Forumenfermagem

Áreas de Intervenção Clínica => Proto-especialidade: Saúde do Idoso e Geriátrica => Tópico iniciado por: enfsergio em Abril 21, 2008, 20:25:14

Título: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Abril 21, 2008, 20:25:14
O apoio domiciliário consiste na prestação de cuidados básicos no domicilio a indivíduos ou famílias que, por motivos de idade avançada, saúde, deficiência ou desajustamentos familiares graves, não possam assegurar, total ou parcialmente, as necessidades básicas de vida diária, nem tenham recursos familiares, de vizinhança ou outros que possam suprimir essas limitações.



Um dia criei um tópico... "Lar Ideal", onde cada um foi dizendo o que era para si um lar ideal e quais as condições que o mesmo deveria ter.


Hoje...pergunto O que é para vocês o Apoio Domiciliário ideal?

Em que deve consistir o apoio domiciliário? Quais devem ser as valências do mesmo? Quem deve incorporar as equipas de apoio domiciliário?

O serviço domiciliário deve estar incorporado nos centros de saúde? Os serviços de internamento hospitalar devem ter equipas de apoio domiciliário? Deve o estado fazer acordos com serviços de apoio domiciliários privados?

Qual é a vossa realidade? Qual é a vossa experiência?

O que seria o ideal?

Tantas questões...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Abril 21, 2008, 23:15:35
O apoio domiciliário ideal deverá ser prestado às pessoas com um adequado grau de autonomia para não precisarem de outros recursos (ex: lar).
Estamos a falar de cuidados de saúde, o que inclui alimentação, higiene pessoal e do leito, actividade recreativa/estimulação cognitiva/sensorial.
O pessoal: com formação adequada e boa motivação, inclusive financeira.
Transporte do pessoal adequado às necessidades
Boa vigilancia de saúde: VD de enfermagem segundo a periodicidade adequada às patologias (por favor não façam como na ARS que é o médico que diz com que periodicidade se faz vigilancia das TA - um atentado à inteligencia de qualquer enfermeiro).
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Abril 21, 2008, 23:20:26
Médico de quando em vez e quando necessário.
Reavaliação periodica das necessidades e das respostas propostas.
Apoio ao cuidador informal (linha do Cuidador?)
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Abril 26, 2008, 16:14:42
Já agora uma nota que penso ser relevante acerca de apoio domiciliário e de lares: a maior parte de apoio domiciliário que existe por aí e direcção técnica de lares é atribuida a assistentes sociais. Sem desprimor dessa nobre profissão, as assistentes sociais NÃO TEM COMPETENCIA para exercer tais funções, que deveriam ser exercidas por Enfermeiros. Sabem uma migalha de higiene pessoal? Zero. Alimentação: nickles. Cuidados à pessoa acamada: negativo. Estimulação cognitiva, manutenção de ambiente seguro, alimentação por sonda, assépcia, etc, etc, etc: NÃO SABEM! Então porque é que se metem nestes assuntos e não deixam a quem sabe: os enfermeiros?
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfarfr em Abril 26, 2008, 16:41:44
Citação de: enfermeiredo
Já agora uma nota que penso ser relevante acerca de apoio domiciliário e de lares: a maior parte de apoio domiciliário que existe por aí e direcção técnica de lares é atribuida a assistentes sociais. Sem desprimor dessa nobre profissão, as assistentes sociais NÃO TEM COMPETENCIA para exercer tais funções, que deveriam ser exercidas por Enfermeiros. Sabem uma migalha de higiene pessoal? Zero. Alimentação: nickles. Cuidados à pessoa acamada: negativo. Estimulação cognitiva, manutenção de ambiente seguro, alimentação por sonda, assépcia, etc, etc, etc: NÃO SABEM! Então porque é que se metem nestes assuntos e não deixam a quem sabe: os enfermeiros?

Concordo.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: sofia_enf em Abril 26, 2008, 19:38:05
tenho pensado mt no apoio domiciliário e como enfermeira de um centro de saúde sinto muitas limitações...que a nivel de prevenção primária nada se faz praticamente nos domicilios, pelo menos a parte curativa devia ser bem feita, nomeadamente pk não fazer os domicilios ao fim de semana?se existe o sasu pk não equipas que assegurem os fins de semana e os feriados???e as pessoas que não se podem deslocar???

e já agora, a remuneração dos enfermeiros não devia ser problema, ja k para estimular os médicos a fazerem visita domiciliária aos seus utentes, alguns deles vão receber 30 euros por cada domicilio...isto é k é estimular...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Abril 26, 2008, 20:10:50
@sofia_enf
Cara colega: a grande aposta da Enfermagem , em particular dos CSP devia ser a prevenção. Na minha equipa de saúde de cuidados domiciliários cerca de metade do tempo passo em cuidados "preventivos": vigilâncias e ensinos.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: betisinha em Abril 27, 2008, 08:30:06
Citação de: sofia_enf
tenho pensado mt no apoio domiciliário e como enfermeira de um centro de saúde sinto muitas limitações...que a nivel de prevenção primária nada se faz praticamente nos domicilios, pelo menos a parte curativa devia ser bem feita, nomeadamente pk não fazer os domicilios ao fim de semana?se existe o sasu pk não equipas que assegurem os fins de semana e os feriados???e as pessoas que não se podem deslocar???

e já agora, a remuneração dos enfermeiros não devia ser problema, ja k para estimular os médicos a fazerem visita domiciliária aos seus utentes, alguns deles vão receber 30 euros por cada domicilio...isto é k é estimular...


no centro de saude de felgueiras onbde trabalhei durante tres anos existe um projecto desde o inicio deste ano em que as visitas domiciliarias de todo o concelho sao assegurados durante o fim de semana e feriados.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Abril 29, 2008, 17:57:46
Betisinha:
à partida é bom que haja apoio domiciliário ao fim de semana. Mas falamos de que apoio domiciliário? : alimentaçaão, higiene pessoal, ambiente seguro, actividades de estimulação cognitiva? Cuidados de saúde diferenciados, tipo pensos, SNG? Vigilancia de saúde?
O que é muito triste é que OS ENFERMEIROS AINDA NÃO ASSUMIRAM A AUTONOMIA DA PROFISSÃO!  Quem é que não avaliou pela milésima vez a glicémia em jejum aquele utente, sempre com bons resultados e valores dentro do padrão e não teve coragem de não picar o utente só porque "são ordens do sr.Dr...  ^-
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Abril 29, 2008, 20:55:05
Apenas um pouco de lenha para a fogueira...a enfermagem pode ser autónoma em questões de cuidados domiciliários?
(Pessoalmente penso que sim!)
Mas porque será que a lei que regula entidades que prestam cuidados domiciliários, não refere a origatoriedade de haver enfermeiros, mas exige a existência de assistentes sociais?
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Abril 30, 2008, 21:58:10
Lobbies, o das assistentes sociais é forte.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Abril 30, 2008, 23:20:21
Eu defendo o apoio domiciliário com um equipa multidisciplinar. Defendo a existência de médico, enfermeiro, assistente social, auxiliares, psicólogo, terapeuta ocupacional.

Será isto possível?

Defendo que o enfermeiro tem formação para liderar uma equipa destas.

Defendo que o apoio domiciliário é muito mais que ir fazer apenas um penso e ir embora, ir prestar cuidados de higiene e ir embora. É acima de tudo uma tríade: profissional-doente-família. Tem que se estabelecer uma relação de proximidade, de confiança.

Defendo que no apoio domiciliário pode-se fazer muito...basta querermos. Podemos actuar a vários níveis...além de tratar...podemos e devemos cuidar...devemos formar/informar os prestadores de cuidados informais,...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Maio 01, 2008, 10:17:11
Citação de: enfsergio
Eu defendo o apoio domiciliário com um equipa multidisciplinar. Defendo a existência de médico, enfermeiro, assistente social, auxiliares, psicólogo, terapeuta ocupacional.

Será isto possível?

Defendo que o enfermeiro tem formação para liderar uma equipa destas.

Defendo que o apoio domiciliário é muito mais que ir fazer apenas um penso e ir embora, ir prestar cuidados de higiene e ir embora. É acima de tudo uma tríade: profissional-doente-família. Tem que se estabelecer uma relação de proximidade, de confiança.

Defendo que no apoio domiciliário pode-se fazer muito...basta querermos. Podemos actuar a vários níveis...além de tratar...podemos e devemos cuidar...devemos formar/informar os prestadores de cuidados informais,...



Concordo totalmente com as tuas ideias.
Pode e deve ser uma área de futuro para o desenvolvimento da profissão.
O que me chateia é a obrigatoriedade de existir um assisntente social a liderar um processo, para o qual, nós temos uma formação bem mais completa.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: jej4ever em Maio 01, 2008, 21:39:46
Boa noite caros colegas!

Neste momento encontro-me a trabalhar num CS da ARS de Lisboa, mais propriamente nos na visita domiciliaria, e temos um projecto que consiste em tornar-nos equipa de cuidados continuados...embora o projecto neste momento se encontre em stand-by devido às alterações de ministro da saúde e também a nível da rede de cuidados continuados, em termos de equipa de enfermagem já trabalhamos como equipa de cuidados continuados.
As principais diferenças em relação à normal visita domiciliária são:
- Trabalhar 7 dias por semana;
- Vigilâncias;
- Articulação com o Médico de Família do utente;
- Promoção da Saúde;
- Articulação com Hospitais , Centros de Dia, Apoio Domiciliario, Lares;
- Prestação de cuidados em Centros de Dia e Convivio e vigilância/promoção da saúde (Programa de Diabetes e Hipertensão Arterial);
- Visitação domiciliária conjunta com Assistente Social;

Isto é o que já fazemos para já, porém queremos alargar a nossa equipa, integrando nela médico, enfermeiros, enfermeiro de reabilitação ou fisioterapeuta, psicólogo, e formar uma equipa multidisciplinar que possa prestar apoio a todos os níveis ao utente.

Penso estarmos no bom caminho, apesar de inda estarmos muito no inicio e termo-nos deparado com algumas dificuldades, penso que poderá ser um bom caminho.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Maio 04, 2008, 23:00:29
@jej4ever

penso que realmente estão no bom caminho.

o futuro irá passar sem dúvida alguma pela rede de cuidados continuados e pelo serviço de apoio domiciliário integrado...na própria rede de cuidados continuados, nos centros de saúde, nos hospitais e empresas  privadas.

penso que para funcionar bem a equipa tem que ser obrigatoriamente multidisciplinar...as decisões têm que partir de uma decisão conjunta...de reuniões de equipa...de sessões essas que não podem ignorar o doente e aqueles que prestam cuidados (os cuidadores familiares). Não pode ser só fazer penso, administrar medicação, prestar cuidados de higiene e conforto, alimentação e já está. Não! Tem que ser obrigatoriamente um trabalho muito mais amplo...tal como o colega referiu de vigilâncias, de promoção, entre outros... não só tratar mas acima de tudo...cuidar...do doente e...da família.

Não descurem esta área. É uma área que podemos liderar.

Temos conhecimentos que o permitem!
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Maio 15, 2008, 19:10:47
Não há mais ideias para a constituição de um apoio domiciliário ideal??
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: kisstack em Maio 28, 2008, 16:39:35
Boa tarde a todos.
Bem que dizer, ao contrário da maioria de vocês eu ainda sou aluna, ainda não tive a sorte de ser incluida nesse maravilhoso mundo, que é ser enfermeiro:)
Normalmente não costumo andar muito pelos foruns atenta às discussões que se instalam, mas quando pesquisava sobre cuidados domiciliários, numa tentativa frustrada de encontrar alguma informação acerca do número de pessoas que anualmente no nosso país têm acesso a este tipo de cuidados, vim cá parar.
Pois é, infelizmente é que eu liguei para a direcçao geral da saúde para a ARS do Norte, e claro naturalmente ninguém tinha na sua base de dados informação acerca deste assunto, e pior não sabiam onde encontrar nem informar onde poderia eu encontrar.
A verdade é que continuamos a carecer no nosso país de informação importante acerca de uma variedade de assuntos, pouco transmitimos daquilo que somos e oferecemos. Não percebo como é que numa altura destas em que se preve uma reestruturaçao de cuidados de saude primarios, em que se desenvolve um projecto de cuidados continuados, informaçao como esta parece nao existir. Só se realmente ela existe, está muito bem escondida ou realmente eu nao percebo nada de motores de busca, e nesse caso peço desculpas a todos.
Mas...Enfim...pondo de parte as minhas frustrações.
Posso dizer que como aluna do 4 ano de enfermagem, tenho em maos um trabalho de investigaçao cujo tema é os cuidados de saude domiciliarios, num centro de saude de Portugal e num centro de saude da Finlandia.
Como aluna que teve em erasmus neste país, nomeadamente a nivel dos cuidados de saude primarios, posso dizer-vos que temos muito a aprender com eles...Nao digo em termos de enfermagem, porque a meu ver a nossa é melhor, mas a nivel dos cuidados de saude primarios, da sua organizaçao, dos seus projectos, do atendimento que e feito.
Acima de tudo, e apesar de tudo o que foi dito aqui (e confesso que nao li todos os topicos, e ate pode alguem ja ter abordado o assunto), acho que sim têm razao quando falam que se deve apostar na prevençao e na promoçao. Mas ha um aspecto tambem ele de igual forma importante, que sao os registos de enfermagem. E triste verificar que os registos sao incompletos, nao ha uso de uma linguagem cientifica adequada, a maior parte do trabalho que realizamos nao e registado. Vi muitas vezes enfermeiras a fazer encaminhamentos dos utentes para a assistente social, sem efectuar o registo no processo do utente, alias processo do utente o que e isso? A maior parte dos registos eram feitas em folhas de notas de enfermagem, sem uma correcta identificaçao do utente (so constava o nome). A fazerem educaçoes para a saude que nao eram registadas. Enfim, e depois queremos nos termos visibilidade? Quando nos proprios nao contribuimos para tal? Nos ultimos anos lutamos contra a imagem de subordinados dos médicos, e no entanto, parece que continuamos a agir como tal, restringimos a nossa acçao ao cuidado à ulcera de pressao, à algaliaçao, à entubaçao nasogastrica.
Temos tantas possibilidades de intervençao, e mais, ha tanto que fazemos e nao valorizamos. Só espero um dia nao ser apanhada pela corrente e de me lembrar das palavras que aqui deixo.

So acrescentar...que do que eu vi a nivel dos cuidados domiciliarios...bem...so vos digo que antes do utente ser admitido nestes cuidados a enfermeira visita o utente com  intuito de fazer uma avaliaçao nao so fisica do utente, dos seus problemas de saude, dos seus antecedentes de saude, mas as relaçoes familiares que se estaelecem, as condiçoes da casa, o ambiente social em se inserem. Sendo que todos os objectivos sao estabelecidos com o utente, e a partida sao estabelecidos os cuidados que o utente ira usufrui. Para nao falar que cada utente possui consigo, em casa, o seu processo, onde consta os dados do utente, a sua sitauaçao, a medicaçao habitual que faz, o plano de intervençao. Além disso a enfermeira tambem faz registos da visita que realiza, neste processo. Ou seja, o utente também é dedentor da informaçao que lhe diz respeito.
Enfim...vou voltar ao trabalho. Espero que com o meu comentario nao ter ferido ninguem, acreditando que ainda sou muito fresquinha nestas coisas e que tenho muito a aprender.
Obrigada e boa semana
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Maio 28, 2008, 17:57:13
@kisstack

Gostei do que li e tens razão em muito do que dizes.

Esta á uma área que precisa de crescer...e os enfermeiros têm que ver que esta é uma área nossa...que podemos fazer muito...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Mauro Germano em Maio 28, 2008, 18:23:24
Porque não enviam estas propostas para a OE?

Este tema enquadra-se no contexto das UCC (Unidades de cuidados na comunidade) que está neste momento aberto a propostas.

É só consultar o site da OE: área reservada e podem consultar o documento/proposta da OE e a forma como podem enviar o contributo. Até 15 de Junho estão abertos a sugestões.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: kisstack em Maio 29, 2008, 11:58:22
Bem vou ver se encontro isso de que falas no site da ordem.
Acima de tudo enquanto nao deixarmos de lado o velho e já gasto modelo biomédico, as coisas nao vao andar para a frente.
Há quatro anos que ouço falar do modelo holistico no meu curso, e posso dizer-vos que quando vamos para as praticas nao vemos nada disto...E tudo porque? Porque e muito mais importante termos dado os banhos todos rapidamente...Porque o que nos pedem é sempre rapidez.. Nao interessa a qualidade dos cuidados prestados, mas sim se temos tudo pronto às horas devidas...porque no final é isso que vai contar para as estatisticas. Alias a necessidade de enfermeiros é feita apenas com base no numero de doentes a cuidar, e é tudo que interessa para as continhas do hospital...Vivemos numa sociedade regida pelo dinheiro, em que o interesse é poupar dinheiro no momento imediato, ja que parece nao ser importante obtermos os ganhos a longo prazo...enfim...
Este mundo às vezes cansa-me...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: ricapati em Maio 29, 2008, 12:53:27
Sem duvida que o apoio domiciliario é fundamental no que respeita a enfermagem. Mas temos de 1º reflectir muito bem e olhar para o nosso apoio domiciliario (se assim se pode chamar pk será mais uma passagem pelo domicilio) e encontrar soluções pk elas existem e têm de passar por criar equipas nao so de prestaçao de cuidados como de promoção e prevenção para que realmente se possa dizer que cuidamos e tratamos pois neste momento so tratamos e sabemos bem em q condições pois precisamos de prestar cada vez mais cuidados com qualidade e enfermeiros para isso nao faltam porque se continuamos assim cada vez mais existirão domicilios e com menor qualidade pk não ha tempo para prestar cuidados e fazer a promoçao e prevençao...estarei sempre disponivel para ajudar na criaçao de equipas com objectivos claros e com um unico objectivo ..a atingir a satisfação dos nossos doentes. Pk hoje somos enfermeiros mas amanha estamos nos do outro lado e há que reflectir como gostariamos de ser cuidados e tratados.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Maio 31, 2008, 15:06:05
@jej4ever:

Colega: se não tiveres médicos a ir a domicílio não podes ter cuidados continuados. Tens? Senão cuidados continuados é apenas um nome pomposo...
Cumprimentos do enfermeiredo
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Junho 03, 2008, 18:20:38
A avaliação de um doente em apoio domiciliário deve ser feito pela equipa multidisciplinar, de forma a decidirem em conjunto com o doente e família, as vezes que cada elemento da equipa se desloca aquele domicílio.

Como já defendi anteriormente, a equipa deve ser constituida por enfermeiro, médico, assistente social, psicólogo, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, auxiliar em geriatria. Deve-se avaliar as necessidades do doente e família, desenvolver um plano em conjunto, e depois cada um mais especifico na sua área. Se o médico tiver que lá ir uma vez por semana vai, se o enfermeiro tiver necessidade de ir duas ou três vezes por semana vai, e os outros técnicos iguais.

O apoio domiciliário não é só enfermeiro e auxiliar. É toda uma equipa que trabalha para o mesmo. E todos devem visitar o doente e respectiva família as vezes que forem necessárias de acordo com o plano estabeleciodo.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Junho 03, 2008, 21:41:24
Mais um pequeno contributo, se me permitem:
o apoio domiciliário deve procurar satisfazer o mais alargado leque de necessidades:
estimulação cognitiva: envolvencia de voluntários, familiares, vizinhos.
Um adequado programa de actividades de tempos livres não é importante, é essencial. É a diferença entre um armazem de velhos e um verdadeiro lar (ou uma casa neste caso)
Necessidades espirituais: realizar culto segundo as opções de cada um. Quantos de nós deviam perguntar se o utente quer a intervenção do rabi, padre, pastor ou outro orientador espiritual e não o fez?
Quem pode deve ser convidado a actividades de exterior, nem que seja em cadeira de rodas.

E por favor, tirem as ASSISTENTES SOCIAIS do primeiro papel deste filme, sff.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Junho 04, 2008, 11:37:38
Para tirar as assistentes sociais do protagonismo só mudando a lei, que obriga à sua presença como condição para abrires um apoio domociliário, mas já não é tão directiva quanto ao papel dos enfermeiros
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: EunicePedro em Junho 04, 2008, 15:40:46
>:D olá sou assistente social e enfermeira. os colegas ao invés de criticarem (o país não se move com criticas destrutivas), poderiam participar e fomentar mais o trabalho em equipa multidisciplinar. e mais uma vez digo: e assim vai o país. todos temos um papel e algo a dizer. deixemo-nos de fundamentalismos. fala a experiência...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Junho 04, 2008, 15:50:37
Citação de: EunicePedro
>:D olá sou assistente social e enfermeira. os colegas ao invés de criticarem (o país não se move com criticas destrutivas), poderiam participar e fomentar mais o trabalho em equipa multidisciplinar. e mais uma vez digo: e assim vai o país. todos temos um papel e algo a dizer. deixemo-nos de fundamentalismos. fala a experiência...

A questão não está no papel dos assistentes sociais, mas sim no facto de a lei exigir a direcção técnica de um assistente social, que em minha opinião, não tem competências superiores a um enfermeiro para gerir um apoio domiciliário.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Junho 04, 2008, 15:52:44
Penso que não é uma questão de fundamentalismos...a questão está em ter que ser um assistente social a liderar uma equipa de apoio domiciliário.

Ou seja, se eu pretender ter uma equipa de apoio domiciliário, se eu pretender constituir uma empresa de apoio domiciliário, não posso pois tem que ser uma assistente social a estar à frente do processo.

Penso que é essa a questão.

Ninguém está a falar mal dos assistentes sociais, e penso que todos sabem da importância do assistente social numa equipa multidisciplinar.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Lipa85 em Junho 05, 2008, 00:10:14
Pneso que o apoio domiciliário é uma área na qual a enfermagem poderia fazer mt, desde tratamentos a ensinos e reabilitação. Infelizmente nunca vi essa área a ser verdadeiramente explorada...não por haver maus profissionais, mas por haver falta de condições para tal...

Nos CSP há apoio ou visitas domiciliárias, mas os profissionais são poucos e acabam por ir "a correr" a casa das pessoas fazer um penso ou administrar um injectável...para pouco mais dá.

Os privados têm é que ter lucro...por isso não sei se a qualidade será melhor ou pior e que funções poderá um enfermeiro realizar...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Junho 05, 2008, 13:56:58
Por isso defendo um apoio domiciliário em que "não se vá a correr" a casa das pessoas.

Por isso defendo um apoio domiciliário com uma equipa multidisciplinar...em que se façam visitas individuais ou em grupo...em que se esteja com o doente e com a família. Que se façam reuniões para debater os assuntos do doente, sem nunca esquecer a família. Que não seja só "fazer pensos" e "dar injecções". Que se faça muito mais que isso. Que se dê formação e acompanhamento aos cuidadores familiares.

Que o apoio domiciliário seja um verdadeiro apoio e não uma visita de "vê, toca e foge".
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Junho 05, 2008, 16:11:19
Aliás...fazer pensos e dar injecções não é apoio domiciliário...é o que chamavamos domicilios...pq apoio domiciliário envolve todas as vertentes.
Título: Re: Apoio Domiciliário I$eal
Enviado por: enfsergio em Junho 05, 2008, 21:58:49
@SandroMelo

Concordo plenamente

:)
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Hpf em Setembro 15, 2008, 10:28:19
Caros Colegas,

Gostaria de aproveitar este tema para dar início a um debate interessante, ou pelo menos recomeçar o debate, já que o mesmo já foi em tempos abordado, mas de uma forma um pouco superficial e pouco aprofundado!

Gostaria assim de ter a V. opinião em relação aos meios necessários para constituir um Serviço de Apoio Domiciliário, com os Serviços devidamente tipificados e quantificados.

Penso que, o debate desta matéria é interessante para a nossa comunidade, e poderá levar-nos a ter idéias que podem ser postas em prática, com parcerias interessantes.

Coloco este assunto em debate...

Até já!
HPF
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: emivaz em Setembro 17, 2008, 21:31:19
Citação de: Hpf
Caros Colegas,

Gostaria de aproveitar este tema para dar início a um debate interessante, ou pelo menos recomeçar o debate, já que o mesmo já foi em tempos abordado, mas de uma forma um pouco superficial e pouco aprofundado!

Gostaria assim de ter a V. opinião em relação aos meios necessários para constituir um Serviço de Apoio Domiciliário, com os Serviços devidamente tipificados e quantificados.

Penso que, o debate desta matéria é interessante para a nossa comunidade, e poderá levar-nos a ter idéias que podem ser postas em prática, com parcerias interessantes.

Coloco este assunto em debate...

Até já!
HPF
[/quote

Concordo plenamente que o apoio domiciliário, para além se ser ideal, é de extrema impostância para os nossos utente...

Penso que para optimizar os cuidados de enfermagem desta forma, precisamos de vários recursos humanos e materias... que implicam custos...talvez dependerá de uma avaliação superior a nivel de enfermagem de forma a se construir um projecto que abranja todos os utentes a nível nacional !!!
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfermeiredo em Setembro 18, 2008, 21:19:37
Um exemplo pela negativa: o utente do apoio domiciliário só tem colchão anti-escaras se o terapeuta ocupacional o "receita". Burocracias. O pior é que nem nisso acerta.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: charlie_ze em Setembro 18, 2008, 23:46:03
tenho visto alguns projectos de UCC INTERESSANTES, mas todos eles dão enfase à institucionalização dos utentes, pois  logistica necessária para um apoio domiciliário com um A grande obriga a muito trabalho de fundo, sendo mais facil pegar em trabalho já feito, como a UCC .

Mas realmente, é no domicilio que o utente se sente bem, e é ao domicílio que lhe deveria ser facultados os cuidados necessários.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Setembro 19, 2008, 19:52:55
Penso que o apoio domiciliário será o futuro...

No entanto é preciso mudar as mentalidades de profissionais, doentes e seus familiares...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: charlie_ze em Setembro 21, 2008, 00:45:23
Os doentes, muitos deles já afirmam o querer ir para casa, o problema é que não lhe é dada opção de um acompanhamento eficaz em casa nem suporte à família para tal ser possivel......

As iniciativas privadas só conseguem apanhar um extracto social elevado, tem que haver apoio estatal a estas, para podeem democratizar o acesso a este tipo de cuidados....
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: MarioHugoMacedo em Outubro 11, 2008, 09:05:57
A vertente de Cuidados Domiciliários largamente difundida noutros países, necessita de uma mudança de paradigma na nossa realidade.
Existem inúmeros exemplos de iniciativas publicas, publico-privadas (IPSS) e exclusivamente privadas, estas últimas servindo apenas uma pequena faixa da população.
Alguns estudos referem que os velhos preferem o domicílio à institucionalização, apesar disso estes não são capazes de exercer com autonomia o exercício da sua cidadania.
Foi aqui apontado que os(a) directores técnicos das instituições são Técnicos de Serviço Social, pois bem, gostaria que lessem o decreto-lei que regula estas instituições, e reparem que para um serviço de apoio domiciliário não está sequer previsto o exercício de funções de enfermagem, não sendo as instituições obrigadas a contratar enfermeiros.

Para a qualidade destes serviços existe um manual que está disponível em socialgest.pt - Manual da Qualidade do Serviço de Apoio Domiciliário.

Saudações
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Janeiro 27, 2009, 14:22:22
Prestado pelas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) ou por empresas privadas, pode ser a solução para tratar da higiene, refeições e limpeza da casa de um familiar idoso, ficando este no conforto da sua casa. Que cuidados ter na escolha deste tipo de serviço alternativo aos lares de terceira idade?

Cuidados de higiene ou saúde, limpeza e arrumação da casa, confecção ou entrega de refeições, tratamento de roupas, entre outros, são alguns dos serviços que podem ser prestados a idosos, mas também a deficientes e doentes. As Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) dão prioridade a pessoas com baixos rendimentos. O sector privado acaba, muitas vezes, por ser a única alternativa, mas os preços são elevados.

Cuidados na escolha

Analise as necessidades da pessoa que usufruirá do apoio domiciliário e faça uma simulação horária (por exemplo, calcule o tempo para confeccionar refeições ou tratar da roupa).
Sabendo o número de horas, peça orçamentos e compare os preços. Averigúe se são cobrados à hora ou por mês e qual o custo dos fins-de-semana e dos feriados.
Pergunte ainda se fazem apoio nocturno, se prestam cuidados médicos e se têm um número de telefone para emergências.
Certifique-se de que a empresa dispõe de uma autorização de funcionamento. Poderá obter a informação, contactando o centro distrital de segurança social da sua área. Pergunte ainda o nome do director técnico e do responsável pelos serviços prestados.
Peça o regulamento da empresa e o contrato que terá de assinar no final e estude-os atentamente.
Tendo optado por alguma empresa, deixe sempre uma lista com os trabalhos a efectuar para a pessoa que se deslocar ao domicílio. Deste modo, controlará a execução dos serviços pretendidos.
Se algo correr mal, exija o livro de reclamações. Os serviços sociais e de apoio domiciliário são obrigados a ter um. Guarde uma cópia da reclamação, muna-se de toda a documentação que poderá servir de prova e procure ter uma testemunha do sucedido. 
Outros serviços úteis

Telealarme. A segurança social, o Ministério da Saúde, a Cruz Vermelha e a PT Comunicações, no âmbito do Programa de Apoio Integrado a Idosos, criaram o serviço de telealarme, uma central de atendimento telefónico permanente. É necessário instalar em casa do idoso um telefone especial. Em caso de emergência, bastará accionar um botão de alarme e a central enviará ajuda ao domicílio.

O pedido de adesão pode ser efectuado junto da segurança social (21 318 49 00), da Cruz Vermelha (21 396 01 17) ou da PT Comunicações (800 206 206).

Linha do Cidadão Idoso (800 203 531): dá informações sobre direitos e benefícios dos idosos e é gratuita. Funciona nos dias úteis, das 9h30 às 17h30. Fora deste horário, pode deixar as suas questões e contacto num atendedor de chamadas.


in: http://www.deco.proteste.pt/saude/apoio ... 486611.htm (http://www.deco.proteste.pt/saude/apoio-domiciliario-a-idosos-s486611.htm)
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: EnfNessa em Janeiro 27, 2009, 20:10:35
Pois, quando não há solução nos Centros de Saúde ou outros, tem-se de averiguar outros métodos... Tenho alguns residentes no lar onde trabalho, que os familiares escolheram o lar, de forma a terem assegurados os cuidados de saúde dos seus idosos, não se preocupando com nada.

Citação de: enfsergio
Linha do Cidadão Idoso (800 203 531): dá informações sobre direitos e benefícios dos idosos e é gratuita. Funciona nos dias úteis, das 9h30 às 17h30. Fora deste horário, pode deixar as suas questões e contacto num atendedor de chamadas.

Não sabia que havia a Linha do Cidadão Idoso, que fixe!! Ai, que ainda tenho muito que aprender  ;D

Por acaso, enfsergio, sabe que tipo de técnicos estão a dar informaçoes e que tipo de informações dão?? São psicologos... ou outro tipo de profissionais? Respondem também em termos de saúde? - Era bom para maior segurança dos cuidadores de idosos... sendo assim mais especifico e identificação de problemas...

 :-*
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Janeiro 27, 2009, 20:19:59
Não sei quem está por trás da linha do cidadão idoso...

Confesso que também desconhecia a existência dessa linha telefónica...Mas ainda bem que existe...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: lyly em Setembro 05, 2009, 21:52:52
boa noite!

aproveito este tópico para pedir algum apoio!

soiu enfermeira ha um ano e trabalho num centro de dia k tb tem a valencia de apoio domiciliario. Pretendo fazer um plano de acompanhamento dos utentes no domicilio mas ainda n sei mt bem por onde começar...

a população abrangida é idosa, com pluripatologias e polimedicada (na grande maioria).
o centro de dia dispoe de uma assistente social k irá cmg fazer as visitas.

têm alguma ideia?...como fariam?...

cumprimentos

Lyly
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Setembro 06, 2009, 17:50:58
Quem constitui essa equipa?
Quantos enfermeiros?
Em que horário trabalham?

Não te posso ajudar num plano sem saber que recursos dispões...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: aNdR3 em Setembro 07, 2009, 09:33:11
Citação de: enfsergio
Penso que o apoio domiciliário será o futuro...

No entanto é preciso mudar as mentalidades de profissionais, doentes e seus familiares...

Depois destes é preciso mudar a mente dos "regentes", que como na maioria das situações, entram com política e interesses para barrar o progresso e proactividade.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: lyly em Setembro 13, 2009, 12:18:58
a equipa será constituida por um enfermeiro, uma auxiliar, uma assistente social e eventualmente um medico.

o horario de trabalho decorre entre as 9h e as 18h.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: aNdR3 em Setembro 13, 2009, 15:58:22
Na minha opinião defino um apoio domiciliário ideal aquele constituído por uma equipa polivalente e multidisciplinar, que tenha a capacidade de prestar todos os cuidados inerentes e necessários ao estado ou situação de uma pessoa no seu ambiente familiar e domiciliário, sejam estes de prevenção, tratamento, paliação ou reabilitação, com a capacidade de intercalar e interagir com a rede de cuidados institucionalizados, sejam estes de rede primária, secundária ou terciária.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Setembro 14, 2009, 17:15:23
Citação de: aNdR3
Na minha opinião defino um apoio domiciliário ideal aquele constituído por uma equipa polivalente e multidisciplinar, que tenha a capacidade de prestar todos os cuidados inerentes e necessários ao estado ou situação de uma pessoa no seu ambiente familiar e domiciliário, sejam estes de prevenção, tratamento, paliação ou reabilitação, com a capacidade de intercalar e interagir com a rede de cuidados institucionalizados, sejam estes de rede primária, secundária ou terciária.

Sem dúvida alguma a definição IDEAL para um apoio domiciliário... IDEAL  :)

Alguém conhece um serviço de apoio domiciliário que funcione nestes moldes? Quais as vantagens e desvantagens? Quais as dificuldades encontradas?
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: SandroMelo em Setembro 17, 2009, 22:18:13
Não conheço nada assim Ideal mesmo...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Setembro 18, 2009, 21:31:05
Citação de: SandroMelo
Não conheço nada assim Ideal mesmo...

Nem eu...infelizmente...
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Novembro 04, 2009, 20:55:41
Alguem que trabalhe na área do apoio domiciliário? Deixem a vossa opinião...o que está mal, o que está bem...e o que pode ser melhorado...

Vejo pelo forumenfermagem muita gente a querer iniciar-se sozinho, a pedirem tabelas de preços, e depois nãp participam nestes tópicos??
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Johny_a em Novembro 06, 2009, 07:49:49
Para mimm a unidade ce apoio domiciliaria ideal, deveria ser composta por uma equipa multidisciplinar (médicos, enfermeiros (cuidados gerais e especialistas em varias areas), psicologos, auxiliares, assistente social, ergonomista, e possivelmente como consultores um arquitecto ou engenheiro civil (para poder dar apoio em possiveis soluções simples para barreiras arquitectonicas, para pessoas com dificulade na locomoção). Deverá ser gerida de preferencia por um enfermeiro de forma a permitir uma visão mais abrangente sobre os cuidados a prestar.
Na minha experiencia de colaboração com empresas de apoio domiciliario, muitas vezes o problema parte da gestão ser feita por elementos sem grande ligação à parte de prestação de cuidados de saude. Isso leva a desvalorização dos cuidados de enfermagem e médicos (algumas unidades nem tem médico tem em permanencia ou de facil contacto)... Somos muitas vezes levados a prestar cuidados a "peça" e não duma forma continuada e abrangente... As vezes por nossa culpa, mas muita vezes devido a falta de condições de trabalho por parte dessas empresas e pressões das mesmas.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: enfsergio em Novembro 24, 2009, 12:28:16
Citação de: Johny_a
Para mimm a unidade ce apoio domiciliaria ideal, deveria ser composta por uma equipa multidisciplinar (médicos, enfermeiros (cuidados gerais e especialistas em varias areas), psicologos, auxiliares, assistente social, ergonomista, e possivelmente como consultores um arquitecto ou engenheiro civil (para poder dar apoio em possiveis soluções simples para barreiras arquitectonicas, para pessoas com dificulade na locomoção). Deverá ser gerida de preferencia por um enfermeiro de forma a permitir uma visão mais abrangente sobre os cuidados a prestar.
Na minha experiencia de colaboração com empresas de apoio domiciliario, muitas vezes o problema parte da gestão ser feita por elementos sem grande ligação à parte de prestação de cuidados de saude. Isso leva a desvalorização dos cuidados de enfermagem e médicos (algumas unidades nem tem médico tem em permanencia ou de facil contacto)... Somos muitas vezes levados a prestar cuidados a "peça" e não duma forma continuada e abrangente... As vezes por nossa culpa, mas muita vezes devido a falta de condições de trabalho por parte dessas empresas e pressões das mesmas.

Concordo perfeitamente...para estar à frente dum serviço de apoio domiciliário é preciso ter formação na área. É algo em que eu tanto insito...não devemos fazer por fazer ou porque nos apetece. Devemos ter conhecimentos para podermos efectuar um trabalho de qualidade.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: assistente social em Março 10, 2011, 15:04:08
Meus caros srs é certo que não têm tido boas experiências com colegas minhas, licenciadas em serviço social. Isso é como tudo, também existe ai a trabalhar enfermeiros que são uma vergonha.
Uma coisa é certa. Eu trabalho há já alguns anos na área da geriatria e sei bem o que é o apoio domiciliário e como prestar um bom cuidado aos nossos idosos, tanto a nivel da higiene no wc como no leito, alimentação, posicionamentos, entre outras informações.
Para isso contribuiu os meus anos na área, a experiência e formação que tive com colegas vossos. Todos precisamos de todos, se é que me faço entender.
Para além disso somos directores técnicos porque existe papeis que para a segurança social so nós sabemos trabalhar e preencher, informações aos utentes que vocês nao percebem e por ai a fora.
Por isso agradecia que não mal tratassem esta profissão. Eu considero-me uma boa profissional e com qualidade para acompanhar e informar todas as minhas colaboradoras.
Grata pela atenção.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Raquel..ade em Março 11, 2011, 02:05:13
Olá Boa Noite! Eu estou a tentar organizar ideias para prestar cuidados domiciliarios. Ainda tenho so as coisas em projecto. O meu noivo é psicologo e o meu cunhado fisioterapeuta. Apesar dos dois ja trabalharem vou ver se faço uma parceria para colmatar necessidades que existam nestas áreas. Logo que tenha algum resultado eu comunico. Pra já vou começar sozinha uma vez que apesar de ja ter tido emprego, agora estou desempregada e como os cuidados domiciliarios sao particularmente uma área que gosto. Cumprimentos. Espero dar-vos boas noticias:S apesar de nesta altura do campeonato andar muito em baixo com o factor "falta de trabalho". Se alguem tiver sugestoes ou conselhos pra dar agradeço.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Carenf em Março 11, 2011, 10:04:35
Bom dia a todos os colegas,

como mais uma "recém"-licenciada decidi há cerca de 2 meses iniciar uma pequena empresa de cuidados de enfermagem ao domicílio. Pensei nos cuidados que poderia e me sentia capaz de levar a cabo e cheguei até mesmo a elaborar cartões para conseguir divulgar os cuidados que pretendia prestar. Não cheguei sequer a prestar cuidados ao domicílio tendo por base essa pequena empresa, até porque logo em seguida comecei a trabalhar num Centro de Enfermagem. No entanto, a idéia ficou a ser germinada e cheguei à conclusão que não basta ter muita vontade de exercer a nossa profissão, de nos submetermos a possíveis baixas remunerações por isso, nem mesmo de termos idéias para investimento individual. Na minha opinião, para englobar tudo o resto é essencial termos por trás uma base que dê uma maior confiança ao doente no momento em que nos deslocamos a sua casa. Neste momento, tento integrar um projecto de prestação de cuidados de enfermagem ao domicílio, desenvolvido a partir de uma clínica conceituada, que tem consigo variados médicos conhecidos e uma panóplia de especialidades, desde dentária a fisioterapia. Desta forma, para além de ser facilitada a proximidade das pessoas com estes cuidados, as mesmas sentem-se mais seguras em saber k quando o enfermeiro vai ao domicílio terá, se for necessário, o apoio de outras especialidades da clínica sem que sejam necessárias grandes preocupações, conseguindo assim uma prestação de cuidados multidisciplinares que dão outra confiança às pessoas.
Não quero com isto dizer que será impossível avançar com uma empresa que apens presta cuidados de enfermagem, pois não é. É sim muito mais dificultado o processo, não só no início, como no decorrer do exercício.
Em modo de conclusão, acredito que o grande problema da nossa profissão é a falta de divulgação/ marketing e deste tipo de investimento por uma coisa diferente de um hospital ou centro de saúde, no entanto, não nos podemos afastar do que é hoje a nossa sociedade e ter em conta a importância que tem um trabalho multidisciplinar e várias parcerias para que qualquer projecto tenha pernas para andar.

Com os melhores cumprimentos.
Título: Re: Apoio Domiciliário Ideal
Enviado por: Farfi em Março 28, 2012, 23:16:53
Apesar de não ser actualizado há mais de um ano, achei este tópico de enorme interesse para ser debatido.

Decidi, por isso, partilhar um documento convosco: "Serviços de Apoio Domiciliário: Oferta e Custos no Mercado Privado", de 2009.

Cumprimentos