Autor Tópico: Assisteo - França  (Lida 51135 vezes)

Offline missinblue

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 80
    • Ver Perfil
Re: Assisteo - França
« Responder #120 em: Março 12, 2013, 02:52:13 »
Olá.
É verdade que na França as oportunidades vão escasseando, e também como toda a gente sabe, a geriatria e a psiquiatria são as áreas com mais projecção na sociedade de hoje em dia e na França não é excepção, mas há que ver a realidade das coisas.. são 1000 cães a um osso, as exigências maiores, as promessas mais escassas. Concluindo, é dificil arriscar no estrangeiro e com tantos entraves e "desculpas" torna-se desesperante.

Offline missinblue

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 80
    • Ver Perfil
Re: Assisteo - França
« Responder #121 em: Março 12, 2013, 02:58:04 »
Citação de: Graziela C.
Olá a todos,

Reagindo ao post anterior: acho optimo e legitimo que alguns tomem as rédeas dos seus projectos e tentem sozinhos. Contudo, se existimos é por alguma razão: filtramos tanto as ofertas - com exigencias de condições para os candidatos, alojamento, contratos sem termo, enquadramento e apoio na integração profissional e pessoal, etc - como os candidatos - tentando adequar as ofertas aos perfis.
E acima de tudo, trazemos segurança e garantias no processo. Sem nenhum custo para o candidato. Para todos os que colocámos, inclusive em casos mais complicados, penso que todos apreciaram o apoio e a transparencia. Pelo menos é o feedback dos candidatos com quem mantemos contacto, por vezes há mais de 3 anos. E é isso que nos dá alento para continuar.

Agora, mais uma vez, a disparidade entre a quantidade de candidatos e as vagas que nós temos é grande, e cada candidato é informado de tal desde o inicio do processo. Cada vaga supõe um trabalho de negociação e recolha de informação muito completo e longo com a instituição e não só, pelo que, neste momento, não temos um numero suficiente de vagas para todos os candidatos que nos contactam.
E é evidente que tb é uma situação frustrante para nós, contudo, para aumentar o numero de vagas neste momento, teriamos que baixar o nivel de exigencia das mesmas. Como podem entender, isso não é opção para nós.

Nada tem a ver com uma suposta mudança na situação de França: há muitas ofertas, e temos alguns anos pela frente antes de sentir qualquer abrandamento. O mercado para enfermeiros estrangeiros tem-se focado um pouco mais para geriatria, as exigencias relativamente a lingua têm aumentado, e as necessidades concentram-se um pouco mais em determinadas zonas do pais, mas sem mudanças marcantes desde 2009.

Resumindo:

não exigimos exclusividade, nem cobramos o serviço. Não há garantia a partida: podemos colocar numa semana como já aconteceu, ou em varias. Ou infelizmente, não arranjar vaga dentro do prazo considerado razoavel pelo candidato. É legitimo, desde que comunicado.
Mas quando chegamos a acordar uma colocação, damos o nosso melhor e não contamos os esforços para acompanhar e amparar o profissional: esse é o nosso compromisso para com os nossos candidatos. E é garantido.


Um excelente dia para todos :-)
G.

Olá. O vosso serviço é gratuito?

Offline missinblue

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 80
    • Ver Perfil
Re: Assisteo - França
« Responder #122 em: Março 12, 2013, 03:16:20 »
Olá Graziela, gostaria de saber, se possivel  as  respostas  para as seguintes questões.

-quando seria a próxima sessão da Assisteo para a França no Porto

-que documentos são necessários para concorrer para França

- que nível de Francês é requerido hoje em dia em França B1 ou B2?
   (tenho nivel B2, tirei há pouco um curso de francês para profissionais de saúde, mas nao foi na alliance, será que é válido?)

Obrgdo e até breve

Offline Graziela C.

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 57
    • Ver Perfil
Re: Assisteo - França
« Responder #123 em: Março 12, 2013, 12:31:05 »
Bom dia missinblue,

respondendo as suas preguntas:

1 - estarei provavelmente no Porto no proximo mês, na semana de 08 de Abril, mas ainda não tenho datas nem locais precisos. Se quiser ser informada, por favor, envie-me um mail para graziela.cordeiro.recrutement@gmail.com
Contudo, entretanto, podemos sempre marcar - mesmo se for um grupo - via Skype para conversarmos e esclarecerem todas as vossas duvidas. É sem compromisso da vossa parte, e torna-se menos impessoal do que simples trocas de mails.

2 -  Os documentos para França são os geralmente exigidos por todas as agencias: BI, CV, foto, registo criminal, declaração da OE, certidao nascimento, diploma(s), comprovativo de experiência para quem trabalhou, comprovativo de nivel de francês...
Contudo, todos os elementos não têm de ser apresentados ao mesmo tempo, pois nem todos servem para o mesmo. Depende do timing do processo, pois alguns servem para o dossier de candidatura (dirigido ao empregador), e outros  são mais especificamente destinados aos tramites legais a realizar nos primeiros dias no local para legalizar a sua situação profissional. 

Um exemplo importante é o das traduções: serão exigidas para os trâmites de legalização profissional em França apenas as traduções da declaração da OE, do diploma e eventualmente do comprovativo de experiencia profissional. Podem portanto ser pedidas apenas antes da partida, se for mais conveniente em termos financeiros para o candidato, pois para o dossier, realizamos as traduções gratuitamente (para o nosso uso exclusivo).
E relativamente aos custos de traduções: as administrações francesas costumam pedir traduções juradas ou certificadas pelo notario. Ora essas traduções são muito mais dispendiosas do que as simples. Deixo aqui uma dica: as traduções simples da Alliance Française são validadas pelas administrações francesas, apenas pelo carimbo colocado nas mesmas.

. Por fim, a questão do francês: a Ordem francesa exige o B2 mediante comprovativo. O ideal é, evidentemente, de poder sair de Portugal com esse nivel comprovado.
Contudo, o profissional tem algum tempo para se inscrever, pelo que nós exigimos o nivel minimo B1 - o primeiro nivel de autonomia - em francês técnico da saúde para garantir que são capazes de assumir as vossas funções com segurança. Apos a fase de integração, realizamos o dossier de inscrição com o candidato e é enviado para a Ordem, que depois de o analizar, pedirá esse comprovativo. Nessa altura, já poderão realizar uma avaliação junto de uma entidade acreditada em França para obter um comprovativo B2.
Atenção: esse é o caso geral, mas em algumas regiões (Ile-de-France, Savoie...) a administração local exige a inscrição na ordem antes de aceitar qualquer candidatura ou legalizar o profissional. Logo, nesses casos, terão mesmo que obter o comprovativo para se poderem candidatar.

No seu caso pessoal, tudo depende da entidade, mas se for uma escola em Portugal, nenhuma beneficia, de facto, de um reconhecimento garantido em França, com excepção da Alliance Française. Existe, contudo, a possibilidade de validar o seu B2 passando um teste de posicionamento oficial (TCF) - pago - numa Alliance Française. Ser-lhe-á emitido um certificado que é sistematicamente reconhecido.

Espero ter esclarecido. Se pretender mais informações, não hesite em ligar ou enviar um e-mail.
Até breve,
G.
Graziela CORDEIRO   
Consultora em Recursos Humanos
__________________________________________________
(+351) 963 472  508 – (+33) 646 62 39 24
 graziela.cordeiro.recrutement@gmail.com


Offline missinblue

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 80
    • Ver Perfil
Re: Assisteo - França
« Responder #124 em: Março 14, 2013, 03:02:55 »
olá, obrgdo pelo esclarecimento, enviei lhe outra msg para o seu email enviada do forumenfermagem. Se puder, gostaria que me esclarecesse as duvidas lá apresentadas. Obrgdo

Offline Graziela C.

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 57
    • Ver Perfil
Re: Assisteo - França
« Responder #125 em: Março 14, 2013, 08:52:12 »
Bom dia missinblue,

por muito que procure, não encontrei nenhuma outra mensagem sua :-(
Posso pedir-lhe que me envie directamente para o meu e-mail por favor? Torna-se mais simples para ambas.
Recordo o endereço: graziela.cordeiro.recrutement@gmail.com.
Pode tambem ligar para o 963 472 508, ou marcar uma conversa via Skype (ID: graziela.c.cordeiro) numa altura a combinar.

Até breve!
G.
Graziela CORDEIRO   
Consultora em Recursos Humanos
__________________________________________________
(+351) 963 472  508 – (+33) 646 62 39 24
 graziela.cordeiro.recrutement@gmail.com


Offline Roten_Boy

  • Administrador
  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 1076
    • Ver Perfil
    • http://www.forumenfermagem.org
Re: Assisteo - França
« Responder #126 em: Abril 16, 2013, 13:34:57 »
A parceria do Forumenfermagem com GC-RH terminou. Agradecemos toda a assistência/apoio prestada a esta comunidade.

O tópico encontra-se trancado para consulta.