Social:
quinta, 18 julho 2019 07:00

Donativos cívicos para o SNS e “facturas virtuais” para os utentes, eis algumas sugestões da Fundação para a Saúde

Fundação assinala a abertura das comemorações do 40.º aniversário do Serviço Nacional de Saúde com uma obra que traça linhas gerais para o futuro deste serviço. Já são avançadas sugestões, devendo ser apresentadas propostas concretas até ao final do ano.

A relação do Serviço Nacional de Saúde (SNS) com “as entidades e organizações mercantis que laboram” nessa área requer “uma cuidadosa e sofisticada regulação”. Deve ser estudado um modelo que permita combinar diferentes modalidades de pagamento e incentivos aos serviços e equipas do SNS, que considere os resultados e estimule “o brio, o profissionalismo, o trabalho em equipa”. É “pertinente” permitir donativos cívicos ao SNS, que devem ser estimulados, garantindo “transparência e rigor”. Estas são algumas das linhas sugeridas pela Fundação para a Saúde – SNS num livro apresentado esta tarde, numa cerimónia que marca a abertura das comemorações dos 40 anos do SNS.

Mais populares

  • Vacinas

    Alemanha aprova multas até 2500 euros para pais que não vacinem filhos contra sarampo

  • i-album
    Turismo

    Estrada portuguesa é o “nirvana” das “melhores estradas da Europa para conduzir”, diz a Ford

  • i-album
    Camboja

    Soldados Invisíveis: eles recolhem o lixo das ruas, mas ninguém os vê

FONTE - Público

Ler 92 vezes