Social:
quarta, 20 fevereiro 2019 08:36

Maputo. Hospital Central volta a ter ressonância magnética após avaria de três anos

Nova máquina está em fase de instalação e 24 profissionais de saúde da unidade receberam formação para utilizar o equipamento. Investimento rondou 2,7 milhões de euros.

O Hospital Central de Maputo (HCM), uma das principais unidades públicas de Moçambique, vai voltar a realizar exames de ressonância magnética, após uma avaria no equipamento que dura há três anos, anunciou esta quarta-feira a instituição.

Uma nova máquina está em fase de instalação e 24 profissionais de saúde da unidade receberam formação para utilizar o equipamento, lê-se num comunicado do hospital. O investimento rondou 2,7 milhões de euros e prevê melhorias significativas na qualidade dos exames.

Segundo dados da instituição, o HCM tem cerca de 1.400 camas, distribuídas por sete departamentos clínicos e atende, em média, por dia, 780 utentes nas urgências e 550 nas consultas externas.

Abusos na Igreja

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou, pessoalmente, para Sónia Simões ( Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ) ou para João Francisco Gomes ( Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. );
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.

FONTE - Observador

Ler 133 vezes