Autor Tópico: Enfermeiros / EUA  (Lida 148442 vezes)

Offline cspm25

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 187
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #165 em: Março 17, 2012, 15:19:39 »
Colegas, dsd já muita sorte a todos.
É preciso muita força e determinação para embarcar numa aventura destas.
Tenho imensos familiares espalhados pelos vários estados dos EUA e estão todos muito bem.
Trabalha-se muito mas depois o nível de vida que se pode levar é outra coisa!
Tudo de bom!

Offline falcaomiami

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #166 em: Abril 17, 2012, 22:29:53 »
Olá!

Por acaso, eu fui passar a minha lua de mel a Miami e depois fiquei lá a trabalhar!

Será que sou eu o tal casal que o amigo Brandão se refere?

Offline marlenepinheiro

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 12
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #167 em: Maio 07, 2012, 18:24:38 »
Caro falcaomiami, enviei-lhe MP...  :)

Offline JoeBlack

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 69
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #168 em: Maio 18, 2012, 04:49:13 »
Boas pessoal,

Não sei o que têm passado ao enfermeiro Paulo, mas a muito que não aparece por aqui.
Mas como foi dito em mensagens anteriores a enfermagem nos estados unidos , não está la muito boa,devido ao actual momento economico que atravessam todos os paises e também devido aos visas que são dificeis de obter para lá entrar.
Pergunto eu??!!!Porque não tentarem enfermagem no UK, melhorar o inglês e depois EUA???A austrália também está a pedir mão de obra (como enfºs etc)....Voltando ao caso dos EUA, não acredito que isto dure muito, pois como dizem muitas revistas de top, enfermagem é profissão de futuro para homecares, visto que o babyboom dos EUA está agora velhinho.....sigam os vossos sonhos, sejam eles dificeis ou não...as vezes, sem sempre é o que parece......


cumprimentos a todos

Offline marlenepinheiro

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 12
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #169 em: Maio 30, 2012, 16:42:43 »
Falcaomiami, JoeBlack e colegas que conhecem a realidade dos EUA...
Tenho nos ultimos tempos andado a fazer várias pesquisas acerca dos EUA, neste momento trabalho no UK no NHS há cerca de um ano numa Medical Assessment Unit e estou a pensar ir trabalhar como agency nurse com o objectivo de reunir uns trocos e começar o processo para trabalhar nos EUA, no entanto tenho algum receio que a experiencia como agency nurse não seja "tão bem reconhecida" como trabalhar num acute setting.
Alguém tem opinião sobre isto ou conhece a realidade?
Outra questão são os visas, quanto tempo demora a obter, o visa retrogression afecta também portugal tal como os outros países?
Tendo em conta os pay rates das agências no UK, em termos monetários vale a pena ir para os EUA visto a diferença da libra para o dolar?
Se alguém pudesse dar a sua opinião ou partilhar a sua experiencia era muito importante.
Obrigada desde já a todos.

Offline falcaomiami

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #170 em: Junho 02, 2012, 13:39:05 »
Olá Marlene!
Sim, fazes muito bem ir como agency nurse. Esquece o dinheiro, foca-te na experiência. Como Agency Nurse trabalhas em dezenas de hospitais e conheces centenas de realidades. Se continuares no NHS ficas limitada àquilo e nada desenvolves. Trabalhei em Londres 6 anos como agency nurse e fiz turnos em mais de 50 hospitais e unidades.
Relativamente ao VISA, conforme já tive oportunidade de indicar em tópico anterior, recomendo-te que contates diretamente os hospitais no estado americano que desejas trabalhar e eles tratam de tudo.

Não é o que vais ganhar a mais nos USA, mas sim a qualidade de vida e o preço a que as coisas lá estão. É outra realidade. Vais adorar...

Offline marlenepinheiro

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 12
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #171 em: Junho 03, 2012, 16:20:02 »
Uma casa no UK com tres quartos e 1 ou 2 wc, uma garagem mini (um opel astra cabe à justa) e se esticar o braço toco no tecto, um jardim 2mx3m, ou seja pequenas como são todas é capaz de custar umas 300.000 libras, onde moro em Milton keynes (não londres, nisso nem falo).
Que são cerca de 500.000 dolares, que na florida consigo comprar uma casa com 5 quartos, 6 wc (com lavatorios duplos, lol ;D), garagem para tres carros e uma piscina coberta, isto perto da praia! Fiquei chocada  :o
E pagam quase o mesmo de property tax que eu agora pago de council tax.
Vou iniciar com a Mayday, têm muitos turnos na minha área.
Que mais agencias recomenda, Pulse? Prestige Nursing? Tenho medo de não me conseguir organizar com os turnos...

Offline PauloReis

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 14
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #172 em: Junho 26, 2012, 22:56:44 »
Olá a todos,
Gostaria de saber se alguém está a tratar deste processo actualmente porque estou com um pequeno problema...Estou a tratar da verificação de credenciais para o estado de NY e acontece que o CGFNS já enviou os documentos para a escola e para a ordem...
Acontece que actualmente a ordem recusa-se a assinar qualquer documento e dizem que só passam uma declaração segundo as normas da União Europeia q custa 7 euros e picos...acontece que, vocês sabem como os Americanos são picuinhas como estas coisas (se calhar eles é que fazem as coisas como devem ser feitas).
Alguém está com o mesmo problema? O q fizeram?
Abraços

Offline marlenepinheiro

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 12
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #173 em: Julho 04, 2012, 15:46:08 »
Colega pauloreis,
Lamento não poder ajudar pois ainda não comecei o processo, mas deixa-me apreensiva depender de instituições como a ordem dos enfermeiros para o desenrolar do processo.
Há quanto tempo iniciou e há quanto tempo está à espera de acção por parte da ordem dos enfermeiros?

Offline mokinha

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 3
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #174 em: Julho 09, 2012, 19:19:44 »
Boa Tarde!
Alguém esta a tratar do processo para ir para o estado de NJ? é semelhante ao de NY?

Offline _Sarita_

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 10
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #175 em: Setembro 08, 2012, 18:26:58 »
Olá a todos!
Sou nova aqui no forúm e também finalista do curso de enfermagem, que espero terminar em Janeiro.
Como tal e já só faltam 4 meses para me licenciar comecei a explorar as saídas.
Cá em Portugal está tudo cada vez pior e penso seriamente em sair do pais e tenho particular interesse nos EUA.
A minha grande dúvida neste momento é se conseguiria arranjar emprego enquanto recém-licenciada.
Será que alguém me pode dar umas luzes sobre isso, qual a receptividade dos hospitais em receber recém-licenciados?

Desde já Obrigada.

Offline suzysantos

  • Iniciante
  • *
  • Mensagens: 1
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #176 em: Janeiro 13, 2013, 21:07:45 »
Boa noite gente!!
Bem, não sou nova por aqui em termos de leitura, mas sou nova a "meter" conversa.
Costuma-se dizer "Ano novo, vida nova" e parece que 2013 vai começar com algumas mudanças na minha vida como enfermeira.
Em Dezembro passado visitei o meu país - EUA que já não via há 19 anos e fiquei "agarrada" à ideia de voltar para lá para ficar.
Sei os passos que se deve ter , graças a um colega que deixou tudo aqui bem explicito, mas algumas dúvidas andam a pairar no ar.
Ora a minha ideia é voltar para Nova Iorque e começar uma vida lá - já que tenho a nacionalidade a jogar a meu favor. Preciso saber, se alguém que já passou por este processo me pode esclarecer quanto ao exame TOEFL - é mesmo necessário/obrigatório fazer o teste TOEFL? Ou basta fazer o NCLEX?! Quem já fez o NCLEX - o que achou?
Começar a trabalhar nos EUA - como é? Entrevistas? Os colegas lá são "acessiveis" a estrangeiros? Ou "somos postos de parte"??
Também já li por aqui, que a ordem dos enfermeiros portuguesa está a dificultar o processo a muita gente... afinal de contas alguém me sabe explicar qual é o problema deles?? Quem emigra apenas está a fazer o que o Governo manda... certo?

Bem, vou ficar a espera que alguém me responda a estas pequenas dúvidas (e que me incentivem mais a emigrar)...

Offline fmago

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 23
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #177 em: Janeiro 15, 2013, 19:42:16 »
Tb eu ,colega gostava de obter informações sobre ir trabalhar para o Canadá, maS SERÁ QUE ALGUEM TEM CONHECIMENTO DA BUROCRACIA?

Offline ENFLIVIA

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 3
    • Ver Perfil
Re: Enfermeiros / EUA
« Responder #178 em: Fevereiro 04, 2013, 02:41:01 »
Olá,

Que Deus ilumine sua vida hoje e sempre!

Grato.

Citação de: "Enf.Paulo"
    Boa Tarde Comunidade do Forum Enfermagem.

    A pedido do Enf.Pedro Silva, a quem deixo desde já um abraço, posto aqui este testemunho sobre este tema que tanto se debate actualmente e tantas dúvidas levanta em centenas de colegas, "A emigração para os EUA". Tentarei neste texto esclarecer todos os pontos que, para mim, suscitaram dúvidas ao longo de todo este processo.

    Efectivamente a situação da Enfermagem em Portugal está cada vez pior, levando cada vez mais pessoas (como eu) a procurar de algum modo a sua realização profissional/pessoal além fronteiras. Um dos destinos sem dúvida mais badalados são os EUA, em parte pelo Sonho Americano e por outro lado pelo factor monetário que tanto se faz ouvir.

    Eu, pessoalmente, escolhi o destino EUA pelo sonho que sempre tive de ir para lá, deixando o factor monetário para último lugar. Este é o meu primeiro conselho: se na nossa terra se diz que o dinheiro não traz felicidade, acreditem que a 8 mil km's daqui vai trazer muito menos, e por isso decidam o vosso destino nunca baseados nas ofertas mas sim na concretização.

    ANGARIST: Antes de começar queria já esclarecer a questão ANGARIST. Sem muitas demoras, é FALSO. A empresa é confirmadamente uma fraude no que toca à colocação de Enfermeiros nos EUA. Felizmente esta farsa veio recentemente a público na RTP1, mas para quem ainda não sabia fique a saber. Por favor afastem-se dessa empresa e transmitam a palavra a tantas pessoas quantas puderem. Não permitam que mais colegas nossos caiam neste erro. Eu felizmente fui avisado a tempo (há cerca de 1 ano) mas conheço pessoalmente colegas que não tiveram a mesma sorte e passaram maus bocados "largados" em território Americano sem qualquer tipo de ajuda. Para os mais crentes nesta empresa por favor consultem a legislação referente às empresas de recrutamento. A lei proibe qualquer empresa de cobrar dinheiro às pessoas que recrutam. Isto deve-se ao facto de essas empresas serem pagas pelos hospitais que as contratam. A ANGARIST contrariando esta directiva, cobra 500€ a cada pessoa para se inscreverem. Afirmam colocar 80 Enfermeiros por ano nos EUA, mas a Embaixada Americana nega ter recebido até ao dia de hoje um único pedido de Visto de Enfermeiros Portugueses. Mais uma vez, POR FAVOR, passem mensagem e mantenham todos os que conhecem afastados desta empresa.

    Para quem realmente aspira a desenvolver carreira neste País, preparem-se, irão deparar-se com TUDO, menos facilidades. O processo é moroso e complicado, fazendo muitos desistir pelo caminho. Aos que não desistem, bem hajam, boa sorte e...Bem Vindos ao outro Mundo!

    O Processo: De forma a estarem aptos a receber o 1º ordenado como Enfermeiros em solo Americano, devem concluir uma série de passos que vou passar a indicar sucintamente por tópicos:

    • Visitar o site da CGFNS (www.cgfns.org) de forma a inteirarem-se da melhor situação para cada um (os diferentes estados Americanos pedem diferentes requisitos), neste caso vou especificar o meu caso, Estado de Nova Iorque. No site, entrem no link Credential Verification Service for New York State e descarreguem o manual que traz todas as instruções e orientações bem como a vossa inscrição na CGFNS. Para os menos informados, a CGFNS é uma Comissão estatal que verifica a credibilidade dos enfermeiros estrangeiros.
    • Eviem a inscrição completa junto com a taxa de 325 USD. De seguida aguardem. Ser-vos-á enviada uma carta de boas vindas e um número de identificação que vos será pedido sempre que liguem para lá para saber informações sobre o vosso processo. Este número serve também para criarem uma conta online de forma a estar a par do processo.
    • De seguida aguardem...muito. A Comissão vai verificar as vossas credenciais junto da vossa Escola e Ordem dos Enfermeiros. Esta verificação pode levar até 6 meses, dependendo da rapidez de correspondência entre a Comissão e as Entidades Portuguesas.
    • Entretanto inscrevam-se no 1º exame, o exame de inglês geral, TOEFL. Entrem no site em www.toefl.org e inscrevam-se para o exame numa data disponivel. A má notícia é que o único centro de exames em Portugal (Lisboa) fechou e não há novas aberturas previstas para já. Preparem-se para ir a Espanha faze-lo. Este exame custa 120€ e numa escala de dificuldade de 0 a 5, para uma pessoa com boas bases de inglês diria que é 3. Devem passar este exame com nota igual ou superior a 84 (0 a 120).
    • Quando a CGFNS emitir o relatório final acreditando o vosso estatuto, está na altura de se inscreverem na Ordem dos Enfermeiros Nova Iorquina (estamos a falar do Estado de Nova Iorque). Descarreguem a inscrição em www.op.nysed.gov e enviem completa junto com uma taxa de 155 USD para a Ordem. A Ordem vai avaliar a vossa inscrição, junto com a informação que recebeu da CGFNS e se tudo correr bem passadas 6 semanas dão-vos o OK para se inscreverem. Este OK não é um OK final, é apenas uma autorização para vocês poderem inscrever-se no 2º e derradeiro exame, o NCLEX, exame de Enfermagem em inglês.
    • Inscrevam-se no NCLEX em www.ncsbn.org (busquem pela entidade PERSON VUE que é quem efectua o exame e inscrevam-se) e preparem-se com 200 USD. Demora cerca de 1 mês para poderem fazer o exame. Este exame é de dificuldade 5 naquela escala de 0 a 5 anterior. Consiste em cerca de 260 perguntas em computador baseadas em diagnósticos de enfermagem. Cada um sabe se passou logo no final do exame, no entanto a nota oficial em relatório escrito demora cerca de 1 mês. É este relatório que é transmitido à Ordem dizendo que vocês passaram (espero eu). Após o envio deste relatório para a Ordem aguardem cerca de 2 semanas e VOILÁ, são Registered Nurses on the New York State. ACABOU.
    • Em seguida procuram emprego. Ou seja, entram num hospital e assinam contrato. A procura é realmente muito inferior à oferta e posso quase assegurar que qualquer hospital do Estado vos oferece emprego no mesmo dia.
    • Por último lugar, e apenas depois de terem uma oferta de emprego, tratam do VISA. Só podem tirar um visto depois de estarem confirmadamente empregados por uma entidade credível (um hospital). O hospital terá que enviar um pedido ao serviço de emigração atestando que vocês têm contrato assinado e como tal precisam do visto para trabalhar. Os serviços de emigração vão emitir um formulário autorizando a permanência em território Americano. De seguida têm que pegar nesse formulário e na declaração do hospital e deslocar-se a Lisboa à Embaixada Americana para requisitar o visto. Pagam cerca de 80€ e o visto é-vos entregue no dia seguinte. Esta é a maior perda de tempo e dinheiro pois obrigam-vos a vir de propósito a Portugal por 1 dia para tratar disto, mas não há volta a dar, nem com procurações.
    • Uma vez com o visto na mão, sejam felizes.

    NOTA: Para os que não queiram ir para o Estado de Nova Iorque, a diferença é pequena. Em vez do NCLEX terão que efectuar um exame semelhante mas na CGFNS. Não me alargo em promenores pois desconheço.

    Uma vez a trabalhar, as condições são sem dúvida melhores em todos os aspectos às de Portugal, e junto com as condições também a remuneração. O salário base de um Enfermeiro de 1º Escalão (recém-formado/sem experiência) pode rondar os 55.000 USD/ano. As férias rondam os 22 dias/ano. Não me vou alargar neste assunto pois é extremamente subjectivo, dependendo de factores tais como: Hospital, Serviço, Contrato...

    O custo de vida em Nova Iorque é, ao contrário do que muito se fala, igual ou inferior ao de Portugal. Os luxos pagam-se a dobrar ou triplicar (tabaco, bebidas, discotecas, cinema...), no entanto os bens essenciais do dia-a-dia de um trabalhador residente (transportes, compras de supermercado, electricidade, comunicações...) podem ser inferiores aos de Portugal. A habitação é mais cara do que em Portugal cerca de 50% no mínimo, até um máximo de 300 ou 400% também dependendo se queremos um T1 ou um T4 e se o queremos no centro da cidade ou mais afastado. O preço de um T1 a cerca de 20min do centro poderá rondar os 1200 USD. Nova Iorque é o Estado mais caro a nível de impostos, correspondendo estes a cerca de 11% do rendimento mensal.

    A nível de habitação, muitos hospitais têm prédios de habitação para os seus empregados. Estes prédios situam-se nas imediações dos hospitais e se houver disponibilidade vocês poderão habitar neles. No entanto, têm que pagar na mesma. Nada é oferecido, a não ser (e já é muito bom) a proximidade do hospital.

    Para os que não se sentem tão seguros para tratarem deste processo todo por vossa conta, posso recomendar 2 empresas credíveis, WhiteGlove e Adevia. No entanto, neste momento a 1a não está a recrutar Enfermeiros e a 2a pede 2 anos de experiência para se inscreverem. Não me alargo em promenores também neste assunto pois desconheço.

    Creio que escrevi mais do que devia, mas acho que nunca é de mais quando se trata de esclarecer pontos tão importantes como o Futuro de cada um.

    Espero sinceramente que estas palavras sejam de utilidade para muitos de vós que se encontravam perdidos e indecisos.

    Muito Boa Sorte a todos, aventurem-se e...vemo-nos em Times Square.

    Cumprimentos.

    Enf.Paulo
    [/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list]

    Offline costalima.tomas

    • Iniciante
    • *
    • Mensagens: 1
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #179 em: Março 05, 2013, 01:52:06 »
    Boa Noite Enf. Paulo.

    Gostaria de saber se os itens de candidatura/validação das competências para os EUA se mantêm os mesmos.

    De momento, estou a começar a planear a emigração para NY e, gostaria, se possível, de alguns esclarecimentos adicionais.

    Aguardo noticias brevemente.

    Cumprimentos
    Tomás