Forumenfermagem

Autor Tópico: Enfermeiros / EUA  (Lida 131535 vezes)

Offline Enf.Paulo

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 182
    • Ver Perfil
Enfermeiros / EUA
« em: Outubro 31, 2007, 15:23:22 »
    Boa Tarde Comunidade do Forum Enfermagem.

    A pedido do Enf.Pedro Silva, a quem deixo desde já um abraço, posto aqui este testemunho sobre este tema que tanto se debate actualmente e tantas dúvidas levanta em centenas de colegas, "A emigração para os EUA". Tentarei neste texto esclarecer todos os pontos que, para mim, suscitaram dúvidas ao longo de todo este processo.

    Efectivamente a situação da Enfermagem em Portugal está cada vez pior, levando cada vez mais pessoas (como eu) a procurar de algum modo a sua realização profissional/pessoal além fronteiras. Um dos destinos sem dúvida mais badalados são os EUA, em parte pelo Sonho Americano e por outro lado pelo factor monetário que tanto se faz ouvir.

    Eu, pessoalmente, escolhi o destino EUA pelo sonho que sempre tive de ir para lá, deixando o factor monetário para último lugar. Este é o meu primeiro conselho: se na nossa terra se diz que o dinheiro não traz felicidade, acreditem que a 8 mil km's daqui vai trazer muito menos, e por isso decidam o vosso destino nunca baseados nas ofertas mas sim na concretização.

    ANGARIST: Antes de começar queria já esclarecer a questão ANGARIST. Sem muitas demoras, é FALSO. A empresa é confirmadamente uma fraude no que toca à colocação de Enfermeiros nos EUA. Felizmente esta farsa veio recentemente a público na RTP1, mas para quem ainda não sabia fique a saber. Por favor afastem-se dessa empresa e transmitam a palavra a tantas pessoas quantas puderem. Não permitam que mais colegas nossos caiam neste erro. Eu felizmente fui avisado a tempo (há cerca de 1 ano) mas conheço pessoalmente colegas que não tiveram a mesma sorte e passaram maus bocados "largados" em território Americano sem qualquer tipo de ajuda. Para os mais crentes nesta empresa por favor consultem a legislação referente às empresas de recrutamento. A lei proibe qualquer empresa de cobrar dinheiro às pessoas que recrutam. Isto deve-se ao facto de essas empresas serem pagas pelos hospitais que as contratam. A ANGARIST contrariando esta directiva, cobra 500€ a cada pessoa para se inscreverem. Afirmam colocar 80 Enfermeiros por ano nos EUA, mas a Embaixada Americana nega ter recebido até ao dia de hoje um único pedido de Visto de Enfermeiros Portugueses. Mais uma vez, POR FAVOR, passem mensagem e mantenham todos os que conhecem afastados desta empresa.

    Para quem realmente aspira a desenvolver carreira neste País, preparem-se, irão deparar-se com TUDO, menos facilidades. O processo é moroso e complicado, fazendo muitos desistir pelo caminho. Aos que não desistem, bem hajam, boa sorte e...Bem Vindos ao outro Mundo!

    O Processo: De forma a estarem aptos a receber o 1º ordenado como Enfermeiros em solo Americano, devem concluir uma série de passos que vou passar a indicar sucintamente por tópicos:

    • Visitar o site da CGFNS (www.cgfns.org) de forma a inteirarem-se da melhor situação para cada um (os diferentes estados Americanos pedem diferentes requisitos), neste caso vou especificar o meu caso, Estado de Nova Iorque. No site, entrem no link Credential Verification Service for New York State e descarreguem o manual que traz todas as instruções e orientações bem como a vossa inscrição na CGFNS. Para os menos informados, a CGFNS é uma Comissão estatal que verifica a credibilidade dos enfermeiros estrangeiros.
    • Eviem a inscrição completa junto com a taxa de 325 USD. De seguida aguardem. Ser-vos-á enviada uma carta de boas vindas e um número de identificação que vos será pedido sempre que liguem para lá para saber informações sobre o vosso processo. Este número serve também para criarem uma conta online de forma a estar a par do processo.
    • De seguida aguardem...muito. A Comissão vai verificar as vossas credenciais junto da vossa Escola e Ordem dos Enfermeiros. Esta verificação pode levar até 6 meses, dependendo da rapidez de correspondência entre a Comissão e as Entidades Portuguesas.
    • Entretanto inscrevam-se no 1º exame, o exame de inglês geral, TOEFL. Entrem no site em www.toefl.org e inscrevam-se para o exame numa data disponivel. A má notícia é que o único centro de exames em Portugal (Lisboa) fechou e não há novas aberturas previstas para já. Preparem-se para ir a Espanha faze-lo. Este exame custa 120€ e numa escala de dificuldade de 0 a 5, para uma pessoa com boas bases de inglês diria que é 3. Devem passar este exame com nota igual ou superior a 84 (0 a 120).
    • Quando a CGFNS emitir o relatório final acreditando o vosso estatuto, está na altura de se inscreverem na Ordem dos Enfermeiros Nova Iorquina (estamos a falar do Estado de Nova Iorque). Descarreguem a inscrição em www.op.nysed.gov e enviem completa junto com uma taxa de 155 USD para a Ordem. A Ordem vai avaliar a vossa inscrição, junto com a informação que recebeu da CGFNS e se tudo correr bem passadas 6 semanas dão-vos o OK para se inscreverem. Este OK não é um OK final, é apenas uma autorização para vocês poderem inscrever-se no 2º e derradeiro exame, o NCLEX, exame de Enfermagem em inglês.
    • Inscrevam-se no NCLEX em www.ncsbn.org (busquem pela entidade PERSON VUE que é quem efectua o exame e inscrevam-se) e preparem-se com 200 USD. Demora cerca de 1 mês para poderem fazer o exame. Este exame é de dificuldade 5 naquela escala de 0 a 5 anterior. Consiste em cerca de 260 perguntas em computador baseadas em diagnósticos de enfermagem. Cada um sabe se passou logo no final do exame, no entanto a nota oficial em relatório escrito demora cerca de 1 mês. É este relatório que é transmitido à Ordem dizendo que vocês passaram (espero eu). Após o envio deste relatório para a Ordem aguardem cerca de 2 semanas e VOILÁ, são Registered Nurses on the New York State. ACABOU.
    • Em seguida procuram emprego. Ou seja, entram num hospital e assinam contrato. A procura é realmente muito inferior à oferta e posso quase assegurar que qualquer hospital do Estado vos oferece emprego no mesmo dia.
    • Por último lugar, e apenas depois de terem uma oferta de emprego, tratam do VISA. Só podem tirar um visto depois de estarem confirmadamente empregados por uma entidade credível (um hospital). O hospital terá que enviar um pedido ao serviço de emigração atestando que vocês têm contrato assinado e como tal precisam do visto para trabalhar. Os serviços de emigração vão emitir um formulário autorizando a permanência em território Americano. De seguida têm que pegar nesse formulário e na declaração do hospital e deslocar-se a Lisboa à Embaixada Americana para requisitar o visto. Pagam cerca de 80€ e o visto é-vos entregue no dia seguinte. Esta é a maior perda de tempo e dinheiro pois obrigam-vos a vir de propósito a Portugal por 1 dia para tratar disto, mas não há volta a dar, nem com procurações.
    • Uma vez com o visto na mão, sejam felizes.

    NOTA: Para os que não queiram ir para o Estado de Nova Iorque, a diferença é pequena. Em vez do NCLEX terão que efectuar um exame semelhante mas na CGFNS. Não me alargo em promenores pois desconheço.

    Uma vez a trabalhar, as condições são sem dúvida melhores em todos os aspectos às de Portugal, e junto com as condições também a remuneração. O salário base de um Enfermeiro de 1º Escalão (recém-formado/sem experiência) pode rondar os 55.000 USD/ano. As férias rondam os 22 dias/ano. Não me vou alargar neste assunto pois é extremamente subjectivo, dependendo de factores tais como: Hospital, Serviço, Contrato...

    O custo de vida em Nova Iorque é, ao contrário do que muito se fala, igual ou inferior ao de Portugal. Os luxos pagam-se a dobrar ou triplicar (tabaco, bebidas, discotecas, cinema...), no entanto os bens essenciais do dia-a-dia de um trabalhador residente (transportes, compras de supermercado, electricidade, comunicações...) podem ser inferiores aos de Portugal. A habitação é mais cara do que em Portugal cerca de 50% no mínimo, até um máximo de 300 ou 400% também dependendo se queremos um T1 ou um T4 e se o queremos no centro da cidade ou mais afastado. O preço de um T1 a cerca de 20min do centro poderá rondar os 1200 USD. Nova Iorque é o Estado mais caro a nível de impostos, correspondendo estes a cerca de 11% do rendimento mensal.

    A nível de habitação, muitos hospitais têm prédios de habitação para os seus empregados. Estes prédios situam-se nas imediações dos hospitais e se houver disponibilidade vocês poderão habitar neles. No entanto, têm que pagar na mesma. Nada é oferecido, a não ser (e já é muito bom) a proximidade do hospital.

    Para os que não se sentem tão seguros para tratarem deste processo todo por vossa conta, posso recomendar 2 empresas credíveis, WhiteGlove e Adevia. No entanto, neste momento a 1a não está a recrutar Enfermeiros e a 2a pede 2 anos de experiência para se inscreverem. Não me alargo em promenores também neste assunto pois desconheço.

    Creio que escrevi mais do que devia, mas acho que nunca é de mais quando se trata de esclarecer pontos tão importantes como o Futuro de cada um.

    Espero sinceramente que estas palavras sejam de utilidade para muitos de vós que se encontravam perdidos e indecisos.

    Muito Boa Sorte a todos, aventurem-se e...vemo-nos em Times Square.

    Cumprimentos.

    Enf.Paulo
    [/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list][/li][/list]
    PM

    Offline enfsergio

    • Membro Veterano
    • *****
    • Mensagens: 1897
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #1 em: Outubro 31, 2007, 16:58:36 »
    Excelente testemunho.
    Muito esclarecedor.
    Parabéns aos que não desistem perante tanta burocracia e encontram o sonho da enfermagem em terras americanas.
    Apesar do post long...tive que o ler até ao fim.
    Parabéns!

    Não desistam dos vossos sonhos.
    Não parem de lutar...porque se não forem vocês a lutar...ninguém o fará por vocês.

    Offline tips

    • Novato
    • **
    • Mensagens: 16
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #2 em: Outubro 31, 2007, 20:14:21 »
    OBRIGADO enf. Paulo...

    Sem duvida mto esclarecedor!!!

    Offline Anonymous

    • Iniciante
    • *
    • Mensagens: 0
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #3 em: Outubro 31, 2007, 20:39:05 »
    Parabéns pela pertinência e perseverança demonstradas pelo seu testemunho.
    Eu mesma pensei em ir para os EUA há  ano e meio. Mas depois fraquejei e desisti...

    Cumprimentos

    Offline Leugim

    • Membro Associado
    • *****
    • Mensagens: 430
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #4 em: Outubro 31, 2007, 21:50:19 »
    Ena... Com tanta papelada até parece que vamos para Portugal  ;D

    Finalmente alguém sabe responder às dúvidas de todos aqueles que põem a hipótese de trabalhar nos EUA! Por isso, cuidado com as empresas de recrutamento e... BOA SORTE e que vos saia pelo menos uma lotaria!

    Caro Enf. Paulo, ainda bem que deixou o seu testemunho!

    Offline charlie_ze

    • Membro Veterano
    • *****
    • Mensagens: 768
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #5 em: Outubro 31, 2007, 23:12:54 »
    enf.Paulo obrigado por esclarecer toda a comunidade do fórum acerca desta temática, depois disto não restam dúvidas.

    Offline Enf.MariaJoão

    • Membro
    • ***
    • Mensagens: 60
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #6 em: Novembro 01, 2007, 18:32:00 »
    Uma palavra para descrever este texto...ESPECTACULAR!

    Um testemunho fantástico e extremamente esclarecedor.

    Obrigada pela sua ajuda Enf.Paulo. :D

    Beijinhos :-*

    Offline enf*sp*

    • Membro
    • ***
    • Mensagens: 20
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #7 em: Novembro 02, 2007, 18:08:52 »
    Muito Obrigado pelo seu testemunho!!! É  graças a pessoas como você que ainda acreditam nos seus sonhos que a enfermagem ainda poderá ser uma profissão de futuro!!!!

    Offline go-between

    • Membro
    • ***
    • Mensagens: 44
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #8 em: Novembro 03, 2007, 15:26:15 »
    Obrigado pelos esclarecimentos. Sem dúvida oportunos.

    Será que ninguém arranja fotocópias dos manuais do CGFNS?


    cumps
    «When the last RIVER is POISONED, when the last TREE is DEAD, when the last FISH is CAUGHT, then we realise we CAN'T EAT MONEY» GREENPEACE.ORG

    Offline Enf.Paulo

    • Membro Ativo
    • ****
    • Mensagens: 182
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #9 em: Novembro 03, 2007, 15:40:05 »
    Citação de: go-between

    Será que ninguém arranja fotocópias dos manuais do CGFNS?


    Relativamente aos manuais de actividade processual podes arranjar tudo gratuitamente no site oficial da Comissão www.cgfns.org
    Relativamente a manuais de estudo para os exames, lamento não poder ajudar de uma forma gratuita, mas existem vários manuais na internet, muitos dos quais em 2a mão e a preços acessiveis.

    Cumprimentos
    PM

    Offline go-between

    • Membro
    • ***
    • Mensagens: 44
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #10 em: Novembro 03, 2007, 22:28:23 »
    Se não fôr pedir muito, não sabes dizer em que sites é que estão à venda em segunda mão? ;D

    Obrigado!

    cumps
    «When the last RIVER is POISONED, when the last TREE is DEAD, when the last FISH is CAUGHT, then we realise we CAN'T EAT MONEY» GREENPEACE.ORG

    Offline Enf.Paulo

    • Membro Ativo
    • ****
    • Mensagens: 182
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #11 em: Novembro 04, 2007, 19:10:55 »
    Lamento mas de momento não tenho qualquer informação. Sei que há uns meses atrás encontrei desse material na net, mas entretanto desliguei-me disso pois não se aplica à minha situação.
    Boa Sorte.
    PM

    Offline pedrojosesilva

    • Administrador
    • Membro Veterano
    • *****
    • Mensagens: 1883
      • Ver Perfil
      • http://www.forumenfermagem.org
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #12 em: Novembro 04, 2007, 19:23:03 »
    Enf. Paulo

    Obrigado pelo testemunho!
    Boa sorte para está experiência de emigrante, e tens aqui no fórum um lugar onde podes manter a ligação tão importãnte com os colegas aqui do "rectangulo".
    Na perspectiva, só sentimos veraddeiramente o "ser tuga" quando emigramos e ficamos longos períodos longe deste "pequeno rectangulo" à beira mar plantado.
    Um abraço!

    Offline Enf.MariaJoão

    • Membro
    • ***
    • Mensagens: 60
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #13 em: Novembro 05, 2007, 00:17:39 »
    Ola enf Paulo! Como ja disse anteriormente, excelente testemunho, excelente ajuda. Deu me realmente novo alento para iniciar o processo, mas preocupa me o exame de ingles, o TOEFL...será possivel dar me algumas informações sobre o exame, os locais onde o posso fazer, o grau de dificuldade...? Obrigada pla ajuda e felicidades po futuro  :)

    Offline Enf.Paulo

    • Membro Ativo
    • ****
    • Mensagens: 182
      • Ver Perfil
    Re: Enfermeiros / EUA
    « Responder #14 em: Novembro 05, 2007, 13:35:15 »
    Citação de: Enf.MariaJoão
    preocupa me o exame de ingles, o TOEFL...será possivel dar me algumas informações sobre o exame, os locais onde o posso fazer, o grau de dificuldade...?

    Bom dia colega.
    Tal como disse no post principal, o TOEFL é um exame de dificuldade moderada para quem tiver umas boas bases de inglês. É constituido por 4 partes: 1a de leitura e resposta multipla, 2a de audição/leitura e resposta multipla, 3a de audição/leitura e resposta verbal, 4a de audição/leitura e resposta escrita.
    Parece-me lógico que a componente mais dificil seja a componente verbal, uma vez que é a única vertente que não temos tanta oportunidade de praticar no nosso país e como tal sentimo-nos pouco à vontade, no entanto é superável com bastante treino e acima de tudo MUITA VONTADE!
    Também como referi, o único centro TOEFL Português fechou em Julho passado e não há data prevista para novas aberturas. Como tal os centro mais próximos são o de Santiago de Compostela, Oviedo e Madrid. Depois destes tem centros em praticamente todos os países da Europa e em várias cidades (mais longe). Eu pessoalmente realizei o meu em Paris, depois de uma tentativa em Oviedo cancelada no próprio dia pelo ETS (entidade que regula o TOEFL) devido a problemas informáticos.
    Espero que a informação seja útil. Boa Sorte e não desanime.

    Cumprimentos
    PM