Mostrar Mensagens

Esta secção permite-lhe ver todas as mensagens colocadas por este membro. De realçar que apenas pode ver as mensagens colocadas em zonas em que você tem acesso.


Mensagens - Filipaw

Páginas: [1] 2 3
1
Ensino e Atividades Académicas / Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
« em: Dezembro 27, 2012, 19:48:36 »
Claro que a nossa profissão não é dar abraços muito menos somos psicólogos, mas, para mim é impensável eu estar com um doente e não dar uma palavra de conforto. Já trabalhei o suficiente para ver situações vergonhosas e tenho a certeza que muitos colegas não se lembram que estão a lidar com pessoas. Isto não se aprende na faculdade.
A minha postura como enfermeira é esta e nunca meti em causa o meu profissionalismo ou a vida de um doente por dar um sorriso, por ser mais cuidadosa ou por fazer questão de explicar o que vou fazer.
Agora, cada um adota a postura que bem entende.

2
Isto é um fórum. As pessoas devem ler os avisos da mesma forma que ninguém é obrigado a responder as mesmas perguntas 30 vezes, por isso, não entendo o problema das mesmas perguntas.


Sou da opinião da colega Miss Nurse, não devem abrir muitas vagas de uma vez só.

3
Ensino e Atividades Académicas / Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
« em: Dezembro 01, 2012, 15:14:29 »
Citação de: "deh"
Ainda não tinha dado a minha opinião neste tópico, porque o considero controverso e com demasiados 'quês' a serem levados em questão. Mas vou fazê-lo agora, porque considero que o romantismo com que falam aqui da enfermagem é errado e contribuiu para a desvalorização da enfermagem e dos enfermeiros.

Relativamente, ao regime maior de 23, devo dizer que apenas conheço em traços gerais o processo de candidatura, porque entrei pelo regime geral. Não sei se os exames são fáceis ou difíceis e com os colegas que entraram para o ensino superior através deste regime tive experiências variadas: alguns deles eram óptimos colegas, pessoas muito capazes, com uma capacidade de se organizarem de fazer inveja, enquanto outros eram pessoas com francas dificuldades de aprendizagem, com lacunas de conhecimentos enormes e que nunca deveriam ter ingressado no ensino superior. Contudo, em teoria, sou absolutamente contra o regime. Considero que justo seria as pessoas concluírem o 12º ano, fazerem os exames nacionais e se candidatarem ao ensino superior, como todos os outros. Isso sim é equidade no acesso. Todos fariam o mesmo exame, passariam o mesmo testo e assim seriam garantidas as mesmas condições para todos os candidatos. Ainda assim, não considero que haja discriminação nenhuma durante o curso para com os estudantes que ingressam através deste regime.

Relativamente ao romantismo da enfermagem, o principal motivo que me leva a escrever aqui, devo dizer que é uma coisa que me enerva profundamente. Ver enfermeiros dizerem que enfermagem é vocação, é carinho, entre outras coisas,  é desprezar completamente aquilo que devemos ser: profissionais de saúde. Obviamente que todo o profissional de saúde deve saber ser e saber estar - mas não têm todos os bons profissionais em qualquer que seja a área? E claro que estas características são mais valorizadas em profissões que têm contacto directo com pessoas, principalmente se se encontram debilitadas por um processo de doença. Caindo num estereótipo, um engenheiro informático que passe o dia ao computador não necessita tanto de desenvolver competências porque não lida directamente com pessoas, mas se esse engenheiro der aulas de informática não se torna vital saber ser e estar na sua função?

Perdoem-me se vou chocar alguém, mas o essencial não é dar carinho: é ser bom profissional, ter conhecimentos, competências e habilidades, ser capaz, respeitar os demais e saber ser e estar. O resto diz respeito à individualidade de cada um: eu serei ou não uma pessoa mais capaz de demonstrar afectos do que a outra, o que não faz de mim melhor ou pior profissional. Pelo menos, eu prefiro ser tratada por um colega que saiba o que faz mas seja pouco empático do que para outro que seja o auge da simpatia mas um perfeito incompetente no seu trabalho. Agora, conciliar tudo, o lado humano e os aspectos técnicos, isso sim é o enfermeiro e a pessoa que todos devíamos pretender ser! :)

"Tenham a sabedoria de serem humanos e não sigam o caminho da programação"

4
Ensino e Atividades Académicas / Enfermagem/Medicina
« em: Dezembro 01, 2012, 06:49:58 »
Boa noite  :D
Anda por aqui algum enfermeiro a tirar medicina?

Quem se junta a mim?  ;D

5
Trabalhar fora de Portugal / Re: Arabia Saudita
« em: Abril 21, 2012, 16:50:49 »
Boa tarde.

AnaZu tenho andado a ler o site que partilhou e não encontrei nenhuma informação sobre enfermeiros com familias, ou seja, eu sou mãe e sei que em alguns locais dão a possibilidade dos enfermeiros levarem os filhos e esses enfermeiros ainda recebem algum apoio como colégios.
A colega sabe alguma coisa sobre este assunto?

6
Trabalhar fora de Portugal / Re: Trabalhar na Alemanha
« em: Abril 21, 2012, 16:40:09 »
Boa tarde.
Eu sou alemã, vim para Portugal há poucos anos e agora que fiquei desempregada estou a pensar em voltar para Alemanha.

7
Trabalhar fora de Portugal / Re: Arabia Saudita
« em: Abril 05, 2012, 20:13:07 »
Citação de: AnaZu
www.profco.com

Inicialmente mandei um email a pedir informações sobre as ofertas para a Austrália, mas acabei por me render às Arábias eheheh

Muito obrigada :)
Têm no site um anúncio para Arábia ...  ;D

8
Assuntos laborais / Re: Desemprego de Enfermeiros em Portugal
« em: Abril 05, 2012, 18:10:42 »
Citação de: Calice
Boa tarde. cara colega Filipaw como correu a entrevista no s.joão? (espero k bem) e já agora quem a recebeu?
Cps.

Boa tarde. Não me parece que tenha corrido muito bem...

9
Trabalhar fora de Portugal / Re: Arabia Saudita
« em: Abril 05, 2012, 17:45:08 »
olá colega.

Muitos parabéns  :) Sempre houve um bichinho a puxar por mim para a Arabia saudita.
Pelo que sei da cultura o mais complicado é mesmo o papel da mulher na sociedade e isto acaba por afetar também a nível profissional... Sei que em algumas zonas muitas mulheres que são internadas só podem receber tratamentos com autorização da família mesmo que estejam a morrer.
Não é uma adaptação fácil mas também não é impossível  :)

Já agora como conseguiu?

10
Cuidados Gerais / Re: Enfermeiros Reikianos
« em: Abril 05, 2012, 15:36:30 »
Que giro, ainda não tinha visto este tópico. Tenho o nível II  :D

O reiki ajudou-me bastante a mudar de estilo de vida. A primeira vez que recorri ao reiki foi por causa do meu joelho e fez maravilhas  :) Desde esse dia raramente tomo tóxicos.

O que aprendi uso bastante com o meu filhote, tem ajudado muito com as cólicas por exemplo.

Gostava muito de tirar um curso de Shiatsu

11
Sempre limpei qualquer tipo de ferida com soro aquecido.

12
Assuntos laborais / Re: Desemprego de Enfermeiros em Portugal
« em: Março 30, 2012, 01:42:35 »
Citação de: AN@@@
já começam as "candidaturas espontaneas"..lol...colega filipaw considere se uma sortuda mm..há quase 3 anos que tento entrar no sao joão..felicidades!

É apenas uma entrevista e como referi até acho que tenho tido sorte. Veremos.
Vai conseguir  :)

13
Assuntos laborais / Re: Desemprego de Enfermeiros em Portugal
« em: Março 30, 2012, 01:40:12 »
Citação de: KarmaPolice
Posso-lhe perguntar como e quando enviou o cv para o HSA?
Os recursos humanos do hospital não aceitavam currículos em mão (pelo menos até há uns meses atrás) pois havia uma bolsa em vigor, penso que do final de 2010. Mas o facto é que foram entrando pessoas que não estavam inseridas nessa bolsa..

Colega desculpe não tinha reparado que me tinha feito uma pergunta.
Mandei via e-mail. Os que consegui entreguei pessoalmente, é melhor. Mesmo que não queiram aceitar insista em deixar.

14
Assuntos laborais / Re: Desemprego de Enfermeiros em Portugal
« em: Março 29, 2012, 19:45:24 »
Citação de: Calice
Boa tarde. Colega FilipaW como enviou o CV para o S.João? e como foi contactada? obrigada e boa sorte mais uma vez..

Colega foi um familiar meu (trabalha no hospital) que entregou o meu cv nos recursos humanos. Ligaram-me uns dias depois. A entrevista é na quarta-feira. Obrigada eu  :D

15
Assuntos laborais / Re: Desemprego de Enfermeiros em Portugal
« em: Março 29, 2012, 13:43:32 »
Citação de: enf.C
Citação de: Filipaw
Bom dia.
Eu fiquei a trabalhar onde estagiei, no Hospital de SM.
O mês passado o meu contracto acabou e mandaram-me embora para meterem alguém no meu lugar por menos dinheiro.
Entretanto andei a mandar o meu cv para vários lugares e já tenho entrevistas marcadas, uma no Hospital Santo André e outra no São João.

Vamos lá ver como corre

olá colega

Pode dizer-me qual é o seu número na lista do Hosp. Santo Adré?

Obrigada

Boa tarde colega.
Quando chamaram-me para a entrevista não me atribuiram nenhum número, por isso não sei  :-

Páginas: [1] 2 3