Mostrar Mensagens

Esta secção permite-lhe ver todas as mensagens colocadas por este membro. De realçar que apenas pode ver as mensagens colocadas em zonas em que você tem acesso.


Mensagens - Benzodiazepina

Páginas: [1] 2 3 ... 58
1
Trabalhar fora de Portugal / Re: Enfermeiros Países Nórdicos
« em: Julho 19, 2016, 18:24:41 »
Comigo nunca deu em nada porque eu estou em Estocolmo e eles não têm nada na capital, por isso vou ter de me safar sozinha :) Mas já tenho a licença do Socialstyrelsen, agora é SÓ melhorar o sueco :)

2
Trabalhar fora de Portugal / Re: Enfermeiros Países Nórdicos
« em: Julho 26, 2015, 00:59:38 »
Já tive entrevista pelo Skype e pareceu-me tudo fidedigno, a senhora que está a recrutar é portuguesa.

 :)

3
Trabalhar fora de Portugal / Re: Enfermeiros Países Nórdicos
« em: Junho 29, 2015, 17:13:29 »
Olá Vera

Também me candidatei recentemente para vagas na Suécia e tenho a mesmas questões que tu :/
No entanto, diria que é fidedigna pela actividade no Linkedin e isso  :)

Para onde te candidataste?

4
Citação de: jotix
Quantas horas fazem por ano na Inglaterra? Sem fazer horas extradionarias.

Parece-me que afinal o ordenado não é muito longe do da frança.
Fazemos 37,5 por semana.

5
Citação de: nelson_pt
Citação de: Benzodiazepina
Citação de: PMCBA
Citação de: PMCBA
Citação de: Benzodiazepina
Há vários pontos na Band 5 (http://www.nhscareers.nhs.uk/details/de ... spx?id=766) mais a allowance se trabalhares na High cost living area, por isso o ordenado base varia.

Talvês possa ser visto como off-topic o meu comentário e pergunta, mas...

Esse site reflete os pagamentos à hora, certo?
(há paises que usam a virgula como nós usamos o ponto a cada 3 digitos, daí a duvida)

É que consultando o site http://www.xe.com/ucc/, vem...
Usando p.ex. o primeiro valor da banda 5 (21,176 mensais - 21 mil e 176 british punds), conclui-se que um enfermeiro ganha aproximadamente 24 mil e 500 euros - exagerado, sem duvida.
Mas com uma leitura diferente (21,176 à hora - 21 virgula 176 british punds), chegar-se-ía ao valor de 24 euros e meio à hora - parece-me o correto.

Em todo o caso e considerando o segundo valor, dos 24 euros à hora, parece-me sem duvida uma excelente remuneração mesmo tendo em conta o custo de vida em Inglaterra.

Duvida esclarecida...tentei editar o post mas não consegui.

Pelo que percebi o valor apresentado é anual, ou seja, um enf. em inicio de carreira ganha perto de 25 mil euros, sem suplementos/extras.

Só um aparte que li algures no topico e não sei se isso acontece em Inglaterra, mas a meu ver a progressão de carreira não devería ser automatica, sob pena das pessoas se desleixarem e não mais se importarem com a evolução.
Sim o valor é anual ( sem as horas de qualidade), se trabalhares em Londres recebes a maios 20% do valor anual. A progressao dentro da banda é automática e anual, no entanto, o NMC exige que todos os enfermeiros demonstrem que se desenvolveram profissionalmente e participaram em accoes de formacao, cursos etc.
Aqui o NMC é bastante rigoroso e qualquer erro que um enfermeiro cometa corre o risco de ficar sem cédula profissional e existem imensas auditorias de qualidade. Comparando com Portugal o risco de um enfermeiro levar um processo em cima, ser despedido e ficar em cédula é bastante superior, pelo menos a meu ver.

Parece-me que há algumas confusões com os ordenados no UK...
Os £21,176 é o ordenado anual, não é o valor por hora. Aliás este valor foi actualizado para £21,388 agora em Abril. Em Londres o ordenado anual é neste momento de £25,665.

Com um ordenado anual de £21,388, o ordenado mensal é de cerca de £1500 a £1600, ou pouco mais, consoante os suplementos (noites, fins-de-semana). Portanto, o valor por hora é muito mais baixo que 24 euros por hora...

Se o objectivo é ganhar muito dinheiro o Reino Unido não é a solução mais óbvia, a não ser que queiram trabalhar muitas horas extras... que são fáceis de arranjar. Por cada dia extra à semana, por exemplo, num turno de 12,5 horas, consegue-se 130 libras.

Na minha opinião, tem que haver outros motivos para escolher este país (proximidade, imensas oportunidades de emprego, progressão na carreira, etc), pois há outros países com melhores remunerações.

Isto não é sempre fácil e a pressão das queixas dos doentes, das auditorias, da burocracia, da falta de assiduidade dos enfermeiros e auxiliares, devem ser consideradas e pesadas na balança. Agora, também acho que as pessoas não perdem nada em tentar e se não gostarem podem sempre regressar. Estou cá quase há um ano e globalmente a experiência tem sido positiva. Os enfermeiros portugueses parecem-me no geral melhores do que quaisquer outros que conheci até agora e julgo que isso é uma vantagem para nós.
Interessa mencionar que pessoas que estejam em pontos mais altos da carreira ( topo da banda 5 ou outras bandas) recebem bem mais que aquilo que citaste. As pessoas em Londres nao recebem todas a mesma chapa 5 (no NHS, no privado sei que existem mais discrepâncias embora eles se baseiem um pouco na carreira de progressao do NHS)

6
Tens razao Ana Correia, mas sabes que o stress financeiro também é algo difícil de lidar.  Eu ganho muito mais que em Portugal mas também gasto mais em habitacao, impostos, transportes etc, mas a realidade é que aqui consigo poupar bom dinheiro ao final do mes sem me preocupar muito com os gastos em coisa mais supérfluas, enquanto que em Portugal iria contar os tostões todos os dias do mes.

Aqui tenho formação paga ( PG, Mestrados etc) pelo meu empregador, sou reconhecida pelas minhas qualificações e aumentada consoante a formação que for tirando, em Portugal continuaria no mesmo ponto salarial a minha inteira. Se quiser ficar apenas pela formação mais básica dada pelo hospital, subo de ponto na carreira anualmente na mesma.

Outra questão é que é um sacrifício enorme, e só quem passa pela adaptação a um novo país, a novas pessoas e as saudades da família, dos amigos e do nosso país sabe do que falo, mas no meu caso sei que se os meus pais ficarem desempregados ( já faltou mais) eu tenho capacidade financeira de os suportar e ajudar.

Tens razão, há coisas que o dinheiro no compra mas a realização pessoal e profissional trazem uma grande plenitude de espírito que já falta na enfermagem em Portugal há uns bons anos e é por isso que temos tantos enfermeiros que não tem noção do que é humanização de cuidados, não os censuro, pois bem sei que fazem das tripas coração para fazerem o seu trabalho.

7
Citação de: PMCBA
Citação de: PMCBA
Citação de: Benzodiazepina
Há vários pontos na Band 5 (http://www.nhscareers.nhs.uk/details/de ... spx?id=766) mais a allowance se trabalhares na High cost living area, por isso o ordenado base varia.

Talvês possa ser visto como off-topic o meu comentário e pergunta, mas...

Esse site reflete os pagamentos à hora, certo?
(há paises que usam a virgula como nós usamos o ponto a cada 3 digitos, daí a duvida)

É que consultando o site http://www.xe.com/ucc/, vem...
Usando p.ex. o primeiro valor da banda 5 (21,176 mensais - 21 mil e 176 british punds), conclui-se que um enfermeiro ganha aproximadamente 24 mil e 500 euros - exagerado, sem duvida.
Mas com uma leitura diferente (21,176 à hora - 21 virgula 176 british punds), chegar-se-ía ao valor de 24 euros e meio à hora - parece-me o correto.

Em todo o caso e considerando o segundo valor, dos 24 euros à hora, parece-me sem duvida uma excelente remuneração mesmo tendo em conta o custo de vida em Inglaterra.

Duvida esclarecida...tentei editar o post mas não consegui.

Pelo que percebi o valor apresentado é anual, ou seja, um enf. em inicio de carreira ganha perto de 25 mil euros, sem suplementos/extras.

Só um aparte que li algures no topico e não sei se isso acontece em Inglaterra, mas a meu ver a progressão de carreira não devería ser automatica, sob pena das pessoas se desleixarem e não mais se importarem com a evolução.
Sim o valor é anual ( sem as horas de qualidade), se trabalhares em Londres recebes a maios 20% do valor anual. A progressao dentro da banda é automática e anual, no entanto, o NMC exige que todos os enfermeiros demonstrem que se desenvolveram profissionalmente e participaram em accoes de formacao, cursos etc.
Aqui o NMC é bastante rigoroso e qualquer erro que um enfermeiro cometa corre o risco de ficar sem cédula profissional e existem imensas auditorias de qualidade. Comparando com Portugal o risco de um enfermeiro levar um processo em cima, ser despedido e ficar em cédula é bastante superior, pelo menos a meu ver.

8
É bom saber que o tópico ainda serve para alguma coisa  ;D eu mudei-me para Londres em 2009 por isso actualmente nao faco a minima ideia de como andam as coisas em Portugal relativamente a concursos, no entanto, penso que a Miss Nurse já respondeu :)

9
Olá Colega

Podes dar mais informacoes sobre como é trabalhar e viver em Abu Dhabi?
Tenho experiencia em Neonatologia e gostava de saber mais.

Obrigada

10
Trabalhar fora de Portugal / Re: Trabalhar no Reino Unido
« em: Outubro 03, 2012, 20:25:18 »
Existem imensos tópicos sobre como trabalhar no UK, é só fazeres uma pesquisa.

11
Cuidados Gerais / Re: Enf. Instrumentista
« em: Junho 15, 2012, 20:21:30 »
volte atrás e leia o meu post com mais atenção sff. Obrigada.

12
Cuidados Gerais / Re: Enf. Instrumentista
« em: Junho 15, 2012, 19:13:06 »
Eu sugeria que se informasse mais acerca da estrutura da Licenciatura em Enfermagem, nomeadamente as disciplinas leccionadas. Acho que quem precisa de descer a Terra não somos nós.
Os enfermeiros sabem fazer e felizmente sabem o que fazem, porque além de ensinos clínicos há muita teoria há mistura. O que voce disse é uma bela duma falácia.
E repare, eu nem sou a favor que os enfermeiros prescrevam, porque honestamente acho que existem coisas da nossa competência com as quais nos devemos ocupar e além disso não deixar que algumas competências sejam usurpadas, mas daí a dizer que não temos conhecimentos é ser muito ignorante.

No Reino Unido a qualidade de formação é imensamente inferior á nossa e há enfermeiros que prescrevem, mas existem imensas condições, só alguns enfermeiros prescrevem, só prescrevem certas e determinadas drogas relacionadas com a sua especialidade ou então prescrições repetitivas - aqui há um sistema no qual as receitas são válidas uns meses e ficam na farmácia no caso de doenças crónicas e afins.

Mas sabe senhor "analista" Diogo Dias, humildade e pouco ego ás vezes fica bem e vir aqui só pra dizer baboseiras nao vai aliviar a sua frustração, por isso use essa energia toda pra coisas úteis, vai ver que se sente muito melhor!

13
Trabalhar fora de Portugal / Re: Arabia Saudita
« em: Junho 07, 2012, 13:15:04 »
Pois, é um bocado chato perceberes que estás a incomodar daí nao lhes ter dito nada.. anyway tenho falado com eles e tem sido melhor, provavelmente era apenas uma altura menos boa :)

14
Foi tudo relacionado com a minha experiência profissional e porque razão queria mudar pra Neonatal.
A Ann disse que vai fazer os pre-screening pelo telefone aos candidatos mal receba os documentos todos desses candidatos. Já mandaste a documentação toda?

15
Tive hoje o telefonema de pre-screening, mais alguém se candidatou?

Páginas: [1] 2 3 ... 58