Social:

Introdução à Prática Clínica: Do Diagnóstico à Intervenção em Enf. de Saúde Mental e Psiquiatria

Escrito por  Prof. Carlos Sequeira

Este livro surge na necessidade de compilar um conjunto de informação relevante para a prática de Enfermagem, no contexto da Saúde Mental e Psiquiatria

 

Carlos Sequeira
Edição:1.ª

ISBN : 989-558-083-5

 

 

Síntese do livro

 

INTRODUÇÃO À PRÁTICA CLÍNICA: DO DIAGNÓSTICO À INTERVENÇÃO EM ENFERMAGEM DE SAÚDE MENTAL E PSIQUIATRIA.

Este livro surge na necessidade de compilar um conjunto de informação relevante para a prática de Enfermagem, no contexto da Saúde Mental e Psiquiatria. Não se pretende com o mesmo, abordar de uma forma exaustiva as diferentes problemáticas expostas, nem tão pouco limitar o campo de observação às mesmas, apenas se pretende fornecer um instrumento aglutinador de alguns conhecimentos considerados fundamentais e relevantes para a prática, fomentando o desenvolvimento do espírito científico e do pensamento reflexivo. 

Os diagnósticos e as intervenções de Enfermagem descritas neste livro tiveram por matriz a metodologia e a linguagem preconizada pela Classificação Internacional Para Prática de Enfermagem em articulação com a Classificação Internacional das Intervenções de Enfermagem e a Classificação Internacional dos Resultados de Enfermagem. O seu contributo no Contexto da Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiatria, reside nas possibilidades de documentação e reflexão do trabalho autónomo do Enfermeiro sobre a forma de Diagnósticos e Intervenções, de modo a facilitar a construção de indicadores de qualidade de acordo com os ganhos associados ao trabalho dos Enfermeiros.

A revalorização das práticas dos enfermeiros terá como consequência: a promoção da saúde mental, a redução da morbilidade, a diminuição dos custos associados, bem como uma maior satisfação dos profissionais.

É constituído por uma parte teórica que enquadra a Enfermagem em Saúde Mental/Psiquiatria, pela teorização sobre alguns focos de atenção no domínio do auto-conhecimento, dos recursos pessoais e da relação.

Uma parte essencialmente prática que consiste na descrição dos DIAGNÓSTICOS E INTERVENÇÕES DE ENFERMAGEM nos seguintes domínios:

  • Consciência;

  • Pensamento;

  • Memória;

  • Orientação;

  • Aprendizagem;

  • Humor;

  • Vontade De Viver;

  • Imagem Corporal;

  • Auto-Estima;

  • Autocontrolo;

  • Coping;

  • Stresse;

  • Ansiedade;

  • Tristeza;

  • Solidão;

  • Euforia;

  • Obsessão;

  • Alucinação;

  • Insónia;

  • Agitação;

  • Convulsão;

  • Dor;

  • Tentativa De Suicídio;

  • Uso De Álcool;

  • Uso De Drogas;

  • Interacção Social/Relação.

 

É um livro orientado para os enfermeiros do contexto da Saúde mental e Psiquiatria, mas que também pode fornecer contributos para os enfermeiros de outros contextos (oncologia, comunidade, etc.). 
 

Índice:

Agradecimentos
Prefácio

 


I PARTE


CONSIDERAÇÕES TEÓRICAS RELEVANTES PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM
 

1. Introdução
2. Saúde/doença mental
2.1. Normal/patológico
2.2. Tentativa de explicação do adoecer mental
3. Evolução histórica da assistência em saúde mental e psiquiatria
4. Alguns modelos teóricos
4.1. O modelo biomédico
4.2. O modelo behaviorista
4.3. O modelo rogeriano
4.4. O modelo psicodinâmico
4.5. O modelo biopsicossocial
4.6. O modelo sistémico
4.7. Modelo de promoção da saúde
4.8. Modelo de crenças de saúde
5. Práticas dos enfermeiros – CIPE

 


II PARTE


FOCOS DE ATENÇÃO PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM


1. Ansiedade
2. Autoconceito
3. Auto-estima
4. Autocontrolo
5. Stresse
5.1. Acontecimentos indutores de stresse
5.2. Avaliação dos acontecimentos indutores de stresse
5.3. Os efeitos do stresse no indivíduo
5.4. O stresse e a família
6. Coping
6.1. Estratégias de coping
6.2 Mecanismos e estratégias de coping
6.3. Avaliação do coping
7. Substâncias aditivas: álcool
7.1. A etiologia do alcoolismo
7.2 As etapas do alcoolismo
7.3. O tratamento do alcoolismo

 

 

III PARTE


DIAGNÓSTICOS E INTERVENÇÕES DE ENFERMAGEM


1. Consciência
2. Pensamento
3. Memória
4. Orientação
5. Aprendizagem
6. Humor
7. Vontade de viver
8. Imagem corporal
9. Auto–estima
10. Autocontrolo
11. Coping
12. Stresse
13. Ansiedade
14. Tristeza
15. Solidão
16. Euforia
17. Obsessão
18. Alucinação
19. Insónia
20. Agitação
21. Convulsão
22. Dor
23. Tentativa de suicídio
24. Uso de álcool
25. Uso de drogas
26. Interacção social/relação

 


Referências bibliográficas

 



 

 

Mais informações: http://quartetoeditora.regiaocentro.net/olivro/default.asp?PnIDLivro=352

 

 

AUTOR:

 

Carlos Alberto da Cruz Sequeira

Professor Adjunto: Escola Superior de Enfermagem de São João

Especialista em Enfermagem Saúde Mental e Psiquiátrica

Mestre e Doutorando em Ciências de Enfermagem

Mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  

 

Editoras

Prata & Rodrigues Publicações, Lda

Formasau

Livros de Autoria

PUBLICIDADE