Autor Tópico: iodopovidona...  (Lida 56312 vezes)

Offline Helena.Oliveira

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 31
    • Ver Perfil
    • http://helenahelenaoliveira.spaces.live.com/
iodopovidona...
« em: Março 11, 2007, 18:56:38 »
Olá colegas...
Gostava que me deixassem os vossos testemunhos relativamente ao "uso" de iodopovidona...

Offline FysGa

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 75
    • Ver Perfil
iodopovidona...
« Responder #1 em: Março 12, 2007, 03:36:42 »
Muito simples:

A sua utilização resume-se à assépsia da pele antes da execução de procedimentos invasivos tais como toracocenteses, PL, suturas, inserção de catéter arterial ou central, etc...

Offline GracaT

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 30
    • Ver Perfil
iodopovidona...
« Responder #2 em: Março 13, 2007, 16:01:23 »
No tratamento de feridas, nunca!

Offline nellyrest

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 48
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #3 em: Julho 13, 2007, 10:29:01 »
A iodopovidona é apenas utilizada na desinfecção tópica antes da realização de alguma técnica evasiva, uma vez que a sua duração de acção é muito curta. No tratamento de feridas, não se deve utilizar. Para a limpeza de feridas apenas se deve utilizar a limpeza com soro fisiológico 0,9% a temperatura ambiente, ou até H2O corrente, no caso de serem feridas sem compromisso de suprficies ósseas. Isto tudo a temperatura ambiente, nunca utilizados frios. ;)
O Dakin, e a iodopovidona já passaram á história.
Não deixes para amanhã o que podes fazer hoje

Offline Leugim

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 430
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #4 em: Julho 13, 2007, 13:01:51 »
A iodopovidona foi, em tempos, a chave de resolução de quase todos os problemas... Era tipo um deus para quase todas as situações...

Actualmente, e após estudos publicados nas revistas e jornais científicos, chegou-se à conclusão que:
- o seu uso no tratamento de feridas está desaconselhado por dois motivos: a iodopovidono atrasa o processo de cicatrização e existe o risco de absorção excessiva de iodo. No entanto pode ser utilizada para, por exemplo , desinfecção da área circundante das feridas, se tal for necessário;

- o seu uso na desinfecção do umbigo dos recém-nascidos e da região perenial antes do colocação da sonda vesical está a ser ou é desaconselhado. Isto porque os estudos evidenciaram que existe o mesmo risco de infecção quer se utilize SF/h2o com sabão quer se utilize a iodopovidona. No caso da colocação da sonda o principal factor para o risco de infecção é a técnica utilizada e não a limpeza da zona perenial, por isso vários hospitais já deram indicações para não ser usado;

- continua a ser um excelente antiséptico para preparação do campo operatório e de outras técnicas invasivas (colocação de CVCentral, biópsias, anestesia epidural, etc...);

- continua a ser um excelente antiséptico para a lavagem cutânea para a utilização da técnica asséptica cirúrgica;

- algo que não é consensual é o seu uso concomitante com a gase gorda nas queimaduras. Alguns profissionais (médicos e enfermeiros) defendem que serve para activar a gase gorda, evitar que a gase fique aderente ao tecido que se está a formar, e que diminui o risco de infecções nessa ferida. É sabido que nas queimaduras o risco de infecção é maior, mas até hoje ninguém me apresentou algum artigo a comprovar isto tudo...

- também é um antimicótico (útil para quem tem pé-de-atleta e sem problemas com o iodo) mas como não é específico deve ser usado com prudência (altera o equilíbrio microbiológico da pele).

Cumprimentos,

Miguel Oliveira

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #5 em: Julho 13, 2007, 15:47:56 »
Pois.............é tanta coisa que nem sei o que dizer... para começar, para a desinfecção da pele antes das técnicas invasivas, está altamente ultrapassado! Só se for em solução de base alcoólica.
Em feridas não se pode usar...bla-bla....então se for uma ferida infectada? O inadine? não é feito de iodopovidona? e deve ficar na ferida entre 5 a 7 dias! que danos para ferida não é?  ;D
Amigos cada fase da ferida merece uma atenção adequada ao seu estado! é obvio que não é recomendável "regar" com iodopovidona uma ferida em granulação, sem sinais de infecção, isso sim é pior a emenda que o soneto! Agora numa ferida infectada, ou ferida suja traumática, lavar só com soro, ignorar os antissépticos e por umas velinhas aos santinhos não deve fazer lá muito efeito, mas cada um é livre de fazer o que quer, agora não fçam disso verdade suprema, pois como venho a dizer neste forum, cada caso é um caso e nada é absoluto!  ;)

Offline Leugim

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 430
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #6 em: Julho 13, 2007, 17:51:56 »
Olá!

Citação de: hotvitor
Pois.............é tanta coisa que nem sei o que dizer... para começar, para a desinfecção da pele antes das técnicas invasivas, está altamente ultrapassado! Só se for em solução de base alcoólica.

Pois... Mas ainda é usado por nós e por médicos...


Citação de: hotvitor
Em feridas não se pode usar...bla-bla....então se for uma ferida infectada? O inadine? não é feito de iodopovidona? e deve ficar na ferida entre 5 a 7 dias! que danos para ferida não é?  ;D
Amigos cada fase da ferida merece uma atenção adequada ao seu estado! é obvio que não é recomendável "regar" com iodopovidona uma ferida em granulação, sem sinais de infecção, isso sim é pior a emenda que o soneto! Agora numa ferida infectada, ou ferida suja traumática, lavar só com soro, ignorar os antissépticos e por umas velinhas aos santinhos não deve fazer lá muito efeito

Tens razão, tinha-me escapado isso... Mea culpa... No entanto também podes usar Aquacel Ag que tem prata em vez de iodopovidona. Se estiver infectada e com odor se calhar o melhor será o carvão activo.

Mas,
Citação de: hotvitor
agora não fçam disso verdade suprema, pois como venho a dizer neste forum, cada caso é um caso e nada é absoluto!  ;)

concordo absolutamente contigo! E, em caso de dúvida, pedir colaboração de alguém mais experiente!  :)

Miguel Oliveira

Offline nellyrest

  • Membro
  • ***
  • Mensagens: 48
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #7 em: Julho 13, 2007, 22:26:03 »
caro colega hotvitor, o inadine pode sim ser utilizado em feridas infectadas, assim como a prata. E também é verdade que este é possuidor de iodo, só que ao ser colocado numa ferida infectada ele vai libertar o iodo lentamente, logo não há grande risco de intoxicação dos tecidos. Logo este também só deve permanecer na ferida apenas 3 a 4 dias. 8)
Não deixes para amanhã o que podes fazer hoje

Offline hotvitor

  • Membro Ativo
  • ****
  • Mensagens: 135
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #8 em: Julho 13, 2007, 23:19:38 »
Ok, bem visto!  ;)

Offline mariamariamaria

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 926
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #9 em: Julho 15, 2007, 15:58:09 »
Olá,

Em relação ao Betadine, tenho a mesma opinião da que tenho em relação a todos os produtos que usamos em tratamento de feridas: para a cura, temos de tentar e ir tentando aquilo que é melhor para aquela pessoa. Como tenho dito, nem sempre nem nunca.

Infelizmente, ainda não temos os produtos que sejam " tiro e queda" para as lesões que detectamos; e isso não implica que a análise da situação não esteja correcta, mas cada organismo reage individualmente a um produto e isso tem a ver com coisas tão complexas como a própria carga genética do indivíduo.

Por isso, não recusemos nada à partida, nem nos encarnicemos em questões que ainda não são do domínio da ciência, no estadio de evolução em que se encontra.

Sejamos suficientemente humildes para trocar opiniões, experiências e tenhamos os olhos bem abertos para aquilo que nos qurem impingir como " panaceia universal".

Uso betadine, porque tenho fé que seja um bom desinfectante. Mas, como todos os outros desinfectantes, não evita a 100% infecções.

Uso betadine em tratamento, quando tenho fé que vai curar aquela lesão, mas às vezes não resulta, outras sim...

Abraço.

Offline joão gouveia

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 18
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #10 em: Julho 16, 2007, 16:50:52 »
Cara Mariarebelo 1, começo a ficar preocupado consigo. Acho que, tal como na questão que já falamos acerca da rifocina, que a colega pertence ao grupo das "fezadas". Bom, de boas intenções está o inferno cheio e parece-me que vai por aí muita confusão nessa cabeça. O Betadine, ou iodopovidona, como quiser, é um antisséptico e não um desinfectante e só é útil para o tratamento de feridas na forma de libertação lenta (o que não acontece na forma de solução aquosa ou liquida ou mesmo pomada). Mais ainda, é inactivado perante matéria orgânica. Os bons resultados que vê acerca da utilização do Betadine (e será na forma de pomada, duvido que tenha resultados positivos com outra apresentação) são derivados ao facto de este produto pela sua apresentação semi-liquida promover um ambierte húmido.
Vou dar-lhe alguns exemplos de fezadas para terminar, da autoria de enfermeiros que fui conhecendo:
- Soluto de Dakin + Ulcerase- só assim é que o ulcerase funciona ;D
- Gaze gorda e Allevin por cima- só assim é que o Allevyn funciona :o
- Rifocina + actisorb- excelente produto para evitar infecções, :-X
e por aí adiante....
Vê no que dá as fezadas ou também tem alguma combinação para partilhar?
Cumprimentos,
João Gouveia

Offline mariamariamaria

  • Membro Veterano
  • *****
  • Mensagens: 926
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #11 em: Julho 16, 2007, 17:51:51 »
Caro João,

Quem começa a ficar preocupada sou eu, porque me parece que tu deves saber qual é o produto que actua eficazmente e não tem efeitos secundários e andas a esconder essa informação de milhares de ignorantes como eu e que, tal como eu, tentam tratar feridas sem grande sucesso, apesar de utilizar os produtos recomendados para o dito tratamento.

Também fico sempre preocupada com a falta de humildade nas pessoas. Uma coisa é partilhar experiências, outra é colocares-te na posição de quem sabe tudo. Nós nunca sabemos tudo. E cuidado em relação às afirmações. O que é verdade em ciência hoje, amanhã pode não ser...

Por isso penso que a ciência é um aliado do ser humano, mas há que usar os dados com bom-senso. Por isso, a parilha de experiencias entre pares é importante.

Abraço.

Offline amorim

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 5
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #12 em: Julho 16, 2007, 18:40:19 »
Caros colegas,
queria deixar aqui a minha opinião acerca da utilização de determinados produtos, que alguns estudos vêm tentando aniquilar por completo, mas que, quem os utiliza e tens experiência com eles, verifica que afinal sempre têm alguns benefícios, contrariamente àquilo que impiedosamente alguns tentam dizer. Um caso é o soluto de Dakin, também conhecido por "mata ratos" (esta é a designação de quem nunca o usou nem nunca verificou alguns dos seus sucessos). Outro é o betadine, que desde algum tempo para cá vem deixando de der utilizado, por vezes, de forma um pouco exagerada, já que antigamente esta era a solução para quase tudo, e servia.
Posso dizer, que na minha humilde experiência verifico que em algumas situações nem hidrogel nem ulcerase nem outra coisa qualquer surtem tanto efeito na limpeza de feridas necrosadas e com tecido desvitalizado como este produto. E quanto mais depressa conseguirmos que a ferida passe para a fase de granuação, tanto melhor, e aí sim, poderemos escolher outro produto mais adequado.
Quanto ao betadine (seja ele líquido, em creme ou de libertação prolongada - inadine) em escoriações, em feridas com tecido de granulação (infectadas ou não), posso afirmar com base na evidência da minha experiência que surtem efeito na maior parte das pessoas.
Outro aspecto que gostaria de referir, é que nem todos os produtos que são indicados numa determinada ferida, resultam no efeito pretendido, isto porque cada caso é um caso, cada pessoa é uma pessoa e não há regras do tipo "xapa cinco" no tratamento e no sucesso das nossas intervenções relacionadas com o tratamento de feridas.

Obrigado
Tenham uma boa tarde**

Offline joão gouveia

  • Novato
  • **
  • Mensagens: 18
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #13 em: Julho 16, 2007, 20:25:19 »
Cara MariaRebelo1, peço desculpa se alguma vez fui arrogante ou indelicado, não era essa a minha intenção. Não sei qual é o produto indicado para todo o tipo de feridas, se soubesse era um génio e não me considero. Apenas entendo que podemos ser melhores, porque para lavar uma ferida e "pintá-la", qualquer pessoa sabe fazer isso. O facto dos nossos actos, sejam eles quais forem, não terem por base uma verdade cientifica leva ao aparecimento de curiosos, enfermeiros ou não. Quem é que acha que o vizinho que até sabe dar injecções, sabe realmente porque é que se dá no quadrante externo e não no interno? Se vêem o enfermeiro a colocar uma porcaria qualquer, deve prestar porque foi o sr. enfermeiro que colocou. Os nosso actos têm uma importância social muito acima do que podem imaginar. Não sei se já foi feito um estudo sobre esta temática, se não, seria interessante. Quando falei na questão das fezadas, referia-me a palavras tuas "Uso betadine, porque tenho fé que seja um bom desinfectante. Mas, como todos os outros desinfectantes, não evita a 100% infecções", certo?
Se outras pessoas têm bons resultados, e acredito que tenham, procurem saber porque é que ocorreram, e não se limitem a basear o vosso conhecimento apenas na experiência pessoal. Na ciência não existe cepticismo, apenas a necessidade de confirmações, existe um artigo no OWM que aborda as medicinas alternativas como possivel opção no tratamento de feridas, fundamentadas com estudos cientificos. Para o ano vai decorrer um congresso europeu sobre o tratamento de feridas (EWMA 2008), em Portugal, seria lamentável que os trabalhos a apresentar fossem apenas baseados em evidências empiricas, daria uma má imagem dos nossos profissionais de saúde. Tenho tentado dar algumas indicações neste forum, mas também começo a ficar cansado de falar sempre do mesmo e de ser mal interpretado, por isso irei abster-me de comentar mais posts vossos. Sabem, quando a mente está fechada, não vale a pena tentar introduzir informação que não irá ser guardada, isso é tempo perdido. Apenas vos peço que antes de darem a vossa opinião (quer queiram ou não, pode vincular outros colegas a ela e induzi-los em erro) a fundamentarem com factos, não apenas argumentos.
Cumprimentos,
João Gouveia

Offline Leugim

  • Membro Associado
  • *****
  • Mensagens: 430
    • Ver Perfil
Re: iodopovidona...
« Responder #14 em: Julho 17, 2007, 09:29:28 »
Olá!

O EWMA 2008 tem site? Gostava de saber + sobre ele.