Autor Tópico: DEFINITAVAMENTE QUERO SAIR DE PORTUGAL  (Lida 3174 vezes)

Offline ad_cautelam

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
DEFINITAVAMENTE QUERO SAIR DE PORTUGAL
« em: Setembro 23, 2015, 11:14:14 »
Bom dia,

Com 21 anos de carreira e 45 anos de idade, uma especialização e uma pós-graduação decidi que quero sair do país.

O que pretendo é trabalhar a sério durante 10 a 15 anos num qualquer país/local onde veja que efectivamente o meu trabalho é valorizado e bem remunerado.

Não estou preocupado com o contexto sociocultural do país/local onde vou trabalhar o que quero é ter garantia de trabalho.

Gostava de saber o que pensam e quais são as experiências dos utilizadores do fórum.

Obrigado pela vossa colaboração

Offline beatrizg89

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 101
    • Ver Perfil
Re: DEFINITAVAMENTE QUERO SAIR DE PORTUGAL
« Responder #1 em: Outubro 02, 2015, 17:11:59 »
Eu entendo a situação do Carlos - tem experiência e sente que para sair é agora. O que lhe posso dizer é que tenho colegas que estão um pouco por todo o mundo: Uma parte diz-se feliz, porque atingiram o reconhecimento profissional que tanto desejavam e não conseguiam em Portugal e têm perspectivas de subir na carreira. Também tenho colegas que estão em Angola (off-shore) e na Suiça que dizem estar lá apenas por uma questão monetária. E conheço também vários casos de enfermeiros que voltaram (ou estão a tentar voltar) depois de experiências no estrangeiro.

Tudo isto para dizer que a experiência vai ser influenciada por diversos factores. A adaptação ao país de destino (e estar longe de casa), o local onde se vai trabalhar, as pessoas com quem se está, etc. Mas também acho que para sabermos se resulta ou só experimentando.

Pelos relatos dos meus colegas, o enfermeiro Português tem uma boa imagem no estrangeiro e é valorizado, o que o Carlos procura.
Enfermagem é uma paixão! Apostar uma distracção!

Offline ad_cautelam

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
Re: DEFINITAVAMENTE QUERO SAIR DE PORTUGAL
« Responder #2 em: Outubro 04, 2015, 14:12:12 »
Citação de: "beatrizg89"
Eu entendo a situação do Carlos - tem experiência e sente que para sair é agora. O que lhe posso dizer é que tenho colegas que estão um pouco por todo o mundo: Uma parte diz-se feliz, porque atingiram o reconhecimento profissional que tanto desejavam e não conseguiam em Portugal e têm perspectivas de subir na carreira. Também tenho colegas que estão em Angola (off-shore) e na Suiça que dizem estar lá apenas por uma questão monetária. E conheço também vários casos de enfermeiros que voltaram (ou estão a tentar voltar) depois de experiências no estrangeiro.

Tudo isto para dizer que a experiência vai ser influenciada por diversos factores. A adaptação ao país de destino (e estar longe de casa), o local onde se vai trabalhar, as pessoas com quem se está, etc. Mas também acho que para sabermos se resulta ou só experimentando.

Pelos relatos dos meus colegas, o enfermeiro Português tem uma boa imagem no estrangeiro e é valorizado, o que o Carlos procura.

Boas,
O que é  isso de ANGOLA (off-shore)?
Parece interessante.
Obrigado

Offline beatrizg89

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 101
    • Ver Perfil
Re: DEFINITAVAMENTE QUERO SAIR DE PORTUGAL
« Responder #3 em: Outubro 16, 2015, 17:34:52 »
Basicamente candidataram-se a empresas multinacionais que oferecem serviços de apoio no que diz respeito à saúde para empresas petrolíferas que estão a actuar em Angola.

A maior parte do tempo é passada em plataformas "off-shore" ou seja, a "alguns" metros da costa, com turnos rotativos e sempre disponível "on-call" quando está na plataforma. Normalmente têm um sistema de rotação de 28 (trabalho) em 28 (descanso) dias para que as pessoas possam vir a casa; ou pelo menos a Luanda, dependendo do contrato.

Não sei exactamente o nome das empresas que efectuam esses serviços, apenas os das petrolíferas como Chevron, Total, Schlumberger, Sonangol,etc. Mas pesquisando online de certeza que encontra.
Enfermagem é uma paixão! Apostar uma distracção!