Social:
Era assim há 10 anos, quando o aborto foi legalizado em Portugal, e continua a ser: a Clínica dos Arcos é responsável por mais de um quarto das IVG feitas no país. Pode piorar, avisam os obstetras.
Hospitais privados, dentistas e Ordem dos Médicos dizem que novas tabelas são “incomportáveis” e equacionam deixar de trabalhar com a ADSE.
Se não forem aplicadas medidas de poupança e se não se abrir o sistema a mais beneficiários, a ADSE vai fechar este ano com um défice de 12,3 milhões de euros.
Não há uma receita para educar, mas há ajudas a que os pais podem recorrer. Da família à ajuda profissional. Tudo menos expor os filhos ao olhar público.
domingo, 21 janeiro 2018 06:47

Acto clínico e recato

Sociedade Portuguesa de Medicina da Reprodução chegou a consenso: só há fertilização recíproca se houver indicação clínica para as duas mulheres. Pedidos a centros públicos não chegam ao número de dedos de uma mão.
Pág. 1 de 704