Forumenfermagem

Outras Dimensões da Profissão => Legislação e regulamentação => : Mauro Germano January 21, 2012, 10:28:07

: Colégios de especialidade criam microsites para enfermeiros especialistas
: Mauro Germano January 21, 2012, 10:28:07
"As Mesas dos Colégios de Especialidade apostaram numa maior proximidade com os membros dos respectivos Colégios e desenvolveram um espaço próprio de divulgação de informações específicas para os enfermeiros especialistas.

Os seis microsites estão acessíveis através do item «Colégios» do menu da esquerda, desde o dia 29 de Dezembro de 2011.

Nas páginas de cada Colégio poderá conhecer a sua composição, as características dos seus membros, consultar as notícias, eventos e legislação da área, ficar a conhecer os pareceres e iniciativas promovidas pelo Colégio. Poderá igualmente aceder a actividades a não perder, Guias Orientadores de Boas Práticas e links úteis.

Consulte este espaço com regularidade, mantenha-se atento às novidades da sua especialidade."

Em: http://www.ordemenfermeiros.pt/comunica ... sites.aspx (http://www.ordemenfermeiros.pt/comunicacao/Paginas/ColegiosMicrosites.aspx)
: Re: Colégios de especialidade criam microsites para enfermeiros especialistas
: manuela castro April 27, 2012, 22:29:19
- Gostaria d saber que projectos estao a desenvolver os EESMO nos CSP?- em alguns locais realizam uma consulta de enf especializada por trimestre, preparação para parto e parentalidade; revisao puerpério. E nas ultimas semanas gestação realizam CTG uma vez que tem competencias para a sua interpretação.
Como funciona nos vossos locais de trabalho?  ;)
- Era importante uma maior visibilidade destes profissionais que , no meu entender devem aproveitar o facto de baixa tx de natalidade, para inclusivé se dedicarem a consulta pré concepcional.De outra forma , podem ver-se aflitas com algum processo de mobilidade para locais em que efectivamente façam falta(como na noticia de Bragança, cuja maternidade dista 200Km).
- é lamentavel que nem todas as utentes tenham em ULS a possibilidade de ter uma consulta após as 32 semanas no hospital( era uma forma de as gravidas conhecerem os serviços, as instalações,os recursos. Poderiam inclusivé estar destacados profissionais por concelho...).Porém , com tanta discrepancia continuamos  ter enfermeiros de cuidados gerais em substituição de enf especialistas( e alguns destes ultimos nem se incomodam...). mas se surgir o processo de mobilidae, alto lá...aí vao acordar, mas pode ser tarde demais.
Pela dignificação da enfermagem.
- Pelas competencias a cada profissional.pela segurança de utentes, pela qualidade dos cuidados