Social:
segunda, 14 janeiro 2019 11:47

Desactivado plano em Lisboa para as pessoas sem-abrigo por causa do frio

Plano de Contingência abrangeu 451 pessoas. Medida voltará a ser activada caso se voltem a registar as temperaturas muito baixas.

A Câmara Municipal de Lisboa informou, esta segunda-feira, que “perante a melhoria das condições climatéricas, o Plano de Contingência (para as pessoas sem-abrigo perante o frio) foi desactivado” pelo Serviço Municipal de Protecção Civil, considerando que o balanço foi “francamente positivo”.

Mais populares

  • Revista de imprensa

    Poema de Álvaro de Campos censurado em manual de Português da Porto Editora

  • Carta aberta à Ordem dos Psicólogos Portugueses

  • i-album
    Fotografia

    Estados Unidos: e se Deus olhasse para baixo?

“Foram recebidos um total de 451 pessoas, respectivamente 293 homens e 58 mulheres. Também foram recebidos 10 animais de companhia de pessoas em situação de sem-abrigo, um serviço criado no Inverno passado. Foram servidas um total de 886 refeições, 670 refeições ligeiras e 683 bebidas como chá, café, leite, sumos e água. O dispositivo contou com quatro carrinhas para transporte de pessoas, com motorista e técnicos sociais das várias instituições parceiras da Câmara Municipal”, pode ler-se no comunicado.

Dá ainda conta de que, a partir do Pavilhão Casal Vistoso, houve 150 encaminhamentos para pernoita para cinco centros de acolhimento e um pavilhão. 32 pessoas foram também referenciadas e tratadas com problemas de saúde, sendo que três delas chegaram mesmo a ter encaminhamento hospitalar.

A Câmara comunica que “o dispositivo do Pavilhão do Casal Vistoso voltará a ser activado caso se voltem a verificar as temperaturas mínimas dos últimos dias” mas, por estes dias, será feito um “reforço das equipas técnicas de rua para a distribuição de agasalhos e bebidas quentes” sob monitorização da Protecção Civil.

Texto editado por Ana Fernandes

FONTE - Público

Ler 114 vezes