Autor Tópico: CIPE na sala de partos  (Lida 2295 vezes)

Offline FPINTO

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
CIPE na sala de partos
« em: Dezembro 09, 2007, 21:15:59 »
Gostaria de saber se alguém tem experiência com a cipe na sala de partos. Estou a começar e acho muito difícil.

Offline enfarfr

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 2758
    • Ver Perfil
Re: CIPE na sala de partos
« Responder #1 em: Dezembro 23, 2007, 00:17:22 »
Olá colega!

E a CIPE é utilizada com base no SAPE?

Offline Valgaeren

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 550
    • Ver Perfil
Re: CIPE na sala de partos
« Responder #2 em: Dezembro 23, 2007, 17:06:30 »
A CIPE nao é dificil... é preciso pratica e conseguir distinguir os varios termos... demora um certo tempo mas dps facilita mt coisa.
DURA PRAXIS SED PRAXIS

Offline FPINTO

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
Re: CIPE na sala de partos
« Responder #3 em: Dezembro 29, 2007, 15:25:01 »
A cipe é com base no sape. Mas por vezes sinto que a linguagem não se adequa muito bem. Mas há também outro problema, a falta de tempo para estar no computador a fazer registos. Penso que o bloco de Partos é comparável com o serviço de urgência, há utentes que permanecem neste serviço entre 3 a 6 horas. Logo que o bebé nasce duplicam-se os registos, da mãe e do filho. Na maioria das vezes são admitidas várias gravidas ao mesmo tempo. O sape tem muitas entradas que dificultam a rapidez dos registos. Fazer avaliação inicial, escolher fenómenos, status, intervenções de enfermagem, atitudes terapêuticas, etc, passa o tempo e nem olhamos para a grávida. Há coisas que não se podem adiar, como o momento do nascimento com qualidade. Desculpem ter escrito tanto mas acho que precisava de desabafar. Seria útil alguém criar um sistema de registos mais pratico e fácil.