Forumenfermagem

Ensino Académico & Investigação Científica => Ensino e Atividades Académicas => : JoãoRocha November 01, 2006, 00:06:55

: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: JoãoRocha November 01, 2006, 00:06:55


 :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: GracaT November 01, 2006, 10:10:21
Olá a todos! Para mim isto é uma grande novidade. eu tenho pessoas no meu curso que entraram através desta lei, mas tinham o 12ºano na area cientifico-natural ( já tinham experiência de TAE no Inem). A única diferença é que fizereram exames na escola e tiveram de ir a uma entrevista com o psicólogo da escola. Mas, entrar com o 4ºano é a regressão da enfermagem... ninguém deve entrar porque viu os enfermeiros fazer e logo pensam que conseguem fazer o mesmo!! Têm de ter bases cientificas..
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfsergio November 01, 2006, 12:47:47
Isso é impossivel
Ninguem com apenas 4ª classe pode concorrer a um curso superior. Logo não pode concorrer a enfermagem. Isso seria o cúmulo.
Tinha ouvido dizer que eram pessoas com 12ºano, que trabalhavam e que agora decidiram concorrer.
Não sei...
Mas parece-me tudo mt estranho...
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Roten_Boy November 01, 2006, 13:01:10
A mim também me parece muito estranho, mas vou ver se encontro essa cláusula de admissão, mas quem poder esclarecer primeiro...  :)

Sei é que quem frequentou o 9ºano + 1 (curso profissional) tem habilitações equivalentes ao 12ºano para concorrer ao ensino superior...
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Guytonn November 01, 2006, 13:43:37
Ninguem com apenas 4ª classe pode concorrer a um curso superior. Logo não pode concorrer a enfermagem. Isso seria o cúmulo.

De facto existe um estatuto para maiores de 25 anos que permite que uma pessoa com a 4ª classe  ingresse num curso superior mediante e execução de um exame "ad-hoc"

que é e para que serve o Exame Extraordinário de Avaliação de Capacidade para Acesso ao Ensino Superior
(ex- Exame Ad-Hoc.)?

é um exame que tem como objectivo possibilitar o ingresso no ensino superior a indivíduos que, não tendo as habilitações escolares exigidas e sendo maiores de 25 anos, mostrem possuir conhecimentos e capacidades que os qualifiquem a uma formação superior.
 
Quem se pode candidatar? Indivíduos que reúnam, as seguintes condições:

possuir ou completar 25 anos de idade até ao dia 30 de Setembro do ano em que pretende realizar o exame;
não possuir um curso secundário ou equivalente;
não ser titular de um curso de ensino superior.
 
 
Prazos?

Calendário
 
Onde se pode realizar a inscrição?

nos Serviços de Acesso ao Ensino Superior em cada distrito, ou nos serviços correspondentes das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.
 
Que documentos são necessários para a inscrição?

boletim de inscrição
boletim de Curriculum Vitae
declaração sob compromisso de honra de que satisfaz as condições de admissão
fotocópia simples do Bilhete de Identidade
certificados de habilitações
 
Preço da inscrição?

20 €
 
Quais as provas a realizar? Língua Portuguesa

é uma prova escrita de âmbito nacional comum a todos os cursos e que se destina a avaliar a capacidade de interpretação, exposição, expressão e imaginação do candidato;
tem carácter eliminatório, expresso em Admitido e Não Admitido;
realiza-se em estabelecimento de ensino superior público, particular e cooperativo e na Universidade Católica, de acordo com lista anualmente publicada em Diário da República.
a aprovação nesta prova mantém-se válida durante os 4 anos seguintes possibilitando efectuar mais uma inscrição com vista à realização das restantes provas para conclusão do exame
 
Entrevista

Destina-se a apreciar e a discutir o curriculum vitae, bem como as motivações do candidato na escolha do curso.
 
Provas Específicas

é uma prova da competência directa de cada estabelecimento cuja organização e realização está a cargo de um juri nomeado para o efeito
a prova poderá constar de um ou mais exames, todos com parte escrita e oral
na prova escrita, os candidatos que obtenham uma classificação igual ou inferior a 7 valores ou que não compareçam a uma parte escrita ou oral de um dos exames, são eliminados do exame.
 
Calendário
 
   
A que cursos se podem candidatar?

a cursos/estabelecimentos para o qual tenha realizado provas específicas;
as mesmas provas podem também conferir habilitação de acesso a curso congénere ministrado noutro estabelecimento de ensino superior, desde que, a requerimento do interessado, seja autorizado pelo orgão legal e estatuariamente competente desse estabelecimento
 
Quais os programas para os exames das Provas Específicas?

antes da Entrevista, o juri tornará público por afixação em cada um dos estabelecimentos, as áreas de conhecimento e a matéria sobre as quais incidirão os exames das provas específicas.
os conhecimentos para os exames das provas específicas para além de incidirem nos programas oficiais aprovados para as disciplinas do curso complementar do ensino secundário e do 10º a 12º. anos de escolaridade, procura também, sempre que possível, abranger capacidades e conhecimentos significativos adquiridos na prática profissional.
 
Qual a validade do exame?

A aprovação no exame é válido para a matrícula e inscrição no ensino superior, no curso indicado pelo candidato, no ano de aprovação e nos 4 anos subsequentes.
 
Qual o regime de candidatura para os candidatos aprovados neste exame?

Os candidatos aprovados nestes exames fazem a candidatura através do regime de Concursos Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior, (cujo prazo decorre normalmente no mês de Agosto).

(Portaria n.º 106/2002, de 1 de Fevereiro)
 
Onde encontrar mais informação?

A Direcção-Geral do Ensino Superior do Ministério da Ciência, Inovação e Ensino Superior, disponibiliza informação específica sobre este assunto nos seguintes endereços:
www.acessoensinosuperior.pt (http://www.acessoensinosuperior.pt)
ou no
CIREP- Centro de Informação e Relações Públicas da Secretaria-Geral do Ministério da Educação..
 
 

Índice Geral | Apoio ao utilizador | Contacte o CIREP | ©2004 Secretaria-Geral do Ministério da Educação
: É verdade...
: PedroTT November 01, 2006, 14:51:57
Eu tenho o 12º ano completo do curso científico natural,Agrupamento 1/geral e tenho 23 anos.E tentei entrar em Enfermagem no Politécnico de Viana do Castelo,pela lei dos maiores de 23,mas disseram-me que não podia, que era só, para as pessoas que não tinham o ensino secundário completo.

Entretanto entrei pelo contigente geral, o normal, e conheci muitas pessoas que entraram pela Lei dos maiores de 23 anos e não têm o ensino secundário completo.Conheço uma pessoa que tem 24 anos e tem o 9ºano e tabalha de auxiliar num hospital enquanto tira o curso de enfermagem comigo.

Não tiveram biologia,nem química,nem matemática...ou seja não têm bases nenhumas.

Para já não se entra assim em medicina, mas em breve parece que vai ser possível!

Mas ter o 9º ano ou a 4ºano, é irrelevante para entrar no ensino superior,porque eu acho que toda a gente devia ter o 12ºano para entar na universidade. :(
: Tecnico saúde de emergência do INEM.
: PedroTT November 01, 2006, 18:23:37
Caracterização da actividade de Trabalho

Os tripulantes de ambulâncias são os elementos das equipas do INEM sobre os quais iremos incidir o nosso trabalho.

A analisarmos os requisitos para a admissão enquanto Tripulante de Ambulância de Emergência (dados do último concurso do INEM de 11/3/2005) verificamos os seguintes pontos:

Critérios de selecção

?   9º ano completo?   Curso de tripulante de ambulância de socorro em vigo
?   Carta de condução de ligeiros
?   Fluência de língua portuguesa falada e escrita
Critérios de preferência
?   Nível de habilitações literárias acima do 9º ano de escolaridade
?   Conhecimento de línguas estrangeiras, nomeadamente Francês e Inglês
?   Idade entre os 20 e os 35 anos
?   Altura igual ou superior a 1,60m e índice de massa corporal entre 18 e 32
?   Experiência como tripulante de ambulância de socorro


Entram no curso de Enfermagem pelo INEM,mas só têm o 9º ano e experiência de Trabalho.

Também conheço uma pessoa que entrou pela LEi dos Maiores de 23 anos em enfermagem, e só andou até ao 1º período do 12º ano.Logo não tem o 12ºano.

Além dessa pessoa conheço um senhor que entrou em DIREITO e só tem o 9ºano.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: JoãoRocha November 29, 2006, 19:38:02
Para aqueles que não acreditam que estão entrar com a 4ª classe   jovens e velhos para Enfermagem e outros cursos superiores, visitem este site:

http://www.exames.org/forum/viewtopic.p ... sc&start=0 (http://www.exames.org/forum/viewtopic.php?t=8418&postdays=0&postorder=asc&start=0)

:x  :x  :x  :x  :x
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Ilda November 30, 2006, 14:41:06
A minha alma esta parva... então quer dizer que perdi os supostos melhores anos da minha vida a estudar, estudar e estudar para poder tirar (antes arrancar) o curso e agora descubro que podia andar no bem bom até aos 23 e entrar com as duas pernas às costas?!


 :lol: Nããããã...só pode ser brincadeirinha... marotos... quase que me apanhavam....
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Miguel Ribeiro December 03, 2006, 10:43:45
Agora uma pessoa sem o 12º ano pode ir para a faculdade.
Isto só vem contribuir para os licenciados desempregados.
A ministra que vá para a rua.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Tenevora January 05, 2007, 01:47:09
Já tinha lido sobre esta tópico num outro forum, mas honestamente, esperava reacções diferentes neste.


Tenho um colega socorrista que entrou para enfermagem, este ano, devido á nova lei de acesso ao ensino superior para maiores de 23anos. Até ser socorrista nunca tinha pensado entrar em enfermagem (tal como eu) mas entretanto o bichinho mordeu. Porque é que é injusto que ele tenha acesso a um concurso especial, se esteve a trabalhar até agora, sendo um membro produtivo da sociedade?


Deveria ser obrigado a fazer os exames de Psicologia e Biologia, que pouco ou nada têm a ver com o que é ensinado num curso de enfermagem? Para quê?

A partir do momento em que está na universidade, está em pé de igualdade com todos os outros. Só passa ás cadeiras nas quais tem nota para passar, tem de fazer exactamente o mesmo que os outros estudantes...

Honestamente, estão chateados porquê? Porque três pessoas entraram para o curso sem terem de ter médias inflacionadas?


edit: Peço desculpa se o tom desta mensagem soa um pouco brusco, mas realmente estou completamente perplexa. Talvez alguem aqui me consiga explicar a razão de haver tanta animosidade perante uma lei que vem ajudar mais pessoas a obterem uma licenciatura - algo que o nosso país bem precisa.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfsergio January 05, 2007, 12:33:30
Completamente perplexa?Sinceramente não sei pq. Penso que para entrarem em enfermagem é preciso já ter um corpo de conhecimentos adquiridos, que nem todos têm. Esses conhecimentos são adquiridos ao longo do secundário, em que temos cadeiras como biologia, química, psicologia, entre outras. Penso que não é só pq hoje me apetece ir para enfermagem e porque tenho mais de 23anos e vou. Isso não pode ser assim.
Possivelmente deveriam ser estipulados critérios de admissão, como por exemplo já ser socorrista, em que já tem que ter obrigatoriamente alguns leves conhecimentos sobre uma determinada area. Agora imagina que um advogado, um economista, um professor de filosofia decidem ir para enfermagem...que percurso tiveram eles no secundário?Que sabem eles para ir para enfermagem? Só porque lhes apetceu?
É a minha ideia...
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: aLheiriX January 05, 2007, 18:36:14
Tenevora:

"Deveria ser obrigado a fazer os exames de Psicologia e Biologia, que pouco ou nada têm a ver com o que é ensinado num curso de enfermagem? Para quê?"


Essa afirmação nem merece qualquer comentário. Nota-se que não sabes do que falas, pois, o curso tem muitas cadeiras relacionadas com a Psicologia, Biologia e Quimica...

Pensa duas vezes antes de tecer qualquer comentário!!

Ok?   :?  :lol:
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira January 05, 2007, 21:12:16
pessoal, para tirar um curso superior não é obrigatoriamente necessário ter o 12º ano, segundo a lei quer portuguesa quer comunitária, o qué é necessário é que a lei fosse ligeiramente diferente, em vez dos 23 anos deveria ser 25 anos e que as entrevistas ou provas fossem criteriosa na avaliação efectiva dos conhecimentos e capacidades dos futuros estudantes para frequentarem os diferentes cursos. esta última parte é que eu ponho em dúvida que assim esteja a ser efectuado.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Tenevora January 06, 2007, 03:51:12
: "enfsergio"
Completamente perplexa?Sinceramente não sei pq. Penso que para entrarem em enfermagem é preciso já ter um corpo de conhecimentos adquiridos, que nem todos têm.


Que corpo de conhecimentos adquiridos? Que conhecimentos são essenciais para se conseguir acompanhar a matéria dada no curso de Enfermagem?


: "enfsergio"
Esses conhecimentos são adquiridos ao longo do secundário, em que temos cadeiras como biologia, química, psicologia, entre outras. Penso que não é só pq hoje me apetece ir para enfermagem e porque tenho mais de 23anos e vou. Isso não pode ser assim.


Admito que ter completado o ensino secundário trás vantagens para os estudantes de qualquer curso superior, enfermagem incluido, em termos de conhecimentos gerais e ciêntificos; mas o facto de ter estudado a matéria de Biologia ou química, ou mesmo psicologia (tal como era dada antes desta nova reforma do ensino secundário) faz uma diferença tão grande assim para o curso?


: "enfsergio"
Possivelmente deveriam ser estipulados critérios de admissão, como por exemplo já ser socorrista, em que já tem que ter obrigatoriamente alguns leves conhecimentos sobre uma determinada area. Agora imagina que um advogado, um economista, um professor de filosofia decidem ir para enfermagem...que percurso tiveram eles no secundário?Que sabem eles para ir para enfermagem? Só porque lhes apetceu?
É a minha ideia...


Não sei exactamente QUE critérios são utilizados em cada Escola de Enfermagem do nosso país. No entanto SEI que existem testes, realizados por todos os candidatos a estas vagas especiais, e tambem uma entrevista na qual o currículo do candidato é avaliado, bem como os motivos que o levam a candidatar-se. Não é tudo ao molho e fé em deus, deixa cá ir buscar uns quantos parolos para preencher vagas. No entanto concordo que, para determinados cursos, o percurso profissional do candidato deve ter sido em conta. É muito mais provável que alguem que trabalha numa área ligada (ainda que distantemente) ao curso em questão esteja mais motivado para o completar e tenha menos duvidas em relação ao que o/a espera.

: "aLheiriX"
Essa afirmação nem merece qualquer comentário. Nota-se que não sabes do que falas, pois, o curso tem muitas cadeiras relacionadas com a Psicologia, Biologia e Quimica...



É verdade, tens Bioquimica, microbiologia, psicologia... Tambem tens sociologia, biofísica, farmacologia, e no entanto duvido que tenhas dado alguma dessas matérias em espefício no secundário. Estás a afirmar que uma pessoa com vontade e capacidade não é capaz de compensar as falhas da educação anterior? Ainda não comecei as minhas aulas, mas esse meu colega que entrou através da Lei de Maiores de 23 anos está a dar-se bem com a matéria, e já passou nas frequências que fez. Tanto quanto sei, não teve biologia, nem química, nem psicologia na escola. Pergunto-me como é que ele o conseguiu... :roll:


Realmente não sei ainda qual é a realidade em enfermagem, visto que só começo as minhas aulas em Março, no entanto se é remotamente semelhante a outros cursos, as bases são todas dadas nas aulas do primeiro semestre. Quem já as sabia, tem óptimas notas. Quem não as sabia, estuda mais e fica a saber. ;)
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfsergio January 06, 2007, 11:19:23
Tenevora

Falar é fácil...muito fácil...mas uma pessoa que segue um curso de letras...é porque não queria enfermagem. E hoje em dia vê-se muitos desempregados dessas áreas a tentar concorrer a enfermagem, por estarem desempregados, e por pensarem que a enfermagem neste momento é uma profissão com emprego, e em que se ganha muito dinheiro.
Vais dizer que é mentira?
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira January 06, 2007, 15:06:12
: "enfsergio"
Tenevora

Falar é fácil...muito fácil...mas uma pessoa que segue um curso de letras...é porque não queria enfermagem. E hoje em dia vê-se muitos desempregados dessas áreas a tentar concorrer a enfermagem, por estarem desempregados, e por pensarem que a enfermagem neste momento é uma profissão com emprego, e em que se ganha muito dinheiro.
Vais dizer que é mentira?

se estas pessoas pensam que se candidatam a enfermagem por ser uma profissão ainda com capacidade de emprego e onde se ganha muito dinheiro, que tirem o "cavalinho da chuva" porque já hoje é muito dificil ter emprego em Portugal, no estrangeiro talvez depende do país, e quando acabarem o curso, daqui a 4 anos, de certeza que não têm emprego, devido às politicas adoptadas no sector da saúde pelos nossos governantes.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Tenevora January 06, 2007, 16:10:29
enfsergio: Não posso dizer se é verdade ou não, pois não tenho conhecimento de tal. No entanto o meu primeiro post deveu-se ao facto de haverem pessoas que julgam que, só porque alguem entra para um curso através da Lei p/ Maiores de 23anos, não têm qualificações nenhumas e acabam o curso sendo ignorantes. :roll:


É verdade que a maioria das pessoas ainda pensa que enfermagem é uma profissão com emprego garantido (as escolas de enfermagem não ajudam a desmentir isto) mas isso tambem se aplica aos estudantes de 12º que se candidatam ao curso. Se alguem vai para enfermagem para ser rico e trabalhar pouco, depressa descobre que não é o emprego certo... :lol:
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: JoãoRocha February 04, 2007, 03:02:21
:o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Son_Goku February 04, 2007, 17:59:38
Os maiores de 23 anos até que podem gozar de um estatuto especial, até posso concordar! MAs a maior responsabilidade cabe a quem, nas escolas, confere o diploma de um curso a alguém que não reúne as condições mínimas para a prática profissional de qualidade, quer tenham 22 ou 60 anos! Qualquer dia, vamos ver novamente mongolóides como Enfermeiros (reparem que eu digo "novamente" pois há uns anos atrás, num dado hospital deste lindo país, existia um Enfermeiro com síndrome de Dawn, embora que pouco marcado!)
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Tininha February 05, 2007, 11:04:02
Assisti a uma entrevista do nosso Ministro das Ciências e Ensino Superior, Mariano Gago (na altura do Verão, se não me engano), que pretendia que Portugal tivesse mais Licenciados, para que o nosso país se pudesse igualar, em termos de Educação Superior, aos restentes países da União Europeia. Esta medida, que anterior/e tb existia (exames "ad-doc", como já tinham referido), serve para facilitar a entrada de pessoas com mais de 23 anos, que não tiveram oportunidade de ingressar no Ensino Superior, por diversos motivos, e que desejam completar o Ensino Superior. Se não me engano, abriram mais vagas e mudaram os critérios de selecção dos candidatos.

Queria dizer o seguinte: embora muitos de nós se tenha "esfolado" para conseguir as notas necessárias para entrar para Enfermagem, tb são muitos os que não conseguem entrar no Ensino Superior, e têm aqui uma oportunidade. Pode ser que seja injusto, tendo em conta o nosso ponto de vista, que tivemos de passar pelas "amarguras" de Secundário e Exames Nacionais,mas tb temos que nos colocar no pnto de vista de quem não teve, tlv, as mesmas oportunidades que nós e deseja ingressar.
Por exemplo,o caso do aluno que era/é socorrista, cujo o "bichinho" da Enfermagem mordeu, pk não tentar? Se essa pessoa entra, completa as disciplinas como outro aluno qualquer... quer dizer que se empenhou, não é? E se não teve bases no Ensino Secundário como eu, e passa as disciplinas, como eu passei tb, merece (pelo menos) a minha admiração pela sua dedicação.  
Às tnt é mais empenhado que certas pessoas que entram para Enfermagem e na realidade queriam Medicina, por exemplo...

A minha mãe vai tentar entrar para um curso superior, e sei que tem capacidades para tal. No emprego da minha mãe já existem 3 pessoas a frequentar cursos de Ensino Superior e estão a passar às disciplinas. Gostam de aprender e empenham-se, uma oportunidade que têm agora, k não tiveram no passado. São pessoas com experiência profissional, que já conhecem o mercado de trabalho. Uma mais valia para os Serviços onde estão a trabalhar.

Mas tenho que admitir que existem casos e casos... como por exemplo ser empregada no Hospital, ter a 4ª classe e entrar à frente de outros candidatos, por mais experiência profissional... bem, custa a engolir é verdade.. mas nao posso condenar antes de avaliar esta pessoa na sua prática e dedicação à profissão;fica a questão em aberto...   :?:
 Penso que alguém com a 4ª Classe, com uma certa idade, não consegue acabar o curso de Enfermagem; não é assim tão fácil qto isso! A verdade é que, ao entrar, poderia ter tirado o lugar a alguém com mais qualificações.. digo eu... :shock:
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 06, 2007, 17:49:06
: "Son_Goku"
Os maiores de 23 anos até que podem gozar de um estatuto especial, até posso concordar! MAs a maior responsabilidade cabe a quem, nas escolas, confere o diploma de um curso a alguém que não reúne as condições mínimas para a prática profissional de qualidade, quer tenham 22 ou 60 anos! Qualquer dia, vamos ver novamente mongolóides como Enfermeiros (reparem que eu digo "novamente" pois há uns anos atrás, num dado hospital deste lindo país, existia um Enfermeiro com síndrome de Dawn, embora que pouco marcado!)

Atenção ao que dizes, qualquer doença não pode ser impeditiva de exercer uma profissão, desde que lhe sejam reconhecidas capacidades para tal, porque não. segundo a tua perspectiva se um enfermeiro por exemplo, ficasse infectado com uma doença (sida, hepatite) teria que obrigatoriamente deixar exercer a sua profissão, mas não é isso que acontece e ainda bem, não é que seja o meu caso, é apaenas a minha opinão e a de muitas centenas de profissionais de enfermagem. portanto deves ser mais comedido nas palavras que escreves.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Son_Goku February 07, 2007, 00:22:57
O problema é que o dito enfermeiros não tinha manifestamente as capacidades mínimas exigíveis para o exercício da profissão. Mas em abono da verdade digo, que ele militou na profissão de Enfermagem num tempo em que qualquer um podia tornar-se Enfermeiro. Só temo que esse tempo esteja a voltar novamente.
: Aonde está a lógica afinal? :lol:
: JoãoRocha February 07, 2007, 01:05:33
Dado existirem supostas novas oportunidades de entrarem pessoas sem habilitações no ensino superior tenho a dizer que conheço bastantes casos de pessoas que acabaram o 12º ano com boas notas e como não entraram no curso superior que pretendiam tiveram de ir trabalhar.

Entretanto neste momento já são maiores de 23 anos, algumas destas pessoas com 26 anos e 27 anos, trabalhadores qualificados que queriam entrar no ensino superior mas nem sequer os deixaram concorrer através da "lei dos maiores de 23" porque têm o 12º ano completo!


Aonde está a lógica afinal?:lol:  :lol: :wink:  :wink:  :wink:  :wink:  :wink:


Ps. No próximo ano lectivo 2007/2008 as regras serão diferentes em alguns estabelecimentos do ensino superior dado que as pessoas sem habilitações já vão ter concorrência... finalmente!!!
: Re: Aonde está a lógica afinal? :lol:
: Parreira February 07, 2007, 16:03:41
: "JoãoRocha"
Dado existirem supostas novas oportunidades de entrarem pessoas sem habilitações no ensino superior tenho a dizer que conheço bastantes casos de pessoas que acabaram o 12º ano com boas notas e como não entraram no curso superior que pretendiam tiveram de ir trabalhar.

Entretanto neste momento já são maiores de 23 anos, algumas com 26 anos e 27 anos, trabalhadores qualificados que queriam entrar no ensino superior mas nem sequer os deixaram concorrer através da "lei dos maiores de 23" porque têm o 12º ano completo!


Aonde está a lógica afinal?:lol:  :lol: :wink:  :wink:  :wink:  :wink:  :wink:

 é que nem todas as leis são justas por não englobarem todos os casos, mas englobam a maioria .
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 07, 2007, 16:06:28
: "Son_Goku"
O problema é que o dito enfermeiros não tinha manifestamente as capacidades mínimas exigíveis para o exercício da profissão. Mas em abono da verdade digo, que ele militou na profissão de Enfermagem num tempo em que qualquer um podia tornar-se Enfermeiro. Só temo que esse tempo esteja a voltar novamente.

as instituições têm um papel a dizer, agora com os novos contratos, se verificarem que estas pessoas não têm capacidades para o exercicio de uma profissão, provavelmente não os contratam ou não lho renovam.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Jorgyte February 13, 2007, 12:09:01
Boas!
O que voçês devem estar a falar é o exame "had-doc".
Para vossa informação não são os maiores de 23 anos que prejudicam a classe dos enfermeiros, nomeadamente no desemprego. O exame não é nada fácil e também permite o acesso a medicina, srºs alunos de enfermagem, isto é, a qualquer curso do ensino superior português.
O grau literário não define o coeficientes de inteligência de cada um, e a prova disso é o infeliz autor dos post-it "João Rocha", com o comentário "Além disso avaliam o currículo, quem lavou mais retretes no hospital tem mais pontos" entre outros.
Para vossa informação os primeiros 6 num concurso a Auxiliar de Acção Médica no HSJ são enfemeiros recém-licenciados.
E com certeza que não andaram a limpar retretes de hospitais, mas a partir de agora vão passar andar, ordenados por semelhantes seus, e vão ter muitos pontos por isto.
Se calhar este "João Rocha" que até andou num externato "a subir notas porque a pública era muito injusta" perdeu uma boa oportunidade para estar caladinho..!
Enfermagem que é um estatuto pá! E tu sim, és um mau exemplo para os enfermeiros!
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: carlosmano February 14, 2007, 12:49:56
: "enfsergio"
Tenevora

Falar é fácil...muito fácil...mas uma pessoa que segue um curso de letras...é porque não queria enfermagem. E hoje em dia vê-se muitos desempregados dessas áreas a tentar concorrer a enfermagem, por estarem desempregados, e por pensarem que a enfermagem neste momento é uma profissão com emprego, e em que se ganha muito dinheiro.
Vais dizer que é mentira?


Pah, só para os mais desatentos, o acesso para maiores de 23 anos é para quem não tem o secundário completo! Segundo as provas que são feitas além de valorizarem essencialmente o curriculo, incidem sobre áreas relacionadas com o curso, sem muita especificidade obviamente.
Terceiro todos os cursos podem abrir este tipo de vagas, que já existiam porque esta lei veio substituir os exames ad-hoc. Quarto, o número de vagas é reduzido, e não me parece que sejam as pessoas com 4ª classe que consigam entrar... suponho que os que têm o 12º ano incompleto tenham mais hipóteses.
Quinto, mas porque é que lhes faz tanta comichão (ou será prurido?) o facto de estas pessoas acederem ao ensino superior? Não têm elas que fazer o curso todo? A mim parece-me mais injusto que determinadas pessoas só porque têm dinheiro e conhecimentos consigam entrar nas malfadadas privadas (não falo de todos os alunos que lá entram)!
Os enfermeiros e as enfermeiras deste país têm que se preocupar com coisas mais sérias e mais prementes para a profissão!
Mau é haverem enfermeiros a sujeitarem-se a ganhar menos de 5 € por hora! Mau é haverem 3 enfermeiros para 30 ou mais clientes! Mau é existirem más práticas de enfermagem, e não serem corrigidas! Mau é não existir um controlo na saída de enfermeiros recém-formados pela OE!
Isso tudo é mau e muitas outras coisas vão mal... mas os enfermeiros preocupam-se com pormenores sem importância!

É de ficar triste com a enfermagem!
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: PedroTT February 14, 2007, 15:30:57
: "Jorgyte"
Boas!
O que voçês devem estar a falar é o exame "had-doc".
Para vossa informação não são os maiores de 23 anos que prejudicam a classe dos enfermeiros, nomeadamente no desemprego. O exame não é nada fácil e também permite o acesso a medicina, srºs alunos de enfermagem, isto é, a qualquer curso do ensino superior português.
O grau literário não define o coeficientes de inteligência de cada um, e a prova disso é o infeliz autor dos post-it "João Rocha", com o comentário "Além disso avaliam o currículo, quem lavou mais retretes no hospital tem mais pontos" entre outros.
Para vossa informação os primeiros 6 num concurso a Auxiliar de Acção Médica no HSJ são enfemeiros recém-licenciados.
E com certeza que não andaram a limpar retretes de hospitais, mas a partir de agora vão passar andar, ordenados por semelhantes seus, e vão ter muitos pontos por isto.
Se calhar este "João Rocha" que até andou num externato "a subir notas porque a pública era muito injusta" perdeu uma boa oportunidade para estar caladinho..!
Enfermagem que é um estatuto pá! E tu sim, és um mau exemplo para os enfermeiros!


Andei numa Escola Secundária Pública para tua informação!
Eu tenho o direito de manifestar a minha indignação por uma lei injusta... depois de andar tantos anos a estudar e a fazer tantos sacrifícios pessoais e económicos. !
Insultar e fazer falsas suposições é sinal de  insegurança e de ignorância...

 O exame Adhoc é diferente da palhaçada  da "lei dos 23 anos"...antes de falar do que não sabes informa-te!O Adhoc acabou ...e esse era mais selectivo.

Ninguém está a falar do Adhoc....   :lol:  :lol:  :lol:

http://www.physiologyfundamentals.com/ (http://www.physiologyfundamentals.com/)

PS.
Encontrei este site e achei-o mt bom para "renovar" os conhecimentos de anatomia e fisiologia.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Tininha February 15, 2007, 11:01:06
: "Jorgyte"

Para vossa informação os primeiros 6 num concurso a Auxiliar de Acção Médica no HSJ são enfemeiros recém-licenciados.
E com certeza que não andaram a limpar retretes de hospitais, mas a partir de agora vão passar andar, ordenados por semelhantes seus, e vão ter muitos pontos por isto.


Isto é escandaloso!!!
Um insulto para nós, Enfermeiros!
Será que a Ordem não tem nada a dizer sobre este triste e humilhante acontecimento?

A nossa classe, que já prestigiou de muito, está a ficar cada vez mais degradada, sem valor social... como é que é possível que a Direcção de Enfermagem desse Hospital permita uma coisa dessas?
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 15, 2007, 11:22:53
: "Tininha"
: "Jorgyte"

Para vossa informação os primeiros 6 num concurso a Auxiliar de Acção Médica no HSJ são enfemeiros recém-licenciados.
E com certeza que não andaram a limpar retretes de hospitais, mas a partir de agora vão passar andar, ordenados por semelhantes seus, e vão ter muitos pontos por isto.


Isto é escandaloso!!!
Um insulto para nós, Enfermeiros!
Será que a Ordem não tem nada a dizer sobre este triste e humilhante acontecimento?

A nossa classe, que já prestigiou de muito, está a ficar cada vez mais degradada, sem valor social... como é que é possível que a Direcção de Enfermagem desse Hospital permita uma coisa dessas?


situações destas não pode a ordem, os sindicatos  ou os (meus) colegas enfermeiros deixarem que aconteçam, pois qq. dia a carreira de enfermagem começa como auxiliar de acção médica.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 15, 2007, 11:27:16
: "Parreira"
: "Tininha"
: "Jorgyte"

Para vossa informação os primeiros 6 num concurso a Auxiliar de Acção Médica no HSJ são enfemeiros recém-licenciados.
E com certeza que não andaram a limpar retretes de hospitais, mas a partir de agora vão passar andar, ordenados por semelhantes seus, e vão ter muitos pontos por isto.


Isto é escandaloso!!!
Um insulto para nós, Enfermeiros!
Será que a Ordem não tem nada a dizer sobre este triste e humilhante acontecimento?

A nossa classe, que já prestigiou de muito, está a ficar cada vez mais degradada, sem valor social... como é que é possível que a Direcção de Enfermagem desse Hospital permita uma coisa dessas?


situações destas não pode a ordem, os sindicatos  ou os (meus) colegas enfermeiros deixarem que aconteçam, pois qq. dia a carreira de enfermagem começa como auxiliar de acção médica.


isto parece ser uma forma encapotada de ter pessoas com conhecimentos cientificos capazes de prestar cuidados de enfermagem a receberem como auxiliares de acção médica. assim é o que o governo e instituções hospitales querem.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: ixes_boxis February 15, 2007, 18:26:55
Não pude deixar de comentar este tópico como aluno de enfermagem. Estou totalmente de acordo que se calhar estes tipos de facilidades que têm sido dadas não são de modo nenhum justas para aqueles que desperdiçaram os melhores anos da sua vida, agarrados a uns montes de livros e a arrasta-los continuamente para atingir os seus objectivos,e que depois algumas pessoas que após uma determinada idade dá-lhes e um “click” e vão para onde querem e com poucas restrições. Mas se depois são capazes de acabar o curso como todos os outros, aí penso que já não pode haver comentários. (não deixando de ser um desrespeito por aqueles que perderam a sua vaga numa faculdade por causa desse “click”).
Não posso deixar de mencionar a revolta que sinto em saber de pessoas que não têm o mínimo respeito pela profissão que exercem, ao candidatar-se a auxiliares de acção médica.
Mas este não é o maior problema!
Enquanto enfermeiros continuarem a aceitar fazerem mais do que as 35 horas semanais impostas, a aglomerarem tudo o que são postos de trabalho para ganhar uns “troquinhos” a mais, continuarão a fazer parecer que não fazemos assim tanto, pois dá a sensação que uma pessoa tem capacidade para aglomerar serviços inteiros.
Como já ouvi uma vez uma pessoa da área dizer “são muitas guitarras que tenho para tocar”. Pois é… mas quem tenta segurar muitas guitarras acaba sempre por deixar cair alguma, ou então algumas e quem sofre mais com estas atitudes são os doentes, aqueles que aguardam os nossos cuidados, mas não os recebem devidamente pois o enfermeiro entrou atrasado 20 na passagem de turno e já não ouviu metade e está muito cansado porque acabou de fazer noite num hospital a 30km...
Temos de ser fontes e portadores de conhecimento e não apenas técnicos que apenas sabem executar e não explicar, como já fui confrontado muitas vezes. Por isso é que enfermagem é licenciatura e não um simples curso técnico.  
Enquanto não nos afirmarmos com portadores de sabedoria e capacitados para a transmitir a quem necessita dela, vamos continuar a cair neste poço que parece não ter fundo.
Está na hora de quem exerce esta profissão começar a valoriza-la, e muitos profissionais deviam de voltar a agarrar nos seus “livrinhos”, porque ao contrário do que muitos pensam, eles com pó continuam a ter o mesmo valor comercial!
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: RAMONES February 17, 2007, 20:22:20
Boas.
Só para esclarecer algumas dúvidas acerca dos concursos M23:

- Não existe habilitação minima para concorrer.
- Pode-se concorrer com o 12º ano ou equivalente.
- Só pode concorrer quem completou 23 anos no ano civil anterior ao do concurso.
- Os admitidos a concurso irão realizar as seguinte provas:
    - Prova de cultura geral
    - Prova especifica da area ao curso que concorre.
    - Prova Oral.
    - Entrevista.

- O resultado da prova de cultura geral somado ao resultado da entrevista nao podem influenciar em mais de 1 ponto o resultado final.

-As provas são redigidas e realizadas no estabelecimento de ensino ao qual se concorre.

Agora para quem pensa que a prova é facil.....só para terem uma ideia, a prova de biologia do ano passado tinha 13 paginas!

-Os estabelecimentos de ensino já têem vagas reservadas para os alunos que ingressem através do concurso M23. Pelas estatisticas de algumas escolas essas vagas rondam os 10% do total de vagas.

Agora pensem um bocado......
Quem concorre a esse exame é porque tem no minimo 24 anos.Muitos têem mais de 30 anos. Muitos frequentaram o ensino secundário na antiga reforma, quando só se passava de ano se se fizesse as disciplinas todas, no tempo em que andava tudo no 12º e com matematica do 10º por fazer, existia os exames especificos, a prova de aferiçao e a mitica PGA.Isto para não falar das dezenas de milhares de alunos que tiveram que se matricular no ensino nocturno,quando a nova reforma entrou em vigor. Muitos desistiram de completar o 12º devido as enormes dificuldades que tinham nos exames,outros nem conseguiram mais fazer os exames da antiga reforma porque simplesmente deixaram de existir, e com o avançar da idade, das responsabilidades ingressaram no mercado de trabalho em vez de andar todos os anos a tentar entrar no ensino superior. Tambem existem muitos que concorrem aos M23 porque não tinham possibilade de ir para longe estudar, e agora com a proliferação de universidades e politécnicos já não precisam de sair de casa para estudar.
Agora não sei o que acham injusto no exame M23.....
Em centenas que concorrem a um exame para um curso, só entram 3 ou 4!!Isso sim é mérito!! Se um que tem a 4ªclasse teve melhor nota que o outro com o 12º ano e que tinha prévios conhecimentos na area...AZAR!!Estudase mais!!
E depois é a tal coisa....depois de lá estar dentro, é igual para todos!


Não gosto de dar a minha opinião pessoal sobre certas coisas, e se de certa forma ofendi alguem ou não fui preciso nalguma coisa, as minhas desculpas.

Cumprimentos.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 17, 2007, 22:53:51
Prova especifica da area ao curso que concorre.

Amigo que eu saiba, em algumas instituições de ensino e cursos, não existe prova especifica nenhuma nos concursos para maiores de 23.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 17, 2007, 23:25:38
Eu não tenho nada contra os maiores de 23 anos, o que eu duvido é que estas provas consigam seleccionar quem quer que seja, mas acredito que com o decorrer do curso e suas dificuldades esse faça alguma selecção.

Digam onde está a especificidade da prova para concorrer a enfermagem, por exemplo no Instituto Piaget


Prova de avaliação de conhecimentos e competências
1 ?A prova de avaliação de conhecimentos e competências destina-se a avaliar se o candidato dispõe dos conhecimentos indispensáveis para o ingresso e a progressão no curso escolhido.
2 ?A prova de avaliação de conhecimentos e competências é organizada segundo o perfil do candidato e do curso a que se candidata e elaborada de forma a pôr em evidência a aptidão e os conhecimentos adquiridos na prática profissional que possam ser significativos para o ingresso e a progressão no curso em causa.
3? A prova de avaliação será conduzida num quadro de referência de um «projecto» de formação institucional de nível superior e em conformidade com o princípio nuclear e estratégico do desenvolvimento da criatividade humana e do sentido ético da vida, por forma a promover dinâmicas de aprendizagem direccionadas para a construção de um perfil competencial, na base da potenciação de capacidades como as da imaginação, da sensibilidade, da inteligência, da racionalidade, da memória, do espírito crítico, da interpretação e da expressão.
4? A prova terá uma configuração essencialmente prática, a partir de situações problemáticas (ou de casos problema).
5? A prova de avaliação de conhecimentos e competências tem a duração mínima de trinta e máxima de sessenta minutos.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Tenevora February 19, 2007, 12:21:47
: "Parreira"
(cortado)

Digam onde está a especificidade da prova para concorrer a enfermagem, por exemplo no Instituto Piaget

(cortado)

2 —A prova de avaliação de conhecimentos e competências é organizada segundo o perfil do candidato e do curso a que se candidata e elaborada de forma a pôr em evidência a aptidão e os conhecimentos adquiridos na prática profissional que possam ser significativos para o ingresso e a progressão no curso em causa.


Itálico e bold adicionado por mim.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Parreira February 19, 2007, 13:01:40
: "Tenevora"
: "Parreira"
(cortado)

Digam onde está a especificidade da prova para concorrer a enfermagem, por exemplo no Instituto Piaget

(cortado)

2 —A prova de avaliação de conhecimentos e competências é organizada segundo o perfil do candidato e do curso a que se candidata e elaborada de forma a pôr em evidência a aptidão e os conhecimentos adquiridos na prática profissional que possam ser significativos para o ingresso e a progressão no curso em causa.


Itálico e bold adicionado por mim.


eu tenho conhecimento de causa. não vi qq. prova especifica para o curso em causa.
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: jg_sousa March 05, 2007, 15:25:08
isto é uma vergonha.... claro k depois de la estar dentro sao como os outros, mas é completamente diferente fazer exames nacionais onde é obrigatorio a classificação minima de 10 valores para as disciplinas especificas que fazer um exame de cultura geral a perguntar kem foi o 1 rei d portugal, isso nao é enfermagem!!!!!! esta lei do M23, é mais uma jogada do governo para diminuir os indices de desemprego em portugal.... pois se sao estudantes, nao sao desempregados.  :?   é este o estatuto e glamour k a carreira de enfermagem esta a tomar... ja todos sao enfermeiros. Depois pessoas admiram-s de haver alunos de enfermagem sem :x  bases quaiquer, estarem num hospital a tratar um familiar seu e um colega ou orientador do estagio no 4 ano pedir S.F... e o aluno perguntar s era o tal frasco k trazia e dizia NaCl, ou entao nao saberem preparar um paracetamol ev, k como s sabe é so colocar o sistema de soros... tudo isto vi eu, mas como se disse atras, vao ser enfermeiros como eu... o problema é poderem vir a tratar familiares meus, pq certamente k as cunhas dos ministros nao vao apanhar estas aberrações da enfermagem  :|
e sao essas pessoas k um dia vao passar a nossa frente numa colocação de emprego, pois a cunha fala mais alto, e a competencia..... :cry:
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: FJ November 10, 2007, 22:35:22
bem...sem comentarios....isto ja tava mau...e cada vez pior estará...ao que parece..

fogo....kualker dia a minha abó lembrass dir pa enfermagem e pronto lá bai ela....aposto k ela domina bem mais a biologia a quimica que eu....lol

txtexa de pais....andei eu a derreter as pestanas pos exames nacionais...e agora temos esta situaçao...fogo!! >:(

o meu obrigado ao governo de portugal...por me abrir os olhos k este pais nao vale uma m*rda......e me inspirar a sair daki para fora...obrigado mesmo...... >:( ;)

abraço a todos ;)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: keliinha November 25, 2007, 21:45:30
Caros colegas:

Estou cada vez mais certa que estamos num país onde se previligia a mediocridade e o facilitismo, e esta lei n é mais do que uma prova disso. Acho esta medida absurda, mas este tipo de medidas já vÊm sendo habito com estes nossos governantes. Qualquer dia ha enfermeiros, médicos, professores com apenas a 4ª classe e um curso superiol..isto é de tolos..só me dá vontade de rir ou de fugir deste planeta de mediocres e incompetentes!!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: mariamariamaria November 25, 2007, 21:55:49
Olá,

Não me parece de todo descabido que uma pessoa que tenha apetência pela área, os pressupostos teóricos e vontade possa ingressar no curso.

Aliás esta é a minha forma ideal de se recrutar pessoal para estas áreas. Gente com abertura intelectual suficiente (com secundário completo) que queira mesmo enveredar por esta opção profissional.

Maiores ou menores de 23 anos, precisamos de quem goste disto. Qual é o problrma afinal? É que eu não estou muito por dentro disto.

Abraço.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: BbEeLlIiNnHhAa November 25, 2007, 22:48:26
Não percebo o pk de tanta admiração por colegas nossos trabalharem como auxiliares.... a verdade é k isso´ja era mt facil de se prever, ou n?  ??? e embora também não me agrade muito a ideia e muito menos agrade todas as consequencias de que disso advem, a verdade é k é tao ou mais louvável trabalhar como auxiliar do que ficar em casa a concorrer pa concursos que vao sendo lançados a espera que algo aconteça....  :-
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Francisco Matos January 16, 2008, 19:19:51
Sinceramente, não percebo a vossa admiração.

É uma situação que existe à bastante tempo (Ex- Exame Ad-Hoc).

Devem pensar que entra toda a gente.... Enfim. Existe um número muito pequeno de vagas para o ingresso pelo regime > 23 anos, pelo que só quem revela maiores conhecimentos é aceite.

Além de que, se realmente não têm capacidades, como dizem alguns por aqui, como é que esses colegas terminam o curso?

Enfim, cheira-me a "luta de interesses" e "medo de perder o tacho" que me entristece...

E não, não entrei pelo regime Ad-Hoc nem > 23

Entrei por via normal (12º ano)

Mas sinceramente não percebo a vossa discriminação...

Uma pessoa não tem direito de progredir intelectualmente? Não é só na escola que se aprende amigos...

Cumprimentos,

Francisco Matos
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: charlie_ze January 17, 2008, 00:30:09
Em ultima análise, depois de entrarem no curso não lhe deve ser dado nenhum regime especial, deve amargar com a dificuldade igual à dos outros estudantes.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Egimen January 17, 2008, 02:54:56
O ensino superior está a saque...e ninguem se incomoda grandemente com esta triste realidade.
A novela da Universidade Independente ou da Universidade Moderna são disso exemplos bem claros.
Não invoco aqui o regresso de um sistema repressivo com filtros, bem mais do que académicos, no acesso ao ensino superior, mas a verdade é que assentamos o nosso paradigma de formação ( não só do acesso ao ensino superior) num paradoxo pois o estado quer providenciar a todos um grau académico superior mas não quer que com isso ninguem se aborreça muito com qualidade e exigencia de ensino.
É um modelo de base formal e puramente estatístico salvo honrosas excepções. Ora se Portugal tem um deficit de formação académica e profissional e é essa a questão central do nosso sub-desenvolvimento em relação aos nossos parceiros europeus o Governo em 4 anos como pode resolver isso...não resolve!  Providencia diplomas bonitos e uma bela cerimónia de entrega e diz numa conferencia de imprensa em horário de telejornal que Portugal miracolosamente tem mais licenciados mais pessoas com o 12º mais pessoas com o 9º ano mas esquece-se de dizer o fundamental...que ninguem sabe mais por isso nem o pais ganha nada com isso, pois a fachada do prédio foi pintada mas os alicerces continuam miseraveis.
A politica de formação com esta lei dos mais de 23 anos com as " novas oportunidades" e outras ofertas formativas do género apesar de serem apresentadas como uma arma contra o deficit de formação e facil de defender em debate são porventura o nosso maior erro estrategico, pois do total dos 4 quadros comunitarios de apoio em formação já se gastou o suficiente para fazer dois aeroportos de Alcochete...sentem a diferença?
Aproveito para deixar a sugestão para que da proxima vez que surja a vontade de fazer tal idiotice se coloquem os diplomas em embalagens de detergente...não se gasta em formadores e ainda recolhem mais algum com o IVA dos detergentes vendidos...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Francisco Matos January 17, 2008, 21:13:04
Caro Egiman,

Antes da "Prova dos Maiores de 23 anos", já existia o exame Ad-Hoc, que vigorava à bastantes anos,
que no fundo vai dar ao mesmo....

Continuo a não perceber em que é isso é prejudicial, pois só se tem o diploma depois do curso feito, e se
o conseguem terminar, têm o mesmo mérito do que qualquer outro estudante.

Cumprimentos,

Francisco Matos
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês January 21, 2008, 16:30:07
aos q nao servir a carapuça..... exqçam akilo q vou dizer:

realmente neste forum ja vi d tudo, mas nao posso deixar d responder a alguns cromos maxos e femeas, q aki andam, q xamaram incompetentes a pessoas como eu, q qerem ingressar via 23 pa enfermagem.....

eu sou um desses cromos . ;D

para vos esclarecer..... pelo menos aki em coimbra abriu agora o concurso para esse regime especial no dia 1 d janeiro e prolonga-se ate ao ultimo dia d março.

sim: existem provas especidicas. aki em coimbra irei realizar prova d biologia e psicologia, q inclusive ja estou a estudar......  paguei 75 eur d inscriçao.

para esses meninos do papá q tiveram a papinha toda feita, eu deixo aki o meu testemunho, q infelixmente fikei sem uma pessoa indispensavel na minha vida e do meu irmao, aos 16 anos e tive q ir trabalhar no duro...... telepizza, kodak, alberto e filhos lda. tinha d haver comida em casa.... e as vezes..... nem vos digo :-

tive d deixar d estudar. aos poucos fui estabilizando, acabei o piano, e ganho o suficiente pa mim a custa das aulas q dou, e agora com 23 anos decidi q tenho estabilidade suficiente para poder concorrer a faculdade.

mas com esta idade, nao vou po pe d miudos d 16/17 anos estudar no diurno.........

inscrvi no mais 23 para enfermagem, e em julho irei inscrever para medicina. e vou entrar...... pois ando a estudar para isso...... e porq secalhar tenho mais vontade q alguns d voces, q so pensam no ordenado q poderao vir a ter..... xeios d facilidades, em q xegam ao pe do paizinho, e o paizinho da ali 50 euros pa noite..... enquanto voces vao pa noite ao fim d semana, eu vou trabalhar para pagar as aulas d preparaçao pos exames d biologia e psicologia...... :P

nao sao meia duzia d cromos como alguns aki neste forum, q julgam por terem  tido boas notas no secundario, q sao supra inteligentes, ou mais inteligentes q eu e outros....

o coeficiente d inteligencia, calcula-se atraves da logica e exercicios logicos, para ver os processos d funcionamento do cerebro.... nao atraves d conhecimento geral d biologia, etc etc etc ou cultura geral.

magoa o facto d haver aki filhinhos do papá q teem a mania q sao os maiores, qd sao uns burros da m*erda, pessoas sem um pesnamento snobe, mt basicas, com boas notas, mas um q.i. mt mt mt baixo..... abaixo dos 90  ::)

gosto d ver, xicos espertos com a mania q sao os maiores, .....mmas vejam so, sei tocar pano 8º grau do conservatorio.....  tive formaçao veterinaria ,onde exerci no alberto da silva duarte, em apicultura onde tenho vastos conhecimewntos em patologia animal e terapeutica...... trabalhei na kodak, em composiçao quimica e aplicaçoes, devido a minha formaçao em t.l.q. q a maior parte d voces nao teve......  sei fazer, pizzas, nao preciso d as encomendar hehehe entao..... onde é q alguns d voces xicos espertos..... teem mais cnhecimento, sabedoria do q eu????? ::)

learn....... with this lesson......  :-*

nunca desistam amigos, lutem pelos vosso sonhos ,  ha momentos maus e outros bons.

tenho amigos q s liocenciaram ha um ano, e agora arranjaram emprego, e parece, definitivamente hehehehe

e aos pouco homosapiens q aki andam.........   ide-vos ....der
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês January 21, 2008, 16:37:59
nao liguem aos erros ortograficos..... é q visto eu defrontar algumas alminhas aki neste forum q julgam vir a ganhar o premio nobel da inteligencia  e do raciocinio.... nao preciso d escrever as palavras completas, visto serem apenas precisas  as primeiras 2 letras e as ultimas 2 letras, para o nosso cerebro descodificar a palavra total 8)

e mais...... o neo darwinismo...... é uma trampa, pois defende q apenas os individuos em reproduçao sexuada, irao poder sobreviver as adaptaçoes futuras e alteraçoes ambientais, pois nos processo d crossingover, da-se alteraçoes geneticas, e dai possibilidades evolutivas.....

e os seres vivos, em reproduçao assexuada, onde ocorrem mitoses sucessivas? morrem??? condenados á extinçao????  devido a nao variabilidade genetica????

hehehehehe tb qero ser cromo como alguns

dere :P
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês January 21, 2008, 19:38:24
: JoãoRocha
Para aqueles que não acreditam que estão entrar com a 4ª classe   jovens e velhos para Enfermagem e outros cursos superiores, visitem este site:

http://www.exames.org/forum/viewtopic.p ... sc&start=0 (http://www.exames.org/forum/viewtopic.php?t=8418&postdays=0&postorder=asc&start=0)



olha la ó cromo, para esclarecer toda a gente, incluindo a menina dos olhos do papá, qualqer pessoa pode s candidatar com o 12º ano completo, nao pode é ter habilitaçoes para o curso a q s candidata.

exmplo, nao vou fazer desenho, pois és a sabedoria em pessoa . na faculdade d medicina d coimbra, a media minima para frequentar akele estabelicimento, é 14 valores...... s tu acabares o 12º ano mas teres uma media inferior a 14 valores.... ja podes concorrer heheheheheh

pode so ter a 4ª classe, 1ª classe, etc pode concorrer. duvido e q passe nos exames. s quiseres mostro-t uma prova do acesso 23 pa matematica do ano passado em coimbra, em q uma das perguntas sobre logica e raciocinio dedutivo, ( s é q sabes o q é isto hehehehe ) era do genero  " em 1953 um individuo A conheceu individuo B  numa viagem d comboio...... durante a conversa , o individuon A disse q a sua idade era igual a soma dos algarismos da sua data d nascimento. qual a sua idade???? " s conseguires resolver sozinho..... é pa, nao t xamo mais cromo, e passo a xamar te sua sapiencia....mas como duvido q consigas..... apenas qero q saibas q um desses alunos com a 4ª classe consegiu resolver o problema.... alias foram mais, mas as estatisticas nao dizem qtdade certa hehehehehhe   

eras bom para criar um programa.... " pensas q sabes mais q um velho com a 4ª classe??? "

 ;D :o 8) :P :P :P
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: charlie_ze January 21, 2008, 23:07:08
Colega fabioteclasmeidin não precisao responder com tanta agressividade. Pode muito bem fazer valer os seus pontos de vista sem recorrer aos insultos
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês January 22, 2008, 13:55:36
: "charlie_ze"
Colega fabioteclasmeidin não precisao responder com tanta agressividade. Pode muito bem fazer valer os seus pontos de vista sem recorrer aos insultos

sim tens razao..... mas depois d 4 paginas d post's d alguma malta a xamar burros, incapacitados, e q temos competencia para unica e exclusivamente "lavar" retretes....  nao tenho paciencia pa boa educaçao.  a liberdade de alguns aki, acabou qd a minha começou.

d resto um abraço, da proxima contenho-me. ::) ;)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: charlie_ze January 22, 2008, 22:32:02
Já agora a pergunta que descreveu que foi feita no exame, dava um excelente post - diriamos, fazer um concurso.....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Lipa85 May 30, 2008, 18:07:51
Bem...o meu tio é prof numa fac de medicina e expliquei-lhe que agr havia isto dos maiores de 23anos. Ele disseme q em medicina n têm porque são as faculdades que decidem se aceitam ou nao este concurso. Ainda assim os médicos n parecem nada preocupados pelo seguinte: quem faz as provas é a faculdade, logo, se kizerem eliminam toda a gente que concorrer....e depois...é cm o meu tio diz...por mim podem entrar todos...não quer dizer que saiam com o diploma...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Son_Goku May 30, 2008, 21:14:14
Por acaso medicina até tem esse contingente (ICBAS). E o mais incrível é que quem entra em Medicina por esse mesmo contingente ingressa com uma nota à volta dos 11 valores! O contingente dos maiores de 23 é uma injustiça, pelo menos nos moldes actuais, uma vez que não cumpre minimamente a sua função de excrutínio dos candidatos que têm condições mínimas para frequentar o ensino superior. Quanto a enfermagem, actualmente nem é preciso ter esse contingente (mas ainda assim existe) uma vez que toda a gentre entra e pior do que isso, toda a gente sai. Quanto a Medicina, vamos ver se o mesmo também se passa!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Vitor Barbosa June 03, 2008, 01:02:56
: fabioteclasmeidin
pode so ter a 4ª classe, 1ª classe, etc pode concorrer. duvido e q passe nos exames. s quiseres mostro-t uma prova do acesso 23 pa matematica do ano passado em coimbra, em q uma das perguntas sobre logica e raciocinio dedutivo, ( s é q sabes o q é isto hehehehe ) era do genero  " em 1953 um individuo A conheceu individuo B  numa viagem d comboio...... durante a conversa , o individuon A disse q a sua idade era igual a soma dos algarismos da sua data d nascimento. qual a sua idade???? " s conseguires resolver sozinho..... é pa, nao t xamo mais cromo, e passo a xamar te sua sapiencia....mas como duvido q consigas..... apenas qero q saibas q um desses alunos com a 4ª classe consegiu resolver o problema.... alias foram mais, mas as estatisticas nao dizem qtdade certa hehehehehhe   

eras bom para criar um programa.... " pensas q sabes mais q um velho com a 4ª classe??? "

Bem, apesar de parecer muito complexo, este problema resolve-se numa de tentativa e erro. Além do mais, o enunciado do programa está incompleto. O correcto seria:

No ano de 1953, A e B conheceram-se numa viagem de comboio. No decorrer da conversa, falaram da idade de cada um. Disse A: Se somar os 4 algarismos do ano em que nasci, ficará a saber a minha idade. Em que ano nasceu A?

E a resposta é 1935.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar June 18, 2008, 22:52:19
Na verdade eu não sei porque ainda me surprendo com o ridiculo das opniões de  certa gente e com os seus consequentes preconceitos. Eu sou um dos que tentei as vagas para maiores de 23 em enfermagem. Fiz os exames( sim porque são dois)
no dia 31 de Maio, e no dia 16 de Junho tive a feliz noticia que tinha sido admitido. Havia 16 vagas para 74 pessoas que se inscreveram e eu fiquei em 10º lugar. Eu tenho 29 anos e frequentei o 12º há dez anos atras, quando o programa de biologia(que foi a disciplina sobre a qual fiz exame) não tinha nada a ver com o novo programa. Tive o mes de maio para me preparar, o que para quem não esta a perceber significa que num mes estudei o programa todo de um ano; sim,todo,porque não nos foi dada uma matriz da prova,não houve facilidades,e os conteudos programaticos para o exame eram uma copia perfeita do indice dos livros de biologia de 12º ano-novo programa. O exame de biologia que eu fiz esta ao nivel dos exames nacionais e como tal não foi facil;este exame foi feito as 10:30 da manha e teve a duração de duas horas,e, as 14:00h ainda tive que que me sujeitar a novo exame de duas horas que tinha como objectivo avaliar a minha capacidade de expressão escrita e de argumentação,que a meu ver é um exame que deveria ser obrigatorio a todos os alunos de 12º ano, pois neste tempo de linguagem e escrita sms e messenger a lingua portuguesa esta em crise.
Alem destes exames tive que entregar um curriculum e enfrentar uma entrevista com duas enfermeiras professoras que constituiam parte do corpo do juri.
Tenho tambem a dizer que algumas das pessoas que fizeram o exame sendo que muitas das quais chumbaram estavam a frequentar o 12º ou o tinham completo,havia ate quem ja estava a frequentar o ensino superior,ora se há alguma injustiça neste sistema é apenas dessas pessoas em relação a mim e outros como eu que ja deixaram de estudar há muito tempo e que por razões varias nao puderam ingressar no ensino superior mas nunca perderam esse sonho.Agora como é possivel que alguem ache mal dar-me uma oportunidade e a outros como eu?
Alem disso a questão prende-se com o curso,se eu acabar o curso,talvez ate com melhores notas do que alguem que entrou pelo regime normal,havera motivo para eu ser considerado menos enfermeiro só porque não tenho o 12º ano?
Quem fala mal devia pensar duas vezes e em vez disso admirar a capacidade e a vontade destas pessoas que como eu  conseguem com muito esforço estar ao nivel de pessoas mais novas que tiveram sempre continuidade nos estudos,e sobre as quais ainda não pesam responsablidades como o emprego,a prestaçao da casa,a familia(muitas vezes mulher e filhos),talvez um segundo emprego(porque a vida esta dificil), ao contrario de pessoas como eu que ja tem estas responsabilidades e que mesmo assim ainda arranjam tempo para dar seguimento a um sonho,mesmo com todas as dificuldades que este acarreta.

Sejam mais tolerantes e menos ignorantes! 
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês June 19, 2008, 17:39:33
: Vitor Barbosa
: fabioteclasmeidin
pode so ter a 4ª classe, 1ª classe, etc pode concorrer. duvido e q passe nos exames. s quiseres mostro-t uma prova do acesso 23 pa matematica do ano passado em coimbra, em q uma das perguntas sobre logica e raciocinio dedutivo, ( s é q sabes o q é isto hehehehe ) era do genero  " em 1953 um individuo A conheceu individuo B  numa viagem d comboio...... durante a conversa , o individuon A disse q a sua idade era igual a soma dos algarismos da sua data d nascimento. qual a sua idade???? " s conseguires resolver sozinho..... é pa, nao t xamo mais cromo, e passo a xamar te sua sapiencia....mas como duvido q consigas..... apenas qero q saibas q um desses alunos com a 4ª classe consegiu resolver o problema.... alias foram mais, mas as estatisticas nao dizem qtdade certa hehehehehhe   

eras bom para criar um programa.... " pensas q sabes mais q um velho com a 4ª classe??? "

Bem, apesar de parecer muito complexo, este problema resolve-se numa de tentativa e erro. Além do mais, o enunciado do programa está incompleto. O correcto seria:

No ano de 1953, A e B conheceram-se numa viagem de comboio. No decorrer da conversa, falaram da idade de cada um. Disse A: Se somar os 4 algarismos do ano em que nasci, ficará a saber a minha idade. Em que ano nasceu A?

E a resposta é 1935.


este problema nao é assim tao simples como parece. a unica coisa q sabemos é q nasceu obrigatoriamente antes d 1943/1944 ( 1+9+x+x onde 1+9 =10, logo subtrai-se 10 aos 1953 , e como é possivel o individuo ter nascido no sec 19 final, obrigatoriamente podera ter nascido antes d 1944--- 1+8+x+x).

ouseja pode ter nascido em 1935, mas pode ter nascido em 1936, em 1930 ( com 13 anos pode-se andar d comboio)

nao sei s a sua resposta esta incorrecta, mas tambem nao sei s a sua resposta esta correcta.....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês June 19, 2008, 17:54:54
: militar
Na verdade eu não sei porque ainda me surprendo com o ridiculo das opniões de  certa gente e com os seus consequentes preconceitos. Eu sou um dos que tentei as vagas para maiores de 23 em enfermagem. Fiz os exames( sim porque são dois)
no dia 31 de Maio, e no dia 16 de Junho tive a feliz noticia que tinha sido admitido. Havia 16 vagas para 74 pessoas que se inscreveram e eu fiquei em 10º lugar. Eu tenho 29 anos e frequentei o 12º há dez anos atras, quando o programa de biologia(que foi a disciplina sobre a qual fiz exame) não tinha nada a ver com o novo programa. Tive o mes de maio para me preparar, o que para quem não esta a perceber significa que num mes estudei o programa todo de um ano; sim,todo,porque não nos foi dada uma matriz da prova,não houve facilidades,e os conteudos programaticos para o exame eram uma copia perfeita do indice dos livros de biologia de 12º ano-novo programa. O exame de biologia que eu fiz esta ao nivel dos exames nacionais e como tal não foi facil;este exame foi feito as 10:30 da manha e teve a duração de duas horas,e, as 14:00h ainda tive que que me sujeitar a novo exame de duas horas que tinha como objectivo avaliar a minha capacidade de expressão escrita e de argumentação,que a meu ver é um exame que deveria ser obrigatorio a todos os alunos de 12º ano, pois neste tempo de linguagem e escrita sms e messenger a lingua portuguesa esta em crise.
Alem destes exames tive que entregar um curriculum e enfrentar uma entrevista com duas enfermeiras professoras que constituiam parte do corpo do juri.
Tenho tambem a dizer que algumas das pessoas que fizeram o exame sendo que muitas das quais chumbaram estavam a frequentar o 12º ou o tinham completo,havia ate quem ja estava a frequentar o ensino superior,ora se há alguma injustiça neste sistema é apenas dessas pessoas em relação a mim e outros como eu que ja deixaram de estudar há muito tempo e que por razões varias nao puderam ingressar no ensino superior mas nunca perderam esse sonho.Agora como é possivel que alguem ache mal dar-me uma oportunidade e a outros como eu?
Alem disso a questão prende-se com o curso,se eu acabar o curso,talvez ate com melhores notas do que alguem que entrou pelo regime normal,havera motivo para eu ser considerado menos enfermeiro só porque não tenho o 12º ano?
Quem fala mal devia pensar duas vezes e em vez disso admirar a capacidade e a vontade destas pessoas que como eu  conseguem com muito esforço estar ao nivel de pessoas mais novas que tiveram sempre continuidade nos estudos,e sobre as quais ainda não pesam responsablidades como o emprego,a prestaçao da casa,a familia(muitas vezes mulher e filhos),talvez um segundo emprego(porque a vida esta dificil), ao contrario de pessoas como eu que ja tem estas responsabilidades e que mesmo assim ainda arranjam tempo para dar seguimento a um sonho,mesmo com todas as dificuldades que este acarreta.

Sejam mais tolerantes e menos ignorantes!   

eu fiz o exame maiores 23 em coimbra na E.S.E.N.F.C. ha cerca d um mes, o exame era as 10h, e dividia-se em 2 partes: 1º parte biologia/quimica/psicologia

2ªparte: um texto para analizar e detectar a tese ali presente, e fazer-mos uma sintese critica. outros 5 valores, era construir-mos  um texto sobre a enfermagem actual, onde demonstrasse-mos cultura geral.

a primeira pergunta do exame:

"quais os 4 principais compostos organicos do organismo humano?"

a minha resposta q nao sei s ta certa, pois nao sairam resultados ainda, foi:

-acidos nucleicos(rna/dna), lipidos, proteinas e glicidos

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

davam a imagem do coraçao humano, e tinha-mos d legenda-lo todo!!!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
nrs quanticos, niveis d energia, etc

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
constantes d acidez bronsted-lowry  ph, acido base, equilibrio acido base, etc

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

formulas quimicas e acertos....... formula quimica da glicose , e decomposiçao do amido atraves da amilase e transformaçao em maltose: toda a reacçao quimica

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

apenas detectei um errp geral no exame:

actualmente , no 12ª ano, so s pode escolher 1 disciplina, biologia, geologia,fisica,quimica, ou psicologia,..... pois actualmente os exames nacionais d quimica e biologia fazem-se no final do 11º ano.

logo, o programa q saiu no exame d maiores 23 engloba toda a materia do secundario em quimica,biologia e psicologia. logo nao é possivel uma pessoa q esteja em psicologia no 12 ano oub tenha tido psicologia 12 ano, saber a materia do 12 ano d biologia ou quimica.

logo, secalhar, este exame é um bocadinho mais puxado q os proprios exames nacionais.

eu fix ontem o exame nacional d biologia e geologia, com uma perna as costas, e amanha irei fazer o d quimica, para o caso d nao entrar via 23, entrar pela via normal em enfermagem ou engenharia genetica ou cardiopneumologia.

garanto-vos: o exame d acesso maiores 23 é mt mais dificil q o exame nacional, pelo menos aki na esenf d coimbra.

saudaçoes a todos.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: zaza June 20, 2008, 18:13:57
desejo te toda a sorte...

luta por aquilo que queres...

entrares por uma "porta" ou pela outra, o que intressa é naquilo que te vais tornar.. e acredito que por vezes té possas ser melhor que mts que entraram pela "porta da frente"...

cumps
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: vmer16v June 20, 2008, 18:52:00
Ao tentar agir de modo diferente, acaba por cair no ridiculo. Qual o proposito dessas questões aparentemente pertinentes?! Muitos de nós já passamos pelo mesmo, um pouco de humildade só fica bem, por muita razão que tenha nas suas "acusações", rapidamente as perdeu com a sua intervenção descabida.
De qualquer modo, desejo que alcance os seus objectivos,sejam eles o de se tornar Enfermeiro ou Medico ou outro...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês June 24, 2008, 01:08:31
se releres o tópico desde o inicio, nos os frustrados dos maiores 23 já fomos acusados d procurar o facilitismo, de servir-mos apenas para limpar retretes etc.....

mas tens razão, não devia ter sido brusco nas respostas, aliás esquece-mo que a maioria dessas respostas eram provenientes de miúdos com 17 anos.

saudações O0
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Vitor Barbosa June 24, 2008, 13:25:44
: Vitor Barbosa
Bem, apesar de parecer muito complexo, este problema resolve-se numa de tentativa e erro. Além do mais, o enunciado do programa está incompleto. O correcto seria:

No ano de 1953, A e B conheceram-se numa viagem de comboio. No decorrer da conversa, falaram da idade de cada um. Disse A: Se somar os 4 algarismos do ano em que nasci, ficará a saber a minha idade. Em que ano nasceu A?

E a resposta é 1935.

: fabioteclasmeidin
este problema nao é assim tao simples como parece. a unica coisa q sabemos é q nasceu obrigatoriamente antes d 1943/1944 ( 1+9+x+x onde 1+9 =10, logo subtrai-se 10 aos 1953 , e como é possivel o individuo ter nascido no sec 19 final, obrigatoriamente podera ter nascido antes d 1944--- 1+8+x+x).

ouseja pode ter nascido em 1935, mas pode ter nascido em 1936, em 1930 ( com 13 anos pode-se andar d comboio)

nao sei s a sua resposta esta incorrecta, mas tambem nao sei s a sua resposta esta correcta.....

Bem, a resposta julgo que está correcta. Senão vejamos:

1+9+3+5 = 18
1953-1935 = 18

Pelos dados que nos são fornecidos no problema, penso que esta é a resposta correcta...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Mauro Germano June 27, 2008, 00:10:35
Pessoalmente, acho esta "lei" um erro estratégico.

Quando o que mais é necessário no país são os chamados quadros intermédios e o próprio mercado não tem capacidade de absorver os licenciados que já forma, para quê facilitar ainda mais o acesso ao ensino superior?

Não se trata de justiça social, mas de visão estratégica. Todos querem ser doutores, engenheiros ou coisa e tal, mas seria mais inteligente por parte do Estado (porque este deveria ter uma visão mais a longo prazo) primeiro criar condições para que eles sejam empregados e só depois fomentar a sua formação.

Muito já se falou sobre o erro que foi acabar com as escolas mais profissionalizantes (as antigas escolas industrias por ex) mas insiste-se no mesmo erro: Aumentar o número de licenciados sem que eles sejam necessários ( não existe onde empregá-los) e não, não é só a enfermagem que padece deste problema... Por isso para quê criar medidas que facilitem o acesso ao ensino superior?
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês July 15, 2008, 07:20:30
: Magistral Estratega
Pessoalmente, acho esta "lei" um erro estratégico.

Quando o que mais é necessário no país são os chamados quadros intermédios e o próprio mercado não tem capacidade de absorver os licenciados que já forma, para quê facilitar ainda mais o acesso ao ensino superior?

Não se trata de justiça social, mas de visão estratégica. Todos querem ser doutores, engenheiros ou coisa e tal, mas seria mais inteligente por parte do Estado (porque este deveria ter uma visão mais a longo prazo) primeiro criar condições para que eles sejam empregados e só depois fomentar a sua formação.

Muito já se falou sobre o erro que foi acabar com as escolas mais profissionalizantes (as antigas escolas industrias por ex) mas insiste-se no mesmo erro: Aumentar o número de licenciados sem que eles sejam necessários ( não existe onde empregá-los) e não, não é só a enfermagem que padece deste problema... Por isso para quê criar medidas que facilitem o acesso ao ensino superior?

apenas não percebo o porque da revolta, se ja ha o exame adhoc à anos...... 8)

axo q teem a necessidade de arranjar argumentos falaciosos, nomeadamente falsas causas para justificarem a falta de empregabilidade, ou a grande taxa de desemprego....

por mim...... essa fase ja passou   :D I.C.B.A.S  rules......
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês July 15, 2008, 07:35:40
outro facto que denoto neste topico e noutros inclusive, é realçarem a ENFERMAGEM como um supra sumo dos cursos, algo inacessivel para todos, mas apenas para alguns, que so com media de 17 valores é q entram, etc-

eu axo mt bem, devem realçar o conceito enfermagem inclusive voces tiveram mt esforço para fazer o curso.

apenas axo q enaltecem a profissão pelos motivos errados- devem enaltecer a profissao pelo facto de serem importantes na recepção, perstação de cuidados e recobro do utente e não por medias, ou porq tiveram de ter grandes notas, etc

motivos errados. secalhar o motivo de haver tanto desemprego na area, é os q teem boas notas entrarem e depois a maior parte arrepende-se, pois ou custa ver sangue, ou ver situaçoes delicadas, e inclusive acabam por ir para lares de idosos devido a nao tolerancia dessas situaçoes.

so fax o curso, seja um aluno com boas notas seja um aluno maiores 23 com 4ª classe, quem estudar e tiver merito.

alem disso a profissao esta tao bem conceituada, que ano passado o ultimo a entrar po curso foi com media 11.3 e ainda sobraram vagas.... em coimbra ???

enfim, este assunto para mim esta ultrapassado.

saudaçoes
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Mauro Germano July 15, 2008, 14:13:51
@fabioteclasmeidin


Depois de tudo o que já disse neste tópico, deveria ter um pouco mais de contenção verbal e não fazer críticas nas quais também se poderia rever.

Acho graça que antes se mostrasse tão esforçado e reconhecedor do seu mérito para fazer o curso de Enfermagem e agora o desvalorize.

Mas tudo bem... Um assunto ultrapassado não é?

E deixe que lhe diga que não compreendeu o que eu disse no meu post que citou: não é só o curso de enfermagem, mas sim praticamente todos os cursos superiores em Portugal, estão sobredimensionados (as vagas) para a capacidade que o mercado tem de as absorver, daí que medidas que incentivem o ingresso no ensino superior não só são desnecessárias como são mesmo prejudiciais.

Absteve-se de comentar isso mas não se esqueceu de mandar a facadinha na Enfermagem. Encontramo-nos por aí...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês July 16, 2008, 07:28:32
: Magistral Estratega
@fabioteclasmeidin


Depois de tudo o que já disse neste tópico, deveria ter um pouco mais de contenção verbal e não fazer críticas nas quais também se poderia rever.

Acho graça que antes se mostrasse tão esforçado e reconhecedor do seu mérito para fazer o curso de Enfermagem e agora o desvalorize.

Mas tudo bem... Um assunto ultrapassado não é?

E deixe que lhe diga que não compreendeu o que eu disse no meu post que citou: não é só o curso de enfermagem, mas sim praticamente todos os cursos superiores em Portugal, estão sobredimensionados (as vagas) para a capacidade que o mercado tem de as absorver, daí que medidas que incentivem o ingresso no ensino superior não só são desnecessárias como são mesmo prejudiciais.

Absteve-se de comentar isso mas não se esqueceu de mandar a facadinha na Enfermagem. Encontramo-nos por aí...


"acho que fazem um conjunto de exames a Português, Matemática e Biologia, com perguntas do género:"explique o Teorema de Pitágoras" do 7º ano e ao nível mais básico que dá para rir. Além disso avaliam o currículo, quem lavou mais retretes no hospital tem mais pontos. É claro que entram com 10 valores no curso de Enfermagem, apesar das facilidades todas! Mas já é muito bom!"

palavras d um caro colega enfermeiro deste forum......

para que não haja duvidas, eu não critico a enfermagem, que não tem culpa de alguns profissionais que contem.

quando falo da sobrevalorização neste forum  da profissão, apenas critico-o porque apresenta os motivos errados, tais como medias etc.

ter entrado com media alta faz d si um bom enfermeiro??? secalhar sim, ou secalhar não.

é devido a arrogancia de algumas pessoas tal como a pessoa que escreveu as palavras aqui acima descritas, que secalhar o pais não anda para a frente, ou simplesmente o desemprego persiste.


quando disse querer ser enfermeiro, tomei essa opção pelo respeito pela profissão e pela vontade de fazer algo por alguem, pois cada vez q via alguem em situação de emergencia, queria fazer algo, e sentia-me frustado por nao o saber fazer.

não porque é chique, ou porque so trabalho 6 horas por dia, ou porque na altura ate a media era alta, e a seguir a medicina, é a mais importante na area da saude.

ja percebeu que so faz o curso quem se emprenha??? acha que vão facilitar um aluno maiores 23???

quando digo problema ultrapassado, nem me referia no sentido fraudulento, pois nem vou seguir enfermagem, mas sim outro curso da area da saude tão importante como a enfermagem, e todos os outros cursos... O0


caro colega do forum, sem ressentimentos, pois a falar é que nos entendemos.

saudaçoes
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: zaza July 25, 2008, 19:37:41
"...pois nem vou seguir enfermagem, mas sim outro curso da area da saude tão importante como a enfermagem, e todos os outros cursos..."


que curso é, pode se saber ?!

cumps
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Susana Cabrita August 29, 2008, 20:13:09
afina qual e o vosso problema e relação aos maiores de 23 ,estão com receio de ficar no desemprego?
quando uma pessoa opta pela profissão de enf certamente será por vocação , será esse o caso de quem tanto critica ou foi por falta de opção ?
realmente andam a preocupar-se com coisas completamente banais tenha o aluno a idade que tiver  tenha ele o 12º ou não, o ensino depois de entrar na universidade e o mesmo para todos só passa quem tem capacidade de  certeza que muitos maiores de 23 terminaram mais facilmente cadeiras que os ditos alunos de secundário completo deixaram penduradas.
a muita gente a trabalhar em hospitais como aam que tem qualificações mais que suficientes para tirar um curso de enfermagem mesmo sem ter o secundário completo enquanto que a muito enf em muitos  hospitais armado em nabo a nora sem ter a mínima vocação para a profissão que exerce e triste mas e verdade e eu sou testemunha disso a coisas vergonhosas que nem sequer se devem comentar.
por isso deixem o pessoal em paz quem e profissional competente e tem amor por aquilo que faz que fique descansado que ninguém vai interferir na segurança do vosso posto de trabalho .
de que interessa a física a química a biologia se no momento de agir falha a experiência , entre a escola e o que se passa na realidade fica pelo meio o norte e o sul e garanto-vos que há pessoas sem habilitações em hospitais que tem bem mais experiência do que muitos enfermeiros.
 Se não estudarão só eles sabem porque, a vida não e fácil para todos por isso talvez agora devam aproveitar esta oportunidade  .
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfarfr August 29, 2008, 20:22:32
Não tenho nada contra quem entra com mais de 23 anos... Nem que seja com mais de 80 anos....

O que interessa é que gostem do que vão fazer e sejam tratados da mesma forma de todos os outros alunos.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: DanielaSilva September 06, 2008, 13:18:30
Bem, se a mim me acontecesse ñ entrar em enfermagem por decimas, e se entrasse alguem sem o 12ºano so pq tem mais de 23 anos... ñ ficaria muito feliz...

Saudações
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Valgaeren September 06, 2008, 18:54:13
: DanielaSilva
Bem, se a mim me acontecesse ñ entrar em enfermagem por decimas, e se entrasse alguem sem o 12ºano so pq tem mais de 23 anos... ñ ficaria muito feliz...

Saudações

Por acaso concordo com este comentario, tb ficaria danado... tal como acontece com o contigente açores e madeira...
acho ridiculo q um aluno q venha das ilhas possa entrar com 13 enquanto q alguem de braga tem de tirar pelo menos 17 pra poder entrar no porto...
as pronto, voltando ao assunto

sou a favor do programa mais 23.
estes alunos nao têm culpa q a vida nao lhes pudesse dar oportunidade de tirar um curso superior na altura. e se conseguem agora entao força...
conheço alguns da minha escola e sao pessoas com vontade de trabalhar, com maturidade, q sabem o q custa a vida e por isso dao-lhe o devido valor, enquanto q os ditos alunos "normais" (sem ofensa) passeiam os livros, faltam as aulas e contentam-s com um 10!!!!
qual sera melhor enfermeiro????
fica a duvida...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfarfr September 06, 2008, 18:59:39
: Valgaeren
qual sera melhor enfermeiro????
fica a duvida...

Penso que o facto de entrar com mais de 23 anos irá fazer um melhor ou pior enfermeiro... Mas afinal o que é um bom enfermeiro?
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfmagalhaes September 06, 2008, 21:32:18
as pessoas querem ser licenciadas, que estudem á noite, acabem o 12 e concorram a universidade...... ou é igual para todos ou não..... uns estudam que se fartam e outros andam na boa vida e entram no curso na boa so porque tem 23 anos e so tem o nono ano...
os meu pais nunca tiveram mt posses, esforcei-me, tinha o dinheiro contado, mas entrei com media de 16,2 e fui o ultimo a entrar.....para que tanto esforço..... fazia so o nono ano e agora entrava no curso.....
nem sei como o pessoal continua no secundario apos o nono........ por este ponto de vista o 10 , 11 e 12 , não fazem qualquer sentido, não servem de nada......
e que não venham dizer que biologia do secundario não serve para nada......nem a matematica ( usa-se todos os dias na nossa actividade) podem é não dar por isso.....
querem ter as mesmas habilitações do que eu.... façam o mesmo percurso.... isto é aldrabice....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Valgaeren September 06, 2008, 21:41:15
: enfmagalhaes
as pessoas querem ser licenciadas, que estudem á noite, acabem o 12 e concorram a universidade...... ou é igual para todos ou não..... uns estudam que se fartam e outros andam na boa vida e entram no curso na boa so porque tem 23 anos e so tem o nono ano...
os meu pais nunca tiveram mt posses, esforcei-me, tinha o dinheiro contado, mas entrei com media de 16,2 e fui o ultimo a entrar.....para que tanto esforço..... fazia so o nono ano e agora entrava no curso.....
nem sei como o pessoal continua no secundario apos o nono........ por este ponto de vista o 10 , 11 e 12 , não fazem qualquer sentido, não servem de nada......
e que não venham dizer que biologia do secundario não serve para nada......nem a matematica ( usa-se todos os dias na nossa actividade) podem é não dar por isso.....
querem ter as mesmas habilitações do que eu.... façam o mesmo percurso.... isto é aldrabice....

mas ja pensast q se calhar os candidatos ao mais 23, sao pessoas ja casadas, com filhos e q nao puderam continuar a estudar por motivos alheios e q passado uns anos decidem voltar a estudar.
nao se trata de justiça nem de ser igual pra todos, pq senao iriamos entrar numa discussao q ja enjoa neste pais... acho q ja perceberam de qual tou a falar.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfmagalhaes September 06, 2008, 21:54:13
não me venham com dificuldades e vissitudes da vida..... admiro aqueles que fizeram o 12 ano e entraram para a universidade em pe de igualdade e que iam as aulas de dia e trabalhavam parte da noite e ainda faziam uns bistacates  ao fim de semana..... Isto não é oportunidade , isto é facilitismo... ja agora porque fazer os quatro anos de enfermagem podiam todos passar para o ultimo ano......
VERGONHOSO........ sinto-me indignado....
podiamos entrar logo para o curso, nem é preciso saber ler nem nada......
CONCORDO COM FACILIDADES PARA QUEM TEVE MENOS OPORTUNIDADES NA VIDA, MAS ELIMINAR O 10, 11, 12..... POR FAVOR..... QUE FAÇAM ESTES ANOS EM HORARIO POS-LABORAL, POR MODULOS.... ISTO ERA O CORRECTO....EXISTEM CONHECIMENTOS FUNDAMENTAIS NÃO SO COMO BASE PARA O CURSO COMO PARA A FORMAÇÃO DA PESSOA EM SI....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar September 07, 2008, 00:20:02
: enfmagalhaes
não me venham com dificuldades e vissitudes da vida..... admiro aqueles que fizeram o 12 ano e entraram para a universidade em pe de igualdade e que iam as aulas de dia e trabalhavam parte da noite e ainda faziam uns bistacates  ao fim de semana..... Isto não é oportunidade , isto é facilitismo... ja agora porque fazer os quatro anos de enfermagem podiam todos passar para o ultimo ano......
VERGONHOSO........ sinto-me indignado....
podiamos entrar logo para o curso, nem é preciso saber ler nem nada......
CONCORDO COM FACILIDADES PARA QUEM TEVE MENOS OPORTUNIDADES NA VIDA, MAS ELIMINAR O 10, 11, 12..... POR FAVOR..... QUE FAÇAM ESTES ANOS EM HORARIO POS-LABORAL, POR MODULOS.... ISTO ERA O CORRECTO....EXISTEM CONHECIMENTOS FUNDAMENTAIS NÃO SO COMO BASE PARA O CURSO COMO PARA A FORMAÇÃO DA PESSOA EM SI....
Realmente...espero que seja mais tolelante com os seus pacientes do que com os seus futuros colegas que como no meu caso acabaram de entrar em enfermagem desta forma que considera tão vergonhosa e que o deixa tão indignado.
Voce não deve fazer mesmo a minima ideia do que ter dificuldades. Suponho que para si passar dificuldades significa querer sair com os amigos e ter pouco dinheiro ou alguma coisa desse genero.
Ou talvez pense que é só nos filmes que há pessoas que depois de passarem o dia inteiro a trabalhar por um ordenado miseravel saem a correr para ir entrar no segundo trabalho onde vão ficar ate de madrugada.
Diz que as bases de biologia,quimica e matematica são importantes, e eu concordo plenamente, mas sera assim tão dificil conceber a ideia de essas bases serem adquiridas pela experiencia, ou até de uma forma autodidacta, ou melhor ainda, não ter essas bases e ter de passar pelo dobro do esforço durante o curso para conseguir acompanhar a materia e ter boas notas.
Sinceramente toda essa amargura contra os "maiores de 23" parece-me ser apenas medo de que no futuro os empregadores prefiram enfermeiros mais velhos, mais responsaveis, já habituados a trabalhar, ao contrario dos jovens que até ao final do curso pouco mais fizeram alem de estudar e que não estão minimamente habituados ao dia-a-dia de um emprego.
Ou isso, ou então, se eu fosse um daqueles "profilers" que dá na serie da sic, diria que voce é uma pessoa profundamente intolerante, que não aceita nem respeita qualquer tipo de minoria, alem de ser tambem profundamente conservador, sentindo-se ameaçado por qualquer tipo de mudança que directa ou indirectamente mexa consigo, pois seja a mudança boa ou má, para si sera sempre má.
Termino por aqui, com os votos de que daqui a quatro anos ambos possamos estar neste forum, para eu lhe dizer a minha media final, de forma a poder comparar com outro (ou com a sua) que tenham entrado pela via convencional.


                                                                      Atensiosamente
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfmagalhaes September 07, 2008, 01:12:33
ser mais velho não implica ser mais responsavel ou trabalhador.....não estou contra as pessoas que entraram , mas sim contra esta lei..... como disse defendo que se de novas oportunidades, mas acho um ma politica eliminar 3 anos ( 10 , 11 e 12 ) ....pode-se dar estes anos em pos laboral por modulos ou algo do genero, e concorrerem com as restantes pessoas e não ter assegurado 10 % das vagas..... é injusto para os demais...... claro na minha humilde opinião....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar September 07, 2008, 13:30:50
: enfmagalhaes
ser mais velho não implica ser mais responsavel ou trabalhador.....não estou contra as pessoas que entraram , mas sim contra esta lei..... como disse defendo que se de novas oportunidades, mas acho um ma politica eliminar 3 anos ( 10 , 11 e 12 ) ....pode-se dar estes anos em pos laboral por modulos ou algo do genero, e concorrerem com as restantes pessoas e não ter assegurado 10 % das vagas..... é injusto para os demais...... claro na minha humilde opinião....

Por favor permite-me discordar! Achas mesmo que dar os anos complementares em regime pos-laboral ou por modulos, ou seja o que vulgarmente se designa por "estudar á noite" é uma opção? Tirando o facto de como eu ja disse para algumas pessoas ser impossivel estudar á noite, temos ainda que considerar o tipo de ensino que existe no horario pos-laboral.
Eu não estou a falar sem saber, conheço muitas pessoas que fizeram os anos complementares á noite, e...por favor! Há de tudo! Desde quem vá a casa dos professores fazer testes de revisões que por coincidencia são rigorosamente iguais ao teste do dia seguinte, até professores que abandonam as salas e deixam os alunos "consultar" os livros e os apontamentos.
Achas mesmo que esses alunos estão preparados?
Aconselho-te a ler a minha primeira mensagem neste topico para veres os testes que tive que passar para conseguir entra.Esta na pagina 4 se não me engano.


                                                                          Atensiosamente 
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Elsa Vieira October 06, 2008, 20:25:10
Olá a todos, caros colegas e /ou futuros colegas.
Tambem eu gostaria de dar o meu parecer sobre o/os exames maiores de 23.
Para vossa informação, eu entrei este ano, por esse mesmo exame na escola superior de saude de Aveiro. Fiz apenas um exame cuja matriz era o indice do livro de biologia do 12º ano, tive 18 valores e concorri para a unica vaga que abriu em enfermagem (sim! Porque em Aveiro só abre uma vaga!). O exame conta 60% da nota final, os restantes 40% são para a analise do curriculo academico e laboral feito atravez da analise dos documentos que enviamos com a matricula e de uma entrevista. No final das contas tive 16 de nota final, e como foi a melhor nota entrei.
Agora, apesar de ter o 12º ano, feito no ensino noturno, e apesar de não ter tido a sorte de ter professores como foram ai descritos, todas as minhas notas foram merecidas, e bem merecidas. Finalizei o 12º com média de 16. E agora voces perguntam, então porque não entrastes pelo metodo normal?
A resposta é simples, a materia que dei á noite pertence ao antigo regime, então estaria em desvantagem ao fazer provas nacionais com alunos que frequentaram o novo regime.
E para aqueles que dissem que o 12º é indispensavel, e que os maiores de 23 até podem entrar mas o dificil é acabarem... até tem alguma razão, talvez tenhamos mais dificuldades, no entanto força de vontade não nos falta, por isso estamos aqui, prontos a lutar por um sonho, e agarramos esta oportunidade com todas as nossas forças!
Ainda vos digo mais... concorreram comigo, este ano, pelo menos uma aluna do 3º de anatomia patológica (que queria mudar de curso, e para alem da mudança de curso tentou tambem os maiores de 23), uma professora licenciada em educação fisica (que tinha o sonho de fazer licenciatura em enfermagem), e não foi por terem o 12º ano, e até alguma formação académica que tiverem melhor nota que eu!
Pois é, caros colegas, os maiores de 23 não vem tirar o vosso lugar, pois as vagas para os maiores de 23 n interferem na entrada por metodo normal, e somos alunos com os mesmos direitos e deveres que todos vós. Não somos nem mais inteligentes, nem mais burrus, apenas tivemos oportunidades diferentes e percursos de vida diferentes que agora se cruzaram na realização de um sonho comum, que é tirar a licenciatura em enfermagem.
Espero que recebam e interajam bem com os vossos colegas, pois eu fui muito bem recebida em Aveiro!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Enfª Sofia October 06, 2008, 22:11:13
: Valgaeren
: enfmagalhaes
as pessoas querem ser licenciadas, que estudem á noite, acabem o 12 e concorram a universidade...... ou é igual para todos ou não..... uns estudam que se fartam e outros andam na boa vida e entram no curso na boa so porque tem 23 anos e so tem o nono ano...
os meu pais nunca tiveram mt posses, esforcei-me, tinha o dinheiro contado, mas entrei com media de 16,2 e fui o ultimo a entrar.....para que tanto esforço..... fazia so o nono ano e agora entrava no curso.....
nem sei como o pessoal continua no secundario apos o nono........ por este ponto de vista o 10 , 11 e 12 , não fazem qualquer sentido, não servem de nada......
e que não venham dizer que biologia do secundario não serve para nada......nem a matematica ( usa-se todos os dias na nossa actividade) podem é não dar por isso.....
querem ter as mesmas habilitações do que eu.... façam o mesmo percurso.... isto é aldrabice....



Caros Colegas:
Desculpem mas tenho que discordar da vossa opiniao. Entrei para o curso de Enfermagem pela via "dita normal" fiz o 10,11 e 12 ano, exames nacionais a todas as disciplinas e entrei. No entanto, eu era aluna de Humanidades. Nunca estudei biologia, física ou quimica durante o secundário.
Sou enfermeira, a exercer hà mais de um ano. Tambem axam que nao devia ter entrado???
Nota: entrei em enfermagem com a especifica de psicologia.

Pensem nisto. Nao é propriamente igual mas tem parecenças com as situações que discutem.
****
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: charlie_ze October 07, 2008, 10:20:57
Esta discussão está a entrar em proporções um pouco exageradas. Não se deve discutir igualdade, mas sim equidade.
E só assim é que se pode discutir realmente a lei.....


O problema é que a política das novas oportunidades veio desacreditar o "ensino recorrente" , pois existem alguns locais que atribuem o 9º e o 12º ano a pessoas que nem contas básicas de matemática sabem.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Herodes October 21, 2008, 08:22:58
Embora isto possa parecer concorrência desleal, também é bom ter presente que as pessoas com 23 anos ou mais, não têm a mesma pedalada de um jovem de 18 anos que começa o seu curso universitário. Certo?
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar November 07, 2008, 12:49:37
: Elsa Vieira
Olá a todos, caros colegas e /ou futuros colegas.
Tambem eu gostaria de dar o meu parecer sobre o/os exames maiores de 23.
Para vossa informação, eu entrei este ano, por esse mesmo exame na escola superior de saude de Aveiro. Fiz apenas um exame cuja matriz era o indice do livro de biologia do 12º ano, tive 18 valores e concorri para a unica vaga que abriu em enfermagem (sim! Porque em Aveiro só abre uma vaga!). O exame conta 60% da nota final, os restantes 40% são para a analise do curriculo academico e laboral feito atravez da analise dos documentos que enviamos com a matricula e de uma entrevista. No final das contas tive 16 de nota final, e como foi a melhor nota entrei.
Agora, apesar de ter o 12º ano, feito no ensino noturno, e apesar de não ter tido a sorte de ter professores como foram ai descritos, todas as minhas notas foram merecidas, e bem merecidas. Finalizei o 12º com média de 16. E agora voces perguntam, então porque não entrastes pelo metodo normal?
A resposta é simples, a materia que dei á noite pertence ao antigo regime, então estaria em desvantagem ao fazer provas nacionais com alunos que frequentaram o novo regime.
E para aqueles que dissem que o 12º é indispensavel, e que os maiores de 23 até podem entrar mas o dificil é acabarem... até tem alguma razão, talvez tenhamos mais dificuldades, no entanto força de vontade não nos falta, por isso estamos aqui, prontos a lutar por um sonho, e agarramos esta oportunidade com todas as nossas forças!
Ainda vos digo mais... concorreram comigo, este ano, pelo menos uma aluna do 3º de anatomia patológica (que queria mudar de curso, e para alem da mudança de curso tentou tambem os maiores de 23), uma professora licenciada em educação fisica (que tinha o sonho de fazer licenciatura em enfermagem), e não foi por terem o 12º ano, e até alguma formação académica que tiverem melhor nota que eu!
Pois é, caros colegas, os maiores de 23 não vem tirar o vosso lugar, pois as vagas para os maiores de 23 n interferem na entrada por metodo normal, e somos alunos com os mesmos direitos e deveres que todos vós. Não somos nem mais inteligentes, nem mais burrus, apenas tivemos oportunidades diferentes e percursos de vida diferentes que agora se cruzaram na realização de um sonho comum, que é tirar a licenciatura em enfermagem.
Espero que recebam e interajam bem com os vossos colegas, pois eu fui muito bem recebida em Aveiro!

Fantastico! Desejo realmente a melhor sorte para esta nova etapa da sua vida, que tal como para mim apenas esta a começar.

Realmente... a nossa força de vontade faz milagres, e tenho a certeza que esses "milagres" vão ser apresentados de forma quantitativa no final do curso.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: IS November 07, 2008, 14:53:23
Eu sou enfermeira e concordo com esta lei.
Por vezes as pessoas não têm disponibilodade económica para continuar os estudos e desistem. Mas se passados anos têm essa possibilidade de passarem directamente para o ensino superior, devem aproveitar. O objectivo é aumentar o nº de licenciados e se essas pessoas tivesses que ir para o ensino nocturno desistiam a meio, pq não deve ser facil conciliar trabalho com estudos.
Por isso, só tenho a desejar-vos muita sorte
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: EFerreira1984 November 07, 2008, 17:43:21
Caros colegas:

Eu sou enfermeira. Entrei pela via dita "normal".

Porém, conheço bem as dificuldades em estudar e trabalhar!- sobreviver!

Fica aqui o meu testemunho, para o colega que considera que não há dificuldades (talvez na sua vida perfeita de menino priveligiado).

Sou orfã, comecei a viver sozinha com apenas 14 anos (o colega devia andar a ver os morangos com açucar na altura).

Trabalhei desde essa altura, conclui o secundário e prossegui estudos e trabalho até atingir a licenciatura!!!

Se foi fácil, não!
Se compreendo aqueles que tiveram que interromper o seu sonho porque não tiveram as mesmas oportunidades de vida que os restantes, concerteza!
Que merecem uma oportunidade, sim! (porque razão hão de ser sempre os mesmos a ser penalizados?! Já não tiveram a oportunidade na altura devida, e agora voltam a negá-la?!?)

Fale apenas da sua realidade, pois há muitas mais que de certo desconhece!

A minha é apenas uma de muitas!

Respeitosamente...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: isa_bruna November 07, 2008, 18:03:45
: militar
: enfmagalhaes
não me venham com dificuldades e vissitudes da vida..... admiro aqueles que fizeram o 12 ano e entraram para a universidade em pe de igualdade e que iam as aulas de dia e trabalhavam parte da noite e ainda faziam uns bistacates  ao fim de semana..... Isto não é oportunidade , isto é facilitismo... ja agora porque fazer os quatro anos de enfermagem podiam todos passar para o ultimo ano......
VERGONHOSO........ sinto-me indignado....
podiamos entrar logo para o curso, nem é preciso saber ler nem nada......
CONCORDO COM FACILIDADES PARA QUEM TEVE MENOS OPORTUNIDADES NA VIDA, MAS ELIMINAR O 10, 11, 12..... POR FAVOR..... QUE FAÇAM ESTES ANOS EM HORARIO POS-LABORAL, POR MODULOS.... ISTO ERA O CORRECTO....EXISTEM CONHECIMENTOS FUNDAMENTAIS NÃO SO COMO BASE PARA O CURSO COMO PARA A FORMAÇÃO DA PESSOA EM SI....
Realmente...espero que seja mais tolelante com os seus pacientes do que com os seus futuros colegas que como no meu caso acabaram de entrar em enfermagem desta forma que considera tão vergonhosa e que o deixa tão indignado.
Voce não deve fazer mesmo a minima ideia do que ter dificuldades. Suponho que para si passar dificuldades significa querer sair com os amigos e ter pouco dinheiro ou alguma coisa desse genero.
Ou talvez pense que é só nos filmes que há pessoas que depois de passarem o dia inteiro a trabalhar por um ordenado miseravel saem a correr para ir entrar no segundo trabalho onde vão ficar ate de madrugada.
Diz que as bases de biologia,quimica e matematica são importantes, e eu concordo plenamente, mas sera assim tão dificil conceber a ideia de essas bases serem adquiridas pela experiencia, ou até de uma forma autodidacta, ou melhor ainda, não ter essas bases e ter de passar pelo dobro do esforço durante o curso para conseguir acompanhar a materia e ter boas notas.
Sinceramente toda essa amargura contra os "maiores de 23" parece-me ser apenas medo de que no futuro os empregadores prefiram enfermeiros mais velhos, mais responsaveis, já habituados a trabalhar, ao contrario dos jovens que até ao final do curso pouco mais fizeram alem de estudar e que não estão minimamente habituados ao dia-a-dia de um emprego.
Ou isso, ou então, se eu fosse um daqueles "profilers" que dá na serie da sic, diria que voce é uma pessoa profundamente intolerante, que não aceita nem respeita qualquer tipo de minoria, alem de ser tambem profundamente conservador, sentindo-se ameaçado por qualquer tipo de mudança que directa ou indirectamente mexa consigo, pois seja a mudança boa ou má, para si sera sempre má.
Termino por aqui, com os votos de que daqui a quatro anos ambos possamos estar neste forum, para eu lhe dizer a minha media final, de forma a poder comparar com outro (ou com a sua) que tenham entrado pela via convencional.


                                                                      Atensiosamente


Está a dizer que acha correcto uma pessoa não estudar e ir trabalhar até fazer os 23 anos?
Porque depois até se torna mais fácil ter um canudo?
Enquanto os outros andaram a estudar, muitos pais a passar dificuldades para que pudessemos estudar, para virem pessoas sem o 12º ano concorrer ao mesmo nível que os que passaram a vida a estudar? E muitos deles a estudar e a trabalhar?
Tenham paciência tal como á facilidades para terem um canudo também á facilidades de fazerem o secundário! Porque não fazem primeiro o secundário?

Não tenciono ser agressiva, mas sei o que passei para chegar até aqui, e tenho amigos em que os pais passaram muitas dificuldades desde o 9º ano para que os filhos tirassem um curso. Assim mais parece que todo o sofrimento e dificuldades financeiras (sobretudo estas) foram em vão porque bastava terem esperado que os filhos fizessem 23 anos e as despesas iriam ser menores (porque não teriam as despesas do secundário - o livros e material escolar é "barato" para algumas pessoas).

Beijos  :-*
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar November 09, 2008, 02:08:17
: isa_bruna
: militar
: enfmagalhaes
não me venham com dificuldades e vissitudes da vida..... admiro aqueles que fizeram o 12 ano e entraram para a universidade em pe de igualdade e que iam as aulas de dia e trabalhavam parte da noite e ainda faziam uns bistacates  ao fim de semana..... Isto não é oportunidade , isto é facilitismo... ja agora porque fazer os quatro anos de enfermagem podiam todos passar para o ultimo ano......
VERGONHOSO........ sinto-me indignado....
podiamos entrar logo para o curso, nem é preciso saber ler nem nada......
CONCORDO COM FACILIDADES PARA QUEM TEVE MENOS OPORTUNIDADES NA VIDA, MAS ELIMINAR O 10, 11, 12..... POR FAVOR..... QUE FAÇAM ESTES ANOS EM HORARIO POS-LABORAL, POR MODULOS.... ISTO ERA O CORRECTO....EXISTEM CONHECIMENTOS FUNDAMENTAIS NÃO SO COMO BASE PARA O CURSO COMO PARA A FORMAÇÃO DA PESSOA EM SI....

Tanta dor de Olecrânio!

O mais interessante em toda esta discussão é que todos aqueles que com o 12º e até a frequentar estudos superiores usaram a lei dos Maiores de 23 para entrar ou trocar de curso não parecem importar-se, e nenhum dos elementos deste forum que é contra esta lei parece tambem importar-se com estas situações.
Eu sei que o panorama de emprego não esta famoso mas não é necessario tentar mandar abaixo aqueles que no futuro vão ser seus colegas, talvez, quem sabe, seus chefes.
Como eu já disse e repito, devia ficar feliz pois estes que tanto condena muito provavelmente vão ser até melhores profissionais do que os outros, quanto mais não seja por estarem a realizar um sonho, enquanto que para os outros é apenas a continuidade natural, e muitos até estão desiludidos pois enfermagem não foi a sua primeira opção.
Vamos lá, aprender a aceitar a difereça é sinal de desenvolvimento intelectual.

Realmente...espero que seja mais tolelante com os seus pacientes do que com os seus futuros colegas que como no meu caso acabaram de entrar em enfermagem desta forma que considera tão vergonhosa e que o deixa tão indignado.
Voce não deve fazer mesmo a minima ideia do que ter dificuldades. Suponho que para si passar dificuldades significa querer sair com os amigos e ter pouco dinheiro ou alguma coisa desse genero.
Ou talvez pense que é só nos filmes que há pessoas que depois de passarem o dia inteiro a trabalhar por um ordenado miseravel saem a correr para ir entrar no segundo trabalho onde vão ficar ate de madrugada.
Diz que as bases de biologia,quimica e matematica são importantes, e eu concordo plenamente, mas sera assim tão dificil conceber a ideia de essas bases serem adquiridas pela experiencia, ou até de uma forma autodidacta, ou melhor ainda, não ter essas bases e ter de passar pelo dobro do esforço durante o curso para conseguir acompanhar a materia e ter boas notas.
Sinceramente toda essa amargura contra os "maiores de 23" parece-me ser apenas medo de que no futuro os empregadores prefiram enfermeiros mais velhos, mais responsaveis, já habituados a trabalhar, ao contrario dos jovens que até ao final do curso pouco mais fizeram alem de estudar e que não estão minimamente habituados ao dia-a-dia de um emprego.
Ou isso, ou então, se eu fosse um daqueles "profilers" que dá na serie da sic, diria que voce é uma pessoa profundamente intolerante, que não aceita nem respeita qualquer tipo de minoria, alem de ser tambem profundamente conservador, sentindo-se ameaçado por qualquer tipo de mudança que directa ou indirectamente mexa consigo, pois seja a mudança boa ou má, para si sera sempre má.
Termino por aqui, com os votos de que daqui a quatro anos ambos possamos estar neste forum, para eu lhe dizer a minha media final, de forma a poder comparar com outro (ou com a sua) que tenham entrado pela via convencional.


                                                                      Atensiosamente


Está a dizer que acha correcto uma pessoa não estudar e ir trabalhar até fazer os 23 anos?
Porque depois até se torna mais fácil ter um canudo?
Enquanto os outros andaram a estudar, muitos pais a passar dificuldades para que pudessemos estudar, para virem pessoas sem o 12º ano concorrer ao mesmo nível que os que passaram a vida a estudar? E muitos deles a estudar e a trabalhar?
Tenham paciência tal como á facilidades para terem um canudo também á facilidades de fazerem o secundário! Porque não fazem primeiro o secundário?

Não tenciono ser agressiva, mas sei o que passei para chegar até aqui, e tenho amigos em que os pais passaram muitas dificuldades desde o 9º ano para que os filhos tirassem um curso. Assim mais parece que todo o sofrimento e dificuldades financeiras (sobretudo estas) foram em vão porque bastava terem esperado que os filhos fizessem 23 anos e as despesas iriam ser menores (porque não teriam as despesas do secundário - o livros e material escolar é "barato" para algumas pessoas).

Beijos  :-*

: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: IS November 09, 2008, 13:25:02
Sempre existiram excepções para a entrada no Curso de Enfermagem, e há mais de 5 anos atrás fui uma dessas excepções. No entanto tenho a certeza que fui melhor aluna e bem mais interessada que aqueles que entraram com 16 e que até chegaram a dizer que só ali stavam porque era uma área onde ainda havia trabalho.

Aqui pode-se ver que o espirito de união começa nas escolas... Depois não se podem queixar...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: chinês January 02, 2009, 20:55:00
tou em medicina no ICBAS . entrei via maiores 23..... epa, e pelo que vejo, faço o curso de uma assentada.

epa, sejam unidos, todos temos direito ao ensino, e aos sonhos.

tenho colegas q entraram via normal com medias altissimas, e têm mais dificuldades do q eu, nomeadamente ate em biomatematica, saude comunitaria, historia da medicina, semiologia medica, q sao das mais "faceis do curso".... muitos tiveram mais formaçao do q eu em biologia e quimica no secundario, no entanto sou melhor do que muitos desses em bioquimica, anatomia patologica e anatomia e fisiologia, q sao mais complexas.

tudo depende da vontade de cada um, sigam os sonhos, lutem.

esqueçam essas alminhas que nao compreendem....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: _barbara_ January 13, 2009, 20:47:12
: fabioteclasmeidin
outro facto que denoto neste topico e noutros inclusive, é realçarem a ENFERMAGEM como um supra sumo dos cursos, algo inacessivel para todos, mas apenas para alguns, que so com media de 17 valores é q entram, etc-

eu axo mt bem, devem realçar o conceito enfermagem inclusive voces tiveram mt esforço para fazer o curso.

apenas axo q enaltecem a profissão pelos motivos errados- devem enaltecer a profissao pelo facto de serem importantes na recepção, perstação de cuidados e recobro do utente e não por medias, ou porq tiveram de ter grandes notas, etc

motivos errados. secalhar o motivo de haver tanto desemprego na area, é os q teem boas notas entrarem e depois a maior parte arrepende-se, pois ou custa ver sangue, ou ver situaçoes delicadas, e inclusive acabam por ir para lares de idosos devido a nao tolerancia dessas situaçoes.

so fax o curso, seja um aluno com boas notas seja um aluno maiores 23 com 4ª classe, quem estudar e tiver merito.

alem disso a profissao esta tao bem conceituada, que ano passado o ultimo a entrar po curso foi com media 11.3 e ainda sobraram vagas.... em coimbra ???

enfim, este assunto para mim esta ultrapassado.

saudaçoes





Em que mundo é que vive??
Ninguém está a dizer que a Enfermagem é o supra-sumo de nada!
E pergunto-me o que realmente sabe da Enfermagem? Pois dizer que o desemprego se deve aos enfermeiros não conseguirem ver sangue?? ou não conseguirem lidar com situações delicadas e por isso irem trabalhar para lares de terceira idade?? Isto é realmente engraçado, realmente anedótico!!
E então quer ir para Enfermagem para depois ir para Medicina sinceramente  não percebo, então M23 não é para pessoas que saibam o que querem?
Realmente está a denegrir os seus colegas que concorreram ao M23 com tanto conhecimento que possui acerca da realidade da profissão em Portugal!! Só espero que os outros concorrentes saibam mais sobre a Enfermagem pois não basta citar o livro de Biologia ou colocar problemas retirados da net!!
Desejo boa sorte a todos que entraram em Enfermagem independentemente do modo como o fizeram, pois não é um curso fácil!
Isto de uma Enfermeira desempregada que não se encontra nesta situação por não gostar de sangue ou por ter medo de situações delicadas!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Ely January 13, 2009, 21:20:53
Colega Barbara concordo plenamente com a sua opinião. Se o Colega Fabio acha que é assim vai conseguir dignificar a profissão está muito enganado! Pelo contrario a sua opinião só aumenta o que acho sobre os M 23. Tenho pena que não tenha noção da real situação da enfermagem e que diga essas barbaridades sobre os desempregados.  :o
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: ocean January 14, 2009, 00:07:12
Nada contra nada a favor.
Gostaria só de partilhar...
Falaram e inclusive quase "anularam" as pessoas que tentaram ingressar no ensino superior via M23.. Faço apenas a seguinte ressalva... Quem, do alto do seu pedestal, quiser comparar a qualidade (quer a nível de método de ensino, quer a nível de intensidade e complexidade das matérias leccionadas) do antigo sistema de ensino (de pessoas que hoje têm 50 ou 60 anos) com o actual 9º ano que o faça, e terá surpresas... Não estou a dizer que é preciso isto ou aquilo para ser-se bom no ensino superior, ou que são precisas bases. Tudo se faz, basta querer. Mas vamos atentar que hoje em dia (e daqui para a frente será pior, tendo em consideração a questão da avaliação dos professores) tem vindo a crescer a onda de facilitismo.

Há dificuldades ao longo da nossa vida, todos temos problemas, ninguém é eterno... Tudo isso e mais alguma coisa contribui para deixar estudos, ingressar na vida profissional, e sobreviver.
Considero que muitos dos agora profissionais consideram esta via de acesso injusta, mas certamente a utilizariam para entrar no curso da vossa preferência. EU faria o mesmo se tivesse oportunidade.
Assim como jogaria no euro milhões se soubesse qual seria a chave premiada! Óbvio que o prémio iria ser quase insignificante, pois tal como eu, também outros tiveram acesso à chave.. Isto é apenas uma breve analogia, para descongestionar o clima pesado.

Oportunidades todos as temos, mais cedo ou mais tarde. Mas somos nós que as propiciamos!
Eu nasci numa família com alguns recursos. E desengane-se quem pensar que falo de recursos monetários, esses também os conheci (graças ao trabalho e esforço dos meus familiares),  mas falo dos que efectivamente não custam nada e que fazem de mim uma Pessoa com bastante consciência, falo de valores morais, falo de estímulos à inteligência e falo acima de tudo de civismo. Fiz as escolhas que fiz, quando as tive que fazer, ao entrar no secundário, e posteriormente no ensino superior, e claramente que se tivesse outras hipóteses certamente as escolheria (M23).

Se é injusto ou não, não cabe a mim fazer tal juízo... A própria vida é injusta, no entanto aprendemos muito com ela, cada um à sua maneira.

Cada caso é um caso. "Se eu tivesse asas voava bem alto, mas como não tenho apenas controlo o tráfego"

Cumprimentos.

Peço desculpa se feri susceptibilidades.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar February 25, 2009, 01:39:04
Depois de muito tempo sem fazer uma visita aqui estou!
Eu sei que este topico já esta quase que encerrado, no entanto, por motivo de orgulho venho aqui por uma ultima mensagem.
Terminei o primeiro semestre do curso na ESEL, foi com muito sacrificio, entrar muito cedo a trabalhar para compensar, trabalhar á noite para compensar, para compensar as horas que me eram facilitadas para ir as aulas.
Ando desde há muitos meses a dormir 4 horas por noite (numa noite boa), no entanto compensou, claro que poderiam ser melhores, e vão ser por certo, pois para o ano o meu contrato tera terminado e só terei que me preocupar com estudar.
Mas vim aqui só para calar alguns "velhos do restelo" que acham mal e fazem por denegrir quem entrou pela via "maiores de 23".
Ainda falta uma, mas estas são as minhas notas até agora (que, posso garantir, são superiores a muitos dos meus colegas mais novos que entraram pela via convencional)
Anatomia - 17
Antropologia e Sociologia - 15
Psicologia - 14
Microbiologia - 15
Historia e Epistemologia da enfermagem -16
Ainda falta sair a nota de "Fundamentos de Enfermagem", no entanto como não sei quando voltarei a ter tempo de vir aqui...
Seja como for, não esta mau.
Resta dizer que não usei nunca a epoca especial para trabalhadores-estudantes.
Para finalizar, o meu testemunho de que estou a adorar o curso, mas isso era algo que eu já esperava ainda antes de começar.
Para quem sempre me apoiou e continua a apoiar fica aqui o meu publico "obrigado". 
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: CatarinaSoares February 25, 2009, 15:15:04
  Parabéns!!  ;) **
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Valgaeren February 26, 2009, 12:47:38
: militar
Depois de muito tempo sem fazer uma visita aqui estou!
Eu sei que este topico já esta quase que encerrado, no entanto, por motivo de orgulho venho aqui por uma ultima mensagem.
Terminei o primeiro semestre do curso na ESEL, foi com muito sacrificio, entrar muito cedo a trabalhar para compensar, trabalhar á noite para compensar, para compensar as horas que me eram facilitadas para ir as aulas.
Ando desde há muitos meses a dormir 4 horas por noite (numa noite boa), no entanto compensou, claro que poderiam ser melhores, e vão ser por certo, pois para o ano o meu contrato tera terminado e só terei que me preocupar com estudar.
Mas vim aqui só para calar alguns "velhos do restelo" que acham mal e fazem por denegrir quem entrou pela via "maiores de 23".
Ainda falta uma, mas estas são as minhas notas até agora (que, posso garantir, são superiores a muitos dos meus colegas mais novos que entraram pela via convencional)
Anatomia - 17
Antropologia e Sociologia - 15
Psicologia - 14
Microbiologia - 15
Historia e Epistemologia da enfermagem -16
Ainda falta sair a nota de "Fundamentos de Enfermagem", no entanto como não sei quando voltarei a ter tempo de vir aqui...
Seja como for, não esta mau.
Resta dizer que não usei nunca a epoca especial para trabalhadores-estudantes.
Para finalizar, o meu testemunho de que estou a adorar o curso, mas isso era algo que eu já esperava ainda antes de começar.
Para quem sempre me apoiou e continua a apoiar fica aqui o meu publico "obrigado". 
É assim mesmo... Força aí!!!!
Aproveita
;-)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: aqui_e_ali April 11, 2009, 14:28:53
: militar
Depois de muito tempo sem fazer uma visita aqui estou!
Eu sei que este topico já esta quase que encerrado, no entanto, por motivo de orgulho venho aqui por uma ultima mensagem.
Terminei o primeiro semestre do curso na ESEL, foi com muito sacrificio, entrar muito cedo a trabalhar para compensar, trabalhar á noite para compensar, para compensar as horas que me eram facilitadas para ir as aulas.
Ando desde há muitos meses a dormir 4 horas por noite (numa noite boa), no entanto compensou, claro que poderiam ser melhores, e vão ser por certo, pois para o ano o meu contrato tera terminado e só terei que me preocupar com estudar.
Mas vim aqui só para calar alguns "velhos do restelo" que acham mal e fazem por denegrir quem entrou pela via "maiores de 23".
Ainda falta uma, mas estas são as minhas notas até agora (que, posso garantir, são superiores a muitos dos meus colegas mais novos que entraram pela via convencional)
Anatomia - 17
Antropologia e Sociologia - 15
Psicologia - 14
Microbiologia - 15
Historia e Epistemologia da enfermagem -16
Ainda falta sair a nota de "Fundamentos de Enfermagem", no entanto como não sei quando voltarei a ter tempo de vir aqui...
Seja como for, não esta mau.
Resta dizer que não usei nunca a epoca especial para trabalhadores-estudantes.
Para finalizar, o meu testemunho de que estou a adorar o curso, mas isso era algo que eu já esperava ainda antes de começar.
Para quem sempre me apoiou e continua a apoiar fica aqui o meu publico "obrigado". 

parabens! entrei para o curso de enfermagem 7 anos depois de ter acabado o 12 ano, ja nao me lembrava de nada (ou quase nada) e acabei as minhas primeiras cadeiras (biologia e biologia aplicada) com 92% e 94% respectivamente. ainda por cima, estou a fazer o curso em ingles.
acho horrivel os comentarios que li aqui sobre os maiores de 23 anos, nem toda a gente tem possibilidades de terminar o 12 e ir para a universidade, muitas das pessoas por questoes monetarias.... o que nao significa que essas pessoas nao tenham sonhos que nao merecam ser concretizados. eu nao tive oportunidade de ir para o curso que quis quando acabei o secundario porque fiz mas escolhas, sera que nao mereco uma oportunidade?
passei as minhas cadeiras todas, com boas notas, o meu estagio esta a correr muito bem e estou orgulhosa por tudo o que consegui com mais de 23 anos. na realidade, acho que ha coisas que com 18 anos eu nao podia perceber acerca da vida e que sao importantes agora para me ajudar a desempenhar o meu trabalho. estou a estudar em londres e na minha universidade mais de 50% dos estudantes de enfermagem tem mais do que 25 e muitos vem com outros cursos, outros com experiencia e outros com nada.

ha pessoas muito mesquinhas, mas felizmente ha pessoas que nao sao. parabens a toda a gente que esta onde esta depois de ter que lutar muito por isso!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar April 12, 2009, 01:58:29
: aqui_e_ali
: militar
Depois de muito tempo sem fazer uma visita aqui estou!
Eu sei que este topico já esta quase que encerrado, no entanto, por motivo de orgulho venho aqui por uma ultima mensagem.
Terminei o primeiro semestre do curso na ESEL, foi com muito sacrificio, entrar muito cedo a trabalhar para compensar, trabalhar á noite para compensar, para compensar as horas que me eram facilitadas para ir as aulas.
Ando desde há muitos meses a dormir 4 horas por noite (numa noite boa), no entanto compensou, claro que poderiam ser melhores, e vão ser por certo, pois para o ano o meu contrato tera terminado e só terei que me preocupar com estudar.
Mas vim aqui só para calar alguns "velhos do restelo" que acham mal e fazem por denegrir quem entrou pela via "maiores de 23".
Ainda falta uma, mas estas são as minhas notas até agora (que, posso garantir, são superiores a muitos dos meus colegas mais novos que entraram pela via convencional)
Anatomia - 17
Antropologia e Sociologia - 15
Psicologia - 14
Microbiologia - 15
Historia e Epistemologia da enfermagem -16
Ainda falta sair a nota de "Fundamentos de Enfermagem", no entanto como não sei quando voltarei a ter tempo de vir aqui...
Seja como for, não esta mau.
Resta dizer que não usei nunca a epoca especial para trabalhadores-estudantes.
Para finalizar, o meu testemunho de que estou a adorar o curso, mas isso era algo que eu já esperava ainda antes de começar.
Para quem sempre me apoiou e continua a apoiar fica aqui o meu publico "obrigado". 

parabens! entrei para o curso de enfermagem 7 anos depois de ter acabado o 12 ano, ja nao me lembrava de nada (ou quase nada) e acabei as minhas primeiras cadeiras (biologia e biologia aplicada) com 92% e 94% respectivamente. ainda por cima, estou a fazer o curso em ingles.
acho horrivel os comentarios que li aqui sobre os maiores de 23 anos, nem toda a gente tem possibilidades de terminar o 12 e ir para a universidade, muitas das pessoas por questoes monetarias.... o que nao significa que essas pessoas nao tenham sonhos que nao merecam ser concretizados. eu nao tive oportunidade de ir para o curso que quis quando acabei o secundario porque fiz mas escolhas, sera que nao mereco uma oportunidade?
passei as minhas cadeiras todas, com boas notas, o meu estagio esta a correr muito bem e estou orgulhosa por tudo o que consegui com mais de 23 anos. na realidade, acho que ha coisas que com 18 anos eu nao podia perceber acerca da vida e que sao importantes agora para me ajudar a desempenhar o meu trabalho. estou a estudar em londres e na minha universidade mais de 50% dos estudantes de enfermagem tem mais do que 25 e muitos vem com outros cursos, outros com experiencia e outros com nada.

ha pessoas muito mesquinhas, mas felizmente ha pessoas que nao sao. parabens a toda a gente que esta onde esta depois de ter que lutar muito por isso!

Boa! Muitos parabens! Já vi que és nova por aqui, mantem-te em contacto para ires contando como é estudar enfermagem em Londres.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: rutematos April 12, 2009, 11:08:37
Parabéns @militar, pelo esforço e empenho que tens tido.
Precisamos de mais pessoal nas forças armadas!
Continuação de boa sorte  ;)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: isi April 12, 2009, 19:10:39
: JoãoRocha


 :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o

Lá entrar eles entraram, vamos é ver quando saem. Na minha faculdade entrou pessoal, pelos maiores de 23, o grande problema para eles é que nem sequer sabem o que é um ribossoma ou um átomo, p.ex.
e cadeiras básicas como microbiologia ficaram por fazer.
Acha, que dali alguma vez vão sair enfermeiros????
Eu acho que para arranjar emprego vamos ter de passar a anexar o certificado do 12º ano juntamente com o certificado de habilitações
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: isi April 12, 2009, 19:16:36
: "Tenevora"
: "enfsergio"
Completamente perplexa?Sinceramente não sei pq. Penso que para entrarem em enfermagem é preciso já ter um corpo de conhecimentos adquiridos, que nem todos têm.

Que corpo de conhecimentos adquiridos? Que conhecimentos são essenciais para se conseguir acompanhar a matéria dada no curso de Enfermagem?


: "enfsergio"
Esses conhecimentos são adquiridos ao longo do secundário, em que temos cadeiras como biologia, química, psicologia, entre outras. Penso que não é só pq hoje me apetece ir para enfermagem e porque tenho mais de 23anos e vou. Isso não pode ser assim.

Admito que ter completado o ensino secundário trás vantagens para os estudantes de qualquer curso superior, enfermagem incluido, em termos de conhecimentos gerais e ciêntificos; mas o facto de ter estudado a matéria de Biologia ou química, ou mesmo psicologia (tal como era dada antes desta nova reforma do ensino secundário) faz uma diferença tão grande assim para o curso?


: "enfsergio"
Possivelmente deveriam ser estipulados critérios de admissão, como por exemplo já ser socorrista, em que já tem que ter obrigatoriamente alguns leves conhecimentos sobre uma determinada area. Agora imagina que um advogado, um economista, um professor de filosofia decidem ir para enfermagem...que percurso tiveram eles no secundário?Que sabem eles para ir para enfermagem? Só porque lhes apetceu?
É a minha ideia...

Não sei exactamente QUE critérios são utilizados em cada Escola de Enfermagem do nosso país. No entanto SEI que existem testes, realizados por todos os candidatos a estas vagas especiais, e tambem uma entrevista na qual o currículo do candidato é avaliado, bem como os motivos que o levam a candidatar-se. Não é tudo ao molho e fé em deus, deixa cá ir buscar uns quantos parolos para preencher vagas. No entanto concordo que, para determinados cursos, o percurso profissional do candidato deve ter sido em conta. É muito mais provável que alguem que trabalha numa área ligada (ainda que distantemente) ao curso em questão esteja mais motivado para o completar e tenha menos duvidas em relação ao que o/a espera.

: "aLheiriX"
Essa afirmação nem merece qualquer comentário. Nota-se que não sabes do que falas, pois, o curso tem muitas cadeiras relacionadas com a Psicologia, Biologia e Quimica...


É verdade, tens Bioquimica, microbiologia, psicologia... Tambem tens sociologia, biofísica, farmacologia, e no entanto duvido que tenhas dado alguma dessas matérias em espefício no secundário. Estás a afirmar que uma pessoa com vontade e capacidade não é capaz de compensar as falhas da educação anterior? Ainda não comecei as minhas aulas, mas esse meu colega que entrou através da Lei de Maiores de 23 anos está a dar-se bem com a matéria, e já passou nas frequências que fez. Tanto quanto sei, não teve biologia, nem química, nem psicologia na escola. Pergunto-me como é que ele o conseguiu... :roll:


Realmente não sei ainda qual é a realidade em enfermagem, visto que só começo as minhas aulas em Março, no entanto se é remotamente semelhante a outros cursos, as bases são todas dadas nas aulas do primeiro semestre. Quem já as sabia, tem óptimas notas. Quem não as sabia, estuda mais e fica a saber. ;)

O importante neste e em qualquer curso não é só fazer.
Já agora fez com que notas?????????
9.5 para passar :'(
pobres doentes
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: aqui_e_ali April 12, 2009, 21:23:47
: "isi"
: "Tenevora"
: "enfsergio"
Completamente perplexa?Sinceramente não sei pq. Penso que para entrarem em enfermagem é preciso já ter um corpo de conhecimentos adquiridos, que nem todos têm.

Que corpo de conhecimentos adquiridos? Que conhecimentos são essenciais para se conseguir acompanhar a matéria dada no curso de Enfermagem?


: "enfsergio"
Esses conhecimentos são adquiridos ao longo do secundário, em que temos cadeiras como biologia, química, psicologia, entre outras. Penso que não é só pq hoje me apetece ir para enfermagem e porque tenho mais de 23anos e vou. Isso não pode ser assim.

Admito que ter completado o ensino secundário trás vantagens para os estudantes de qualquer curso superior, enfermagem incluido, em termos de conhecimentos gerais e ciêntificos; mas o facto de ter estudado a matéria de Biologia ou química, ou mesmo psicologia (tal como era dada antes desta nova reforma do ensino secundário) faz uma diferença tão grande assim para o curso?


: "enfsergio"
Possivelmente deveriam ser estipulados critérios de admissão, como por exemplo já ser socorrista, em que já tem que ter obrigatoriamente alguns leves conhecimentos sobre uma determinada area. Agora imagina que um advogado, um economista, um professor de filosofia decidem ir para enfermagem...que percurso tiveram eles no secundário?Que sabem eles para ir para enfermagem? Só porque lhes apetceu?
É a minha ideia...

Não sei exactamente QUE critérios são utilizados em cada Escola de Enfermagem do nosso país. No entanto SEI que existem testes, realizados por todos os candidatos a estas vagas especiais, e tambem uma entrevista na qual o currículo do candidato é avaliado, bem como os motivos que o levam a candidatar-se. Não é tudo ao molho e fé em deus, deixa cá ir buscar uns quantos parolos para preencher vagas. No entanto concordo que, para determinados cursos, o percurso profissional do candidato deve ter sido em conta. É muito mais provável que alguem que trabalha numa área ligada (ainda que distantemente) ao curso em questão esteja mais motivado para o completar e tenha menos duvidas em relação ao que o/a espera.

: "aLheiriX"
Essa afirmação nem merece qualquer comentário. Nota-se que não sabes do que falas, pois, o curso tem muitas cadeiras relacionadas com a Psicologia, Biologia e Quimica...


É verdade, tens Bioquimica, microbiologia, psicologia... Tambem tens sociologia, biofísica, farmacologia, e no entanto duvido que tenhas dado alguma dessas matérias em espefício no secundário. Estás a afirmar que uma pessoa com vontade e capacidade não é capaz de compensar as falhas da educação anterior? Ainda não comecei as minhas aulas, mas esse meu colega que entrou através da Lei de Maiores de 23 anos está a dar-se bem com a matéria, e já passou nas frequências que fez. Tanto quanto sei, não teve biologia, nem química, nem psicologia na escola. Pergunto-me como é que ele o conseguiu... :roll:


Realmente não sei ainda qual é a realidade em enfermagem, visto que só começo as minhas aulas em Março, no entanto se é remotamente semelhante a outros cursos, as bases são todas dadas nas aulas do primeiro semestre. Quem já as sabia, tem óptimas notas. Quem não as sabia, estuda mais e fica a saber. ;)

O importante neste e em qualquer curso não é só fazer.
Já agora fez com que notas?????????
9.5 para passar :'(
pobres doentes

nao sao so os maiores de 23 que tem notas de 9.5... puro preconceito. alem disso, ha coisas em enfermagem muito mais importantes do que tirar um 20 a biologia, nao achas? eu para entrar no curso, para alem das notas do secundario e de um teste de matematica e ingles, fui entrevistada por um professor senior da universidade, uma enfermeira e um representante do servico nacional de saude britanico. independentemente da nota, se falhasse na entrevista nao me era oferecido o lugar no curso. sinceramente preocupa-me mais os enfermeiros que nao tem bedside manner do que um enfermeiro que e excelente com os doentes mas nao e uma barra academicamente. alem disso, se o enfermeiro nao estiver apto para practicar, nao passa, simplesmente.
gostava ainda de lembrar que ha muitos anos atras, entrava-se para o curso de enfermagem com a 4a classe............ mentalidades!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: D@niel@ April 13, 2009, 16:12:54
Com a 4ª classe e com o Bacharelato já eram enfermeiros....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfª.lola April 29, 2009, 18:42:57
Colega militar, mandei.te sms privada..

 :D
: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Enfermeiro Estagiario May 08, 2009, 17:31:50
Tenho a dizer que na minha turma há seis pessoas que entraram pelo regime de acesso para Maiores de 23, sinceramente não noto diferença nenhuma entre estes e os estudantes "jovens", integraram-se bem na turma, alguns até à praxe foram, são estudantes tão bons ou melhor que nós e ainda se dividem por empregos e família.  O regime não é novo, sempre existiram os exames had-oc, não percebo o porquê de tanta polémica agora.
A dizer ainda que muitas das pessoas que se mostram contra este regime apenas o fazem porque sempre tiveram tudo de mão beijada ou porque então têm a chamada dor de cotovelo.
A enfermagem é uma licenciatura como qualquer outra, não é melhor nem pior, se se podem formar engenheiros em regime de maiores de 23, porque não enfermeiros?
Toda a gente tem direito a oportunidades, e se passam nas frequências e nos estágios é por mérito próprio. Quando chegarem ao fim serão tão bons enfermeiros ou melhores do que muitos dos que se mostram contra.
De ver ainda que a enfermagem nem sempre foi uma licenciatura o que torna toda esta conversa ainda mais ridícula.
Aos que vejo a entrarem pelo regime de maiores de 23 só posso desejar boa sorte e força, não é fácil dividir-se entre escola e emprego e ainda tomar conta da família, pelo que mostram uma coragem, dedicação e vontade enorme de serem enfermeiros logo merecem-no como quaisquer outros.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Luisa218 May 10, 2009, 18:56:04
    OLÁ a todos! Já vi que  a via M23 tem dado pano para mangas!
>:D Um dia destes acordei com uma vontade brutal de ser enfermeira e ainda fui a tempo de dar um salto à ESEL e candidatar-me ao exame maiores 23 (hrheeh) não é todos os dias que nos facilitam assim a vida!...lol... ;)

   Agora a falar a serio, no site da Esel podemos visualizar a prova de cultura geral do ano passado, será que este ano são os meus temas ou serão outros?
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Luisa218 May 10, 2009, 19:46:36
  Desculpas, queria dizer ... os mesmos temas...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: a_vale August 23, 2009, 20:52:30
Bem fiquei surpresa com a falta de "sensibilidade" (digamos assim...) de algumas pessoas.
Entrei em enfermagem com 24 anos pelos M23, a mim foi-me exigido o 12º ano completo, o que fiz no ensino recorrente nocturno enquanto trabalhava simultaneamente.
Acumulo o curso com as responsabilidades de esposa e mae o que representa dificuldades acrescidas.
Já completei o 2º ano e é com grande orgulho que digo que sou das melhores da minha turma.
Nao senti "falta de bases" do 12º ano pois tudo o que precisei foi sendo ensinado no curso.

Nao é o facto de entrar para o curso com grandes notas que vai fazer de alguém um bom enfermeiro, vocaçao acima de tudo.

Na minha opiniao a maturidade é um factor indispensável em enfermagem e quem escolhe um curso de enfermagem após os 23 anos nao é porque um dia acordou e lhe apeteceu. isto acontece muito com os jovens que aproveitam as boas notas para ir para cursos de saúde (nao vao por vocaçao) e depois só se safam nas teóricas...

Para mim esta foi a oportunidade de realizar um sonho que tinha há muito tempo e quando terminar o meu curso vou ficar muito feliz e orgulhosa pelo esforço que dediquei e pelos sucessos conseguidos

(desculpem mas a tecla do til nao funciona...)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Valgaeren August 23, 2009, 21:50:52
: a_vale
Bem fiquei surpresa com a falta de "sensibilidade" (digamos assim...) de algumas pessoas.
Entrei em enfermagem com 24 anos pelos M23, a mim foi-me exigido o 12º ano completo, o que fiz no ensino recorrente nocturno enquanto trabalhava simultaneamente.
Acumulo o curso com as responsabilidades de esposa e mae o que representa dificuldades acrescidas.
Já completei o 2º ano e é com grande orgulho que digo que sou das melhores da minha turma.
Nao senti "falta de bases" do 12º ano pois tudo o que precisei foi sendo ensinado no curso.

Nao é o facto de entrar para o curso com grandes notas que vai fazer de alguém um bom enfermeiro, vocaçao acima de tudo.

Na minha opiniao a maturidade é um factor indispensável em enfermagem e quem escolhe um curso de enfermagem após os 23 anos nao é porque um dia acordou e lhe apeteceu. isto acontece muito com os jovens que aproveitam as boas notas para ir para cursos de saúde (nao vao por vocaçao) e depois só se safam nas teóricas...

Para mim esta foi a oportunidade de realizar um sonho que tinha há muito tempo e quando terminar o meu curso vou ficar muito feliz e orgulhosa pelo esforço que dediquei e pelos sucessos conseguidos

(desculpem mas a tecla do til nao funciona...)
è bom saber q existe pessoas q conseguem tirar este curso e inda gerir uma familia
PARABENS!!!!!!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: TiagoMTS August 23, 2009, 21:56:50
A propósito das dificuldades sentidas ou não por quem não tem algumas competências deixo um exemplo positivo e feliz.

Estagiei com uma enfermeira que tirou, inicialmente gestão, deu aulas e toda a sua vida andava a volta disto, um dia decidiu que enfermagem era a paixão dela e quis tirar o curso. Já estava casada e tinha um filho pequeno que precisava da sua atenção, tirou o curso no tempo previsto e uns anos mais tarde especializou-se em enfermagem médico-cirúrgica, enquanto trabalhava e cuidava da família. É uma excelente profissional que faz inveja a muitas colegas que seguiram o "percurso normal"...  e os utentes que o digam...  :)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar August 25, 2009, 23:12:44
: isi
: JoãoRocha


 :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o

Lá entrar eles entraram, vamos é ver quando saem. Na minha faculdade entrou pessoal, pelos maiores de 23, o grande problema para eles é que nem sequer sabem o que é um ribossoma ou um átomo, p.ex.
e cadeiras básicas como microbiologia ficaram por fazer.
Acha, que dali alguma vez vão sair enfermeiros????
Eu acho que para arranjar emprego vamos ter de passar a anexar o certificado do 12º ano juntamente com o certificado de habilitações

Talvez seja boa ideia  ler as minhas mensagens anteriores.
As minhas cadeiras por exemplo não foram garantidamente feitas com 9,5 (mas garanto que a nota de muitos colegas que entraram pela via normal foi essa, isto claro nos casos em que as cadeiras ficaram feitas)
A minha media de 1º ano ficou em 15... A dormir 4h30 por noite. Nada mau para quem já não estuda há 10 anos não acha? Entrar já entrei, sair... Daqui a quatro anos digo-lhe a minha media.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: KelyMely August 26, 2009, 02:08:33
Sinceramente... compreendo a opinião de uns e de outros aqui publicadas...

E acho que tudo gira à volta da justiça ou injustiça do assunto. Estudar todos aqueles anos custa muito, mas trabalhar durante a adolescência tb n deve ser fácil...
Cuidado é com as generalizações...
E isto vale tanto para uns como pa outros (prós e contra M23)..

Concorrer via M23 não significa "olha, vou passar a perna àqueles paspalhos todos e, sem estudar entro à frente deles..."
Nem fazer o 12º com boas notas e entrar para enfermagem significa "vou ser melhor q as pessoas q limpam wc's e como estudei 12 anos seguidos, vou fazer o curso com média de 20 e ser um profissional exímio...!"

Antes fosse...

Sinceramente... Que entre quem quiser entrar... Mas que saia apenas quem se esforça e merece...
E esta parte é que não se vê a acontecer...!!!
Infelizmente não me preocupam os facilitismos no acesso ao curso, mas sim no acesso ao diploma!

(Todos nós tivemos um ou outro colega que desejamos nunca vir a ser atendidos por ele certo? E neste momento esse maldito exerce não exerce? Enfim... E se calhar não entrou via M23... para reflectir...)

Inté
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: VIG August 26, 2009, 08:37:50
Nao quero deitar braza na fogueira mas vou explicar a situaçao aqui que talvez possa ser interessante pois afinal fazemos todos parte da comunidade europeia.

Enquanto ai em Portugal depois da quarta classe se vai para outra escola (secundaria??), aqui seguimos até á oitava classe pois ficamos mais 4 anos na mesma escola. Apartir de ai os alunos sao divididos em niveis sendo o mais baixo VBO, seguido por MAVO, HAVO e por fim VWO. VWO é completado em 6 anos e é o unico que dá acesso á universidade. Alguem que tenho o nivel de MAVO apesar de nao o ter completado faz um teste de lingua holandesa com preguntas ridiculas que pareçem ser para da primaria e se tem nota positiva pode fazer o curso de auxiliar de enfermagem (a tal que já nao existe desde 1974). Este curso dura 3 anos mas atençao, é possivel tirar o curso atraves do trabalho. Isto é, trabalhando 4 dias por semana e apenas 1 dia por semana de escola. O estudante/trabalhador recebe um ordenado normal. O que vai aprendendo na escola vai pondo em practica no trabalho e assinando para apresentar na escola. Depois destes 3 anos sendo por fim auxiliar de enfermagem é possivel voltar a fazer o mesmo mas durante 1 ano para conseguir o curso de enfermagem. Isto tambem indo 1 dia por semana para a escola e 4 dias no trabalho!!
O MAVO (que nao é preciso terminar para começar tudo isto) é um nivel que demora 4 anos para terminar, mas apesar de nao ser terminado dá acesso a tudo isto! Com o nivel HAVO e VWO por o meio para por fim ter acesso á universidade (onde nao há necessidade de chegar para ser enfermeiro), vejam entao só a diferença de nivel com os enfermeiros portugueses!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: VIG August 26, 2009, 08:57:01
AAh! Esqueçi-me de mencionar algo muito importante: As auxiliares que as auxiliares de enfermagem aqui tem sao aquelas que tem as tarefas de fazer camas, ajudam os doentes durante as refeiçoes, ajudam na higiene diaria fazem da mesma maneira um curso de 2 anos (1 dia por semana na escola e 4 dias a trabalhar), podem por fim, depois de completar este curso, estudar mais 1 ano e tornarem-se assim auxiliares de enfermagem. Isso significa que depois de mais um ano se podem tornar enfermeiras. Todas as pessoas que falem holandes podem se tornar auxiliares e chegar assim depois de 4 anos a enfermeira.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: grifo October 04, 2009, 11:26:29
Viva Colegas,

Desculpem mas penso que estamos a baralhar as coisas.
Uma coisa é o regime de acesso e inscrição no ensino superior, outra é o regime de frequência e avaliação.

A "Lei dos Maiores de 23 anos" trata-se de um regime de acesso em que os candidatos depois de se inscreverem são integrados nas turmas das respectivas escolas e independentemente de vagas e provas de seriação internas realizadas pelas escolas, passam a ser alunos como os que entram pelos contingentes nacionais.

Apartir desta fase de inscrição podem solicitar o estatuto de trabalhador-estudante previsto na lei (desde pelo menos 24 de Jul de 2004) nos respectivos serviços académicos, tal como aqueles que ingressaram pelos contingentes nacionais.
Depois de deferido o requerimento são abrangidos pelos regulamentos da escola (se os tiver) e não antes pela lei geral do Trabalhador-Estudante (DL 35/04 de 24 de Julho).

Por pensar que este assunto é de extrema importância e achar que o tema começa a ser mal entendido e confundido neste tópico achei pertinente criar outro tópico com o tema TRABALHADORES-ESTUDANTES, dentro da ACADEMIA.

Cumprimentos!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: soraiaferro April 28, 2010, 14:50:20
Ola boa tarde, eu sou auxiliar de acção médica, bombeira e socorrista... neste momento tenho 23 anos e inscrevi-me para a faculdade pelos maiores de 23 anos mas tenho o 12º ano, mas uma colega minha minha tem o 9º ano mas tem uim curso de geriatria que lhe deu equivalencia ao 12º ano, acho k no nosso caso tenho o mesmo direito que as outras pessoas que entraram pelo acesso normal, até pk no trabalho ninguem nos vai facilitar a vida mas não há-de ser nada com vontade e sacrificio todo se faz... pessoas com a 4º classe assim acho muito mal, nós vamos ter de fazer prova de biologia e quimica...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Enfermacy April 28, 2010, 23:38:22
É triste ver alguns comentários que passaram por aqui, vergonha senhores enfermeiros(que andaram 4 anos a fio a apregoar a empatia, só para terem uma nota melhorzinha)

Só para dar o exemplo, existem varios paises europeus em qua para concorrer ao ensino superior basta ser maior de idade e fazer o exame à faculdade pretendida, quem passa no exame está dentro!

Ainda outro facto que acho importante é que noutros locais do mundo os enfermeiros trabalham como auxiliares até conseguirem colocaçao como enfermeiros e até ao momento nao vi nenhum a quem se lhe partisse os dedos

Conheço ainda o exemplo de auxiliares (cuja formação se baseia num curso de 2 anos) que tem conhecimentos mais validos que alguns colegas que fizeram o curso comigo e que o conseguiram à força de copianços... e que se calhar andam a mandar bocas



Enfim...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: lightover April 29, 2010, 00:29:31
Acho que agora ja percebi pq em alguns concursos sao pedidos:
certificado de habilitações de 12º e da licenciatura...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar April 11, 2011, 21:33:35
Bom, o forum avisa-me que este topico não tem respostas há 120 dias, mas tudo bem, mais uma vez esta é uma mensagem de orgulho de forma a mostrar a quem tem duvidas que entrar pela via maiores de 23 não significa ser pior.

Estou já no 3º ano, nunca deixei nenhuma cadeira para tras, estou no estagio de saude da mulher, faltam poucos meses para terminar este ano e só faltar mais um!

A minha media é de 16!

Não me parece nada mal, claro que podia ser melhor, até ao 20 ainda vão 4 valores, mas eu tenho outras responsabilidades.
Posso é dizer que colegas meus que não têm essas responsabilidades estão com cadeiras em atraso do 1º ano e com medias de 11!

Sou bom naquilo que faço e julgo que virei a ser uma mais valia para qualquer equipa; independentemente da forma como entrei no curso, o que é realmente importante é a forma como vou sair...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: EnfNexis April 11, 2011, 23:14:13
Caros colegas.... Sou enfermeiro já há alguns anos, mais concretamente quase ha 7 anos... sempre fui um aluno aplicado, terminei o 12 ano com boas notas, fiz exames e especificas para concorrer ao ensino superior e entrei no curso de enfermagem, tal como ambicionava. E com algum pesar e desagrado que vejo alguns comentarios aqui explicitos, sem qualquer conhecimentos de causa sobre o ingresso no ensino superior atraves dos maiores de 23 anos, baseando as suas teorias no senso comum, acabando por induzir e distorcer a nossa realidade, enquanto licenciados em enfermagem. Nao podemos generalizar o que se passa em meia duzia de escolas de enfermagem, como se fosse a realidade de todas... Posso dar o meu testemunho, nao como defensor de causa alguma, mas sim como detentor de conhecimento da realidade de enfermagem, sem basear este depoimento em falsas verdades. A verdade e que a maioria das escolas publicas abrem apenas 1 ou no maximo duas vagas para os maiores de 23 anos, ingresso esse que ira depender nao so de um exame vocacionado para uma vertente de saude, mas tambem através de uma avaliação curricular directamente relacionada para o curso de enfermagem, de modo que, pessoas que embora ate nao tenham tido notas suficientes para ingressar em enfermagem, acabaram por fazer formaçoes relacionadas e ter trabalhos que lhes permitiram abrir portas para um dia mais tarde ingressar. E diga-se que na maioria das vezes, a maturidade e aprendizagem que detêm enquanto alunos, leva-os a estarem bem mais receptivos a aprendizagem que qualquer um de nos. É preciso conhecimento, sacrificio e dedicação para se aprender e terminar um curso, o que e meio caminho andado para nos definirmos bons ou maus profissionais. Existem muitas escolas, nomeadamente privadas (nao tenho nada contra escolas privadas), que abrem centenas de vagas em cada ano lectivo e que pedem como especificas por ex.: filosofia, que permitem o acesso ao ensino superior, ao inves das 1 ou 2 vagas para os maiore s de 23 anos nas escolas publicas, e nao vejo o mesmo tipo de indignação. No entanto forma-se bons e maus profissionais em qualquer tipo de ensino, seja ele publico ou privado, ingresso normal ou maiores de 23 anos, e no fundo acabamos por perceber que o mais importante enquanto enfermeiros, e o empenho que colocamos em tudo o que fazemos, ou seja,a arte do cuidar. Se ainda assim, nao concordarem, dêem uma espreitadela afundo no modelo da idoneidade que ja saiu em Diario da Republica, na qual a entidade que regulara o ingresso na actividade profissional de enfermagem, sera a Ordem atraves do chamado ano comum, pois existira uma avaliaçao do aluno licenciado pelo enfermeiro tutor, impedindo as escolas de continuar a adoptar politicas de "fabrico de enfermeiros", ou seja, começamos a apostar no que realmente importa, a nossa profissao. Apenas fiz uma breve referencia ao modelo da idoneidade, muito ha a dizer sobre ele. Este modelo esta ja implementado por outras profissao como e o caso que todos conhecemos da medicina e advocacia. Talvez assim se trave polticas de educação implementadas pelas escolas, para angariarem o maximo de lucros possiveis com a entrada de alunos e se aposte na regulação justa da entrada na vida profissional, ou seja, nem todo o recem licenciado será Enfermeiro.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Cannonball85 July 03, 2011, 17:32:23
: isi
: JoãoRocha


 :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :(  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o  :o

Lá entrar eles entraram, vamos é ver quando saem. Na minha faculdade entrou pessoal, pelos maiores de 23, o grande problema para eles é que nem sequer sabem o que é um ribossoma ou um átomo, p.ex.
e cadeiras básicas como microbiologia ficaram por fazer.
Acha, que dali alguma vez vão sair enfermeiros????
Eu acho que para arranjar emprego vamos ter de passar a anexar o certificado do 12º ano juntamente com o certificado de habilitações


Boa tarde.

Passei por este tópico, por acaso, e mais uma vez, fiquei aterrorizada com alguns comentários de pessoas que tiraram o mesmo curso que eu...com certeza, alunos brilhantes, mas que pouco ou nada sabem de enfermagem...nem da vida, nem o que é ser enfermeiro, caso contrário abster-se-íam de escrever tudo o que lhes vem à mente . É prova de uma falta de maturidade e humildade incríveis...

Nota-se que há muita gente que nunca passou por nenhuma adversidade, tiraram um curso superior e já se acham os maiores. Há pessoas licenciadas que escrevem no fórum pior que uma com a 4ª classe. Esquecem-se que há muita gente que lava as tais retretes porque não teve igualdade de oportunidades e quem sabe, algumas dessas pessoas tenham mais cultura, sensibilidade, capacidade de aprendizagem e adaptação que a elite que nunca partiu uma unha.

Estimativa de alunos que reprovaram a Microbiologia quando estudava? 80%, salvo erro e é uma grande chatice, porque tinham todos o 12º ano e média de 16-17.  :-X

Não crucifiquem as pessoas que se candidatam através do concurso para maiores de 23 anos (que não é limitado às pessoas com a 4ª classe...qualquer pessoa com idade superior a 23 anos pode inscrever-se nas provas de conhecimentos, até um licenciado!) porque é no próprio curso e vida profissional que eles vão mostrar o que valem. Se os exames são fáceis, procurem outros responsáveis...

Sinceramente, concorrer à Universidade, trabalhar, ter uma família é, na minha opinião, um acto de coragem.

Tudo isto para dizer, deixem-se de tamanhos pruridos, só estão a envergonhar a classe...Peço desculpa por alguma agressividade no discurso, mas estou saturada de observar o aflorar de tanta ignorância em gente que se sobrestima.

Independentemente das origens, sejam excelentes naquilo que fazem!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Enf.nonnie July 14, 2011, 17:36:04
O sistema que permite a entrada aos maiores de 23 anos deveria ser muito mais selectivo. Porque, infelizmente, tive contacto próximo com algumas destas pessoas e posso dizer que lamento que o Ensino Superior não filtre e exclua a sua entrada. Poderão dizer: mas todos tem direito à educação. Sim, realmente, tem direito à educação, mas felizmente, não existe apenas o curso de Enfermagem que por sinal envolve a saúde e o bem-estar de outro ser humano...
Na minha opinião, julgo que esta excepção de entrada no ensino superior, deveria ser apenas para alguns cursos e não para todos e também acho que deveriam ser submetidos aos exames nacionais e não a exames que à priori já sabem que vão passar, isto porque sei de casos de pessoas que tiveram de nota final 20 valores... já agora porque não seguiram medicina?
É necessário rever todo o sistema!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Miss Care August 03, 2011, 17:09:19
Estou em preparações para ingressar ao Ensino Superior através dos " Maiores de 23 anos". Li várias páginas a respeito desse tópico. Fiquei realmente muito chocada com o preconceito e a agressividade de alguns universitários! Lamentável,mesmo!  Fiquei também com a clara sensação de que vou ser pessimamente recebida  :'(  É um tópico com bastante divergências de opiniões,mas foi através de algumas palavras bastante encorajadoras que sigo em frente! Penso que todas as pessoas que não ingressaram ao Ensino Superior logo a seguir ao 12 º ano ou até mesmo aquelas que não conseguiram acabar o 12º, tiveram motivos fortes o suficiente para tal. Os anos passam, as pessoas casam, tornam-se pais e mães(como eu !) e o tão sonhado diploma vai ficando sempre em 2º plano. Com o Sistema para Maiores de 23 anos, acaba-se por trazer a todas essas pessoas uma "Luz" lá no fim da estrada. É por essa luz que lutamos todos os dias quando acordamos. O quê nos faz piores? O quê nos faz melhores? O sol foi feito para brilhar a todos! Penso que muitos universitários(relativamente jovens) precisam urgentemente rever alguns conceitos,principalmente uma coisa de suma importância: Sentido de humanidade! Como é possível,existirem pessoas que estão a estudar para cuidar do próximo,salvar vidas etc...Responderem com tamanha hostilidade e arrogância a possibilidade de colegas mais velhos se juntarem a elas com o mesmo propósito? Ora...Ao meu ver, seria fantástico que houvessem cada vez mais e mais Enfermeiros para cuidar de mais e mais utentes! É de facto um controvérsia de valores muito grandes! Um abismo,mesmo! Aos que pensam assim:Pena! A vida se encarregará de vos mostrar a realidade pouco a pouco! Aos que conseguiram: Muitos Parabéns:) Vocês são mais que vencedores! Aos que estão em preparação para: Força! Afinal, fazemos por nós,pelos nossos e pelos utentes:)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Enf.nonnie August 04, 2011, 09:29:37
Todos tem vida pessoal... mesmo que não entre pela via dos maiores de 23 anos, isso não é desculpa... A verdade seja dita a maioria destas pessoas que entram por esta via são levados ao "colo" e colam-se aos outros de uma forma.... enfim, mas o sonho de se ser Enfermeiro/a comanda a vida....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Propofol August 23, 2011, 21:20:31
Generalizações, nada mais. Acho que leva muita coragem para alguém que trabalha e tem família entrar para um curso destes, não por ser mais difícil que outros, acho a dificuldade subjectiva, mas porque requer alguma ginástica para andar entre estágios e escola, e ainda a acrescentar isso um emprego e uma família, nem sei.
Eu acho que não conseguia e por isso admiro a coragem de quem o faz.
Miss Care, não há motivo para medos de ser melhor ou pior recebida, da experiência que tenho ninguém é discriminado pelo contingente que entrou para a escola, depois de lá estar será apenas mais uma aluna. E é tudo uma questão de se integrar bem na turma, mostrando aos colegas que está lá para o mesmo que eles.  ^-^
Eu tive alguns colegas na turma que tinham entrado pelo programa de maiores de 23 e achei extremamente enriquecedor.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: AAlexandra September 05, 2011, 21:14:09
Boa noite pessoal.
Estou no 2º Ano de enfermagem, entrei pela lei do m23 e tenho a dizer que não sinto grande diferença entre mim e os meus colegas. Nunca tive Psicologia, Química ou mesmo Biologia e consegui passar sem problemas  :D Com esforço ou dedicação tudo se consegue....
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: fsonecas September 21, 2011, 16:36:43
Bem antes de mais tenho a dizer que ja percebi a quase ausencia de ajuda quando procurei esclarecimentos sobre o mais 23.
Em segundo concordo com a Miss care, agora que consegui entrar até tenho receio da recepção que terei.
Queria ainda dizer, que uma pessoa conseguir entrar não torna o candidato enfermeiro. Poe o mesmo em igualdade com centenas de outros candidatos. Ou seja, todos teremos que fazer pela vida por igual. Nao percebo o receio.
De resto, tenho a dizer que tinha media para tal na altura que deixei os estudos, e não entrei porque a vida se proporcionou de outra forma. Fui pai, e desde entao trabalho sozinho para me sustentar e ao meu filho. Este ano tomei a decisao de tentar. Os tais exames "fáceis", foram eliminatórios para mais de metade dos candidatos. E senti orgulho em conseguir uma vaga á primeira. Não quero ser beneficiado, mas jamais aceitarei ser discriminado. Este ano, e nos próximos 4, irei ser Estudante, pai, trabalhador e homem. Irei ter de dar mais que o dobro que outras pessoas, e apenas eu terei que fazer por mim!
Queria ainda acrescentar, e não querendo generalizar, que independentemente de se ser bombeiro, enfermeiro, médico, auxiliar ou trabalhador da limpeza, os problemas são sempre os mesmos. As pessoas confrontam-se em vez de se unirem para conseguir melhor.
Boa tarde a todos!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: fsonecas October 17, 2011, 11:06:15
Agora que já comecei as aulas á umas semanitas parece-me justo vir dizer que fui bem recebido, tendo tido bastante ajuda a todos os niveis. Nao notei nenhuma discriminaçao, antes pelo contrário. Agora, tanto nas aulas como em praxe, bate-se bastante numa tecla que é a de que enfermagem é um trabalho de equipa. E isso, condenem-me ou não, nao notei isso aqui. Obrigado por quem me ajudou.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfmiguelp October 17, 2011, 11:58:50
FORÇA!!!! VAI CONSEGUIR!!!! ACREDITE!!! Eu também fui por esse concurso e SOU ENFERMEIRO!!! :D
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: scmt November 15, 2011, 22:05:27
Boa noite. em primeiro lugar quero felicitar todos os que entraram por este regime, tal como entrei. Não é desprimor nenhum, tão pouco é facilitador entrar por este regime. Tanto eu como os meus colegas que entraram nos M23 entrámos todos com o ensino secundário completo, todos na área do cientifico-natural. Não se fazem exames que á partida se passa com 20 valores, até porque na minha escola o exame da disciplina específica era equivalente ao exame nacional. Na entrevista analisam o nosso percurso escolar, notas e continuidade do ciclo de estudos, percurso profissional e formação na área da saúde . Não me foi facilitado NADA. E devo dizer que entrei com muito melhor média que  a maioria dos colegas que entraram pelo regime normal. Tenho o mesmo plano curricular, as mesmas cadeiras que os outros, nada é diferente. Pago propinas como qualquer um. Por isso, diferenças só na idade e no regime de entrada.Tenho sim muito orgulho de finalmente ter disponibilidade financeira para tirar o curso que sempre ambicionei.Este é um curso dificil, sim, mas tenho a mesma capacidade que um aluno que tenha entrado por outro regime. Honestamente não entendo porque se continua a criticar este sistema. Não é por me licenciar com mais do que os habituais 22 ou 23 anos que serei pior enfermeira que os outros.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar January 06, 2012, 01:00:17
Já algum tempo que não vinha aqui porque o Curso de enfermagem (estou no 4º ano, a 6 meses de ser enfermeiro, sem nunca ter deixado qualquer cadeira para trás ou ter sequer ido a exame a qualquer disciplina e tenho média de 16) não me deixa muito tempo livre.
Por curiosidade voltei  a este tópico e muito folgo ver que cada vez mais colegas optam por esta forma de realizar um sonho.
Talvez assim, todos os profissionais de enfermagem integrem a noção de que não seremos nunca menos enfermeiros mas talvez sejamos melhores enfermeiros, afinal os profissionais deviam saber que todas as vivências de um individuo condicionam o seu presente e como tal a luta por que muitos de nós tivemos que passar para atingir o nosso objectivo talvez faça de nós enfermeiros com mais capacidade de atingir o ideal de excelência preconizado para a enfermagem.

: Enf.nonnie
Todos tem vida pessoal... mesmo que não entre pela via dos maiores de 23 anos, isso não é desculpa... A verdade seja dita a maioria destas pessoas que entram por esta via são levados ao "colo" e colam-se aos outros de uma forma.... enfim, mas o sonho de se ser Enfermeiro/a comanda a vida....

Não posso deixar de sorrir ao ler este comentário! Levado ao colo? Não cara colega (julgo já poder tratar por colega, afinal só faltam 6 meses), não fui, mas garanto que levei muita gente! Colegas que tendo o 12º completo e entrado pela via normal não estariam ao meu lado no 4º ano se não se tivessem "colado" a mim. Colegas com medias de 11 e cadeiras em atraso...mas enfim, suponho que considere que esses vão ser  melhores enfermeiros do que eu...

Enfim, força colegas que entraram desta forma, não é fácil, também não é difícil, é isso sim, como nos dizem, trabalhoso, mas acima de tudo não é impossível. Esforcem-se e vão conseguir. Boa sorte para todos. Talvez só volte aqui quando já estiver inscrito na ordem!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Filipaw January 31, 2012, 18:59:10
É realmente triste certos comentários.
Pois bem, sou licenciada em enfermagem, completei o ensino secundário com bons resultados e sou uma sortuda visto que consegui facilmente arranjar trabalho na minha área.
Não entendo como pode haver tanto preconceito em relação a Lei dos Maiores de 23 anos. Perderam anos de vida? Como assim? Pessoalmente não perdi nada, continuei a fazer as mesmas coisas que sempre fiz e ainda aprendi bastante principalmente enquanto pessoa. Facilitismo? Aquele facilitismo que o ensino Português proporciona a todos os alunos com 12º ano ou sem ele?
A universidade é quase uma brincadeira, tudo o que sei aprendi a trabalhar, e a lidar com os meus doentes. O ensino secundário completo e uma média elevada não salva vidas.
Espero sinceramente que sejam mais humanos com os doentes do que foram aqui.
Para quem quer recorrer aos maiores de 23 anos, força, nem tudo se resume a resultados positivos.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Twordaik February 28, 2012, 14:12:17
Tendo em conta alguns comentários sobre esse tema, fica bem claro o porque da falta de reconhecimento social, e a desvalorização da Enfermagem Portuguesa. Vou tentar ser bem objectivo no discurso abaixo:
Ingressei no ano lectivo 2006/2007 no curso de Enfermagem pelo regime de ingresso maiores de 23 anos, numa conceituada escola de Lisboa. Trabalho como auxiliar de acção médica a cerca de 11 anos, a minha experiencia de vida e cultura hospitalar em muito favoreceu-me para concluir o curso com êxito.
Tenho muito orgulho de hoje ser Enfermeiro, e devo isso graças ao tão estigmizado regime, durante meu percurso académico, deixei para traz muitos alunos, que ingressaram pelo regime normal e com as médias de ingresso acima de 17 valores. Muito destes, chumbaram varias cadeiras, desistiram do curso e muitos ainda la estão a tentar acabar o curso.
A maior média que deveria ser exigida para um curso tão complexo como é a Enfermagem, deveria de ser o saber estar, o saber agir e o querer agir. A enfermagem engloba 3 competências fundamentais; Técnica, científica e “HUMANA”. E é nesse último requisito que muitos dos profissionais e formandos deixa a desejar.
Posso dizer que hoje sou uma pessoa feliz e realizada, enquanto muitos se queixam do desemprego a mim não faltam oportunidades, pois deixei uma porta aberta em todos os locais em que estive em estágio, acabei o curso com média 16 e nunca chumbei um ano e era um dos alunos com as melhores notas em estágio.
Espero que a minha história de vida académica, sirva de inspiração a muitos que sonham com esse curso. E aos que tanto criticam o regime, espero que olhem para dentro de si, e que procurem buscar o verdadeiro motivo para suas frustrações, quer pessoais ou profissionais. Pois na vida somos os únicos responsáveis pelas nossas vitórias e pelos nossos fracassos.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: MartaF28 March 14, 2012, 04:17:00
Boa noite;
Gostaria só de dar a minha opinião acerca do programa "maiores 23".
Eu realizei este ano os exames dos maiores de 23 e o exame nacional o ano passado e tenho a dizer que verifiquei que os exames são muito semelhantes,até posso afirmar que o exame de biologia do programa maiores 23 é mais complicado que o exame nacional.
Para realizar o exame e conseguir obter boa nota é necessário muito estudo e muito conhecimento da matéria em causa e essêncialmente gosto pela área.
A ideia de que qualquer pessoa entra, sem o 12º ano completo é errada, pois a matéria que sai é praticamente toda correspondente aos dois anos 11º e 12º.
Além disso toda a gente tem direito ás mesmas oportunidades.
Existem pessoas que não conseguiram realizar o seu sonho em novas por motivos economicos ou outros e que vêm neste programa um horizonte para poder realizar os seu sonhos depois de alguns anos.
Não estou arrependida em nada por os ter feito e julgo que é motivo de orgulho de o estado dar oportunidades a pessoas que tanto querem seguir um sonho, como eu, de o seguir.
Temos 2 exames um especifico que não é nada fácil e um de cultura geral.
Sei a matéria toda ainda se me perguntarem.Pois estudei com gosto e garra para conseguir o que tanto quero.E como eu todos aqueles que lá foram fazê-los.
A vantagem apenas dos maiores de 23 é as médias.Infelizmente no nosso pais são precisas médias elevadissimas para entrar em qualquer curso de saúde.Se formos aqui ao nosso país visinho- Espanha, as médias são baixas a comparar com Portugal.
Na minha opinião as oportunidades devem ser dadas a pessoas que tanto querem seguir o seu sonho.Seja novo, velho todos temos direito a seguir os nossos sonhos.
Sou fã dos maiores de 23.
Espero que não acabe e independentemente do que todos dizem quem quer seguir este caminho, siga, pois recomendo vivamente e não deve ter vergonha por isso, pois os exames do ensino normal e estes são em muito semelhantes.
Boa noite a todos:D
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: enfermeirunxa March 15, 2012, 17:37:24
boas! entrei em enfermagem pelo regime normal: boas notas no 12º! sai do curso sem chumbar uma disciplina c uma média mt boa e, infelizmente irei emigrar p poder trabalhar naquilo k gosto e para o qual estudei 16 anos...a questão é k tive colegas k entraram nas mms condições k eu, com até melhores notas de curso k n deveriam ter jamais o diploma na mão!! enfermagem é cuidar! claro k temos de possuir conhecimentos técnicos para tal, mas no fundo no fundo enfermagem é humanizar, é dar carinho, é proporcionar a melhor qualidade de vida a quem precisa dos nossos cuidados! Testemunhei várias vezes comportamentos k em nada são dignos desta profissão! de pessoas k são hj enfermeiros cm eu...pessoas com as quais eu n deixaria a minha família! k n merecem ter esse titulo!! enquanto estudante considerava frequentemente que qq uma das auxiliares de enfermagem com quem trabalhavamos sabia mt mais k nós!!! n penso k a forma de entrada seja o mais importante! e na enfermagem o bom profissional n deveria medir-se pela média de curso! é a dedicação, a paixão, o cuidar dos outros com entusiasmo!
por isso força p kem entrou pela lei dos maiores de 23... orgulhem-se, façam o melhor k souberem, esforcem-se, estudem sp, qd tiram o curso e após o seu término, glorifiquem a nossa profissão!!
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: deh March 15, 2012, 20:52:30
Ainda não tinha dado a minha opinião neste tópico, porque o considero controverso e com demasiados 'quês' a serem levados em questão. Mas vou fazê-lo agora, porque considero que o romantismo com que falam aqui da enfermagem é errado e contribuiu para a desvalorização da enfermagem e dos enfermeiros.

Relativamente, ao regime maior de 23, devo dizer que apenas conheço em traços gerais o processo de candidatura, porque entrei pelo regime geral. Não sei se os exames são fáceis ou difíceis e com os colegas que entraram para o ensino superior através deste regime tive experiências variadas: alguns deles eram óptimos colegas, pessoas muito capazes, com uma capacidade de se organizarem de fazer inveja, enquanto outros eram pessoas com francas dificuldades de aprendizagem, com lacunas de conhecimentos enormes e que nunca deveriam ter ingressado no ensino superior. Contudo, em teoria, sou absolutamente contra o regime. Considero que justo seria as pessoas concluírem o 12º ano, fazerem os exames nacionais e se candidatarem ao ensino superior, como todos os outros. Isso sim é equidade no acesso. Todos fariam o mesmo exame, passariam o mesmo testo e assim seriam garantidas as mesmas condições para todos os candidatos. Ainda assim, não considero que haja discriminação nenhuma durante o curso para com os estudantes que ingressam através deste regime.

Relativamente ao romantismo da enfermagem, o principal motivo que me leva a escrever aqui, devo dizer que é uma coisa que me enerva profundamente. Ver enfermeiros dizerem que enfermagem é vocação, é carinho, entre outras coisas,  é desprezar completamente aquilo que devemos ser: profissionais de saúde. Obviamente que todo o profissional de saúde deve saber ser e saber estar - mas não têm todos os bons profissionais em qualquer que seja a área? E claro que estas características são mais valorizadas em profissões que têm contacto directo com pessoas, principalmente se se encontram debilitadas por um processo de doença. Caindo num estereótipo, um engenheiro informático que passe o dia ao computador não necessita tanto de desenvolver competências porque não lida directamente com pessoas, mas se esse engenheiro der aulas de informática não se torna vital saber ser e estar na sua função?

Perdoem-me se vou chocar alguém, mas o essencial não é dar carinho: é ser bom profissional, ter conhecimentos, competências e habilidades, ser capaz, respeitar os demais e saber ser e estar. O resto diz respeito à individualidade de cada um: eu serei ou não uma pessoa mais capaz de demonstrar afectos do que a outra, o que não faz de mim melhor ou pior profissional. Pelo menos, eu prefiro ser tratada por um colega que saiba o que faz mas seja pouco empático do que para outro que seja o auge da simpatia mas um perfeito incompetente no seu trabalho. Agora, conciliar tudo, o lado humano e os aspectos técnicos, isso sim é o enfermeiro e a pessoa que todos devíamos pretender ser! :)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Alexandra Serra April 24, 2012, 15:50:25
falar sem conhecimento de causa é sempre fácil....esquecem-se é que esses que têm o 4º ano em 6 meses dão toda a matéria que nos damos em 3 anos e os exames não são de xaxa o nível de exigência dos exames é muito superior ao dos testezinhos que se fazem no 10º 11º e 12º ano quanto ao exame final quem não os conhece pode ir ao site do ipl por exemplo e têm lá alguns dos exemplos em que a maioria das vezes sai matéria que não é fornecida nas aulas quanto ao material de estudo são os vossos livros de 10º 11º e 12º ano....e mais dou bastante valor a pessoas com o 4º ano como lhe chamam porque a maioria trabalha é casado e tem filhos não tem os paizinhos a suportar-lhe os estudos e ainda conseguem ao fim de um dia de trabalho ter cabeça para ir para as aulas e estudar para os exames que para quem não sabe para a área de saúde são 5 + 1 final e no fim ainda tem de ter capacidade para dar atenção aos filhos muitos deles da vossa idade...eles sim têm o mérito e o respeito por quererem alcançar algo mais na vida e esforçarem-se por isso....e se pensarem um bocadinho não se oferecem entradas a ninguém em licenciaturas... não misture rvcc com M23 eu terminei o 12 com 17 anos e média para entrar mas como não tinha apoio financeiro para ingressar fui trabalhar em Outubro decidi que já tinha o dinheiro suficiente para enfermagem mas como já estava a 6 anos sem estudar resolvi pagar as propinas do M23 para rever matéria na minha turma estavam varias pessoas sem o 12º ano as quais são obrigadas nos M23 a fazer cultura geral (historia, economia, português,inglês entre outras) para além da especifica para saúde, deu para ver a dificuldade mas também o esforço deles... muitos não conseguiram infelizmente mas é de louvar o esforço de todos eles...espero ter esclarecido algumas duvidas e ilusões porque ninguém danada a ninguém... e o esforço de uns é o esforço dos outros a diferença é que eles têm menos tempo para estudar o mesmo que os outros...
Com os meus melhores cumprimentos
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: MartaF28 April 28, 2012, 04:59:03
Não posso deixar de reparar na falta de evoluçao de mentalidades .
Estou completamente de acordo com o que uma rapariga disse e muito bem neste forum, "Não é a forma como se entra ou as notas com k se entram que mais importam mas sim o gosto pelo que se faz".
As oportunidades têm de ser dadas e o estado dá-as mas retira-as pk o povo não tem mente suficientemente aberta para aceitar que na altura deles não as tiveram e outros estão a tê-las.
Eu fiz o ensino normal e fiz exames nacionais, mas infelizmente temos um país que olha para mêdias e nao para as vocações e talêntos inatos das pessoas.
Em muitos paises o ensino é todo 70 por cento prático e não teórico além das médias serem muito mais baixas e as faculdades serem de mais fácil acesso que aqui.
Temos de evoluir mentalidades e abrir braços a novas oportunidades mesmo que muitas das vezes n tenhamos tido infelizmente acesso a elas na altura.
Tudo o que possibilite as pessoas de serem realizadas profissionalmente e pessoalmente sou completamente de acordo existirem.:D
Até pk é de valor extremo não ter acabado o secundário e ter conseguido terminar a faculdade.Essas pessoas de certeza que se esforçaram muito mais que todas aquelas que entraram com o secundário acabado e esse esforço é de ser valorizado e não desprezado.Significa que querem mesmo seguir a profissão ou até apenas realizar um sonho á muito adiado devido á falta de medias de acesso.
É apenas a minha opinião.
Boa Noite :D
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: militar July 17, 2012, 18:09:05
Tal como prometido num comentário anterior aqui estou já com o diploma na mão!
Entrei pelos "maiores de 23" e tenho orgulho nisso!
Foi mais difícil para mim quando em comparação com colegas que entraram pela via norma? Não me parece, antes pelo contrario, a verdade é que ainda há colegas que estão à espera de notas de exames, outros que vão prolongar o curso pelo menos mais um ano...e eu, enfim, fui ontem inscrever-me na Ordem! Acabei o curso com media de 16 e com a perfeita noção de que se me tivesse esforçado só mais um bocadinho podia ter sido ainda melhor.
Também tenho orgulho de durante estes 4 anos de curso não ter ido a exame a nenhuma cadeira e ter sido, numa unidade curricular, o aluno com a nota mais alta da frequência entre a população de cerca de 300 alunos da minha escola.
Como tal, realmente não interessa a forma como se entra...
É verdade, mais uma coisa de que tenho orgulho...já tenho trabalho! Aceitei uma das várias propostas que me fizeram nos meses que antecederam o final do curso, e não é a ganhar 3,96 euros, agora só tenho que aguardar a guia da Ordem para poder começar a trabalhar.
Portanto, parece-me óbvio que o facto de não ter entrado pela via normal e não ter o 12º não condicionou em nada o meu desempenho, muito pelo contrario.

Resta-me dizer que desejo a todos os alunos de enfermagem as maiores felicidades mas em especial aqueles que entraram por esta via.
Força, não desistam, sejam persistentes e vão ver que tudo vai correr bem.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Filipaw December 01, 2012, 15:14:29
: "deh"
Ainda não tinha dado a minha opinião neste tópico, porque o considero controverso e com demasiados 'quês' a serem levados em questão. Mas vou fazê-lo agora, porque considero que o romantismo com que falam aqui da enfermagem é errado e contribuiu para a desvalorização da enfermagem e dos enfermeiros.

Relativamente, ao regime maior de 23, devo dizer que apenas conheço em traços gerais o processo de candidatura, porque entrei pelo regime geral. Não sei se os exames são fáceis ou difíceis e com os colegas que entraram para o ensino superior através deste regime tive experiências variadas: alguns deles eram óptimos colegas, pessoas muito capazes, com uma capacidade de se organizarem de fazer inveja, enquanto outros eram pessoas com francas dificuldades de aprendizagem, com lacunas de conhecimentos enormes e que nunca deveriam ter ingressado no ensino superior. Contudo, em teoria, sou absolutamente contra o regime. Considero que justo seria as pessoas concluírem o 12º ano, fazerem os exames nacionais e se candidatarem ao ensino superior, como todos os outros. Isso sim é equidade no acesso. Todos fariam o mesmo exame, passariam o mesmo testo e assim seriam garantidas as mesmas condições para todos os candidatos. Ainda assim, não considero que haja discriminação nenhuma durante o curso para com os estudantes que ingressam através deste regime.

Relativamente ao romantismo da enfermagem, o principal motivo que me leva a escrever aqui, devo dizer que é uma coisa que me enerva profundamente. Ver enfermeiros dizerem que enfermagem é vocação, é carinho, entre outras coisas,  é desprezar completamente aquilo que devemos ser: profissionais de saúde. Obviamente que todo o profissional de saúde deve saber ser e saber estar - mas não têm todos os bons profissionais em qualquer que seja a área? E claro que estas características são mais valorizadas em profissões que têm contacto directo com pessoas, principalmente se se encontram debilitadas por um processo de doença. Caindo num estereótipo, um engenheiro informático que passe o dia ao computador não necessita tanto de desenvolver competências porque não lida directamente com pessoas, mas se esse engenheiro der aulas de informática não se torna vital saber ser e estar na sua função?

Perdoem-me se vou chocar alguém, mas o essencial não é dar carinho: é ser bom profissional, ter conhecimentos, competências e habilidades, ser capaz, respeitar os demais e saber ser e estar. O resto diz respeito à individualidade de cada um: eu serei ou não uma pessoa mais capaz de demonstrar afectos do que a outra, o que não faz de mim melhor ou pior profissional. Pelo menos, eu prefiro ser tratada por um colega que saiba o que faz mas seja pouco empático do que para outro que seja o auge da simpatia mas um perfeito incompetente no seu trabalho. Agora, conciliar tudo, o lado humano e os aspectos técnicos, isso sim é o enfermeiro e a pessoa que todos devíamos pretender ser! :)

"Tenham a sabedoria de serem humanos e não sigam o caminho da programação"
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Innes December 20, 2012, 13:40:43
Tenho uma pessoa bastante próxima, a quem infelizmente os pais não puderam pagar os estudos, quando estava na suposta idade do secundário. Após trabalhar durante muitos anos, conseguiu entrar pela lei dos maiores de 23, aprendeu tudo tal como os outros. Aliás, muitos meninos com o secundário feito, e as ditas "bases" sabidas conseguiam tirar sempre notas inferiores a ele.
Estudou e trabalhou ao mesmo tempo, para pagar os estudos, concluiu o curso com uma boa média, está actualmente a trabalhar, e eu, aplaudo o seu esforço de pé.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: catmartins22 December 20, 2012, 14:07:45
Tenho alguns colegas que entraram por esse regime, contudo não o conheço na integra mas hoje em dia são as faculdades que preparam os exames de acesso para esse regime. e não são as pessoas com a 4º classe que o frequentam, são as pessoas com o 12º concluido.

se acho incorreto? Não, de todo! Acho que as pessoas merecem a oportunidade e nunca sabemos a historia de cada um. Podiam não ter dinheiro na altura e ter construido primeiro uma vida e só depois tiveram meios de entao prosseguir estudos. quem diz que isso é incorreto e que não promove a equidade de acesso, não esqueçam das regras estupidas de pessoas oriundas da madeira e açores que entram primeiro em enfermagem com emdias mais baixas (quando esse curso existe nas duas regioes autonomas) opu de pessoas fedradas em por exemplo, tiro ao prato com estatuto de alta competiçao como ja vi entrarem com media de 12 em primeiro lugar no contingente geral. Por isso, considero os maiores de 23 um regime muito mais valido ate que o contingente geral, porque são avaliados segundo provas especificas elaboradas pela faculdade!

Quanto à vocação, bom profissional etc. Vou ser sincera, eu irrito.me PROFUNDAMENTE quando me lembro do video de comemoraçao do dia do enfermeiro e vejo a ordem a promover a ideia de que os enfermeiros estao la para dar abraços. eu nao estudei nem paguei 5 anos de propinas para dar abraços. eue studei anatomia, fisiologia, bioquimica, patologia etc etc para ter conhecimentos e habilidades para ser um bom profissional. se era a profissão que eu queria? era, as minhas 6 opções de candidatura foram para enfermagem. se sou qualificada por dar mais ou menos abraços, ser mais ou menos carinhosa? não. mas tmb reconheço que se o enfermeiro não dá carinho e festinhas é logo uma besta enquanto que o medico pode ser bruto à vontade que será sempre "o Sr. doutor".
Anyway, continuo a preferir ser uma boa profissional e competente nas competencias que desenvolvi sejam elas técnicas, comportamentais ou emocionais...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Filipaw December 27, 2012, 19:48:36
Claro que a nossa profissão não é dar abraços muito menos somos psicólogos, mas, para mim é impensável eu estar com um doente e não dar uma palavra de conforto. Já trabalhei o suficiente para ver situações vergonhosas e tenho a certeza que muitos colegas não se lembram que estão a lidar com pessoas. Isto não se aprende na faculdade.
A minha postura como enfermeira é esta e nunca meti em causa o meu profissionalismo ou a vida de um doente por dar um sorriso, por ser mais cuidadosa ou por fazer questão de explicar o que vou fazer.
Agora, cada um adota a postura que bem entende.
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: catmartins22 December 28, 2012, 00:48:06
: Filipaw

Claro que a nossa profissão não é dar abraços muito menos somos psicólogos, mas, para mim é impensável eu estar com um doente e não dar uma palavra de conforto. Já trabalhei o suficiente para ver situações vergonhosas e tenho a certeza que muitos colegas não se lembram que estão a lidar com pessoas. Isto não se aprende na faculdade.
A minha postura como enfermeira é esta e nunca meti em causa o meu profissionalismo ou a vida de um doente por dar um sorriso, por ser mais cuidadosa ou por fazer questão de explicar o que vou fazer.
Agora, cada um adota a postura que bem entende.

nunca disse o contrario. mas secalhar é melhor começar a "publicitar" a profissão também por outros motivos e não apenas pelos abraços que damos e muito bem. a postura de cada um é da responsabilidade de cada um e cada um sabe o seu lugar, os limites que pode atingir e até onde deve ir na relação terapeutica com cada doente mas a credibilidade de uma classe não se obtem a passar um video de 2 minutos sobre a qualidade dos abraços dados pelos enfermeiros.
agora claro e obvio que o nosso trabalho vai muito alem dos conhecimentos tecnicos, dos procedimentos. é impensavel pensar enfermagem sem pensar pessoa, ser humano, relação etc etc mas a competencia da profissao para o exterior, para a população etc nao deve passar so por isso...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: carla Ramos January 21, 2013, 21:54:47
Boa Noite!!!
Venho por este meio dar a minha opinião sobre este tópico.... Sou um exemplo de quem entrou para o curso de Enfermagem sem o 12º ano acabado. E até estava na área de humanidades..... Na verdade, não tive pais que pudessem pagar os meus estudos e as minhas farras e por isso tive de trabalhar ( que já o fazia desde os 12 anos) e deixar os estudos....O exame foi fácil??? Engana-se quem pensa que sim...fisica, quimica, psicologia, português, etc, foram algumas matérias que sairam no exame.....Tive de estudar muito para passar no exame, e ter muita coragem para vencer as barreiras da entrevista...
Na altura que iniciei o curso tinha uma filha com oito dias e um filho com seis anos........
Se vissem as pautas veriam que as minhas notas eram das mais altas...acabei o curso em 4 anos e com boa média... média que muitos colegas meus que tinham o 12º ano e com médias boas não conseguiram ter no curso superior...
Antes de darem as vossas opiniões, pensem em primeiro se todas as pessoas tiveram o privilégio de ter quem lhes pagasse os estudos "na hora certa".
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: Propofol February 23, 2013, 19:12:28
: Alexandra Serra
falar sem conhecimento de causa é sempre fácil....esquecem-se é que esses que têm o 4º ano em 6 meses dão toda a matéria que nos damos em 3 anos e os exames não são de xaxa o nível de exigência dos exames é muito superior ao dos testezinhos que se fazem no 10º 11º e 12º ano quanto ao exame final quem não os conhece pode ir ao site do ipl por exemplo e têm lá alguns dos exemplos em que a maioria das vezes sai matéria que não é fornecida nas aulas quanto ao material de estudo são os vossos livros de 10º 11º e 12º ano....e mais dou bastante valor a pessoas com o 4º ano como lhe chamam porque a maioria trabalha é casado e tem filhos não tem os paizinhos a suportar-lhe os estudos e ainda conseguem ao fim de um dia de trabalho ter cabeça para ir para as aulas e estudar para os exames que para quem não sabe para a área de saúde são 5 + 1 final e no fim ainda tem de ter capacidade para dar atenção aos filhos muitos deles da vossa idade...eles sim têm o mérito e o respeito por quererem alcançar algo mais na vida e esforçarem-se por isso....e se pensarem um bocadinho não se oferecem entradas a ninguém em licenciaturas... não misture rvcc com M23 eu terminei o 12 com 17 anos e média para entrar mas como não tinha apoio financeiro para ingressar fui trabalhar em Outubro decidi que já tinha o dinheiro suficiente para enfermagem mas como já estava a 6 anos sem estudar resolvi pagar as propinas do M23 para rever matéria na minha turma estavam varias pessoas sem o 12º ano as quais são obrigadas nos M23 a fazer cultura geral (historia, economia, português,inglês entre outras) para além da especifica para saúde, deu para ver a dificuldade mas também o esforço deles... muitos não conseguiram infelizmente mas é de louvar o esforço de todos eles...espero ter esclarecido algumas duvidas e ilusões porque ninguém danada a ninguém... e o esforço de uns é o esforço dos outros a diferença é que eles têm menos tempo para estudar o mesmo que os outros...
Com os meus melhores cumprimentos

E escreveu isso tudo utilizando apenas uma vírgula...
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: catmartins22 February 24, 2013, 16:43:39
: Propofol
: Alexandra Serra
falar sem conhecimento de causa é sempre fácil....esquecem-se é que esses que têm o 4º ano em 6 meses dão toda a matéria que nos damos em 3 anos e os exames não são de xaxa o nível de exigência dos exames é muito superior ao dos testezinhos que se fazem no 10º 11º e 12º ano quanto ao exame final quem não os conhece pode ir ao site do ipl por exemplo e têm lá alguns dos exemplos em que a maioria das vezes sai matéria que não é fornecida nas aulas quanto ao material de estudo são os vossos livros de 10º 11º e 12º ano....e mais dou bastante valor a pessoas com o 4º ano como lhe chamam porque a maioria trabalha é casado e tem filhos não tem os paizinhos a suportar-lhe os estudos e ainda conseguem ao fim de um dia de trabalho ter cabeça para ir para as aulas e estudar para os exames que para quem não sabe para a área de saúde são 5 + 1 final e no fim ainda tem de ter capacidade para dar atenção aos filhos muitos deles da vossa idade...eles sim têm o mérito e o respeito por quererem alcançar algo mais na vida e esforçarem-se por isso....e se pensarem um bocadinho não se oferecem entradas a ninguém em licenciaturas... não misture rvcc com M23 eu terminei o 12 com 17 anos e média para entrar mas como não tinha apoio financeiro para ingressar fui trabalhar em Outubro decidi que já tinha o dinheiro suficiente para enfermagem mas como já estava a 6 anos sem estudar resolvi pagar as propinas do M23 para rever matéria na minha turma estavam varias pessoas sem o 12º ano as quais são obrigadas nos M23 a fazer cultura geral (historia, economia, português,inglês entre outras) para além da especifica para saúde, deu para ver a dificuldade mas também o esforço deles... muitos não conseguiram infelizmente mas é de louvar o esforço de todos eles...espero ter esclarecido algumas duvidas e ilusões porque ninguém danada a ninguém... e o esforço de uns é o esforço dos outros a diferença é que eles têm menos tempo para estudar o mesmo que os outros...
Com os meus melhores cumprimentos

E escreveu isso tudo utilizando apenas uma vírgula...

qual José Saramago  ;)
: Re: "Lei dos Maiores de 23 anos"
: sandra De Almeida June 02, 2017, 10:09:27
 :)