 2008, 11:34:06 »
Citação de: MC
@Vitor A. e Enf.ª Jo_N
esta já é uma nota à comunicação social feita pelo SEP.
A denúncia destas e doutras situações é feita, mas os media não passam estas notícias.
Penso que não pertence só aos sindicatos a responsabilidade da denúncia. Todos nós temos obrigação de denunciar as situações de que temos conhecimento ou que se passam com cada um de nós.
Já chega de estar sempre a chutar para os outros aquilo que pode e deve ser feito por todos.

Caro Colega MC, agradeço a sua intervenção no sentido de clarificar esse ponto. A responsabilidade é de todos os intervenientes, por isso peço aos colegas e a todos os que lerem este post´s que coloquem aqui, ou se crie um post´s com os endereços das entidades e meios de comunicação social para assim todos enviar-mos o nosso descontentamento pela descriminação da situação de enfermagem nos meios de comunicação social.
No reencaminhamento de mail´s, Por Favor Usem Cco. ou Bcc (Cópia Oculta)
" Retire os endereços dos amigos antes de reenviar "
" Dificulte a disseminação de vírus e spams "
" Proteja a sua privacidade e a dos Outros

Saudações. Vitor A. :)