Forumenfermagem

Outras Dimensões da Profissão => Enfermagem e Politica de Saúde => : ANGELUS January 14, 2009, 21:21:03

: 2009: Revisão da Carreira
: ANGELUS January 14, 2009, 21:21:03
Consulte o doucumento em:

http://www.enfermeiros-sipe.com/documen ... zembro.pdf (http://www.enfermeiros-sipe.com/documentos/notainformativadezembro.pdf)
e

aqui
http://www.enfermeiros.pt/content/view/598/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/598/1/)

E o boltim informativo com a data de hoje e prespectiva que irá na proxima reunião com o Ministério ser apresentada uma nova proposta da Carreira de Enfermagem.
Mais uma vez os sindicatos se mostram unidos nos objectivos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish January 14, 2009, 21:39:04
Hj não era a tal reuniao entre os sindicatos e o MS?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio January 15, 2009, 00:47:19
foi...
mas n sei de nada...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas January 15, 2009, 01:19:30
Era mas foi adiada...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva January 15, 2009, 09:26:42
No seguimento do tópico 2008:revisão na Carreira http://www.forumenfermagem.org/forum/ht ... ic.php?t=9 (http://www.forumenfermagem.org/forum/http://forumenfermagem.org/phpbb3/viewtopic.php?t=9)

Este novo tópico tem como objectivo ir dando conta do processo negocial a partir deste ano.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeir0 January 15, 2009, 10:44:33
Bom dia,


a reunião foi remarcada para dia 19 deste mês, pois estavam a espera do parecer de outro(s) ministério(s). Em princípio antes do dia da reunião os sindicatos já irão ter em sua posse a contraproposta do ministério.

Mantenham-se atentos.

Cumps.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.ª Pek_G January 15, 2009, 11:41:16
A torcer para que tudo corra pelo melhor....

Vai Correr...Vai Correr...  ;) Pensamento Positivo... Afinal de contas os nossos votos tb contam... Espero que isso os assuste e tomem medidas.. e não "arranjinhos de carreira"!!

Por uma Enfermagem Melhor e mais capaz!!!  :)

Eu Acredito....  :D ;)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedromspcosta January 15, 2009, 19:13:13
infelizmente a reunião de 19 de janeiro não vai ocorrer :-[ foi desmarcada pelo ministério.
enfermeiros será este um recuo do ministério, bem cabe-nos a nós estar atentos e caso seja necessário a mobilização será a nossa força, vejam os professores, o que queriam no inicio já conseguiram, agora já lutam por mais..... e nós ainda nem do ponto de partida saímos.basta.....
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: maggie_daisy January 15, 2009, 22:36:24
com tanta exitaçao do governo, adia não adia, não querendo ser pessimista, mas antes realista, acho que acordos so vao acontecer com o proximo governo, depois das legislativas.. :/

18 anos ja é tmp demais sem uma revisao séria da carreira da nossa profissao..
Cumps
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas January 16, 2009, 01:13:44
Temos de forçar a negociação e conclusão desta antes do fim da legislatura, sob pena de na próxima legislatura não conseguirmos negociar de acordo com as nossas pretenções.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio January 16, 2009, 19:39:44
daquilo que me parece, ou conseguimos alguma coisa agora, antes das eleições, em que o governo será mais acessível, com a ideia de conseguir mais uns votos, ou entao, se deixarmos passar as eleições, algo me diz que temos mais quatro anos de impasse.
Isto na perspectiva de um cidadão que n percebe nada de política, mas q acha estranho que nestes últimos meses o governo já se mostre disposto a negociar com toda a função pública...
porque será? (já dizia o Jardel...)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish January 23, 2009, 01:11:14
Alguem sabe qual será a proxima reuniao dos Sindicatos com o Governo??
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva January 23, 2009, 10:06:32
Lisboa, 16 de Janeiro de 2009 – A convite da Ordem dos Enfermeiros, concretizou-se hoje, 16 de Janeiro, uma reunião entre aquela organização e todos os Sindicatos de Enfermagem.

Em cima da mesa esteve a análise da actual situação da profissão - em concreto o protelamento da aprovação em reunião de Secretários de Estado da alteração estatutária da Ordem, já aceite pelo Ministério da Saúde e que cria as condições para que a Ordem possa ter a possibilidade de regular o acesso à profissão e o seu desenvolvimento.

[...]
Neste contexto, a Ordem dos Enfermeiros e os Sindicatos de Enfermagem decidiram efectuar cinco debates regionais com o objectivo de dar a conhecer a todos os enfermeiros as consequências para a profissão caso se mantenham estes adiamentos.

Solicitamos a melhor atenção dos órgãos de comunicação social para o assunto em apreço. 




Mais informação aqui http://www.ordemenfermeiros.pt/index.php?page=44&highlight=629 (http://www.ordemenfermeiros.pt/index.php?page=44&highlight=629)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo January 23, 2009, 11:36:52
Finalmente a ordem percebeu que tem que se "meter ao barulho", quanto mais não seja como dinamizadora do processo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas January 23, 2009, 17:40:11
Como é de esperar o governo adiou a negociação. Das duas uma, ou quer adiar até após as eleições, ou quer por a discussão mais próximas das eleições para ceder e ganhar votos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish January 24, 2009, 01:07:04
13 de Janeiro — SEP contacta o Ministério que informa a 14 que só terá condições
de remeter a Nova Contraproposta na ultima Semana de Janeiro (26/Janeiro) e,
nessa altura, será agendada reunião.

Portanto para a semana esperamos novidades, quer seja do Gobierno ou dos Sindicatos e com certeza se for dos sindicatos teremos que ir novamente preparar as nossas armas...
Vamos esperar ate dia 28 de Janeiro dia que se discutira as novas formas de luta!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio January 24, 2009, 17:44:48
À primeira vista, pode parecer um offtopic, mas não é: quando são as eleições???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish January 24, 2009, 18:02:27
Legislativas, marcadas pelo Presidente da República, 20 de Setembro.
Autárquicas, que são marcadas pelo Governo, 11 de Outubro.
Ah! e como n bastasse... Eleições Europeias a 7 de Junho.

Segundo DN 11/01/09
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas January 24, 2009, 23:53:55
red fish eu não tinha tanta certeza.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish January 28, 2009, 17:30:48
Após os adiamentos sucessivos por parte do ministério o SEP agenda amanha (29/01 - 11h30) na sede do SEP, uma reunião e posterior conferencia de imprensa a comunicar o plano de lutas para os próximos meses...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo January 28, 2009, 17:36:31
: Red Fish
Após os adiamentos sucessivos por parte do ministério o SEP agenda amanha (29/01 - 11h30) na sede do SEP, uma reunião e posterior conferencia de imprensa a comunicar o plano de lutas para os próximos meses...

Espero que a luta desta vez seja a sério...chega de fazer grevinhas sem consequências!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr January 28, 2009, 17:55:39
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... 109ncs.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/01/280109ncs.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: maia January 28, 2009, 19:33:55
Uma pequena correcção. Não foi o SEP a marcar a dita conferência de imprensa, foram TODOS OS SINDICATOS: SE, SIPE, SERAM E SEP.
Estamos todos juntos - pelo menos os que ainda acreditam nestas instituições. A expectativa está alta, mas penso que deviamos dar um voto de confiança e estas estruturas porque o seu trabalho está feito, o do ministério é que não. Vamos apoiá-los, porque assim apoiamos a enfermagem.
Cumprimentos a todos os que ainda acreditam.EU ACREDITO...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: BSP_nurse January 28, 2009, 19:58:48
colegas uma questão que acho que ainda não foi aqui colocada e gostaria de saber se me podem esclarecer que é a seguinte, para quem trabalha no SNS no vosso recibo de vencimento, onde antes tinha escrito a remuneração base apresentava à frente o respectivo indice(114) correspondente ao ordenado base de enfermeiro nivel 1(no meu caso)certo?agora ja nao esta escrito 114, mas sim um numero que corresponde a um nivel, e outro a um s.nivel(que entendo que seja sub-nivel não?), gostaria de saber se alguem sabe o significado desta alteração,a que correspondem estes níveis, uma vez que nem o proprio sindicato sabe do que se trata lol.....
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: projenf January 28, 2009, 21:32:13
Eu tb ainda acredito e mal de nós se não acreditarmos!! Pessoal, pensamento positivo, ok? Eu tento mante-lo no maximo e estou desempregada!!

Vamos defender a nossa classe!! Se não gostarmos de nós...kem gostará? :)

Fikem bem
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MARIA JU January 28, 2009, 23:20:15
temos alguma coisa a ver com a nova tabela salarial da função pública?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano January 29, 2009, 11:42:30
Isto já deve estar exposto em locais perto de vocês mas como este género de publicidade nunca peca por escassa deixo aqui um link onde podem ver alguns locais onde vamos poder debater a carreira conjuntamente com Ordem e Sindicatos... : http://cogitare.forumenfermagem.org/200 ... indicatos/ (http://cogitare.forumenfermagem.org/2009/01/26/debates-pela-carreira-e-mdp-com-enfermeirosordem-e-sindicatos/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish January 29, 2009, 15:42:58
Medidas a curto medio prazo:
GREVE NACIONAL dia 20 de FEVEREIRO!
Greve e Manifestações na 1ª Quinzena de Março!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr January 29, 2009, 18:26:23
: BSP_nurse
colegas uma questão que acho que ainda não foi aqui colocada e gostaria de saber se me podem esclarecer que é a seguinte, para quem trabalha no SNS no vosso recibo de vencimento, onde antes tinha escrito a remuneração base apresentava à frente o respectivo indice(114) correspondente ao ordenado base de enfermeiro nivel 1(no meu caso)certo?agora ja nao esta escrito 114, mas sim um numero que corresponde a um nivel, e outro a um s.nivel(que entendo que seja sub-nivel não?), gostaria de saber se alguem sabe o significado desta alteração,a que correspondem estes níveis, uma vez que nem o proprio sindicato sabe do que se trata lol.....

O meu recibo de Janeiro de 2009 apresenta ainda o índice 114. Trabalho numa ARS.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: BSP_nurse January 29, 2009, 21:43:07
: enfarfr
: BSP_nurse
colegas uma questão que acho que ainda não foi aqui colocada e gostaria de saber se me podem esclarecer que é a seguinte, para quem trabalha no SNS no vosso recibo de vencimento, onde antes tinha escrito a remuneração base apresentava à frente o respectivo indice(114) correspondente ao ordenado base de enfermeiro nivel 1(no meu caso)certo?agora ja nao esta escrito 114, mas sim um numero que corresponde a um nivel, e outro a um s.nivel(que entendo que seja sub-nivel não?), gostaria de saber se alguem sabe o significado desta alteração,a que correspondem estes níveis, uma vez que nem o proprio sindicato sabe do que se trata lol.....

O meu recibo de Janeiro de 2009 apresenta ainda o índice 114. Trabalho numa ARS.

eu tambem trabalho numa ARS  (Norte)e os recibos de pessoal enfermeiro nivel 1 em vez de indice 114, diz nível 11, s.nivel 29!e de enfermeiras graduadas diz nivel 36, s.nivel 49 se não estou em erro :-X não compreendo
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeiredo January 30, 2009, 22:38:11
Não podemos deixar passar mais um minuto sem fazer nada. Se deixamos passar as eleições, adeus carreira...!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish March 05, 2009, 16:42:54
Alguem sabe algo relativamente à reunião de hj entre o MS e os sindicatos??
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish March 05, 2009, 22:59:53
Enfermeiros ameaçam com protestos

A reunião desta quinta-feira entre o Ministério da Saúde e o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) "correu mal", pelo que se mantém o protesto marcado para o próximo dia 13.

'O Ministério continua a não ceder na existência de uma carreira para os enfermeiros, continua a defender a manutenção de uma carreira com duas categorias, como se houvesse dois níveis de enfermeiros e, por último, também não cede nas questões salariais', reclamou José Carlos Martins, dirigente do SEP.

O mesmo responsável adiantou que até ao meio-dia de amanhã, o Ministério tutelado por Ana Jorge vai marcar uma nova reunião com o sindicato, a decorrer na próxima semana, e apresentar uma nova proposta.

'Da nossa parte, não há cedências: continuamos a exigir um diploma de carreira, regulamentado não só para os actuais enfermeiros, mas também para futuros, com uma única categoria, e continuamos a exigir um salário ao nível de qualquer licenciado, porque os enfermeiro não são licenciados de segunda categoria', reiterou José Carlos Martins.

O sindicato vai aguardar nova proposta do Ministério, mas caso seja mantida a mesma posição 'haverá mais greves e manifestações para este mês de Março', avisou o sindicalista.

Fonte: CM 05/03/09
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 05, 2009, 23:52:53
completamente de acordo...
Nem que me tirem 300 ou 400 euros num mês, por mim, era greve por tempo indeterminado a ver se o ministério já não tremia...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo March 06, 2009, 08:40:54
Apenas uma palavra de incentivo aos colegas dos sindicatos!
Força pessoal...estamos convosco!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Sergio Magalhaes March 11, 2009, 04:58:37
É inaceitavel a proposta apresentada. SOMOS QUADROS SUPERIORES DA FUNÇÃO PUBLICA DE
PLENO DIREITO.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva March 12, 2009, 22:53:17
Os analistas de politicas de saúde já diagnósticaram a deficiência da tutela autista deste governo.


Paulo Kuteev Moreira, As lutas do futuro? in Diário Ecónomico 05/03/09 00:01


[...]Um outro desafio actual é a atitude política de afrontamento destrutivo a que estão a ser submetidos os profissionais do Serviço Nacional de Saúde. Particularmente a enfermagem portuguesa que se destaca na Europa como uma das mais qualificadas em termos de graus académicos, mas que, paradoxalmente, está a ser submetida a um claro processo de ‘downgrading' profissional. O actual processo de negociação das carreiras de enfermagem corre no sentido do conflito com as piores consequências para o desenvolvimento estratégico do SNS e as novas respostas de que a população necessita. Para além da arrogância institucional, imagem de marca do actual Governo, o conflito tem origem nas propostas do Ministério da Saúde que, na essência, iniciam um processo de utilização das competências de enfermagem como se de trabalho pouco qualificado se tratasse.

Esta atitude demonstra um claro desfasamento das tendências europeias e, sobretudo, dos novos enquadramentos de ‘skills mix' para a modernização das respostas inter-sectoriais no âmbito do desenvolvimento de uma abordagem de políticas sociais integradas e de partilha de recursos na comunidade. A seguir são os médicos.

____

Paulo Kuteev Moreira, Doutor em ‘Health Management' pela Universidade de Manchester
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: PedroMendes March 13, 2009, 02:46:58
Saúde: Reunião entre enfermeiros e Ministério termina sem entendimento, manifestação de hoje mantém-se

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses anunciou que se mantém a manifestação de hoje junto ao Ministério da Saúde e que, caso não receba uma contraproposta até segunda-feira, fará um pré-aviso de greve na terça-feira.

Em declarações à Agência Lusa, a presidente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, Guadalupe Simões, explicou que a reunião de quinta-feira com os responsáveis do Ministério da Saúde chegou ao fim sem acordo sobre a revisão das carreiras e que o sindicato comunicou ao Ministério as suas intenções.

"Caso segunda-feira não tenhamos até ao final do dia a contraproposta, terça-feira sai um pré-aviso de greve de dois dias que os enfermeiros irão fazer proximamente", afirmou Guadalupe Simões.

A responsável explicou que durante a reunião houve um "ligeiro aproximar de posições relativamente à estrutura de carreira" mas que existem "princípios estruturantes" em que sindicato e Ministério continuam a ter posições afastadas.

"Neste momento nós não aceitamos que o Ministério da Saúde nos apresente qualquer tipo de contraproposta com prazos dilatados e foi isso mesmo que transmitimos hoje no Ministério da Saúde", explicou à Lusa.

Guadalupe Simões afirmou no entanto que os enfermeiros estarão "sempre disponíveis para negociar ou para desconvocar a greve se eventualmente houver da parte do Ministério da Saúde um aproximar de posições".

"Ainda que possamos vir a negociar com o pré-aviso de greve ou até desconvocar a greve, se a proposta que o Ministério da Saúde nos apresentar vier de encontro às nossas pretensões ou pelo menos nos permitir vislumbrar que se pode fazer caminho no processo negocial, não podemos permitir é este arrastamento deste processo por culpa do Ministério da Saúde", sublinhou a presidente do sindicato.


Fonte: Lusa - Lisboa, 13 Mar

Disponível em: http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Interio ... id=1168469 (http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Interior.aspx?content_id=1168469)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro March 13, 2009, 10:38:11
Sou a favor de uma paralização global, mas não na forma de greves à toa. Apesar de ser do quadro do Hospital, sei que os nossos colegas CIT têm "medos" fundados em entrar em formas de luta deste calibre e acho que não o fariam/aguentariam durante muito tempo e perderíamos força.

Também sei que as greves, em especial nos serviços de internamento pouco se fazem sentir, porque os cuidados mínimos passam quase sempre por fazer tudo o que faríamos num dia normal, com a agravante de estarmos reduzidos em pessoal.

Assim, sou muito mais a favor de uma greve de zelo por tempo indeterminado afectado todos os serviços, e uma paralização dos Blocos Operatórios, Consultas e Centros de Saúde por uma semana (acho que nem seria preciso tanto), sendo o prejuízo dos colegas destes serviços minimizado com ajudas dos Sindicatos, ou mesmo por contributos dos outros colegas não afectos aos serviços que paralizam.

Quero com isto dizer que não me importaria de contribuir para que os meus colegas dos serviços que referi fizessem uma paralização geral, distribuíndo assim os prejuízos por todos (não custava quase nada a ninguém e todos beneficiamos) e deste modo, acertávamos onde mais dói.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo March 13, 2009, 14:00:07
Mais uma vez levanto a possibilidade de uma greve que afecte seriamento o SNS:

Greve apenas nos seguintes serviços:
- cuidados de saúde primários;
- consulta externa;
- bloco operatório.

Tempo mínimo de paralisição: 3 dias
Ideal: 5 dias úteis

Enfermeiros dos restantes serviços contribuiriam com uma quota suplementar para que os sindicatos podessem de alguma forma compensar os colegas que paralizariam e como tal perderiam um elevado rendimento (elevado rendimento enfermagem  ;D)

Só assim mostrariamos a nossa força...ao fim de 3 dias o governo comia nas nossas mãos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr March 13, 2009, 14:21:32
: SandroMelo
Mais uma vez levanto a possibilidade de uma greve que afecte seriamento o SNS:

Greve apenas nos seguintes serviços:
- cuidados de saúde primários;
- consulta externa;
- bloco operatório.

Tempo mínimo de paralisição: 3 dias
Ideal: 5 dias úteis

Enfermeiros dos restantes serviços contribuiriam com uma quota suplementar para que os sindicatos podessem de alguma forma compensar os colegas que paralizariam e como tal perderiam um elevado rendimento (elevado rendimento enfermagem  ;D)

Só assim mostrariamos a nossa força...ao fim de 3 dias o governo comia nas nossas mãos.

Concordo!

Só faço greves que tenham 3 ou mais dias seguídos... Menos que isso não faço...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf urgencia March 13, 2009, 14:33:21
ola a todos

concordo com o colega, mas acho que podemos ver o que vai dar esta greve  de 2 dias e depois partimos para mais dias se necessario

e toca a mandar emails para tudo quanto e sitio. ate para as televisoes eu ja mandei.

bjs
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix March 13, 2009, 15:00:45
Temos de avançar de forma convicta, inabaláveis!

Esgota-me que não sejamos reconhecidos pelo Governo. Os grupos privados que neste momento tomam conta da saúde têm, a meu ver, duas actuações distintas com o correr dos tempos: por um lado, democratizam o acesso aos serviços de saúde pois a oferta aumenta sob a forma de produção mais elevada; contudo, não sem espezinhar grupos estruturantes do SNS, como o nosso. A prazo mais longo, e com maior poder e abrangência, o custo para o utente será maior (como parece que já acontece em alguns locais) pois os grupos económicos são isso mesmo, profundamente ligados ao modelo capitalista e que tornam a saúde em números. Logo, cobram mais, pagam menos a quem trabalha (enfermeiros, médicos...) e, no final, o lucro é sempre maior. Estamos a caminhar a passos largos para algo tipo EUA, quem quer saúde paga-a anualmente através de um seguro de saúde, a empresas do ramo segurador (que estes grupos também detêm, tipo BES). E pagam bem!
 
Hoje é dia de manif. Gostava de ter ido. O Governo que só se governa a ele próprio e desgoverna todo o resto, teima (com a sua habitual arrogância) não nos dar algo que merecemos há muito tempo: equiparação a técnico superior (e não só no nível de complexidade, mas também no salário, que os tempos de trabalhar por amor à camisola ou de celibato da enfermagem já não existem há muito), o não respeito pelas pessoas, mentindo, não cumprindo prazos de negociação da carreira, não cumprindo ele próprio as leis e sempre, sempre, sair impune! Aí é que fico fulo!!
 
No final, se não os podes vencer, junta-te a eles?? Não sei... se calhar.
 
Ainda assim, um greve de zelo como já vi propor, paralisar certos serviços com mais visibilidade, tipo consultas externas, bloco operatório, CSP... e o resto da malta dos serviços contribui com uma quota maior para o sindicato, nesse mês, para redistribuir pelos que fizeram greve, de 3/5dias. Assim, sairia pouco do magro bolso de cada um de nós (10 anos que trabalho e dão-me 1113 euros??)

Depois de hoje, a ver vamos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 16, 2009, 20:37:20
eesa ideia que vem sendo defendida parece-me muito bem...
E podem contar comigo para contribuir no sentido de ajudar os colegas que perdem o seu vencimento, com todo o gosto...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf urgencia March 16, 2009, 21:19:25
alguém sabe da proposta reformulada do ministério da saúde que devia ter sido entregue ate hoje?

bjs
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 16, 2009, 21:52:06
outra?
desta nem sabia...
Isto já parece uma novela...
Ou entao o benfica a contratar jogadores...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: nurse.c March 16, 2009, 22:19:44
Sim...
Pelo que vi no site do SEP se nao for entregue nenhuma contraproposta (que pelos vistos ainda nao foi,pelo menos que se saiba até agora) será emitido na quarta-feira um pré aviso de greve de 2 dias que deverá acontecer na semana de 30Março e 3 Abril....
E eu farei GREVE!!!!!
Vamos lá ver como corre...
Se alguem tiver novidades que conte:):)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: valente1043 March 17, 2009, 01:07:40
O Sindicato dos Enfermeiros vai entregar, esta terça-feira, um  pré-aviso de greve para os dias 2 e 3 de Abril. Em causa está o «impasse» em relação ao processo negocial do estatuto da carreira.
 
Guadalupe Simões diz que os enfermeiros vão entregar um pré-aviso de greve

Os enfermeiros esperaram até hoje por uma contra-resposta por parte do Ministério da Saúde em relação ao estatuto da carreira.

Como tal não aconteceu, vão entregar esta terça-feira um pré-aviso de greve, conforme explicou à TSF Guadalupe Simões, presidente do Sindicato dos Enfermeiros.

«Este processo negocial da carreira não pode arrastar-se por tempo indeterminado, até porque vamos ter processos eleitorais», disse, sublinhando que «o Ministério da Saúde já devia ter concretizado todo o trabalho preparatório deste processo».
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf urgencia March 17, 2009, 12:54:12
oi pessoal

o ministério da saúde  e teimoso mas nos também ;) somos. vamos ao braço de ferro.

eu vou fazer as greves que forem precisas

bjs
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CatarinaSoares March 17, 2009, 13:57:30
  Colegas, já não sei onde vi (penso que terá sido num documento do SEP) que com a nova proposta para a nossa carreira demoraríamos 15 anos a atingir o ordenado de um professor recém-licenciado que, segundo esse documento, é de cerca de 1500€. No entanto, toda a gente a quem digo isto torce o nariz porque os professores recém-licenciados não ganham isto! Fui eu que sonhei?? Alguém me sabe esclarecer? **
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano March 17, 2009, 15:32:38
@CatarinaSoares

Pode ter lido em muitos locais... um dos quais pode ter sido neste blogue http://doutorenfermeiro.blogspot.com (http://doutorenfermeiro.blogspot.com) no post de Sexta-feira, Fevereiro 27, 2009
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: PedroMendes March 17, 2009, 15:39:59
Ministra da Saúde: prazo para contraproposta sobre carreiras de enfermeiros muito curto

A ministra da Saúde afirmou hoje que o prazo dado pelo Sindicato dos Enfermeiros para apresentar uma contraproposta sobre a reestruturação das carreiras era demasiado curto, e sublinhou que esse documento só deve estar pronto no final da semana.

O Sindicato dos Enfermeiros convocou uma nova greve de dois dias para o início de Abril, devido à falta de resposta do Governo, cujo prazo era até segunda-feira. A ministra da Saúde considerou, no entanto, que o prazo foi demasiado curto, já que a última reunião entre os sindicalistas e a tutela aconteceu na quinta-feira.

"A reunião correu bem e foi agendada uma outra para a qual não foi marcada data. Houve um compromisso do Ministério enviar o resultado daquela reunião de consenso, mas os sindicatos só nos deram dois dias", declarou Ana Jorge, à margem de uma visita ao Hospital Curry Cabral.

"Em dois dias não se pode preparar tudo o que era necessário para outra conversa e reunião de diálogo", frisou a governante, notando que "o processo é complexo e envolve várias estruturas e ministérios".

Ana Jorge garantiu que o Ministério vai enviar o documento "logo que seja possível", previsivelmente até ao final da semana. "Vamos ver se conseguimos fazê-lo, porque o trabalho não é só do Ministério da Saúde", referiu.

A greve dos enfermeiros vai ter início às 00h00 de quinta-feira, dia 02 de Abril, e termina no turno da tarde do dia seguinte, que varia consoante os estabelecimentos de saúde, segundo o sindicato.

A última greve dos enfermeiros, por causa das carreiras, teve lugar há menos de um mês, a 20 de Fevereiro, tendo a adesão sido de quase 60 por cento segundo o Governo, e de 65 por cento a cem por cento, segundo o sindicato.


http://ultimahora.publico.clix.pt/notic ... idCanal=62 (http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1369582&idCanal=62)

Ana Jorge garantiu que o Ministério vai enviar o documento "logo que seja possível"
A julgar pelo tempo que já andamos à espera este "logo que seja possível"...

Haja greve!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CatarinaSoares March 17, 2009, 15:51:08
  Obrigada Mauro_G! **
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CatarinaSoares March 17, 2009, 16:58:06
  Ainda tenho dúvidas... Mesmo vendo a tabela salarial dos professores não consegui perceber quanto é que um professor recém-licenciado ganha numa escola pública, com horário completo. Alguém me explica? É que aparecem lá valores de 900 e tal euros... E assim, de facto, eles não ganhariam mais que nós. **
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: PedroMendes March 17, 2009, 17:25:46
Mas o que é que nos interessa quanto é que ganham os professores?

Temos é que lutar pelos nossos direitos e ganhar, no mínimo, como licenciados ou especialistas, de acordo com uma carreira justa para todos!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CatarinaSoares March 17, 2009, 18:18:02
  Mas o que é que interessa porque é que me interessa quanto ganha um professor?? Ai! Se ainda me dissessem que devia ter discutido isto noutro tópico... Interessa-me porque as pessoas estão cada vez mais sensibilizadas com o caso dos professores mas sabes o que me respondem quando defendo a NOSSA classe, a NOSSA procura de melhores condições? Que já temos muitas regalias, que agora têm é de pensar em quem tem mais dificuldades que nós, que estamos muito bem... Acho muito bem fazerem-se manifestações (dia 13 de Março estive lá!) mas é muitíssimo importante alertar consciências para a nossa situação! Ninguém sabe que ganhamos como bacharéis, toda a gente com quem falo pensa que ganhamos imenso dinheiro e que é um ultraje ainda andarmos aqui a pedir mais!!! Portanto, ando preocupada em esclarecer consciências, em documentar-me sobre o assunto. Incomodo? Desculpa Pedro, mas passei-me!! **

 
"Porque é que uma enfermeira que cuide de RN numa unidade de cuidados intensivos pediátricos tem um vencimento inferior a uma educadora de infância.
NOTA 1: Ambas são licenciadas e com os mesmos anos de curso e tirados numa mesma intituição pública (ao lado uma da outra...)
Nota 2: Eu sou a enfermeira a minha irma a educadora e concorda comigo!!!!
Aguardo que alguém me explique o motivo da diferença salarial?
(Então ninguém me esclarece, Srª Ministra???)"
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf urgencia March 17, 2009, 19:48:38
oi a todos os colegas

na minha opiniao independentemente do que ganham os professores, a nossa entrada de ingresso na funçaõ publica devia ser indice 19 cerca de 1400 euros e nao o indice de entrada de licenciados de 1200 euros. acho que a nossa profissão deve ser valorizada como carreira especial que e

bjs :)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CCAV March 17, 2009, 21:53:50
: enf urgencia
oi a todos os colegas

na minha opiniao independentemente do que ganham os professores, a nossa entrada de ingresso na funçaõ publica devia ser indice 19 cerca de 1400 euros e nao o indice de entrada de licenciados de 1200 euros. acho que a nossa profissão deve ser valorizada como carreira especial que e

bjs :)

Concordo!

Deveríamos estar a ganhar perto dos 1400 euros e não com o ordenado que estamos >:D

Mas, sinceramente, acho vai ser difícil de alcançar!

Bem, mas a esperança é a última a morrer!!! ;)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MUSADOORIENTE March 18, 2009, 09:43:55
Claro que a componente monetária é fundamental.
Ainda assim, e sem esquecer esta, penso que se deveria dar muito ênfase a aspectos de respeito e autonomia da profissão. Que se assuma de uma vez por todas que o modelo de subserviência face à classe médica deve ser abandonado por completo. A eleição do cargo de enfermeiro director parece-me também uma medida urgente a adoptar.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 19, 2009, 00:01:52
Acho que a grande diferença é que os professores não têm horas de qualidade porque trabalham de segunda a sexta, durante a manha e a tarde...
O que quer dizer que pagam impostos desses 1500 euros, ou coisa parecida, logo, ganham 1100 ao fim do mês...
Nós também os pagamos, mas recebemos mais ou menos o mesmo em subsídios de horário nocturno e fim de semana...
No final do mês somos capazes de ficar mais ou menos com o mesmo, mas não tenho a vida deles de segunda a sexta...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf urgencia March 19, 2009, 00:16:09
boa noite pessoal

estive hoje na reunião de enfermeiros do sep no hospital de são joão e uma das coisas que o ministerio assumiu verbalmente e que se tinha "enganado" na grelha salarial que o nivel remuneratorio 12(1.047euros) nao e aplicavel na carreira. comeco da carreira no nivel 15 (1200e)o que nao e aceitavel para nos nem para os sindicatos. vamos a ver a proposta nova que a ministra prometeu ate sexta feira.
 ;)
aguardemos
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 19, 2009, 00:21:11
bom, já ganhamos quase 200 euros, já me começa a agradar mais um bocadinho...
Já me parece que começa a haver alguma vontade em andar com isto para a frente...
Mais trezentos e para mim, está justo...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf urgencia March 19, 2009, 01:14:48
ora bem eu percebo te bem, mas acho que justo e o equivalente a 1355 (indice 19) n minimo dos minimos.  vamos la a ver o que conseguimos.
bjs
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: noony March 19, 2009, 11:03:09
Eu considero aceitavel, para início da carreira, uma posição remunerátória entre a 16 e 18 desde que a transição para a posição remuneratória seguinte seja feita num período nunca superior a 3 anos. Acho que 5 anos é demais, mais vale começar um bocadinho por baixo e termos alguma perspectiva de conforto financeiro a medio prazo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: rsmar959 March 19, 2009, 15:14:47
: artur_gaio
Acho que a grande diferença é que os professores não têm horas de qualidade porque trabalham de segunda a sexta, durante a manha e a tarde...
O que quer dizer que pagam impostos desses 1500 euros, ou coisa parecida, logo, ganham 1100 ao fim do mês...
Nós também os pagamos, mas recebemos mais ou menos o mesmo em subsídios de horário nocturno e fim de semana...
No final do mês somos capazes de ficar mais ou menos com o mesmo, mas não tenho a vida deles de segunda a sexta...

Boas

E todos os colegas podem auferir desse ganho extra?
Não me consta que os profissionais que trabalham nos Cuidados de Saúde Primários, tenham horários nocturnos ou de fim de semana (sábado e domingo).
Sobretudo, os suplementos de que falas são direitos adquiridos pela grande maioria das profissões que têm horários de trabalho irregulares, nunca devendo entrar em linha de conta para se realizar uma comparação com qualquer outra profissão.
O essencial é podermos usufruir de um salario de licenciado (que o somos na realidade).
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas March 21, 2009, 19:19:21
Esses suplementos de horários nocturnos nesta negociação vão ser preteridos, principalmente para adequar mais com o Código de Trabalho.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeirinho March 21, 2009, 21:33:32
Bem, eu só sei que SOU LICENCIADO E QUERO SER REMUNERADO COMO TAL, idependentemente do local onde trabalhe, horários e extras (que justamente deva receber).
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeirinho March 21, 2009, 22:05:41
Ahh e já agora, eu e uns colegas tivemos a iluminada ideia de arranjar um "grito de guerra", que com boa vontade até poderia ser considerada musica (mas só porque tem letra, já que o defice de afinanço é elevado). Procurem no youtube: lutando pela enfermagem ou através da hiperligação:
http://www.youtube.com/watch?v=EgcojutpxEM (http://www.youtube.com/watch?v=EgcojutpxEM)

[move:3u456vx2]Espero que gostem...  O0[/move:3u456vx2]

PS. estamos abertos a sugestões :)

Já agora a letra do refrão:
Querem tirar aos enfermeiros,
o que é nosso, o que é da gente,
Mas nada nos vai vencer,
com a união da gente.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Sergio Magalhaes March 21, 2009, 23:58:54
Querem tirar aos enfermeiros,
o que é nosso, o que é da gente,
Mas nada nos vai vencer,
Para a luta, EM FRENTE...


Que tal antes este refrão?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeiredo March 22, 2009, 00:38:43
E os sindicatos nos panfletos da luta por condições de trabalho, já deixaram cair a proposta/exigencia de que aos enfermeiros especialistas bastaria apresentar carteira profissional válida e com essa menção, e passariam a ser assim remunerados?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva March 22, 2009, 05:37:51
Ontem dia 21 de Março,os enfermeiros reunidos em Assembleia Geral da OE, no Porto, aprovaram uma moção intitulada
Moção sobre o exercício da profissão, estatuto e garantias dos enfermeiros
.

Apresentaremos o trecho onde se pode perceber qual o entendimento da OE face ao que está acontecer com a negociação da Carreira.

[...]
Paralelamente, mas não de menos importância, releva neste período a revisão da carreira de acordo com o novo quadro jurídico da Administração Pública, que afronta a dignidade dos enfermeiros e faz tábua rasa do histórico de competências dos enfermeiros gestores.
O quadro da actual realidade é de sinais contrários ao anunciado e prometido.
Às competências sobrepõe-se as conveniências, com permanentes atropelos ao papel imprescindível dos enfermeiros prestadores e gestores.
À qualidade sobrepõe-se os números, que escondem a inequidade.
Às dotações seguras, só exequiveis pelo ajustamento efectivo às horas de cuidados necessarias, possível de melhorar pelo crescente número de jovens enfermeiros, oferece-se o desemprego e a instabilidade.
[...]


O Conselho Directivo está agora mandatado a agir com os instrumentos que tiver ao seu alcance (e cujos princípios estão na moção aprovada), no sentido de pressionar o governo a tomar decisões sobre promessas politicas com implicações para a Saúde dos portugueses e do posicionamento da Enfermagem no Sistema de Saúde, que não tem cumprido.

A moção deverá estar online no site da OE, em breve.

Colegas, o ataque aos cargos de gestão (apesar da opinião que cada um de nós tenha acerca do histórico dos interesses defendidos por alguns enfermeiros gestores - chefes, supervisores e directores) é um atentado à autonomia funcional,  operacional e politica da profissão dentro do sistema de saúde.

A garantia da autonomia profissional faz parte do mandato social da OE, e por aí que a OE toma posição face às propostas do MS para a Carreira de Enfermagem.

É provável continuar a assistir a uma articulação de posições entre a OE e os Sindicatos da Enfermagem.


Carreira e Modelo de Desenvolvimento Profissional é um único pack. No site do SEP encontra-se um apeloao reforço da contestação baseado na não aprovação da alteração estatutária da OE (porque não foi submetido a apreciação em Conselho de Ministros). Ver http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/03/200309ncs.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/03/200309ncs.pdf)

@enfermeiredo

Consequentemente ao dito acima, não vi cair o reconhecimento da especialidade para fins de carreira. Último comunicado do SEP diz o seguinte, acerca das exigências para a nova proposta da tutela:

Nova Grelha Salarial com a consagração do leque salarial da Carreira Técnica Superior da Adm. Pública na categoria de Enfermeiro/ Enfermeiro Especialista;
Progressão de duas posições remuneratórias aos Enfermeiros, actuais e futuros, após a aquisição do título de Enfermeiro Especialista;

In http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/03/200309comu11.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/03/200309comu11.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 26, 2009, 18:27:34
se for para não me pagarem as horas de qualidade, aí estou eu a trabalhar num Centro de Saúde das 9 às 17 não tarda nada...
Ou entao, dão um subsídio qualquer, mais 200 ou 300 euros para quem está em escala...
Ando eu com os sonos todos trocados, a dormir mal, a perder momentos em que deveria estar era em casa com a familia, como o Natal e a passagem de ano, para receber o mesmo???
só nao digo o que me apetece agora porque é falta de educação...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Sergio Magalhaes March 27, 2009, 23:09:16
Já estão marcados os locais de concentração para o dia 3 de Abril.
Bragança – Praça Cavaleiro Ferreira (Largo da Taça) - 11:00
Vila Real – Largo Conde Amarante (em frente ao Governo Cívil) - 11:00
Viana Castelo – em frente à porta principal do Hospital - 11:00
Guimarães - em frente à porta principal do Hospital - 11:00
Braga – em frente à porta principal do Hospital - 11:00
Porto – em frente à porta principal do Hospital S. João - 11:00
Aveiro – em frente ao Hospital Infante D. Pedro - 11:00
Guarda – em frente à porta principal do Hospital S. Martins (USL Guarda) com conferência de imprensa- 11:30
Viseu – em frente à porta principal do Hospital São Teotónio - 11:30
Castelo Branco – frente ao Hospital Amato Lusitano - 11:30
Covilhã – em frente ao CHCB (Hospital da Covilhã) - 14:00
Coimbra – entrada do HUC, com conferência de imprensa - 11:30
Leiria – concentração H. Santo André, com conf. imprensa - 11:30
DIA 7 às 10:00 no Governo Civil, 11:30 conf de imprensa
Santarém – 11:30 – Hospital Santarém – Frente Portaria Principal
Lisboa – DIA 2 (18h-21h) – Vigília, em frente à ARSLVT, com conferência de imprensa
11h – Concentração de Enfermeiros, no Hospital de S. José (em frente à entrada virada para o Martim Moniz), com conf.
imprensa
Setúbal – DIA 2 (18h-21h) – Vigília, em frente à ARSLVT
Beja – Hospital José Joaquim Fernandes (Sede da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo), com conferência de imprensa – 11:30
Portalegre - em frente à porta principal do Hosp. de Portalegre - 11:00
Faro – Rotunda do H. de Faro – 11:00
Ponta Delgada – Portas da Cidade - 11:00 - com conferência de Imprensa - 11:30.

Espero lá encontrar muitos enfermeiros...
Não se esqueçam, nomeadamente quem está de folga ou descanso, OS DESMPREGADOS e os alunos (sim, pq esta carreira tb é para eles - basta pensar que se a carreira se aplicar a todos os enfermeiros e todos fizerem um horario de 35H em vez das 40H dos CIT sobraram 5H que alguém irá ter que colmatar...)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Daniel ops March 29, 2009, 22:55:16
Temos que marcar presença e estar nestas manifestações de desagrado e revolta!! Este é O MOMENTO decisivo para a nossa vida futura...
Não podemos deixar passar o "autocarro" só porque "não me da jeito" ou "não me apetece" pois consciencializêmo-nos de que não haverá mais autocarros em tempo útil!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio March 31, 2009, 12:34:34
ás 11 horas em frente ao martim moniz...
até calha bem, que eu estou a trabalhar...
se n houver nenhuma situação demasiado delicada para nao poder sair do serviço, as 11 lá estou...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva April 01, 2009, 17:41:11
Mais Detalhes aqui http://www.forumenfermagem.org/newsletter/newsletter-dedicadas-Marco2009-carreira4.htm (http://www.forumenfermagem.org/newsletter/newsletter-dedicadas-Marco2009-carreira4.htm)


A Greve vai em frente...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro April 01, 2009, 18:30:22
Já calculava que a ministra enviasse a contra-proposta nas vésperas da greve, mas espera alguma cedência por parte do ministério. A proposta é indecente.
Já agora, alguém sabe se esta proposta teve a participação dos famigerados 12 cavaleiros?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Pedro Godinho Ferreira April 01, 2009, 18:53:02
Mais uma maneira de tentar tapar o sol com uma peneira!

Sinceramente o Ministério deveria ter outro tipo de actuação com a Enfermagem.

Inacreditável esta proposta. . .
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo April 01, 2009, 20:51:19
O que perceberam da nova tabela salarial proposta?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro April 01, 2009, 22:12:15
Basicamente é igual à anterior só que começa nos €1200, suponho que os €995 é para o período experimental!!
Continuamos é na mesma em relação ao reposicionamento na nova carreira... acho eu?!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf.enf April 01, 2009, 22:40:57
alguem me explica os 995e?

e alguem me explica como o ingresso corresponde a 1200e e dp diz que os enf actuais mantem o mesmo vencimento na transição?


ou seja, quem entra ag ganha mais do que quem ja trab?

q confusão
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: jonah April 01, 2009, 22:53:14
POR FAVOR, ALGUEM ME AJUDE, PRECISO DA TABELA DE TRANSIÇÃO DAS POSIÇÕES REMUNERATÓRIAS DA CARREIRA ACTUAL PARA ESTA PROPOSTA DE PRENDA COM QUE A QUERIDA MINISTRA NOS BRINDOU PARA SABER ONDE ME POSICIONO.
SOU ENFERMEIRA CHEFE E DETENHO A REMUNERAÇÃO BASE DE 1.879.06.
NÃO PERCEBI SE PASSO A ENFERMEIRO PRINCIPAL OU SE ME MANTENHO NA CATEGORIA DA 437/91, MAS INDEPENDENTEMENTE DISSO, VOU FAZER GREVE PORQUE NÃO CONCORDO DE FORMA NENHUMA QUE O INGRESSO NÃO ESTEJA AINDA AO NIVEL DOS RESTANTES TECNICOS SUPERIORES DE SAÚDE.
TAMBÉM ME CONTINUA A FAZER MUITA CONFUSÃO O QUE QUEREM DIZER COM: h) "Realizar intervenções no apoio ao funcionamento da unidade ou serviço" - Artigo 6.º -Conteúdo funcional da categoria de enfermeiro.
VAMOS EM FRENTE COM ESTA LUTA. É AGORA, OU DEPOIS É TARDE. UMA COISA É CERTA, SOB PRESSÃO ESTA MINISTRA VAI RECUANDO.
LEMBREM-SE QUE SOMOS MUITOS. NÃO CHEGA FAZER GREVE, É PRECISO TAMBÉM ESTAR NAS CONCENTRAÇÕES. COLEGAS, SE FORMOS 100, AS TELEVISÕES NÃO FAZEM NOTICIA, MAS SE FORMOS 2000  O IMPACTO É DIFERENTE.
ESTA GREVE DEVE SER VISTA COMO UM INVESTIMENTO A MÉDIO PRAZO.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Roten_Boy April 01, 2009, 23:08:11
Há muitos Enf. Chefes a colocarem "Folga por compensação de horas" nos dias de greve..., que giro...  >:D

Mais 2 dias de luta, vamos a isso.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Trancinhas April 02, 2009, 00:49:46
Colegas...

Não percebo porque é que na Madeira não haverá uma concentração, já que os sindicatos estão todos unidos :S
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas April 02, 2009, 01:10:42
A proposta de carreira além de indecente é inconstitucional, visto que põe um periodo experimental superior ao consagrado no código do trabalho. Aliás, foi por este alargamento que o CT foi chumbado pelo tribunal constitucional.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva April 02, 2009, 04:35:04
: Zeus-electro
Basicamente é igual à anterior só que começa nos €1200, suponho que os €995 é para o período experimental!!
Continuamos é na mesma em relação ao reposicionamento na nova carreira... acho eu?!

A ser assim, e tendo como principio a operacionalização do Exercício Profissional Tutelado, estaremos perto de um factor de ponderação de 0,8 para o LEPT (licenciado em exercício profissional tutelado). É razoável e equilibrado, na minha perspectiva.
Mas se for, no âmbito de período experimental na instituição (integração sem garantias e desregulada), é um roubo a quem inicia funções com o título de enfermeiro na mão.


alguem me explica os 995e?
e alguem me explica como o ingresso corresponde a 1200e e dp diz que os enf actuais mantem o mesmo vencimento na transição? ou seja, quem entra ag ganha mais do que quem ja trab?
q confusão

Pois isso é rídiculo. Ou seja, eu trabalho há 10 anos e faço parte dos quadros da instituição (1149 eur brutos - 940 liquidos com horário sem suplementos). Se entrar para um jovem licenciado (ou seja com a mesma habilitação académica que eu detenho), teremos um paradoxo. Provavelmente poderei ter a responsabilidade de integrar um novo elemento, sendo que eu estarei a ganhar menos 50 euros do que ele (mesmo tendo mais 10 anos de experiência, e 9 anos na carreira se incluir os congelamentos). É por estas e por outras que o MS vai levar com a Greve em cima!


Há muitos Enf. Chefes a colocarem "Folga por compensação de horas" nos dias de greve..., que giro...

É pena que os Chefes só tenham ficado sensibilizados depois de lhes terem mexido directamente no estatuto.
Mas cheira-me que mal a ministra lhes devolva o estatuto de gestão operacional ameaçado, muitos voltam ao seguidismo que muitos nos têm habituado. Manter o tacho é, infelizmente, o principal objectivo de muitos invertebrados vendidos e incompetentes que por aí vemos.
Contudo, justiça seja feita aos Colegas-chefes e Directores que têm visão estratégica de classe e de politica de saúde, e que se colocam lado a lado com os seus pares. Isso é o que um Líder faz.

A proposta de carreira além de indecente é inconstitucional, visto que põe um periodo experimental superior ao consagrado no código do trabalho. Aliás, foi por este alargamento que o CT foi chumbado pelo tribunal constitucional.

Bem visto Caldas. Ou seja, à partida o MS envia esta proposta que na melhor das hipóteses não passa em termos jurídicos. Ou seja, mais um sinal de má vontade política. Querem empalear-nos até às eleições.
Ou então, segunda hipotese:o MS assumiu o Modelo de Desenvolvimento Profissional, logo na sua proposta aproxima a duração do período experimental ao que é preconizado para o EPT (exercicio profissional tutelado). Mas então,porque é que não é visível a mesma tendência de compatibilizar a carreira com o MDP no restante articulado da proposta?
É por esta e por outras.... que vão levar com a Greve em cima:
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo April 02, 2009, 09:51:57
E a transição para a nova tabela, como é feita?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro April 02, 2009, 12:48:58
Ao que tudo indica a transição é feita criando-se um novo escalão igual ao que se aufere presentemente, sendo que teremos de aguardar os restantes anos (até perfazer 5 anos) para transitar para o escalão seguinte da nova carreira, ou seja, trabalho há 12 anos e devido aos congelamentos, ainda estou no 1º escalão de graduado (€1.145,33), pelo que seria reposicionado no escalão "entre 13 e 14" (tal como já vem na minha folha de vencimento), depois terei de aguardar até completar 5 anos neste escalão para transitar para o escalão seguinte (€1200), o mesmo escalão em que dá início a nova carreira. Resultado... 12 anos de trabalho são pura e simplesmente ignorados e passarei a auferir o mesmo que um recém-formado que ingresse na carreira neste instante.

Não havendo congelamentos, estaria em breve a transitar para o 3º escalão de graduado, que sem sermos pagos como licenciados, seria bem mais do que virei a auferir na nova carreira e já como técnico superior!!!!

Resumindo... é só boas notícias!!!  :-
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: jonah April 03, 2009, 00:01:08
É pena que os Chefes só tenham ficado sensibilizados depois de lhes terem mexido directamente no estatuto.
Mas cheira-me que mal a ministra lhes devolva o estatuto de gestão operacional ameaçado, muitos voltam ao seguidismo que muitos nos têm habituado. Manter o tacho é, infelizmente, o principal objectivo de muitos invertebrados vendidos e incompetentes que por aí vemos.
Contudo, justiça seja feita aos Colegas-chefes e Directores que têm visão estratégica de classe e de politica de saúde, e que se colocam lado a lado com os seus pares. Isso é o que um Líder faz.

Ó COLEGA, TU ÉS EFECTIVAMENTE MUITO DESGRADÁVEL  E DUMA AGRESSIVIDADE EXAGERADA, QUE ME INCOMODA SOLENEMENTE.
NÃO SEI SE TENS NOÇÃO MAS PARA EU SER CHEFE TIVE QUE DAR PROVAS EM CONCURSOS PUBLICOS,(CONCURSO PARA GRADUADO, ESPECIALISTA, E PROVA DE DISCUSSÃO CURICULAR PARA CHEFE) TU NÃO SABES O QUE ISSO É. PORTANTO VOMITAS ESSE DISCURSO BAIXO E SEM NÍVEL. TENS QUE SER MAIS ADULTO E ADEQUADO PARA SERES RESPEITADO COMO PROFISIONAL DE ENFERMAGEM. A PALAVRA COMPREENSÃO DIZ-TE ALGUMA COISA??? NÃO ME PARECE...SABES, A CHEFIA DE ENFERMAGEM NÃO É UM CARGO, É UMA CATEGORIA, LOGO AO CONTRARIO DO QUE DIZES EU NÃO PRECISO DE ME VENDER PORQUE QUANDO HÁ CONFLITOS COM OUTROS PROFISSIONAIS, POR EXEMPLO, SOBRETUDO MÉDICOS (DIRECTORES DE SERVIÇO) QUE PASSAM O DIA A DIA A TENTAR "PÔR-NOS A PATA EM CIMA", EU DEFENDO SEMPRE, SEMPRE, SEMPRE A MINHA CLASSE PROFISSIONAL. Ó COLEGA QUANTAS VEZES FIQUEI SÓZINHA A ASSEGURAR O SERVIÇO PARA QUE OS CONTRATADOS E TAREFEIROS FOSSEM ÀS MANIFESTAÇÕES SINDICAIS... TU NÃO SABES O QUE DIZES. DESCULPA MAS SINTO QUE TINHA QUE TE DIZER ISTO. FIQUEM BEM.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: ruipintos April 03, 2009, 00:29:00
Cara colega Jonah, estou na profissão à relativamente pouco tempo (cerca de 6 anos) mas já deu para me aperceber que se calhar o contacto que o colega Zeus tem com os chefes enfermeiros, não será dos melhores tal como eu conheço chefes que a única coisa que interessa é ficarem bem com a administração. Isto não significando que todos são assim.
Acho essencialmente que se vive uma crise de valores na enfermagem com uns a tentar rumar para um lado e outros para o outro. Não é admissível, por exemplo, um enf. especialista em fim de carreira não faça greve um dia e outro já faz só pq não quer abarcar com o serviço todo. E colegas que ao fazerem greve têm que prestar quase a totalidade dos cuidados e por isso não fazem, não se apercebem que ao não fazerem vão estar a contribuir para que a percentagem de grevistas seja baixa.
Ou seja, se não lutarmos todos para uma greve em condições, isto não vai prá frente. E qd eu digo todos, é dos chefes até aos enfermeiros mais novos, não olhando aos dias remuneratórios que se perdem. E eu que o diga, que a minha esposa tb é enfermeira e tb faz greve. Assim, para o orçamento cá de casa são 4 dias de greve. Mas alguém que a fazer...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Daniel ops April 03, 2009, 00:39:47
Jonah... tens que entender o contexto...   :-
A revolta é grande, pelo momento que se vive, pelo que vemos à frente dos nossos olhos todos os dias, o atropelo que os enfermeiros sofrem, o desprestígio infligido e sentido...
O Pedrojosesilva não estaria a falar, pelo teu relato, de ti! Mas deves concordar que nem todos os que desempenham cargos de chefia, fazem o que deviam fazer: defender e desenvolver a Enfermagem. Uns porque, ao contrário de ti, estão onde estão por nomeação ao invés de concurso (e para estes a chefia é um cargo e não categoria), outros porque...enfim... não possuem força interior suficiente, não têm tomates ou pretendem atingir patamares superiores (infelizmente por nomeação!) à custa dos sacrifícios humanos e monetários dos colegas que apenas representam degraus para subirem...  >:(

E isto é revoltante ao ponto de se dizerem, à primeira vista, barbariedades que para quem lê sem pensar no contexto pode chocar... mas transmite apenas os sentimentos mais profundos...
Dou-te os parabéns pela conduta que dizes ter perante a equipa e classe!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeiredo April 03, 2009, 00:41:37
: jonah
POR FAVOR, ALGUEM ME AJUDE, PRECISO DA TABELA DE TRANSIÇÃO DAS POSIÇÕES REMUNERATÓRIAS DA CARREIRA ACTUAL PARA ESTA PROPOSTA DE PRENDA COM QUE A QUERIDA MINISTRA NOS BRINDOU PARA SABER ONDE ME POSICIONO.
SOU ENFERMEIRA CHEFE E DETENHO A REMUNERAÇÃO BASE DE 1.879.06.

Cara colega: quando pelos corredores do hospital vir a circular um jovem interno do segundo ano, fique sabendo que esse projecto de médico ganha o mesmo que a colega e pense se é justo.



Internato Médico
Escalão   Índice   Tempo Completo 42 H   V. Hora   Dedicação Exclusiva 42 H   V. Hora
2   95   1.882,78   10,34      
1   90   1.783,69   9,80                                  2.477,35              13,61

Mais informações em http://www.simedicos.pt/ (http://www.simedicos.pt/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Daniel ops April 03, 2009, 00:54:30
Que vergonha... >:(

E isto não é revoltante? Não apetece dizer umas carvalhadas???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.RuiPedro April 03, 2009, 03:18:26
Ola Colegas.

Ultimamente ja se vislumbram alguns sinais de união em Enfermagem - pena que só ultimamente - se assim não fosse o MS não teria as atitudes que teve humilhando a profissão e os profissionais em todas as 3 propostas de carreira ja apresentadas.

é preciso mais e melhor … é muito importante que cada um de nós MOBILIZE e esclareça o colega menos informado da importância do momento.


Muito do que hoje nos afronta Resultou do facto de a classe ter uma atitude muito permissiva, pouco esclarecida/ informada e espirito pouco reinvindicativo.

NÃO PODEMOS CONTINUAR A TOLERAR TANTO DESRESPEITO


 Reencaminhem a MENSAGEM

 Afixem nos serviços
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS April 03, 2009, 15:40:51
Encontrei este post num site e penso que é bastante apropriado...

O porquê da insatisfação da classe:

A regra de reposicionamento remuneratório é 10/10 e não 5/5 que depende de dotação orçamental que nunca houve nem vai haver, ou seja eu que ganho 1020, só daqui a 10 anos tenho a alteração de posição para os 1201, mas se me despedir e voltar a entrar já entro com 1201 e daqui a 10 anos passo para 1407. E desde quando as especialidades dão competências de gestão? Se eu tiver uma Pós-Graduação, Doutoramento, Mestrado ou qualquer especialização em Gestão, não serve para nada, mas se for Especialista de Saúde Mental ou Reabilitação já serve?
E os Enfermeiros que não exercem dentro do SNS, como os das Autarquias? E os que não estão na prestação de cuidados e exercem funções de Técnico Superior por exemplo na Administração Pública? E os das Forças Armadas? E os das Forças Policiais? E os do INEM, Bombeiros e dos serviços de Protecção Civil? E todas as Licenciaturas dão acesso à carreira de Oficial das FA, EXECPTO ENFERMAGEM? E se for Assistente Social ou Psicólogo posso chegar ao topo da carreira, mas sendo Enfermeiro tenho que tirar uma Especialidade (pago eu com o meu ordenado de 1020), ter 15 anos de carreira e esperar que abra um concurso? E qual é o impacto da formação pós-académica na progressão remuneratória?
E as unidades de Oncologia deixaram de ser penosas?
Afinal o que é que a carreira tem de especial exepto os vencimentos que são inferiores e a progressão que é quase impossível?
O meu recibo de ordenado vai dizer Técnico Superior-Enfermeiro como o dos Médicos, Psicólogos, Sociólogos, Arquitectos, etc...?
E já alguém reparou que além de não progredirmos para a nova tabela remuneratória, passamos a ganhar as horas de qualidade a 25%?
E as 42 horas, acabam?
50 anos (se for de 5/5, o mais provável é serem 100 anos) para chegar à posição 44?
E os Enfermeiros não têm assento no CA? Eu e a minha esposa juntos vamos perder cerca de 400 Euros no final do mês a partir de agora, tenho duas filhas pequenas, ando à procura dos tão famosos "duplos", sabem o que consegui arranjar? No LIDL a repôr prateleiras, e estou agradecido pelo menos é mais algum dinheiro?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS April 03, 2009, 16:29:30
POR FAVOR, ALGUEM ME AJUDE, PRECISO DA TABELA DE TRANSIÇÃO DAS POSIÇÕES REMUNERATÓRIAS DA CARREIRA ACTUAL PARA ESTA PROPOSTA DE PRENDA COM QUE A QUERIDA MINISTRA NOS BRINDOU PARA SABER ONDE ME POSICIONO.

Cara colega Jonah,
Se reparou bem no comunicado do SEP e na proposta enviada no dia 31/03/2009, quem transita para a nova carreira fica com a mesma remuneração. É por isso que ao contrario da anterior proposta esta vem sem anexo 2.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano April 04, 2009, 17:35:23
Penso que enquanto não apresentarmos , ou nos seja apresentada uma proposta que premeie o desempenho avaliado segundo a produtividade, não existe forma de tornar as reivindicações justas de parte a parte(parte dos profissionais, parte do "Sistema").

 Basear a avaliação na produtividade é a melhor forma de premiar o empenho individual em adquirir novas formações e ser bom profissional (prestador de melhores/mais eficazes/mais eficientes cuidados. Muito mais do que avaliações de desempenho baseadas em critérios mal definidos, subjectivos, dependentes da boa vontade ou até da antiguidade.

Mas isto é só a minha humilde opinião
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio April 07, 2009, 13:57:51
pois, mas isso da eficácia e eficiência nao sao coisas muito fáceis de definir na nossa profissão...
Nao sei se percebi bem a ideia, tenta ser um bocado mais específico, se puderes...
obrigado
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS April 16, 2009, 22:47:14
Alguém sabe alguma coisa sobre a reunião de ontem (15/04/09) com o ministério da saúde?
Quando digo "alguma coisa" quero-me referir a algo para além do que saiu na comunicação social em surgiram noticias referentes a uma abertura...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro April 16, 2009, 23:03:59
Sim... alguma novidade concreta?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano April 16, 2009, 23:49:01
: artur_gaio
pois, mas isso da eficácia e eficiência nao sao coisas muito fáceis de definir na nossa profissão...
Nao sei se percebi bem a ideia, tenta ser um bocado mais específico, se puderes...
obrigado

Como deves perceber são duas entidades diferentes mas que não são independentes... estamos a falar de eficácia e eficiência não é?

Poderíamos dizer que a eficiência é fazer as coisas da maneira certa e eficácia o resultado das coisas que fizemos.

Portanto falar de avaliar a eficiência seria perceber se fizemos as coisas certas, os cuidados certos numa determinada situação: se planeou devidamente a alta, se usou a técnica certa, se cumpriu o tempo indicado, etc. A eficácia seria avaliar os resultados disso mesmo... diminuição da mortalidade, do tempo de internamento, diminuição do reinternamento, aumento da satisfação do utente. Etc etc

Estás a ver mais ou menos?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro April 17, 2009, 00:01:40
Exemplo:
Encontras um doente em PCR e actuas de imediato com todos os teus conhecimentos de emergência e suporte avançado de vida de maneira irrepreensível, mas apesar de tudo, o paciente morre.

Resultado:
eficiência=100%
eficácia=0%
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva April 17, 2009, 12:32:11
Informação sobre a reunião de 15 de Abril, recebida por e-mail:


Cara(o) Colega

Depois da  reunião Negocial de 15.Abril (entre as 10h00 e as 13h00), seguiu-se reunião da Comissão Executiva toda a tarde e ontem, 16, foi reunião de Direcção Nacional.

A – A REUNIÃO NEGOCIAL

DECORRENTE DAS LUTAS QUE TEMOS DESENVOLVIDO, o Ministério da Saúde (MS) tem evoluído de posição. Registamos:

·Â                        - A aprovação do Modelo de Desenvolvimento Profissional/Alteração Estatutária da Ordem Enf. (9.Abril);

·Â                        - A importante evolução fixada nesta reunião negocial.

Contudo, o MS/Governo está muito longe de dar resposta e consagrar, em várias matérias, as justas soluções que reivindicamos.

1 – ÂMBITO DE APLICAÇÃO

O MS começou por propor 1 Decreto Lei (DL) de Carreira para “funcionários/CTFP” e 1 ACT para CITs; 5.Março: 1 DL de Carreira para CTFP e Actuais CITs e 2 ACTs (1 para CTFP e outro para CITs);

12.Março: 1 DL de Carreira para CTFP, Actuais e Futuros CITs (aos Futuros CITs não se aplicava a grelha salarial) e 2 ACTs (1 para CTFP e outro para CITs);

15.Abril: Governo está a estudar 1 DL e 1 ACT para CTFP e 1 DL e 1 ACT para CIT (EPEs e ParceriasPP), sendo os CONTEÚDOS (dos DLs e dos ACTs) IGUAIS;

MS vai remeter à CNESE Propostas de alteração aos Diplomas das EPEs e ParceriasPP.

CNESE continua a exigir: “1 Carreira e restantes matérias iguais para a Enfermagem inteira”.

2 – ESTRUTURA DE CARREIRA E DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL

O MS aceitou proposta sindical: i) Categoria de Enfermeiro: integra Enfermeiros e Enf.º Especialistas; ii) Categoria de Enf.º Gestor: enquadra o exercício de funções de gestão (gestão operacional/Serviços/Unidades Funcionais);

iii) Exercício de funções de “gestão transversal”/Departamentos/Unidades de Gestão (Enf.º Supervisor) é em comissão de serviço e são recrutados entre Enf.º Gestores; Acesso de Enfermeiro a Enf.º Gestor é por Concurso.

Aspectos que continuam em negociação: i) ajustamento dos conteúdos funcionais; ii) requisitos de acesso à Categoria de Enf.º Gestor; iii) método de selecção e questões relativas à comissão de serviço do Enf.º Supervisor (critérios de não renovação);

 iv) Regulamentação dos Concursos (ingresso e acesso) é em Portaria a negociar.

3 – ESTRUTURA E DESENVOLVIMENTO SALARIAL

MS clarificou: Posição 1 (Nível 11 = 995.51) é para os Enfermeiros do Exercício Profissional Tutorado (EPT). CNESE rejeitou.

Evoluir do Nível 12 = 1 047 para o Nível 15 = 1 201 (Início da Carreira Técnica Superior) para Ingresso; Evoluir do Nível 42 = 2 591 para o Nível 44 = 2 694 no topo da Categoria de Enfermeiro;

Evoluir do Nível 50 = 3 003 para o Nível 57 = 3 364 (topo da Carreira Técnica Superior) no topo da Categoria de Enf.º Gestor; Sendo positivo É ALTAMENTE INSUFICIENTE.

É TOTALMENTE INACEITÁVEL QUE:

·Â                                        - Os Enfermeiros licenciados não tenham a possibilidade de atingir o Nível 57, como os restantes licenciados da Administração Pública, na Categoria de Enfermeiro;

·Â                                        - MS proponha 11 Posições (Categoria de Enf.º) e regra de progressão igual às Carreiras Gerais (5/5 anos);

·Â                                        - MS não aceite mudança de 2 Posições Remuneratórias após a obtenção do Título de Enf.º Especialista. Diz que é um automatismo.

·Â                                       Sobre estas matérias remuneratórias, nós tomámos posição (desargumentando as propostas deles e avançando com as nossas) e o MS não reagiu, registou. Só reagiu em relação á progressão de 2 escalões dos especialistas,

·Â                                       abrindo uma “ligeira e incerta porta.”

4 – TRANSIÇÃO

É INADMISSÍVEL, agora com razões acrescidas (face à alteração da estrutura de Carreira), que o MS mantenha a sua Proposta de Transição. Exceptuando os actuais Enf.ºs Supervisores do 6º escalão que transitariam de imediato,

os actuais restantes Enf.ºs Supervisores e Chefes nunca transitariam para a nova Carreira (porque o aumento salarial que incidiria no actual vencimento de Chefes e Supervisores também incidiria no valor da Posição 1

de Enfermeiro Gestor. Logo nunca reuniriam condições para transitarem para a nova Carreira. Eles só registaram, não reagiram.

Apesar de ter retirado da mesa negocial a sua Proposta de Grelha Salarial Transitória, É INTOLERÁVEL que, na Transição para a nova Carreira, o MS pretenda manter a actual remuneração dos Enf.ºs (aplicar regra do Regime das Carreiras Gerais).

5 – DURAÇÃO E ORGANIZAÇÃO DO TEMPO DE TRABALHO

Sobre esta matéria (regimes de trabalho, regras de organização do trabalho/horários, pagamentos) e com a sua Proposta, o MS pretendia remeter os Enfermeiros para o Regime Geral

(Regime de Contrato de Trabalho em Funções Públicas/RCTFP – Lei 59/2008).

MS aceitou a não remissão para o Regime Geral e a consagração dum Regime Específico. CNESE ficou de apresentar Proposta.

6 – AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO

Apesar de afirmar pretender um Regime Especifico para os Enfermeiros, com a sua Proposta, o MS remetia-nos para o SIADAP até à existência do citado Regime Especifico.

MS aceitou fixar as bases do Sistema Específico no DL, decorrente da discussão do Grupo de Trabalho.

Entre 20 e 24.Abril MS vai agendar a 1.ª reunião do Grupo de Trabalho, que inclui dirigentes da CNESE.

 

B) PERSPECTIVAS DE TRABALHO

 - Ficaram de hoje, dia 17, remeter à CNESE: i) As Actas, ii) as Propostas de alteração dos tais DL das EPEs e Parcerias Público-Privadas

 - CNESE ficou de remeter Propostas

 - A 24.Abril (sexta) MS ficou de remeter nova Proposta à CNESE (com as alterações que se fixaram na reunião de 15 e alterações de coisas que daí decorram), incorporando já as nossas propostas/ou não.

A 27.Abril (segunda) – nova reunião negocial

 

Entre outros aspectos, porque a CNESE continua a exigir:

1 – Regulação da Área da Assessoria (Risco, Qualidade, Controle e Infecção Hospitalar, etc)

2 – Estrutura Salarial:

2.1 - Posição 1 e restante estrutura salarial devem reflectir os reconhecidos deveres especiais a que estão sujeitos os Enfermeiros (Carreira Especial) e a reconhecida penosidade inerente ao exercício de funções;

2.2 - Enfermeiros com o grau académico de licenciado devem ter a possibilidade de, na Categoria de Enfermeiro e no decurso da sua vida profissional activa, atingir o Nível 57;

2.3 - Enfermeiros com a Categoria de Enfermeiro Gestor devem desenvolver-se em posições remuneratórias seguintes à posição 57;

2.4 - O exercício de funções de Enfermeiro Supervisor deve conferir direito a um acréscimo remuneratório correspondente a 50% da Posição 1 da Categoria de Enfermeiro.

3 – Mudança de Posição Remuneratória:

3.1 – Regras específicas de progressão;

3.2 – Progressão de duas posições remuneratórias aos Enfermeiros, actuais e futuros, após a aquisição do título de Enfermeiro Especialista.

4 – Princípios gerais de Transição

4.1 - Os Enfermeiros integrados na actual Carreira de Enfermagem devem transitar (todos) para a nova Carreira e manter as actuais Categorias de que são detentores e o inerente exercício de funções;

4.2 – Regras específicas de transição que valorizem de imediato, a formação de Licenciado;

4.3 - Os Enfermeiros integrados na actual Carreira de Enfermagem e não detentores do grau académico de Licenciado não devem ter o mesmo enquadramento/desenvolvimento salarial que os restantes;

4.4 – Contagem de todo o tempo de serviço para todos os efeitos legais;

4.5 – Direito ao descongelamento de escalões na actual Carreira, desde 2008 e antes da transição.

A DIRECÇÃO NACIONAL DECIDIU COLOCAR EM MARCHA MAIS UMA ACÇÃO DE PRESSÃO/LUTA

DIA 12 DE MAIO – DIA INTERNACIONAL DO ENFERMEIRO – Dia de Comemoração, de Exigência e de Luta

FAZEMOS GREVE (Turnos da MANHÃ e TARDE) E MANIFESTAÇÃO NACIONAL DA ENFERMAGEM PORTUGUESA, A PARTIR DAS 14H30

Cara(o) Colega

ESTAMOS NA FASE CRUCIAL DO PROCESSO. É determinante que todos nós façamos um esforço acrescido de atenção à Informação, ao Esclarecimento e Mobilização dos colegas do Serviço.

Atrevemo-nos a referir que, participar empenhadamente neste processo, estruturante para vários anos, constitui um dever cívico e uma obrigação profissional, pelo que representa para a Enfermagem Portuguesa e para TODOS os ENFERMEIROS

Cumprimentos

José Carlos martins


Comentários:


Penso que devemos lutar pela transição imediata, pois levamos mais de 9 anos (é o meu caso) a ganhar como bachareis, sendo licenciados. Daí que a greve de 12 de Maio se justifica, num quadro de pressão em que o tempo está a contar contra nós.

Quanto á vinculação salarial do índice 11 aos licenciados em exercicio profissional tutelado (LEPT), ao contrário da posição da CNESE, não me parece longe do que será razoável. Ou seja, um LEPT deverá auferir um montante que seja produto do factor de ponderação para o rácio do serviço (imaginem 0,8 sendo que 1 é valor atribuido a um enfermeiro). Este factor de ponderação será multiplicado pelo valor do salário em inicio de carreira (imaginem que seja à volta de 1200 euros).
Por isso,um valor próximo dos 1000 euros para um LEPT a trabalhar 35 horas, parece-me próximo das expectativas da classe. De lembrar que no final do período de EPT, é feita uma certificação de competências que se for positiva atribui o título de enfermeiro ao LEPT. A partir daí, esse profissional só poderá auferir um salrio ao nível da entrada na carreira (índice 15?)
Estarei enganado?
Esperemos que os Sindicatos revejam a sua posição, ou então que apresente os argumentos para a sua rejeição,pois não estamos em posse de todas as informações. Neste capitulo, parece-me que o MS esteve bem.

Quanto á progressão de 2 escalões para quem possuir o título de enfermeiro especialista, é importante perceber que é uma das pedras basilares para que o Modelo de Desenvolvimento profissional tenha condições de avançar. Um modelo que apela á formação continua, e ao aperfeiçoamento e desenvolvimento de competências, necessita de ter por detrás factores de motivação para que os enfermeiros vejam a especializaçãocomo o caminho natural a seguir, em termos remuneratórios e funcionais.
Estamos perante um cenário em que são os enfermeiros que custeiam a sua formação de especialidade para além dos sacrifícios pessoais e familiares que um percurso formativo obriga. Se esta formação não tiver repercusões no upgrade funcional e salarial dos profissionais, dificilmente teremos a dinâmica necessária para que a profissão adira em força ao novo modelo de desenvolvimento profissional que a Ordem tem estado a trabalhar.
Este motivo, por si só, é suficiente para justificar a pressão que tem de ser exercida junto do MS.

Por último, e claramente um factor estruturante da profissão,é continuarmos a defender que todos os enfermeiros (CTFPs e CITs) tenham acesso a regras de carreira iguais, pois trabalham ambos nos mesmos locais, e que estas regras se tornem referência para o sector privado de forma a combater a desqualificação e degradação que é patente nas ofertas de emprego que nos vão chegando.

Oportunamente, e como temos feito até aqui, divulgaremos a todos os membros registados no FE, as conclusões da reunião de 15 de Abril e acções futuras propostas para Maio.

Abraço, Pedro
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr April 17, 2009, 12:50:47
Temos que continuar a lutar  ;D :D!!!

12 de Maio greve! Excelente!

Como para a luta é essencial a informação, aproveito para deixar os primeiros resultados do questionário "Empregabilidade em Enfermagem" (http://www.forumenfermagem.org/forum/in ... ttach=1350 (http://www.forumenfermagem.org/forum/index.php?action=dlattach;topic=4215.0;attach=1350)).

Aproveito ainda para informar que o questionário ainda se encontra aberto, tendo já 434 respostas. Quem ainda não participou, faça-o em http://empregabilidadeemenfermagem.pt.vu (http://empregabilidadeemenfermagem.pt.vu)

Cumprimentos a todos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro April 17, 2009, 13:05:42
: pedrojosesilva
Comentários:


Penso que devemos lutar pela transição imediata, pois levamos mais de 9 anos (é o meu caso) a ganhar como bachareis, sendo licenciados. Daí que a greve de 12 de Maio se justifica, num quadro de pressão em que o tempo está a contar contra nós.

Quanto á vinculação salarial do índice 11 aos licenciados em exercicio profissional tutelado (LEPT), ao contrário da posição da CNESE, não me parece longe do que será razoável. Ou seja, um LEPT deverá auferir um montante que seja produto do factor de ponderação para o rácio do serviço (imaginem 0,8 sendo que 1 é valor atribuido a um enfermeiro). Este factor de ponderação será multiplicado pelo valor do salário em inicio de carreira (imaginem que seja à volta de 1200 euros).
Por isso,um valor próximo dos 1000 euros para um LEPT a trabalhar 35 horas, parece-me próximo das expectativas da classe. De lembrar que no final do período de EPT, é feita uma certificação de competências que se for positiva atribui o título de enfermeiro ao LEPT. A partir daí, esse profissional só poderá auferir um salrio ao nível da entrada na carreira (índice 15?)
Estarei enganado?
Esperemos que os Sindicatos revejam a sua posição, ou então que apresente os argumentos para a sua rejeição,pois não estamos em posse de todas as informações. Neste capitulo, parece-me que o MS esteve bem.

Quanto á progressão de 2 escalões para quem possuir o título de enfermeiro especialista, é importante perceber que é uma das pedras basilares para que o Modelo de Desenvolvimento profissional tenha condições de avançar. Um modelo que apela á formação continua, e ao aperfeiçoamento e desenvolvimento de competências, necessita de ter por detrás factores de motivação para que os enfermeiros vejam a especializaçãocomo o caminho natural a seguir, em termos remuneratórios e funcionais.
Estamos perante um cenário em que são os enfermeiros que custeiam a sua formação de especialidade para além dos sacrifícios pessoais e familiares que um percurso formativo obriga. Se esta formação não tiver repercusões no upgrade funcional e salarial dos profissionais, dificilmente teremos a dinâmica necessária para que a profissão adira em força ao novo modelo de desenvolvimento profissional que a Ordem tem estado a trabalhar.
Este motivo, por si só, é suficiente para justificar a pressão que tem de ser exercida junto do MS.

Por último, e claramente um factor estruturante da profissão,é continuarmos a defender que todos os enfermeiros (CTFPs e CITs) tenham acesso a regras de carreira iguais, pois trabalham ambos nos mesmos locais, e que estas regras se tornem referência para o sector privado de forma a combater a desqualificação e degradação que é patente nas ofertas de emprego que nos vão chegando.

Oportunamente, e como temos feito até aqui, divulgaremos a todos os membros registados no FE, as conclusões da reunião de 15 de Abril e acções futuras propostas para Maio.

Abraço, Pedro

Estou de acordo que o vencimento para o LEPT não será de todo descabido. Se entretanto conseguirem "puxar" isso para os €1047, tanto melhor. Agora o que não entendo, é a transição para a nova carreira. Sendo que quem já trabalha há uns anos e no entanto aufere menos de €1200, qual será a posição remuneratória na nova carreira? Passamos para o nível 15 e ingressamos novamente na carreira de enfermagem??? E os 12 anos de trabalho que já levo? São pura e simplesmente ignorados?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo April 18, 2009, 15:06:59
Pois...os sindicatos estão a lutar para que possamos progredir, mas acho dificil o governo abrir os cordões à bolsa.
Temos que lutar com toda a garra agora...é agora ou nunca!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha April 18, 2009, 15:39:12
tenho uma dúvida que gostaria que alguém me esclarecesse...
é que as horas extras e os suplementos são pagos de acordo com o valor hora do salário que auferíamos em Agosto de 2005. Estou enganado?
se não estou, a minha dúvida é se depois da nova carreira sair se vamos continuar a ganhar dessa maneira? Porque até faz uma diferença substancial!

um bem haja a todos
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS April 27, 2009, 23:19:04
Negociação de hoje em:
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... cado15.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/04/comunicado15.pdf)
http://doutorenfermeiro.blogspot.com/ (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC April 28, 2009, 02:22:27
Está marcada nova reunião negocial para dia 7 de Maio, quase em vésperas da grande manifestação. É da mobilização que estiver em curso para a manif, com inscrições nos transportes, que podemos fazer pressão para que já haja novas cedências nesta reunião (porque o MS tem tudo controlado e eles sabem a movimentação que existe no terreno). A grande participação no próprio dia 12 é que vai determinar as reuniões até ao fim das negociações, que já não devem demorar. A ministra já tinha referido que queria acabar tudo em finais de Maio.
É preciso um grande MANIFESTAÇÂO. Vai ser a maior de sempre. Quem não participar vai ficar com pena de não ter estado numa acção histórica.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS May 02, 2009, 17:07:53
CUIDADO COM A TRANSIÇÃO:

Proposta do ministério:
Artigo 20º
Reposicionamento remuneratório
Na transição para a carreira especial de enfermagem os trabalhadores são reposicionados
nos termos do artigo 104º da Lei nº 12-A/2008, de 27 de Fevereiro.

Artigo 104º da Lei nº 12-A/2008, de 27 de Fevereiro:
Artigo 104.º
Reposicionamento remuneratório
1 - Na transição para as novas carreira e categoria, os trabalhadores são
reposicionados na posição remuneratória a que corresponda nível remuneratório cujo
montante pecuniário seja idêntico ao montante pecuniário correspondente à
remuneração base a que actualmente têm direito, ou a que teriam por aplicação da
alínea b) do n.º 1 do artigo 112.º, nela incluindo adicionais e diferenciais de integração
eventualmente devidos.
2 - Em caso de falta de identidade, os trabalhadores são reposicionados na posição
remuneratória, automaticamente criada, de nível remuneratório não inferior ao da
primeira posição da categoria para a qual transitam cujo montante pecuniário seja
idêntico ao montante pecuniário correspondente à remuneração base a que
actualmente têm direito, ou a que teriam por aplicação da alínea b) do n.º 1 do artigo
112.º
3 - No caso previsto no número anterior, os trabalhadores, até ulterior alteração do
posicionamento remuneratório, da categoria ou da carreira, mantêm o direito à
remuneração base que vêm, ou viriam, auferindo, a qual é objecto de alteração em
idêntica proporção à que resulte da aplicação do n.º 4 do artigo 68.º
4 - Considera-se termo inicial do reposicionamento remuneratório referido nos
números anteriores a data da entrada em vigor do RCTFP, independentemente do
tempo de serviço que os trabalhadores tenham prestado no escalão e índice em que
se encontravam colocados ou em posição a que corresponda a remuneração base
que vêm, ou viriam, auferindo.

Ou seja,

CONTINUAMOS A GANHAR O MESMO...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio May 07, 2009, 11:13:56
alguem já sabe alguma coisa da reunião de hoje? a que horas era?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.RuiPedro May 07, 2009, 15:52:40
Caros Colegas, Enfermeiros e Enfermeiras, actuais e futuros, este é sem sombra de dúvidas o Momento da Enfermagem mostrar o seu descontentamento. Estaremos todos conscientes disso? Resposta: Nem todos.

- “é FUNDAMENTAL QUE TODOS os Enfermeiros se Envolvam, Mobilizem e Participem” Activamente nas formas de Luta decretadas pelos sindicatos.
Considero que a jornada de Luta e comemoração do Dia 12 de Maio É FULCRAL para as Negociações.

Pessoalmente tenho +-3 anos de Profissão, não sou Sindicalista, (sou apenas Sindicalizado desde à +-3 Anos) - Procuro ser mais um Enfermeiro Atento, Interessado e quero Dar o Meu contributo à Enfermagem/ Enfermeiros e aos Utentes.
Desagrada-me Profundamente que Alguns Colegas nossos não estejam Minimamente Informados. Estive presente nas 3 Manifestações anteriores e estarei também nesta - Espero ver Muito mais que 3000 Enfermeiros. Todos a Lisboa mostrar a Força da Enfermagem. Os que trabalham nesse dia: Irão certamente Saber estar em Greve e Mostrar o descontentamento no local de trabalho.

Aproveito também para louvar o trabalho que tem sido desenvolvido pelos Sindicatos - para mim estão de parabéns. A união demonstrada entre as varias estruturas sindicais dos Enfermeiros na defesa de princípios (dos quais não podemos abdicar nesta negociação) é de enaltecer.

Todos Temos o Dever de Dar o nosso contributo para com a profissão e os profissionais.

Cordiais Saudações a todos.

Encontramos-nos em Lisboa dia 12 de Maio.

Inscrevam-se o mais depressa possível - para que os Sindicatos possam Organizar o transporte e comprar o mantimento para Todos (gratuitos).

Esta Manifestação é Também uma Excelente Oportunidade para Marcar Encontros com Colegas de Curso e Recordar os Bons Velhos Tempos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS May 07, 2009, 18:59:05
A farsa continua…
Mas desta vez o ministério não escondeu ao que vinha.
ACABOU-SE A BRINCADEIRA…
Desonestos, desvinculam-se de compromissos antes assumidos…VERGONHA.
Vão a http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... 509ncs.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/05/070509ncs.pdf)
e vejam o resultado da reunião de hoje.
E agora (para quem ainda anda adormecido) vale a pena fazer alguma coisa? vale a pena ir à manifestação?
Será que é desta vez que se vão levantar do sofá e fazer alguma coisa para que a situação mude?
Não duvidem que este recuo na negociação, por parte do ministério, não é inocente. A falta de adesão à manifestação de dia 12, diz-vos alguma coisa?…
Já agora, quantos de vós, vão, alegremente ao encontro de estudantes a realizar em breve, fazendo inclusive trocas e baldrocas, e não mexeram um dedo quando se falou em manifestação?
Mani…quê?…
SE NÃO SOMOS NÓS, ENFERMEIROS, A FAZER ALGO ASSEGURO-VOS QUE OUTROS NÃO O FARÃO POR NÓS.
A RESPOSTA TEM QUE SER DADA NO DIA 12…MACIÇAMENTE.
MAIS GREVES, AINDA ESTE MÊS…OU OUTRAS FORMAS DE LUTA QUE SE ENCONTREM MAIS ADEQUADAS…
FAÇAM SUGESTÕES…
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro May 07, 2009, 19:55:01
Já o disse por mais do que uma vez, parem os BO, consultas e CS durante uma semana. Só assim temos impacto. Não vale a pena fazer greve nos internamentos, não tem visibilidade por causa dos serviços mínimos.

Os restantes enfermeiros (dos internamentos e serviços que obriguem a serviços mínimos) fazemos greve de zelo. E para que os colegas que fazem greve não sejam prejudicados no seu vencimento, os sindicatos ou até mesmo todos nós, os restantes enfermeiros podíamos comparticipar e ajudar a minimizar o prejuízo. Esta luta é de todos nós, e para isso não me importava de contribuir para ajudar um colega grevista, que no fundo está a lutar por todos os outros.

Para os restantes, a greve de zelo pode ter tanto ou mais impacto como uma greve normal. Forçando tudo a funcionar de acordo com os protocolos e normas, pode ser tão ou mais paralisante como a falta de um ou dois elementos num turno.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.RuiPedro May 07, 2009, 20:02:22
Concordo Plenamente com o Colega CAS.

O Ministério da Saúde brinca com os Enfermeiros - desde o inadmissível arrastamento do processo negocial, às Injustas, Desonestas e Ofensivas Propostas de Carreira que nos Apresenta.

MAS: Brinca na minha Opinião porque nós Enfermeiros Deixamos - Como o Colega CAS referiu Ainda anda Muito Enfermeiro Adormecido). Acreditem vale a pena ir à manifestação e participar nas restantes formas de luta

Se se verificar Falta de Adesão à Manifestação de dia 12 de Maio próximo - O Governo conta-nos Uma história

Como podem constatar no Site do SEP o Ministério da Saúde veio Hoje propor que a Carreira em negociação apesar de se aplicar [s:1rqv8nrw]a todos os enfermeiros, independentemente do vínculo laboral[/s:1rqv8nrw], a GRELHA SALARIAL proposta NÃO SE APLICARÁ AOS ENFERMEIROS COM CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO o que significa que o Ministério da Saúde pretende continuar a patrocinar a exploração de mão de obra qualificada que já hoje existe nos Hospitais EPE. Entre muitas outras - ou melhor Todas as outras propostas Desonestas que estão nitidamente Muito Longe de Valorizar e Reconhecer os Saberes que a Enfermagem detém.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.RuiPedro May 07, 2009, 20:04:57
O texto que ficou Riscado pretendia apresentá-lo a sublinhado "a todos os enfermeiros, independentemente do vínculo laboral"
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva May 08, 2009, 00:23:37
Já seguiu mailing massivo a todos os membros do FE, com as conclusões da reunião de ontem dia 7.

A Manifestação de dia 12 tem de ser bastante participada. Estamos num braço de ferro com o Ministério.

Espero que estejamos todos á altura das circunstâncias, e que haja uma forte adesão à greve e manifestação.

A Manifestação é importante para a mediatização da nossa reivindicação.

Lá estaremos, como na última.

Cumprimentos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys May 08, 2009, 01:24:01
"Piquenos", não compreendo uma coisa...
Vocês aqui, dizem que fazem, matam, esfolam e esganam...Mas depois na prática,  no "terrenozinho" do nosso dia a dia, muitos de vós não faz greve (dizem: "já ganhamos pouco, é pá estes trocos dão jeito"), criticam os sindicatos ("aqueles tipos é só passearem, já nem sabem o que é ser enfermeiro") e não comparecem às manifestações.
É já tempo da enfermagem lutar por aquilo que merece e tem direito. Mas se uns remarem para um lado e os outros fizerem que remam, o barco não sai do sítio e começa a meter água até que vai ao fundo.
Eu sei que muitos se vão revoltar com o que eu escrevi, é obvio que este recado não é para todos, pois muita boa gente luta para dignificar a enfermagem.
Mas se não queremos ver uma "Pediatrazita" a dar cabo do que é nosso por direito, arregacem as mangas, e no dia 12 vamos á luta...

ESTOU FULA...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 May 08, 2009, 13:03:15
: herys
(...)

ESTOU FULA...


Vai umas batatas fritas? ;) Nada como um pouco de sentido de humor para quebrar o gelo.

Sem dúvida a situação tem vindo a arrastar-se por mais tempo do que o que era pretendido, contudo já há muitos anos que esta posição tinha que ser tomada, logo após o conseguimento da nossa Licenciatura, pois como licenciados deveria-mos logo de início reinvindicar e estabelecer normas e directrizes tal como outras Licenciaturas o fizeram, mas ao invés ficamos parados e 10 anos depois estamos a lutar...foi a Enfermagem que habituou mal Governo e Ministérios, os mesmos aos quais agora finalmente reinvindicamos direitos e estabelecemos normas, directrizes e tudo mais que está em cima da mesa neste momento a ser debatido. Vamos tarde, mas vamos e esta batalha tornou-se por si só numa guerra, portanto todos os soldados (nós enfermeiros) são necessários cada um na sua valência, local e meios, mas todos temos que fazer por nós e pelos outros todos que estão na mesma situação, porque temos que nos convencer duma coisa, a asneira maior já foi feita no passado e nada adianta apontar dedos, temos é que lutar agora e não cometer os mesmos erros do passado e tal como dizia, temos que todos nos convencer duma coisa duma vez por todas, estamos todos no mesmo barco e somos todos enfermeiros, por isso aqueles que se dedicam apenas a olhar para o próprio umbigo levantem a cabeça e olhem melhor à vossa volta, porque se estivermos à deriva vocês todos também estão, afinal de contas, somos todos enfermeiros...ou não?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.RuiPedro May 08, 2009, 13:04:47
Informação Recebida hoje por mail.

Olá a todos
Este mail JÁ FOI PARA CONSELHO NACIONAL e é de divulgação geral

A ? Reunião negocial entre CNESE e MS a 7.Maio.2009

Depois de na última reunião, tendo em conta a forma como decorreu e as aproximações registadas, que a CNESE publicamente valorizou, esperava-se que esta reunião seguisse o mesmo caminho. Assim não aconteceu. Em termos globais podemos dizer que esta reunião negocial foi um DESASTRE por ausência de decisão e evolução de posições por parte do MS.

1 ? Questões Salariais

O MS AFIRMOU QUE AINDA NÃO TEM NOVAS POSIÇÕES PARA AVANÇAR NESTA REUNIÃO. NADA ESTÁ FECHADO. TUDO CONTINUA EM ABERTO.

A CNESE manifestou ser inadmissível e que os Enfermeiros não tolerarão a manutenção e aprofundamento da discriminação salarial que o MS e Governo estão a promover. CNESE reafirmou as suas posições e realçou os factos:

A ? Estrutura salarial

·         CNESE reafirmou a sua TOTAL DISCORDÂNCIA com a proposta do MS: i) de manter o inicio no Nível 15 = 1201, 48; o topo da categoria de Enfermeiro no Nível 44; iii) e 10 Posições remuneratórias (?escalões?). CNESE reafirmou ser inadmissível que, até ao momento, o MS e Governo não apresentem qualquer justificação para a discriminação a que pretendem sujeitar os enfermeiros quando comparados com outras (propostas de) Carreiras Especiais de Licenciados. Por exemplo:

o       Todos os Licenciados da Administração Pública (actual Carreira Técnica Superior) têm a possibilidade de atingir o Nível 57 (enfermeiros Nível 44)

o       Por proposta do Governo, na Carreira Especial de Inspector (licenciados) o inicio é o Nível  20 = 1 458,94 (enfermeiros Nível 15)

o       Na Carreira dos Professores o inicio (1 518) corresponde sensivelmente ao Nível 21 (enfermeiros Nível 15)

Para a carreira Docente Universitária o Governo/MCTE está a propor o Regime de Exclusividade.

O 1.º Ministro tem que justificar fundamentadamente as discriminações que pretende impor aos enfermeiros

B ? Desenvolvimento salarial

·         CNESE reafirmou a sua TOTAL DISCORDÂNCIA com a proposta do MS: i) ?Progressão nos escalões? de 5 em 5 anos; ii) Manutenção de 10 ?escalões?. Tudo articulado e regra geral, a generalidade dos enfermeiros só ao fim de 45 anos de exercício (!!??) é que atingiriam o topo.

·         A CNESE reafirmou a sua exigência de ?progressão nos escalões? (Inferior aos 5/5 anos), sendo que o Governo/MEducação já abriu um precedente para Carreira dos professores: Propôs, em Abril/2009, a ?progressão em alguns escalões? de 4/4 anos.

C ? Transição para a nova Carreira

·         CNESE reafirmou a sua TOTAL DISCORDÂNCIA com a proposta do MS: i) Não concorda que na transição para a nova Carreira os Enfermeiros MANTENHAM o mesmo salário; ii) Não concorda que, da área da Gestão, apenas transitem para a nova Carreira os Supervisores do último escalão e os restantes sejam mantidos em Categorias Subsistentes. Ou seja, para os actuais Enfermeiros Chefes e Supervisores o MS mantém a proposta de permanecerem na grelha salarial da actual Carreira até que atinjam a remuneração da Posição 1 da categoria de Enfermeiro Gestor da nova Carreira (Nível 44 da futura grelha), QUE, NA REALIDADE NUNCA IRÁ ACONTECER. Ou concorrerem a novo concurso para a categoria de Enfermeiro Gestor da nova Carreira, o que é profundamente INJUSTO tendo em conta que estes enfermeiros já se sujeitaram a concursos para ter acesso a qualquer uma daquelas categorias. É INTELECTUALMENTE DESONESTO.

·         A CNESE reafirmou as suas exigências: i) Exige que TODOS os enfermeiros transitem para a nova Carreira, tratando-se primeiro da transição para as respectivas áreas funcionais; ii) Exige que os Enfermeiros TENHAM GANHOS SALARIAIS IMEDIATOS na transição salarial para a nova Carreira; iii) Exige a clarificação do direito à progressão nos escalões da actual Carreira; iv) Exige soluções que evitem injustiças Relativas na transição salarial.

2 ? Estrutura e desenvolvimento profissional

·         Designação de Enfermeiro Gestor - pretende encontrar uma nomenclatura redutora da exigência das funções que estes enfermeiros vão exercer.

·         volta a propor a introdução de um artigo sobre os deveres dos enfermeiros quando já tinha aceite retirar tendo em conta que os deveres dos enfermeiros decorrem do seu Código Deontológico e do Regulamento do Exercício Profissional.

·         Face à Contraproposta de Conteúdos Funcionais apresentada pela CNESE, o MS vai reapresentar nova proposta na semana de 11 a 15

·         Face à Contraproposta apresentada pela CNESE relativamente ao Enfermeiro Gestor Principal/Sénior, o MS vai ponderar.

3 - Quanto ao âmbito da aplicação da Carreira

O MS voltou à Proposta absurda e inadmissível: Apesar da Carreira aplicar a todos os enfermeiros, independentemente do vínculo, a GRELHA SALARIAL NÃO SE APLICARÁ AOS ENFERMEIROS COM CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO. Significa que o MS pretende continuar a patrocinar a exploração de mão de obra qualificada que já hoje existe nos Hospitais EPE?s. MS vai apresentar Proposta de Diploma (alteração ao DL 233/2005, das EPEs) na semana de 11 a 15.

4 ? Duração e organização do Tempo de Trabalho (Horários/Complementos)

Será matéria a discutir na próxima reunião.

PRÓXIMA REUNIÃO NEGOCIAL A 20 DE MAIO

Neste contexto, de indefinição, de recuo e de ponderação ?sem fim à vista?, reafirma-se o apelo para que os colegas participem e mobilizem outros, no próximo dia 12 de Maio, para a Greve e Manifestação (que se deslocará do Ministério da Saúde ? 14h30 -  para a residência oficial do Primeiro-Ministro).

B ? Nota:

1 ? Avaliação do Desempenho

·         MS ficou de enviar base de trabalho até 8.Maio. Próxima reunião do Grupo de Trabalho CNESE/MS a 13.Maio.

Fonte SEP


Caros colegas aquilo que contar no Decreto de Lei da Nova Carreira (actualmente em Negociação) será determinante para o futuro da profissão e para o nosso futuro enquanto profissionais.
Nesta reunião Negocial, na minha opinião, o Ministério decidiu ficar na expectativa - ver o que a Greve e a Manifestação vão dar. Só depende de nós - daquilo que Fizermos ou deixarmos por fazer.

- Esta é a hora de Lutar / Demonstrar o tamanho do nosso descontentamento, que é geral, só temos é que manifestá-lo.

Saudações
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Enf.RuiPedro May 08, 2009, 13:26:12
Caros Colegas,
PARA ALCANÇARMOS OS OBJECTIVOS TEMOS QUE CONTINUAR A LUTAR!
A DISPONIBILIDADE de TODOS para virem à MANIFESTAÇÃO NACIONAL, É DE CRUCIAL
IMPORTÂNCIA. ESTE É O MOMENTO E PERANTE ELE NÃO PODEMOS FICAR PASSIVOS.
OS SINDICATOS DISPONIBILIZAM AUTOCARROS PARA QUE O DIA 12 SEJA UM GRANDE DIA DE
MANIFESTAÇÃO DO DESCONTENTAMENTO QUE SENTIMOS.
VEM! ESTA É UMA LUTA DE TODOS E PARA TODOS O FUTURO SERÁ O QUE
HOJE SOUBERMOS CONQUISTAR!
INSCREVE-TE JUNTO DOS DIRIGENTES SINDICAIS OU NAS DELEGAÇÕES Se possível até 8.05.2009.

DELEGAÇÕES
Minho 253 21 78 67/8
Porto 22 339 25 10
Trás - os - Montes 259 32 34 17
Beira Alta 232 42 97 81
Aveiro 234 38 11 08
Coimbra 239 85 33 60
Castelo Branco 272 32 67 01
Santarém 243 30 96 71
Leiria 244 82 75 45
Lisboa 21 355 87 51
Setúbal 265 53 17 97
Alentejo 284 32 32 49
Faro 289 80 32 11

DIRIGENTES
Enf. Tiago Subtil – 91 486 90 19 (V. Castelo)
Enf. Nuno Zambujal – 91 473 06 60
Enf. Fátima Monteiro – 91 868 21 16
Enf. Antónia Alves – 91 665 02 58
Enf. Alfredo Gomes - 91 230 24 13
Enf. Carlos Neves – 91 605 12 04
Enf Paulo Anacleto – 91 938 57 64
Enf. Conceição Rodrigues – 91 665 02 56
Enf. Helena Jorge – 91 230 05 24
Enf. Dina Mendonça - 91 665 02 57
Enf. Isabel Barbosa – 91 214 50 79
Enf. Teresa Faria – 91 617 15 32
Enf. Edgar Santos – 91 879 05 07
Enf. Nuno Manjua– 91 868 21 40

Fonte: SEP


Inscrições Manifestação.           

Estão abertas as inscrições para a viagem até Lisboa com o objectivo de participar na Manifestação do dia
12 DE MAIO.

Para divulgação e por razões logísticas, devem todos os Senhores Enfermeiros (as) interessados (as) em participar na Manifestação Nacional, fazer o favor de:

1. Efectuarem um pré-registo, directamente, por esta via (e-mail: info@enfermeiros.pt), ou através dos nossos Dirigentes e/ou Delegados sindicais, preferencialmente até à próxima sexta-feira, dia 8 de Maio.

2. O local de encontro é no Parque de Estacionamento do Hipermercado Continente, ao lado do Norte-Shopping, Senhora da Hora, Porto, no dia 12 de Maio às 8h30m.

A partida está prevista para as 9h.

Nota: Podem ainda contactar, alternativamente, os números: 22 519 40 40, 96 395 95 89, 96 583 55 37, 91 255 37 92, ou 91 771 43 99.

Aguardamos a vossa adesão e participação na Luta da Enfermagem!

Fonte SE
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS May 10, 2009, 20:21:35
Conforme o pedido...

"Colegas

Demora 5MINUTOS a ler e pode ser que valha a pena no processo de consciencialização.

Todos nós recebemos e reenviamos diariamente dezenas de mails, era o que solicitava que sem falsas modéstias fizessem com este.

Vivemos hoje o momento mais fundamental do processo de consciencialização dos enfermeiros para o movimento reivindicativo em curso.

Sou Enfermeiro à 13 anos e sempre acompanhei as lutas desenvolvidas pela classe.

TODOS QUEREMOS UMA NOVA CARREIRA COM VALORIZAÇÃO JUSTA DO QUE SOMOS E FAZEMOS, E COMO REAIS EXPECTATIVAS DE DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL..

O GOVERNO , E ISTO É VERDADE:

- PROPÕE DISCRIMINAR SALARIALMENTE OS ENFERMEIROS PERANTE OUTROS LICENCIADOS

- PROPÕE FAZER COM QUE OS ENFERMEIROS SÓ ATINJAM O TOPO DA CARREIRA AO FIM DE 45 ANOS DE TRABALHO, SENDO QUE ESTE TOPO SÃO MAIS 400 EUROS DO QUE HOJE CONSEGUIMOS AO FIM DE 27 ANOS DE FUNÇÕES

- PROPÕE QUE QUE QUANDO EXISTIR UMA NOVA CARREIRA TODOS NÓS TRANSITEMOS PARA POSIÇÕES REMUNERATÓRIAS IGUAIS AS QUE DETEMOS HOJE

- PROPÕE QUE OS ENFERMEIROS PASSEM A MUDAR DE ESCALÃO DE 5 EM 5 ANOS

- PROPÕE UMA AVALIAÇÃO DE DESMPENHO EVENTUALMENTE POR QUOTAS

- NÃO RESOLVE A PRECARIEDADE LABORAL

Caros colegas se estes não são motivos suficientes para dia 12 se fazer uma grande manifestação de Enfermeiros em Lisboa, então deixem que vos diga que NUNCA haverá motivos para tal.

Dia 12 é o dia do ENFERMEIRO, se tu és ENFERMEIRO e não tens capacidade de te INDIGNARES perante tudo isto.....ENTÃO NÃO SEI

De braços cruzados nada conseguimos, não existe nenhuma elite na enfermagem que lute por aquilo que te diz respeito a ti, a mim, a nós.

Dia 12 existem transportes organizados em todo o país, basta não seres indiferente.

Passa a ACÇÃO, vem a MANIFESTAÇÂO.

A vinda à manifestação pode não ser garantia de vitória no dia seguinte, mas o alhiamento completo desta forma de luta revela TOTAL desprezo pelo teu futuro.

CERTO DE QUE MUITOS ENFERMEIROS ADEREM À GREVE, É DE TODO FUNDAMENTAL QUE SE DESLOQUEM À MANIFESTAÇÃO.

FAÇO UM FORTE APELO AOS COLEGAS DE LISBOA QUE ESTANDO MAIS PERTO TÊM MAIS POSSIBILIDADES DE AS 14H30M ESTAREM NO MINISTÉRIO DA SAÚDE.

VAMOS MOSTRAR A NOSSA INDIGNAÇÃO, O NOSSO DESCONTENTAMENTO.

SABEM COLEGAS, A POSTURA DAS PESSOAS DO MINISTÉRIO DA SAÚDE EM ALGUMAS REUNIÕES MOSTRA "DESPREZO E CHACOTA" PELOS ENFERMEIROS, VOCÊS DIA 12 QUEREM RESPONDER?

A RESPOSTA É DADA COM PARTICIPAÇÃO.

AH É VERDADE, SE NÃO ENVIARES ESTE MAIL A NÍNGUÉM NADA TE ACONTECE, É PK NÃO MECHEU CONTIGO.

SE ENVIARES A 5 PSSOAS PODE SER QUE 2 VÃO À MANIF

SE ENVIARES A 10 PODE SER QUE 5 VÃO À MANIF

SE ENVIARES A 30 PODE SER QUE 15 VÃO À MANIF

SE ENVIARES A 100 FIZESTE O TEU TRABALHO E TEREMOS UMA GRANDE MANIFESTAÇÃO.

ATÉ TERÇA COLEGA"

In Doutorenfermeiro.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS May 11, 2009, 20:26:56
Para  quem não puder ir amanha a Lisboa DEVEM Concentrar-se amanha em frente ao Hospital S. João às 12h , isto porque a Ministra da Saúde vai estar na instituição !

Vão a http://cogitare.forumenfermagem.org/ (http://cogitare.forumenfermagem.org/) para mais pormenores...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva May 12, 2009, 15:35:35
Alguma da cobertura mediática:


Videos


RTP

SIC

TVI
http://www.videos.iol.pt/consola.php?projecto=27&pagina_actual=1&mul_id=13134953&tipo_conteudo=1&tipo=2&referer=1 (http://www.videos.iol.pt/consola.php?projecto=27&pagina_actual=1&mul_id=13134953&tipo_conteudo=1&tipo=2&referer=1)


Artigos


Publico http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1380111&idCanal=62 (http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1380111&idCanal=62)

Jornal Noticias http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1229255 (http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1229255)

TSF http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1229279 (http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1229279)

SIC http://sic.aeiou.pt/online/noticias/pais/20090512+Greve+dos+enfermeiros+com+adesao+de+811.htm (http://sic.aeiou.pt/online/noticias/pais/20090512+Greve+dos+enfermeiros+com+adesao+de+811.htm)

TVI http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/enfermeiros-greve-saude-hospital-tvi24-ultimas-noticias/1063383-4071.html (http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/enfermeiros-greve-saude-hospital-tvi24-ultimas-noticias/1063383-4071.html)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva May 13, 2009, 00:27:41
Noticia: Mais de 5000 enfermeiros em luta

TVI

http://www.videos.iol.pt/consola.php?projecto=27&pagina_actual=1&mul_id=13135122&tipo_conteudo=1&tipo=2&referer=1# (http://www.videos.iol.pt/consola.php?projecto=27&pagina_actual=1&mul_id=13135122&tipo_conteudo=1&tipo=2&referer=1#)

RTP
http://tv1.rtp.pt/noticias/index.php?t=Terceira-greve-contra-recuos-do-Governo-na-renegociacao-das-carreiras.rtp&article=219273&visual=3&layout=20&tm=2 (http://tv1.rtp.pt/noticias/index.php?t=Terceira-greve-contra-recuos-do-Governo-na-renegociacao-das-carreiras.rtp&article=219273&visual=3&layout=20&tm=2)

Publico
http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1380150&idCanal=62 (http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1380150&idCanal=62)

JN
http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1229880 (http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1229880)
(http://jn.sapo.pt/storage/ng1148234.jpg)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Miss Nurse May 18, 2009, 17:17:08
Colegas...esclareçam-me uma dúvida...ouvi dizer que o "internato" ia ser remunerado com o ordenado mínimo....digam-me que isto é mentira...ainda falam mal dos estágios profissinais..
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish May 18, 2009, 23:16:23
Alguem sabe para quando é que é a proxima reunião entre os sindicatos e o MS??
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish May 21, 2009, 13:33:45
A reunião (20/05) entre os sindicatos e o MS foi adiada para dia 26/05.
Cumprimentos
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS May 26, 2009, 21:14:38
Alguem sabe como correu hoje a reunião com o ministério?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro May 27, 2009, 17:38:56
Ainda não há novidade em relação à reunião de 26/05?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha May 27, 2009, 23:18:53
http://doutorenfermeiro.blogspot.com/20 ... chive.html (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/2009_05_01_archive.html)

o que aconteceu está aki escrito

ENJOY
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira May 28, 2009, 15:14:52
Vejam o projecto de decreto lei da carreira de inspector (carreira especial) e depois digam se o governo não anda a brincar com os enfermeiros. Eu sei o que este governo precisava, era que fosse decretada uma greve de no minimo uma semana nos periodos da manhã. Até a ministra não sabia onde se meter, em vez de sermos nós a andar a reboque deles, eles é que andariam a reboque de nós. Deixaria de haver sucessivos adiamentos de reuniões e anda prá frente um passo e recua dois.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS May 29, 2009, 22:41:45
Noticias em:
http://cogitare.forumenfermagem.org/ (http://cogitare.forumenfermagem.org/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish June 02, 2009, 15:44:53
A reunião de hoje é de extrema importância, anseio por feedbacks relativamente À reunião!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 02, 2009, 16:42:49
Já há novidades?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish June 02, 2009, 17:46:41
Bolas! Ao encontro em lado nenhum o encontro entre as partes... Será que foi adiado???
A maneira como a imprensa aborda a nossa problemática irrita-me solenemente...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 02, 2009, 19:49:06
Ainda ninguém tem nada para partilhar? Não houve reunião?
Ou o que têm para dizer é tão dramático que ainda não encontraram a melhor forma de nos dizer?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 02, 2009, 23:15:42
A única informação que consegui obter até agora resume-se a 1 linha!!!!!!!!!!!!!!!!!! ??? ??? ???

http://doutorenfermeiro.blogspot.com/ (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 03, 2009, 08:43:30
Quem souber algo sobre a reunião de dia 2, por favor, informe...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish June 03, 2009, 13:36:26
Ta visto que negociações com algum resultado, seja positivo ou negativo para nós, só depois das negociações... Por isso caros colegas,  reflictam bem nos vossos direitos de eleitores e que evitem votar no PS, votando no partido que esta mais atento à nossa situação...
Não vale mais a pena mostrar o meu desagrado...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha June 03, 2009, 17:57:50
A Ronda negocial (quase) estagnada, não deu em nada...simplesmente houve discussão orientada para os enquadramentos e bases conceptuais.

Quanto ao voto...nem no PS nem no PSD...simplesmente votem noutro qualquer...mais do agrado de cada um e sensibilizado com a nossa luta...MAS AO MENOS VOTEM!!! NÃO FIQUEM EM CASA!!! E influenciem outros também...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 03, 2009, 22:25:21
OS MÉDICOS ASSINARAM O ACORDO PARA A NOVA CARREIRA, contemplando uma carreira única.
AQUI:
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portug ... id=1252830 (http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1252830)

E AGORA, SRS. ENFERMEIROS...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 03, 2009, 23:14:32
Para bom entendedor...
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... ifesto.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/06/manifesto.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 03, 2009, 23:54:14
: CAS
Para bom entendedor...
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... ifesto.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/06/manifesto.pdf)
Até aqui tudo muito bem, mas e os resultados das negociações?
O que aconteceu a 6/Jun?

Começo a ficar cansado de pedidos de greve e manifestações e quando queremos saber qual é o resultado dessas mesmas greves e manifestações, aguardamos que um ou outro Blog de colegas transmitam alguma (pouca) informação acerca do que se passou nessas ditas rondas negociais.

Não com isto dizer que vou abandonar a luta, muito pelo contrário. Estou apenas a responsabilizar os sindicatos (para os quais descontamos e que nos representam) pela falta de comunicação/informação.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha June 04, 2009, 11:57:14
: CAS
Para bom entendedor...
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... ifesto.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/06/manifesto.pdf)

Começo a ficar farto da falta de comunicação por parte do sep! Esse manifesto é uma simples campanha política, ou seja, promessas e mais promessas...vai ficar tudo por cumprir...

Quanto ao dia 2 de Junho...foi apenas para porem a conversa em dia e terem um almoço ajantarado...e nós para aqui na esperança que já tivessem a resolver alguma coisa...

Essas negociações tão a meu ver a serem mal conduzidas...desde quando começa-se a construir uma pirâmide pelo topo...
Primeiro estabelecesse a tabela salarial, insiste-se com isso e de seguida falasse em "enquadramentos e bases conceptuais"...

E não é pedir é exigir e obrigar a que essa tabela bem como a carreira seja aplicada a TODOS OS ENFERMEIROS! É porque assim damos a entender que existem enfermeiros de primeira e enfermeiros de segunda...

E continuo a dizer...greve greve era uma a chegar a dentro e não precisa dias inteiros...bastava ser como as dos professores das 8h às 10h sem fazer nada...
Vamos tomar café e daí vemos como o serviço nacional de saúde vai-se abaixo...

Mas como costumo dizer isso é a minha humilde opinião...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish June 04, 2009, 21:48:49
Ja saiu o feedback da reunião de 2 de Junho juntamente com a reunião de 27 de maio...
É uma vergonha!! Ainda por cima vamos adiar mais 2 semanas para outra reunião e que no fim já se sabe que vamos ter nova forma de luta!!

http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... CADO17.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/06/040609COMUNICADO17.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 04, 2009, 22:08:25
FINALMENTE!!!!
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... CADO17.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/06/040609COMUNICADO17.pdf)

Embora não haja nada de novo. Parece que andamos sempre a discutir os mesmos assuntos!
Afinal a nossa carreira deve ser de complexidade 30 e não 3.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MARIA JU June 05, 2009, 09:26:17
Não percebi nada desta ??? grelha salarial
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 05, 2009, 13:58:33
: MARIA JU
Não percebi nada desta ??? grelha salarial

http://4.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... ab_Rem.jpg (http://4.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/Sih7ddR4Q2I/AAAAAAAADNU/rEAl18_6VlE/s1600-h/Tab_Rem.jpg)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MARIA JU June 05, 2009, 14:37:04
Perfeitamente esclarecida ^-^ Brigda
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: bela34 June 07, 2009, 08:55:08
Ou seja, segundo percebi o tempo minimo para progressão entre posições salariais são de 5 anos, certo?
Como me iria colocar quando tenho 14 anos de profissão e encontro-me no 2º escalão com a remuneração de 1200€ e uns trocos? Sendo que estou com a progressão congelada à 5 anos e trabalho nos CSP, e já devia ter subido 2 indices...
obrigada desde já pela ajuda.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 07, 2009, 14:28:02
: bela34
Ou seja, segundo percebi o tempo minimo para progressão entre posições salariais são de 5 anos, certo?
Como me iria colocar quando tenho 14 anos de profissão e encontro-me no 2º escalão com a remuneração de 1200€ e uns trocos? Sendo que estou com a progressão congelada à 5 anos e trabalho nos CSP, e já devia ter subido 2 indices...
obrigada desde já pela ajuda.

Se neste momento se mantivesse a actual proposta do governo, então teria de contar o tempo que tinha até à data em que a carreira foi congelada,  soma o tempo a partir da altura em que foi congelada e o que lhe faltar para perfazer os 5 anos é o tempo que tem de aguardar com o vencimento actual, até poder passar para o escalão seguinte na nova carreira.

Além de perder praticamente todo o tempo de serviço anterior, o mais grave é que nunca vai atingir o topo da carreira.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: jonah June 08, 2009, 22:12:13
Exmo. Sr. Eng. José Sócrates

Nas próximas eleições eu voto PS se a carreira de enfermagem for aprovada de acordo com a proposta dos sindicatos de enfermagem. Irei apoiar vivamente este governo, se a a nova carreira de enfermagem for aprovada em breve. Caso contrario irei-me empenhar, tal como a grande maioria dos enfermeiros e suas famílias, na derrota deste governo. Somos mais de 55 mil enfermeiros que com as suas respectivas famílias e a sua influência sobre os milhares de utentes que diariamente atendemos podemos determinar o futuro politico de portugal.
Exmo. Sr. Primeiro Ministro o voto dos enfermeiros portugueses ainda não está definido. Já na próxima reunião o nosso voto pode mudar de rumo. Pense nisto. Eu gostaria que o PS ganha-se as próximas eleições. O meu voto só depende de si, da Senhora Ministra da Saúde e Ministro das Finanças.

Muito Obrigado.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 10, 2009, 21:48:37
Faltam exactamente 30 dias para as férias do governo, a próxima reunião é a 15 ou 16 de junho (se não for adiada)... já nem sei o que pensar!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: grifo June 13, 2009, 12:31:05
: Red Fish
Bolas! Ao encontro em lado nenhum o encontro entre as partes... Será que foi adiado???
A maneira como a imprensa aborda a nossa problemática irrita-me solenemente...
Já cheguei a uma conclusão acerca disso:
A Bastonária e a Ordem não se impõem em nehum tema.
Acredito que a culpa seja da classe, já que se a Bastonária e sua equipa não são competentes e se não existe "oposição" á dita equipa, então só temos o que merecemos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: J.Ribeiro June 13, 2009, 18:41:26
;)

Ainda é cedo para atirar a toalha. Não devemos desistir já.


Devemos sim apoiar aqueles que apoam os enfermeiros.


Votem bloco de esquerda. Pode ser que tenhamos lá mais Deputados como o João Semedo... que apesar de ser médico  >:D ainda foi dos poucos que ajudou colegas nossos... caso do colega do S. João.


Votem PS todos aqueles que estiverem bem e não quiserem mudar.


Saudações
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MARIA JU June 15, 2009, 13:28:28
Ou então voto em branco e assinado: Enfermeiro
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 15, 2009, 13:41:21
: MARIA JU
Ou então voto em branco e assinado: Enfermeiro

Isso acaba por ser um voto no PS!!

Os votos em branco, nulos ou abstenção não favorecem ninguém, mas também não penalizam!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 16, 2009, 10:32:20
A próxima ronda negocial estava agendada para 15 ou 16 de junho. Alguém sabe alguma coisa?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish June 16, 2009, 17:25:08
Era para hj! vamos esperar mais um bocado ate divulgarem o esperado...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira June 16, 2009, 17:32:01
Caros colegas
Nestas eleições legislativas há que mostrar a força dos enfermeiros, vamos todos vota, não Sr. Socrates e respectivos Ministros.´
Ainda há neste país outra força que é solução para os nossos e todos os problemas que enfrentamos.
Apelo ao voto no BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE, BE. 8)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 16, 2009, 20:49:09
Então a ronda negocial passou para dia 19/06/2009???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira June 17, 2009, 19:22:01
Já acreditei mais nos sindicatos que temos. Estes cada vez dizem menos, as reuniões são adiadas e nada dizem e quando são realizadas só aparecem noticias dias depois e só para mostrar resultados e não aquilo que foi discutido e de que forma.
Acho que deviamos todos era inundar o e-mail dos sindicatos a pedir uma greve no minimo de uma semana e para já nos períodos da manhã, onde os serviços minimos iriam causar moça, pois nos turnos da tarde e da noite a maior parte dos hospitais funciona com equipes minimas onde só se faz os minimos e aí quem perderiam seriam os enfermeiros.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 18, 2009, 10:59:42
Quanto à estratégia “para não perdermos tudo” apenas penso que o tipo de intervenção a realizar deverá ser mediaticamente relevante. Penso que é consensual que temos que ter a comunicação social do nosso lado (tal e qual os professores) e para isso provavelmente teremos que criar um apening mediaticamente relevante para chamar à atenção para a nossa (justa) causa.
ACEITAM-SE SUGESTÕES…
P.S.: apenas como exemplo, lembro o protesto que foi feito em frente ao H.S.João em que os enfermeiros fizeram-se passar por arrumadores de carros pedindo depois a moedinha…
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 18, 2009, 11:04:46
Um testemunho que encontrei aqui: http://www.enfermeiros-pela-enfermagem.blogspot.com/ (http://www.enfermeiros-pela-enfermagem.blogspot.com/)

Emigração forçada
Boa noite a todos.
Após 3 meses a viver na Suíça chegou a altura de partilhar o que tem sido a vida de emigrante neste país dos Alpes como enfermeiro. Em primeiro lugar o título desta mensagem é mais do que uma simples provocação e corresponde de facto ao sentimento de quem somente se afastou de Portugal para viver e deixar de sobreviver ou viver uma forma de escravatura laboral que a nossa condição de enfermeiro em Portugal nos obriga.
Após uma experiência profissional em Portugal,que muitos julgarão curta, foram muitos os motivos para começar a procurar além fronteiras a respostas aos problemas laborais com que me deparei nestes 5 primeiros anos de profissão. Durante o curso pensava poder viver trabalhando somente num sitio e continuar a investir calmamente na minha formação pessoal e na actualização dos meus conhecimentos no entanto depois de começar a trabalhar depressa compreendi que tal só seria possível de duas formas, com o apoio dos pais ou a troco de muito sacrifício pessoal e perda de vida própria como me foi possível observar na vida de muitos colegas. Para tirar um curso é preciso dinheiro e tempo ora aqui se impôs o primeiro dilema. Para ter mais dinheiro é preciso trabalhar mais tendo então menos tempo dado que formações em tempo de serviço tornaram-se uma miragem no nosso país. A vida de trabalhador em duplo e em triplo foram quase sempre uma constante nestes 5 anos deixando pouco tempo para qualquer outra actividade que não fosse a tentativa vã de recuperar do cansaço acumulado. Muitos ajuízam e acusam quem tem esta vida de querer ganhar tudo de uma vez o que com ordenado de enfermeiro neste momento é ridículo. Talvez seja antes o desejo de pagar uma casa em menos de 50 anos ou de ter uma vida que permita um pouco mais que trabalho e casa o que com este ritmo de trabalho acaba por se impor.
Ordenados abaixo do nível de licenciado, congelamento das carreiras e remunerações, Horários feitos à medida de quem não sofre deles, sobrecarga de trabalho como resultado de uma subcontratação crónica de enfermeiros, um sistema de acesso as especialidades injusto e parcial, e um desrespeito pelos enfermeiros por parte dos empregadores e de quem os deveria defender ditaram em mim um crescente descontentamento e frustração que me levaram a querer reagir. Em primeiro lugar tentei o dialogo com chefia e colegas mas o que encontrei foi um misto de resignação e aproveitamento da situação pois nem para todos a situação actual é prejudicial. Tentei a participação activa num sindicato e encontrei um vazio. Pensei que o sindicalismo devesse ter uma intervenção próxima dos enfermeiros, dar um apoio diário e estar à escuta dos problemas que os enfermeiros vão enfrentando a cada dia. Em vez disso encontrei uma estrutura centralizada e inútil que chama á greve sempre que se exprime banalizando e esvaziando de sentido esta forma de protesto. Queria ajudar e lutar junto dos colegas para que no dia a dia fossemos dando resposta aos problemas de cada um e em vez disso queriam que simplesmente distribuísse apelos á greve e fizesse piquetes onde faria a contagem da participação. Deixei por isso de acreditar nessa solução.
Sobre o representante máximo da nossa classe profissional e perante a qual terei de responder se cometer um erro sem sombra de duvida, fui deixando de acreditar no seu papel e na sua importância perante tanta indiferença demonstrada para com o simples enfermeiro que sou e que paga cotas. Quando coloquei frente a frente estas duas estruturas, estas duas formas de falar de enfermagem, o que vi é que a culpa de estarmos na situação actual morre só. A culpa é do outro, a questão é laboral ou então de ordem profissional mas no fim foi o outro que não fez o seu trabalho e nunca o próprio. Por esta altura já tinha entrado em contacto com uma empresa de colocação de enfermeiros na Suíça e a decisão estava tomada.
Vim para a Suíça e deixei todos estes problemas para traz. Aqui não há sindicato, não há ordem. No entanto trabalho 14 dias por mês, 12h por dia. O meu ordenado depois de descontos é 3 vezes superior ao que recebia em Portugal, a obtenção de uma especialidade é encorajada pela instituição que paga o curso de 2 anos com ordenado de especialista, a especialidade é feita em tempo de serviço durante o qual não se volta ao serviço, as formações são todas feitas em tempo de serviço, escolho as folgas que quero para poder visitar familiares e amigos uma vez por mês a Portugal, a minha remuneração aumenta todos os anos e não passa pela cabeça de ninguém tirar horas de qualidade, o rácio doente por enfermeiro em intensivos é no máximo de 2 para 1 se os doentes forem leves senão fecham camas.
A nossa formação em Portugal é muito boa e reconhecida cá mas em que altura começamos a perder todos os nossos direitos a uma vida digna e por que verdadeiro motivo a nossa profissão se encontra tão longe de oferecer estas condições a todos os enfermeiros em Portugal como seria normal. Falta de dinheiro? Pensei nessa hipótese ate descobrir que se fossemos banqueiros tal não seria um problema. Precisamos de forma urgente que se reconheça o direito a dignidade de todos os trabalhadores em Portugal e o direito a uma vida digna deixando de nivelar por baixo toda a sociedade. No entanto não se preocupem pois aqui também se queixam das condições de trabalho mas não sou eu.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 18, 2009, 11:20:00
http://www.enfermeiros.pt/content/view/661/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/661/1/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 18, 2009, 17:14:03
As notícias que tardam em chegar!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 19, 2009, 21:02:42
Alguém sabe o que se passou na reunião de hoje?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish June 19, 2009, 22:13:09
Nada de nada... so amanha no saite do sindicato e com muita sorte um quadradinho nos jornais diarios...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 19, 2009, 22:19:09
FRUSTRAÇÃO!!!!!!!!!!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 20, 2009, 20:59:54
FICO PASMO!!!!
Quando todos anseiam pela publicação do resultado das negociações, que mais uma vez tardam em chegar, eis que somos brindados com as divagações literárias de um dirigente sindical acerca da sua visão própria do MDP, num documento repleto de linguagem narcisista que acaba por dificultar a compreensão do seu conteúdo.

http://www.enfermeiros.pt/content/view/663/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/663/1/)

Não estava à espera de demonstrações de habilidades literárias nem tão pouco uma aula de mitologia grega, particularmente hoje! Nem tão pouco deste assunto concreto que já foi alvo de uma petição e que inclusive já foi entregue.

Cheios de demagogia andamos todos há já algum tempo, neste momento aguardo IMPACIENTEMENTE por notícias da ronda negocial que terá acontecido ontem!!! Ou não aconteceu?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva June 21, 2009, 02:52:26
Concordo com o Zeus-electro na mensagem anterior, a falta de notícias das negociações deixa-nos pasmados...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 21, 2009, 11:40:47
Extraído do blog Dr. Enfermeiro:
"Anónimo disse...
Caros colegas,
a última reunião negocial foi positiva, já havendo mais pontos concordantes de ambas as partes. Dia 3 haverá nova reunião onde serão abordados os vencimentos... Os sindicatos estão a trabalhar, precisam do nosso total e incondicional apoio se necessário!! A publicação dos comunicados pós negociais verificou-se prejudicial nas negociações subsequentes! Mantenham a união e a mobilização dos colegas, lembrem-se q ñ é um processo simples. Quando oportuno serão divulgadas informções nos sites dos sindicatos.
Cumps.
11:07 PM"


Não consigo entender como é que "...!! A publicação dos comunicados pós negociais verificou-se prejudicial nas negociações subsequentes!...", mas de qualquer forma estou disposto a aceitar que se trata de uma questão estratégica, agora o que não aceito, e espero que tenha sido um lapso de publicação é a TRANSIÇÃO para a nova carreira que segundo a proposta do SE e SIPE (http://www.enfermeiros.pt/content/view/662/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/662/1/)), não foi acautelada, mantendo-se o art. 24º com a redacção da proposta original do governo.

Continuamos a aguardar!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 21, 2009, 11:55:16
Além disso, no art.22º ponto 4 propõe-se a criação de mais 3 categorias, a de enfº especialista, enfº gestor e gestor principal... MAS ISSO NÃO É A NOSSA ACTUAL CARREIRA???? Passamos da exigência de uma carreira unicategorial onde todos poderiam atingir o topo, para uma carreira pluricategorial, igual à anterior mas com nomes diferentes para os chefes, onde se mantém o acesso concursal para a alteração de categoria!!!! Isto não contraria a proposta inicial? Não contraria o MDP?

Mais uma vez... ESTOU PASMO!!!!
Por favor digam-me que estou enganado!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: moutinho June 21, 2009, 12:53:27
Mas afinal para quê tanta negociação, com tanto secretismo envolvido, se a proposta foi para a criação de 3 postos que em nada diferem da situação actual?!!?

 ??? ???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira June 22, 2009, 18:53:10
Estes sindicatos em vez de proporem uma carreira unicategorial onde todos possam chegar ao topo, cada vez descriminam mais e impoem concursos atrás de concursos, acho que não estamos enfermeiros e sindicatos em consonancia com aquilo que queremos. Por isso já o disse anteriormente noutro post que cada vez mais acredito menos nos sindicatos, e estes só andam nestas negociações para se arranjarem a eles próprios.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira June 22, 2009, 18:54:55
tens razão Zeus Electro, tb. eu estou cada vez mais pasmo!!!!!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 22, 2009, 19:27:16
Noticias sobre as negociações aqui:
http://doutorenfermeiro.blogspot.com/ (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 23, 2009, 21:27:51
No site do SEP estão disponíveis as propostas e contrapropostas do ministério e do sindicato. Só não diz é se da contraproposta foi alguma coisa aceite pelo ministério. Ou seja, se já houve algum avanço na negociação nomeadamente no que se refere à transição para a nova carreira que, pelo que pude verificar, o ministério continua a propor a mesma remuneração...
Se alguém tiver alguma informação, por favor, divulgue.
E, já agora, se existe mais alguma reunião prevista para breve.
Obrigado.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira June 23, 2009, 23:05:50
continua tudo na mesma, o ministerio manda proposta sem alterações resultantes de reuniões anteriores, os sindicatos mandam contrapropostas que o ministério (devem-se rir lá no gabinete) lê e arruma na gaveta, e assim com a arrogancia deste governo e falta de liderança nos sindicatos ou luta por interesses próprios e não da classe, os enfermeiros não vão ter nada de bom
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 25, 2009, 17:21:14
Para divulgar informação respeitante à carreira, que me chegou por email e que aqui compartilho em larga escala:

"Cara(o) Colega

Junto remetemos Informação sobre a última reunião negocial. 4 notas:

1 - É compreensível a necessidade destas Informações serem emitidas mais rapidamente.

Contudo,

 - a complexidade destes processos: jurídica, processual e político-sindical (sempre foi, mas, agora, muito mais … Leis, ACTs, negociação, contratação, CITs, CTFP, etc) ;

 - a fase crucial de decisões negociais (umas de pormenor outras ainda estruturantes) em que nos encontramos;

 - o facto de em vários art.ºs já se estar a discutir redacção jurídica, sempre muito complexa, e, agora mais, face à “teia” de leis (Código do Trabalho, Lei 12-A, Lei 59/2008, SIADAP, Legislação Reg. Autónomas, etc);

 - e considerando que,

     - a negociação é feita de avanços e recuos em função da necessária articulação entre vários artigos,

     - e que existem as necessárias reuniões dos órgãos sindicais,

a informação requer mais aferição colectiva, sob pena de, em vez de se estar a informar, estar a introduzir ruído perturbador que nada ajuda à necessária concentração no essencial.

2 – Recordar que, sendo os aspectos económicos centrais/vitais em qualquer processo destes, a Carreira integra muitos mais aspectos, todos importantes (e até mais morosos na negociação).

3 – A próxima reunião é a 1 de Julho. Perspectivando-se a fase final do processo, estamos certos que todos encontraremos as melhores tácticas para atingir os melhores resultados. É, pois, fundamental que, apesar do período de férias, os colegas se mantenham informados (Dirigentes e Delegados da Região) e contribuam para o esclarecimento dos colegas, desde logo:

 - IMPRIMINDO ESTA INFORMAÇÃO E FIXANDO NO SERVIÇO

 - REENCAMINHANDO ESTE MAIL PARA OUTROS COLEGAS.

 

Cumprimentos

José Carlos Martins

 

4 – Estão pedidas reuniões ao INEM e Min. Saúde (CTCerto/31Julho; CSPrimários: UCC, USF, ACES; INEM) e ainda não estão agendadas"

Ver também:
http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... cado18.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/06/250609comunicado18.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS June 26, 2009, 14:38:48
Após uma leitura atenta do comunicado nº18, algumas dúvidas me assaltaram:
- Será que os sindicatos se preparam para assinar um acordo sem os aspectos remuneratórios? (Só assim percebo o final do comunicado que alude à classe médica "tal como consta do acordo estabelecido com os Sindicatos Médicos, o MS propôs que esta matéria passasse para Decreto Regulamentar").
-  A passagem a enfermeiro especialista será (se bem entendi) sem concurso uma vez que faz parte da categoria de enfermeiro. Mas, em nenhuma parte do comunicado pude vislumbrar qualquer forma de compensação acordada pela obtenção dessa mais valia. Pelo contrário, só vi previstas em algumas alíneas alguns deveres sem a devida compensação monetária. Será que foi acordada alguma forma de compensação?
Estarei atento para ver se está a ser preparado algum cenário deste género. Ou seja, um acordo sem os aspectos remuneratórios que considero altamente perturbante e deveras  perigoso.
O FERRO MALHA-SE ENQUANTO ESTÁ QUENTE...
É só seguir o exemplo dos professores...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro June 27, 2009, 21:01:02
Esclareçam-me se souberem!
Segundo o comunicado do SEP, basicamente o que estão a fazer é apenas delinear a estrutura geral da carreira, pelo que entendi, a maior parte passa tudo para ACT, deixando, novamente tudo em aberto?
A reunião da CNESE foi a 18 de junho e os resultados são os que constam do comunicado n.º 18, mas a reunião da FENSE foi a 19 e pela proposta que levaram a negociação as coisas não estavam devidamente acauteladas. Alguém sabe o resultado dessa negociação?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira June 28, 2009, 11:02:02
Pois é já temos CNESE e FENSE a discutir em separado o futuro da enfermagem e com pontos de vista algo diferentes, no inicio estavam todos juntos, agora é cada um para seu lado, eu bem tenho razão, não auguro nada de bom para a enfermagem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha June 30, 2009, 21:38:27
Nós falamos, opinamos mas não decidimos nada! É uma p*rr* mas é assim as coisas! Vamos lá a ver como vai ficar no final!

Só sei que no inicio carreira "é só com uma categoria", agora falasse apenas da "carreira com duas categorias" e discutesse apenas nomes! Falava-se que tinha de estabelecer o salário base em 1501 euros e no final depois irá se discutir nas milhares de reuniões para discutir as ACT's!
E OUTRA, ERA CARREIRA IGUAL PARA TODOS PORQUE NÃO HAVIA ENFERMEIROS DE 1ª E DE 2ª E NO FINAL...
ISSO MESMO ... TUDO IGUAL!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish July 01, 2009, 06:21:47
Próxima reunião negocial passa para dia 2 de Julho Às 15h30.

Fonte: Site SEP
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 01, 2009, 10:07:38
Mais um adiamento dos muitos anteriores e ainda vamos ver se tb. não será novamente adiada
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 02, 2009, 18:26:45
Mais uma ronda... mais uma úlcera gástrica à espera de notícias!!

Acho que se podia criar um twitter para a carreira de enfermagem, assim não havia desculpa! Até da reunião podiam enviar sms's para o twitter tal qual um relato futebolístico. Eu era o seguidor nº 1!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish July 03, 2009, 14:26:59
Essa do twitter era top!
Infelizmente zeus vais ter que tomar o omeprazol pq foi adiada novamente para dia 9/07 às 14h30 segundo o site SEP. Incrivel... um gajo a querer-se decidir se vai ou nao emigrar e estes a brincarem conosco...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 03, 2009, 16:00:42
Estava mesmo a adivinhar, mais um adiamento. Seria por parte de quem? Se foi por parte dos sindicatos, vê-se mesmo que não há força suficiente, se foi por parte do Ministério, já estavam a merecer nova greve e por muito tempo, para que não brinquem com os enfermeiros.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 09, 2009, 21:50:04
Mais uma vez estamos à espera das notícias que não chegam!
Será que houve negociação, ou foi novamente adiado?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish July 09, 2009, 23:05:34
Só amanha é que teremos informação na imprensa... São sempre os mesmos aqui batidos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS July 09, 2009, 23:42:33
Pois...
assim parece ser... assim parece ser...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 10, 2009, 16:15:04
Outra vez às escuras? Então? Não há novidades?

Pelo que dá a entender nas entrelinhas (http://cogitare.forumenfermagem.org/200 ... ment-18234 (http://cogitare.forumenfermagem.org/2009/07/10/peticao-pela-carreira-de-enfermagem-atinge-os-10000-e-ruma-ao-parlamento-da-republica/#comment-18234)), a reunião de ontem foi um fracasso!!!
“Foi-nos prometido pelo actual Governo uma Revisão da carreira, no entanto tal não sucedeu…”
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 12, 2009, 16:21:53
Pelo que entendo das propostas e contra-propostas apresentadas até hoje, resumindo... cada um apresenta sempre a mesma. Ora os sindicatos apresentam a sua, ora o MS devolve a deles, mas na sua essência, tudo se mantém igual às propostas iniciais (salvo minúsculas alterações quase imperceptíveis a olho nu, por parte do MS e uma colossal por parte dos sindicatos, no que diz respeito à carreira "unicategorial").
Fico particularmente preocupado, com o post de um colega (porventura delegado sindical) onde se pode ler:"...Digo mais uma vez e sou DELEGADO SINDICAL, se até às eleições ñ houver uma nova e desejada carreira vou desvincular-me do sindicato e comigo levo aqueles q sindicalizei! E faço-o de consciência mt tranquilo pois, FIZ TODAS AS GREVES, estive em TODAS AS MANIFS, distribuo informação pelos colegas e serviços das novidades inclusivé divulguei a petição, q embora muitos ñ o saibam mas os sindicatos afastaram-se desta iniciativa, fiz td td q podia fazer. Afastar-me do sindicato? cobardia? desistir... chamem-lhe o que quiserem, para mim basta, será o meu cartão vermlho a quem m representa e começo a ñ enquadrar-me com as suas decisões e ideias...".

Ora, vindo isto de um delegado sindical, pressupõe que o colega não está informado acerca do conteúdo das negociações, sendo que esta política de "blackout" informativo por parte dos sindicatos, parece atingir, nomeadamente os próprios membros. Daqui só faço duas leituras: ou os sindicatos são efectivamente incompetentes e não têm estrutura para negociar a própria carreira, ou mais grave ainda, preparam-se par aprovar uma carreira cujo benefício pende inteiramente para os lugares de topo da carreira, dos quais se destacam muitos dos sindicalistas.

O propósito desta cortina informativa é-me completamente desconhecido, mas o resultado é por demais evidente... o descontentamento, a desmotivação, a frustração e a desilusão tomaram conta do espírito de grupo entre os enfermeiros e isto apenas pode beneficiar um dos intervenientes no processo: o MS. Se acaso agora, os sindicatos se lembrarem de fazer mais uma greve, quase apostava que a adesão seria diminuta e sem expressão, o que mais uma vez beneficia o MS. Aliás, neste momento, julgo que qualquer iniciativa por parte dos sindicatos se traduzirá num fracasso em termos de mobilização dos enfermeiros, por ser tardia.

Não é meu feitio ser o profeta do apocalipse, mas a menos que os sindicatos tenham algum trunfo (leia-se: milagre) na manga, não auguro grande desfecho para a "nova" carreira de enfermagem, que já corre o risco de ser "velha" quando chegar a ser aprovada.

Uma coisa é certa:
* recuso-me terminantemente a aceitar que na transição sejam pura e simplesmente ignorados os anos de serviço que já todos temos (eu já conto com 12) e sejamos colocados abaixo do 1º escalão, mesmo com a promessa (à laia de rebuçado) de lá chegarmos ao fim de 2 anos. vide http://doutorenfermeirodocs.blogspot.com/2009/07/projecto-de-carreira-de-enfermagem-para.html (http://doutorenfermeirodocs.blogspot.com/2009/07/projecto-de-carreira-de-enfermagem-para.html), capítulo IV, atrigo 23º, ponto 4.
* recuso-me terminantemente a aceitar que a carreira não seja a mesma para CTFP e CIT (continuo a acreditar que não há enfermeiros de 1ª e de 2ª).
* recuso-me terminantemente a aceitar que a carreira de enfermagem não reflicta, em termos remuneratórios a licenciatura que já existe há 10 anos.

Aguardo impacientemente o desfecho de toda esta novela. Não faço, para já, julgamentos em praça pública acerca dos sindicatos, na espectativa que o "milagre" aconteça. No final cá estaremos para o fazer, sendo que de uma forma ou de outra ficaram para a história: ou glorificados como aqueles que elevaram a enfermagem portuguesa a um patamar digno da profissão, ou como aqueles cuja incúria e gestão danosa dos interesses dos enfermeiros conseguiram trazer a crise global à enfermagem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 12, 2009, 18:10:39
Recebido por e-mail:

Mail de difusão geral

Já foi para Conselho Nacional

Resumo da reunião negocial de 9.Julho.09

NOVA REUNIÃO NEGOCIAL AGENDADA PARA 21.JULHO.09

A reunião negocial com a CNESE começou às 14h30. O MS apresentou Novas Versões dos Projectos de Diplomas sobre Carreiras (CITs das EPEs/PPPs e CTFP) que:

a)       Integravam as redacções acordadas na última reunião negocial sobre alguns artigos; Sobre outros artigos, e sobre os quais tinham ficado redacções acordadas, inadmissivelmente, apresentam alterações à redacção acordada;

b)       Apresentam novas propostas sobre artigos em discussão; Não apresentam respostas a importantes matérias que ficaram de ponderar (que envolvem Min. das Finanças, Administração Pública e Trabalho).

A CNESE afirmou que “reagiria” às Novas Versões posteriormente, após análise cuidada, contudo era intolerável que alterassem redacções acordadas; que reintroduzissem o art.º sobre “Perfil Profissional” quando tinha ficado acordado a sua retirada; e não apresentassem respostas a importantes matérias que ficaram de ponderar.

Devido à ausência da Ministra da Saúde (que ainda se encontrava em reunião com o Ministério das Finanças e da Administração Pública) a reunião foi suspensa e foi retomada após 2h, já com a presença da Ministra.

Tendo o SEP solicitado reunião à Ministra da Saúde sobre os Contratados a Termo Certo - CTC (DL 276-A/2007) que cessam em 31 de Julho, esta matéria foi incorporada nesta reunião.

A – Contratados a Termo Certo

Segundo o Ministério da Saúde (MS), actualmente, existem a exercer funções 6 560 Contratados ao abrigo deste diploma (de várias profissões), dos quais 2 624 (40%) são enfermeiros.

CNESE – Porque todos estão a exercer funções permanentes, com horário completo e subordinação hierárquica e são imprescindíveis ao regular funcionamento dos serviços (Hospitais SPA, CSaúde/ARS, IDT, IPS):

a) todos devem manter o actual exercício de funções;

b) devem passar a Efectivos (Contrato de Trabalho em Funções Públicas por Tempo Indeterminado) dos Mapas de Pessoal no mais curto espaço de tempo.

Ministra da Saúde – a) A todos estes CTC (6 560 dos quais 2 624 são enfermeiros) vai ser prorrogado o Contrato, por mais um ano, ao abrigo do art.º 14.º do Reg.Cont.Trab.FunçõesPúblicas (Lei 59/2008);

b) Durante este ano de Contrato (até 31.Julho.2010) todos passam a Efectivos mediante Concurso, sendo que:

b1) Até ao fim desta legislatura será aberto concurso para 3 000 Postos de Trabalho/vagas, que pode chegar aos 3 100/3 200, de todas as profissões (dos 3 000 Postos de Trabalho/vagas ainda não sabem quantos serão para enfermeiros)

b2) Até 31.Julho.2010 será aberto novo concurso para os restantes 3 560 CTC

Apreciação da CNESE:

1 – Vale a pena lutar (denúncias, abaixo-assinados, greves, etc) porque levámos o MS/Governo a assumir que ninguém é despedido e a assumir o compromisso de que todos os CTC vão passar a Efectivos.

2 – Contudo:

2.1 – Sendo importante porque permite manter o emprego, a prorrogação dos CTC é um “remendo”, não é solução;

2.2 – Sendo importante o compromisso de todos os Enf a CTC passarem a Efectivos, não está garantido que todos passem a Efectivos no âmbito do 1.º Concurso (antes das eleições) pretendido pelo MS. Existem 2 624 enf a CTC. MS diz que o 1.º Concurso serão para 3 000 Postos de Trabalho/vagas, de todas as profissões;

2.3 – Se houver Concurso e for aberto por todas as Instituições como referiu o MS, a experiência de situações semelhantes no passado demonstra que vai existir uma enorme instabilidade nas equipas/serviços/instituições durante muito tempo.

2.4 – Não foi apresentada qualquer proposta de solução para os Enfermeiros que estão a exercer funções através de “falsos recibos verdes” e empresas de subcontratação.

Todas estas questões serão colocadas pela CNESE em nova reunião.

B – Carreira de Enfermagem

Ministra da Saúde afirmou que o Governo já decidiu que a Carreira Especial de Enfermagem (2 Diplomas) será levada a reunião de Conselho de Ministros (aprovada) nesta legislatura.

1 – Projecto de DL da Carreira para CTFPs

A – Âmbito de Aplicação

Continua em discussão.

B – Natureza do nível habilitacional, Qualificação em enfermagem, Duração e organização do tempo de trabalho e Perfil profissional

A CNESE rejeita as alterações de redacção às redacções já acordadas (Comunicado 18) e a reintrodução do “Perfil Profissional”.

C – Exercício de Funções de direcção e chefia

Não foi discutido. A sua discussão está interligada com o “Conteúdo Funcional” de Enfermeiro Principal.

D – “Rácios/Densidades” de Enfermeiro Principal

MS/Governo aceitou estabelecer estas “Densidades”.

E – Avaliação de Desempenho

MS/Governo aceitou manter a Avaliação de Desempenho da actual Carreira de Enfermagem até à sua revisão.

F – Concursos

MS/Governo não aceita manter a legislação sobre Concursos da actual Carreira de Enfermagem, até à publicação de nova legislação sobre a matéria. Aceita manter os Concursos abertos.

G – Questões Salariais

Grelha Salarial/Categoria de Enfermeiro – MS propõe no topo o Nível 48 e 12 Posições. Na anterior proposta o MS propunha no topo o Nível 42 e 10 Posições.

Transição Salarial – MS MANTÉM A PROPOSTA DE, NA TRANSIÇÃO PARA A NOVA CARREIRA, OS ENFERMEIROS MANTEREM O SEU ACTUAL SALÁRIO. O MS propõe que os Enfermeiros que tenham sido reposicionados na nova carreira abaixo do Nível 15 (Enf.ºs dos escalões 1 e 2 de Enfermeiro e 1 de Graduado) atinjam este Nível (15) nos dois anos subsequentes à data de entrada em vigor desta nova Carreira. MS rejeitou qualquer modelo de faseamento para a área da Gestão.

2 – Projecto de DL da Carreira para CITs

MS/Governo não aceita a proposta de artigo de harmonização.

Entretanto chegaram do Ministério da Saúde as Novas Versões de Diplomas (disponíveis em www.sep.org (http://www.sep.org) a partir de dia 13)

Mantém-te ATENTO, INFORMADO E MOBILIZADO

Nota:

ESTÁ MARCADA REUNIÃO COM O Min. Saúde (Secretário de Estado Dr. Manuel Pizarro) PARA DIA 17.JULHO.09 (Cuidados de Saúde Primários – ACES/UCCs/USFs – e INEM)

Cumprimentos

José carlos Martins
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 12, 2009, 23:51:13
Depois disto, reitero tudo o disse no post anterior.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys July 13, 2009, 00:13:06
Parabéns....
Enfermeira á 13 anos, licenciada á 9 anos, com escalão congelado á 6 anos...bom com este sindicato bem posso fazer as malas e aventurar-me por esse mundo fora, porque em Portugal irei receber menos que um recém-formado...
e esta heim....
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio July 13, 2009, 00:45:28
eu acho que me vou demitir e esperar que me contratem outra vez, pelos visto fico dois ou tres meses em casa e mesmo assim, quando chegar ao fim do ano, ganho mais que se estiver a trabalhar este tempo...
Incrivel...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 13, 2009, 08:39:31
Bem vistas as coisas, mesmo com congelamentos e tudo, a 31 de Janeiro de 2010, passaria ao 2º escalão de graduado (>€1200). Com esta proposta de transição, tenho de esperar mais 2 anos para atingir o início da carreira!!!
Deixem estar a carreira antiga... afinal de contas é mais vantajosa! Prefiro a carreira de bacharel... ganho mais assim!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva July 13, 2009, 22:29:59
: Zeus-electro
Bem vistas as coisas, mesmo com congelamentos e tudo, a 31 de Janeiro de 2010, passaria ao 2º escalão de graduado (>€1200). Com esta proposta de transição, tenho de esperar mais 2 anos para atingir o início da carreira!!!
Deixem estar a carreira antiga... afinal de contas é mais vantajosa! Prefiro a carreira de bacharel... ganho mais assim!


Estou na mesma situação. Primeiro escalão de graduado desde Janeiro de 2005. Com esta carreira, vou ter de esperar mais 2 anos para subir para um patamar inferior ao que subiria pela carreira antiga daqui a meia dúzia de meses.

Na quinta-feira vamos a Lisboa entregar a petição. Está lá explicito que não é aceitável que nos despromovam, quando o processo deveria ter a direcção contraria, ou seja a compensação pelo patamar que atingimos ao passar de bachareis para licenciados.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC July 15, 2009, 00:35:01
Tanto o colega Zeus como o Pedro estão enganados porque não iriam para o 2º escalão de Graduado na altura devida, tal como todos os outros não foram para os escalões seguintes como seria esperado. A lei mudou e ninguém sobe nos antigos moldes que eram para nós um dado adquirido. Retiraram essa regra como muitas outras coisas, ou seja as regras do jogo agora são outras e foram-nos impostas.
Quanto à entrega da petição acho que deveriam aproveitar para reiterar alguns aspectos que estão dificeis na negociação: valorização dos especialistas que ficam na categoria de Enfermeiro (salto de 2 escalões como a proposta do sindicato), transição com ganhos imediatos (isto já resolvia a injustiça de os novos a serem admitidos virem a ganhar mais que os que já estão a trabalhar), que se possa atingir o topo salarial na vida activa (agora estão a propor 12 escalões que dão cerca de 60 anos de serviço, enquanto o sindicato propõe 8 escalões), que os CITs tenham os mesmos direitos que os RCTFP e se calhar outros que agora não me lembro.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 15, 2009, 23:06:00
O problema é que a lei não mudou, ainda nem tão pouco existe uma nova carreira de enfermagem e a que vigora é a actual. Nem sequer a subida de escalão era um dado adquirido, era objecto de avaliação do triénio, sendo que só havia lugar a progressão se obtivesse uma classificação positiva (satisfaz). O facto de não estarem a serem devidamente actualizados os respectivos escalões e mais uma vez resultado da prepotência e injustiça deste governo. A justificação que no meu Hospital apresentam, é que estão à espera de directrizes do Governo. Este protelar tem como objectivo prejudicar novamente os funcionários públicos, é que para além de termos as progressões congeladas desde 2005, ainda vão conseguir que a transição seja feita para valores inferiores, ainda que as progressões estejam descongeladas desde Jan/2008. Resumindo, como a transição para a nova carreira é feita mantendo o actual vencimento, sem atender ao número de anos de serviço, se protelarem a subida de escalão pela carreira anterior, o tempo em que se protelou a devida subida, também fica automaticamente anulado.

Apesar e estar consagrado na lei geral que as progressões são de 5 em 5 anos, o que ficar decidido nas negociações da carreira, vai ser aquilo que vai vigorar. Como exemplo, os professores negociaram as progressões para 4 em 4 anos (salvo erro).

"...transição com ganhos imediatos (isto já resolvia a injustiça de os novos a serem admitidos virem a ganhar mais que os que já estão a trabalhar)". Mas transição como? É isso que faltava definir. É que na verdade, se não atender ao congelamento eu, por exemplo, deveria passar para o 3º escalão de graduado em 2010 (€1.386,92). E isto pela carreira actual, ou seja, de bacharel. Sendo licenciado, acresce a devida equiparação à carreira de técnico superior, portanto, onde propunha que me deveriam posicionar? No índice 19 (1.407,45€) - acréscimo de 20,53€ por ser licenciado!!!!!???? Ou no índice 23 (1.613,42€) - acréscimo de 226,5€? Sendo que no primeiro caso, eu precisei de 12 anos para lá chegar, enquanto que um recém-formado, apenas precisaria de 10 anos. No segundo caso eu chegaria lá nos mesmo 12 anos, ao passo que um recém-licenciado já precisaria de 15 anos. Mas isto é tudo ilusão, porque na verdade, aquilo que o MS propõe é que eu fique mais 2 anos no 1º escalão de graduado, até chegar ao 1º escalão da nova carreira!!! O que perfaz um total de 7 anos no mesmo escalão (se a carreira fosse aprovada hoje), para no fim vir a auferir mais 50€!!!!!!!

Portanto, face ao que deveria estar a auferir e aquilo que vou receber na realidade, a passagem a licenciado vai-me render -185,44€. Com a agravante de que para atingir o topo desta carreira, não me posso reformar antes dos 86 anos!!!!! (Até há bem pouco tempo os enfermeiros reformavam-se com 57 anos). Ora aquilo que eu vou ter de trabalhar a mais, é apenas pouco menos do que a totalidade de anos que eu tenho de vida!!!!!

Só quero saber a quem devo agradecer por tudo isto!!!!!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 16, 2009, 19:04:06
"Com a proximidade das eleições e o apelo do Presidente da República aos partidos para apresentarem diplomas fracturantes na fase final desta legislatura, o Executivo adoptou, segundo fonte do PS, uma atitude de 'ponderação política'. Por isso, a carreira dos Enfermeiros (...) já não deverá ser votada no Parlamento"
http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=60718CB1-A4A1-456A-8175-F98A68849CFF&channelid=00000090-0000-0000-0000-000000000090 (http://http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=60718CB1-A4A1-456A-8175-F98A68849CFF&channelid=00000090-0000-0000-0000-000000000090)

A Ministra da Saúde, Ana Jorge, afirmou - em plena reunião sindical - querer aprovar a carreira de Enfermagem ainda esta legislatura. Fonte não oficial do PS sustenta que essa decisão será adiada para o período pós-eleitoral. Cabe aos Enfermeiros fazer desequilibrar esta balança...

Andam a brincar connosco...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 16, 2009, 19:07:59
Deveriamos tomar consciência das nossas propostas e termos como exemplo outras carreiras...
Digo isso porque li o seguinte num blogue:
"A carreira médica, embora não tenha sido aprovada assim tão depressa, foi-o, mas muito pela atitude distinta dos sindicatos médicos:

1. Nunca houve oposição sindical à existência de dois diplomas (CTFP e EPE/PPP), desde que fundamentalmente similares (excluindo claro está o código de trabalho neste últimos)

2. Nunca houve oposição sindical à existência de uma carreira pluricategorial (aliás como são as actuais carreiras de enfermagem e médica)

3. Cedo deixou de haver discussões acerca de salários, horários, horas extra-ordinárias, etc; tal foi deixado para acordo colectivo de trabalho e sujeito a decretos regulamentares ou despachos conjuntos posteriores

Serve isto para dizer que o fundamental nesta negociação é conseguir uma carreira de complexidade 3, com as categorias adequadas e respectivas atribuições, e que seja idêntica para CTFP e EPE/PPP.

O resto pode ser definido mais tarde, como fizeram os médicos, em sede de ACT.

Esta atitude sindical de querer tudo e mais alguma coisa ao mesmo tempo, por mais justo que seja e por mais tempo de espera que já se tenha aguardado, é contracíclica e vai levar a que nem uma coisa nem outra venha a ser aprovada em tempo útil. A este propósito já viram qual é a proposta salarial da FENSE para o topo da categoria de enfermeiro principal? Estando em exclusividade seria 4702.94 + 48%X 4702.94 = 8851.76 euros!... E ainda mais 58% em regime de horário de 40 horas!!! Isto são propostas negociais absurdas e que vão acabar por impedir um acordo simples de carreira única para todos os enfermeiros.

Já agora, que sempre nestas coisas se fala dos médicos, sabem qual é o vencimento de topo da carreira médica (chefe de serviço nível 4)? 3089.23 sem exclusividade, 4291.57 com exclusividade (consultar tabela em, www.simedicos.pt (http://www.simedicos.pt), por exº).

Enquanto os sindicatos de enfermagem estiverem tão preocupados com quem está no cume, quem está no vale não sobe a montanha."
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 16, 2009, 19:33:16
Recebi por e-mail:

Este mail JÁ FOI para Conselho Nacional e é de difusão geral

Olá a todos

A CARREIRA DE ENFERMAGEM É PARA APROVAR NESTA LEGISLATURA

A - O Correio da Manhã (CM) emitiu hoje uma notícia, referindo que existiam várias Leis que, na Assembleia da República (AR), já não eram aprovadas nesta legislatura.

B - De facto todos os exemplos de Leis que o CM refere (estão) são da esfera da ARepública, À EXCEPÇÃO DA CARREIRA DE ENFERMAGEM.

C - O Circuito legislativo da Carreira de Enfermagem é: 1) negociação com os Sindicatos 2) aprovação em reunião do Conselho de Ministros (estas reuniões continuam a realizar-se até o novo Governo tomar posse) 3) Promulgação pelo Presidente da República 4) Remissão para publicação em Diário da República.

Às 19h00 de hoje contactei o Ministério e a Ministra da Saúde informou que a “notícia do CM era falsa”. Mantém-se a informação/compromisso que a Ministra da Saúde disse na reunião negocial de 9.Julho.09 com a CNESE: “O Governo já decidiu que a Carreira Especial de Enfermagem vai ser aprovada nesta legislatura”

Colegas

Quem “anda nisto” há algum tempo (só estive na revisão de Carreira de 1991, 1998, 1999) sabe que, nas fases finais dos processos (e muito mais no actual quadro político) há sempre muita informação e contrainformação … sobre o processo … sobre os próprios conteúdos de Propostas, Contrapropostas, etc … tudo teve, SEMPRE, um objectivo muito claro: OU DIVIDIR OS ENFERMEIROS (retirando coesão determinante para a luta) OU DESCREDIBILIZAR OS SINDICATOS NEGOCIADORES (criando clima de não confiança nos Sindicatos … “os Sindicatos não conseguem” … “os sindicatos não fazem” … como se os Sindicatos é que fizessem as Leis … Os colegas dos Sindicatos têm o dever de tudo fazer para melhor defenderem as Propostas negociais na negociação e propor aos colegas AS AJUSTADAS FORMAS LUTA NOS MOMENTOS CERTOS) … a quem interessa a desinformação e a contrainformação???

Como todos sabemos, as negociações não estão fáceis (nunca foram). Tudo faremos para obter os melhores resultados (como sempre).

Por isso, como temos dito nos Comunicados, o MOMENTO É DE TODOS SE MANTEREM ATENTOS, INFORMADOS e MOBILIZADOS … agregados em torno das informações sindicais e não “das que correm”…

Nota: Realizou-se hoje mais uma reunião entre CNESE e FENSE sobre as negociações. Amanhã há nova reunião entre SEP e MSaúde (SecEstado) sobre INEM e CSPrimários

MODELO DE DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL/ALTERAÇÃO ESTATUTÁRIA DA ORDEM DOS ENFERMEIROS

É PARA APROVAR NESTA LEGISLATURA

Esta matéria é que está, de facto e porque inerente ao respectivo processo legislativo, para APROVAÇÃO NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA.

O SEP reuniu ontem, 15.Julho, com a Comissão de Trabalho da Assembleia da República, onde esta matéria está sediada, para, de viva voz (para além do parecer emitido) e junto de todos os Partidos, defender a necessidade e importância do MDM e SUA APROVAÇÃO NESTA LEGISLATURA.

Sabemos da pressão que as Entidades ligadas ao “Sistema de Formação” estão a fazer em sentido contrário.

Contudo, os diferentes Grupos Parlamentares/Partidos presentes assumiram o compromisso de TUDO ESTAREM A FAZER PARA QUE ESTA PROPOSTA DE LEI SEJA VOTADA NA REUNIÃO DE 23.Julho.

Assim esperamos, que honrem o compromisso.

 

Cumprimentos

José Carlos Martins

(Coordenador Nacional do SEP)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 16, 2009, 20:43:06
: enfarfr
Como todos sabemos, as negociações não estão fáceis (nunca foram). Tudo faremos para obter os melhores resultados (como sempre).

Por isso, como temos dito nos Comunicados, o MOMENTO É DE TODOS SE MANTEREM ATENTOS, INFORMADOS e MOBILIZADOS … agregados em torno das informações sindicais e não “das que correm”…

Que informações sindicais?????
O que existe é tão escasso e tardio!

"...sobre os próprios conteúdos de Propostas, Contrapropostas..."
Sobre isto o que temos acesso é o que é publicado pelos próprios sindicatos, e diga-se de passagem, entre a proposta inicial do MS e a última não vejo qualquer avanço, a não ser pequenos pormenores de semântica, tais como "legis artis" e afins.

Apetecia-me expor aqui a perspectiva evolutiva das propostas e contra-propostas dos sindicatos e MS, mas estou tão farto desta novela que já perdi a vontade de o fazer. Quem quiser, pode consultá-las e tirar as suas próprias conclusões.

Em boa verdade, já nem sei o que é melhor... se é aprovar isto nesta legislatura ou na próxima. Já não quero saber! Façam o que entenderem! Já me vou mentalizando.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfermeiredo July 16, 2009, 21:23:34
: "dprocha"
"Com a proximidade das eleições e o apelo do Presidente da República aos partidos para apresentarem diplomas fracturantes na fase final desta legislatura, o Executivo adoptou, segundo fonte do PS, uma atitude de 'ponderação política'. Por isso, a carreira dos Enfermeiros (...) já não deverá ser votada no Parlamento"
http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=60718CB1-A4A1-456A-8175-F98A68849CFF&channelid=00000090-0000-0000-0000-000000000090 (http://http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=60718CB1-A4A1-456A-8175-F98A68849CFF&channelid=00000090-0000-0000-0000-000000000090)

A Ministra da Saúde, Ana Jorge, afirmou - em plena reunião sindical - querer aprovar a carreira de Enfermagem ainda esta legislatura. Fonte não oficial do PS sustenta que essa decisão será adiada para o período pós-eleitoral. Cabe aos Enfermeiros fazer desequilibrar esta balança...

Andam a brincar connosco...

Concordo, em grau muito elevado!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS July 17, 2009, 23:41:40
A respeito da entrega da petição. A meu ver ainda falta isto:
” AM disse…
Há uma coisa que me faz, como se diz na minha terra, «espécie», tanto mais que me parece evidente e ninguém fala dela.
E é a questão do 4º poder, daquele que serve de portal público para os outros 3 poderes reconhecidos num Estado baseado no Direito.

As reivindicações dos enfermeiros são, no seu cerne, justas. Uma carreira condigna, de alto grau de complexidade, que não deve ser, evidentemente, sub-remunerada, em particular fazendo-se o contraponto com outras carreiras especiais da Função Pública.

Acham admissível que os enfermeiros tenham feito uma das maiores manifestações de sempre da Administração Pública e as cadeias televisivas a tenham, na prática, ignorado? Nesse dia, no último jornal da SIC houve de facto uma referência à manifestação, na rubrica «imagens do dia», mas o jornalista, por lapsus linguae presumo eu, referiu-se a ela como uma grande manifestação de professores (leram bem). E isto depois de meia hora de Lopes da Mota e cães de 3 patas (ou coisa que o valesse) …

E agora, a entrega de uma das maiores petições nesta República mereceu o quê? Viram bem: uma nota de rodapé no telejornal da RTP… (E depois de aparecer o Mário Nogueira a queixar-se do método de avaliação dos professores…)

Alguma coisa vai mal. Se tenho lido muitos comentários de enfermeiros neste blog que se sentem desinformados, ainda mais grave que isso é a desinformação geral da opinião pública.

Sem que os cidadãos deste país saibam por que os enfermeiros lutam, sem eles saberem que um enfermeiro não ganha como licenciado, sem saberem aos anos que se aguarda a revisão da carreira de enfermagem, não se vai a lado nenhum. É ESSENCIAL a simpatia pública numa causa destas, e esta não se pode obter sem as pessoas conhecerem os motivos com os quais simpatizarem.

É que a isto há ainda que adicionar os «serviços mínimos»: uma greve nunca será total como em outras profissões públicas. E isto, em vez de aumentar a consideração de quem negoceia do lado do MS, serve como plataforma de apoio, de garantia, de «nós-ainda-podemos-ir-mais-longe-que-mais-longe-eles-não-podem-ir».

E isto torna apenas mais importante a informação, para que alguém atendido em serviço mínimo saiba que o foi por esse motivo, pela vossa profissão ser tão importante que tem um mínimo legalmente exigível, e que, se está a ser atendido não é pela «causa» não ser importante, é pelo doente agudo/grave ser, naquele momento, mais.

Mas é preciso que o Povo saiba a «causa». É preciso informar, é preciso inundar as redacções, é preciso fazer comunicados, distribuir panfletos, chamar os repórteres, fazer blogs, petições e tudo o mais.
Este foi um passo na direcção certa. Mas vai chegar a quem tem que ouvir? Vai chegar a quem manda (pelo voto) em quem manda? Ou só a quem manda e que nesta altura só parece mandar dar uma volta?”
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 18, 2009, 16:23:33
Realmente CAS, é uma coisa que me vem fazendo "espécie" há já muito tempo.
É incompreensível como a cobertura mediática parece fazer vista grossa a tudo o que diz respeito aos enfermeiros, quando tudo neste país parece ser notícia de telejornal em horário nobre.
O maior "bacalhau dourado" teve direito a mais de 1:30 min de video em horário nobre na RTP.
Se a Pimpinha vai de férias, mais 1 ou 2 min. Tony Carreira encheu pavilhão atlântico, mais 3 min.
Os professores dizem "ui", lá estão as câmaras de TV, os guardas prisionais...

Se não estivéssemos num país livre e democrático, até julgava que era de propósito!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 19, 2009, 11:01:58
Nós não somos motivo de audiência suficiente que justifique o tempo gasto nos telejornais...muito por causa das greves que fazemos e ao qual temos de assegurar os malditos serviços minimos.

Os professores fazem greve apenas nas primeiras duas horas da manhã isso incomoda muita gente... são os pais que vão ter de arranjar alguém para ficar com as crianças, incomoda o patrão dos pais porque eles chegam atrasados ou porque que vão ter de faltar porque não conseguiram arranjar ninguém que fique com as crianças...
E isso mostra a força deles, a capacidade de com uma greve chatear muita gente...e os politicos, os reporters, jornalistas, banqueiros, etc são todos pais...

A meu ver não é fazer greves a torto e a direito que vamos conseguir alguma coisa, porque acaba-se por banalizar (aliás já se banalizou!). Teriamos que pensar em algo que realmente incomode, que o incomodo seja equiparado com o puxar dos cabelos do olho do rabiosque, com o torcer dos mamilos ao acordar...(LOL já estou a divagar!)

Mas como sempre digo é a minha simples opinião...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 21, 2009, 10:52:42
Mais uma ronda negocial hoje.
À espera do milagre!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 21, 2009, 11:19:04
: Zeus-electro
Mais uma ronda negocial hoje.
À espera do milagre!

Eu acredito na vitória... Não sei é de quem... Se é do MS ou dos enfermeiros...  >:D
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 21, 2009, 11:31:08
LOOOOOOOOOOOL
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 22, 2009, 16:54:34
pessoal hoje estive a fazer uma pesquisa aqui na net para comparar algumas tabelas salariais de carreira tecnicas superiores e fiquei revoltado com aquilo que o governo quer dar aos enfermeiros em termos de vencimentos.
-carreira tecnica superior do regime geral: uma unica categoria (tecnico superior) inicio de carreira/categoria posição 11, final de carreira/categoria posição 57, não existem concursos para chegar ao final de carreira apenas avaliação de desempenho segundo SIADAP.
-carreira especial tecnica superior grau de complexidade 3 (médica) inicio de carreira/categoria de assistente posição 47, o final da categoria atinge a posição 81. Depois por concurso pode ir mais longe.
-carreira especial de inspector grau de complexidade 3, uma unica categoria inspector superior, em projecto de diploma já o governo anunciava para inicio de carreira/categoria a posição 16 e para final de carreira/categoria a posição 62 sem qualquer concurso pois a carreira é unicategorial, mas os sindicatos querem mais, mas de qualquer forma o governo anunciava uma grelha salarial melhor que a apresentada para os enfermiros.
-carreira especial de enfermagem (tecnico superior no minimo) grau de complexidade 3 pluricategorial (duas categorias), pra inicio de carreira/categoria (enfermeiro) posição 11, para final de categoria posição 48, nesta categoria nem sequer chegamos a atingir o topo como qualquer tecnico superior da carreira do regime geral (posição 57), vamos provavelmente ter o mesmo sistema de avaliação da carreira tecnica superior do regime geral (SIADAP), é necessario submeter a concurso (apos especialização) para categoria superior (enfermeiro principal) e só aí nos ser dado a posição 57 e não mais do que isso.
Pergunto: Não acham que este governo deve levar um chumbo geral? Comentem. Obrigado ???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS July 22, 2009, 19:26:50
Parreira,
estou contigo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 23, 2009, 13:09:44
"A FENSE, (SIPE+SE) reuniu no dia 22 de Julho, 10h30 no Ministério da Saúde com a Comissão Negociadora, para reafirmar mais algumas propostas que haviam sido postas em dúvida pelo Ministério.
Ainda vamos ter mais uma reunião entre 24 ou 27 para ultimarmos as negociações. Convém recordar que estão em causa os próximos anos de carreira de Enfermagem, por isso todo o cuidado é pouco e não é obra para se fazer sem as devidas cautelas.
A morosidade nas negociações deve-se a pontos de vista diferentes, entre as partes em negociação:

- Quanto ao reenquadramento dos enfermeiros, num nível superior;
- Às transições das actuais categorias para as futuras;
- A tabela salarial que não pode ter a enorme distância entre uns e outros;
- A formação em serviço e o fim à exploração dos enfermeiros, que se vão especializando naturalmente, como outros;
- O reconhecimento dessa formação pela OE;
- A responsabilidade própria dos enfermeiros e a sua autoridade técnica e científica, com todas as inerentes implicações;
- O papel dos enfermeiros em relação aos outros e destes em relação aos enfermeiros.

Neste contexto, cada palavra tem um significado próprio e um sentido unívoco, que exigem atenção e determinação, tendo em conta a mudança de nível dos enfermeiros, com a aplicação integral e, sem dúvidas, da carreira técnica superior, desde o primeiro ao último nível.
Estamos à espera de mais uma reunião que supomos ser a última, em tempo útil.

Colegas, estejam atentos ao desenrolar dos acontecimentos, pois sem coesão não há condições para fazermos justiça aos enfermeiros. E não é depois do leite derramado que vamos chorar sobre ele: é agora a oportunidade. Tentem entender-nos e ajudar-nos.
Pela Enfermagem!"

http://www.enfermeiros.pt/content/view/692/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/692/1/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 23, 2009, 13:14:22
: dprocha
"A FENSE, (SIPE+SE) reuniu no dia 22 de Julho, 10h30 no Ministério da Saúde com a Comissão Negociadora, para reafirmar mais algumas propostas que haviam sido postas em dúvida pelo Ministério.
Ainda vamos ter mais uma reunião entre 24 ou 27 para ultimarmos as negociações. Convém recordar que estão em causa os próximos anos de carreira de Enfermagem, por isso todo o cuidado é pouco e não é obra para se fazer sem as devidas cautelas.
A morosidade nas negociações deve-se a pontos de vista diferentes, entre as partes em negociação:

- Quanto ao reenquadramento dos enfermeiros, num nível superior;
- Às transições das actuais categorias para as futuras;
- A tabela salarial que não pode ter a enorme distância entre uns e outros;
- A formação em serviço e o fim à exploração dos enfermeiros, que se vão especializando naturalmente, como outros;
- O reconhecimento dessa formação pela OE;
- A responsabilidade própria dos enfermeiros e a sua autoridade técnica e científica, com todas as inerentes implicações;
- O papel dos enfermeiros em relação aos outros e destes em relação aos enfermeiros.

Neste contexto, cada palavra tem um significado próprio e um sentido unívoco, que exigem atenção e determinação, tendo em conta a mudança de nível dos enfermeiros, com a aplicação integral e, sem dúvidas, da carreira técnica superior, desde o primeiro ao último nível.
Estamos à espera de mais uma reunião que supomos ser a última, em tempo útil.

Colegas, estejam atentos ao desenrolar dos acontecimentos, pois sem coesão não há condições para fazermos justiça aos enfermeiros. E não é depois do leite derramado que vamos chorar sobre ele: é agora a oportunidade. Tentem entender-nos e ajudar-nos.
Pela Enfermagem!"

http://www.enfermeiros.pt/content/view/692/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/692/1/)


Será que vai haver apenas mais uma reunião?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 23, 2009, 13:24:19
sindicatos mais uma vez tardam em informar a classe do que se passa nas reuniões e depois vêm pedir apoio nisto e naquilo
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: rodolfo July 23, 2009, 13:28:47
Não concordo com a opinião de que os sindicatos não informam! Acho que estão a ter um trabalho fantástico, cabe a todos nós mostrar o apoio e aderir....
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 23, 2009, 13:35:55
Que eu saiba os sindicatos somos nós, se aqueles não nos informam como podemos decidir o que quer que seja, para que eles depois apresentem nas reunioes as nossas decisões. Acho que estás a ver mal o papel dos nossos representantes.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 23, 2009, 13:38:01
: Parreira
sindicatos mais uma vez tardam em informar a classe do que se passa nas reuniões e depois vêm pedir apoio nisto e naquilo

As informações sobre este tipo de matérias não se fazem assim de um dia para o outro...

Há que aguardar, por muito que custe a todos nós (já que o nosso futuro a médio e longo prazo está a ser decidido).
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 23, 2009, 13:39:38
não se esqueçam que a próxima reunião é já para a semana, creio eu, é que nem isso sabemos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 24, 2009, 10:47:20
Alteração ao Estatuto da Ordem dos Enfermeiros aprovada por unanimidade por todos os partidos com assento na Assembleia da República!

Vem aí o Modelo de Desenvolvimento Profissional, a Certificação de Competências, o Estágio de Prática Tutelada ("Internato"), a Regulação do Acesso à Profisssão, etc.

"Deu-se assim um passo decisivo e sem precedentes para o desenvolvimento da profissão e para a segurança dos cuidados de Enfermagem prestados aos cidadãos.
A Enfermagem portuguesa está de parabéns. Um agradecimento especial aos colegas que ao longo de vários anos participaram na concretização deste objectivo."

http://www.ordemenfermeiros.pt/index.ph ... 94&print=1 (http://www.ordemenfermeiros.pt/index.php?page=44&view=highlights:Print&id=794&print=1)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 24, 2009, 10:48:29
"Agradeço a sua opinião e considero que uma parte importante da resposta que solicita se encontra publicada no suplemento da revista 47, a propósito da individualização da especialidades.

A organizaçao em competências comuns e específicas tem estado a ser desenvolvida, em termos dos perfis dos especialistas. A formulação das competências acrescidas parece atender algumas das preocupações colocadas.

Todavia, suportar a individualização numa matiz, escolher eixos estruturantes e organizadores e desenvolver tipos de competências (relevo para as acrescidas), não se coaduna com a ideia de uma organização em função das especialidades médicas ou dos serviços, por preferir centrar-se nas necssidades em cuidados de enfermagem.

As listas apresentadas, contendo indiferenciadamente títulos profissionais (como é o caso dos Advanced e dos Practiotiners) e áreas de especialidade em vários campos de actuação (gestão, ensino, investigação), corresponde à concretização de um modelo profissional.

Para nós, será:

Títulos
- Enfermeiro
- Enfermeiro Especialista


Áreas de Especialização propostas:

Pessoa - Nas etapas do ciclo vital:
- Saúde Materna, Ginecológica e Obstétrica
- Saúde da criança e adolescente
- Saúde do Adulto
- Saúde do Idoso

Pessoa - Ao longo do ciclo vital:
- Saúde Mental e Psiquiátrica
- Reabilitação
- Pessoa em situação Crítica
- Pessoa em situação de cuidados continuados e paliativos

Grupos - Comunidade:
- Saude da Família
- Saúde Comunitaria
- Saúde Pública

Áreas de actuação (REPE):
- Prestação de cuidados
- Formação
- Gestão
- Docência
- Assessoria

A relação com os contextos será central na definição das competências acrescidas.

Finalmente, quanto ao papel das associações profissionais, e à visão que cada grupo escolheu ter da prestação de cuidados, são da iniciativa privada e regidas pelo direito privado, pelo que, com as finalidade de desevolver uma área de trabalho ou promover os interesses dos sócios num dado campo, podem ser criadas a associações que se entender. Ademais as próprias associações têm um percurso histórico e de enquadramento social e político da profissão."

Cordialmente, Enf.ª Lucília Nunes, Presidente do Conselho de Enfermagem

in http://enfermagempt-noticias.blogspot.com/ (http://enfermagempt-noticias.blogspot.com/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: keliinha July 24, 2009, 10:53:47
Finalmente uma luz no fim do túnel!!

A enfermagem está de parabéns! Vamos aguardar para ver entao em termos práticos como é que estas alterações serão efectuadas.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 25, 2009, 08:07:48
Rondas negociais para a Carreira de Enfermagem - recta final.


http://4.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... nicado.jpg (http://4.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/Smq2SCC3ClI/AAAAAAAADak/2_ZkO66fgMI/s1600-h/comunicado.jpg)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 25, 2009, 12:49:17
continuam os sindicatos em desunião, para quê duas reuniões?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 25, 2009, 13:25:26
A novela está quase a chegar ao fim (27 e 28 de julho)! E ao que me parece, antes do fim do mês cancelo a quota para o sindicato.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 25, 2009, 14:15:36
Eu não sou sindicalizado mas algum dia irei ser...se realmente sair alguma coisa de jeito dessas dezenas de negociações e formas de lutas...

Não gosto de pagar antes de ser servido porque saio sempre mal! Mostrem-me resultados pois então pago até ao fim da minha carreira! Que plo andar da carruagem nunca terá fim! É trabalhar até morrer... :-X >:(

Quanto às duas reuniões...realmente passou-se algo que passou-me completamente ao lado, não percebi... ???
Se alguém souber que mo diga então...
Isso é a meu ver é uma forma de o ministério ver "a bela união" que existe dentro da nossa classe... >:D
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: ruipintos July 25, 2009, 22:29:38
Caros colegas,

a questão das duas reuniões foi colocada por mim a uma sindicalista que me explicou o seguinte: o governo exigiu fazer as reuniões negociais com os sindicatos em separado. Isto porquê? Porque se algum dos sindicatos cedesse em qualquer das matérias discutidas, o governo tinha argumentos para não ir com esse assunto para a frente. Por exemplo, em termos salariais (só como exemplo), se um sindicato dissesse que aceitava os 1200 E, o outro sindicato já não tinha argumentos para negociar os 1500 E.

Isto fez com que os sindicatos, antes de cada reunião com o governo, se reunissem entre eles e acertassem os pontos que seriam discutidos nas reuniões negociais com o governo.

Acho que o esforço dos sindicatos está a ser importante para a profissão e muitas vezes incompreendido pelos colegas. Eu próprio já questionei muitas vezes e não concordo com muitas das coisas, mas acho que agora temos de apoiar.

Cumprimentos
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano July 25, 2009, 22:37:18
: dprocha
Eu não sou sindicalizado mas algum dia irei ser...se realmente sair alguma coisa de jeito dessas dezenas de negociações e formas de lutas...

Não gosto de pagar antes de ser servido porque saio sempre mal! Mostrem-me resultados pois então pago até ao fim da minha carreira!

Ou seja...

Os outros que continuem a pagar para que os sindicatos possam existir enquanto que "outros" caso se obtenham resultados positivos aproveitam, se negativos... Olha também não pagaram por isso...

Bela forma de ver a coisa... Sim senhor...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 26, 2009, 10:18:12
pois parece, pelo ultimo comunicado, que em termos salariais não vamos ter nada de melhor, espero é que o tempo (estes anos todos) estejam a contar para podermos subir de escalão (pela nova nomenclatura: posição remuneratória) e que ainda se aplique a carreira anterior (relatório critico de actividades mais tempo de serviço minimo 3 anos), pois parece-me que até nisto vamos ser prejudicados.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 26, 2009, 17:03:21
: Mauro_G
: dprocha
Eu não sou sindicalizado mas algum dia irei ser...se realmente sair alguma coisa de jeito dessas dezenas de negociações e formas de lutas...

Não gosto de pagar antes de ser servido porque saio sempre mal! Mostrem-me resultados pois então pago até ao fim da minha carreira!

Ou seja...

Os outros que continuem a pagar para que os sindicatos possam existir enquanto que "outros" caso se obtenham resultados positivos aproveitam, se negativos... Olha também não pagaram por isso...

Bela forma de ver a coisa... Sim senhor...

Olhe não me ponha palavras na boca, respeito os sindicatos mas a verdade é que discutimos tanto mas no final não decidamos nada...

É como estar a descontar para um país de corruptos e de malandros, que fazem a sua vida à base de subsidios e não procuram nada melhor...acostumam-se à mama...nesse caso não posso escolher se quero descontar ou não...

Agora quanto aos sindicatos posso escolher se quero descontar e sendo assim escolho pagar depois de ser servido...é como disse os descontos irei fazê-lo até ao fim da minha carreira...não és melhor do que eu em nada só porque és sindicalizado...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS July 27, 2009, 20:09:30
Já há noticias?...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 27, 2009, 20:25:37
Ainda é muito cedo. Se a reunião aconteceu, foi apenas às 16h de hoje...por isso, com muita sorte, só amanhã que temos notícias...mais provável ser depois de amanhã...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 28, 2009, 08:30:02
Aqui vão dois comunicados pré reuniões...

http://www.enfermeiros.pt/content/view/695/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/695/1/)

http://4.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... iaocar.jpg (http://4.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/Sm5NA2yAvSI/AAAAAAAADbE/blDw6CJ0VNM/s1600-h/ultimareuniaocar.jpg)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS July 28, 2009, 18:33:39
Ultima proposta aqui:

http://www.enfermeiros.pt/content/view/696/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/696/1/)

Desde já exijo aos sindicatos que:

NÃO ASSINEM ESSA VERGONHA!!!


A falta de cuidado na elaboração da proposta é tanta que:
Corrijam-me se estou enganado, p.f.:
É impossível dar cumprimento ao nº4 do artº23:
"Transitam para a categoria de enfermeiro principal os trabalhadores que sejam titulares das categorias de enfermeiro chefe e de enfermeiro supervisor, desde que o montante pecuniário correspondente à remuneração base a que tenham direito não seja inferior ao montante pecuniário correspondente ao nível remuneratório da primeira posição da categoria de enfermeiro principal"
Uma vez que ainda não há o tal "diploma próprio" que irá (lá para as calendas gregas) tratar das tabelas remuneratórias (artº14).
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 28, 2009, 18:48:09
estas são as duvidas que, se não me engano, nunca irão ser respondidas, porque a regulamentação das leis ou demoram eternidades a ser feitas ou nunca se fazem e com isto quem fica a perder mais uma vez são os enfermeiros.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 28, 2009, 18:57:29
e qual é a última tabela salarial apresentada pelo governo na última reunião?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 28, 2009, 19:07:06
A tabela salarial será discutida depois...isso é apenas a parte jurídica da carreira...categorias, transições para a nova carreira, como aceder à categoria de enfermeiro principal, etc
Essa última reunião serviu apenas para ajustar detalhes...
Tabelas salariais, se vamos receber mais e cenas mais concretas só para depois das eleições...
A meu ver é pa durar mais um mandato...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 28, 2009, 19:07:24
http://www.enfermeiros.pt/content/view/696/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/696/1/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 28, 2009, 21:44:36
Foi por isto que esperamos estes anos todos?

Mas que pouca vergonha vem a ser isto????
Espero muito sinceramente que não assinem esta porcaria (que é para não chamar um nome pior). As diferenças entre isto e a anterior carreira são deslumbrantes!
PREFIRO FICAR COM A CARREIRA DE BACHAREL!!!!!

@CAS
A impossibilidade de dar cumprimento ao art.23º, está salvaguardada no art.29º ponto 2:
"O presente decreto-lei produz efeitos com a sua entrada em vigor, com excepção dos artigos 14º, 15º, n.º 4 do artigo 23º e 24º, os quais produzem efeitos na data da entrada em vigor do diploma próprio aí previsto."

Ou seja, perdemos tudo o que tínhamos, passamos para a nova carreira e ainda aguardamos até que lhes apeteça fazer o diploma respeitante aos vencimentos, que pode muito bem ser no final da próxima legislatura. Ora se a ministra até tinha proposto que na transição quem fosse colocado abaixo do escalão 15 atingisse este escalão nos 2 anos seguinte, agora sabe Deus quando é que isso vai ser!

Não há qualquer salvaguarda a como se vai proceder à transição, organização do trabalho (sabemos que são 35h/semana, mas podem muito bem ser seguidas que ninguém se importa), horas de qualidade, etc... etc...

Sabemos que para chegar a enfº principal é por concurso (só ainda não se sabe como???), mas para chegar a especialista não há qualquer referência, nem se há algum benefício por se fazer uma especialidade (como por exemplo subida de escalão).

A avaliação é por adaptação do SIADAP, mas também não se sabe como... as subidas de escalão?? Não havendo referência suponho que remete para a lei geral! Notar que  houve classes profissionais a negociar o tempo mínimo para a subida de escalão (4 em 4 anos).

Não há qualquer referência ao que acontece no entretanto (enquanto não sai o dito diploma regulamentar) aos que estão próximos de subir de escalão pela carreira antiga, imagino que ao aprovar "ISTO" e extinguindo a antiga carreira, já ninguém sobe de escalão. Não fala dos que após o descongelamento já atingiram o tempo suficiente para subir e não subiram, dos que dentro de poucos meses também atingiam esse tempo e não vão subir. Mas então e os chefes? Pela redacção do art. 29º, mantêm-se na actual carreira até sair o tal diploma, ou seja, podem subir de escalão pela carreira antiga? E o resto do enfermeirame??? Passam todos para a carreira nova que no geral ninguém sabe muito bem como vai ser, porque ainda estão para sair os diplomas e decretos regulamentares que regulamentam tudo e mais alguma coisa!!!!

A meu ver a única consequência imediata desta é a perda de vencimento relacionada com as perdas nas horas de qualidade!

E já agora... o que acontece aos CIT's? Não há proposta para estes também?

EXIJO EXPLICAÇÕES URGENTES POR PARTE DOS SINDICATOS!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: moutinho July 28, 2009, 21:56:54
: dprocha
Eu não sou sindicalizado mas algum dia irei ser...se realmente sair alguma coisa de jeito dessas dezenas de negociações e formas de lutas...

Não gosto de pagar antes de ser servido porque saio sempre mal! Mostrem-me resultados pois então pago até ao fim da minha carreira!


: Zeus-electro

EXIJO EXPLICAÇÕES URGENTES POR PARTE DOS SINDICATOS!



Afinal o colega dprocha, sábado criticado, tinha as suas razões pelas quais não é sindicalizado...

Para mim, e falando em bom Português, isto é tudo uma grande "panela"... Ou um tacho!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano July 28, 2009, 23:01:07
Não percebo é que como é que não sendo sindicalizado se pode exigir o que quer que seja ao Sindicato.

Eu sou(e quem mais seja sindicalizado) e posso manifestar o meu agrado ou desagrado. Quem não é não tem porque reclamar uma vez que não pagas quotas e portanto não tem que exigir trabalho .

Quem paga um serviço pode exigir que ele seja bem feito, quem não paga não come e portanto não tem por que reclamar da comida...

Se os sindicatos, pagos por alguns para subsistirem e trabalharem, obtiverem alguma benesse , porque teriam de obter qualquer benesse pelo esforço dos outros aqueles que não pagam?

Assim é fácil... Uns que os sustentem para que os outros colham os benefícios dos sacrifícios dos outros.

Justo não é?

Quanto à carreira...

Realmente não fica claro o que muda para melhor.

Continuo a dizer que o problema não está na carreira em si mas sim no que significa o conceito de carreira... O conceito que se deveria realmente discutir era a forma de avaliação dos enfermeiros: Indexar a progressão ao desempenho e à produtividade. Por desempenho entendo dar valor a cada acção praticada por enfermeiro e por bom desempenho a acção consentânea com o exigido e com valor acrescentado para a saúde.

Enquanto as avaliações de desempenho forem periódicas e não quando necessárias, subjectivas em vez de objectivas, não há carreira ou direito adquirido que subsista ou não dependa da vontade política.

Sinceramente acredito que com a operacionalização do MDP e com o amadurecimento dos enfermeiros actuais e vindouros dentro deste novo modelo muita coisa mudará para sempre o panorama da saúde em Portugal.

Enquanto criticarmos pública e abertamente sindicatos e estruturas dirigentes, com argumentos tão básicos como alguns usados por aqui ou por nos nossos locais de trabalho, duvido que nos levem a sério.

Às vezes penso... Aquilo que exigimos em perfeição aos que nos representam (OE ou sindicatos) é o que exigimos a nós próprios na nossa actuação profissional?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 29, 2009, 08:38:46
: Mauro_G
Não percebo é que como é que não sendo sindicalizado se pode exigir o que quer que seja ao Sindicato.

Posso exigir a partir do momento que mexa directamente comigo, com a minha carreira e com o meu futuro!
Vejo colegas nossos, mas muitos colegas nossos, que não estão nem 1/10 interessados na nova carreira, com o desenrolar dela, discuti-la, nem sabiam que era com duas categorias!?!?! Porque simplesmente pagam a um sindicato que faz isso por elas! E falo de quase 6 por cada 10 enfermeiros que conheço...é uma falta de informação, de discussão, uma ignorância que até enjoa... E tu vens para aqui atirar-me na cara que não deveria exigir nada?! Mas axas que todos os enfermeiros são sindicalizados? Eu ao menos fui às manifestações mesmo não sendo sindicalizado e não fico na mama só porque desconto...

Limita-te a discutir a carreira e deixa os pormenores para depois...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 09:29:09
bem dito dprocha
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 11:00:16
a assinatura desta carreira pelos sindicatos só vai tazer prejuizos para os enfermeiros, porque peca pela falta de aspectos no diploma essenciais para a carreira. Pergunto quando vai ser discutida a nova (?) tabela de vencimentos? Não existe no diploma (?) de carreira um prazo para a sua apresentação. E entretanto o que vigora em termos de mudança de escalão, contagem de tempo de serviço, é que o diploma é claro quado diz que é revogada a anterior carreira a partir do dia de entrada em vigor ou muito próximo deste. E a avaliação de desempenho, como fica? Podia estar aqui a enumerar mais, mas estes são direitos que os enfermeiros vão perder quando entrar em vigor a nova carreira, por isso apelo a que os colegas se manifestem junto dos sindicatos para estes não assinarem uma carreira amputada e à pressa, só para agradar ao governo ou a interesses. Mais vale ficar conforme está e que se actualize a tabela salarial, uma vez que só o governo é que acha que nós não somos tecnicos superiores, para nos apresentar uma tabela salarial que dá vergonha, (pois até para os enfermeiros chegarem ao topo da carreira é necessário fazer concurso quando os restantes tecnicos superiores das carreiras gerais não o fazem), quando eles nem funcionários publicos são e ganham balurdios. (funcionários publicos: são aqueles que servem o interesse publico e não são dos que gastam mais).
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano July 29, 2009, 11:03:43
Se não existissem esses sindicatos, pagos com o dinheiro de alguns, os outros não usufruíriam das suas lutas e conquistas.

Quem não paga para ser sindicalizado não pode exigir o que quer que seja aos sindicatos não lhes parece?

Quem diz que pode exigir uma vez que mexe com a sua carreira ou o seu futuro mas não quer pagar para manter a existência de qualquer sindicato só pode reclamar pela própria inércia ou de outros colegas não sindicalizados. Se acham que a vossa carreira está mal e não são sindicalizados, façam a vossa própria estratégia para a obtenção dos vossos desejos. Não se queixem das que outros empregam e com as quais não se identificam (uma vez que não pagam).

Uma das coisas que dá poder negocial aos sindicatos é o número de associados que dispõem assim como da sua fidelidade às causas sindicais. Pior que dizer que os colegas que pagam a sindicatos e nada fazem depois é não ser sindicalizado e ainda reclamar dos sindicatos.

Os sindicatos representam os enfermeiros nele sindicalizados, o que por vezes é confundido visto que os benefícios obtidos por estes é aplicado a todos.

A atitude esperar para ver é precisamente o que fazem e pior ainda, o que mais criticam... Vejam lá essa contradição...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 12:53:12
só demagogia
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano July 29, 2009, 12:54:52
Demagogia e desonestidade intelectual é culpar sindicatos quando não se é sindicalizado e no entanto exigir-lhes trabalho, esquecendo-se como é que eles subsistem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 13:07:43
que pena tens dos sindicalistas, até parece que não é o trabalho deles defenderem uma classe sejam estes sindicalizados ou não, porque só com bons resultados é que os sindicatos tem associados, porque para pior já nos chega o governo
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 29, 2009, 13:42:38
: Parreira
que pena tens dos sindicalistas, até parece que não é o trabalho deles defenderem uma classe sejam estes sindicalizados ou não, porque só com bons resultados é que os sindicatos tem associados, porque para pior já nos chega o governo

Concordo. Aliás pelos comentários de vários blogues muito ppl está a deixar de descontar para o sindicato...acho que isso é prova mais que suficiente que os sindicatos não estão a trabalhar como deveria ser...é com noticias atrasadas, com esclarecimentos "pouco esclarecidos", e parece que trabalham em prol dos ditos chefes, supervisores e afins e não para os enfermeiros em geral! E a carreira que veio cá para fora é prova disso!!! Mauro_G da maneira como defendes os sindicatos até parece que trabalhas para um deles! Ou será que trabalhas mesmo?

Outra coisa...estão a falar em formar um sindicato novo em que todos iriam só para esse...a meu ver, mais um? Acham que poderá ser viável? Até que ponto seria vantajoso?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 15:18:35
acho que com os sindicatos que temos não vamos lá, existem muitos interesses e alguns são até politicos. Mais um sindicato não ia resolver a situação de inumeros enfermeiros que não se reveem em sindicatos, mas talvez uma associação de enfermeiros que unica e exclusivamente sejam da prática hospitalar ou centro de saúde e que sem fins lucrativos lutassem e exigissem estar presente nas reuniões com os governos e não só para debater os problemas dos enfermeiros.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib July 29, 2009, 17:34:38
: "Zeus-electro"
Foi por isto que esperamos estes anos todos?

Mas que pouca vergonha vem a ser isto????
Espero muito sinceramente que não assinem esta porcaria (que é para não chamar um nome pior). As diferenças entre isto e a anterior carreira são deslumbrantes!
PREFIRO FICAR COM A CARREIRA DE BACHAREL!!!!!

@CAS
A impossibilidade de dar cumprimento ao art.23º, está salvaguardada no art.29º ponto 2:
"O presente decreto-lei produz efeitos com a sua entrada em vigor, com excepção dos artigos 14º, 15º, n.º 4 do artigo 23º e 24º, os quais produzem efeitos na data da entrada em vigor do diploma próprio aí previsto."

Ou seja, perdemos tudo o que tínhamos, passamos para a nova carreira e ainda aguardamos até que lhes apeteça fazer o diploma respeitante aos vencimentos, que pode muito bem ser no final da próxima legislatura. Ora se a ministra até tinha proposto que na transição quem fosse colocado abaixo do escalão 15 atingisse este escalão nos 2 anos seguinte, agora sabe Deus quando é que isso vai ser!

Não há qualquer salvaguarda a como se vai proceder à transição, organização do trabalho (sabemos que são 35h/semana, mas podem muito bem ser seguidas que ninguém se importa), horas de qualidade, etc... etc...

Sabemos que para chegar a enfº principal é por concurso (só ainda não se sabe como???), mas para chegar a especialista não há qualquer referência, nem se há algum benefício por se fazer uma especialidade (como por exemplo subida de escalão).

A avaliação é por adaptação do SIADAP, mas também não se sabe como... as subidas de escalão?? Não havendo referência suponho que remete para a lei geral! Notar que  houve classes profissionais a negociar o tempo mínimo para a subida de escalão (4 em 4 anos).

Não há qualquer referência ao que acontece no entretanto (enquanto não sai o dito diploma regulamentar) aos que estão próximos de subir de escalão pela carreira antiga, imagino que ao aprovar "ISTO" e extinguindo a antiga carreira, já ninguém sobe de escalão. Não fala dos que após o descongelamento já atingiram o tempo suficiente para subir e não subiram, dos que dentro de poucos meses também atingiam esse tempo e não vão subir. Mas então e os chefes? Pela redacção do art. 29º, mantêm-se na actual carreira até sair o tal diploma, ou seja, podem subir de escalão pela carreira antiga? E o resto do enfermeirame??? Passam todos para a carreira nova que no geral ninguém sabe muito bem como vai ser, porque ainda estão para sair os diplomas e decretos regulamentares que regulamentam tudo e mais alguma coisa!!!!

A meu ver a única consequência imediata desta é a perda de vencimento relacionada com as perdas nas horas de qualidade!

E já agora... o que acontece aos CIT's? Não há proposta para estes também?

EXIJO EXPLICAÇÕES URGENTES POR PARTE DOS SINDICATOS!

Subscrevo na íntegra o comentário/pensamento deste colega.

Devo acrescentar ainda que já saiu um comunicado conjunto dos nosos sindicatos relativamente ao processo negocial na Nova Carreira de Enfermagem http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... eFENSE.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/07/290709CNESEeFENSE.pdf)

Iniciei funções em 01/1992 e logo me sindicalizei até á data de hoje, felizmente nunca precisei do sindicato para nada. Contudo penso que os Sindicatos deram um enorme "tiro no pé" ao aceitar dividir o processo negocial da nossa carreira em 2 fases... a fase mais importante quanto a mim é a das Tabelas Salariais e das Transições por sinal onde o Governo se mostra menos flexivel; a CNESE e a FNESE ao aceitarem a primeira fase negocial cederam perante o Governo, que legitimidade vão ter agora na segunda fase para reivindicar o que quer que seja?? O Governo tem a faca e o queijo na mão e vai-nos dar uma migalhitas... não esperem mais nada!

A minha desilusão perante o meu sindicato é total. Hoje acabei de perder regalias e direitos conquistados ao longo dos últimos 20 anos!

Abaixo o PS
Abaixo os Sindicatos

Em Setembro e Outubro faremos os nossos julgamentos e em conjunto com os nossos familiares e amigos concerteza vamos acertar contas com ambos (governo PS e Sindicatos)...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 18:24:54
como é que podemos estar atentos, informados e mobilizados quando os sindicatos nada mostram, ou aquilo que mostram é a pinga pinga
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 18:35:03
a negociação de uma carreira em duas fazes, esta é a nova metodologia, não sei se dos sindicatos se do governo, que é para dividir e assim poder reinar. os médicos não negociaram a sua carreira em duas fases porque sabem aquilo que querem eos sindicatos estão unidos e não demoraram muito a negociá-la, pois quando saiu a primeira proposta do governo, esta foi logo alterada, pelo governo, no dia seguinte porque não servia os interesses dos médicos e veja-se o texto final, aquilo sim é que é carreira, onde todos aspectos ficam salvaguardados. pergunto porque é que o texto das contrapropostas dos sindicatos de enfermagem são diferentes?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 29, 2009, 19:04:57
Nuns dos comunicados "pré reunião" (http://www.enfermeiros.pt/content/view/695/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/695/1/)) fala sobre a história da enfermagem em Portugal e ao qual termina com uma frase que pôs-me a pensar:

"Pela análise fria dos diplomas publicados foi sempre pelo PSD que os Enfermeiros foram ouvidos e satisfeitas as suas reivindicações."


E eles têm razão, quem ler o comunicado do principio ao fim percebe que o PSD sempre nos ajudou e que o PS nunca fez nada de jeito!

Agora, votar na Manuela Ferreira Leite? Isso não me atrai nem um pouco! No entanto, no PS NUNCA MAIS!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 19:10:47
estou contigo
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: sanbokan July 29, 2009, 19:22:18
: Parreira
a negociação de uma carreira em duas fazes, esta é a nova metodologia, não sei se dos sindicatos se do governo, que é para dividir e assim poder reinar. os médicos não negociaram a sua carreira em duas fases porque sabem aquilo que querem eos sindicatos estão unidos e não demoraram muito a negociá-la, pois quando saiu a primeira proposta do governo, esta foi logo alterada, pelo governo, no dia seguinte porque não servia os interesses dos médicos e veja-se o texto final, aquilo sim é que é carreira, onde todos aspectos ficam salvaguardados. pergunto porque é que o texto das contrapropostas dos sindicatos de enfermagem são diferentes?

Os médicos não negociaram transições nem aspectos salariais, à excepção de um suplemento de 500€ para uma situação específica creio eu...

Pensando bem, os sindicatos conseguiram que no sns não houvessem enfermeiros que não tivessem carreira, como no caso das EPEs e PPPs... Agora se esta carreira é boa, só o tempo dirá...

As questões salariais e de transição é que terão de reflectir a aquisição da licenciatura a todos o níveis! Desde o 1º ao ultimo escalão em tempo útil! Nunca a verginha que o ministério nos apresenta. Estou curioso para saber da proposta do dia 27...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS July 29, 2009, 19:22:36
No site do SEP “a boa nova”: os sindicatos, em comunicado conjunto, anunciam que assinaram o acordo.
Tal como previa já algum tempo, juntaram-se todos como que a pedir desculpa pela asneirada que fizeram.
Com que a dizer:
“Todos juntos talvez não nos batam tanto e a coisa passe melhor. Assim a culpa fica mais distribuída…”
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr July 29, 2009, 19:30:56
http://sep.org.pt/images/stories/sep/ac ... eFENSE.pdf (http://sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/07/290709CNESEeFENSE.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende July 29, 2009, 20:19:18
Andam aqui vários colegas, que devem andar na lua:
 - Ainda não perceberam que várias Leis de carreira vão ser só para os sócios dos Sindicatos (já que tanto percebem de carreiras/leis, estudem o regime de contrato de trabalho em funções publicas e o código do trabalho)
 - Falam em carreira ... mas acabam sempre a falar no dinheiro ... como se a carreira fosse quase só dinheiro (vão estudar as evoluções das carreiras, as fases, o que ficou para regular e foi depois, etc)
Tó Mané
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 21:13:47
: enfarfr
http://sep.org.pt/images/stories/sep/ac ... eFENSE.pdf (http://sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/07/290709CNESEeFENSE.pdf)

com estas frases os sindicatos chamam-nos de burros porque não percebemos o que só eles são capazes de compreender

"Colegas:
O quadro jurídico que enquadra, condiciona e baliza a negociação destes diplomas de carreira (Lei 12-A, Regime de
Contrato de Trabalho em Funções Públicas, Código de Trabalho, etc, etc) é extremamente complexo e de difícil
compreensão pela generalidade.
Também o quadro e a agenda política e do processo legislativo (passos legais para publicar diplomas) é complexa."
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 29, 2009, 21:59:04
: dprocha

"Pela análise fria dos diplomas publicados foi sempre pelo PSD que os Enfermeiros foram ouvidos e satisfeitas as suas reivindicações."


Vamos todos votar na Ferreira Leite!!! Quando dermos por ela estamos todos a ganhar mais que os médicos! E o Pai Natal existe e o coelhinho da Páscoa põe ovos de chocolate!!!!

MAS ALGUÉM ACREDITA NOS POLÍTICOS? O RESULTADO ESTÁ À VISTA!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 29, 2009, 22:05:52
até porque a Sra. Manuela já disse na televisão (fui eu que vi e ouvi) que se for eleita 1º ministra e não houver dinheiro, que não há aumentos para os funcionários publicos. Ora toma lá que já aprendeste. A Sra. não disse ela que não há aumentos para os deputados e ministros, pois estes não são funcionários publicos logo estão fora do saco, e gestores. Que venha o diabo e escolha. Eu por mim nem num nem noutro partido voto.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib July 29, 2009, 22:34:37
: CAS
No site do SEP “a boa nova”: os sindicatos, em comunicado conjunto, anunciam que assinaram o acordo.
Tal como previa já algum tempo, juntaram-se todos como que a pedir desculpa pela asneirada que fizeram.
Com que a dizer:
“Todos juntos talvez não nos batam tanto e a coisa passe melhor. Assim a culpa fica mais distribuída…”
Quando a Carreira ficar totalmente concluída por mim Sindicatos acabaram! e só não o faço já porque quem está filiado á 17 anos tem direito a saber, criticar e poder divagar sobre o fim desta longa novela... e poder ter legitimidade para os mandar a um sítio que eu sei...

Em comparação com os Professores e Médicos esta nossa Carreira é uma M..da, por me sentir discriminado perante essas classes muitas vezes até sinto vergonha em ser Enfermeiro. Os únicos (mas nem todos) que reconhecem o nosso valor são os doentes.

Quanto aos sindicatos aconselho os colegas a desistirem de serem associados. São todos iguais... uma grande bosta como ficou agora provado nesta negociata com o Governo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 29, 2009, 23:03:08
Ainda há mais outra coisa que me causa "espécie".
Porque raio publicaram a versão final da "carreira" apenas para os CTFP e logo de seguida desapareceu do site do SE, não estando público em nenhum deles (SE e SEP)?
Depois vem um comunicado conjunto a falar da carreira em tom de desculpas, referindo-se à "carreira" que agora deixou de poder se lida?

(o que vale guardei uma cópia)

Como eu costumo dizer... há qualquer coisa mal que não está bem!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva July 30, 2009, 08:47:17
Tomo a liberdade de colocar aqui o link (activo no site do SE) para a última proposta.

Pela lógica é este o documento que Sindicatos e MS acordaram. Mas não há confirmação oficial.


ÚLTIMA PROPOSTA CARREIRA DE ENFERMAGEM CTFP(1RA FASE EXCLUI GRELHAS SALARIAIS E TRANSIÇÕES) (http://www.enfermeiros.pt/images/Carreira_Enfermagem/carreira%20de%20enfermagem%20-%2028%20de%20julho%202009%20-%20vers%E3o%20final.doc)

Falta a proposta para os CITs (que deveria ser análoga).

Há confirmar-se este cenário, julgo que os Sindicatos quiseram jogar pelo seguro quanto á estrutura, mas lançando para o incerto cénario pós-eleitoral a maior reivindicação dos enfermeiros que é a equiparação remuneratória a  técnicos superiores/licenciados da função pública.

É um risco que os Sindicatos correm, sabendo que o descontentamento na classe é cada vez maior e que pode direccionar para os prórprios.

Por outro lado, é necessário perceber que há muitos pontos a incidir numa negociação destas, e que poderão haver ganhos estruturais ao acordar agora. O problema é que a maior parte da classe não estará tão a esses ganhos.

Pessoalmente, este resultado não me deixa nada satisfeito,mas compreendo a posição cautelosa dos sindicatos e tenho a certeza de que isto não é uma desistência em relação a uma tabela remuneratório e transições justas.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 30, 2009, 10:05:04
pois sobre esta carreira é que o pessoal está descontente. Por exemplo não esta assinalado em artigo a aquisição de outro nivel remuneratório para os enfermeiros que tiram uma especialidade; e que os sindicatos e enfermeiros tanto queriam ver nesta carreira. Esta carreira a meu ver baseia-se em pressupostos da lei geral, então para quê ser especial? Nada do que foi pedido pelos sindicatos e que os enfermeiros reinvidicavam estão nesta carreira, é que vi coisas escritas nas contrapropostas dos sindicatos sobre as propostas do governo ao longo das discussões e nada disso está escrito na carreira final. isto só demonstra a fraqueza dos sindicatos ou os interesses que existem por tráz destas pseudonegociações.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 30, 2009, 12:12:35
Realmente foram mais "pseudonegociações"! Não sei o que andaram a fazer nas negociações. Nos comunicados aparecia que estavam a lutar "pelas coisas mais lindas", desde o reposicionamente e reconhecimento remuneratório imediato para quem tire uma especialidade, por uma carreira unicategorial, pela avaliação de desempenho diferente do resto da função pública (visto sermos uma carreira especial) que ficou por uma adaptação do SIADAP, etc...pelo que eu vi nessa versão final não sei onde está a parte considerada "especial"...

Agora o problema está que a negociação do resto da carreira vai ser para depois das eleições, com (provável) novo governo, com novas mentalidades, com novos orçamentos, com novos principios, tudo novo...

Também isso poderá ser uma coisa boa mas (muito provável) ser uma coisa má e atrasar a nova carreira ainda mais...

Essa Carreira de enfermagem versão final é apenas um rebuçado para nós enfermeiros, no entanto saiu, a meu ver, um bocado amargoso...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano July 30, 2009, 23:25:28
Não sou dirigente sindical mas sou sindicalizado e se não me custa ouvir dizer de um colega sindicalizado que está descontente com a actuação dos sindicatos, ou mais explicitamente dos resultados por eles obtidos, de quem não é sindicalizado deixa-me algo nauseado por saber que tiveram uma actuação à sombra da bananeira e à espera dos benefícios que outros, nos quais me incluo, directa ou indirectamente pudessem obter fruto do trabalho deles.

Falaram em manifestações...

Se não existissem sindicatos pagos pelos seus sócios, estas não teriam sido feitas.

Se não existissem sindicatos, pagos pelos seus sócios, não teria havido qualquer contraproposta de carreira e nem sequer teriam carreira para discutir ou sobre a qual estarem informados...

Se os seus sócios não pagassem, não existiriam sequer sindicatos para criticar...

Portanto dizer que os sindicatos são isto e aquilo sem pagar por eles é pura e simplesmente desonestidade, para não dizer mais...


Sinceramente estou desiludido com o resultado, penso que usaram a estratégia de " mais vale um pássaro na mão do que dois a voar". Se conseguiríamos mais? Não sei... Os professores não conseguiram... Não com este governo, com este ministério composto por pessoas totalmente avessas à progressão e reconhecimento dos enfermeiros.

Ana Jorge, Francisco Ramos e Manuel Pizarro esses sim são os nossos alvos, esses é que têm de ser alvo das nossas críticas e ira. Acho que não se limitaram, em tão pouco tempo no Governo, a não beneficiar os enfermeiros como mesmo a prejudicá-los mesmo.

Não se limitaram a recusar repetidamente a nossa proposta de carreira... Foram as vacinas na Farmácia, foram os injectáveis, os pensos nas ditas cujas; foi a reacção positiva à criação de "paramédicos", enfim só coisas negativas


É contra estes que temos de mostrar a nossa indignação e não contra os que tentaram fazer alguma coisa, ainda que insatisfatoriamente. Lembrem-se que a maioria dos dirigentes sindicais não ganha mais dinheiro por isso, só chatices...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 31, 2009, 00:45:12
Resumindo e concluindo...tens a tua opinião e tenho a minha!
Outra coisa, tás nauseado? Vomita que isso passa...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano July 31, 2009, 01:01:50
: dprocha
Resumindo e concluindo...tens a tua opinião e tenho a minha!
Outra coisa, tás nauseado? Vomita que isso passa...

Lolol

Então sugiro-lhe que no futuro se dedique a ser honesto com a sua classe profissional e não reclame quando não tem razão
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: sanbokan July 31, 2009, 06:30:22
Também considero que quem não é sócio não deveria criticar, assim como usufruir das mesmas regalias dos outros.
O sindicalismo é uma mais valia, a alternativa é bem pior.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 31, 2009, 08:43:34
os foruns existem para exprimir ideias, criticas positivas e negativas, descontentamentos e outros estados de animo, etc., se isso provoca sintomas de doença, mais vale não consultar o forum.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 31, 2009, 11:38:27
para quem quizer tomar conhecimento e ver as diferenças entre carreira médica e de enfermagem, nomeadamente nas transições.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 31, 2009, 12:17:12
Parreira, a transição dos médicos não é diferente da nossa, e no geral a carreira médica não é muito diferente da nossa, à excepção talvez dos regimes de trabalho e da não remissão para o SADAP da avaliação dos médicos. A diferença é que a carreira médica já era de licenciados e a transição é feita nas mesmas categorias. Na nossa carreira, ao abolir determinadas categorias, a transição fica mais confusa.

Nota que me estou a referir apenas à transição nas categorias e não em vencimentos. Isso é outra novela que ainda vamos assistir.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 31, 2009, 12:37:17
Após uma leitura mais atenta da proposta de articulado para a nova carreira, comparando-a com a anterior, fica-se com uma noção diferente do que à partida parece ser um desastre completo. É certo que não é de todo o que estávamos à espera, mas no geral, não é muito diferente do que era a anterior. Há algumas perdas a lamentar e poucos ganhos.

Apesar de ainda não ter feito a análise do inicialmente proposto pelos sindicatos e dos resultados finais, posso disponibilizar a comparação entre a nova e anterior carreira, lembrando que reflecte apenas a minha leitura e não tem por objectivo demonstrar explicitamente as alterações reais nem as leituras legais que daí possam advir.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha July 31, 2009, 13:56:01
: Mauro_G
: dprocha
Resumindo e concluindo...tens a tua opinião e tenho a minha!
Outra coisa, tás nauseado? Vomita que isso passa...

Lolol

Então sugiro-lhe que no futuro se dedique a ser honesto com a sua classe profissional e não reclame quando não tem razão

Desde quando não estou a ser honesto com classe profissional? Ando a roubar? Não reclamo quando tenho razão...desde quando és dono e senhor da razão e os outros nunca têm razão? És algum Cavaco Silva? Como disse...tens a tua opinião e eu tenho a minha! Da minha parte, e como estou farto de dizer, tenho opinião a partir do momento que decidem sobre o meu futuro...
Ambos os discursos (meu e teu) estão a criar uma certa redundância, a invocar sempre as mesmas razões...para não criarmos uma guerra entre não sindicalizados e sindicalizados, sugiro que vás vomitar...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 31, 2009, 14:11:23
: Zeus-electro
Parreira, a transição dos médicos não é diferente da nossa, e no geral a carreira médica não é muito diferente da nossa, à excepção talvez dos regimes de trabalho e da não remissão para o SADAP da avaliação dos médicos. A diferença é que a carreira médica já era de licenciados e a transição é feita nas mesmas categorias. Na nossa carreira, ao abolir determinadas categorias, a transição fica mais confusa.

Nota que me estou a referir apenas à transição nas categorias e não em vencimentos. Isso é outra novela que ainda vamos assistir.
Então para quê criar categorias que não reflectem a realidade actual? Porque é que no inicio a carreira era para ser só com uma categoria e no final aparece mais uma (enfermeiro principal: enfermeiros da gestão) que não inclui todos os restantes enfermeiros? Isto a meu ver foi introduzido pelo governo para travar a progressão dos enfermeiros e desse modo não atingirem o topo da carreira e muito menos a carreira de tecnico superior, por aquilo que foi apresentado nas tabelas de grelha salarial. Oxalá eu não tenha razão, mas tudo aponta para que nas próximas reuniões, que o governo vá manter o proposto até aqui em termos de grelhas salariais, nomeadamente niveis remuneratórios.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira July 31, 2009, 14:17:21
a carreira dos médicos CTFP remete no artigo 26 para o SIADAP, não é diferente da carreira de enfermagem
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 31, 2009, 15:15:05
: Parreira
a carreira dos médicos CTFP remete no artigo 26 para o SIADAP, não é diferente da carreira de enfermagem

É verdade! Li a carreira dos médicos na transversal e fiquei com a ideia errada depois de ter lido "... tendo em conta o sistema de avaliação dos médicos...".

Resumindo, na verdade são muito semelhantes quanto ao articulado. O que vem a seguir é que deve diferir de certeza.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 31, 2009, 23:10:53
Já no preâmbulo da “nova carreira” de enfermagem se começa a vislumbrar aquilo que o Governo considera como “(…) um marco relevante para a dignidade e valorização da profissão de enfermeiro (…)”[1], mas não obstante este reconhecimento por parte do Governo, continua dizendo que “(…) a natureza da prestação de cuidados de enfermagem, pela sua especificidade, conteúdo funcional e independência técnica, não permite a sua absorção em carreira geral e impõe a criação de uma carreira especial.” [1]. Aqui ganhámos claramente a menção de carreira “especial”, como a seguir fica provado ao longo do articulado que a define! Já no preâmbulo da anterior carreira (DL - 437/91), nada refere quanto à “especialidade” da carreira, talvez porque na altura “(…) a preocupação de incentivar e compensar o exercício de funções em áreas de grande penosidade e também estimular a realização de trabalhos de investigação e aquisição de graus académicos como formas de contribuir para a afirmação e o desenvolvimento da enfermagem (…)”[2] fosse mais importante, ou então a profissão do enfermeiro deixou de ser penosa e já está tudo investigado.

Mas um preâmbulo é apenas isso mesmo, o que está a seguir é que realmente importa.

Mais uma vez, o art. 1º reforça logo o facto de a “nova carreira” ser “especial”, a anterior não era… era apenas carreira de enfermagem! Primeiro ponto a favor dos enfermeiros, está bem escarrapachado no papel que a carreira dos enfermeiros É ESPECIAL!

Artigo 2º - Âmbito. Ora aqui ficamos divididos! No DL-437/91 a carreira aplicava-se “(…) aos enfermeiros providos em lugares de quadro ou mapas de pessoal dos estabelecimentos e serviços dependentes do Ministério da Saúde.”[2], e “(…) aos enfermeiros dos organismos dependentes de outros ministérios (…)”[2] etc., etc., mas também “(…) igualmente aplicável aos agentes (…)”[2] e finalmente poderia “(…) ainda aplicar-se a instituições privadas de solidariedade social.” [2]. Já na “nova carreira”, o âmbito de aplicação distingue CTFP e CIT. A antiga carreira “todo-o-terreno” servia para tudo e todos. Funcionários e agentes públicos. Mas como a “nova carreira” é especial, há uma para cada tipo de enfermeiros, uma para os licenciados e outra para os licenciados!

Uma novidade introduzida pela “nova carreira especial” de enfermagem é o Nível habilitacional que quanto à natureza, o exigido é o que for definido para a “(…) atribuição de título definitivo de enfermeiro junto da Ordem dos Enfermeiros.”[1], mas além disso, os enfermeiros “(…) têm uma actuação de complementaridade funcional relativamente aos demais profissionais de saúde, mas dotada de igual nível de dignidade e autonomia de exercício profissional.” [1]. Alías, nota-se bem! De qualquer modo, é positivo que esteja escrito em DL.

Estrutura da carreira.
Áreas de exercício.
O 437/91 define 3 grandes áreas de actuação para os enfermeiros: a prestação de cuidados, a gestão e a assessoria técnica, já a “nova carreira” além de enumerar diversas áreas da prestação de cuidados, remete para regulamentação colectiva de trabalho a sua definição.
Como ponto positivo, deixa em aberto a possibilidade de “(…)vir a ser integradas, de futuro, outras áreas.” [1],  menos as que entretanto forem usurpadas, esperemos que no fim o balanço seja positivo. Há, contudo, que salientar que está explicitada a área do pré-hospitalar nesta “nova carreira”. Embora não exclusiva aos enfermeiros, já é positivo que esta seja reconhecida como uma área de exercício da enfermagem, a propósito das questões recentes levantadas pela “substituição” de enfermeiros PH por técnicos.

Categorias:
A carreira dos enfermeiros era pluricategorial, a “especial” também. Em ambos os casos as respectivas categorias são sobejamente conhecidas. Apenas se procede à aglutinação de várias categorias em menos. Enfermeiros, graduados, especialistas e alguns chefes e porventura alguns supervisores, passam a ser Enfermeiros, os restantes chefes e supervisores passam a Principais. Portanto, todos os enfermeiros, graduados e especialistas são secundários, depois há chefes e supervisores que são secundários e outros que são principais, só porque uns ganham menos que os outros! Não obstante o critério de selecção que despromove chefes e supervisores que concursaram para chegar ao posto que ocupam, a própria nomenclatura não deixa de ser redutora: Principal! Apesar de tudo, a proposta inicial de Sénior, parecia-me menos… redutora.
No geral fica tudo na mesma. Apesar de não existir a categoria de enfermeiro especialista, o conteúdo funcional da categoria de enfermeiro previsto nas alíneas j) a p) está vedado aos enfermeiros! Apenas pode ser desenvolvido por enfermeiros especialistas. O mesmo relativamente aos Principais, em que só os mais “principais” podem desenvolver o conteúdo das alíneas e) a r).
Condições de admissão:
Na versão simplex do 437/91, o novo articulado sugere que para admissão à categoria de enfermeiro seja “(…) preciso a titulação em cédula definitiva na Ordem dos Enfermeiros.”. Ora estando o MDP aprovado, sem existir ainda articulado de suporte na carreira de enfermagem, nem definidas tabelas de vencimento, nem tão pouco as vagas para EPT, é de prever que caso se arrastem as próximas negociações, não haverá enfermeiros que reúnam as condições de admissibilidade necessárias para ingressar na carreira (pelo menos para CTFP).
Notar ainda que se obteve um ganho de 1 (um) ano relativamente ao total de anos de experiência profissional necessária para aceder à categoria de principal, passando de 6 para 5, ficando no entanto vedado o acesso aos enfermeiros como previa o art. 11º ponto 3 do 437/91. Agora só é possível aceder à categoria de enfermeiro principal quem for enfermeiro especialista, que por sinal também pertencem à categoria de Enfermeiro, e à qual está vedado o acesso!

Recrutamento:
À parte o facto de deixar de ser possível ingressar na carreira pela categoria de enfermeiro especialista, o recrutamento é sempre feito por concurso, inclusive para a mudança de categoria, mas como especialista não é agora categoria, não é necessário concurso. Ou será que é? Logo se verá no que for aprovado “(…) por portaria conjunta dos membros do Governo responsáveis pelas áreas da Administração Pública e da saúde (…)”[1] que há-de definir os requisitos e os trâmites necessários. Mas até lá, mantém-se o 437/91.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro July 31, 2009, 23:13:40
Regimes de trabalho:
 Mais uma vez a versão simplex resume o extenso conteúdo de 3 artigos englobando 24 pontos numa única frase: “O período normal de trabalho da carreira especial de enfermagem é de 35 horas semanais” [1]. Isto obviamente relativo aos CTFP.
Perde-se o horário acrescido e o tempo parcial e todo o art. 56º do 437/91 relativo às regras de organização, prestação e compensação de trabalho. Suponho que na omissão remete para a lei geral do trabalho.

Incentivos e bonificações:
Não há qualquer referência no novo articulado!
Desaparecem os 5 dias de férias extra para os enfermeiros da oncologia, a redução de 1h de trabalho semanal a cada triénio para a psiquiatria e as subidas de escalão a cada 2,5 anos nos cuidados de saúde primários.

Desaparece também a bonificação por aquisição de graus académicos, nomeadamente 1 escalão por mestrado e 2 por doutoramento.

Admito que pode ser questionável a legitimidade das bonificações face à actualidade, à excepção das bonificações por aquisição de graus académicos. Pela redacção do art. 61º do 437/91, só uma ínfima parte dos enfermeiros poderiam usufruir desta bonificação, uma vez que a mesma só produz efeitos quando o detentor dos graus ascendesse de categoria. Ora na situação actual, isto estaria reservado somente a quem passar a enfermeiro principal.

Se a valorização por via profissional (especialidade) nem parece estar contemplada, pedir o mesmo para a valorização académica (mestrado/doutoramento) já parece um cenário idílico.

REMUNERAÇÕES,
TRANSIÇÕES,
AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO,
CATEGORIAS SUBSISTENTES E
CASOS OMISSOS, remetidos para diplomas próprios ou decretos regulamentares que ainda hão-de ser discutidos.

Quanto a regalias? Já se perdeu ou ainda fica para outras núpcias?


[1] Redacção final da proposta de carreira de enfermagem.
[2] Decreto-Lei 437/91 que regulamenta a carreira  de enfermagem.

PS:
Responda quem souber... a entrar em vigor a nova carreira, como se prevê, em Setembro, e não estando previsto neste articulado agora aprovado qualquer menção às horas de qualidade, como vão estas ser pagas a partir dessa data?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib August 01, 2009, 00:21:17
: Zeus-electro
Regimes de trabalho:
 Mais uma vez a versão simplex resume o extenso conteúdo de 3 artigos englobando 24 pontos numa única frase: “O período normal de trabalho da carreira especial de enfermagem é de 35 horas semanais” [1]. Isto obviamente relativo aos CTFP.
Perde-se o horário acrescido e o tempo parcial e todo o art. 56º do 437/91 relativo às regras de organização, prestação e compensação de trabalho. Suponho que na omissão remete para a lei geral do trabalho.

Incentivos e bonificações:
Não há qualquer referência no novo articulado!
Desaparecem os 5 dias de férias extra para os enfermeiros da oncologia, a redução de 1h de trabalho semanal a cada triénio para a psiquiatria e as subidas de escalão a cada 2,5 anos nos cuidados de saúde primários.

Desaparece também a bonificação por aquisição de graus académicos, nomeadamente 1 escalão por mestrado e 2 por doutoramento.

Admito que pode ser questionável a legitimidade das bonificações face à actualidade, à excepção das bonificações por aquisição de graus académicos. Pela redacção do art. 61º do 437/91, só uma ínfima parte dos enfermeiros poderiam usufruir desta bonificação, uma vez que a mesma só produz efeitos quando o detentor dos graus ascendesse de categoria. Ora na situação actual, isto estaria reservado somente a quem passar a enfermeiro principal.

Se a valorização por via profissional (especialidade) nem parece estar contemplada, pedir o mesmo para a valorização académica (mestrado/doutoramento) já parece um cenário idílico.

REMUNERAÇÕES,
TRANSIÇÕES,
AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO,
CATEGORIAS SUBSISTENTES E
CASOS OMISSOS, remetidos para diplomas próprios ou decretos regulamentares que ainda hão-de ser discutidos.

Quanto a regalias? Já se perdeu ou ainda fica para outras núpcias?


[1] Redacção final da proposta de carreira de enfermagem.
[2] Decreto-Lei 437/91 que regulamenta a carreira  de enfermagem.

PS:
Responda quem souber... a entrar em vigor a nova carreira, como se prevê, em Setembro, e não estando previsto neste articulado agora aprovado qualquer menção às horas de qualidade, como vão estas ser pagas a partir dessa data?
Olá colega dizes e muito bem no teu comentário que desaparece a bonificação por aquisição de graus académicos, nomeadamente 1 escalão por mestrado e 2 por doutoramento. Acrescento que desaparece também a bonificação que existia na anterior carreira de ser formador em serviço durante 3 anos consecutivos (dava direito á subida dum escalão na categoria remuneratória horizontal), certo?

Já agora que li atentamente a nova carreira fiquei aqui com uma dúvida:

Relativamente ás remunerações - artigo 14º, ponto 2  diz o seguinte: "Os trabalhadores integrados na carreira especial de enfermagem em exercício efectivo de funções nas USF`S são agrupados autonomamente, para efeitos remuneratórios em tabela própria, nos termos previstos por diploma próprio." Isto significa o quê? que os colegas em funções nas USF`s vão ganhar mais? ganhar menos? para terem uma tabela remuneratória própria é porque vão  existir alterações em relação á tabela "geral". Recordo que para as usf`s já existem incentivos aprovados no dec-lei 298/2007 de 22 de Agosto...

Alguém poderá ajudar-me a esclarecer esta pequena dúvida aqui apresentada?

Abraço
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 01, 2009, 15:40:20
Já anteriormente eramos carreira especial, porque pertenciamos a um corpo especial, portanto nada de novo, a unica novidade é que está escrito, vamos ver se ficamos a ganhar mais por isso.

Porque há funcionarios publicos e os contratos individuais de trabalho, estes últimos regem-se pela legislação do código do trabalho.

Valerá a pena tirar uma especialidade e esta não ser reconhecida imediatamente em termos económicos?

Horários acrescidos!! Só se fossem para enfº-chefe, porque aqueles que efectivamente o deveriam fazer (enfº) para prestar cuidados aos doentes, não lhes era atribuido. Dá-se umas horas extra que eles comem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC August 02, 2009, 00:50:48
@Zeus
O Artº 28º da nova carrerira mantem em vigor os Artºs 43º ao 57º, portanto os regimes de trabalho, as compensações e as bonificações da psiquiatria e oncologia estão salvaguardados.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende August 02, 2009, 02:22:26
Tal como as Intervenções dos Enfermeiros são do domínio da Ciência de Enfermagem (preâmbulo do REPE - o Estado reconheceu a inserção da Enfermagem na Comunidade Científica da Saúde), também fazer e interpretar Leis é do domínio da Ciência Jurídica.
Quando os interpretes da actividade não dominam a respectiva Ciência, coisa boa não dará?
O instrumento que estão a interpretar não é nenhuma peça de literatura, é uma Lei.
1 - Avaliação de Desempenho: Os Médicos nunca tiveram nenhum Sistema Específico. Aplica-se o Regime Geral/SIADAP que nunca fizeram. Enfermeiros foram pioneiros e têm um Sistema Específico. Em todas as propostas do MS que o SEP divulgou, este MS sempre nos quis remeter para o SIADAP, 1.º aplicar imediatamente o SIADAP e depois evoluiram para que os Enfermeiros tivessem o SIADAP adaptado.
Consequências disto/aplicação do SIADAP: Os Enfermeiros passam a ser avaliados por outros que não Enf; aplicação directa de quotas de Menções de Mérito; Progressão de 5/5 anos
Nesta versão Acordada com os Sindicatos como fica? n.º 2, art.º 21 - Até à entrada em vigor da adaptação aplica-se a actual. Por isso também diz (art 28) que a partir do art 43 até 57 do 437/91 não foi revogada. Conclusão: quando eles forem negociar a adaptação os Sindicatos partem da actual: só enfermeiros avaliam enfermeiros; não há ainda quotas para méritos, e a Progressão está em aberto.
Parem de desancar, sindicalizem-se e participem nas reuniões.
2 – Horas Suplementares – Todas as Propostas do MS que o SEP divulgou, no que respeita à Organização do Tempo de Trabalho (Horários, HComplementares, HExtra, etc), o MS sempre nos remeteu para a Lei Geral (Regime de Contrato de Trabalho em Funções Públicas/Lei 59/2008/menos 300 euros por mês em HQualidade em média).
Na versão acordada com os Sindicatos, isso desaparece. Só fala que se mantém as 35 h. Mas no artigo 28, diz que se mantém em vigor os artigos 54 a 56 do actual 437/91.
Conclusão: Mantém-se os Actuais Horários da Actual Carreira de Enfermagem e o Pagamento das HQualidade/Extra pelo 62/79 nos Hosp e CSaúde … nem os Médicos têm.
Parem de desancar, sindicalizem-se e participem nas reuniões.
3 – Alguém questionou a Psiquiatria e a Oncologia – Até à ultima proposta do MS divulgada pelo SEP, o MS queria revogar.
Na versão acordada pelos Sindicatos, art. 28, vem lá a expressar que o art.º 57 do 437/91 (que é o relativo a esta matéria) se mantém em vigor
Parem de desancar, sindicalizem-se e participem nas reuniões.
4 – Falaram nos Concursos e andam a comparar versões? Perceberam que nas 1.ªs Propostas do MS divulgadas pelo SEP, o MS remetia-nos para a Lei geral. Conclusão: passaria a haver outros que não enf nos júris de concursos dos enfermeiros.
Na versão acordada pelos Sindicatos, art. 13, nº4, diz lá que se mantém a actual legislação de Concursos do 437/91. Ou seja, só enfermeiros continuam a fazer parte de júris de enfermeiros.
Parem de desancar, sindicalizem-se e participem nas reuniões.
5 – Sobre o Modelo de Carreira para o futuro, os colegas estão a fazer confusão: Sou enfermeiro e ao fim de 5 anos de exercício e o título de Especialista estou em condições de concorrer a Principal (n.º3, art.º 13). É por concurso. O Enfermeiro Principal não é o chefe do futuro.
O Enfermeiro Principal, porque tem o título de Enf Especialista, tem por funções da alínea j) a p) do art. 9 (diz o n.º2 do art.º 9º) e da alínea a) a d) do art 10 (diz o n.º 2 do art 10). As alíneas e) a r) do art 10 são para os colegas que estão na chefia e direcção (regulados no art. 18) em comissão de serviço.
Assim o Principal é para Prestar Cuidados Especializados, integrar Comissões/grupos que fazem Assessoria (CCI, gestão do risco, qualidade organizacional e de cuidados, etc, etc), a tempo inteiro ou parcial), coordenar funcionalmente “grupo de enfermeiros da equipa de enfermagem do serviço” (ou seja, responsáveis de turno T e N, “chefes de equipa” - Urg/BO/etc, especialistas que acompanham/prestam/apoiam pequenos grupos de enf na M, enf que coordenam enf das usf, ucsp, usp, ucc. Em bom rigor é uma Categoria de Prestação de Cuidados … por isso, mesmo na proposta do MS já chegam ao topo da TSuperior - 57… coisa que nunca tivemos na Carreira até hoje. Terão ainda responsabilidades da formação em serviço, acompanhamento de estudantes do base e das especialidades (MDP da Ordem dos Enfermeiros que é a regular por DL). Calma.
As Funções de Chefia/Serviço e Direcção/Departamento (“chefes e Supervisores”) estão no n.º 2 do art.º 10 e no art.º 18 … os colegas negociadores só não conseguiram o “concurso”. Mesmo a remuneração a regulamentar será acima do Nível 57 (da TSuperior)
Parem de desancar, sindicalizem-se e participem nas reuniões.
6 – Quanto aos 2 “escalões” por obter o título e não ir a Principal, o MS sempre recusou. Está nos Comunicados. Mas isso é “Progressão” … para o DL de Agosto ou da Avaliação de desempenho como quer o MS e o SEP informou
7 - Quanto às Transições não leiam o que lá não está. Pois, de operacionalização da coisa, nada está.
8 – Quanto a ter mais “escalões” por mestrados, pós graduações e doutouramentos, esqueçam. Nenhum Sindicato defende isso. No SEP, em 2003 fizemos essa discussão em reuniões com os colegas por todo o país. E a decisão geral dos colegas foi NÃO. E bem. É realista pensar que uma EPE ou o H da Arrábida/Boavista/Luz/Lusíadas/, etc, paga mais por terem mais uma habilitação literária? Acham que mais habilitação literária se traduz obrigatoriamente em mais quantidade e qualidade de trabalho? Não. O que os “Patrões” estão disponíveis para pagar mais é a Enf + Competentes (conhecimento na acção/praxis) e que Desempenhem melhor. Níveis de competências certificadas pelos da profissão já esta regulado (pela Ordem) e vai ser apurado (MDM=Exercício Profissional Tutelado – Título de Enfermeiro, e, “Internato da Especialidade” – Título de Enf Especialista). Desempenhar melhor/Avaliação de Desempenho é com o SEP. É aqui, neste DL, que se define a Progressão, o combate às quotas do mérito, a contagem do tempo anterior (desde 2004).
9 - Quanto aos colegas em CIT, já conhecem o DL? Leram a Nota conjunta de Acordo de todos os Sindicatos? Do legalmente possível de fixar só faltou a “harmonização. Tenham calma e CONFIANÇA.
10 – Acham que os mais de 400 colegas que participam com regularidade (DRegionais) no SEP, de todo o país, idades, gerações, categorias, anos de serviço, CTFP, CIT, CTC, CAP não têm o sentir de todos os enfermeiros? O SEP (todos estes) que é raríssimo assinar Acordos, assinava um, estruturante para os próximos anos, se o balanço global não fosse positivo? Acham que alguns deles, que já estiveram na negociação dos DL 437/91, DL 412/98 e DL 411/99 (todos de Carreira) se esqueciam de coisas ou não sabem o que estão lá a fazer, nas negociações?
11 – O SEP está a preparar um Comunicado explicando o relevante (se fosse simples até vocês já o tinham feito). Eles explicarão melhor estas coisas e as difíceis opções que tivemos de fazer num Conselho Nacional do SEP, no sentido de melhor defender os interesses de todos os enfermeiros (isto de passar a Grelha e Transições para outro DL a negociar a partir de 26/8). E vai fazer por todo o país, em Agosto, algumas reuniões. Vão lá.
Por tudo isto e mais que se saberá, temos de ter muita calma e MUITA CONFIANÇA.
Vamos manter a UNIDADE, a ESPERANÇA e a MOBILIZAÇÃO. A 2.ª Fase negocial recomeça já a 26 de Agosto. E as Propostas do MS e Sindicais são conhecidas. Vamos a eles (Governo e seguinte) com força, como sempre foi.
Tó Mané – Delegado do SEP, informado
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende August 02, 2009, 03:23:11
Esqueci-me de dizer uma coisa.
Chegar aqui, com estes resultados - comparem com a proposta originária do SEP e do MS (e eles explicarão melhor a saída pelas 2 categorias e o passar Grelha e Transições para 2 fase) SÓ FOI POSSÍVEL GRAÇAS ÀS GREVES, CONCENTRAÇÕES E MANIFESTAÇÕES QUE FIZÉMOS.
Eu que a certa altura fui dos que defendia Greve de 5 dias e mais ... quando avaliámos e comparámos o nivel de adesão do 2.º dia de greve, em Greves de 2 dias (30/9 e 1/10/2008) e 2 e 3/4/2009 ... amainei logo a bola ... com 5 dias era para chegar ao 5.º dia com 10% de adesão ... naturalmente mais frágeis, num momento que na negociação requeria mais força.
Eu que tive dúvidas em toda esta estratégia, dou a mão à palmatória (já dei) ... os colegas do SEP com mais anos disto "jogaram bem" ...
Ou seja, como nos explicaram, sendo esperado que o ministério levasse o fecho do processo para o Verão (momento em que  é possível fazer Greves, mas muito mais difícil) ... fizemos(justamente e nos momentos certos) uma demonstração infernal de força até ao Verão (Greve a 20/Fev; Greve a 2 e 3/Abril; Greve e Grandiosa Manifestação a 12/Maio, sem falar nas Concentrações de 5/Junho/2008 e 10/Julho/2008 e Greve e Manifestação a 30/Set e 1/Out/2008 - nem os Prof fizeram tantos dias de Greve) e ... estando o Governo mais perto das eleições (depois da derrota das europeias de 7/Junho) e o ministério com a incerteza se faríamos Manif/Greves em Junho/Julho (pois já tínhamos feito em 2008 e noutros processos negociais) ... estariam mais disponíveis para ceder, tentando um Acordo. .
Assim pensámos e decidimos, assim fizemos, assim resultou. Como eles dizem, "está tudo escrito na estratégia de guerra".
Agora chegou-me um operado e tenho de ir trabalhar.
Tó Mané
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende August 02, 2009, 10:59:46
O Doutor Enfermeiro não publicou ou censurou o meu 1º comentário. Porque será?
Tó Mané
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib August 02, 2009, 11:21:30
: João Pedro Allende
O Doutor Enfermeiro não publicou ou censurou o meu 1º comentário. Porque será?
Tó Mané
Olá Tó Mané
será que me podes ajudar a esclarecer este assunto?


Relativamente ás remunerações - artigo 14º, ponto 2  diz o seguinte: "Os trabalhadores integrados na carreira especial de enfermagem em exercício efectivo de funções nas USF`S são agrupados autonomamente, para efeitos remuneratórios em tabela própria, nos termos previstos por diploma próprio." Isto significa o quê? que os colegas em funções nas USF`s vão ganhar mais? ganhar menos? para terem uma tabela remuneratória própria é porque vão  existir alterações em relação á tabela "geral". Recordo que para as usf`s já existem incentivos aprovados no dec-lei 298/2007 de 22 de Agosto...


Obrigado
Abraço
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende August 02, 2009, 12:09:59
Como não consigo explicar bem, não domino bem, logo não explico para não dizer bacoradas. Peço-te calma e CONFIANÇA. Não te esqueças que o "núcleo permanente" da negociação da Carreira (Zé Carlos Martins, Guadalupe e Pedro) foi o mesmo que negociou os Incentivos para os enfermeiros das USFs. Eles sabem o que estão a fazer.
Se és sócia do SEP envia mail para sede
Tó Mané
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 02, 2009, 12:11:50
Fica muita coisa importante para 2ª fase, não sei se será bom!
Muitas materias aqui apontadas, ficam para discussão posterior. Se não forem discutidas ou acordadas, esta carreira vai acabar por prevalecer sobre a anterior, e os artigos da anterior vão deixar de vigorar. Esta é a minha opinião.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende August 02, 2009, 15:10:43
Parreira
Não sou Advogado, mas Enfermeiro. E só quero ser mais e melhor enfermeiro. Mas diz quem sabe, e até nós delegados do SEP sabemos que, se a lei diz que se mantém uma coisa em vigor até haver nova coisa sobre a mesma matéria, ela mantém-se continuadamente em vigor. No caso, Avaliação, Concursos, horários, etc mantêm-se sempre em vigor até haver novas leis sobre essas matérias, que revoguem as anteriores .
Quanto a essa coisa de ficar muita coisa para depois ... sempre foi assim. Fui estudar (O SEP editou uma revista com a evolução das Carreiras): Em 1981 foi a Nova Carreira que alterou estruturalmente as do passado. Ainda hoje temos o mesmo modelo. Entretanto, os Sindicatos conseguiram n alterações: 1983, 1985, 1987, 1990, 1991 (2), 1998, 1999. Tudo isto só foi possível com a guerra dos enfermeiros ... nunca tivémos nenhum Ministro da Saúde ou Governo de enfermeiros.
Agora, ao fim de 28 anos, com esta Nova Carreira, há uma mudança de paradigma, de modelo, de ruptura com o passado ... para responder às novas exigências.
Era interessante ver destes diplomas o que ficou sempre para regulamentar ... para depois.
Estes Projectos de Diploma agora acordados são o ínicio ... faltam n matérias para regular a seguir ... desde logo, o 1.º DL sobre grelha e transições.
Eles explicarão melhor a opção no Comunicado.
Mas, atenção, isto ainda não é Lei. Falta o Presidente da República promulgar e ser publicada
Tó Mané
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: keliinha August 02, 2009, 23:57:20
Estive a ler com alguma atenção o que foi aprovado para a carreira de enfermagem, e de facto ha novos horizpntes, novas prespectivas que podem fazer face ás exigencias que a evolução da enfermagem exige. No entanto o melhor do bolo não apareceu..continuamos com uma remuneração não coincidente com as nossas habilitações académicas, continuamos a ser discriminados relativamente aos restantes tecnicos superiores.

Realmente agora começam a considerar a enfermagem pilar fundamental nos cuidados de saude, entramos numa nova hera, num novo paradigma, mas isso não basta, também gostariamos de ser recompensados correctamente pelo nosso trabalho e dedicação profissional.

A mim o governo não me cativou com a aprovação desta carreira, sinceramente  precisariam de ter feito bem mais e não foi por falta de luta e união dos enfermeiros, neste caso acho que é falta de bom senso por parte dos nossos governantes..e até somos uma boa fatia de eleitores, mas não temos o mediatismo de outras obras..enfim ha que manter a esperança!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 03, 2009, 10:52:19
Foi publicada em Diário da republica carreira Especial de Inspector.
Olhem para a grelha salarial e comparem aquilo que o governo nos quer dar com aquilo que deu para os inspectores e comentem, porque ainda não está tudo dito e os sindicatos precisam de nos ouvir.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 03, 2009, 10:53:24
Desculpem a carreira está aqui
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 03, 2009, 16:34:25
Isto está publicado no doutorenfermeiro.blogspot.com

"Li no Forum Enfermagem a análise de um suposto delegado sindical, relativamente à nova carreira de Enfermagem.
Fiquei decepcionado com esta versão final - não nego! - porque simplesmente as minhas expectativas para a mesma eram manifestamente elevadas! No séc. XXI espera algo mais do que um facelift...
Levando em linha de conta a análise formulada pelo prezado colega, não queria deixar de tecer breves comentários relativamente a certos excertos:
..

Avaliação de desempenho
..

"quando eles forem negociar a adaptação os Sindicatos partem da actual: só Enfermeiros avaliam enfermeiros; não há ainda quotas para méritos, e a Progressão está em aberto"


Está é uma dedução arriscada, principalmente porque é algo a ser adaptado à posteriori (e não me alongo mais)...
O MS pretende adaptar o SIADAP aos Enfermeiros. Isto é ponto assente. Até lá mantêm-se em vigor as actuais regras. No futuro ninguém sabe - serão definidas quotas de progressão? Enfermeiros continuarão a avaliar Enfermeiros?
.
Suplementos Remuneratórios
.
"Horas Suplementares – Todas as Propostas do MS (...) sempre nos remeteram para a Lei Geral (Regime de Contrato de Trabalho em Funções Públicas/Lei 59/2008. Na versão acordada com os Sindicatos, isso desaparece. Só fala que se mantém as 35 h. Mas no artigo 28, diz que se mantém em vigor os artigos 54 a 56 do actual 437/91.
Conclusão: Mantém-se os Actuais Horários da Actual Carreira de Enfermagem e o Pagamento das HQualidade/Extra pelo 62/79".


Vejamos: de facto o artigo 28º refere que, apesar do DL 437/91 (antiga carreira) ser revogado, os artigos 43º a 57º se mantêm em vigor ("na medida em que não forem contrárias ao regime por ele estabelecido, até ao início da vigência do instrumento de regulamentação colectiva de trabalho"). O disposto no ponto 9 do artigo 54º do DL 137/91 remete-nos para o velhinho DL n.º 62/79 de 30 de Março de 1979 (vigente mesmo com a revogação de alguns pontos e alíneas), no qual o artigo 5º, 6º e 7º definem os suplementos remuneratórios (ainda?) em vigor para a nossa profissão.


Mas, é bom não esquecer que o diploma que regulará esta matéria será negociado à posteriori (e não me alongo mais)...
.
Concursos
.
"Falaram nos Concursos e andam a comparar versões? Perceberam que nas 1.ªs Propostas do MS divulgadas pelo SEP, o MS remetia-nos para a Lei geral. Conclusão: passaria a haver outros que não enf nos júris de concursos dos enfermeiros. Na versão acordada pelos Sindicatos, art. 13, nº4, diz lá que se mantém a actual legislação de Concursos do 437/91. Ou seja, só enfermeiros continuam a fazer parte de júris de enfermeiros."


É verdade, mas... (só?) até à aprovação da portaria prevista no número 2 do mesmo artigo.
.
Hierarquia da Enfermagem
.
"As Funções de Chefia/Serviço e Direcção/Departamento (“chefes e Supervisores”) estão no n.º 2 do art.º 10 e no art.º 18 … os colegas negociadores só não conseguiram o “concurso""


Este "só" é tremendamente importante. Isto coloca em causa a suposta defesa e imparcialidade na estrutura hierárquica dos Enfermeiros. Uma comissão de serviço, nomeada a título mandatário com o objectivo impor regras políticas e vontades trucidantes dos Conselhos de Administração e do Poder Central, mata toda a estrutura começando logo por destapar a casa, retirando-lhe o telhado. Se a política "designate-my-boy" reina nos CA's, então também começará a reinar bem perto de todos os Enfermeiros: pelo mão do respectivo "chefe"!
Troca-se assim a competência/formação pelas amizades e pelas almas vendidas ao diabo. De uma penada só encurralaram a Enfermagem! Os concursos e nomeações definitivas podiam não ser a pérola que brilha no topo da perfeição, mas não auguro boas novas com as comissões "designadas"... podem desenganar-se aqueles que pensam que o critério "capacidade de liderança" seria útil...


Relativamente às nomenclaturas "Enfermeiro/Enfermeiro Principal" não lhes reconheço lógica alguma! Não têm qualquer afinidade com a profissão - são demasiadamente simplex! Estávamos bem melhor com o Enf/Grad/Esp/Chefe/Supervisor - mais específicas e adequadas!
.
Remunerações
.
"Mesmo a remuneração a regulamentar será acima do Nível 57"


O interesse além do topo superior, é a porta de entrada e a rápida progressão. Seá que os Enfermeiros desejam, por justiça meritória, ter um bom salário depois de dezenas e dezenas de anos de exercício profissional?
Tal como os outros diplomas de elevada importância, será negociado à posteriori...


Incentivos/Bonificações
.
"Quanto a ter mais “escalões” por mestrados, pós graduações e doutoramentos, esqueçam. Nenhum Sindicato defende isso. No SEP, em 2003 fizemos essa discussão em reuniões com os colegas por todo o país. E a decisão geral dos colegas foi NÃO. E bem. É realista pensar que uma EPE ou o H da Arrábida/Boavista/Luz/Lusíadas/, etc, paga mais por terem mais uma habilitação literária?"


É realista e pertinente premiar a formação. É mais do que realista pensar que todas as instituições têm de respeitar a lei estabelecida. É tão realista, como por exemplo, um especialista ser compensado monetariamente após o seu investimento académico/formativo.


Imensos colegas beneficiaram do artigo 60º do DL 437/91 (relativo a esta matéria). Aliás, aqueles devidamente informados requereram a avaliação dos estudos e trabalhos de investigação (para bonificação de 2 anos de serviço...)! Nada disto inviabiliza ou é oponente ao Modelo de Desenvolvimento Profissional, por isso a afirmação "os Sindicatos não defendem isso" (várias classes profissionais também usufruem deste incentivo/bonificação)! Afinal de contas, os Enfermeiros lutam por algo paralelo: equiparação salarial (no fundo é uma bonificação, ou não?) aos restantes licenciados (também é é um grau académico, ou não?!) da Administração Pública!
.
Perante um cenário menos bom, a maioria dos Enfermeiros, ao que constato, já fica satisfeita se se mantiverem as condições da antiga carreira... "já não é mau!" - pensarão alguns! No fim veremos. Eu, sincera e obviamente, espero que sim!"


Gostei dessa análise realista...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: keliinha August 03, 2009, 16:52:05
Mais uma vez o doutorenfermeiro remete-nos para a versão real da nova carreira aprovada, ou melhor " pseudo aprovada", já que o mais importante fica para depois..já na epoca em que o curso passou a licenciatura, o ajuste das tabelas remuneratorias ficou para a postriori...e já la vão uns aninhos largos e continua a ficar para a posteriori...veremos até quando!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro August 03, 2009, 18:22:50
Estava a elaborar a minha resposta ao Tó Mané, mas na realidade alguém já o fez por mim no post anterior.

Mais devo salientar que relativamente ao ponto 5 da análise que faz, realmente não há quem entenda. Se pelo art. 24º diz que:
"Transitam para a categoria de enfermeiro principal os trabalhadores que sejam titulares das categorias de enfermeiro chefe e de enfermeiro supervisor, desde que o montante pecuniário correspondente à remuneração base a que tenham direito não seja inferior ao montante pecuniário correspondente ao nível remuneratório da primeira posição da categoria de enfermeiro principal". Ora se o montante pecuniário correspondente ao 6º (último) escalão de supervisor é actualmente 2.845,43 € (tabela salarial para a FP, fonte: SEP), então ninguém passa a Enfermeiro Principal mesmo mantendo-se a proposta da tabela salarial proposta pelo MS. (Já sei que este art. não é revogado de imediato, mas vai ser no futuro e como tal vai produzir os seus efeitos). Depois diz que "...o Principal é para Prestar Cuidados Especializados...", então para que a distinção imposta pelo n.º 2 do art. 9º?

Relativamente ao "Acham que mais habilitação literária se traduz obrigatoriamente em mais quantidade e qualidade de trabalho? Não. O que os “Patrões” estão disponíveis para pagar mais é a Enf + Competentes (conhecimento na acção/praxis) e que Desempenhem melhor." Quando se refere aos mestrados e doutoramentos é no mínimo ridículo que ache que não se traduz em qualidade de trabalho. Não entendo como é que até hoje a prestação de cuidados tem evoluído senão pela produção científica e pela produção de novos saberes. Ao contrário do que possa já imaginar, não me refiro apenas ao trabalho académico produzido pelos "profs", mas também pelo desenvolvimento que os colegas da prática têm trazido para a enfermagem. E é bom que os enfermeiros comecem a investir seriamente nesta área e se deixem do "faço por que vi fazer", "sempre se fez assim". E não me vai propor que se invista tempo e dinheiro a troco de nada quando o resultado serve todos, incluindo o próprio "patrão".

Relativamente ao que os "patrões" estão disponíveis para pagar, é NADA! Se pudessem não pagar, não pagavam! Quando querem mais qualidade e quantidade, pagam mais uns trocos aos chefes para controlarem a multidão descontente.

E não me alongo mais, porque quando se fala em chefes começa logo a polémica!

Por isso, caro Tó Mané, se leu bem os meus posts, em primeiro lugar, nunca foi meu objectivo reproduzir aqui A LEITURA explícita da carreira de enfermagem, apenas reflecte a minha opinião e isso está escrito, mas ainda assim, na sua ânsia de desancar nos "ignorantes" não foi capaz de interpretar o tom irónico com que foram escritos.

Portanto, pare de desancar, informe-se e acima de tudo INFORMEM!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 03, 2009, 21:01:50
: João Pedro Allende
8 – Quanto a ter mais “escalões” por mestrados, pós graduações e doutouramentos, esqueçam. Nenhum Sindicato defende isso. No SEP, em 2003 fizemos essa discussão em reuniões com os colegas por todo o país. E a decisão geral dos colegas foi NÃO. E bem. É realista pensar que uma EPE ou o H da Arrábida/Boavista/Luz/Lusíadas/, etc, paga mais por terem mais uma habilitação literária? Acham que mais habilitação literária se traduz obrigatoriamente em mais quantidade e qualidade de trabalho? Não. O que os “Patrões” estão disponíveis para pagar mais é a Enf + Competentes (conhecimento na acção/praxis) e que Desempenhem melhor. Níveis de competências certificadas pelos da profissão já esta regulado (pela Ordem) e vai ser apurado (MDM=Exercício Profissional Tutelado – Título de Enfermeiro, e, “Internato da Especialidade” – Título de Enf Especialista). Desempenhar melhor/Avaliação de Desempenho é com o SEP. É aqui, neste DL, que se define a Progressão, o combate às quotas do mérito, a contagem do tempo anterior (desde 2004).

Aqui vai um comentário que acho que vai responder a isso...
"Estou cansada... estou cansada de lutar e da hipocrisia e ignorância de alguns enfermeiros (que por acaso parecem bem mais do que o que eu pensava)... Pois bem, luta-se pela concretização da elevação da nossa dignidade profissional e também pessoal. É com muita pena que vejo pessoas sem capacidade na profissão, e relaticamente a este post não posso deixar de manifestar o meu desagrado. Para além de tudo aquilo o que se vem falando posso dizer concretamente que os enfermeiros enquanto não mudarem a sua mentalidade de pequenez nunca conseguirão nada. Em todas as classes profissionais se as pessoas investirem na nossa formação académica para além da profissional são reconhecidos, no entanto, se um enfermeiro investe num mestrado ou doutoramento (e não estou a falar daqueles que se fazem com relatórios finais de estágio em escolas de enfermagem ou daqueles onde se debate um tema que já 200 enfermeiros falaram, mas sim daqueles que investem em investifgação científica)nunca é reconhecido. Falo por experiência própria e digo que sou mais rapidamente reconhecida pelos médicos, professores universitários, e comunidade científica em geral do que pelos meus pares. É triste, não é? Decepcionante... Pois, ninguém se lembrou que estas pessoas que trabalham com tanto afinco, afinal também trazem prestígio e inovação à profissão. Desta forma, seremos sempre aqueles que dão as "picas". Deixo esta reflexão que penso que será compreendida por todos."

É triste...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 August 03, 2009, 22:25:55
Por mais texto e texto que se escreva e se apresente, sempre disse e sempre concordei com a filosofia da mentalidade, em que seja na Enfermagem seja em que área pessoal, profissional, social, etc., for, a verdade é que as coisas não se mudam se não se muda o "mundo" primeiro, e o mundo não se muda se não se mudam as pessoas, e por sua vez as pessoas não se mudam se não se mudarem mentalidades. O problema é que para além de tentarmos a maioria das vezes fazermos as coisas na ordem inversa, a maioria de nós, sim de nós, infelizmente sejamos realistas e sinceros connosco mesmos, pois todos ou a maioria de nós contribui um pouquinho que seja, para a situação que se vive. No passado era-mos uma classe inferior no que respeitava ao sector profissional, neste momento somos uma classe de topo mas parece que fomos tão "bem educados" que não conseguimos ser flexíveis ao ponto de vergar ou mesmo quebrar o que era e realizar o que é e deveria ser a essência da nossa prática, e não chega só ideais nem arrancar com as coisas, porque como a maioria das coisas na vida, criar é fácil de certa forma, gerir e manter é que é o caraças.

Ainda existe muito medo e censura, insegurança e incerteza entre os nossos "capatazes" e "operários", e o problema é mesmo isso, é que os "capatazes" não se mexem, não procuram mais e melhor, pois na sua maioria estão acomodados ao seu estado actual e os "operários" porque os "capatazes" não se mexem então pensam que também não podem fazer nada, afinal não é esse o lema que se ouve aqui e ali? "Ai e o que é que nós podemos fazer?", "Pah, é mesmo assim, não há nada a fazer...", "Não vale a pena..." e outros que tais...ainda hoje, nos nossos dias, se vêm os ditos "capatazes" a meter medo aos seus "operários" com intimidações, "censuras", ameaças, chantagens, etc., afinal em que mundo vivemos? A verdade é que eles fazem isso e é errado, é ilegal, então e cada um de nós não o permite constantemente, nem que seja naquelas alturas em quase todos nós, um pouquinho ou um bocadinho mais também vacilamos ou facilitamos?

O esforço nunca será o mesmo com duas pernas que com uma debandada, é preciso é estar decidido a fazer estragos e caminhar "levando tudo à frente", e isto não é fazer greves atrás de greves, manifestações atrás de manifestações, sejamos realistas, realmente ajudou em alguma coisa, conseguiram-se grandes passos que estiveram anos há espera, e porquê? Porque só agora tivemos a capacidade de fazer algo que já devia-mos, e sinceramente conseguia-mos ter feito há anos! É preciso outra atitude de Enfermagem, de uma carreira, de um grupo profissional e pessoal, outra postura, outra garra e outra dedicação...muitos de nós não gostam de fazer comparações, sobretudo com os nossos caros colegas de medicina, eu também gosto de evitar comparações, sobretudo quando não se encontram em igualdades de circunstâncias, mas a verdade é que tanto queremos fazer, parece que temos vergonha de imitar outros como se isso não fosse digno, mas outros conseguiram e nós vamos conseguindo, vamos falhando e mais denegridor da imagem é o facto de ainda termos quem se dê ao gosto de gozar com a nossa cara ainda que muitos possam não ter essa percepção. Acho que falta acção aos enfermeiros portugueses, porque palavra têm muita, mas é só de pensamento ou boca fora, na hora de a empregar e "praguejar" as coisas são bem diferentes, nem com o lema da nossa nação concordamos nas nossas atitudes e posturas, coragem e esperança...bem esperança vamos tendo, mas é que chovam mudanças e reformas.

Deixo aqui os meus 5 cêntimos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 04, 2009, 11:13:34
dprocha a tua análise aos comentarios do colega que parece ser sindicalista, são muito pertinentes e eu apoio-te. Ja eu tinha escrito que deixar matérias tão emportantes para 2ª fase não augura nada de bom, parece que esta carreira foi acordada para cumprir calendario e mostrar que os sindicatos nada fizeram. Oxalá eu esteja redondamente enganado, mas não auguro nada de bom para o nosso futuro, pelos vistos os diplomas mais importantes ainda estão para ser discutidos, isto é, a regulamentação do que já foi acordado.

Já agora pergunto ao sindicalista, como está o processo de mudanças de escalão, ainda se mantem o congelamento? Parece-me que os sindicatos se esquecem de esclarecer os seus associados, porque as negociações mantem-se, mas a antiga carreira ainda não foi revogada e entretanto tenho conhecimento de que colegas já perfizerem mais um modulo de 3 anos com avaliação de desempenho de satisfaz, não contando o periodo de congelamento.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 04, 2009, 11:35:46
foi publicada hoje em diário da republica a carreira médica
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 04, 2009, 13:44:10
Parreira o próximo governo que entrar, vai entrar sem maioria absoluta! Ao entrar sem maioria absoluta não vai conseguir implementar nada, porque quando foi à assembleia parlamentar os partidos estão sempre contra o partido que está no governo e não querem que o governo implemente nada para no final da legislatura, quando forem fazer análise dizerem "nestes 4 anos esse governo não fez nada!".

Por isso o futuro é negro, vão ser 4 anos a marcar passo, para no final dar a pressa toda para implementar algum "rebuçado" para nós "chuparmos" na esperança de satisfazer as minorias!

Nem gosto muito de pensar nisso...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro August 05, 2009, 18:55:55
Comunicado do SE:
http://www.enfermeiros.pt/content/view/699/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/699/1/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro August 05, 2009, 21:26:22
Comunicado do SEP
http://www.sep.org.pt/ (http://www.sep.org.pt/)

no vídeo: "um acordo estratégico"!

Não adianta grande coisa e inclusivamente até parece um pedido de desculpas... mas isso devo ser só eu a imaginar coisas.

De qualquer forma, estas explicações não me satisfazem e continuo a aguardar pelas explicações formais, se for em modo de reuniões tanto melhor, digam-me só onde e quando!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 06, 2009, 11:02:34
Vamos ver o que ai vem. Pelo que se ouve e vê no video, em termos de grelhas salariais, e uma vez que o governo não quer dar o topo da carreira à categoria de enfermeiro e que os sindicatos optaram por incluir na categoria de enfermeiro principal (topo da carreira) funções de cuidados aos especialistas entre outras, esperamos que os sindicatos exijam do governo e que fique em termos de lei a obrigatoriedade de abertura de concursos pra enfermeiros principais, pois só assim a maior parte dos enfermeiros atingirá o topo da carreira. Parece-me um bocado irrealista que assim venha a acontecer por parte das administrações hospitalares, pois se eles podem fazer o mesmo com enfermeiros para quê os principais. Mas não esquecer que para passar para principal além do concurso o enfermeiro tem de ter uma especialidade, e é aqui que a ordem dos enfermeiros tem um papel importante, no querer que todos os enfermeiros tenham uma especialidade atravez da implementação do MDP, que me parece está ainda muito crú. Isto tudo para dar resultado ainda deve demorar uns bons anos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 06, 2009, 11:51:22
O problema é que tá ai...nesse país quando existe a implementação de alguma coisa falamos sempre em anos e nunca em meses...daí a nossa insatisfação de ter saído apenas um parte da carreira e ainda negociar a grelha salarial! É que as negociações vão demorar anos, a implementação são mais uns aninhos e depois para recebermos a diferença lá vão mais uns...

Mas vamos esperar para o dia 26 de Agosto, e vermos o que sai da primeira reunião. Acho que temos que pensar um passo de cada vez, já que pensamos dessa forma de à uns anos para cá, não custa assim tanto...;)  :-X
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 06, 2009, 13:32:45
Dois comentário que li por aí...

"Mais comunicados, mais greves para quê?

Acabou-se a carreira de Enfermagem, não tenhamos mais ilusões. Negociar a tabela salarial? Isso ainda vai ser pior. Nunca se viu alterar uma carreira e deixar para depois de sabe-se Deus quando, a actualização da tabela salarial, isto para não falar da vergonha que vai ser a nova carreira.Achamos que somos muito importantes dentro do sistema de saúde, mas depois somos tratados desta forma e pior ainda, perante a inercia de quem nos representa. Sou sindicalizado desde que exerço a minha actividade mas vou deixar de o ser, pois não será mais à custa de 1% do meu vencimento que pessoas como as que temos no sindicato possam destruir aquilo que muitos construiram durante tantos anos.
Tenham vergonha e demitam-se e venham para o campo para serem vocês próprios vitimas da desgraça que acabaram de construir.
Sou enfermeiro há acerca de 18 anos e pela primeira vez sinto que valemos muito pouco:
- somos licenciados e não ganhamos como tal
- qualquer outro nos substitui e nada se faz
- Reclamou-se tanto contra os enfermeiros chefes, mas agora podemos ser chefiados por lambe botas e nada vamos conseguir fazer
- No meu serviço a minha enfermeira chefe é mais nova do que eu, tem um percurso académico que a habilita a ser enfermeira principal, mas a nova carreira não lhe permita porque o seu vencimento base é pouco mais de 1700€. Passou por um concurso foi nomeada e agora cai no saco de tantos outros que não quizeram ou não conseguiram ou simplesmente decidiram que nada faziam?
- São estes enfermeiros chefes mais novos que têm uma postura de proximidade com a equipa, com os doentes e na orientação e gestão dos cuidados que serão mais penalizados, porque aqueles de que todos nos queixamos esses vão ser enfermeiros principais, e amigos vão continuar a minar todo o sistema.
- Mais uma vez estamos enganados, fomos todos enganados pelos colegas dos sindicatos e agora vamos ter uma carreira que não serve para nada.
Adeus Enfermagem...Gostei de te ter conhecido.....

Razão tinha a minha avó qundo me dizia - Tu queres ser enfermeiro? Vai para professor, Médico ou Padre, são sempre as pessoas mais importantes da terra. Paz à sua alm"


"Estive a ler o comunicado conjunto dos Sindicatos relativamente ás negociações e, perdoem o meu sentir, é inevitavel perceber uma passividade e um "..se faz favorzinho...".

Os Sindicatos tiveram a maior parte dos colegas ao seu lado para greves, manifestações, marchas e afins. Porque não exerceram mais pressão?? Como é possivel ter-mos tão pouca visibilidade???

Agora acenam com a nova ronda negocial. Se a carreira era importante estar pronta e aprovada antes das eleições, não o será tambem a grelha salarial, a transição, a avaliação??? Se mantiverem a mesma postura bem podem dizer adeus ás pretensões de toda uma classe que tem investido, que se subjugou a regressar novamente a mais formação para que lhe fosse reconhecido e possivel transitar para a categoria de licenciado.

Há colegas que esperam há anos e anos por esta transição, ao contrario, por exemplo dos educadores de infancia, que transintam logo após o complemento formativo. Agora perguntamos, e de quem é a culpa disto?????? Quem aceitou que teria de existir um numero significativo de colegas com o complemento feito para se "pedir" esta transição?????
E esperam que depositemos a nossa confiança em vós????
A confiança tem de se conquistada nunca pedida ou exigida. Mereçam a nossa confiança ou caso contrario bem podem começar a pensar regressar ao trabalhinho nos hospitais e centros de saude porque não sei quem qererá contribuir para os sindicatos...."


no comment...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys August 06, 2009, 22:40:31
Alguém me poderá explicar como ficam os enfermeiros das regiões autonomas (Açores e Madeira) nesta confusão que é a nova carreira de enfermagem, será que continuam a ser funcionários publicos???

BJS
Herys
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 August 07, 2009, 00:10:17
: dprocha
Dois comentário que li por aí...

"Mais comunicados, mais greves para quê?

Acabou-se a carreira de Enfermagem, não tenhamos mais ilusões. Negociar a tabela salarial? Isso ainda vai ser pior. Nunca se viu alterar uma carreira e deixar para depois de sabe-se Deus quando, a actualização da tabela salarial, isto para não falar da vergonha que vai ser a nova carreira.Achamos que somos muito importantes dentro do sistema de saúde, mas depois somos tratados desta forma e pior ainda, perante a inercia de quem nos representa. Sou sindicalizado desde que exerço a minha actividade mas vou deixar de o ser, pois não será mais à custa de 1% do meu vencimento que pessoas como as que temos no sindicato possam destruir aquilo que muitos construiram durante tantos anos.
Tenham vergonha e demitam-se e venham para o campo para serem vocês próprios vitimas da desgraça que acabaram de construir.
Sou enfermeiro há acerca de 18 anos e pela primeira vez sinto que valemos muito pouco:
- somos licenciados e não ganhamos como tal
- qualquer outro nos substitui e nada se faz
- Reclamou-se tanto contra os enfermeiros chefes, mas agora podemos ser chefiados por lambe botas e nada vamos conseguir fazer
- No meu serviço a minha enfermeira chefe é mais nova do que eu, tem um percurso académico que a habilita a ser enfermeira principal, mas a nova carreira não lhe permita porque o seu vencimento base é pouco mais de 1700€. Passou por um concurso foi nomeada e agora cai no saco de tantos outros que não quizeram ou não conseguiram ou simplesmente decidiram que nada faziam?
- São estes enfermeiros chefes mais novos que têm uma postura de proximidade com a equipa, com os doentes e na orientação e gestão dos cuidados que serão mais penalizados, porque aqueles de que todos nos queixamos esses vão ser enfermeiros principais, e amigos vão continuar a minar todo o sistema.
- Mais uma vez estamos enganados, fomos todos enganados pelos colegas dos sindicatos e agora vamos ter uma carreira que não serve para nada.
Adeus Enfermagem...Gostei de te ter conhecido.....

Razão tinha a minha avó qundo me dizia - Tu queres ser enfermeiro? Vai para professor, Médico ou Padre, são sempre as pessoas mais importantes da terra. Paz à sua alm"


"Estive a ler o comunicado conjunto dos Sindicatos relativamente ás negociações e, perdoem o meu sentir, é inevitavel perceber uma passividade e um "..se faz favorzinho...".

Os Sindicatos tiveram a maior parte dos colegas ao seu lado para greves, manifestações, marchas e afins. Porque não exerceram mais pressão?? Como é possivel ter-mos tão pouca visibilidade???

Agora acenam com a nova ronda negocial. Se a carreira era importante estar pronta e aprovada antes das eleições, não o será tambem a grelha salarial, a transição, a avaliação??? Se mantiverem a mesma postura bem podem dizer adeus ás pretensões de toda uma classe que tem investido, que se subjugou a regressar novamente a mais formação para que lhe fosse reconhecido e possivel transitar para a categoria de licenciado.

Há colegas que esperam há anos e anos por esta transição, ao contrario, por exemplo dos educadores de infancia, que transintam logo após o complemento formativo. Agora perguntamos, e de quem é a culpa disto?????? Quem aceitou que teria de existir um numero significativo de colegas com o complemento feito para se "pedir" esta transição?????
E esperam que depositemos a nossa confiança em vós????
A confiança tem de se conquistada nunca pedida ou exigida. Mereçam a nossa confiança ou caso contrario bem podem começar a pensar regressar ao trabalhinho nos hospitais e centros de saude porque não sei quem qererá contribuir para os sindicatos...."


no comment...

Uau...acho que neste momento me fico mesmo pelo "no comment" também, pois qualquer comentário acho que acabaria por dizer algo muito semelhante aos colegas que escreveram o supracitado.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 07, 2009, 08:13:00
: herys
Alguém me poderá explicar como ficam os enfermeiros das regiões autonomas (Açores e Madeira) nesta confusão que é a nova carreira de enfermagem, será que continuam a ser funcionários publicos???

BJS
Herys

Em relação a isso a carreira é geral e nacional. No entanto, açores, madeira e continente as pessoas que trabalham para a função pública são funcionários públicos...só que os açores mantêm os "antigos" quadros...
Não sei se depois irão fazer alguma alteração, ou se vão "adaptar" às regiões autónomas por terem os "antigos" quadros...mas penso que não...só se for uma questão de nomenclatura...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: J.Ribeiro August 07, 2009, 11:31:06
Parece-me que não podiam ter cedido em dois pontos essenciais:


 - duas categorias... é manter o capataz e o empregado, é desrespeitar as opções de carreira dos vários enfermeiros, deveria existir o enfermeiro coordenador do serviço, de igual para igual com os seus pares. Não o patrão e o empregado. Foi mais um falhanço negocial.


- como é que permitem fracturar desta forma a negociação... opção estratégica... não... suicidio.. sim, nunca mais serão levados a sério. Como é que o sr enfermeiro José Carlos Azevedo tem a distinta lata de chamar estratégia a tamanha falta de visão... parece outra que todos conhecemos a falar...


pequenina nota de rodapé... como é que os senhores que estiveram na negociação com o ministério das finanças permitem que os insultem com uma proposta de indices e progressões que leva 60 anos a atingir o topo da carreira ? Peço desculpa aos moderadores do forum... mas santa paciencia... como é que permitem ser tão insultados e maltratados na vossa suposta inteligencia...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: J.Ribeiro August 07, 2009, 11:35:42
o que os sindicatos fizeram desonra todo o empenho que os enfermeiros colocaram nestas negociações. Desonra todo os esforço que quem se mobilizou, de quem pediu para que a carreira pudesse ir para a frente antes do final da legislatura.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro August 07, 2009, 13:36:07
Estão a ser agendadas reuniões informativas nos diversos pontos do país (ver site SEP).

Há demasiadas informações contraditórias. O que se lê no articulado não reflecte a leitura que os sindicatos fazem. Há muito ainda por regular!

Enfim, uma tremenda trapalhada que importa esclarecer!
Neste momento aguardo ansiosamente por explicações por parte dos sindicatos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 August 08, 2009, 23:37:02
Durante muitos anos a Enfermagem parou, parece que quando atingiu a Licenciatura em 1999 foi o cume da profissão e aí estagnou como se houvessem mais patamares, 10 anos depois, lembram-se os ditos "responsáveis e detentores do poder" que afinal a escada tem ainda muitos degraus a escalar e então querem num ano fazer o que em 10 ou mais arrastaram, desleixaram, facilitaram e despreocuparam?

Pior que nos atirarem areia para os olhos, nós os mantermos abertos para levar com mais de ano para ano, é o facto de o slogan da nossa Ordem ser 10 anos Pela Qualidade da Saúde...com isto, onde fica e onde está "10 anos Pela Qualidade da Enfermagem"?

Sinceramente não me admira que as coisas tenham vindo a descambar drasticamente e que apesar dos passos que se têm dado, o desmoronar da maioria dos alicerces que se tentam erguer é mais que real, viável e quase obrigatório, porque a base continua praticamente intocável, há muito a fazer nas fundações antes de se pensar em re-edificar, ou diria mesmo, edificar a profissão...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Fillipinha August 11, 2009, 14:09:19
nós nunca vamos ser reconhecidos como licenciados...
os professores conseguem tudo o k querem. pk é k nós nao? parece k a nossa OE é nossa inimiga... so servem pra receber dinheiro.
Afinal o k seriam dos hospitais sem os escravos(enfermeiros)????
Estou mt desiludida com a profissao k escolhi.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 August 13, 2009, 22:26:27
A mim a profissão não me desilude, desiludem-me os ditos/escolhidos responsáveis da mesma aos vários níveis.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano August 25, 2009, 01:21:31
Um comentário que subscrevo totalmente

[align=center:3fp1svmv]Os velhos e os novos do Restelo. [/align:3fp1svmv]    

 
Quando é fácil escrever umas coisas sobre a carreira, sobre a enfermagem, sob a capa do anonimato, lá vem ao de cima a figura do “velho do Restelo”, para caracterizar os saudosistas, os que têm saudades do tempo passado e por isso temem perdê-lo e com essa perda, tudo o que o pretérito significa. No fundo, um apelo à sua juventude, naquele tempo.

O problema anda sempre à volta da juventude: os que foram e os que vão sendo e vão deixar de ser.

Fala-se muito dos Velhos do Restelo, para lhes imputar coisas que não disseram, porque, entre outras razões: era só um e não disse nada do que lhe imputam.

Vejamos o que diz a estrofe 94 e seguintes do canto IV dos Lusíadas: «Mas um velho de aspecto venerando, Que ficava nas praias entre gente, Postos em nós os olhos, maneando Três vezes a cabeça, descontente, A voz pesada um pouco levantando, que nós no mar ouvimos claramente, Com um saber só de experiências feito, Tais palavras arrancou do experto peito:Ó glória de mandar! Ó vã cobiça Desta vaidade a quem chamamos fama! Ó fraudulento gosto que se atiça, Com uma aura popular que honra se chama! Que castigo tamanho e que justiça Fazes no peito vão que muito ama! Que mortes, que perigos, que tormentas, Que crueldades nestes experimentas!»

.«Dura inquietação de alma e da vida, Fonte de desamparos e adultérios, Sagaz consumidora conhecida De fazendas, de reinos de impérios! Chamam-te ilustre, chamam-te subida, Sendo digna de infames vitupérios; Chamam-te Fama e Glória soberana, Nomes com quem se o povo néscio engana!». Portanto, não devemos aplicar levianamente significados alheios às palavras que proferiu o velho do Restelo, figura do aspecto venerando, com um saber todo ele de experiências feito, falava da “glória de mandar” e da “vã cobiça” da “vaidade” dita “fama”.

Fala das esposas e filhos abandonados e dos possíveis adultérios, bem como das terras abandonadas e das perdas de impérios, elevado preço do feito, que foi, a viagem à Índia e das vantagens/desvantagens, que daí advieram para o reino.

Não obstante, a obra continuou e para dar sentido às diferenças entre a sabedoria experiente e a aventura comandada pela cobiça, pela vontade de mandar, pela procura da fama, não há conciliação possível. Nenhuma delas se incompatibiliza, ou se anula. O venerando velho avisa, de acordo com as suas vivências e experiências, mas a decisão não é dele, mas sim dos que tentam experimentar a qualquer preço, coisas novas.

O Velho do Restelo seria inconveniente em relação à aventura se o aventureiro seguisse os conselhos sábios do Velho.Sabido, como é, que os não segue, nem pode, pois se o fizesse, lá se ia a aventura, costuma servir de desculpa para justificar vontades frouxas (não faço isto porque o Velho me desencorajou), quando devia dizer: não faço esta obra, porque não sou capaz ou porque estou a dar razão ao Velho…Aparece a desencorajar os valentões e aventureiros, em formação ou falsificados.

Quando são os verdadeiros Jovens do Restelo, ao contrário do Velho, que tem saudades do passado, do vivido, eles têm saudade, mas do futuro e do incerto, da aventura.Aplicar estes conceitos à nova carreira pode cair-se na inversão desta tendência, isto é; ser o Velho do Restelo a ter saudades do futuro e da aplicação de um novo esquema de carreira e serem os Jovens do Restelo a terem saudades do passado que, de todo em todo, não viveram, mas que, apesar disso, os seduziu.

O dilema é que se fosse assim não havia evolução; não haveria pessoas novas a fazerem coisas novas, a transformarem as potências da Enfermagem em actos, mas teríamos Jovens do Restelo a fazerem coisas velhas, chorando eternamente sobre os leites derramados.Por muito estranho que isto pareça, vale a pena pensá-lo seriamente: “sempre vale a pena, quando a alma não é pequena” disse Fernando Pessoa.

Cordiais Saudações Sindicais,
O Presidente da Direcção do SE - José Azevedo


Retirado de: http://www.enfermeiros.pt/content/view/706/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/706/1/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 25, 2009, 08:47:44
Um comentário com base nos Lusíadas, muito bem feito...parece um soneto cantado e com um tom de justificação...isso mostra que têm dentes para morder, mas até que ponto isso irá ser positivo...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro August 25, 2009, 10:12:31
A mim parece-me mais do mesmo!

Muita prosa e pouco sumo.
Eu prefiro respostas concretas e não recitais de Camões ou Fernando Pessoa, aliás, nunca fui grande fã de Camões.

Fui à procura dessas resposta nas reuniões de esclarecimento que o SEP promoveu, e agora venho dar razão aos sindicatos quando dizem que os enfermeiros não aderem e não se interessam.

Para quem conhece, o auditório da ULS tornou-se demasiado grande para acolher um punhado de gente que os dedos da mão chegavam para contar e saliento ainda que a grande maioria eram chefes e supervisores, para os quais, em princípio, a categoria subsiste. Para os demais, para quem as alterações vão mesmo ter impacto... fica o vazio, não estavam lá!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano August 25, 2009, 16:32:21
Basicamente o sumo que se pode retirar é que os enfermeiros mais novos são os mais desmotivados e os mais velhos de espírito.

Muitas vezes sou obrigado a concordar... E eu sou dos enfermeiros mais novos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 25, 2009, 23:41:03
Nós percebemos o sumo...no entanto o sindicato deveria apregoar ordem e união e não atacar "uma das partes" porque estamos todos no mesmo barco...e não sei até que ponto isso trará vantagens...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano August 26, 2009, 05:20:32
@dprocha

Invocar união nos enfermeiros também passa por não "atacar" os sindicatos publicamente
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 26, 2009, 08:19:08
@mauro_g

Tens razão em dizer para não atacar os sindicatos. No entanto, não sou nenhuma instituição, e a minha opinião não prevalece sobre ninguém...o que escrevo aqui (bem como o colega mauro) é simplesmente um desabafo que poucos leêm e muitos se picam. Não é um comunicado geral aos enfermeiros, é como disse, um desabafo...que pode muito bem ser contrariado...não estou aqui para satisfazer ninguém, não estou a ser pago para isso...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 26, 2009, 08:38:09
Só para avisar que a reunião do dia 27 passou para o dia 8 de Setembro...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Vitor A. August 26, 2009, 21:43:04
: dprocha
Só para avisar que a reunião do dia 27 passou para o dia 8 de Setembro...


Se a reunião passou para Setembro, o Governo de então não terá apenas funções legislativas de gestão até á tomada de posse do novo governo?
As decisões que daí sairem, terão efeito? ???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys August 26, 2009, 21:54:08
Não estou a entender nada????
Mas não era hoge a primeira reunião???
Dia 27, Setembro???
Sinceramente...não entendo...
 Fiquem bem...
Herys
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib August 27, 2009, 02:52:12
: dprocha
Só para avisar que a reunião do dia 27 passou para o dia 8 de Setembro...

Mas que grande novidade... já estava á espera disto! e depois no dia 8 de Setembro vai ficar para outra data.

Alguém acredita que a nossa carreira vai ficar completamente revista durante esta legislatura?
Aquela primeira fase do acordo que para mim é uma bosta foi apenas para nos manter calados pois as eleições estão próximas e uma greve não vem nada a calhar...

Os nossos sindicatos andam a fazer o jogo do Governo! porque não uma greve em força antes das eleições?? estão com medo de quê??
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano August 27, 2009, 03:44:10
O que é uma greve em força?

Não são todas as greves "em força"?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 27, 2009, 08:30:26
Explica-te melhor...greve em "força" em que sentido?
Porque como o colega mauro_g disse "não são todas as greves "em força"?".
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib August 28, 2009, 22:55:54
: Mauro_G
O que é uma greve em força?

Não são todas as greves "em força"?
Olá
uma greve em força e a sério é quando a mesma é convocada por várias entidades sindicais e não apenas por uma isoladamente como tem acontecido já por diversas vezes.

Por outro lado mais força teria se a mesma fosse por tempo indeterminado coisa que até agora nunca vi...

Mais força teria se todos os colegas se unissem e aderissem em massa coisa que até agora raramente acontece (na minha instituição os chefes não fazem greve pois têm que preservar o acrescido...)

Abraço
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib August 29, 2009, 23:22:26
Outra coisa que não percebo... os enfermeiros fazem uma greve geral, as tv`s praticamente nem falam do assunto. Quando são os arrumadores das malas da TAP ou os Polícias Municipais (alguns apenas têm a 4ª classe com o devido respeito) os telejornais passam meia hora seguida a falar destas importantes paralizações...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira August 30, 2009, 13:07:11
: enf-tib
Outra coisa que não percebo... os enfermeiros fazem uma greve geral, as tv`s praticamente nem falam do assunto. Quando são os arrumadores das malas da TAP ou os Polícias Municipais (alguns apenas têm a 4ª classe com o devido respeito) os telejornais passam meia hora seguida a falar destas importantes paralizações...


Porque os sindicatos não fazem comunicados à sociedade, ficam-se pelos comunicados à imprensa que só lê quem tem acesso a jornais. Este é que é o problema dos sindicatos. Não gostam de aparecer que é para não se queimarem, porque outros valores se levantam. Não sei se me entendem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha August 31, 2009, 01:21:21
Eu até gostava de entender...no entanto explica-te melhor para a malta...o "Não gostam de aparecer que é para não se queimarem, porque outros valores se levantam." desculpa mas tou meio po lento... ;)

Bem sei que as comunicações não são as melhores...mas também não somos a classe da saúde que faz mais estragos quando há greve...aliás a classe trabalhadora...porque até os homens do lixo (não tenho nada contra eles) se fizerem greve fazem mais "cócegas" do que nós, porque simplesmente causam impacto nas suas greves...
Nós não mostramos o que valemos no SNS, a falta que nós fazemos...as pessoas continuam a pensar que o médico é que é o maior e que faz tudo...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: rffvrocha September 01, 2009, 14:09:16
: dprocha
Eu até gostava de entender...no entanto explica-te melhor para a malta...o "Não gostam de aparecer que é para não se queimarem, porque outros valores se levantam." desculpa mas tou meio po lento... ;)

Bem sei que as comunicações não são as melhores...mas também não somos a classe da saúde que faz mais estragos quando há greve...aliás a classe trabalhadora...porque até os homens do lixo (não tenho nada contra eles) se fizerem greve fazem mais "cócegas" do que nós, porque simplesmente causam impacto nas suas greves...
Nós não mostramos o que valemos no SNS, a falta que nós fazemos...as pessoas continuam a pensar que o médico é que é o maior e que faz tudo...

Concordo plenamente....um hospital ou um centro de saúde não funciona sem enfermeiros...mas sem médicos já consegue funcionar!! Um centro de saúde sem enfermeiros simplesmente nãi funciona, visto que mais de 70% dos utentes que os "visitam" é pa usufruirem dos cuidados de enfermagem....é pena a enfermagem não ser unida o suficiente... não é com greves de 2 dias que vamos lá....uma semaninha de greve total e tinhamos o ministério da Saúde a ceder... ;p pah a ver vamos...andam a gozar connosco e nos a ver...não ganhamos como licenciados, fazemos trurnos "desgraçados", somos uma profissão de risco a nível fisico e emocional...deveriamos de ser compensados não só com respeito que nos devem, mas ta no final do mês ;)

Acima de tudo orgulho-me de ser Enfermeiro...mas nos dias que correm não é facil sê-lo....

Um abraço a todos!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Jconeves September 02, 2009, 14:58:05
: rffvrocha
Acima de tudo orgulho-me de ser Enfermeiro...mas nos dias que correm não é facil sê-lo....

Colega, sublinho o que disse e sobretudo o ultimo parágrafo...

É doloroso quando vemos que a situação que rodeia a nossa profissão poderá ser causada, antes de mais, por nós mesmos... por aqueles a quem chamamos colegas!
Tenho uma opinião, que provavelmente devem compartilhar comigo, já que muitos de nós a vivemos na pele...

Desde logo, na escola, há uma competitividade desmedida em deitar o outro a baixo...para assim nos evidenciar-mos! sem que percebamos que juntos podemos fazer muito melhor porque juntamos os fortes d cada um!!

com grande pena, esse comportamento apura-se e enquanto profissionais apenas damos seguimento a estas condutas de competitividade, ganancia, falsidade e até mesmo maldade! preferindo muitas vezes "queimar" o outro, para que depois eu seja valorizado! Temos que nos unir....

Temos que lutar juntos pela profissão...porque se todos sabemos que estamos mal, porque é que só alguns lutam e acabam por ser depois prejudicados!?

Enfim...resta-nos o gosto pela Enfermagem, não é colega rffvrocha!? ::)

cumprimentos
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 September 02, 2009, 22:45:47
Identifico-me bastante com muito do que foi dito nos últimos 3 posts e concordo também que somos nós e só nós que fazemos a enfermagem e construímos a imagem, valor e respeito que esta apresenta e representa, cabe-nos a nós fazer e desfazer e parar de estar à espera que alguém o faça por nós.

Orgulho-me de ser enfermeiro, mas tal como o colega rffvrocha disse, nos dias de hoje tem dias que não é facil.

Cabe a todos e a cada um de nós, de baixo e de cima, os superiores não fazem nada sem nós e nós não fazemos muito sem eles, devemos todos compreender bem isso e de uma vez por todas aplica-lo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 03, 2009, 21:45:13
"Os quatro sindicatos dos Enfermeiros protestaram esta tarde [quarta-feira, 2 de Setembro] em frente ao Ministério da Saúde (...) pela mesma causa: a grelha salarial."
ver vídeo http://tvnet.sapo.pt/noticias/video_det ... p?id=48039 (http://tvnet.sapo.pt/noticias/video_detalhes.php?id=48039)

"Os Enfermeiros manifestaram-se frente ao Ministério da Saúde contra o adiamento das negociações com a tutela, marcadas para o final de Agosto. Quatro estruturas sindicais conduziram o protesto até Lisboa, ameaçando com novas acções e de maior impacto."
http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Enfermeir ... ut=10&tm=2 (http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Enfermeiros-protestam-contra-adiamento-das-negociacoes-sobre-salarios.rtp&article=275835&visual=3&layout=10&tm=2)

"Os Enfermeiros protestaram contra o adiamento de reuniões de negociação nas quais deveriam ser tratadas questões salariais e de progressão de carreira. Os sindicatos já fizeram saber que um novo adiamento da próxima ronda negocial, marcada para 7 e 8 de Setembro, originaria protestos mais duros por parte dos enfermeiros.
"O protesto prende-se com o adiamento para 7 de Setembro, por parte do Ministério da Saúde, da reunião que estava agendada para 24 de Agosto para dar início à segunda fase do processo negocial sobre salários e a grelha salarial", adiantava Guadalupe Simões, do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) em declarações à Agência Lusa.

A dirigente do SEP explicou que a reunião de Agosto era parte do acordo firmado a 31 de Julho com o ministério, pelo que o sindicato entendeu o adiamento "como muito preocupante em função daquilo que tinha sido assumido pelo Ministério da Saúde e dos objectivos que ainda temos relativamente à questão das grelhas salariais e remunerações".

Antevendo até 10 de Setembro a promulgação pelo Presidente Cavaco Silva da carreira de enfermagem e a consequente revogação da actual carreira salarial, Guadalupe Simões acenou com um cenário de um possível vazio legal com consequências negativas na vida dos enfermeiros.
"Esperamos que os enfermeiros não fiquem com um vazio em termos de grelha salarial e que os impeça formalmente de receber os seus vencimentos", alertou a sindicalista."
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio September 07, 2009, 10:48:02
gostava tanto de ser uma mosca, para poder estar na sala a ouvir a discussao hoje...
Isto se nao foi novamente adiada...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 07, 2009, 12:58:21
Nas noticias da RTP 1 das 13:00 de hoje em rodapé aparecia escrito qualquer coisa como ministério da saúde e enfermeiros reatam diálogo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 07, 2009, 13:12:29
Eu vi essa nota e fui logo pesquisar na net...no site da rtp não tem nada mas no JN diz o seguinte...

"Enfermeiros começam a negociar carreiras
Os sindicatos dos enfermeiros iniciam hoje com o Ministério da Saúde (MS) o processo negocial do diploma sobre salários e transições para a nova carreira de enfermagem. O ponto que ficou pendente após o acordo de Julho.

Depois do acordo alcançado no passado dia 31 de Julho entre Governo e sindicatos sobre o estatuto da carreira destes profissionais, ficaram por negociar as questões salariais e a carreira.

Em declarações à agência Lusa, a presidente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses explicou que a discussão desta matéria foi remetida para uma segunda fase por proposta do Governo. "O Ministério da Saúde propôs durante o processo negocial que se deixassem as questões salariais para uma segunda fase do processo", afirmou Guadalupe Simões.

Como contrapartida, os sindicatos dos enfermeiros apresentaram um conjunto de exigências que deviam fazer parte da primeira fase do acordo e que o Ministério da Saúde aceitou.

Essas exigências eram, entre outras, que a carreira de enfermagem se aplique a todos os enfermeiros, independentemente do vínculo, e que a avaliação de desempenho dos enfermeiros se mantenha em vigor.

Sobre a reunião de hoje com o Ministério da Saúde, Guadalupe Simões disse que os enfermeiros esperam que este apresente a proposta e que, essencialmente, "se possa fazer uma discussão em torno daquilo que são as exigências dos enfermeiros no que respeita à transição para a futura carreira". "As questões salariais não se prendem tanto com o Ministério da Saúde, mas mais com o Ministério das Finanças", justificou.

Mas, acrescentou, "independentemente de um ou de outro ministério, a verdade é que o Governo assumiu um compromisso com os enfermeiros que foi a resolução da injustiça que está criada pelo facto destes profissionais terem adquirido o grau académico de licenciado em 1998, terem feito um ano de formação acrescida para terem essa equivalência e ainda não serem remunerados como tal".

O adiamento desta reunião para hoje depois de estar inicialmente marcada para o passado dia 24 de Agosto chegou a dar origem a um protesto públicos dos dirigentes dos quatro sindicatos do sector, na passada quarta-feira. Na altura, Guadalupe Simões, apontou também a esperança na promulgação rápida, pelo presidente da República, da carreira de enfermagem.

"Esperamos que os enfermeiros não fiquem com um vazio em termos de grelha salarial e que os impeça formalmente de receber os seus vencimentos", realçou Guadalupe Simões.' "

http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Naciona ... id=1354664 (http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1354664)

Tb fala qualquer coisa aqui...
Fábrica de Conteudos http://www.fabricadeconteudos.com/?lop= ... 2881c0a34c (http://www.fabricadeconteudos.com/?lop=artigo&op=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&id=b3a37b1a99aa7efef54a0c2881c0a34c)
O Público http://ultimahora.publico.clix.pt/notic ... idCanal=62 (http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1399422&idCanal=62)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: PedroDinis September 07, 2009, 13:45:06
Se a Reunião não der em nada.... que é o mais certo, devia-mos fazer acções de rua como as que a FNENPROF organiza, em altura de eleições de certeza que tinhamos mais visibilidade.
Já que para fazer greve estamos limitados, pois é necessário fazer um pré-aviso com um mês de antecedencia, e isso já fica para depois das eleições.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: PedroDinis September 08, 2009, 20:30:34
então ninguem tem amigos nos Sindicatos?
ninguem sabe de nada?   :-X
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish September 08, 2009, 20:37:15
Pelo que se escreve em blogs parece que a reunião ontem nao correu nada bem (Na reunião de ontem, dia 7, o Ministério da Saúde continuou sem ceder (salários/transições)

Segundo um anonimo do blog doutor enfermeiro:

"Sei por portas travessas que o MS não cedeu e que os sindicalistas hoje andam como baratas tontas a delinear estratégias!!!

Parece que vamos para a rua dia 18 numa manifestação nacional....

Ficamos a aguardar....!!"
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 08, 2009, 21:09:23
Também estive a ler isso...Tavamos à espera do kê? Até parece que eles iriam dar-nos de mão beijada...era uma manifestação AMANHÃ! Isso já devia ter sido planeado...Já se sabia que não iria dar em nada, daí o ministério ter posto a reunião mais para a frente...

No entanto uma manifestação durante as eleições é que iria mostrar-nos qual o partido que está sensível com a nossa luta, para também termos uma maior percepção em quem votar...
Porque no PS é a m***a que se vê...PSD F***-SE para ela parar a democracia durante 6 meses para pôr "a casa em ordem"...CDS/PP só se fosse para termos uma armada com caças, submarinos tudo equipamento do bom e do melhor...BE extrema esquerda, com uma politica muito virada pó socialismo, é pa eles darem subsídios e mais subsídios para "combater a precariedade e a pobreza!" no lugar de pôr essa gente a trabalhar a descontar po estado, dão subsídios para ficarem em casa a coçar nas micoses...
Estamos lixados...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CAS September 08, 2009, 21:29:10
Sei que vai haver qualquer coisa com o STAL (SGTP) para breve. Espero que não passe sequer pela cabeça do SEP (SGTP) nos juntar a essa manifestação...só para fazer número...a ver vamos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Johny_a September 09, 2009, 07:33:01
Colega eu trabalho numa camara municipal no serviço de saude, e o que se está a referir do STAL, é a greve geral de 16 de Setembro, acerca da carreira da função publica e das mobilidades internas... N sei ate que ponto o SEP se ira unir mas a ver vamx.

Saudações
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 09, 2009, 13:18:16
Ou é greve dos enfermeiros e da enfermagem, ou não é nada...
A associação com outras entidades sindicais é um erro, pois a história já nos mostrou que dessas associações a enfermagem fica com uma visibilidade nula...

Sinceramente...desisto...
adoro a profissão que tenho, mas assim não dá... :'(
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib September 09, 2009, 17:17:07
O SEP já emitiu no seu site um comunicado sobre as "negociações"da Carreria.
Aqui fica em anexo.

Cump
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish September 09, 2009, 19:31:52
Os rumores que andam por ai desanimam-me por completo...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: manuela castro September 09, 2009, 20:17:12
Eu concorde que deveriamos agir. Até porque agora parece haver " melhor delicadeza e comunicação " - se foi assim com outros...e com esta história da Gripe A poderiamos forçar mais um pouco as coisas e demonstrar que valemos e muito.Eu sempre aderi ás greves, mesmo de zelo. A nossa profissão Merece RESPEITO e deve ser tratada com a devida dignidade.
Lutemos por uma  revisão da nossa carreira. Deveria ser antes das eleições... :o ;)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 09, 2009, 20:56:44
Todos nós já sabiamos que o governo não nos quer dada, por isso não vale a pena manifestações, já fizemos tantas que acabamos por desanimar; eu acho que deviamos partir já para o anuncio de uma greve de uma semana e então esta altura de gripe A o governo vai ceder.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo September 09, 2009, 21:08:04
Parece mesmo que a vida de enfermeiros vais dar cabo de nós!
Até quando teremos que sofrer a discriminação face a todos os outros licenciados, mantendo-nos politicamente correctos???
É hora de entrar a partir...chega desta miséria de trabalhar mais do que qualquer outro funcionário público, cumprir horários como mais ninguém na função pública e ser a mão de obra barata do SNS.
Se os sindicatos não têm força...a nós o devem, pois continuamos com discursos de que não vale a pena e mais não sei o quê...
Concordo que não vale a pena gravinhas de 1 dia...há que fortalecer posições...só faço greve no mínimo 3 dias...nem sequer perco grande dinheiro...com a miséria que recebemos por dia...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 09, 2009, 21:26:49
vão ao bog doutor enfermeiro...interessante...
.............................................................
é horrivel...horroroso...horripilante....e outras coisas mais que não me lembro...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro September 09, 2009, 21:36:50
Estava publicado no blog Dr. Enfermeiro a proposta do MS, mas já foi retirado!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 09, 2009, 21:37:58
Colegas devo estar a alucinar, mas antes de vir para o forum estive no blog doutorenfermeiro e lá apareciam 3 paginas com a proposta do ministério, voltei lá para ver melhor a desgraça e elas tinham desaparecido...mistério......... :-
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix September 09, 2009, 21:46:05
Boa noite

Tenho acompanhado TODOS os dias, ansiosamente, os sites e a blogosfera da enfermagem, à espera de notícias, boas ou más. As notícias JÁ SAÍRAM!!!

Estou FURIOSO e REVOLTADO. Claramente, não há respeito nem dignidade no ministério da saúde/finanças.

Para além de uma proposta insípida, que se limitou a apresentar a tabela das remunerações, querem fazer aberrações e atropelos. ATENTEM a isto:

Alguém que trabalhe há 11 anos, como eu, que progrediu "normalmente" na carreira, com todo o tempo de congelamente, está neste momento posicionado no 1º escalao de Enfermeiro graduado, ou seja, 1145 euros mensais! Uma ninharia tendo em conta todo o esforço dos horários, noites, fds, feriados, festas, quando toda a gente tem tranquilidade nesses dias. A esses enfermeiros, QUE NESTE MOMENTO aufiram um ordenado inferior ao índice 15 da tabela remuneratória única, correspondente a 1201 euros, PASSARÃO a ganhar 995 euros!!!! OU seja, para além de ganhar mal para o trabalho de responsabilidade e diferenciado que faço, ainda sou penalizado em 150 euros durante mais 2 anos??? Sou licenciado e ainda vou ganhar MENOS???? Estão PARVOS que pensam que nos vai levar desta forma.

POR FAVOR, ENVOLVAM-SE NA LUTA. Principalmente, ENVOLVAM os outros colegas, menos expeditos ou que não têm tanta propensão para a informação ou andar na net a pesquisar todo este desenvolvimento, incentivem à luta!

Por mim, GREVE TOTAL de pelo menos 1 SEMANA!!! Por 250 euros que perco, em 2 meses iremos recuperá-los. Apesar do papel de subalternos que por vezes nos querem atribuir, o SNS não funciona sem os ENFERMEIROS! CSP, USF, HOSPITAIS (então BO, consultas externas, exames de diagnóstico...).

É o nosso futuro. LUTEM, ADIRAM às greves, manifs. Temos mesmo de ACORDAR e entrar de ferros.

Cumprimentos
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix September 09, 2009, 21:50:12
www.enfermeiros.pt (http://www.enfermeiros.pt)

www.sep.org.pt (http://www.sep.org.pt)

http://doutorenfermeiro.blogspot.com/ (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/) (ao que parece, desapareceu a proposta??)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 09, 2009, 21:55:06
sou enfermeira á quase 13 anos, tenho 2 escalões congelados...ainda estou no 1º escalão de graduado e nesta nova estrutura da carreira vou receber o quê?   995 euros, estão a brincar, sou licenciada a acabar o mestrado e vou receber o quê???estão doidos só podem...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix September 09, 2009, 22:00:50
: herys
sou enfermeira á quase 13 anos, tenho 2 escalões congelados...ainda estou no 1º escalão de graduado e nesta nova estrutura da carreira vou receber o quê?   995 euros, estão a brincar, sou licenciada a acabar o mestrado e vou receber o quê???estão doidos só podem...

Eu lamento dizer mas vai mesmo passar a ganhar 995 euros se naõ nos mexemos.

NÃO INVISTAM em formação, nem mestrados (que NAO SERVEM DE NADA! Vao ingressar na carreira docente? Então esqueçam, nao serve de nada, não ha bonificaçoes e para engrandecimento/realização pessoal há tantas outras actvidades de lazer... NÃO INVISTAM nas especialidades, parem tudo, continuandao assim, CADA VEZ MAIS VALE MANOS A PENA!))

A proposta de carreira em http://doutorenfermeiro.blogspot.com/ (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/) já tá on outra vez.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib September 10, 2009, 00:15:13
: Mickaelix
: herys
sou enfermeira á quase 13 anos, tenho 2 escalões congelados...ainda estou no 1º escalão de graduado e nesta nova estrutura da carreira vou receber o quê?   995 euros, estão a brincar, sou licenciada a acabar o mestrado e vou receber o quê???estão doidos só podem...

Eu lamento dizer mas vai mesmo passar a ganhar 995 euros se naõ nos mexemos.

NÃO INVISTAM em formação, nem mestrados (que NAO SERVEM DE NADA! Vao ingressar na carreira docente? Então esqueçam, nao serve de nada, não ha bonificaçoes e para engrandecimento/realização pessoal há tantas outras actvidades de lazer... NÃO INVISTAM nas especialidades, parem tudo, continuandao assim, CADA VEZ MAIS VALE MANOS A PENA!))

A proposta de carreira em http://doutorenfermeiro.blogspot.com/ (http://doutorenfermeiro.blogspot.com/) já tá on outra vez.
Concordo plenamente. Já agora deixem-me acrescentar ao já citado as pós-graduações que as Escolas tanto apregoam aos enfermeiros e que nada servem...

Esta Carreira é uma manta de retalhos que só vem prejudicar os enfermeiros e retirar regalias conquistadas durante décadas. Apenas se preocupa em defender os cargos dos Chefes e Supervisores o resto dos enfermeiros - os secundários não contam para nada!
Não sei onde isto vai parar...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 10, 2009, 09:35:07
CONCENTRAÇÃO DIA 18 DE SETEMBRO ÀS 12H NO MINISTÉRIO DA SAÚDE...

http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... icadoA.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/09/comunicadoA.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix September 10, 2009, 10:06:25
A proposta voltou a desaparecer do doutorenfermeiro. Não percebo muito bem o que está por detrás disto mas achava por bem que, ele próprio, esclarecesse a situação a bem de todos.

Qt à concentração, NÂO CONCORDO! Apelo aos sindicatos, que certamente lêem o fórum, que respeitem aquela que parece ser a vontade da maioria, ou seja, radicalizar as lutas e partir para UMA SEMANA de GREVE, desde já!!

Infelizmente, com o calor do momento, nao gravei a proposta que apereceu no doutorenfermeiro e não posso analisar à lupa tudo o que diz lá mas parece-me que a realidade é mesmo que os enfermeiros que auferem, neste momento, menos de 1201 euros vao passar a ganhar 995, e nos dois anos seguintes sobem para esse nível 15, "se reunirem as condições", segundo o documento, que remete para o 12-A.

Ainda estamos na fase inicial, apenas com a primeira reunião, mas esta proposta, a verificarem-se estes pressupostos, merece uma resposta vigorosa da nossa parte.

Unemo-nos, o que perdemos numa semana, que é pouco pois recebemos mal, recuperamos em 2/3 meses se formos nem que seja apenas para o 15, os tais 1201 euros! Atentem nisso!

CUmps
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 10, 2009, 12:12:25
O doutorenfermeiro teve as suas razões para tirar a proposta da net...
No entanto gravei-a  ;D ;)...e aqui disponibilizo...

http://img15.imageshack.us/img15/8274/3954001001.jpg (http://img15.imageshack.us/img15/8274/3954001001.jpg)
http://img193.imageshack.us/img193/6194/3954001002.jpg (http://img193.imageshack.us/img193/6194/3954001002.jpg)
http://img198.imageshack.us/img198/7914/3954001003.jpg (http://img198.imageshack.us/img198/7914/3954001003.jpg)
http://img269.imageshack.us/img269/7043/3954001004.jpg (http://img269.imageshack.us/img269/7043/3954001004.jpg)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 10, 2009, 13:04:42
: Mickaelix
A proposta voltou a desaparecer do doutorenfermeiro. Não percebo muito bem o que está por detrás disto mas achava por bem que, ele próprio, esclarecesse a situação a bem de todos.

Qt à concentração, NÂO CONCORDO! Apelo aos sindicatos, que certamente lêem o fórum, que respeitem aquela que parece ser a vontade da maioria, ou seja, radicalizar as lutas e partir para UMA SEMANA de GREVE, desde já!!

Infelizmente, com o calor do momento, nao gravei a proposta que apereceu no doutorenfermeiro e não posso analisar à lupa tudo o que diz lá mas parece-me que a realidade é mesmo que os enfermeiros que auferem, neste momento, menos de 1201 euros vao passar a ganhar 995, e nos dois anos seguintes sobem para esse nível 15, "se reunirem as condições", segundo o documento, que remete para o 12-A.

Ainda estamos na fase inicial, apenas com a primeira reunião, mas esta proposta, a verificarem-se estes pressupostos, merece uma resposta vigorosa da nossa parte.

Unemo-nos, o que perdemos numa semana, que é pouco pois recebemos mal, recuperamos em 2/3 meses se formos nem que seja apenas para o 15, os tais 1201 euros! Atentem nisso!

CUmps

Faço minhas as tuas palavras. Apoiado.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 10, 2009, 13:34:46
Aqui está a proposta, nojenta, do governo.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib September 10, 2009, 13:46:26
: dprocha
CONCENTRAÇÃO DIA 18 DE SETEMBRO ÀS 12H NO MINISTÉRIO DA SAÚDE...

http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... icadoA.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/09/comunicadoA.pdf)

Mais uma concentração apoiada apenas pelo SEP... não acham que está na hora dos sindicatos todos se juntarem nas formas de luta?

Mas ou me engano ou concentrações destas ( com "meia dúzia" )não levam a lado nenhum.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish September 10, 2009, 14:53:46
Esta concentração tem o intuito de avaliar o grau de adesão dos enfermeiros para ver se podem avançar para uma luta mais radical... assim como aconteceu antes das maiores greves já feitas...
Os sindicatos não vão avançar com uma grave mais prolongada se não acharem que os enfermeiros estão informados e mobilizados, senão quem sai mais prejudicado somos nós e quem nos representa...

Adiram à concentração/manifestação!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 10, 2009, 16:31:04
Se estivesse no Continente eu ia....podem querer que ia.... :-*
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Pedro Godinho Ferreira September 10, 2009, 16:38:02
Sinceramente, é uma proposta vergonhosa!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo September 10, 2009, 17:01:37
Apostem em formação sim...Mestrados e Pós-graduações...para deixarem de ser enfermeiros... >:D >:D >:D
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 10, 2009, 18:12:07
: Red Fish
Esta concentração tem o intuito de avaliar o grau de adesão dos enfermeiros para ver se podem avançar para uma luta mais radical... assim como aconteceu antes das maiores greves já feitas...
Os sindicatos não vão avançar com uma grave mais prolongada se não acharem que os enfermeiros estão informados e mobilizados, senão quem sai mais prejudicado somos nós e quem nos representa...

Adiram à concentração/manifestação!!

Tens toda a razão, mas para isso é preciso que os sindicatos informem mais e melhor sobre como andam as negociações e não me parece que é isso que está a contecer, porque foi aqui no forum que soube da proposta do governo e não sabemos o que os sindicatos propuseram, apenas sabemos aquilo que se quer, mas não o que concretamente o sindicato propos, apenas mais uma manifestação.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 10, 2009, 19:38:35
Atenção esta tabela é só para funcionários públicos e os contratados não são funcionários públicos, logo nunca iram ser contratados como licenciados....

a outra proposta para contratados ainda é pior...vejam as propostas antigas do governo....
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 10, 2009, 21:09:37
desculpem-me a confusão...isto é assim
1º esta proposta é apenas para funcionários publicos
2º referem que se um recém licenciado for contratado não poderá receber menos que o salário de um licenciado (isto é 1200 euros)
3º não existe entradas para a função publica
4º atendendo a isto tudo ninguem que entra de novo ganha 1200 euros, porque quem o contrata é a EPE e não o estado

5º Se os mais velhos estão todos lixados os mais novos estão todos F.....(PERCEBERAM A IDEIA) :-*
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro September 10, 2009, 22:51:58
@herys

Não, não percebi a ideia.

Em 1º lugar a proposta de tabela salarial é para todos os enfermeiros (CIT e CTFP), excluindo porventura as USF, comissões de serviço, não licenciados, categorias subsistentes e privados.
2º se diz que um recém-licenciado não poderá receber menos que os €1200, então não sei onde está a dúvida?
3º ainda continuam a ser contratados enfermeiros para CTFP, nomeadamente para os CS, nos hospitais EPE, há muito que só contratam CIT's.
4º atendendo a isto, quem entra de novo ganha efectivamente €1200 e mais, provavelmente com um CIT de 35h/semana.
5º Se os mais velhos estão todos lixados, têm toda a razão do mundo para estar, ao passo que os mais novos, os que já trabalham, além de passarem a ter uma carreira que até agora não tinham, passam a ganhar mais e muito provavelmente a trabalhar menos, os que ainda vierem a entrar, já entram a ganhar os €1200.

Agora voltando aos mais velhos...
Se o colega trabalhasse há 13 anos (o que na carreira antiga corresponderia ao 3º escalão de graduado - €1386,92) e auferisse €1145,33 porque ainda está no 1º escalão, e se de repente lhe dissessem que vai ter de esperar mais 2 anos para auferir €1200, quando um colega que entrasse hoje a trabalhar passaria de imediato a receber essa quantia, como é que se sentiria? lixado talvez?
Ou seja... quando tiver 15 anos de serviço, acabo de entrar para o 1º escalão da carreira de enfermagem!!! Sabe quantos anos terei de trabalhar para atingir o último escalão? 65 ANOS!!!!! Ou seja... só me posso reformar aos 87 anos se quiser atingir o último escalão!
Se calhar o colega era bem capaz de se sentir lixado se estivesse nesta situação!!!!?
Mas não é tudo... sabe quanto vai auferir um colega que começasse hoje a trabalhar pela nova tabela ao fim de 15 anos? €1.819,38!!!! Sabe quanto eu vou auferir quando completar 15 anos de serviço? €1.201,48!!!!
Era bem capaz de ficar um pouco LIXADO, não?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Vitor A. September 10, 2009, 23:14:18
Esta Proposta se for para frente só vai criar cisões entre colegas pela diferença salarial e tempo de serviço.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish September 10, 2009, 23:33:03
Calma pessoal, isto foi a proposta do MS... Não é a definitiva! Temos que ter esperança e se nos unirmos podemos começar por mostrar o nosso desagrado com uma acção conjunta... Se os nossos representantes demoram a mostrar resultados, o povo tem que avançar com a "rebelião" para ganharmos esta guerra, como nos velhos tempos!
Como fizeram os enfermeiros na Finlândia???, não tiveram que ser eles próprios a dar o corpo ao manifesto?? Chega de lamurias vamos começar a pensar em qq coisa onde podemos fazer a diferença uma vez que o tempo esta a ficar escasso, este mês é decisivo!!
No que for preciso cá estarei para qq projecto!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva September 11, 2009, 22:36:24
Concentração em Lisboa no dia 18 de Setembro. A montanha pariu um rato...
Sindicatos com membros e dirigentes das mais variadas sensibilidades partidárias NÃO podiam ter medo de avançar para uma resposta proporcional à falta de sensatez do Ministério.
Já esgotamos todos os meios possíveis, agora resta a paralização de 2 ou 3 dias. Encostar o Governo às cordas. Convidem-nos para lutas a sério!


Chamou-me a atenção esta iniciativa sugerida por um leitor do blogue DoutorEnfermeiro:

Vamos encher o telemóvel da dirigente sindical Guadalupe de sms:
"queremos greve por tempo indeterminado...Já!"

919458983

Força colegas passem a mensagem, os sindicatos têm que saber que estamos determinados...
A UNIÃO FAZ A FORÇA!!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 12, 2009, 00:43:26
: "Zeus-electro"
@herys

Não, não percebi a ideia.

Em 1º lugar a proposta de tabela salarial é para todos os enfermeiros (CIT e CTFP), excluindo porventura as USF, comissões de serviço, não licenciados, categorias subsistentes e privados.
2º se diz que um recém-licenciado não poderá receber menos que os €1200, então não sei onde está a dúvida?
3º ainda continuam a ser contratados enfermeiros para CTFP, nomeadamente para os CS, nos hospitais EPE, há muito que só contratam CIT's.
4º atendendo a isto, quem entra de novo ganha efectivamente €1200 e mais, provavelmente com um CIT de 35h/semana.
5º Se os mais velhos estão todos lixados, têm toda a razão do mundo para estar, ao passo que os mais novos, os que já trabalham, além de passarem a ter uma carreira que até agora não tinham, passam a ganhar mais e muito provavelmente a trabalhar menos, os que ainda vierem a entrar, já entram a ganhar os €1200.

Agora voltando aos mais velhos...
Se o colega trabalhasse há 13 anos (o que na carreira antiga corresponderia ao 3º escalão de graduado - €1386,92) e auferisse €1145,33 porque ainda está no 1º escalão, e se de repente lhe dissessem que vai ter de esperar mais 2 anos para auferir €1200, quando um colega que entrasse hoje a trabalhar passaria de imediato a receber essa quantia, como é que se sentiria? lixado talvez?
Ou seja... quando tiver 15 anos de serviço, acabo de entrar para o 1º escalão da carreira de enfermagem!!! Sabe quantos anos terei de trabalhar para atingir o último escalão? 65 ANOS!!!!! Ou seja... só me posso reformar aos 87 anos se quiser atingir o último escalão!
Se calhar o colega era bem capaz de se sentir lixado se estivesse nesta situação!!!!?
Mas não é tudo... sabe quanto vai auferir um colega que começasse hoje a trabalhar pela nova tabela ao fim de 15 anos? €1.819,38!!!! Sabe quanto eu vou auferir quando completar 15 anos de serviço? €1.201,48!!!!
Era bem capaz de ficar um pouco LIXADO, não?

Colega, relativamente ao facto de ser uma tabela para os funcionários públicos apenas foi-me dito por uma dirigente sindical que me alertou para o facto, acredito que vários colegas tenham uma interpretação diferente, mas que esta não é de todo descabida lá isso é verdade.

já agora a ideia de encher o telemóvel da dirigente sindical Guadalupe de sms, é excelente...mas é mesmo para avançar, é que se for...vamos a isso... :D
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish September 12, 2009, 02:10:52
Amanha carrego o telemovel e mando uma sms!
Era bom tambem conseguirmos o contacto do enf martins
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 12, 2009, 08:49:31
E os mails de todos os sindicatos de enfermagem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 12, 2009, 10:10:11
Só para comparar, esta foi a proposta de governo (Ministerio da Administraçao Interna), acordada e publicada em D.R. (D.L.170/2009) de tabela salarial para a carreira especial (Grau de complexidade 3) de inspector. Não me venham dizer que os enfermeiros não merecem tanto ou mais que isto. Vejam que é unicategorial, logo todos podem atingir o topo porque não estão sujeitos a concursos para mudança de categoria porque só há uma. Na de enfermagem para atingir o topo temos que ser sujeitos a concurso, que sabe Deus quando vai acontecer. A carreira de enfermagem inicia na posição remuneratória 11, mais tarde na 15 (a de inspector desde já na 16) atinge o topo na posição remuneratória 57 após concurso (a de inpector 62 sem concurso). O enfermeiro que estiver no topo da categoria de enfermeiro (posição 48) e que se fizer concurso para a categoria de enfermeiro principal fica a ganhar o mesmo que anteriormente (posição 48). Estas são algumas das injustiças a que os enfermeiros vão ser sujeitos. Se somos carreira especial e de grau de complexidade 3 não nos apresentem uma tabela do regime geral. Vamos todos mostrar a nossa indignação de todas as formas possiveis e imaginárias. >:(
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 12, 2009, 10:30:58
Pessoal mandei o sms (a pedir greve por tempo indeterminado) para a enfermeira Guadalupe e qual foi o meu espanto ao receber um telefonema desta.
Com as explicações que ela me deu fiquei muito esclarecida, e agora já compreendo e concordo o porquê de não partimos já para a greve, e da importância para o sucesso das negociações da presença maciça na manifestação no dia 18 de Setembro.
Antes deste telefonema estava extremamente revoltada com a situação visto estar no grupo dos mais prejudicados (aqueles que têm mais de 10 anos de carreira).

Fiquem bem, e vamos em força para a manifestação

ps: vou-me sindicalizar ;D
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 12, 2009, 10:52:32
: herys
Pessoal mandei o sms (a pedir greve por tempo indeterminado) para a enfermeira Guadalupe e qual foi o meu espanto ao receber um telefonema desta.
Com as explicações que ela me deu fiquei muito esclarecida, e agora já compreendo e concordo o porquê de não partimos já para a greve, e da importância para o sucesso das negociações da presença maciça na manifestação no dia 18 de Setembro.
Antes deste telefonema estava extremamente revoltada com a situação visto estar no grupo dos mais prejudicados (aqueles que têm mais de 10 anos de carreira).

Fiquem bem, e vamos em força para a manifestação

ps: vou-me sindicalizar ;D

Porque não partilhas aquilo que ela te disse aqui no forum. Porque para responder indidualmente a todos os que lhe mandarem SMS, ela não deve estar para isso.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 12, 2009, 14:03:18
Bom falamos de várias coisas, mas o essencial é que aguardemos até á promolgação da carreira pelo Presidente da Republica, o que deverá acontecer mais ou menos dentro de uma semana, pois só assim vamos poder revindicar muita coisa em termos de remunerações e reposicionamentos pois o tempo desde 2004 vai ser contemplado para tal. E é muito importante também em termos de avaliação de desempenho.

Temos que nos manter, agora mais do que nunca unidos, e aparecer em força na manifestação de 18 de Setembro. :-*
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo September 12, 2009, 15:03:10
Então é assim...eles prevêm que quem inicia a carreira agora fique como? Nos 1200€?!
Se assim for até é simples...na altura de um próximo concurso desvinculo-me e volto a concorrer... >:D
Não faz qualquer sentido...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva September 12, 2009, 19:10:41
@herys


Embora compreenda a tua mudança de atitude, a greve em formato mais radical será inevitável se continuarmos a ser "empatados" pelo MS.

Assim, é importante os Sindicatos sentirem a pressão da revolta dos enfermeiros com esta situação, no sentido positivo, ou seja, no sentido de fazermos chegar individualmente a nossa disponibilidade para aderir a uma greve por tempo indeterminado ou o que considerarem razoavel para não deixar em aguas de bacalhau este atropelo à nossa classe.

O FE poderia divulgar e incentivar os seus membros a inundarem com milhares de SMSs o telemóvel do Sindicato.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro September 12, 2009, 20:37:43
: pedrojosesilva
@herys


Embora compreenda a tua mudança de atitude, a greve em formato mais radical será inevitável se continuarmos a ser "empatados" pelo MS.

Assim, é importante os Sindicatos sentirem a pressão da revolta dos enfermeiros com esta situação, no sentido positivo, ou seja, no sentido de fazermos chegar individualmente a nossa disponibilidade para aderir a uma greve por tempo indeterminado ou o que considerarem razoavel para não deixar em aguas de bacalhau este atropelo à nossa classe.

O FE poderia divulgar e incentivar os seus membros a inundarem com milhares de SMSs o telemóvel do Sindicato.

subscrevo!

... e acrescento que embora tenha estado presente nas reuniões de esclarecimento promovidas pelo SEP no passado mês de Agosto, algumas das questões debatidas são assunções do sindicato e não propriamente com força de lei, como é o caso da contagem do tempo desde 2004 para efeitos de progressão, entre outros aspectos que não foram ainda suficientemente clarificados.

Mudei a minha opinião acerca dos sindicatos, mas não fiquei convencido!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 13, 2009, 12:59:46
: herys
Bom falamos de várias coisas, mas o essencial é que aguardemos até á promolgação da carreira pelo Presidente da Republica, o que deverá acontecer mais ou menos dentro de uma semana, pois só assim vamos poder revindicar muita coisa em termos de remunerações e reposicionamentos pois o tempo desde 2004 vai ser contemplado para tal. E é muito importante também em termos de avaliação de desempenho.

Temos que nos manter, agora mais do que nunca unidos, e aparecer em força na manifestação de 18 de Setembro. :-*

Aquilo que escreveste e que resultou de uma conversa com uma dirigente sindical é muito vago.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr September 14, 2009, 11:50:14
2250€... Pela forma como a notícia está escrita até parece que é este o valor de entrada...

(http://img33.imageshack.us/img33/9720/2250v.jpg)

Fonte: http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/legis ... -4071.html (http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/legislativas-tvi24-manif-enfermeiros-campanha-socrates/1088828-4071.html)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: nelson_pt September 14, 2009, 19:06:33
Não sei se repararam (espero ser este o documento certo), mas a proposta, no ponto 2 do artigo 2º, refere que "a entidade empregadora pública não pode propor a primeira posição remuneratória, quando o candidato seja titular de licenciatura ou de grau académico superior a ela". Portanto, aquilo que entendo, é que só poderá haver salários inferiores a 1200€ em enfermeiros bacharéis.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 17, 2009, 14:14:45
: nelson_pt
Não sei se repararam (espero ser este o documento certo), mas a proposta, no ponto 2 do artigo 2º, refere que "a entidade empregadora pública não pode propor a primeira posição remuneratória, quando o candidato seja titular de licenciatura ou de grau académico superior a ela". Portanto, aquilo que entendo, é que só poderá haver salários inferiores a 1200€ em enfermeiros bacharéis.

Esta carreira e respectiva tabela, quando for aprovada, não se aplica a enfermeiros bacharéis, pois estes não poderão entrar para um lugar de quadro de qq. instituição. uma vez qua a habilitação minima exigida é Licenciatura, logo os concursos serão para enfermeiros licenciados e estes não poderão ganhar menos de 1200,00€ (a entidade empregadora pública não pode propor a primeira posição remuneratória). Os enfermeiros bacharéis que já estão no quadro/mapa continuam a ganhar o que até aqui vinham ganhando. Por exemplo um enfermeiro bacharel que ganhe neste momento 1600€ , não vai passar a ganhar menos de 1200€, até porque seria uma profunda injustiça tendo em conta todo o seu ciclo de aprendizagens ao longo da sua vida profissional.
Por isso é que há que valorizar em termos remuneratórios os enfermeiros licenciados, pois estes tiveram de fazer mais 1 ano para serem licenciados (não foi comprado como noutros complementos de formação), ou saiem já com 4 anos (preparem-se para fazer mais 1 ano de estágio - alteração do estatuto dos enfermeiros), quando outras licenciaturas, a maioria, diminuiram o seu tempo de formação (3 anos) e começam a ganhar mais que os enfermeiros com licenciatura.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix September 21, 2009, 13:46:59
Boas

E para quando a promulgação da nossa nova Carreira pelo Presidente da República? Já não passaram os 40 dias? Esperava que tivesse sido promulgada na semana passada.

Cumps
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Jconeves September 21, 2009, 14:19:26
Salvo erro é para entrar em vigor a 01/01/2010...

cumprimentos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Jconeves September 21, 2009, 14:20:46
ohhh, peço desculpa colega!!!A data que referi diz respeito à lei que alterou os estatutos da O.E.!!!

Quanto à revisão da carreira, não sei ao certo...peço desculpa pelo meu equívoco...

cumprimentos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mickaelix September 21, 2009, 14:35:33
Embora nao me lembre qd foi o diploma parar às maos de sua Exa. o Presidente, diz no site da presidência da república:

Com efeito, uma vez recebido um diploma para promulgação, o Presidente da República pode, em vez de o promulgar, fazer outras duas coisas: se tiver dúvidas quanto à sua constitucionalidade, pode, no prazo de 8 dias, suscitar ao Tribunal Constitucional (que terá, em regra, 25 dias para decidir) a fiscalização preventiva da constitucionalidade de alguma ou algumas das suas normas (excepto no caso dos Decretos Regulamentares) - sendo certo que, se o Tribunal Constitucional vier a concluir no sentido da verificação da inconstitucionalidade, o Presidente estará impedido de promulgar o diploma e terá de o devolver ao órgão que o aprovou.

Ou pode - no prazo de 20 dias, no caso de diplomas da Assembleia da República, ou de 40 dias, no caso de diplomas do Governo, a contar, em ambos os casos, ou da recepção do diploma na Presidência da República, ou da publicação de decisão do Tribunal Constitucional que eventualmente se tenha pronunciado, em fiscalização preventiva, pela não inconstitucionalidade - vetar politicamente o diploma, isto é, devolvê-lo, sem o promulgar, ao órgão que o aprovou, manifestando, assim, através de mensagem fundamentada, uma oposição política ao conteúdo ou oportunidade desse diploma (o veto político também pode assim ser exercido depois de o Tribunal Constitucional ter concluído, em fiscalização preventiva, não haver inconstitucionalidade).


Ora sendo assim...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Obturador September 21, 2009, 16:27:29
: Mickaelix
Boas

E para quando a promulgação da nossa nova Carreira pelo Presidente da República? Já não passaram os 40 dias? Esperava que tivesse sido promulgada na semana passada.

Cumps

Colega eu penso que a nossa carreira já foi promulgada no decorrer da semana passada!

Alguém tem novidades da reunião de hoje ??  :-

Cumps
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 22, 2009, 16:13:21
Foi hoje (DR 184 SÉRIE I de 2009-09-22) publicado os dois Decretro-Lei sobre a carreira de Enfermagem:

Decreto-Lei n.º 247/2009 que Estabelece o regime da carreira de enfermagem nas entidades públicas empresariais e nas parcerias em saúde, bem como os respectivos requisitos de habilitação profissional e percurso de progressão profissional e de diferenciação técnico-científica. Para os CIT.

Decreto-Lei n.º 248/2009 Estabelece o regime da carreira especial de enfermagem, bem como os respectivos requisitos de habilitação profissional. Para os CTFP.

Ainda não há tabelas salariais à vista, pois ainda estão a decorrer negociações sobre esta matéria (houve ontem e hoje reuniões com os sindicatos, se não foram adiadas, mas de nada se sabe como de costume).

As carreiras para analisarem e comentarem ou por duvidas, é para isso que este forum serve, se não for possível um esclarecimento esperemos que quem saiba mais do que nós no-lo possa dar.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr September 22, 2009, 16:17:55
: Parreira
Foi hoje (DR 184 SÉRIE I de 2009-09-22) publicado os dois Decretro-Lei sobre a carreira de Enfermagem:

Decreto-Lei n.º 247/2009 que Estabelece o regime da carreira de enfermagem nas entidades públicas empresariais e nas parcerias em saúde, bem como os respectivos requisitos de habilitação profissional e percurso de progressão profissional e de diferenciação técnico-científica. Para os CIT.

Decreto-Lei n.º 248/2009 Estabelece o regime da carreira especial de enfermagem, bem como os respectivos requisitos de habilitação profissional. Para os CTFP.

Ainda não há tabelas salariais à vista, pois ainda estão a decorrer negociações sobre esta matéria (houve ontem e hoje reuniões com os sindicatos, se não foram adiadas, mas de nada se sabe como de costume).

As carreiras para analisarem e comentarem ou por duvidas, é para isso que este forum serve, se não for possível um esclarecimento esperemos que quem saiba mais do que nós no-lo possa dar.


http://dre.pt/pdf1sdip/2009/09/18400/0675806761.pdf (http://dre.pt/pdf1sdip/2009/09/18400/0675806761.pdf)

http://dre.pt/pdf1sdip/2009/09/18400/0676106765.pdf (http://dre.pt/pdf1sdip/2009/09/18400/0676106765.pdf)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 22, 2009, 16:30:46
Negociações entre enfermeiros e tutela adiadas


As negociações entre o Ministério da Saúde e os enfermeiros sobre a grelha salarial e a transição para a nova carreira de enfermagem foram adiadas para depois das eleições legislativas, disse hoje à Lusa um dirigente sindical.

Os sindicatos dos enfermeiros reuniram-se segunda-feira à noite com a ministra da Saúde, Ana Jorge, para discutir o projecto de diploma «Grelha Salarial e Transição dos actuais Enfermeiros para a nova Carreira de Enfermagem».

«A ministra da Saúde afirmou que, até às eleições, não tem qualquer proposta de evolução por parte do Ministério das Finanças para todas as carreiras que estão em negociação», disse à agência Lusa José Carlos Martins, do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP).

Diário Digital / Lusa  
http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?s ... ews=411204 (http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=62&id_news=411204)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr September 22, 2009, 17:20:04
: dprocha
Negociações entre enfermeiros e tutela adiadas


As negociações entre o Ministério da Saúde e os enfermeiros sobre a grelha salarial e a transição para a nova carreira de enfermagem foram adiadas para depois das eleições legislativas, disse hoje à Lusa um dirigente sindical.

Os sindicatos dos enfermeiros reuniram-se segunda-feira à noite com a ministra da Saúde, Ana Jorge, para discutir o projecto de diploma «Grelha Salarial e Transição dos actuais Enfermeiros para a nova Carreira de Enfermagem».

«A ministra da Saúde afirmou que, até às eleições, não tem qualquer proposta de evolução por parte do Ministério das Finanças para todas as carreiras que estão em negociação», disse à agência Lusa José Carlos Martins, do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP).

Diário Digital / Lusa  
http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?s ... ews=411204 (http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=62&id_news=411204)

Má notícia...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 22, 2009, 18:10:34
A noticia é péssima...

in doutorenfermeiro.blogspot.com:

"Relativamente à ronda negocial, o Governo teima em não quer valorizar os Enfermeiros, ou seja, não quis ceder. Portanto, não houve qualquer avanço. Limitou-se a explicar aos Enfermeiros o funcionamento e estrutura da tabela salarial, pasme-se!"
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 22, 2009, 19:20:30
desta vez é oficial....
                 A ENFERMAGEM MORREU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! :'( :'( :'( :'(
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib September 22, 2009, 19:25:06
: "herys"
desta vez é oficial....
                 A ENFERMAGEM MORREU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! :'( :'( :'( :'(

Bem a Enfermagem não morreu... continua e continuará sempre bem viva!
Quem morreu foi a Drª Ana Jorge e o Dr Manuel Pizarro como governantes incompetentes deste país...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 22, 2009, 19:27:13
: "enf-tib"
: "herys"
desta vez é oficial....
                 A ENFERMAGEM MORREU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! :'( :'( :'( :'(

Bem a Enfermagem não morreu... continua e continuará sempre bem viva!
Quem morreu foi a Drª Ana Jorge e o Dr Manuel Pizarro como governantes incompetentes deste país...

TUDO BEM....MAS QUEM VAI GANHAR 995 EUROS SOU EU...COM 12 ANOS DE CARREIRA.... :'( :'(
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: LOL_lypop September 22, 2009, 20:06:56
Os colegas ainda não perceberam que ninguém vai ganhar 995 euros? Esse é um escalão inferior a todos os salários públicos para efeitos de grelha. Todos os que recebem menos de 1200 euros vão manter salário até jan de 2011 e depois passam todos para os tais 1200eur. Leiam as coisas como devem ser lidas em vez de presumir o que não está escrito!
O que o colega pode dizer é que com 12 anos de serviço vai ganhar os mesmos 1200eur  que um recém-licenciado ou outro com menos tempo...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys September 22, 2009, 21:14:37
Achas mesmo que estes tipos não vão tentar isto (posicionar montes de enfermeiros neste valor????). Daqui a uns tempos falamos....
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo September 22, 2009, 22:05:29
A ideia de adiamento do governo é excelente...
Muitos dos nossos colegas irão votar iludidos no PS na expectativa de o governo manter os compromissos de revisão...depois de reeleito...chapéu...não nos dão 1 tostão...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib September 22, 2009, 23:01:34
: SandroMelo
A ideia de adiamento do governo é excelente...
Muitos dos nossos colegas irão votar iludidos no PS na expectativa de o governo manter os compromissos de revisão...depois de reeleito...chapéu...não nos dão 1 tostão...
Olá colega
esta agora não percebi... ainda alguém está iludido com o PS depois desta palhaçada toda que fizeram conosco?

Quando ao que refere: "manter os compromissos de revisão..." afinal que compromissos do PS são esses que me estão a escapar? como não li isso em lado nenhum, serão compromissos secretos??

Cump
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio September 23, 2009, 04:05:47
a mim nao me enganam eles...
o triste é a ministra dizer que nao tem propostas e o sindicato virar as costas e sair com o rabo entre as pernas...
so faltou dizer obrigado, sra ministra...
havia de ser o sindicato dos professores, que a esta hora a TV nao falava de outra coisa...
enquanto nao mediatizarmos a nossa guerra, nao temos hipotese...
mas agora acho que já fomos, já vai tarde...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo September 23, 2009, 07:53:34
São os compromissos que o governo assumiu com o sindicato, nomeadamente dizendo que está disponível para "negociar tudo".
Ainda duvida que muitos enfermeiros vão votar PS...veja a sondagem aqui do fórum...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Vitor A. September 23, 2009, 09:22:38
: SandroMelo
São os compromissos que o governo assumiu com o sindicato, nomeadamente dizendo que está disponível para "negociar tudo".
Ainda duvida que muitos enfermeiros vão votar PS...veja a sondagem aqui do fórum...

Os colegas que vão votar neles, certamente vão são os que ganham alguma coisa com esta nova proposta!
Ganham Hoje, mas vão perder no amanhã!
Nem quero pensar nas consequencias, mas se isto for para a frente, elas vão passar de especulações a Factos!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira September 23, 2009, 10:51:19
A ser verdade que as negociações pararam e só se reiniciarão depois das eleições é uma má noticia para os enfermeiros, só Deus sabe o que para aí virá, estou muito pessimista. Os sindicatos não desempenharam bem o seu papel, mas não é de agora, também quizeram que o processo fosse sendo arrastado, parece que havia alguma concordância, sabe-se lá porquê! Nós enfermeiros sempre manifestamos vontade em partir para formas de luta mais "sentidas" e isso ninguém pode negar, porque a adesão a manifestações públicas, a greves realizadas, até a opiniões aqui nos foruns sempre foi massissa e tudo indicava para que estavamos e continuamos a estar preparados para uma greve prolongada, pois os nossos interesses e os dos doentes estão a ser colocados em causa por tudo o que o ministério da saúde e este governo do sr Sócrates estão a fazer com toda a população de Portugal quer trabalhadora quer não.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 23, 2009, 13:25:00
Mais uma mão cheia de nada!

E lá respondemos ao chamamento do Ministério da Saúde para discutir, o que dizem por lá, ser indiscutível.
Deixámos o nosso protesto pela forma como se estão a segregar os enfermeiros.
Dizem-nos os interlocutores que a carreira dos médicos é uma opção política, não é a aplicação de princípios enformadores. Repetimos: resulta de opção política, ou seja: compra de influência.
Isto obriga-nos a provar quem vale mais e quem vale menos, o que significa a existência de lutas e disputas.
Mas mais grave: as chefias ficam de fora e para serem reconduzidas têm que fazer concursos.
É também uma opção política em que provavelmente as chefias vão ser todas anuladas e escolhidas sabe-se lá por quem?!!!
Isto é mau de mais para ser verdade!
Todas as formas de luta são possíveis e imagináveis para enfrentar estas "opções políticas".
Pedimos desculpa, mas iremos fazer um pequeno intervalo para vomitar, e mais tarde voltaremos ao assunto com mais explicações, ou antes: conjecturas, porque nestas opções políticas de todos serem iguais mas há alguns que por opção política são mais iguais do que os outros.

Preparem-se para a luta, Colegas. Vai ser necessário afirmar quem somos e o que valemos!


Cordiais Saudações Sindicais,
A Direcção do SE

http://www.enfermeiros.pt/content/view/722/1/ (http://www.enfermeiros.pt/content/view/722/1/)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: paionense September 23, 2009, 13:35:57
Colegas parem de atirar areia para os vossos próprios olhos!

Olhem para a vossa realidade e vejam nos vossos serviços quantas pessoas estão verdadeiramente preocupadas com isto e fazem alguma coisa para o mudar... Escrever nos foruns e blogs é muito lindo mas não nos leva a lado nenhum... por isso acho sinceramente que temos aquilo que merecemos.

A nossa classe só olha para o umbigo de cada um, viramo-nos uns contra os outros e isto levou-nos até onde estamos hoje. Na lodo, atolados até ao pescoço e mesmo assim vivemos felizes as nossas vidas, na nossa ignorância e resignação... Olhem para os vossos serviços e vejam se não é assim. Temos tempo para tudo; fazemos 16h, 24h seguidas, trabalhamos em 2 ou 3 lados, marcamos uma consulta ao vizinho, fazemos um penso ao amigo, mas quando temos de lutar ficamos ACABRUNHADOS!

Muito me entristece partilhar o meu título com gente assim, mas eu também me estou a resignar. Nesta profissão não ha volta a dar.


Depois acho muita graça ao pessoal que fala mal dos sindicatos. Então, mas vocês acham que o sindicato vai partir para medidas mais duras (greves por tempo indeterminado) quando isso vai ser um fiasco total? Vai deixar mal visto o sindicato, porque mais uma vez vamos olhar para o nosso umbigo e vamos ver que este mês já não posso comprar as fraldas XPTO, já não posso pôr o puto no inglês, ou outra m**da qualquer.


Finalmente, uma coisa que ouço muito dizer pelos blogs e fóruns! Os professores ganham x e eu ganho x-40%! Também quero ganhar porque sou licenciado! Meus amigos, os professores não estão onde estão hoje porque se esconderam atrás de um computador!!! Nem porque fizeram umas manifestaçõeszecas!!!
Os professores deixaram de olhar para o seu umbigo, olharam para a frente e decidiram lutar olhos nos olhos! Sem medos de serem criticados! E hoje conseguiram ser uma classe respeitada e unida! Os professores abdicaram da sua vida, muitos com dificuldades (conheço alguns) mas acharam que a luta valia a pena e valeu. E por isso estão de parabéns.

Portanto, o diagnóstico é claro e simples. Ou a nossa mentalidade muda e deixamos de ser egocêntricos ou a nossa (até me custa dizer isto) profissão vai continuar descredibilizada e humilhada.
Porque nós temos o que merecemos e neste momento temo-lo.!

JP



P.S. - Quando tirei o curso lembro-me que Enfermagem era dos cursos mais unidos da Academia. Fosse onde fosse estávamos juntos, protegia-mo-nos e ganhávamos picanços a outros cursos por causa dessa união. Era o espírito académico de um curso intenso e de uma convivência muito próxima... para onde foi tudo isso?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: S.Moreira September 23, 2009, 21:41:16
Chega de acreditar no Pai Natal! Assim não vamos a lado nenhum. A ministra não tem propostas para os enfermeiros nem nunca terá e onde está a mediatização da nossa luta nos meios de comunicação social? Não serão os nossos sindicatos "correctamente políticos" demais? Não temos voz para o país, somos uma classe silenciosa, parecemos carneiros mansos num rebanho e porquê?
Nâo temos orgulho em nós próprios, somos submissos a tudo a que nos impingem e a todos.
Estamos neste ponto por nossa culpa porque como diz alguém quanto mais nos baixamos mais se nos vê o c*.   Nós fazemos a diferença no  serviço de saúde- somos nós que estamos 24 horas junto do doente!
Vamos ter união e fazer uma luta séria, para  SALVAR A POUCA DIGNIDADE QUE RESTA DA ENFERMAGEM! VAMOS FAZER-NOS OUVIR!
Nunca tivemos nada de mão beijada, também não temos de dar o quase nada que ainda nos resta.
Para quê o curso de complento? Para sabermos mais sobre a história de enfermagem e os modelos teóricos? Então que reconheçam o nosso esforço e cumpram as promessas feitas.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: aNdR3 September 23, 2009, 22:26:19
Desde o dia em que se começou a falar sobre negociações com o MS, mudanças, etc., inclusive desde o 3º e 4º semestre do ano passado quando começaram as greves e manifestações, sempre comentei com colegas e outros que o "outcome" iria ficar para a altura das eleições ou mesmo para depois...parece que sempre se concretizou, é ridículo...não sei que andamos a fazer com a Enfermagem em Portugal nem se consegue tomar com compreensível a atitude e postura por parte dos nossos dirigentes, responsáveis e regentes...não podendo contar com eles, não podendo contar connosco (com a enfermagem demasiado conformista)...contamos com quem? Desistimos? Sinceramente começa a ser complicado compreender o que se pretende realmente com a Enfermagem e onde queremos colocá-la...mais importante ainda, como...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: lulurgc September 25, 2009, 21:11:52
Pois, acho que os próximos tempos não são de melhoras!Ou melhor, acho que nunca irão ser. O país tem que melhorar ás custas de alguém e esse alguem são pessoas como nós, que temos um vencimento a rondar os 1000e. E acreditem que quem quer que seja que vá governar, não vai mudar isso. Eu já perdi a esperança há muito tempo, só subi um escalão na vida e trabalho há 13 anos, nem sendo responsável pela formação me deu esse direito, por não ter feito a licenciatura, dizem "eles". Por falar nisso, o que acham que vão fazer aos poucos colegas como eu (bacharéis), vamos ficar com a carreira "congelada"!!????
Abraços.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 25, 2009, 21:42:53
Não sei o que poderá acontecer aos "bacharéis"? Mas acho que a coisa não está boa...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: PedroMendes September 27, 2009, 18:35:57
Foi publicado em Diário da República o Decreto-Lei n.º 247/2009, de 22 de Setembro, que estabelece o regime da carreira de enfermagem nas entidades públicas empresariais e nas parcerias em saúde, bem como os respectivos requisitos de habilitação profissional e percurso de progressão profissional e de diferenciação técnico-científica.

Segundo o Decreto-Lei n.º 247/2009, o Governo pretende, através deste diploma, “garantir que os enfermeiros das instituições de saúde no âmbito do Serviço Nacional de Saúde (SNS) possam dispor de um percurso comum de progressão profissional e de diferenciação técnico-científica, o que possibilita também a mobilidade interinstitucional, com harmonização de direitos e deveres”.

Este diploma aplica-se aos enfermeiros em regime de contrato individual de trabalho, nos termos do Código do Trabalho, nas entidades públicas empresariais e nas parcerias em saúde, em regime de gestão e financiamento privados, integradas no SNS, nos termos dos diplomas legais que definem o regime jurídico dos trabalhadores das referidas entidades.


In:http://www.portaldocidadao.pt/PORTAL/pt/noticias/09_2009/NEWS_regime+da+carreira+de+enfermagem+publicado+em+diario+da+republica.htm
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo September 27, 2009, 19:27:05
O PS ganhou...quero ver os compromissos cumpridos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha September 28, 2009, 12:40:47
Compromissos irão ser cumpridos se forem bons para eles!

Para mim vão ser 4 anos a marcar passo, e no final vai-lhes dar vontade de mexer para mostrar trabalho feito...MAS TAMBÉM ESTAMOS AQUI PARA LUTAR, PARA MOSTRAR QUE O SNS NÃO VALE NADA SEM NÓS!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: mfsm September 30, 2009, 19:00:14
: LOL_lypop
Os colegas ainda não perceberam que ninguém vai ganhar 995 euros? Esse é um escalão inferior a todos os salários públicos para efeitos de grelha. Todos os que recebem menos de 1200 euros vão manter salário até jan de 2011 e depois passam todos para os tais 1200eur. Leiam as coisas como devem ser lidas em vez de presumir o que não está escrito!
O que o colega pode dizer é que com 12 anos de serviço vai ganhar os mesmos 1200eur  que um recém-licenciado ou outro com menos tempo...

Na revista ecos de enfermagem as tabelas salariais para 2010 e 2011. Para 2010 mencionava o escalão 11 que corresponde aos tais 995 euros e o escalão a seguir era o 15 que correspondia a pouco mais de 1200€. Depois estava a tabela de 2011 que era igual à de 2010, mas já sem o escalão. Por isso não sei se será só em 2011 que iremos receber os tais 1200 e poucos euros
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr October 02, 2009, 21:04:34
"Imprescindiveis e insubstituiveis" (sic Ana Jorge)... Então paguem-nos como tal...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: pedrojosesilva October 02, 2009, 21:47:39
A citação referida na mensagem anterior é a seguinte:


"Os profissionais de saúde, nomeadamente médicos e enfermeiros que sejam considerados imprescindíveis e insubstituíveis, pela especificidade das funções que desempenham nos seus locais de trabalho.As grávidas no segundo e terceiro trimestre de gravidez, com patologias graves associadas. Os profissionais que desempenham actividades essenciais, imprescindíveis e insubstituíveis, pela especificidade das funções ao normal funcionamento da sociedade", serão os primeiros a receber a vacina, revelou a ministra da Saúde, Ana Jorge, em conferência de imprensa.


In http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Campanha-de-vacinacao-tem-inicio-a-26-de-Outubro.rtp&article=283814&visual=3&layout=10&tm=35 (http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Campanha-de-vacinacao-tem-inicio-a-26-de-Outubro.rtp&article=283814&visual=3&layout=10&tm=35)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Parreira October 03, 2009, 11:27:26
: pedrojosesilva
A citação referida na mensagem anterior é a seguinte:


"Os profissionais de saúde, nomeadamente médicos e enfermeiros que sejam considerados imprescindíveis e insubstituíveis, pela especificidade das funções que desempenham nos seus locais de trabalho.As grávidas no segundo e terceiro trimestre de gravidez, com patologias graves associadas. Os profissionais que desempenham actividades essenciais, imprescindíveis e insubstituíveis, pela especificidade das funções ao normal funcionamento da sociedade", serão os primeiros a receber a vacina, revelou a ministra da Saúde, Ana Jorge, em conferência de imprensa.


In http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Campanha-de-vacinacao-tem-inicio-a-26-de-Outubro.rtp&article=283814&visual=3&layout=10&tm=35 (http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Campanha-de-vacinacao-tem-inicio-a-26-de-Outubro.rtp&article=283814&visual=3&layout=10&tm=35)
Isto nada tem a ver com a discussão da carreira. O que a ministra se referia quando afirmaou estas palavras estavasse a referir a profissionais que nos seus locais de trabalho executam funções para as quais tiveram formação especifica, como sejam os enfermeiros de serviços de urgencia, do serviço saude 24, tal como outros serviços onde para executarem as suas funções tiveram de se submeter a formação muito especifica. Desenganem-se que todos os profissionais de saude vão ser vacinados já, serão talvez mais tarde se ainda houver vacinas e se a pandemia ainda se verificar.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: artur_gaio October 03, 2009, 19:52:42
offtopic:
a mim nao me espetam a agulha no braço...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Pedro Godinho Ferreira October 04, 2009, 01:09:32
: artur_gaio
offtopic:
a mim nao me espetam a agulha no braço...

Agree!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro October 04, 2009, 11:36:40
podem ficar com a minha dose
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha October 04, 2009, 12:34:57
Eu vou pedi-la, mas irei dar à minha sogra... >:D

Quanto à nossa (ainda) ministra ela contrapõe-se a torto e a direito e ninguém (falo de sindicatos e OE) aproveita-se dessas notícias para mais uma vez dar a conhecer à opinião pública do que está a acontecer?

À uns tempos ela afirmou, na última reunião com os sindicatos, que não valorizava os enfermeiros ...e depois considera-nos "imprescindíveis e insubstituíveis"...isso mostra que é uma autêntica marioneta nas mãos de alguém...agora de quem?

Por mim independente de quem seja ministro da saúde, vai ser sempre a mesma...chamemos...coisa!

Estou a gostar do que está a acontecer com os médicos (estou a ser irónico  ;)), agora querem ser pagos como os magistrados e deputados...lol
A nós "doutores" enfermeiros nem um aumento de 500 euros querem nos dar...mas aumentar para os senhores "doutores" médicos estão de "pernas abertas"...tou para ver o desenlace disso...não percam os próximos episódios...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Peter Pan October 08, 2009, 17:51:02
A carreira está nas nossas maos-ver greve radical  ;)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib October 09, 2009, 20:21:34
: Peter Pan
A carreira está nas nossas maos-ver greve radical  ;)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Red Fish October 15, 2009, 14:21:41
A Greve de Hoje com o MS foi mais uma vez adiada e agora sem data prevista!

Fonte: SEP
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha October 15, 2009, 16:17:49
: Red Fish
A Greve de Hoje com o MS foi mais uma vez adiada e agora sem data prevista!

Fonte: SEP

A colega quereria dizer reunião no lugar de greve...

No entanto estava-se a ver que isso iria acontecer. Nem se sabe quem vai ser o/a Ministro/a da Saúde...com quem é que os sindicatos estavam a pensar negociar?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: sanbokan October 15, 2009, 18:30:09
Realmente, já seria de esperar, contudo, foi o ministério da saúde que marcou para 15 de Outubro. Obviamente que nunca estariam disponíveis nesta data (e ganharam as eleições, que faria se não ganhassem...).


Só espero que não deixem ficar para daqui a 4 anos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Vitor A. October 15, 2009, 18:54:44
Era de esperar que isso ia novamente acontecer! (já parece uma novela da TVI que estão sempre a adiar o fim para manter presos os interessados >:D)

Enquanto o novo executivo não tomar posse, as negociações não vão decorrer.
Quando o novo executivo tomar efectivamente posse, vão adiar alegando desconhecer o que tem em mãos para assim poderem "estudar" o processo!
Se for este executivo novamente, nem sei se estaremos mais tramados ou safos por supostamente já conhecerem os termos das negociações.

Os Sindicatos, insisto, deveriam formar uma unica plataforma negocial, para assim as negociações não sairem fragilizadas, pois o MS nunca negoceia com o 4 sindicatos ao mesmo tempo. Mas se formarem uma unica plataforma negocial, tem os 4 a mesma voz e as mesmas propostas a apresentar e as que são apresentadas pelo MS, não havendo espaço para outras coisas de 2º plano.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Jconeves October 15, 2009, 23:58:29
: Vitor A.
Os Sindicatos, insisto, deveriam formar uma unica plataforma negocial, para assim as negociações não sairem fragilizadas, pois o MS nunca negoceia com o 4 sindicatos ao mesmo tempo. Mas se formarem uma unica plataforma negocial, tem os 4 a mesma voz e as mesmas propostas a apresentar e as que são apresentadas pelo MS, não havendo espaço para outras coisas de 2º plano.

Também concordo que temos sindicatos a mais e por ventura, uma voz mais forte e única fizesse mais moça (por assim dizer). Mas colega, se não estou em erro, estas jornadas negociais tem sido trabalhadas pela CNESE (Comissão Negociadora Sindical dos Enfermeiros) - Facto que une um pouco as vozes e pela FENSE (Federação Nacional dos Sindicatos de Enfermagem)...

Bom, mas não vemos grandes avanços!!! Custa-me seriamente ver uma profissão tão importante para a saude, para a sociedade no fundo ser tão mal tratada, tão menosprezada! Desculpem o desabafo sem valor...até porque é isso mesmo...um desabafo!!!

cumprimentos colegas
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo October 17, 2009, 10:09:35
A ideio do PS foi brilhante...marcam uma reunião para quando ainda nem estaria em funções um novo governo.
Muitos enfermeiros, na esperança de que as negociações continuassem...votaram PS....
Agora...aguentemo-nos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha October 17, 2009, 12:05:15
: SandroMelo
A ideio do PS foi brilhante...marcam uma reunião para quando ainda nem estaria em funções um novo governo.
Muitos enfermeiros, na esperança de que as negociações continuassem...votaram PS....
Agora...aguentemo-nos...

Pois...e muitos colegas ficam ofendidos depois de serem chamados de patos...porque foi isso que aconteceu...cairam que nem uns patinhos...bem bom que não foram o suficiente para dar maioria absoluta porque seria os caos...

Agora se estão à espera que a situação se resolva num instante...são SÓ mais 4 anos a marcar passo...espero, sinceramente, que esteja enganado...

Não compreendo como é que os sindicatos deixaram-se cair na esparrela de marcar uma reunião apenas 15 dias depois das eleições...ainda faltavam as autárquicas e só depois o governo convida as pessoas que acha competentes para encabeçar os ministérios...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha October 22, 2009, 18:30:15
"Enfermeiros saúdam recondução de Ana Jorge

A bastonária da Ordem dos Enfermeiros (OE) manifestou a sua satisfação com a recondução de Ana Jorge como ministra da Saúde, sublinhando que esta é uma área «em que a continuidade é uma questão da maior importância».

Em declarações reproduzidas pela edição online do ‘i’, Maria Augusta de Sousa fez uma «leitura globalmente positiva» do trabalho de Ana Jorge e sublinhou «a serenidade com que conduziu o Ministério».

A bastonária da OE mostrou-se ainda «convicta» de que será possível «uma aproximação de posições» nas questões que têm oposto os enfermeiros e o Ministério da Saúde."

in bola.pt
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Jconeves October 22, 2009, 20:59:44
Nem se poderia esperar outra coisa da nossa ordem!!! :////
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib October 22, 2009, 23:02:32
: dprocha
"Enfermeiros saúdam recondução de Ana Jorge

A bastonária da Ordem dos Enfermeiros (OE) manifestou a sua satisfação com a recondução de Ana Jorge como ministra da Saúde, sublinhando que esta é uma área «em que a continuidade é uma questão da maior importância».

Em declarações reproduzidas pela edição online do ‘i’, Maria Augusta de Sousa fez uma «leitura globalmente positiva» do trabalho de Ana Jorge e sublinhou «a serenidade com que conduziu o Ministério».

A bastonária da OE mostrou-se ainda «convicta» de que será possível «uma aproximação de posições» nas questões que têm oposto os enfermeiros e o Ministério da Saúde."

in bola.pt

Cuidado com o título desta notícia "Enfermeiros saúdam recondução de Ana Jorge", pois a mesma é falsa e irrealista! os Enfermeiros na globalidade lamentam a recondução de Ana Jorge pois andou a brincar conosco durante toda uma legislatura. Quem saúda a recondução desta senhora ministra é a nossa infeliz bastonária que é uma figura simbólica onde poucos se revêm num universo de 60.000.

Portanto não confundir enfermeiros com bastonária!!
enfermeiros = muito trabalho, responsabilidade e mísero ordenado...
bastonária = nenhum trabalho, responsabilidade e competência zero, grande TACHO.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib October 22, 2009, 23:12:10
Esta "nossa" bastonária raramente abre a boca, e quando a abre é só para nos "enterrar" pois nunca nos defende nem diz nada de jeito, mete dó vê-la falar!

Vem agora congratular-se com a recondução da ministra Ana Jorge, isto é o cúmulo de quem não tem vergonha nenhuma nem sabe o que anda a fazer. Esta bastonária por onde andou até agora? alguém a ouviu uma frase das greves que fizemos? alguém lhe ouviu um comentário sobre o vergonhoso impasse nas negociações da nossa carreira? alguém a ouviu lamentar o facto de esta ministra querer enfermeiros licenciados a ganhar como bacharéis??

HAJA VERGONHA, HAJA VERGONHA, HAJA VERGONHA, HAJA VERGONHA!!!!!!!!!!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Mauro Germano October 25, 2009, 17:33:57
Penso que os colegas deveriam reflectir melhor sobre o que dizem em público de quem quer que seja.

Tais declarações não devem muito ao respeito nem à dignidade pessoal e da classe. O que quer que digam como enfermeiros a todos os enfermeiros afecta. Reflictam nisso.

Quanto às declarações têm de ser contextualizadas: São enquadradas nas normais declarações aquando da nomeação de qualquer ministro, não são anormais, mas simplesmente as que se podem esperar neste tipo de declarações de tomada de posse.

Temos de aprender a avaliar o que é dito, o porquê e o como de declarações, principalmente públicas
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro November 05, 2009, 22:11:47
As eleições foram em Setembro, já vamos em Novembro e não há novidades? Não há agenda de negociações?
Os professores não param de fazer barulho. E os enfermeiros????? Silêncio absoluto!!!

A embrulhada é tal em que nos meteram, que já não há forma de solucionar coisas simples.
Partilho convosco a resposta que me foi remetida pelo sindicato a uma questão que provavelmente afecta muito de vós.

Questão:
"Face às recentes alterações na carreira de enfermagem, e não estando ainda nada definido quanto à tabela remuneratória e avaliação de desempenho, gostaria de saber como se processam as subidas de escalão? Pelo descongelamento das progressões a partir de Jan/2008, completo mais um triénio a 31/Jan/2010, sendo que ainda não foi revogado artigo da anterior carreira relativamente à avaliação de desempenho, e tendo eu sido avaliado durante todos estes anos com menção de satizfaz, e não havendo lugar a entendimento quanto à nova carreira, como ficará a minha situação, caso tudo se mantenha até ao final de Janeiro de 2010? Subo de escalão ou não? Grato pela resposta"

Resposta:
"Caro Colega,
A  Lei 12-A/2008, enquadra de facto os aspectos que o colega refere, quanto ao descongelamento de escalões, mas as regras de mudança de escalão mudaram a partir da publicação dessa lei, estando dependente da avaliação de desempenho.
Contudo, os enfermeiros mantém o mesmo sistema de avaliação, de acordo com a nova carreira publicada recentemente. Falta a sua regulamentação.
A questão que o colega coloca será regulamentada quando for negociado o novo sistema de avaliação de desempenho para os enfermeiros integrados na  carreira de enfermagem.
Enquanto não forem negociadas as grelhas salariais, as transições para a nova carreira e avaliação de desempenho a questão que coloca não terá resposta.
Já foi pedida nova reunião ao M da Saúde para continuação das negociações.
Com os nossos cumprimentos"
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha November 06, 2009, 08:56:16
: Zeus-electro
As eleições foram em Setembro, já vamos em Novembro e não há novidades? Não há agenda de negociações?
Os professores não param de fazer barulho. E os enfermeiros????? Silêncio absoluto!!!

A embrulhada é tal em que nos meteram, que já não há forma de solucionar coisas simples.
Partilho convosco a resposta que me foi remetida pelo sindicato a uma questão que provavelmente afecta muito de vós.

Questão:
"Face às recentes alterações na carreira de enfermagem, e não estando ainda nada definido quanto à tabela remuneratória e avaliação de desempenho, gostaria de saber como se processam as subidas de escalão? Pelo descongelamento das progressões a partir de Jan/2008, completo mais um triénio a 31/Jan/2010, sendo que ainda não foi revogado artigo da anterior carreira relativamente à avaliação de desempenho, e tendo eu sido avaliado durante todos estes anos com menção de satizfaz, e não havendo lugar a entendimento quanto à nova carreira, como ficará a minha situação, caso tudo se mantenha até ao final de Janeiro de 2010? Subo de escalão ou não? Grato pela resposta"

Resposta:
"Caro Colega,
A  Lei 12-A/2008, enquadra de facto os aspectos que o colega refere, quanto ao descongelamento de escalões, mas as regras de mudança de escalão mudaram a partir da publicação dessa lei, estando dependente da avaliação de desempenho.
Contudo, os enfermeiros mantém o mesmo sistema de avaliação, de acordo com a nova carreira publicada recentemente. Falta a sua regulamentação.
A questão que o colega coloca será regulamentada quando for negociado o novo sistema de avaliação de desempenho para os enfermeiros integrados na  carreira de enfermagem.
Enquanto não forem negociadas as grelhas salariais, as transições para a nova carreira e avaliação de desempenho a questão que coloca não terá resposta.
Já foi pedida nova reunião ao M da Saúde para continuação das negociações.
Com os nossos cumprimentos"

Agora a pergunta de um milhão de euros...
Que beneficios trouxe-nos a publicação "dessa parte" da carreira?
No ano de 2008 houve descongelamento por parte do governo nas subidas nas carreiras e no ano a seguir, com a saida da nossa nova carreira, voltou tudo ao mesmo...tudo congelado!
Que beneficios nos trouxe?
Alguém pode elucidar-me?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys November 11, 2009, 11:12:58
Alguem sabe quando recomeçam as negociações sobre a carreira??????? ??? ??? ??? ???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib November 12, 2009, 00:15:42
: herys
Alguem sabe quando recomeçam as negociações sobre a carreira??????? ??? ??? ??? ???
Acham que o actual governo está preocupado com a carreira dos enfermeiros?
Neste momento estão mais virados para os professores pois andam atrás deles para lhe revogarem o sistema de avaliação. Quase que só lhes falta um pedido de desculpa pelo actual sistema de avaliação...

Quanto aos enfermeiros, nem o Governo anda atrás de nós, nem os nossos sindicatos vão ter com eles de forma a pressioná-los para que as negociações retomem. Já agora alguém ouviu alguma coisa das forças politicas que se diziam estar ao lado dos enfermeiros (CDU e BE)?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo November 18, 2009, 07:11:18
Temos que ser nós a fazer alguma coisa.
Eu comecei elaborando uma petição dirigida aos nossos representantes: sindicatos e ordem dos enfermeiros exigindo que comecem a tornar pública de forma visível a nossa luta, à semelhança do que muito bem fazem outras classes profissionais.
Quem quiser junte-se a esta petição:

www.peticao.com.pt/nova-carreira-enfermeiros (http://www.peticao.com.pt/nova-carreira-enfermeiros)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro November 19, 2009, 11:26:51
Reunião SEP VS MS agendada para 26/11/2009 às 18H.

Só falta saber quantas mais reuniões e adiamentos vão existir neste nova rodada.

Estou cansado :(
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo November 19, 2009, 21:51:26
Agendem as reuniões que quiserem...mas mantenho-me firme na petição...
Temos que mostrar que estamos unidos...contra todos...pela carreira...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Luffy November 19, 2009, 21:56:19
Já agora alguém ouviu alguma coisa das forças politicas que se diziam estar ao lado dos enfermeiros (CDU e BE)?

já ouvi sim sr, a cdu logo no debate de discussão do programa do governo, referiu os professores e enfermeiros, mas à segunda palavra o governo não respondeu.

no entanto, está para ser entregue (quando nao sei  >:D) um relatório elaborado pela Ordem apontando os graves problemas com que se deparam os Enfermeiros e as consequências para a Saúde em Portugal.

agora vejamos: ESTAMOS EM CRISE. ESTAMOS COM UM DESEMPREGO QUE RONDA OS 10%, 10%!!!! ESTAMOS COM UM DEFICE DE 8 OU 9%.
SE NÓS NÃO TIVERMOS A DUREZA, FIRMEZA E CONVICÇÃO NA NOSSA CAUSA, ACHAM QUE O GOVERNO FAZ ALGUMA COISA?? NÓS NÃO SOMOS CONTEMPLADOS SEQUER NO DISCURSO OU MEDIDADAS DO GOVERNO, EXCEPTO A DE AUMENTAR MAIS O NR DE ENFERMEIROS.

ÁS VEZES OS NOSSOS DOENTES FAZEM O MESMO. PENSAM QUE SE IGNORAREM O PROBLEMA, QUE ELE PASSA. MAS SE ELE FOR DEMASIADO FORTE, TERÃO DE RECORRER A CUIDADOS DE SAÚDE! POR ISSO MESMO, SE CONTINUARMOS QUIETOS ELES VÃO CONTINUAR CALADOS, PORQUE NÃO QUEREM QUE SEJAMOS OS 2[sup:2a670u5e]OS[/sup:2a670u5e] PROFESSORES!

VAMOS ACORDAR PRA VIDA!!!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro November 19, 2009, 23:00:04
Relembro um tópico antigo: "Revisão das Carreiras" em Junho 02, 2006, 22:09:33...
mais outro: "2008: Revisão da Carreira" em Fevereiro 19, 2008, 12:46:14...
O tópico: "2009: Revisão da Carreira", também está quase a completar 1 ano de vida... alguém se atreve a abrir o tópico: "2010: Revisão da Carreira"?
Quantos mais tópicos teremos de abrir com este tema???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo November 19, 2009, 23:05:17
: Luffy
Já agora alguém ouviu alguma coisa das forças politicas que se diziam estar ao lado dos enfermeiros (CDU e BE)?

já ouvi sim sr, a cdu logo no debate de discussão do programa do governo, referiu os professores e enfermeiros, mas à segunda palavra o governo não respondeu.

no entanto, está para ser entregue (quando nao sei  >:D) um relatório elaborado pela Ordem apontando os graves problemas com que se deparam os Enfermeiros e as consequências para a Saúde em Portugal.

agora vejamos: ESTAMOS EM CRISE. ESTAMOS COM UM DESEMPREGO QUE RONDA OS 10%, 10%!!!! ESTAMOS COM UM DEFICE DE 8 OU 9%.
SE NÓS NÃO TIVERMOS A DUREZA, FIRMEZA E CONVICÇÃO NA NOSSA CAUSA, ACHAM QUE O GOVERNO FAZ ALGUMA COISA?? NÓS NÃO SOMOS CONTEMPLADOS SEQUER NO DISCURSO OU MEDIDADAS DO GOVERNO, EXCEPTO A DE AUMENTAR MAIS O NR DE ENFERMEIROS.

ÁS VEZES OS NOSSOS DOENTES FAZEM O MESMO. PENSAM QUE SE IGNORAREM O PROBLEMA, QUE ELE PASSA. MAS SE ELE FOR DEMASIADO FORTE, TERÃO DE RECORRER A CUIDADOS DE SAÚDE! POR ISSO MESMO, SE CONTINUARMOS QUIETOS ELES VÃO CONTINUAR CALADOS, PORQUE NÃO QUEREM QUE SEJAMOS OS 2[sup:3fwgdufg]OS[/sup:3fwgdufg] PROFESSORES!

VAMOS ACORDAR PRA VIDA!!!

Parece que estamos de acordo.Por isso a "minha" petição poderá ser uma pedrada no charco, se muitos de nós a assinarmos e fizermos força através dela...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC November 21, 2009, 22:50:14
@Sandro
As lutas não se fazem com petições para os sindicatos.
Fazem-se na rua e nas iniciativas que esses sindicatos marcam e em que os enfermeiros devem participar.
Dos outros não sei, mas quanto ao SEP foi explicado numa reunião em que participei, qual a dinâmica para esta nova fase e também o conteúdo dos diplomas publicados e que eu só ouvia que não tinham nada de importante para a carreira e afinal são estruturantes para o futuro.
Primeiro esclarecer e tirar dúvidas com quem pode ajudar-nos a compreender o porquê.
Depois criticar, lá na presença dos que podem intervir, dar-lhes também a nossa opinião.
É com o contributo de todos que o sindicato pode actuar, porque sabe com o que pode contar quando for necessário mobilizar "as tropas", como eles dizem.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC November 21, 2009, 22:53:53
Quem é que já foi a alguma reunião de explicação da carreira que o SEP tem organizado?
Qual a vossa opinião sobre o que ouviram?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro November 22, 2009, 11:01:58
Eu fui a uma reunião, e sinceramente... parece-me pura demagogia.
A ideia até pode estar correcta, mas as acções estão longe de atingir os objectivos.

Falo por mim concretamente... desde 2005 que estou a ser prejudicado na carreira, e ao que parece, ainda vou ser mais penalizado (eu e os restantes 15 mil enfermeiros que ainda não têm 15 anos de serviço, e que ainda se encontram no 1º escalão de graduado).

A criação do enfermeiro principal (segundo a ideologia que o SEP preconiza) vai agravar ainda mais as diferenças entre enfermeiros com o mesmo tempo de serviço e habilitações.

A justificação de que quando todos forem especialistas, vão pressionar o governo a passar todos para enfermeiros principais, não convence absolutamente nada. Há 5 anos que andamos a "tentar" negociar a carreira de licenciado e nem sequer há fim à vista. Além do que com a última proposta de tabela salarial do governo (e que muito provavelmente será aceite), apesar de se inserir nos valores do técnico superior, não traduz um vencimento de licenciado para os enfermeiros.

A pressa de aprovarem uma carreira para os enfermeiros na anterior legislatura resultou em vazios legais, com nuns posts mais acima referi. Isto não me toca pessoalmente, mas a todos os que se encontram na mesma situação.

Nessa mesma reunião, foi dito que agora, CIT's e CTFP passariam a ter os mesmo direitos, inclusivamente as 35h/semanais. Ora, a carreira foi aprovada e publicada e já se encontra a produzir efeitos... os CIT's continuam a trabalhar 40h/semana!

Estou curioso para saber o que virá da reunião de 26/11 (se entretanto não for novamente adiada). Suponho que o resultado não será mais do que um calendário de reuniões. Como digo... estou curioso, mas não ansioso...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo November 22, 2009, 16:57:55
: MC
Quem é que já foi a alguma reunião de explicação da carreira que o SEP tem organizado?
Qual a vossa opinião sobre o que ouviram?

Sempre que se proporcionam reuniões na minha área eu participo!
Mas a conversa é sempre a mesma...
Não entendo se é medo, estratégia...sei lá mais o quê...
Na prática vejo 10 anos de atraso na nossa carreira...e vem-me dizer que não é com petições...?
É o que está ao meu alcance! Isto e esperar que existam enfermeiros com condições de assumiram a Ordem para ajudar a mudar as coisas...pois de velhos do Restelo estou eu cansado...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC November 22, 2009, 22:12:37
: SandroMelo
esperar que existam enfermeiros com condições de assumiram a Ordem para ajudar a mudar as coisas...pois de velhos do Restelo estou eu cansado...

O que é que a OE tem a ver com a carreira?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo November 22, 2009, 22:56:14
: MC
: SandroMelo
esperar que existam enfermeiros com condições de assumiram a Ordem para ajudar a mudar as coisas...pois de velhos do Restelo estou eu cansado...

O que é que a OE tem a ver com a carreira?

TUDO!
Ou o colega é dos que acham que a ordem não tem nada a ver com a carreira?
Quais as funções da ordem?
Que eu saiba...e decorre dos respectivos estatutos, uma das funções é a garantia da dignificação da profissão!
Agora se isso não passa também por uma carreira digna...passa por quê?
Não espero que a ordem vá negociar salários, mas que tome uma posição firme relativamente à aprovação de uma carreira digna em termos salariais também.
Ou só lhes interessa a parte de aprovar cursos e especialidade de interesse duvidoso?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfsergio November 27, 2009, 00:54:30
Ao andar pelo site das petições públicas http://www.peticaopublica.com (http://www.peticaopublica.com) verifiquei que, na lista de maiores petições activas, no segundo lugar encontra-se a  Petição TODOS PELA CARREIRA DE ENFERMAGEM com 11344 signatários.

Parece que os enfermeiros aderiram e estão preocupados com a nossa carreira...quem ainda não assinou já sabe...é assinar...é pelo bem da enfermagem

Lembrar também que existe outra petição activa pela carreira de enfermagem em www.peticao.com.pt/nova-carreira-enfermeiros (http://www.peticao.com.pt/nova-carreira-enfermeiros) que até ao momento tem 307 signatários. Penso que é importante que todos assinem estas petições. Esta petição está a ser debatida aqui no forumenfermagem em http://www.forumenfermagem.org/forum/ht ... ic.php?t=7 (http://www.forumenfermagem.org/forum/http://forumenfermagem.org/phpbb3/viewtopic.php?t=7)

É preciso mostrar que os enfermeiros estão unidos. É importante não deixar estas petições aqui perdidas e esquecidas pela net e que sejam enviadas a quem de direito.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enf-tib November 27, 2009, 20:43:30
: Zeus-electro
Reunião SEP VS MS agendada para 26/11/2009 às 18H.

Só falta saber quantas mais reuniões e adiamentos vão existir neste nova rodada.

Estou cansado :(
Afinal para quando ficou agendada nova pseudo-reunião??
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Zeus-electro November 27, 2009, 22:24:49
"Sindicato dos Enfermeiros e Ministério da Saúde voltam a reunir em Dezembro
A reunião do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) com o Ministério da Saúde terminou sem novidades, excepto a marcação de dois novos encontros para os dias 9 e 15 de Dezembro. Nessa altura, o Ministério da Saúde deverá avançar com as propostas e soluções para os problemas que afectam os enfermeiros, e, em particular, os enfermeiros do INEM. Quanto à polémica que antecedeu esta primeira reunião – a pressão do Ministério para que o Sindicato desmarcasse a vigília que estava agendada para esta tarde –, José Carlos Martins, do SEP, afirma que afinal tudo não passou de um mal entendido.
2009-11-26 21:20:19" in http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Sindicato-dos-Enfermeiros-e-Ministerio-da-Saude-voltam-a-reunir-em-Dezembro.rtp&headline=46&visual=9&article=298436&tm=8 (http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Sindicato-dos-Enfermeiros-e-Ministerio-da-Saude-voltam-a-reunir-em-Dezembro.rtp&headline=46&visual=9&article=298436&tm=8)
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo November 28, 2009, 20:01:33
Resumindo...tudo na mesma...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: CARLOS F December 02, 2009, 23:46:37
Antes da aprovação da carreira deviamos fazer força junto dos sindicatos para subir de índice já que na actual carreira o descongelamento foi feito a partir de 1 de Janeiro de 2008 e há colegas que deviam ter subido 2 indíces!
É que também não sabemos como se vai fazer a transição, pelo menos subiamos a partir de um degrau mais acima!
Há uma petição a correr que deve ser apoiada e divulgada: http://www.peticao.com.pt/enfermagem (http://www.peticao.com.pt/enfermagem)
Carlos F
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas December 03, 2009, 00:24:45
Os sindicatos defendem a entrada na mesma posição que os professores, não sei o nível, mas corresponde a 1501e creio.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 03, 2009, 08:16:18
: Caldas
Os sindicatos defendem a entrada na mesma posição que os professores, não sei o nível, mas corresponde a 1501e creio.

Defendem?
Onde?
Desculpa, mas não tenho visto grande acção sindical...
Queria acreditar mais neles...mas 10 anos deixaram-me descrentes...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha December 03, 2009, 08:18:55
Eles até defendiam uma carreira unicategorial, no entanto, supresa das surpresas (ou não...) temos uma carreira pluricategorial!

Acredito depois de posto no papel, até lá...promessas levam o vento!
Já parecem politicos a falar...Mas o pior é que nem falam agora...isso se é alguma forma de protesto...parece mais uma birra de uma criança mimada!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas December 03, 2009, 15:11:50
Ainda o ouvi no dia 18 de Setembro em Lisboa.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 04, 2009, 08:04:02
: Caldas
Ainda o ouvi no dia 18 de Setembro em Lisboa.

Fantástico...18 de Setembro??? Tens um calendário à mão?
Passaram 2 meses e meio e não ouvis-te mais nada! E estás satisfeito?
É por isso que estamos como estamos.

Não entendo o que se passa. Que razão existe para tanto silêncio?
Sigam o exemplo de outras classes que atacam forte e feio e resultado: têm conseguido tudo o que querem!

O nosso problema não é a desunião da classe...é a desunião de quem nos lidera e o divórcio entre sindicatos e enfermeiros, que em boa medida se deve aos próprio sindicatos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Caldas December 04, 2009, 10:25:06
O que ouvi no dia 18 de Setembro foi acerca do valor salarial de início exigido pelos sindicatos.

Houve nova reunião em novembro e ficou agendada outra para a próxima semana em que o ministério vai apresentar proposta.

Não estou a dar novidades, que está tudo neste tópico.

Sandro concordo que os sindicatos têm de optimizar a forma de chegar aos enfermeiros, pois é tardia e pouco eficaz.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 04, 2009, 23:35:50
É exactamente à informação que prestam aos associados que me refiro...
Não entendo a demora em dar informações...
Sinceramente penso que se deve a estarem a cozinhar informação que provoque menos reacções da nossa parte...espero estar enganado...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha December 05, 2009, 22:49:45
Finalmente uma atitude com eles no sitio...

http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... /s1600-h/1 (http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/SxrW129CNsI/AAAAAAAAEBQ/tnSXoGTVOQQ/s1600-h/1)[1].jpg

http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... 00-h/2.jpg (http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/SxrSrBoBQfI/AAAAAAAAEBI/aIG38TtJlak/s1600-h/2.jpg)

Comunicação conjunta dos sindicatos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr December 06, 2009, 11:51:15
: dprocha
Finalmente uma atitude com eles no sitio...

http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... /s1600-h/1 (http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/SxrW129CNsI/AAAAAAAAEBQ/tnSXoGTVOQQ/s1600-h/1)[1].jpg

http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/S ... 00-h/2.jpg (http://2.bp.blogspot.com/_rOOnoIDfU9M/SxrSrBoBQfI/AAAAAAAAEBI/aIG38TtJlak/s1600-h/2.jpg)

Comunicação conjunta dos sindicatos...

De alguns sindicatos...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 06, 2009, 21:26:17
Estou desiludido com o SEP...
Parabéns aos outros 2...ainda que pequem por tardios...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys December 09, 2009, 21:45:35
Alguém sabe novidades da reunião de hoje com a ministra????? ??? ??? ??? ??? ???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: sanbokan December 09, 2009, 23:21:46
A reunião de hoje não era sobre a carreira, mas antes sobre vínculos/contratos e INEM creio eu.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: herys December 16, 2009, 23:00:43
Volto ao mesmo...alguém sabe alguma coisa da dita (suposta) reunião com a ministra no dia 15 de Dezembro???? ??? ??? ???
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 17, 2009, 11:05:39
: herys
Volto ao mesmo...alguém sabe alguma coisa da dita (suposta) reunião com a ministra no dia 15 de Dezembro???? ??? ??? ???

Os sindicatos estão a cozinhar a resposta para não nos chocarem demasiado... >:D >:D >:D
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: enfarfr December 17, 2009, 11:36:50
: SandroMelo
: herys
Volto ao mesmo...alguém sabe alguma coisa da dita (suposta) reunião com a ministra no dia 15 de Dezembro???? ??? ??? ???

Os sindicatos estão a cozinhar a resposta para não nos chocarem demasiado... >:D >:D >:D

Nova reunião a 8 de Janeiro e nada de conclusivo nesta de dia 15...

Prometi a mim mesmo que caso não houvesse acordo no que respeita à grelha salarial até ao final deste ano, tomaria uma decisão:

Vou deixar de ser associado do SEP.

Já agora, qual o procedimento a realizar para tal acontecer? Basta comunicar à secção de vencimentos da ARS?
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: sanbokan December 17, 2009, 14:48:59
Acho que para o ano vou ter um aumento de, pelo menos, 1%!!

Não se admite o que estão a fazer, se bem que isto é mesmo o que o (des)governo quer...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: ailez December 17, 2009, 15:39:41
Eu só peço uma coisa, tt ao Sindicato como a Ordem, que juntem os seus poderes, e que faxam algo pelos Enfermeiros!!!
Salários decentes conforme os Licenciados (aprox 1500 euros) e n é pedir demais é o que merecemos  É O JUSTO. estamos a ser roubados!!!! e ninguem faz nada!!! é impressionante, é preciso que as nossas identidades se mexam!!! somos sócios para que nos defendam e nos "dêem" os nossos direitos!!!!
Hoje em dia um Enfermeiro para ter uma vida decente precisa de 2 empregos, deixando de ter muitas vezes uma vida familiar e social conveniente e saudável! se realmente tivessemos 1 emprego com salário conveniente, haveria como conseguinte emprego para mais de metade dos desempregados actuais!

O que n percebo é que o " estado " diz: "n tem" dinheiro para nos pagar! LOL
 não entrem no jogo deles!  há sempre dinheiro, é preciso exercer pressão!!!! fazer uma greve que os faça tremer!
pois sim!!!! se todos os hospitais do pais n funcionarem devidamente... as pessoas n estão satisfeitas com o actual " estado", logo... menos votos...( não digo mais)

TEMOS QUE MUDAR!!! CRESCER!!! SO PEDIMOS O QUE É JUSTO E NOSSO!
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: BriGit December 17, 2009, 15:49:56
Sem nada a acrescentar,
 
Subscrevo

Bem haja
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 18, 2009, 00:28:32
: enfarfr
: SandroMelo
: herys
Volto ao mesmo...alguém sabe alguma coisa da dita (suposta) reunião com a ministra no dia 15 de Dezembro???? ??? ??? ???

Os sindicatos estão a cozinhar a resposta para não nos chocarem demasiado... >:D >:D >:D

Nova reunião a 8 de Janeiro e nada de conclusivo nesta de dia 15...

Prometi a mim mesmo que caso não houvesse acordo no que respeita à grelha salarial até ao final deste ano, tomaria uma decisão:

Vou deixar de ser associado do SEP.

Já agora, qual o procedimento a realizar para tal acontecer? Basta comunicar à secção de vencimentos da ARS?

Isso só faz com que não te descontem a quota...escreve e expoe as tuas razões...tem mais efeito
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Eumesmo December 18, 2009, 09:37:41
Peço desculpa se estou a ser injusto, mas parece-me que os nossos sindicatos ou sindicato, se é que o SEP tem tido um papel mais preponderante que os outros nestas negociações (não sei, não existe informação) não nos têm representado da forma mais eficaz possivel. Acabo de enviar para o sindicato de que sou sócio (SEP), o meu pedido de anulação de inscrição e pagamento da quota. Não sei se é a altura ideal para fazê-lo, mas esta da reunião de dia 15 foi demais, até hoje não temos uma única informação!!?? Por isso mesmo não posso continuar a contribuir com 1% do meu vencimento quando sinto que não estou a ser nem bem representado nem respeitado.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: MC December 19, 2009, 22:46:07
: Eumesmo
Acabo de enviar para o sindicato de que sou sócio ... o meu pedido de anulação de inscrição ... Não sei se é a altura ideal para fazê-lo, mas ... sinto que não estou a ser nem bem representado nem respeitado.

Porque é que acha que não está a ser bem representado nem respeitado? Só porque não tem informação da última reunião?
Se não confiarmos nos nossos representantes, em quem é que vamos confiar? No Ministério?
Só no final do processo negocial é que se pode tirar conclusões. E de certeza que se não se conseguiu avançar mais nas negociações até agora, é por culpa do poder político e não por causa do sindicato.
Deixar o sindicato não vai resolver nada, pois só eles tem possibilidade de alterar o estado de coisas. Aliás acho que vai mesmo piorar, pois a representatividade do sindicato, com o seu número de sócios, tem muito peso na mesa negocial.
O que há a fazer é falar com os delegados ou dirigentes para se estar o mais informado possível e aguardar quando eles acham que não podem dar para fora informações que podem comprometer o bom andamento das coisas.
Estar na profissão há muito tempo, diz-nos que todas as conquistas foram sempre com muito esforço e luta. Mas os jovens, sempre impacientes, querem tudo para ontem. É preciso aprender que na vida nem sempre é como nós queremos. Agora, quando queremos muito uma coisa, vamos em frente e não há nada que possa abalar a nossa determinação. Foi isso que me ensinaram e é isso que tento transmitir aos que vêm a seguir a mim.
Era bom repensar a sua atitude.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: SandroMelo December 20, 2009, 14:41:27
: MC
: Eumesmo
Acabo de enviar para o sindicato de que sou sócio ... o meu pedido de anulação de inscrição ... Não sei se é a altura ideal para fazê-lo, mas ... sinto que não estou a ser nem bem representado nem respeitado.

Porque é que acha que não está a ser bem representado nem respeitado? Só porque não tem informação da última reunião?
Se não confiarmos nos nossos representantes, em quem é que vamos confiar? No Ministério?
Só no final do processo negocial é que se pode tirar conclusões. E de certeza que se não se conseguiu avançar mais nas negociações até agora, é por culpa do poder político e não por causa do sindicato.
Deixar o sindicato não vai resolver nada, pois só eles tem possibilidade de alterar o estado de coisas. Aliás acho que vai mesmo piorar, pois a representatividade do sindicato, com o seu número de sócios, tem muito peso na mesa negocial.
O que há a fazer é falar com os delegados ou dirigentes para se estar o mais informado possível e aguardar quando eles acham que não podem dar para fora informações que podem comprometer o bom andamento das coisas.
Estar na profissão há muito tempo, diz-nos que todas as conquistas foram sempre com muito esforço e luta. Mas os jovens, sempre impacientes, querem tudo para ontem. É preciso aprender que na vida nem sempre é como nós queremos. Agora, quando queremos muito uma coisa, vamos em frente e não há nada que possa abalar a nossa determinação. Foi isso que me ensinaram e é isso que tento transmitir aos que vêm a seguir a mim.
Era bom repensar a sua atitude.
10 anos de atraso acho uma prova de paciência...
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Eumesmo December 21, 2009, 00:19:37
Meu caro MC, ao ler o seu post fico com a sensação que interpretou esta minha tomada de posição relativamente a deixar de ser sócio do SEP como algo próprio de um jovem impaciente que quer tudo para ontem.Pois deixe-me informá-lo que completarei no próximo ano 14 anos de profissão, facto pelo qual já não me considero propriamente um jovem enfermeiro que age por impulso e que acredita em conquistas instantâneas. Como sou um indivíduo curioso e gosto de conhecer as origens e "meandros" daquilo que me rodeia, sempre estive muito atento a estas questões, tendo conhecimentos razoáveis da História da Enfermagem em Portugal.
E é precisamente por ter este tipo de consciência, que neste momento decido deixar de ser sócio do SEP. Não é preciso ter poderes de vidente para perceber que, independentemente do resultado final das negociações, a actuação do ou dos sindicatos tem sido desastrosa. E eu estou à vontade para dizê-lo porque sou dos que adere a todas as greves e vai a todas as manifestações, mesmo quando não concordo, fazendo-o por uma questão de consciência colectiva.
Esta minha insatisfação não "nasceu" agora, tem já mais de uma década. E estas nossas "discussões" não existiriam neste momento se tivesse sido feita uma revisão da carreira no momento em que ela deveria de facto ter acontecido. Esse momento aconteceu há cerca de 10 anos atrás, quando começaram os Cursos de Licenciatura em Enfermagem e os Complementos. Essa evolução teria "obrigatoriamente" de ser paralela e simultânea pois corríamos o risco de que viesse a acontecer o que veio a confirmar-se. Um maior investimento e esforço monetário e intelectual por parte dos profissionais e novos alunos de enfermagem, tendo como recompensa, NADA(excluindo obviamente os ganhos em termos de evolução pessoal e profissional subjectiva).
Agora a questão porque esta transição não foi feita de uma forma mais coerente, que não nos levasse ao imbróglio em que estamos metidos neste momento, deveu-se em grande parte à falta de palneamento e visão estratégica de longo prazo de quem nos representou naquele momento e que por coincidência continua a representar-nos.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: João Pedro Allende December 21, 2009, 20:14:17
Meu caro "Eumesmo" se tem 14 anos de profissão e tem conhecimentos razoáveis da História da Enfermagem, então, desculpe a frontalidade, mas confunde a realidade com o desejo ou então, apesar de ter participado em todas as lutas como eu, e bem, nunca foi a uma reunião com o SEP e colocou as suas ideias à discussão.
E digo isto porque um dos problemas com que estamos confrontados resulta, na sua opinião, da falta de "planeamento e visão estratégica de longo prazo" ... que se devia ter alterado a Carreira há 10 anos (tinha o colega 3 ou 4 anos de curso) quando conquistámos a Licenciatura.
Porque também já tenho 18 anos de curso e estou tão insatisfeito como o colega, mas participo nas reuniões do SEP, deixe-me acrescentar-lhe umas informações sobre a discussão nessa altura.
1 - Em 1997 o SEP começou uma guerra pela alteração da Carreira de Enfermagem. Para "trás e prá frente" (como hoje), com muita guerra (como hoje), mas conseguimos. Foi publicado o DL 412/98, a Carreira foi revalorizada, cerca de 27 000 enfermeiros receberam 16 milhões de contos ... o impacto foi faseado e estivemos a receber aumentos até 1 de Dezembro de 2000.
2 - Em 1998 conquistámos a Licenciatura publicada em 2009
3 - Em 1998, decorrente da alteração da Carreira Técnica Superior, conseguimos mais uma revalorização da Carreira (DL 411/99), cujo impacto foi de 4 milhões de contos, mantendo o faseamento até 1 de Dezembro de 2000.
4 - Em 1999/2000 iniciaram-se os primeiros Cursos de Complemento para Enfermeiros e começaram a sair os primeiros jovens licenciados.
5 - Ainda em 1998/2000, em torno da valorização económica da Carreira de Enfermagem, lembrar-se-á das multipas opiniões públicas do SIMédicos, do "bruá que os Enfermeiros ficavam a ganhar que os Médicos.
É aqui que está o ponto. É aqui, com estes elementos, que digo que se confunde o desejo com a realidade.
Ou seja, num contexto em que tínhamos tido 2 revalorizações salariais, com este bruá do sector médico e a receber aumentos/faseamentos até 2 000 … acha que era politicamente possível ir à conquista de mais uma revalorização salarial? Vamos supor que essa era a decisão dos colegas das n reuniões que se fizeram na altura para discutir isto. Para ir a esta guerra, neste contexto, precisávamos, mais do que nunca, de todos os colegas unidos em torno desse objectivo. E estavam?
Claro que não. 1º porque estavam a sair os primeiros enfermeiros do Complemento … os outros, face às vagas das escolas, nem sabiam quando iriram … logo, a carreira dos licenciados era para quem? Para os 1.ºs que fossem fazer o Complemento e os jovens profissionais que saíam das escolas já licenciados.
Esta guerra era fracturante para a profissão, num contexto em que seria necessário a unidade de todos … e de todos irem à luta até às últimas consequências. Era ir para uma guerra sem tropa.
Esta foi uma das discussões amplamente feita com os colegas (com quem quis participar – como sempre). A decisão generalizada foi de começarmos a preparar uma alteração profunda de Carreira. Foi isso que, em 2002, em Congresso, o SEP fez. Discutiu uma base de Princípios para uma nova Carreira de Enfermagem (que o colega recebeu em casa) e que andou a discuti-la pelo país até finais de 2004. O resto, as condições politicas que têm dificultado este objectivo, são conhecidas … veio a Ferreira Leite e o país de tanga … depois o Durão Barroso e começaram as SÃS, os CITs, o Código.
É perante a análise rigorosa de todos os factores que influenciam/determinam a conquista de uma Carreira que, na minha opinião, uma coisa é o meu desejo … outra são as condições objectivas e reais …
Mas, sobre isto, não há alternativa … senão participar na discussão efectiva e com todos os elementos em presença. Ou seja, os colegas do SEP recebem 700 opiniões por mail diferenciadas sobre como conduzir um processo … sobre qual decidem? E os outros que têm uma opinião diferente? Como consensualizam as opiniões? Para que todos lutem por elas? Só há uma via … os colegas sentarem-se com sindicato para, em presença de todos os elementos que muitas vezes (naturalmente) não dominam, se discutiram/reflectirem/consensualizarem as opiniões.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: Eumesmo December 22, 2009, 10:59:45
Colega João Pedro Allende, concordo com tudo o que afirmou e para que fique descansado já tinha conhecimento da cronologia por si aqui apresentada. Mas o colega tocou no ponto que eu acho essencial. Correcto que já tínhamos tido 2 revalorizações salariais, mas o ponto fundamental não era esse. O colega, julgo que sem querer, tocou no ponto essencial, "… logo, a carreira dos licenciados era para quem? Para os 1.ºs que fossem fazer o Complemento e os jovens profissionais que saíam das escolas já licenciados." - este foi o grande problema, a falta de entendimento relativamente a uma nova carreira que consagrasse o facto de existirem enfermeiros licenciados, que numa fase inicial teriam de facto menos anos de carreira que os não licenciados. Deixe-me dizer-lhe que em virtude de alguns conhecimentos pessoais junto da equipa ministerial da altura, até haveria alguma abertura política para esta revisão.
Mas é claro que se nós não tivemos a capacidade de perceber naquele momento que, apesar de os mais novos virem a ser os primeiros beneficiados com uma revisão de carreira, os mais velhos seriam beneficiados um pouco mais tarde, não seria a classe política a oferecer-nos isso de bandeja. Na altura, discordei publicamente da opção tomada. Infelizmente hoje verifico que tinha razão. Conhecendo o resultado actual de todo este processo, não posso deixar de acreditar que teria sido benéfico para todos uma revisão da carreira na altura, com integração dos elementos nessa carreira à medida que fossem terminando os complementos ou as licenciaturas de base. Estaremos melhor assim, em que ninguém teve reenquadramento remuneratório em função das suas habilitações académicas?
Resumindo, o grande obstáculo fomos nós, quantos de nós que já trabalhavamos na altura ouvimos ou dissemos "Depois vou estar a integrar um colega que ganha mais que eu? Então ele que trabalhe". Eu ouvi várias vezes e sempre tentei explicar que nesse contexto todos teríamos acesso a essa nova carreira, embora obviamente uns mais tarde que outros. Mas secalhar assim estamos melhor, ninguém teve acesso a coisa nenhuma e assim o SEP não teve de lidar com uma "questão fracturante"(como é costume).
Mas seja como for, estou disponível para participar em todas as formas de luta que venahm a ser entendidas como necessárias.
: Re: 2010: Revisão da Carreira
: dprocha December 28, 2009, 15:06:14
Relativamente à reunião de 15 de Dezembro o SEP lançou um comunicado:

http://www.sep.org.pt/images/stories/se ... icadod.pdf (http://www.sep.org.pt/images/stories/sep/accaosindical/2009/12/231209comunicadod.pdf)

Agora fico na dúvida...o doutorenfermeiro (que visto estar ligeiramente mais bem informado relativamente a essas coisas...) afirmou que:
"Ninguém se digna explicar aos Enfermeiros o que aconteceu?
Eu explico: colegas, não houve qualquer reunião no dia 15 de Dezembro. Nada, apenas a indicação que haveria nova reunião - a marcar - em Janeiro de 2010. Tudo o resto é uma mentira, bluffada, encoberta num silêncio que os Enfermeiros não merecem!"

Certo é que lançaram um comunicado a explicar a reunião e por isso parece ter havido reunião...Acho que esse tipo de acusações não traz benefícios, e se os traz tem de ser feitas com os pés bem assentes na terra, com provas e convicção!
Creio que fico na ignorância...
: 2009: Revisão da Carreira
: ndp January 19, 2010, 12:15:01
Olá colegas,

venho aqui também deixar a minha indignação para com esta negociação e resultados que temos obtido  >:(
Contudo acho extremamente relevante unirmo-nos todos e fazermos barulho para chamar a devida atenção à nossa causa...
Para além de aderir à greve venho também aqui pedir a quem tem FACEBOOK onde foi lançada uma causa NO MORE ABUSE TO THE PORTUGUESE NURSES! onde deixo aqui o link: http://apps.facebook.com/causes/434197/80325388

Ajudem na divulgação. Agradeço a vossa colaboração  :)
cumprimentos dizendo aos responsáveis políticos: «Fiquem vocês com a farda e prestem cuidados se souberem!»

PS: já postei este comentário em outro ponto de discussão mas acho que quantos mais formos melhor, e quanto mais impacto tivermos ainda melhor, pois tá visto que até estas redes passam na comunicação social se tiverem tamanho suficiente. por isso ajudem.