Social:

segunda, 30 janeiro 2017 06:10

O suicídio assistido e a eutanásia

A relutância em se aceitar a eutanásia ou o suicídio assistido provém, em muitos casos, de os objectores estarem a viver num tempo que já não existe.
O presidente do Hospital Fernando da Fonseca reconhece que o estabelecimento é um "patinho feio" pela "má fama" das urgências e promete alterar essa realidade. Começou, por exemplo, por arranjar camas fora do hospital para os casos sociais. Mas é o hospital que tem de pagar.
Francisco Velez Roxo, presidente da administração do hospital Amadora-Sintra, "a maior urgência do país", queixa-se de falta de médicos. "Dos cinco internistas que queríamos para as urgências não conseguimos nenhum."
O cancro gástrico é a terceira de morte por cancro. Esta medida custará ao Serviço Nacional de Saúde 18 mil euros por cada ano de vida salvo.
Na saúde, na tecnologia, nos estudos de opinião e na arte. O instituto Smithsonian selecionou um grupo de inovadores que vão estar nas notícias em 2017. Conheça-os.
sábado, 28 janeiro 2017 10:49

Mais de 60 jovens debatem futuro da Saúde

Mais de 60 jovens de origens geográficas e percursos curriculares variados compõem o "Primeiro Parlamento da Saúde", uma iniciativa que pretende refletir sobre o futuro da saúde em Portugal.
O número de mulheres entre os 19 e os 34 anos a realizar este tipo de intervenções aumentou 41%. O objetivo é evitar marcas e rugas que ainda nem sequer apareceram numa obsessão que pode ser perigosa.