Mostrar Mensagens

Esta secção permite-lhe ver todas as mensagens colocadas por este membro. De realçar que apenas pode ver as mensagens colocadas em zonas em que você tem acesso.


Tópicos - Life_passenger

Páginas: [1]
1
Cuidados Gerais / Cogitare em Saúde Proposta
« em: Agosto 21, 2008, 11:09:20 »
Caros colegas vinha por este meio deixar no Fórum um Desafio. O Blog - Cogitare em Saúde http://cogitare.forumenfermagem.org no próximo mês entra de Férias :D. No entanto não pretendemos que este espaço pare. Sendo assim pedimos aos Colegas que assim desejem para que escrevam artigos de Opinião.

Os artigos de Opinião deverão ter no máximo 3 páginas em word em letra 12 e deverão fazer-se acompanhar por foto (vossa )e email de contacto, bem como por um resumo para anunciar na página principal.

Os temas serão da vossa inteira responsabilidade e poderão ser sobre qualquer temática ligada à saúde. Poderão ainda realizar textos ligados apenas a assuntos actuais.

Os artigos ou textos poderão ser enviados para os mails :

Lifepassenger@gmail.com (Sérgio Sousa)

PS: Posteriormente iremos seleccionar os mais interessantes e pertinentes e ficarão On-line ::)

2
"Vai ser investigada a morte de um idoso no Hospital de Aveiro. O homem caiu de uma maca, foi transferido para os Hospitais da Universidade de Coimbra por causa dos ferimentos e acabou por morrer dois dias depois. O ministro da Saúde lamenta mas diz que mantém a confiança nos serviços do hospital.

Manuel Silva sofria de problemas na vesícula. Começou com vómitos no sábado à noite e resolveu ir às urgências do Hospital de Estarreja. Como foi necessário fazer diagnósticos complementares foi transferido para Aveiro. Por volta das 3h00 foi atendido."Para continuar a ler e comenta  as noticias clique aqui:
http://enfermagemsu.blogspot.com/

Deixo os vídeos da Reportagem desta noticia em formato de vídeo. O primeiro refere-se à reportagem propriamente dita e o segundo à resposta da Ordem dos enfermeiros e da Bastonária.
Para verem cliquem nos links:
Link do Video :
1º- http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=321692&tema=37
2º- http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=321693&tema=37




Podem comentar aqui no Forum ou no Blog COGITARE EM ENFERMAGEM. Abraços

3
Cuidados Gerais / Enfermeiros queixam-se de falta de condições
« em: Janeiro 22, 2008, 02:38:49 »
Texto Extraído do BLOG : [font=Verdana:3cpz94yj]COGITARE EM ENFERMAGEM[/font:3cpz94yj]- http://enfermagemsu.blogspot.com/

"Agora são os enfermeiros que se queixam de falta de condições de trabalho nas urgências do Hospital de Faro. Denunciam a escassez de espaço naquele serviço, onde há doentes internados mas em macas espalhadas pelos corredores. Já pediram a intervenção da bastonária e recusam assumir responsabilidades pela qualidade dos cuidados de saúde prestados aos doentes.

O ministro da Saúde desvaloriza a situação que se vive nas urgências do hospital de Faro. Correia de Campos diz que o objectivo do novo hospital central do Algarve será, antes de mais, resolver a grande afluência de doentes que se regista nos períodos de férias.

Para Correia de Campos, o grande problema do hospital de Faro não é a falta de espaço nas urgências, onde doentes com doenças respiratórias e pacientes com patologias graves estão a ser tratados sem o mínimo de condições, mas o problema maior são os turistas no verão.

É assim que o ministro da saúde justifica a construção do novo hospital central do Algarve, desvalorizando por completo o despedimento de um grupo de médicos e enfermeiros que em Novembro afirmaram não ter condições para trabalhar. "(Fonte : TVI)

Os Enfermeiros estão atentos e participam como é seu dever todas as situações em que a qualidade dos cuidados não é possível ser assegurada!Muitos serão os casos em que esta qualidade de cuidados, a prestar aos nossos clientes não existe. Cabe-nos a nós, Profissionais, comunica-las, para que se possa intervir.

Todos temos a perfeita noção que um serviço onde existem demasiados clientes internados, onde as condições para realizar cuidados de Enfermagem não existem levam ao Burnout, levam ao erro.

Citando uma utente de Anadia "Sr. Ministro Correia de Campos, de quem é a Culpa?"

Desvalorizar algo ou ignora-lo não resolve o problema. Penso que uma ida a este Serviço de Urgência de Faro e Reunir com as instituições, seus representantes e profissionais será a melhor Politica a tomar.
Digo eu, que também sou Cliente.


Qual a vossa Opinião? ::)

4
Cuidados Gerais / Profissionalizar a O.E.
« em: Janeiro 20, 2008, 00:29:45 »


Enfermagem encontra-se num momento onde novas respostas, novos desafios se colocam! Neste sentido e perante a NECESSIDADE de se conseguir obter respostas e acções de modo rápido quer qualitativamente, quer quantitativamente penso que o nossa Ordem dos Enfermeiros deveria ser Profissionalizada

Em suma proponho esta discussão para ver se chegamos a algum consenso se acham que a Ordem deveria ser Profissionalizada! Isto implicaria termos Enfermeiros, Pagos para estarem a tempo inteiro a trabalhar nesta entidade que nos Representa!

Esta Profissionalização levaria ao abandono do actual sistema onde os enfermeiros tentam articular o seu trabalho com as responsabilidades e actividades da Ordem dos Enfermeiros. Fazem isto no seu tempo livre com custas para deslocações, mas sem remuneração e sem estarem como é lógico a 100% para todas as solicitações.

Esta Profissionalização é Realidade já noutras Ordens.  ;)

5
O titulo do próximo programa o anuncia e a minha pergunta é mesmo esta . Para onde vai a nossa Saúde. Ao ler e ver o anuncio do programa Pós e Contra fiquei mais uma vez atónito ao verificar que mais uma vez no que consta à Saúde, os restantes grupos profissionais que a integram não serão ouvidos!Em suma serão ouvidos só os Médicos e a População.

Não seria melhor formar uma mesa de debate com os várias Profissões que diariamente estão no terreno, pois estes sabem os problemas que surgem e constituem a equipa fixa no Serviço de Urgência. Nas Urgências este Grupo são os Enfermeiros.

Se isto fosse um trabalho de investigação não seria muito difícil de provar que seria alvo de erros nas conclusões do trabalho. É certo que a Saúde necessita de vários Profissionais para que funcione. Seguindo esta linha de pensamento como é possível que ENFERMEIROS, FARMACEUTICOS, representantes das novas unidades de Saúde Familiares (enfermeiros e médicos) não sejam ouvidos.

Porque trabalho numa Urgência e sei que o mau funcionamento destas não se cinge somente ao trabalhar no mundo confuso da urgência. Temos que analisar a ACESSIBILIDADE, que "se calhar" está posta em causa.

Somos Enfermeiros, aliás somos o maior grupo Profissional a trabalhar na área da Saúde. Espero que tenham enviado um convite às nossas entidades que nos representam- Ordem e Sindicatos.

Deixamos o texto que anuncia o programa :
"Para onde vai a saúde?
O presidente foi claro na mensagem de Ano Novo!O país não entende as vantagens das reformas na saúde!Falta perceber o sentido do encerramento de urgências e serviços de atendimento permanente!Em resposta, os cidadãos mobilizam-se e constituem o Movimento Unidos pela Saúde!Qual vai ser o futuro da área mais sensível da sociedade portuguesa?Para onde vai a Saúde?O ministro Correia de Campos, autarcas, médicos e populações frente-a-frente no maior debate da televisão portuguesa." (Fonte deste  ultimo texto : RTP)

TEXTO EXTRAIDO DE Blog : http://enfermagemsu.blogspot.com/- COGITARE EM ENFERMAGEM

6
Cuidados Gerais / RTP- Ordem - Eleições
« em: Novembro 14, 2007, 14:56:45 »
A questão que nos preocupa a todos nós, quer Enfermeiros quer  Médicos, neste momento, e até Dezembro, serão as eleições para os órgãos sociais da Ordem dos Enfermeiros e da Ordem dos Médicos, como todos sabem defendem e representam (cada uma a sua) a classe profissional. Deste modo tornar-se-à importante aos Enfermeiros e Médicos ouvirem quem serão os seus representantes e quais as politicas acções que defendem para o futuro de cada profissão e da Saúde.

Uma vez que o resultado destas eleições irá marcar(num futuro de 4 anos), a orientação e os desígnios de cada grupo profissional, assim como das politicas de Saúde, propomos à RTP- para que no Programa Pós e Contras realize um debate com os vários Candidatos a Bastonário(a) quer da Ordem dos Enfermeiros, quer da Ordem dos Médicos.  Este poderá realizar-se entre Candidatos da Ordem dos Enfermeiros num debate e posteriormente outro com a Ordem dos Médicos. Ou realizando um debate plural envolvendo todos os intervenientes, uma vez que ambas as profissões se articulam e trabalham em equipa. Como convidados sugeria o Ministro da Saúde, alguém representativa dos Utentes do SNS, os vários Sindicatos representativos das Classes, e ainda os Candidatos das Secções Regionais, cabendo à RTP e a Jornalista Fátima Campos Ferreira a gestão do local onde os colocar.

Para que este debate seja uma realidade, envio-vos esta sugestão, assinando-a .

Enfermeiro Sérgio Bruno Santos Sousa

 Peço caso desejem ver discutido num local isento os vários temas que nos interessam  para que façam copy e Paste e assinem o pedido, ou caso o desejem façam o vosso próprio texto.

Enviem este texto aos colegas e participem.  Deixo o Link para onde Podem escrever:


http://www.rtp.pt/wportal/participe/formulario.php

Acho que seria exequivel e interessante, o que dizem?

7
Cuidados Gerais / Vacina Colo Utero
« em: Novembro 01, 2007, 00:13:36 »
"A vacina para o cancro do colo do útero começou a ser vendida no início de 2007 em Portugal. As três doses necessárias custam € 480. Ou seja, mais do que um salário mínimo."
Nos Orçamentos de Estado espanhol e português, apresentados praticamente em simultâneo, o do país vizinho previa a comparticipação a 100% da vacina. O português não.Alguns especialistas afirmam que a vacina não tem sentido se não for acompanhada pela disseminação da educação sexual nas escolas, porque deve ser tomada antes do início da actividade sexual. Os mais críticos dizem que a falta de iniciativa sobre este assunto (vacina e/ou educação sexual) é sexista e indicia falta de interesse por um problema do foro íntimo das mulheres."http://www.sociedade-civil.blogspot.com/

O cancro do colo do útero é um dos cancros mais comuns nas mulheres, e o responsável por uma mortalidade elevada em todo o mundo. A sua incidência é maior entre as mulheres dos 45 e 60 anos, no entanto muitos casos ocorrem em mulheres mais jovens.

Como aparece o cancro?

O cancro do colo é uma doença relativamente frequente. Aparece e desenvolve-se em silêncio, sem qualquer sintoma próprio.As células da zona de junção escamo-colunar podem ser alteradas pela acção de vírus transmitidos através das relações sexuais, pelo tabaco e outros agentes, que as transformam lenta e progressivamente no caminho do cancro. Nessa negra viagem passam primeiro por uma fase pré-cancerosa, que terminará no cancro se não for detectada e tratada a tempo e horas.(Fonte: ARS)

O Cancro do Colo do utero pode e deve ser prevenido! O seu aparecimento ou mesmo a sua progressão,podem ser impedidas, através de um simples exame, a que se dá o nome de Citologia ou Exame de Papanicolau.

O exame não é doloroso e é gratuito no seu Centro de Saúde, nas consultas de Planeamento Familiar. Se for realizado precocemente, a hipótese de uma lesão ser diagnosticada é elevada, o que contribui para o tratamento mais precoce do cancro, e consequente melhoria da qualidade de vida.

O tema que deixo aqui em discussão, será :

A vacina do Colo do Útero deve ou não ser comparticipada?

Por fim aproveitamos para vos convidar a enviar um mail à RTP, que no blog em cima referido esqueceu-se de colocar o Link da nossa Ordem dos Enfermeiros. Enviei um mail a pedir que este link conste nos "Parceiros da Sociedade Civil". O EMAIL É: sociedade-civil@rtp.pt

8
Cuidados Gerais / Abstenção nas próximas eleições!!
« em: Outubro 26, 2007, 02:34:11 »
"Em Política, abstenção é o acto de se negar ou se eximir de fazer opções políticas. Abster-se do processo político é visto como uma forma de participação passiva, não como exclusão social. A abstenção é manifestada principalmente em períodos eleitorais ou qualquer decisão por voto, quando não se vota propositadamente em nenhum candidato, preferindo-se o voto em branco ou o voto nulo."

Assim a grande pergunta que se coloca nas próximas eleições da O.E. é se abstenção ganhará ou não... O que vos parece? ???

9
Caros Colegas


Para todos os colegas, Enfermeiros, ou simplesmente alguém que procure emprego, nos quadros do estado, pode simplesmente aceder a essa informação, com um clicar do rato.

O site é o Bolsa de Emprego Pública


Para todos os interessados o link é: https://www.bep.gov.pt/Default.aspx

Extendo o convite para visitarem o blog : Cogitare em Enfermagem- http://enfermagemsu.blogspot.com/

10
"ROTINAS

 “Quando ficamos muito tempo num local, tornamo-nos parte dele…”

Moro, num dado, local calmo, perto da praia, sossegado, em que toda a gente quer eu queira quer não, me conhece, por isso estranho quando me falta a rotina de um “Bom dia”, ou “Está tudo bem?)”.

A vida é assim feita de pequenas coisas, repletas de intenção, como o amor, o carinho que muitas vezes não ligamos até essa rotina, esse sentimento faltar! São Rotinas.

Pergunto, quantas vezes apreciamos, um bom dia de sol, ou a companhia dos nossos Pais, Amigos ou Namorada? O tempo corre e nós corremos com ele fazendo que estas rotinas se juntem às demais, em que não se pensa, fazem-se já sem porquês? Isso acontece na vida pessoal e é muitas vezes expressado ou sentido, pela nossa SAUDADE, quando nos falta!

Quando se está doente, está-se debilitado, sem rotinas, sem pessoas amigas a não ser os Profissionais de Saúde, como os Enfermeiros e Médicos… Todos na nossa vida profissional, esperamos sempre algo de uma dada situação, ou seja transformamos o doente e a situação numa caixa repleta de rotinas ou técnicas!

Sou Pessoa acima de tudo, assim como sou Enfermeiro e constato que os alunos de Enfermagem e nós, Enfermeiros, damos cada vez menos importância à Humanização. Sendo mais frequente o acto de fazer algo pela técnica, sem dar um nome, mas sim um número, o transformar a doença e o doente numa má Rotina! A mesma rotina, que pode ser mudada pela alteração para um Raciocínio Pessoal, atento, alerta!

“Moramos” parte da nossa vida, nos Hospitais ou Centros de Saúde, tanto tempo que tornamo-nos parte deles, por isso hoje escrevo não para se deixar as rotinas, mas para as mudar-mos como Enfermeiros, doentes e pessoas, pois a cura como nós sabemos não se confina a antibióticos ou técnicas!

Um gesto, sorriso, ou um simples olhar, são por vezes suficientes para se alterar a nossa Rotina mental, para com a doença, para com os profissionais de saúde… Em reflexão teórica acerca dos valores do Humanismo na profissão de Enfermagem, Feytor Pinto afirma que, humanizar “é tornar humano; é cuidar a pessoa como pessoa; é dar-lhe a atenção que ela merece. Por isso, vos desejo:

Boas rotinas, mas de qualidade a todos e boas COGITAÇÕES!


Enfermeiro Sérgio Sousa e Enfermeira Vera Carvalho

Bibliografia:
CARVALHO, Maria Manuela – Enfermagem e o humanismo, pág.39
[1]NUNES, Maria Alzira et al – O respeito caloroso na relação de ajuda em enfermagem, pág.174
OLIVEIRA, Maria de Lurdes – Aprender a “olhar” quem de nós se aproxima, pág.121 "

Texto na integra in : http://enfermagemsu.blogspot.com/

11
Cuidados Gerais / Excesso DE Vagas para Enfermagem!!
« em: Janeiro 15, 2007, 19:35:31 »
Formam-se demasiados Enfermeiros e parece-me que a nossa ordem se encontra a discutir questões como o da nossa formação de modo demasiado lento!

Senão veja-se todos recebemos em casa encontros, ou reuniões onde se discutiriam as especialidades! Onde estão as conclusões??? Parece-me que tudo isto se transforma num jogo de poderes entre Ordem, sindicatos, Associações (…) e mais um ou outro grupo que queiram mencionar! Desta forma é URGENTE negociar a carreira, assim como implementar Números de acesso para que a qualidade dos Cuidados seja mantida! Penso que foi aqui que li na Prescriç

Páginas: [1]