Autor Tópico: Delegar ou não delegar a administração de HBPM (Lovenox ou Fraxiparina SC)  (Lida 3004 vezes)

Offline Enigma_H

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 71
    • Ver Perfil
Boa tarde colegas,

O que me dizem ao facto de, em algumas situações, se delegarem aos cuidadores informais ou mesmo aos próprios utentes as administrações no domicílio de HBPM (vulgo Lovenox ou Fraxiparina)? Qual é a vossa prática nos CSP nomeadamente em contexto domiciliário?

Obrigado.
"Isto de estar vivo... de certeza que não vai acabar bem!!!"

Offline Propofol

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 186
    • Ver Perfil
Se o enfermeiro fizer os ensinos adequados e verificar que, com os mesmos, o prestador de cuidados ou o próprio utente têm condições para o fazer com segurança, porque não?

Offline ER Nurse

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 49
    • Ver Perfil
Geralmente, há medida que planeio a alta vou fazendo ensinos ao doente/cuidador familiar e vou validando esses mesmos ensinos. Se a conseguem auto-administrar em segurança, tudo bem. Caso contrário, na nota de alta de enfermagem referencio o doente para os CSP.

Offline catmartins22

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 587
    • Ver Perfil
    • http://facebook.com/martinscat
Faz todo o sentido promover a autonomia do doente ou a do cuidador para essa tarefa. Desde que as coisas sejam explicadas e se verifique o doente tem conhecimentos e capacidades para o fazer e integrar essa rotina no seu dia-a-dia não vejo porque não.
Be careful, I might be your nurse someday! :)