Social:

Uma «tempestade perfeita» permitiu que o vírus HIV se propagasse a partir da cidade de Kinshasa, que é hoje a República Democrática do Congo, nos anos 1920, e levasse a uma pandemia de sida que infectou cerca de 75 milhões de pessoas.
A hipótese de um pacto para a saúde, lançado pelo PSD, foi hoje bem recebida pelo Governo, com o ministro da Saúde a considerar que este seria até mais importante do que o alcançado na Defesa.
O ministro da Saúde, que o PSD comparou hoje a «visionários» como António Arnaut ou Albino Aroso, anunciou que o governo pretende retomar a exclusividade para os médicos de família, mas reconheceu dificuldades em concretizar a medida nesta conjuntura.
Medir o olfacto das pessoas na velhice pode ajudar médicos a prever qual é a expectativa de vida dos pacientes, sugere um estudo da Universidade de Chicago.
As autoridades de Saúde dos EUA isolaram, na quinta-feira, a família do paciente infetado com Ébola, na sua casa, em Dallas, e alargaram a vigilância médica a cerca de uma centena de pessoas.
A Sida surgiu nos anos 20 do século passado, em Kinshasa, atual República Democrática do Congo, conclui um estudo hoje publicado pela revista Science e que teve dois portugueses na equipa que o fez.
Anhony Banbury, chefe da missão das Nações Unidas (ONU) no oeste africano, advertiu esta quinta-feira que o vírus do ébola pode sofrer uma mutação e passar a propagar-se por vias aéreas. Isso poderá ocorrer, disse Banbury, caso o surto não seja controlado rapidamente. A informação foi divulgada pelo The Telegraph.
Os casos de cancro de pele deverão quase triplicar e os de tumor do cólon duplicar na região sul de Portugal em 2020, comparando com o final da década de 1990, segundo projeções hoje apresentadas em Lisboa.