Social:
segunda, 18 novembro 2013 00:06

Enfermeiro morre em frente a amigos em passeio de BTT

Manuel Paulo Barreira, de 44 anos, sofreu, este domingo de manhã, uma paragem cardiorrespiratória fatal quando efetuava um passeio de BTT, na companhia de mais 11 amantes da modalidade, próximo da aldeia de Valongo das Meadas, Mirandela.

O enfermeiro, que exercia funções no Hospital de Mirandela, saiu de casa bem cedo para mais um dos habituais passeios de domingo, na companhia de dois amigos. Cerca das 10.20 horas, cruzaram-se com mais nove cicloturistas, próximo da aldeia de Miradeses, e todos juntos preparavam-se para "atacar" uma subida, quando a tragédia aconteceu.

"Estávamos a conversar na brincadeira em quando iniciamos a subida, o Paulo caiu para cima de um colega, mas pensámos que tinha ficado com os pés presos nos pedais de encaixe: afinal tinha desmaiado", conta Rui Esteves, um dos companheiros de passeio. "Fizemos manobras de reanimação e recuperou, levantou-se e segundos depois voltou a cair e foi fatal", diz emocionado.

Ainda foram acionados os meios de socorro, com a presença no local da ambulância SIV do INEM e uma ambulância dos bombeiros de Mirandela, mas já nada foi possível fazer a não ser confirmar o óbito.

Paulo Barreira sempre foi "viciado" em praticar desporto e foi mesmo um dos fundadores do Clube de Ciclismo de Mirandela (CCM) que nasceu há dois anos e meio e praticava a modalidade de BTT em provas destinadas a veteranos.

Este ano, "ficou no pódio nas provas de Bragança e Vila Real", lembra o presidente do CCM, sublinhando que a época de competição já tinha terminado. "Isto era apenas um passeio treino a um ritmo moderado", acrescenta César Quitério que lamenta a tragédia. "É um dia triste para o clube".

http://www.jn.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Bragan%E7a&Concelho=Mirandela&Option=Interior&content_id=3538312

Ler 4303 vezes